{Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

{Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por 129-ExStaff em Sex 02 Jan 2015, 14:57


Burn, baby, burn!
BOOM!
Grupo 1: Socorristas


Uma coisa que deveria estar passando pela cabeça de algum meio-sangue mais avoado era "Por que sempre acham que alguma coisa vai ser normal nesse acampamento?" Contudo, esse semideus foi perdido em meio ao caos, pânico e desespero dos fogos de artifício que, bem, pegam fogo de verdade. Era impossível definir o que estava em pior estado: os feridos, o incêndio que se alastrava pelas árvores ou os os adolescentes em uma correria desordenada, a maioria, talvez ocupada demais em salvar a própria vida ou recuperar-se do susto. Contudo, como líder do chalé de Dionísio, Leonard sabia que precisava fazer alguma coisa. Quando olhou para o lado viu que o Curandeiro com quem dividia a tenda havia corrido para ajudar uma atingida pelos destroços. Ele teria ido atrás se não fosse por uma sensação estranha na boca do estômago: um foguete não havia sido explodido. E estava sendo apontado para o filho de Dionísio.

Ao mesmo tempo, William sobrevoava a área abatida, avaliando os danos. Havia sofrido alguns danos, e um zumbido chato permanecia em seu ouvido pela proximidade de uma das explosões. Mas pensando nisso, foi quando viu uma garotinha perdida, talvez de 12 ou 13 anos. Pensou em gritar para ela quando, de repente, houve uma nova explosão, no meio da praia, sem causar reais danos aos arredores. Quando areia levantada abaixou, tudo o que William viu foram poucos restos mortais espalhados a alguns metros do centro da catástrofe. Então... Minas? Tinham minas enterradas? Daquela vez, resolveu gritar o mais alto que conseguia: "CUIDADO, TEM MAIS BOMBAS!";

Elijah era um dos atrasados no evento. Ver tudo ocorrer na mesma hora em que chegara havia deixado o rapaz um pouco desnorteado. Mas ele chegara a tempo de ver a garota explodir e tirar a conclusão óbvia: haviam minas plantadas, o que dificultava muito seu trabalho em ajudar os inúmeros feridos — em sua maioria inconsciente — espalhados na areia da praia. Ainda tentou usar seus poderes de Feiticeiro, sentir qualquer coisa, mas não havia como. De alguma forma, as bombas eram encantadas para se camuflarem. No centro da praia ainda tinham pessoas desesperadas, ensaguentadas.

Objetivos

Leonard: Decida se vai ajudar o NPC Curandeiro a salvar a garota dos destroços ou se vai investigar sobre o foguete. Em qualquer um dos casos, ouça o grito do filho de Éolo e comece a se perguntar que mais bombas. Caso escolha investigar o foguete, haverá um fio muito fino ligando ele até onde a sua vista não alcança. Se resolver por ajudar a garota, lembre-se do aviso de William, mesmo que você não saiba que bombas são exatamente;
William: Faça algo a respeito das minas. Avise mais claramente, dê um jeito de tirar as pessoas da área  perigosa... Mas, lembre-se não dá para rastreá-las, assim como Elijah tentou. Você não sabe onde elas estão, muito menos a localização do controle delas. Há muitos feridos em pontos isolados, e você também vê o Curandeiro que estava com Leonard ajudar a garota soterrada. Escolha entre essas duas opções;
Elijah: Dê um jeito de contornar ou passar pelas minas, ajudando os feridos no caminho.

Status dos Players
Leonard: HP: 112/260 — MP: 78/260;
William: HP: 405/420 — MP: 400/420 {Ensurdecido};
Elijah: HP: 540/540 — MP: 540/540.

Descontos realizados por terem sido atingidos por algo ou estarem perto de alguma explosão.

Código:
Ensurdecidos: Estar perto da explosão deixou seus ouvidos zumbindo. Ainda que não tenham sofrido danos reais, perdem 20% do seu movimento e equilíbrio (refletindo na esquiva). Esse efeito passará em 2 turnos. Adicionalmente, estão sensíveis a poderes que utilizem sons altos, nesse caso sofrendo 20% a mais de dano caso sejam alvos. Este efeito passará um turno após o efeito anterior.

Regras e Observações

— Vocês têm 30 minutos para postar.
— Itens e poderes em spoiler, code, área reservada, etc., no final no post. No caso dos poderes, preferencialmente organizados por nível e tipo.
— Templates ou cores que dificultem a leitura são proibidos.
— A regras do evento podem ser conferidas aqui.
— Evento atemporal. -v-
— "May the odds be ever in your favor."

um evento primtástico




129-ExStaff
avatar
Ex StaffPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
146

Localização :
Mundo Inferior

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Cain Feather em Sex 02 Jan 2015, 15:23

Happy New Year
not that happy because it looks like a hurricane passed here

Elijah mal chegou e teve pouco tempo para assimilar todo o acontecido com o que tinha de fazer. Em pouco tempo, percebera que havia minas plantadas nos arredores da praia. Era impossível detectá-las, mas contava com o bom-senso de pisar nelas pra que fossem ativadas.

Sem muito pensar, o arcano pegou impulso e começou a correr. Por estar longe do evento, talvez não fosse pego em uma mina: e contou com isso. Mas, após o tempo necessário para ativar o poder, Elijah fez com que um círculo mágico aparecesse sob seus pés. No segundo seguinte, utilizou o poder para flutuar até o ferido mais próximo. Precisava ajudar antes de tentar apagar o fogo ou investigar o que havia acontecido, e não achava que suas habilidades seriam muito mais úteis em outro campo.

Ao mesmo tempo em que flutuava, ativou sua visão de delfos. Não queria ser atingido por uma surpresa, por mínima que fosse. E, se não estivesse enganado, tudo poderia acontecer rápido demais e sem nenhum precedentes. Também estava confuso, precisava de instruções. Logo após sair de toda aquela confusão, não hesitaria em procurar ajuda com um curandeiro. O que diabos havia causado aquilo?


Love ya':
Equipamento:
☼ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum] ~Na bainha da cintura~

— Relíquia Mágica [Colar simples e básico, podendo ser levado e escondido em qualquer lugar. Sua corrente é de prata negra, e cintila à noite. Seu pingente é em forma de pentagrama, feito de diamante. Duas vezes por missão e durante 2 rodadas, tendo no mínimo uma rodada de intervalo cria uma barreira mágica de cor roxa, esta cobre todo o feiticeiro. Protege contra ataques mágicos – principalmente - e ataques a longa distancia – lanças, bumerangues, correntes, flechas etc.; ataques diretos não são repelidos][Prata Negra; Diamante;] (Item de Feiticeiro) {Controle Mágico} [Presente de Reclamação por Circe] ~ No pescoço~
Poderes Utilizados:
Filho de Apolo e Feiticeiro de Circe

Ativos

Voar (Nível 5) - Ao correr um pouco sob céus pés irá aparecer um círculo mágico, este quando completo deverá dar um pequeno impulso e do círculo uma força irá fazer com que você levite por um curto período de tempo.

Passivos

Visão de Delfos (Nível 35) - Você não terá uma visão, e sim um pressentimento (como instinto) de ataques que estão por vir. Você terá facilidade em desviar de golpes e dificilmente será surpreendido por um golpe quando alcançar esse nível – mas dificilmente não significa sempre, o pressentimento nem sempre é tão claro.

Benção de Circe (Nível 1) -  Ao adentrar o grupo dos feiticeiros de Circe, seus olhos se tornam púrpuros por consequência de que a própria deusa lhe concede a capacidade de realizar magias. No entanto, seus olhos só serão de tal cor se for da sua vontade, ou caso haja uma presença mágica no local onde você se encontrar.

Beleza lasciva II (Nível 20) - A sua beleza nesse nível já está muito maior, e somada a aura de mistério que você exala, atrai o olhares de todos por onde passa. Não são tão belos quanto os filhos de Afrodite, mas são mais atraentes que estes por uma aura mágica influir diretamente no bom senso de qualquer outrem, afim de fazê-los se interessarem de forma irrefutável por você.

Aura do mistério (Nível 1) - Uma aura mágica influencia diretamente na personalidade fos feiticeiros ao adentrarem o grupo, tornando-os um atraente mistério a ser desvendado pelos demais semideuses.
Poder Especial:
Cicatriz de urso [Por ter sido atingido no rosto por uma patada feroz de um gurahl, o filho de Apolo recebeu uma cicatriz em seu olho direito. Sendo essa muito profunda, não pode ser removida através de cirurgias ou poderes de curandeiros, sendo que apenas um poder maior divino pode ser forte o suficiente para curá-lo. A ferida não prejudica a visão do garoto, mas por ser uma "deficiência visual", poderes de atração ou encantamento que possam ser originados pelo garoto possuem 25% menor eficácia. Apesar disso, a marca remete aos demais monstros que um semideus recebeu uma ferida tão profunda como aquela e sobreviveu, o que faz com que eles se amedrontem um pouco, de modo que monstro que possuam o nível igual ou menor que o semideus terão sua força reduzida em 15%, e caso sejam monstros humanoides, esse valor aumenta para 25%. Monstros mais fortes que o semideus não se amedrontam, pois sabem que o mesmo foi ferido por um monstro mais fraco que eles, e por sua vez acreditam que então conseguem matá-lo. [By Ares pela missão "O preço de uma ajudinha" att por Ares]
Cain Feather
Cain Feather
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
596

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Leonard Woodcliff em Sex 02 Jan 2015, 15:30


O último foguete

A pior parte de uma explosão é que ela abrange uma larga área, afetando mais de uma pessoa ao mesmo tempo e causando tanto uma baita queimadura nos afetados quanto um efeito colateral em seus movimentos. Você já tentou forçar algum membro quebrado ou torcido? A dor deve ser parecida.

Esse foi o pensamento que me veio à cabeça quando vi — e ouvi — a última explosão, dessa vez bem mais próxima e menos potente que o estouro dos foguetes. Eu não estava prestando atenção exatamente àquela situação em específico por estar mais focado no campo geral, portanto ela me pegou de surpresa. Quando a explosão se amenizou e a luminosidade diminuiu um pouco, cometi o erro de erguer a cabeça para dar uma olhada no resultado. Ninguém parecia ter se ferido — exceto, claro, pelo jovem que agora estava reduzido a nada mais do que restos mortais.

Um grito percorreu o ar acima de mim, algo como "CUIDADO, EXISTEM MAIS BOMBAS". Foi nesse momento que senti minha visão embaçar. Uma forte sensação de enjoo subiu por meu peito enquanto eu inclinava o tronco e despejava no chão todo o meu café da manhã e as bebidas que havia consumido na festa — agora na forma de uma lama de vômito. Passei a mão pelo peito, sentindo a região dolorida pelo golpe do destroço. Mas que merda, cara, pensei. Aquilo não precisava ter acontecido. Cuspi duas vezes para tirar o gosto horrível da boca e a limpei na manga da camisa. Eu não podia deixar mais gente morrer por causa disso. Não podia.

Voltei a erguer o corpo, soltando um longo suspiro para me acalmar, apesar de toda a situação ao redor. Olhei para o curandeiro ao meu lado, mas ele havia sumido. Localizei-o a poucos metros de sua antiga localização, auxiliando uma garota que havia sido atingida por um dos destroços da explosão — tal como eu, só que aparentemente em maior escala. Estava prestes a seguir em sua direção quando senti uma pontada de formigamento no estômago. Por um segundo pensei que era outro jato de vômito querendo sair de mim, mas a sensação se revelou diferente. Franzi o cenho, ciente de que algo estava errado, quando repentinamente um pensamento surgiu em minha cabeça. Eram doze fogos, mas só ouvi onze explosões. O que houve com o outro?

O cenho franzido foi rapidamente substituído por um par de sobrancelhas arregaladas. Ergui a cabeça na direção da praia, percorrendo os olhos por sua extensão até localizar o último foguete. Ele permanecia intacto, sem demonstrar sinais de estar funcionando. Desci os olhos para o chão, procurando algum sinal de bombas, mas a quantidade de gente correndo era tanta que eu não conseguia me concentrar. Dei uma olhada no curandeiro de antes. Ele sabe se cuidar. Vai atrás do foguete.

E assim o fiz. Segui reto, correndo a toda velocidade e pisando apenas onde os outros haviam pisado segundos atrás. Pelo menos assim era certeza de que eu não toparia com nenhuma das minas enterradas, certo? Ao chegar perto dele, comecei a analisar melhor sua estrutura. Em nada parecia diferente dos outros, exceto... um fio. Reparei nele por coincidência, porque era realmente muito fino e difícil de perceber. Segui sua extensão com os olhos até um lugar que eu não podia ver direito. Fiz a única coisa que meu cérebro podia pensar naquele momento: corri em sua direção.





Arsenal

— Faca inicial (no bolso)
Poderes

— Nenhum.





Observações:
Nope. 'u'


Feito por Ninha Fabbris

Leonard Woodcliff
Leonard Woodcliff
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
443

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Kaine Rembrandt em Sex 02 Jan 2015, 15:30


Firework
So let's set the world on fire

O ouvido do filho de Éolo zumbia, como se um inseto insistisse em voar próximo dele. Sua visão estava meio turva, fruto do ferimento, mas William ainda conseguia ver muito bem o que acontecia na praia. Seus olhos percorriam a praia, e quando viu uma garotinha, de no máximo 13 anos, andando pelas areias. Um grito já se formara na boca do curandeiro, todavia a única coisa que ele pôde fazer foi observar, enquanto uma nova explosão acontecia.

- CUIDADO, TEM MAIS BOMBAS! - Vociferou, esperando que as pessoas ali ouvissem seu aviso. - DEVE TER MINAS TERRESTRES POR TODO O LADO. - Sua garganta já doía depois de tanto esforço, mas ele esperava que aquilo fosse o suficiente.

Notou um semideus, que só podia ser um curandeiro pois usava o colar do grupo. Rapidamente desceu até ele, sem tocar os pés no chão, contudo. Notou que o outro seguidor de Asclépio tentava retirar uma menina debaixo de alguns destroços, e resolveu ajudar.

Concentrou-se no ar ao seu redor, com dificuldades, e mirou nos objetos que cobriam a menininha. Então disparou. Uma poderosa rajada de ventos fria voou contra os destroços, tentando lançá-los longe.


Armas, poderes e afins:

Passivos

Respiração – Sua respiração é perfeita por ser filho de Éolo, seu olfato é super avançado, podendo assim sentir odor e reconhecê-lo. Também consegue sentir o cheiro de longe, como por exemplo, você está em um determinado local da floresta e seu inimigo está do outro, você pode sentir o odor dele.

Voar – Agora você pode voar perfeitamente no ar, como se você tivesse nascido voando. Pode fazer acrobacias, voar rápido e sua agilidade ficam maiores quando está voando.

― Tranquilidade: Médicos necessitam, constantemente, de tranquilidade e calma para realizar uma operação; afinal, o que menos poderiam querer seria cometerem um erro por nervosismo. Lógico que isto passa a ser uma das habilidades dos curandeiros, podendo resistir a efeitos de medo, pânico e paranoia – a resistência é fraca, contudo, e só retira metade do efeito, por enquanto; arredondam-se valores “quebrados” para baixo.

{Olhar Clínico}
— Descrição: Há uma espécie de lenda urbana que diz “grandes médicos sabem o que o paciente sente apenas de olho”. Pois bem, isso se aplica aos aprendizes, mas de uma forma diferente: ao avistar alguém, consegue “ver” as informações de saúde deste indivíduo (por exemplo, possíveis fraturas, doenças, batimentos cardíacos, oxigenação, vida, energia e situações psicológicas e sociais). Estas informações aparecem em forma de dados e gráficos para o aprendiz, como na tela de um monitor de hospital.
— Restrições: Situações psicológicas e sociais só se aplicam a pessoas que deixarem o curandeiro ter esse conhecimento, o que resume a, normalmente, aliados.
— Informações Extras: Não há.

Ativos

Aerocinese Avançada – Agora você pode controlar gigantes correntes de ar, podendo ser extremamente frias capaz de congelar o inimigo ou extremamente quentes. Com a junção de duas correntes vindas de direções opostas, você pode criar tempestade e também pode criar tufões e furacões. (A intensidade e tamanho do furacão e da tempestade depende de seu nível) Nível 12

Armas e itens

— {Twister} / Chackran [Chackran de bronze sagrado, de formato circular e vazado no centro. A empunhadura é apenas levemente abaulada, não afetando a aerodinâmica, e exigindo atenção na hora do uso para quem não está acostumado. Decorado com arabescos, faz o leve som do vento ao ser lançado no ar. Transforma-se em um pequeno chaveiro com guizos no nível 20.]{Bronze sagrado} (Nível mínimo: 1)[Recebimento: Presente de Reclamação de Éolo] Transformado em guizos, no cinto

— {Breeze} / Broquel [Broquel pequeno e circular, de bronze sagrado mas em tons prateados. Leve, não interfere no uso das armas] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) [Recebimento: Presente de Reclamação de Éolo] Nuvem particular

— Amuleto de coruja [Um colar com uma pequena coruja prata; seus olhos são dourados. Ao contato do campista, transforma-se em uma miniatura do animal (cerca de 20 cm), com a qual o usuário pode comunicar-se mentalmente. Pode participar de batalhas. [Vida: 60/60]{Prata e ouro} (Nível mínimo: 5){Não controla elemento algum}[Presente by.: Tia Ath/Khris] Bolso

{Panic} / Espada [Mede cerca de 80 cm e sua lâmina 60 cm. Sua lâmina é feita em bronze sagrado. O cabo da arma é feito em um tipo de ouro negro, inexistente. Gera uma pequena quantia de pânico no inimigo. Vem junto de uma bainha de couro escuro. Caso o presente de reclamação das proles de Deimos sofram modificações, este item não sofrerá, visto que não pertence mais a um filho do deus do pânico.] {Ouro Negro e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Controle comportamental: pânico} [Recebimento: Comprado de Mirelle Fay] Na bainha

Colar do Serpentário / Colar (o formato e o estilo da confecção lembram uma serpente dourada; nunca pode ser perdido, vendido ou retirado a força, pois identifica os curandeiros e, portanto, não é considerado um item nas contagens para missões, eventos e tramas, embora ainda seja preciso citá-lo) (seu efeito principal é o de, quando retirado do pescoço, se transformar em um dos itens a seguir: uma réplica quase totalmente semelhante do Bordão de Asclépio (ou seja, uma espécime de bastão rústico e fino envolvido por uma serpente de escamas feitas de prata envenenada que podem ser tão afiadas quanto uma espada, possuindo o mesmo potencial de corte de uma arma laminada; ele se adapta completamente ao tamanho e porte físico do usuário). {Prata, madeira e veneno} (Nível mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento) [Presente de Curandeiro] Pescoço

{Boom} / Anel [Anel abençoado enfeitiçado, capaz de fazer armazenar energia do seus usuário em qualquer momento que ele queira, conseguindo ser recarregado com 25 MP por turno. Assim que estiver cheio (30% da MP total do usuário), poderá liberar todo o poder armazenado de uma vez. Triplicando a eficiência do primeiro poder ativo usado após a ativação. Só pode ser usado uma vez por missão/evento, sendo que também consome normalmente energia equivalente ao golpe ativo que for dado em combinação com o item.] {Prata e Ruby} (Nível Mínimo: 25) {Controle sobre Energia} [Recebimento: Recompensa da missão Mardy Bum por Ícaro Newerland Att por: Ares] Dedo mínimo direito.
Kaine Rembrandt
Kaine Rembrandt
Filhos de ÉoloAcampamento Meio-Sangue

Mensagens :
418

Localização :
Onde eu quiser

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por 129-ExStaff em Sex 02 Jan 2015, 16:13


Burn, baby, burn!
BOOM!
Grupo 1: Socorristas


Elijah começou a realizar os primeiros socorros em dos feridos quando um outro pensamento o atingiu: eles não poderiam ficar ali, expostos, mesmo os com ferimentos mais leves. Ainda havia a questão das minas, que ninguém sabia onde exatamente estavam plantadas, e sabe-se lá que perigo mais. Contudo, não havia onde colocá-los, exceto uma barraca que estava igualmente destruída em relação ao resto do cenário. No entanto, a mesma se encontrava distante demais, e o poder de vôo do semideus não ajudaria. O jeito? Achar onde colocá-los, num local o mais seguro na medida do possível. Contudo, haviam muitos desarcodados, outros ainda levantando. Enquanto pensava no que fazer, um semideus acordou de vez, gritando muito, olhando para o filho de Apolo como se ele fosse um monstro. O que diabos estava acontecendo?

Leonard havia agido por impulso e começava a se arrepender disso. O fio continuava se arrastando por uma distância que parecia ser infinita e o filho de Dionísio não sabia para onde estava indo. Quando acabou a correria, se viu perto de alguns onde a água batia, e ali haviam feridos também. Só que, diferente dos que estavam na praia, alguns pareciam semi-conscientes, o que já ajudava o filho do deus das festas em parte. Uma pequena lembrança lhe ocorreu: não tinha poderes curativos e muito menos materiais para primeiros socorros. Estava à mercê da sorte de algum deles ser Curandeiro ou filho de Apolo.

William tentava ajudar como podia, agitando seus ventos sob a garota, conseguindo remover uns poucos pedaços maiores de concreto e madeira. O Curandeiro que estava ali antes tentava tranquilizá-la, mas tudo o que podia ser ouvido, memso que distante, era o choro dela. O filho de Éolo exigia muito de si mesmo no estado que estava, e estaria prestes a exigir mais ainda: uma pilastra em chamas caiu sobre a garota presa. E não fora apenas isso: mais destroços pareciam cair, e um em específico colocou em chamas um fio preto que se o semideus não se engara, viu alguém correr naquela direção.

Objetivos

Leonard: Faça algo a respeito dos semideuses encontrados, e não se esqueça do fio. Você tem a opção de ajudá-los ou simplesmente dizer para aqueles que parecem menos "grogues" ajudarem uns aos outros, e voltar para sua busca por informações; ou pensar em como ajudá-los em prática;
William: Agora você tem duas escolhas mais sérias: ajudar Leonard, que havia ido investigar sobre o fio, e que agora corria perigo, ou continuar o que está fazendo;
Elijah: Escolha entre colocar os feridos em um local seguro ou verificar o semideus que acordou. No primeiro caso, ainda terá que tomar cuidado com as minas, uma vez que seu poder de feiticeiro só funciona pequenos espaços de tempo e a barraca se encontra relativamente distante da sua localização. No segundo caso, o meio-sangue começará a se arrastar para vegetação mais próxima, e você deverá narrar o que faz perante tal situação.

Status dos Players
Leonard: HP: 112/260 — MP: 78/260;
William: HP: 405/420 — MP: 376/420 {Ensurdecido};
Elijah: HP: 540/540 — MP: 530/540.

Código:
Ensurdecidos: Estar perto da explosão deixou seus ouvidos zumbindo. Ainda que não tenham sofrido danos reais, perdem 20% do seu movimento e equilíbrio (refletindo na esquiva). Esse efeito passará em 2 turnos. Adicionalmente, estão sensíveis a poderes que utilizem sons altos, nesse caso sofrendo 20% a mais de dano caso sejam alvos. Este efeito passará um turno após o efeito anterior.

Regras e Observações

— Vocês têm 30 minutos para postar.
— Itens e poderes em spoiler, code, área reservada, etc., no final no post. No caso dos poderes, preferencialmente organizados por nível e tipo.
— Templates ou cores que dificultem a leitura são proibidos.
— A regras do evento podem ser conferidas aqui.
— Evento atemporal. -v-
— "May the odds be ever in your favor."

um evento primtástico




129-ExStaff
avatar
Ex StaffPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
146

Localização :
Mundo Inferior

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Cain Feather em Sex 02 Jan 2015, 16:30

Happy New Year
not that happy because it looks like a hurricane passed here

Elijah viu a confusão toda e percebeu que haviam muitos feridos. A verdade era que ele não conseguiria ajudar todo mundo, e com certeza nem metade. Pousou ao lado de um ferido desacordado e usou a força para pegá-lo entre os braços, torcendo para que não tivesse ferido demais a ponto de morrer se Balthazar tocasse-o. Percebeu que ele tinha acordado, então tentou tranquilizá-lo: — Está tudo bem, vou te deixar em um lugar seguro.

E então, pensou numa solução para ajudar ainda mais. O arcano fechou os olhos e fez com que uma imagem de si mesmo se projetasse na mansão dos feiticeiros, na ilha de Circe, onde estavam seus cães infernais. Não precisou falar muita coisa: Apenas ordenou um "VENHAM PARA A PRAIA, RESGATEM OS FERIDOS!", e logo depois os mesmos utilizaram a viajem das sombras e apareceram na areia, longe da maioria dos feridos. Elijah comandou Fäe a ficar de olho nos arredores, para o caso de acontecer mais um acidente, e impedir se puder. E Balthier a transportar somente um ferido próximo usando viagem nas sombras, pois sabia que esse era o máximo que ele poderia fazer.

Nesse momento, Elijah jogou o seu paciente no ar. E, mentalmente, fez com que ele levitasse para um local longe da areia. Como que, querendo acabar com a balburdia, Balthazar gritou: — REÚNAM OS FERIDOS NA ORLA DA PRAIA, LÁ NÃO DEVEM HAVER MINAS! — E, seguido disso, o feiticeiro se concentrou. Seus olhos ficaram púrpuros, como que indicando sua natureza mágica. Ele ergueu os braços, tentando fazer com que - telecineticamente -, todos os destroços em cima de qualquer ferido fossem retirados de seus corpos, ao menos os mais próximos. Isso auxiliaria em muito o trabalho dos curandeiros, mas não sabia se tinha meios para desarmar as minas. Uma menina tinha morrido por causa delas, e ainda era possível ter mais alvos. Então, com esse pensamento em mente, ele novamente gritou: — FERIDOS, NÃO SE ARRISQUEM A SAIR DE ONDE ESTÃO!


Love ya':
Equipamento:
☼ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum] ~Na bainha da cintura~

— Relíquia Mágica [Colar simples e básico, podendo ser levado e escondido em qualquer lugar. Sua corrente é de prata negra, e cintila à noite. Seu pingente é em forma de pentagrama, feito de diamante. Duas vezes por missão e durante 2 rodadas, tendo no mínimo uma rodada de intervalo cria uma barreira mágica de cor roxa, esta cobre todo o feiticeiro. Protege contra ataques mágicos – principalmente - e ataques a longa distancia – lanças, bumerangues, correntes, flechas etc.; ataques diretos não são repelidos][Prata Negra; Diamante;] (Item de Feiticeiro) {Controle Mágico} [Presente de Reclamação por Circe] ~ No pescoço~
Poderes Utilizados:

Filho de Apolo e Feiticeiro de Circe

Ativos

Telecinese III (Nível 28) -  Nesse nível você pode erguer objetos e pessoas de enorme volume e peso sem grandes dificuldades, porém, não podes exagerar erguendo algo muito excedente. A velocidade é muito mais ligeira e certeira.[ New]

Passivos

Visão de Delfos (Nível 35) - Você não terá uma visão, e sim um pressentimento (como instinto) de ataques que estão por vir. Você terá facilidade em desviar de golpes e dificilmente será surpreendido por um golpe quando alcançar esse nível – mas dificilmente não significa sempre, o pressentimento nem sempre é tão claro.

Benção de Circe (Nível 1) -  Ao adentrar o grupo dos feiticeiros de Circe, seus olhos se tornam púrpuros por consequência de que a própria deusa lhe concede a capacidade de realizar magias. No entanto, seus olhos só serão de tal cor se for da sua vontade, ou caso haja uma presença mágica no local onde você se encontrar.

Maestria com a magia (Nível 1) - Por serem feiticeiros de Circe, vocês sofreram menos perda de MP do que o normal ao usarem algum poder. [ New]

Auxílio sombrio (Nível 2) - Na presença mínima de escuridão, você é capaz de receber ajuda dela, tendo um aumento considerável em sua força e em sua MP. Se a lua se fizer presente, sua precisão aumentará ainda mais, e seus ataques serão ainda mais poderosos, e acima de tudo certeiros, podendo ser barrados apenas por meio mágicos de proteção. [ New]

Projeção astral (Nível 14) -  Quando necessário que se comuniquem, os feiticeiros poderão projetar-se por meios de hologramas de si mesmos em qualquer parte do mundo e levar consigo quaisquer que sejam as informações, sendo capaz de reproduzir qualquer informação nessa forma. Não importando idioma, ou qualquer outro por menor. [New]
Poder Especial:
Cicatriz de urso [Por ter sido atingido no rosto por uma patada feroz de um gurahl, o filho de Apolo recebeu uma cicatriz em seu olho direito. Sendo essa muito profunda, não pode ser removida através de cirurgias ou poderes de curandeiros, sendo que apenas um poder maior divino pode ser forte o suficiente para curá-lo. A ferida não prejudica a visão do garoto, mas por ser uma "deficiência visual", poderes de atração ou encantamento que possam ser originados pelo garoto possuem 25% menor eficácia. Apesar disso, a marca remete aos demais monstros que um semideus recebeu uma ferida tão profunda como aquela e sobreviveu, o que faz com que eles se amedrontem um pouco, de modo que monstro que possuam o nível igual ou menor que o semideus terão sua força reduzida em 15%, e caso sejam monstros humanoides, esse valor aumenta para 25%. Monstros mais fortes que o semideus não se amedrontam, pois sabem que o mesmo foi ferido por um monstro mais fraco que eles, e por sua vez acreditam que então conseguem matá-lo. [By Ares pela missão "O preço de uma ajudinha" att por Ares]
Cain Feather
Cain Feather
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
596

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Leonard Woodcliff em Sex 02 Jan 2015, 16:32


O fio e os feridos

Soltei um palavrão quando avistei os feridos. O fio corria diretamente por eles e seguia reto, mas minha atenção estava focada diretamente nos campistas. Tem gente ferida por toda parte? De qualquer forma, me concentrei em lembrar dos ensinamentos de primeiros-socorros que Quíron constantemente passava para os monitores. Em caso de queimaduras, você primeiro precisa resfriar o local com água para não criar bolhas, mas para isso é preciso um pano. Tirar a camisa? Sem chances, preferia não correr o risco.

Puxei a faca de emergência do bolso e a desci com força na direção do fio de borracha. Sem parar para ver o resultado do golpe, passei a serrá-lo com a faca ao movimentá-la de um lado para o outro horizontalmente. Eu não me importava com o fio, na verdade, mas considerei bastante a escolha de inutilizá-lo. Fosse quem fosse que tivesse sabotado os foguetes, provavelmente se esquecera desse. Era melhor desativá-lo antes que fosse usado. Após alguns segundos, me levantei e segui na direção dos feridos.

— Algum de vocês é filho de Apolo ou sabe um pouco de primeiros-socorros? — perguntei a eles, me aproximando do que parecia estar em pior estado — Se sim, avise agora. É de extrema urgência.

Com a faca, cortei um pedaço da manga do garoto e molhei na água ao lado. Isso vai doer. Não é bom jogar sal nas feridas de alguém. Deixei o pensamento de lado, dando importância mais para as queimaduras do que para a dor que o campista sentiria, e pousei o tecido molhado em alguma região avermelhada de seu corpo.

— Aguente, está bem? Vai ser melhor para você. Melhor sentir um pouco de dor agora do que perder algum membro mais tarde por conta do ferimento.





Arsenal

— Faca inicial (no bolso).
Poderes

— Nenhum.





Observações:
Como você me falou (via chatbox) que o fio era de borracha, achei que seria bom cortá-lo. Não levei em conta o fogo que vinha seguindo por ele porque eu não vi o fio ser aceso, apenas usei a lógica e o bom-senso para tomar essa decisão.


Feito por Ninha Fabbris

Leonard Woodcliff
Leonard Woodcliff
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
443

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Kaine Rembrandt em Sex 02 Jan 2015, 16:35


Firework
So let's set the world on fire

À princípio a ideia de William parecia dar certo, já que alguns pedaços de concreto e madeira voaram para longe. Contudo não demorou muito para s situação voltar a piorar. Destroços voltaram a cair, alguns em chamas, e um deles acendeu um fio preto.

- Será que você não pode ajudar em nada? - gritou para o outro curandeiro, que até então se ocupava em apenas tentar tranquilizar a garota.

Mas Véroz não estava afim de esperar por ajuda, e usaria até sua última dose de energia se isso salvasse aquela criança. Sentiu as nuvens ficando mais pesadas no céu acima da praia, a água se condensando.

Se o poder funcionasse da forma que ele queria, uma chuva torrencial cairia sobre o lugar, tentando apagar o fogo que tanto atrapalhava a ação de resgate - assim como também do fio estranho. Tomara que as barreiras estejam abertas, pensou.

Armas, poderes e afins:

Passivos

Respiração – Sua respiração é perfeita por ser filho de Éolo, seu olfato é super avançado, podendo assim sentir odor e reconhecê-lo. Também consegue sentir o cheiro de longe, como por exemplo, você está em um determinado local da floresta e seu inimigo está do outro, você pode sentir o odor dele.

Voar – Agora você pode voar perfeitamente no ar, como se você tivesse nascido voando. Pode fazer acrobacias, voar rápido e sua agilidade ficam maiores quando está voando.

― Tranquilidade: Médicos necessitam, constantemente, de tranquilidade e calma para realizar uma operação; afinal, o que menos poderiam querer seria cometerem um erro por nervosismo. Lógico que isto passa a ser uma das habilidades dos curandeiros, podendo resistir a efeitos de medo, pânico e paranoia – a resistência é fraca, contudo, e só retira metade do efeito, por enquanto; arredondam-se valores “quebrados” para baixo.

{Olhar Clínico}
— Descrição: Há uma espécie de lenda urbana que diz “grandes médicos sabem o que o paciente sente apenas de olho”. Pois bem, isso se aplica aos aprendizes, mas de uma forma diferente: ao avistar alguém, consegue “ver” as informações de saúde deste indivíduo (por exemplo, possíveis fraturas, doenças, batimentos cardíacos, oxigenação, vida, energia e situações psicológicas e sociais). Estas informações aparecem em forma de dados e gráficos para o aprendiz, como na tela de um monitor de hospital.
— Restrições: Situações psicológicas e sociais só se aplicam a pessoas que deixarem o curandeiro ter esse conhecimento, o que resume a, normalmente, aliados.
— Informações Extras: Não há.

Ativos

Chuva – Agora você pode fazer as nuvens ficarem pesadas e controlar as mesmas para criar chuva. O terreno ficará escorregadio e você pode distrair seu inimigo por alguns minutos. Nível 6

Armas e itens

— {Twister} / Chackran [Chackran de bronze sagrado, de formato circular e vazado no centro. A empunhadura é apenas levemente abaulada, não afetando a aerodinâmica, e exigindo atenção na hora do uso para quem não está acostumado. Decorado com arabescos, faz o leve som do vento ao ser lançado no ar. Transforma-se em um pequeno chaveiro com guizos no nível 20.]{Bronze sagrado} (Nível mínimo: 1)[Recebimento: Presente de Reclamação de Éolo] Transformado em guizos, no cinto

— {Breeze} / Broquel [Broquel pequeno e circular, de bronze sagrado mas em tons prateados. Leve, não interfere no uso das armas] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) [Recebimento: Presente de Reclamação de Éolo] Nuvem particular

— Amuleto de coruja [Um colar com uma pequena coruja prata; seus olhos são dourados. Ao contato do campista, transforma-se em uma miniatura do animal (cerca de 20 cm), com a qual o usuário pode comunicar-se mentalmente. Pode participar de batalhas. [Vida: 60/60]{Prata e ouro} (Nível mínimo: 5){Não controla elemento algum}[Presente by.: Tia Ath/Khris] Bolso

{Panic} / Espada [Mede cerca de 80 cm e sua lâmina 60 cm. Sua lâmina é feita em bronze sagrado. O cabo da arma é feito em um tipo de ouro negro, inexistente. Gera uma pequena quantia de pânico no inimigo. Vem junto de uma bainha de couro escuro. Caso o presente de reclamação das proles de Deimos sofram modificações, este item não sofrerá, visto que não pertence mais a um filho do deus do pânico.] {Ouro Negro e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Controle comportamental: pânico} [Recebimento: Comprado de Mirelle Fay] Na bainha

Colar do Serpentário / Colar (o formato e o estilo da confecção lembram uma serpente dourada; nunca pode ser perdido, vendido ou retirado a força, pois identifica os curandeiros e, portanto, não é considerado um item nas contagens para missões, eventos e tramas, embora ainda seja preciso citá-lo) (seu efeito principal é o de, quando retirado do pescoço, se transformar em um dos itens a seguir: uma réplica quase totalmente semelhante do Bordão de Asclépio (ou seja, uma espécime de bastão rústico e fino envolvido por uma serpente de escamas feitas de prata envenenada que podem ser tão afiadas quanto uma espada, possuindo o mesmo potencial de corte de uma arma laminada; ele se adapta completamente ao tamanho e porte físico do usuário). {Prata, madeira e veneno} (Nível mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento) [Presente de Curandeiro] Pescoço

{Boom} / Anel [Anel abençoado enfeitiçado, capaz de fazer armazenar energia do seus usuário em qualquer momento que ele queira, conseguindo ser recarregado com 25 MP por turno. Assim que estiver cheio (30% da MP total do usuário), poderá liberar todo o poder armazenado de uma vez. Triplicando a eficiência do primeiro poder ativo usado após a ativação. Só pode ser usado uma vez por missão/evento, sendo que também consome normalmente energia equivalente ao golpe ativo que for dado em combinação com o item.] {Prata e Ruby} (Nível Mínimo: 25) {Controle sobre Energia} [Recebimento: Recompensa da missão Mardy Bum por Ícaro Newerland Att por: Ares] Dedo mínimo direito.
Kaine Rembrandt
Kaine Rembrandt
Filhos de ÉoloAcampamento Meio-Sangue

Mensagens :
418

Localização :
Onde eu quiser

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por 129-ExStaff em Sex 02 Jan 2015, 17:18


Burn, baby, burn!
BOOM!
Grupo 1: Socorristas


Quando um dos cães infernais de Elijah pisou na areia, uma outra mina explodiu. O animal saira vivo, mas o ferido que ele carregava não. Mais membros e restos de tripas queimados se faziam presentes no solo fofo da praia, desde vez mais próximo do filho de Apolo. O semideus engoliu em seco quando uma perna passou voando por sua cabeça. Contudo, a explosão daquela bomba havia acionado mais duas, que explodiram em sequência, desta vez mais perto das árvores. As explosões ocorreram bem mais próximas de Elijah, o que rendeu-lhe alguns ferimentos, mas nada extremamente grave. Ainda havia o garoto que acordara, e continuava a gritar mais e mais. O que ele estava fazendo ali, ao invés de fugir?

Leonard ouviu com desagrado o grito do garoto em quem estava fazendo o curativo. Em compensação, parecia que haviam dois gritos, um de lá mesmo, outro mais distante, como um eco. Continuando a dar atenção aos feridos, o filho de Dionísio percebeu que não havia adiantado tentar cortar o fio de borracha e que metade dele ainda estava conectada. Franziu a testa, se perguntando por que usar sua faca não havia funcionado. Foi quando um sonoro "CABUM!" foi captado por seus ouvidos, seguido de mais um barulho alto que, para Leonard, aparentava ser de algo desmoronando. No entanto, não teve tempo para agir: o foguete que ele havia visto parecia ter sido aceso, e explodiria a qualquer momento.

Os ventos de William causaram mais um pequeno deslizamento, ainda que a chuva que caía tivesse apagado focos de incêndio menores. Os maiores estavam mais isolados, controlados temporariamente pela água que capia dos céus. O Curandeiro finalmente tomara alguma atitude, revelando-se um filho de Herácles ao afastar, à força, alguns pedaços maiores de madeira e tirar a garota de baixo dos restos do palco onde uma prole de Apolo outrora estava animando a festa. Quando o filho de Éolo olhou para o lado, viu um foguete esquecido sendo acendido... Aquilo não terminaria bem, principalmente pelo grito que ouviu.

Objetivos

Leonard:O foguete está prestes a ser explodido na direção que você estava, o que faz ele estar na direção da floresta. Se lembrando de grupos que se dirigiram para lá, tente fazer algo para pará-lo, apagá-lo ou até mesmo destrui-lo;
William: Se o foguete restante explodir, ele irá na direção na floresta, o que resultará em, no mínimo, mais fogo e algumas árvores caídas. Você deve tentar pará-lo ou, ainda, pelo menos tirar as pessoas da sua tragetória e do caminho de possíveis novos destroços.
Elijah: O garoto continuará a gritar com muita força até você se aproximar dele. De repente, ele se levantará e tentará te atacar, mas ainda estará muito fraco. Depois ele fugirá para a floresta como louco. Você pode segui-lo, ou sair de onde está e ir atrás de Leonard ou ajudar William.

Status dos Players
Leonard: HP: 112/260 — MP: 78/260;
William: HP: 405/420 — MP: 364/420;
Elijah: HP: 540/540 — MP: 474/540.

Efeito de surdez passado.

Regras e Observações

— Vocês têm 30 minutos para postar.
— Itens e poderes em spoiler, code, área reservada, etc., no final no post. No caso dos poderes, preferencialmente organizados por nível e tipo.
— Templates ou cores que dificultem a leitura são proibidos.
— A regras do evento podem ser conferidas aqui.
— Evento atemporal. -v-
— "May the odds be ever in your favor."

um evento primtástico




129-ExStaff
avatar
Ex StaffPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
146

Localização :
Mundo Inferior

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Cain Feather em Sex 02 Jan 2015, 17:36

Happy New Year
not that happy because it looks like a hurricane passed here

A histeria já teria irritado Elijah o suficiente, mas isso piorou quando o ferido que o mesmo tentara salvar, se virara contra ele selvagemente. Não arriscaria recuar, visto que estava cercado por minas, mas também não deixaria ele se aproximar. Elijah viu que, cambaleante, ele não estava em condições de atacar. Sabendo disso, ele soltou um assobio agudo, como uma canção, que paralisaria com eficácia o desordeiro. — Não tenho tempo para isso.

E então, três clones dele mesmo materializaram-se na área que Elijah já tinha pisado antes, e mostrara-se segura. Eles possuíam vida independente, e iriam ajudar o máximo que poderiam. Foi quando um membro ensanguentado voou por ele, e uma explosão próxima alertou-o. Fora atingido por alguns escombros, e virou-se em direção à mina. Balthier estava ferido porque tinha tentado ajudar, e Balthazar sentiu-se culpado por isso. Fez com que o Clone I levitasse o cão em direção à areia, perto de Fäe, enquanto os outros dois clones se separaram.

Individualmente, o Clone II criou um círculo mágico sob os pés e voou em direção aos curandeiros (Will), onde buscava encontrar informação. E o outro fez o mesmo: Mas voou em direção à um foguete, mantendo uma distância segura, para no caso de explodir, utilizar um poder de proteção em quem estivesse por perto.

Love ya':
Equipamento:
☼ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum] ~Na bainha da cintura~

— Relíquia Mágica [Colar simples e básico, podendo ser levado e escondido em qualquer lugar. Sua corrente é de prata negra, e cintila à noite. Seu pingente é em forma de pentagrama, feito de diamante. Duas vezes por missão e durante 2 rodadas, tendo no mínimo uma rodada de intervalo cria uma barreira mágica de cor roxa, esta cobre todo o feiticeiro. Protege contra ataques mágicos – principalmente - e ataques a longa distancia – lanças, bumerangues, correntes, flechas etc.; ataques diretos não são repelidos][Prata Negra; Diamante;] (Item de Feiticeiro) {Controle Mágico} [Presente de Reclamação por Circe] ~ No pescoço~
Poderes Utilizados:
Filho de Apolo e Feiticeiro de Circe

Ativos

Canção da Paralisia (Nível 9) - Paralisa com eficácia os inimigos por uma rodada, desde que não tomem dano.

Clone tríplice (Nível 5) - Com essa habilidade poderá criar três clones a sua própria imagem e com metade de seus poderes, os clones irão surgir em três à suas costas. Duram 3 rodadas.

Telecinese III (Nível 28) -  Nesse nível você pode erguer objetos e pessoas de enorme volume e peso sem grandes dificuldades, porém, não podes exagerar erguendo algo muito excedente. A velocidade é muito mais ligeira e certeira. (Clone I)

Voar (Nível 5) - Ao correr um pouco sob céus pés irá aparecer um círculo mágico, este quando completo deverá dar um pequeno impulso e do círculo uma força irá fazer com que você levite por um curto período de tempo. (Clone II e III)

Passivos

Visão de Delfos (Nível 35) - Você não terá uma visão, e sim um pressentimento (como instinto) de ataques que estão por vir. Você terá facilidade em desviar de golpes e dificilmente será surpreendido por um golpe quando alcançar esse nível – mas dificilmente não significa sempre, o pressentimento nem sempre é tão claro.

Benção de Circe (Nível 1) -  Ao adentrar o grupo dos feiticeiros de Circe, seus olhos se tornam púrpuros por consequência de que a própria deusa lhe concede a capacidade de realizar magias. No entanto, seus olhos só serão de tal cor se for da sua vontade, ou caso haja uma presença mágica no local onde você se encontrar.

Maestria com a magia (Nível 1) - Por serem feiticeiros de Circe, vocês sofreram menos perda de MP do que o normal ao usarem algum poder. [ New]

Auxílio sombrio (Nível 2) - Na presença mínima de escuridão, você é capaz de receber ajuda dela, tendo um aumento considerável em sua força e em sua MP. Se a lua se fizer presente, sua precisão aumentará ainda mais, e seus ataques serão ainda mais poderosos, e acima de tudo certeiros, podendo ser barrados apenas por meio mágicos de proteção. [ New]
Poder Especial:
Cicatriz de urso [Por ter sido atingido no rosto por uma patada feroz de um gurahl, o filho de Apolo recebeu uma cicatriz em seu olho direito. Sendo essa muito profunda, não pode ser removida através de cirurgias ou poderes de curandeiros, sendo que apenas um poder maior divino pode ser forte o suficiente para curá-lo. A ferida não prejudica a visão do garoto, mas por ser uma "deficiência visual", poderes de atração ou encantamento que possam ser originados pelo garoto possuem 25% menor eficácia. Apesar disso, a marca remete aos demais monstros que um semideus recebeu uma ferida tão profunda como aquela e sobreviveu, o que faz com que eles se amedrontem um pouco, de modo que monstro que possuam o nível igual ou menor que o semideus terão sua força reduzida em 15%, e caso sejam monstros humanoides, esse valor aumenta para 25%. Monstros mais fortes que o semideus não se amedrontam, pois sabem que o mesmo foi ferido por um monstro mais fraco que eles, e por sua vez acreditam que então conseguem matá-lo. [By Ares pela missão "O preço de uma ajudinha" att por Ares]
Cain Feather
Cain Feather
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
596

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Leonard Woodcliff em Sex 02 Jan 2015, 17:40


A falha no plano

Desviei o rosto para o lado quando o ferido soltou um grito, tentando não demonstar o medo estampado em minha face. Eu precisava continuar forte ou acabaria só preocupando ainda mais o garoto. Levei a mão livre em forma de concha até a água e a enchi com um punhado do líquido salgado. Com um pouco de concentração, senti aquele pouco de água em minha mão mudar de cor até adquirir um tom arroxeado, finalmente se tornando vinho. Levei o líquido até a boca e o tomei em apenas um gole, sentindo o corpo imediatamente ganhar vigor e se fortalecer.

Eu estava prestes a voltar minha atenção para o garoto ao meu lado quando, por impulso, girei a cabeça para encarar o fio. Franzi o cenho ao notar que ele não estava inteiramente cortado, apenas pela metade, mesmo após todos os meus esforços em tentar serrá-lo. Por que ele não havia se partido?

A pergunta morreu em minha cabeça quando ouvi um forte som vindo de vários metros à minha esquerda. Quando olhei naquela direção, não pude conter um palavrão. O foguete estava novamente aceso, e o fio que seguia até ele estava levemente enegrecido. Filho da mãe. Se o foguete estava aceso, quer dizer que o sabotador estava próximo. Eu teria que lidar com ele depois.

— Segure isso com firmeza nas suas queimaduras, ok? — falei para o ferido que eu ajudava, segundos após molhar o pano e entregar em suas mãos. Em seguida, ergui a voz para os demais — A todos que puderem se mexer, façam o mesmo. Rasguem ou cortem algum pedaço da sua roupa, molhem na água e pressionem em suas queimaduras. Vai doer, mas se não fizerem isso vocês podem perder o movimento de alguma parte do corpo no futuro.

Me levantei, ciente de que nem todos poderiam cumprir conforme o ordenado. Pensando nisso, um semblante triste surgiu involuntariamente em meu rosto. Agarrei o fio e, com um puxão, tentei partir o pequeno trecho cerrado por mim anteriormente. Em seguida, o segurei com ambas as mãos e dei outro forte puxão, tentando ao menos desviar o curso do foguete lá na frente ou derrubá-lo — qualquer uma das opções parecia ser melhor do que deixá-lo incendiar toda a floresta.





Arsenal

— Faca inicial (no bolso).
Poderes

— Transmutar I [ativo, nível 3]: Transforma um cantil de água (um litro no máximo) na mesma quantidade de suco de uva ou vinho. Apenas um litro por combate.

— Vigor alcoólico [passivo, nível 3]: Quando o filho de Dioniso beber vinho, suco de uva ou até comer a própria fruta, ele se sentirá mais disposto, mais ágil e mais forte. Sua vida (HP) e energia (MP) serão recuperadas em vinte. Não há um aumento real de poder nem alteração de habilidades, apenas a sensação de saciedade e bem estar. (Uma vez por missão)





Observações:
O poder ativo é de baixo nível se comparado ao meu e não é tão desgastante, então não creio que haverá um gasto de MP tão alto. Além disso, por eu ter tomado o vinho, ganhei 20 HP/MP graças ao poder passivo especificado acima. Apesar da água ser salgada, ela perdeu todas as suas propriedades ao se transformar em vinho, então é pouquíssimo provável que haja risco de me fazer mal. ;u;


Feito por Ninha Fabbris

Leonard Woodcliff
Leonard Woodcliff
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
443

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Kaine Rembrandt em Sex 02 Jan 2015, 17:44


Firework
So let's set the world on fire

Uau, pensou o curandeiro quando viu o semideus levantar boa parte dos escombros e retirar a garotinha a salvo. William já começava a se animar quando dois acontecimentos chamaram sua atenção. Se de um lado um foguete esquecido estava sendo aceso; do outro um grito estranho e forte ecoou por toda a praia.

Véroz ponderou alguns segundos sobre o que deveria fazer, mas logo decidiu agir sobre o projétil. Sua energia já não estava mais tão alta assim, mas ele parecia nem se importar com aquilo. Contudo, o curandeiro sabia que seira muito difícil parar o foguete, por isso focou sua atenção noa que estavam na provável trajetória do explosivo.

- Vocês... - gritou para um bando semideuses que estavam na praia - saíam dai rápido. - Apontou para o projétil, esperando que eles entendessem o recado. - Mas cuidado onde pisam!  

A chuva ainda caía sobre boa parte do lugar, e só então o monitor percebeu que seu poder apagara alguns focos de incêndio. Naqueles momento de tensão ele mal notara Boom recolhendo ainda mais energia, esperando ser acionado para liberar tudo de uma vez.

Armas, poderes e afins:

Passivos

Respiração – Sua respiração é perfeita por ser filho de Éolo, seu olfato é super avançado, podendo assim sentir odor e reconhecê-lo. Também consegue sentir o cheiro de longe, como por exemplo, você está em um determinado local da floresta e seu inimigo está do outro, você pode sentir o odor dele.

Voar – Agora você pode voar perfeitamente no ar, como se você tivesse nascido voando. Pode fazer acrobacias, voar rápido e sua agilidade ficam maiores quando está voando.

― Tranquilidade: Médicos necessitam, constantemente, de tranquilidade e calma para realizar uma operação; afinal, o que menos poderiam querer seria cometerem um erro por nervosismo. Lógico que isto passa a ser uma das habilidades dos curandeiros, podendo resistir a efeitos de medo, pânico e paranoia – a resistência é fraca, contudo, e só retira metade do efeito, por enquanto; arredondam-se valores “quebrados” para baixo.

{Olhar Clínico}
— Descrição: Há uma espécie de lenda urbana que diz “grandes médicos sabem o que o paciente sente apenas de olho”. Pois bem, isso se aplica aos aprendizes, mas de uma forma diferente: ao avistar alguém, consegue “ver” as informações de saúde deste indivíduo (por exemplo, possíveis fraturas, doenças, batimentos cardíacos, oxigenação, vida, energia e situações psicológicas e sociais). Estas informações aparecem em forma de dados e gráficos para o aprendiz, como na tela de um monitor de hospital.
— Restrições: Situações psicológicas e sociais só se aplicam a pessoas que deixarem o curandeiro ter esse conhecimento, o que resume a, normalmente, aliados.
— Informações Extras: Não há.

Ativos

Chuva – Agora você pode fazer as nuvens ficarem pesadas e controlar as mesmas para criar chuva. O terreno ficará escorregadio e você pode distrair seu inimigo por alguns minutos. Nível 6

Armas e itens

— {Twister} / Chackran [Chackran de bronze sagrado, de formato circular e vazado no centro. A empunhadura é apenas levemente abaulada, não afetando a aerodinâmica, e exigindo atenção na hora do uso para quem não está acostumado. Decorado com arabescos, faz o leve som do vento ao ser lançado no ar. Transforma-se em um pequeno chaveiro com guizos no nível 20.]{Bronze sagrado} (Nível mínimo: 1)[Recebimento: Presente de Reclamação de Éolo] Transformado em guizos, no cinto

— {Breeze} / Broquel [Broquel pequeno e circular, de bronze sagrado mas em tons prateados. Leve, não interfere no uso das armas] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) [Recebimento: Presente de Reclamação de Éolo] Nuvem particular

— Amuleto de coruja [Um colar com uma pequena coruja prata; seus olhos são dourados. Ao contato do campista, transforma-se em uma miniatura do animal (cerca de 20 cm), com a qual o usuário pode comunicar-se mentalmente. Pode participar de batalhas. [Vida: 60/60]{Prata e ouro} (Nível mínimo: 5){Não controla elemento algum}[Presente by.: Tia Ath/Khris] Bolso

{Panic} / Espada [Mede cerca de 80 cm e sua lâmina 60 cm. Sua lâmina é feita em bronze sagrado. O cabo da arma é feito em um tipo de ouro negro, inexistente. Gera uma pequena quantia de pânico no inimigo. Vem junto de uma bainha de couro escuro. Caso o presente de reclamação das proles de Deimos sofram modificações, este item não sofrerá, visto que não pertence mais a um filho do deus do pânico.] {Ouro Negro e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Controle comportamental: pânico} [Recebimento: Comprado de Mirelle Fay] Na bainha

Colar do Serpentário / Colar (o formato e o estilo da confecção lembram uma serpente dourada; nunca pode ser perdido, vendido ou retirado a força, pois identifica os curandeiros e, portanto, não é considerado um item nas contagens para missões, eventos e tramas, embora ainda seja preciso citá-lo) (seu efeito principal é o de, quando retirado do pescoço, se transformar em um dos itens a seguir: uma réplica quase totalmente semelhante do Bordão de Asclépio (ou seja, uma espécime de bastão rústico e fino envolvido por uma serpente de escamas feitas de prata envenenada que podem ser tão afiadas quanto uma espada, possuindo o mesmo potencial de corte de uma arma laminada; ele se adapta completamente ao tamanho e porte físico do usuário). {Prata, madeira e veneno} (Nível mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento) [Presente de Curandeiro] Pescoço

{Boom} / Anel [Anel abençoado enfeitiçado, capaz de fazer armazenar energia do seus usuário em qualquer momento que ele queira, conseguindo ser recarregado com 25 MP por turno. Assim que estiver cheio (30% da MP total do usuário), poderá liberar todo o poder armazenado de uma vez. Triplicando a eficiência do primeiro poder ativo usado após a ativação. Só pode ser usado uma vez por missão/evento, sendo que também consome normalmente energia equivalente ao golpe ativo que for dado em combinação com o item.] {Prata e Ruby} (Nível Mínimo: 25) {Controle sobre Energia} [Recebimento: Recompensa da missão Mardy Bum por Ícaro Newerland Att por: Ares] Dedo mínimo direito.
Kaine Rembrandt
Kaine Rembrandt
Filhos de ÉoloAcampamento Meio-Sangue

Mensagens :
418

Localização :
Onde eu quiser

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por 129-ExStaff em Sex 02 Jan 2015, 18:20


Burn, baby, burn!
BOOM!
Grupo 1: Socorristas


O estranho paralisado por Elijah estava na beira da floresta, onde areia encontra terra, quando sentiu o poder do filho de Apolo paralisá-lo. Em compensação, mais pessoas começaram a gemer, acordando, e o semideus não poderia mais usar seus cães infernais para ajudá-las, caso não quisesse vê-los mortos. Foi quando ele voltou ao seu imapsse original: como apssar pelas minas? Não adiantaria voar por muito tempo, haviam pessoas demais e ele não sabia se minas estavam plantadas perto delas. Se desse um apsso em falso... Sua atenção foi desviada para uma espécie de caixinha de metal caída onde o meio-sangue que tentava atacá-lo estivera. O que era aquilo?

Quando Leonard puxou o fio, a rota do foguete havia sido mudada em alguns centímetros, inclinando-se para cima. Mas... Agora, estava diretamente apontada para as árvores — a capo delas, em específico. O dano seria reduzido em possíveis mortes por dano imediato, mas e as folhas que pegassem fogo? Enquanto isso, os incêndios maiores que haviam sido momentaneamente controlados, voltavam a se espalhar, e um estava extremamente perto do filho de Leonard. Se avançasse mais um pouco, não haveria como desviar, e as queimaduras seriam certas.

Os esforços de William em tirar os semideuses restantes da rota do foguete haviam sido eficazes, ainda que algumas poucas pessoas tivessem demorado em ouvir suas ordens. Contudo, parecia que eles não tinham ouvido o aviso para "tomar cuidado onde pisassem", e foi quando mais uma mina explodiu, desta vez destruindo consigo um casal de meios-sangues. Um rapaz chegara voando até si, perguntando o que ocorreu, mas não houve tempo para responder: o foguete passou zunindo pela copa das árvores e explodiu em fogos, ainda que tivesse ocorrido o esperado na copa das árvores, mas em menor escala do que pensaram.

Objetivos

Leonard: Agora, dê um jeito de escapar do incêndio que se aproxima de você e, consequentemente, dos feridos achados;
William: Responda ao clone de Elijah, resumindo as informações até agora, logo depois do foguete explodir. Vá para o centro da praia e chame Leonard para se juntar a você;
Elijah: Descubra o que a 'pequena caixa de metal' faz e ajude mais quantos feridos puder.

Status dos Players
Leonard: HP: 132/260 — MP: 98/260;
William: HP: 405/420 — MP: 342/420;
Elijah: HP: 540/540 — MP: 427/540.

Regras e Observações

— Vocês têm 30 minutos para postar.
— Itens e poderes em spoiler, code, área reservada, etc., no final no post. No caso dos poderes, preferencialmente organizados por nível e tipo.
— Templates ou cores que dificultem a leitura são proibidos.
— A regras do evento podem ser conferidas aqui.
— Evento atemporal. -v-
— "May the odds be ever in your favor."

um evento primtástico




129-ExStaff
avatar
Ex StaffPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
146

Localização :
Mundo Inferior

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Leonard Woodcliff em Sex 02 Jan 2015, 18:39


O incêndio e a fuga

Pude ver o foguete sendo rotacionado um pouco para cima, mirando o céu logo acima da floresta. Hesitante, me afastei do fio e segui para o meio dos campistas feridos, avaliando a situação deles. Não pude, porém, me concentrar neles por muito tempo: pelo canto do olho pude notar uma luminosidade crescente, e quando virei o rosto naquela direção notei um incêndio se aproximando. Eu não pensava que ainda havia chamas por esta região, mas pelo visto me enganara. Tudo o que eu pude fazer foi pensar nos feridos.

— INCÊNDIO! — berrei para eles, agarrando um campista deitado por baixo dos ombros — TODOS PRA ÁGUA! TEM UM INCÊNDIO ENORME SE APROXIMANDO!

Enquanto gritava, comecei a andar para trás ainda conectado pelos braços ao campista, o levando comigo. Só fui parar de andar quando ele estava seguro na beira da água, deitado, ainda na parte rasa e longe o suficiente da parte funda para evitar preocupações.

— QUEM PUDER SE MEXER, FAZ O QUE EU DIGO! EU SEI O QUE ESTOU FALANDO, APENAS OBEDEÇAM E VENHAM PRA ÁGUA!

O incêndio estava próximo demais. Eu não ia conseguir salvar todos a tempo, e também precisava dar um jeito de, se possível, apagá-lo. Girei o corpo e segui para longe das chamas, correndo pela água sem me importar com os chinelos afundando vez ou outra na areia molhada, me afastando cada vez mais do grupo de campistas feridos e do incêndio. Eu podia apagar o fogo. Sei que sim. Só precisava saber como.





Arsenal

— Faca inicial (no bolso).
Poderes

— Nenhum.





Observações:
Não sei se ficou muito claro, mas eu segui a borda da praia pela água (correndo pela parte rasa), então as chances de ser pego pelo fogo são bem baixas.


Feito por Ninha Fabbris

Leonard Woodcliff
Leonard Woodcliff
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
443

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Kaine Rembrandt em Sex 02 Jan 2015, 18:42


Firework
So let's set the world on fire


Sentiu as movimentações das correntes de ar quando o foguete passou zunindo por ali, explodindo na copa das árvores. Outra coisa que chamara sua atenção foram os semideuses descuidados - que não prestaram atenção em seu último aviso -, explodindo algumas minas terrestres, voando pelos ares com seus corpos em pedaços.

Viu o rapaz voando perto de si, mas antes de responder seu olhar clínico o alertou sobre algo: aquilo era um clone. Entendeu quase de imediato que a cópia não estava em busca apenas de informações, e sim que necessitava de energia para seu original. Sua bolsa de componentes mágicos surgiu com um pensamento do curandeiro, e logo William retirou todos os ingredientes que necessitaria, começando a preparar a poção em seguida.

Graças a experiência que Véroz tinha, bastou alguns poucos segundos para que um copo cheio por um líquido arroxeado brilhante se fizesse presente. Entregou o item para o clone, e voltou sua atenção para a praia. A chuva invocada pelo filho de Éolo parecia reduzir, e os incêndio diminuídos pela água voltaram a tona, com força total.

O curandeiro voou mais para o centro da praia, de onde podia ver melhor o que acontecia. Seus olhos varreram todo o lugar, mas uma situação em especial chamou sua atenção: um meio-sangue quase sendo queimado pelo incêndio. William concentrou-se no ar em torno do semideus, e tentou fazer com que ele levitasse até próximo de si, sem a precisar se preocupar em onde pisava.

- Sugiro que não resista. - gritou, alto o suficiente apenas para que o rapaz o ouvisse.

Armas, poderes e afins:

Passivos

Respiração – Sua respiração é perfeita por ser filho de Éolo, seu olfato é super avançado, podendo assim sentir odor e reconhecê-lo. Também consegue sentir o cheiro de longe, como por exemplo, você está em um determinado local da floresta e seu inimigo está do outro, você pode sentir o odor dele.

Voar – Agora você pode voar perfeitamente no ar, como se você tivesse nascido voando. Pode fazer acrobacias, voar rápido e sua agilidade ficam maiores quando está voando.

― Tranquilidade: Médicos necessitam, constantemente, de tranquilidade e calma para realizar uma operação; afinal, o que menos poderiam querer seria cometerem um erro por nervosismo. Lógico que isto passa a ser uma das habilidades dos curandeiros, podendo resistir a efeitos de medo, pânico e paranoia – a resistência é fraca, contudo, e só retira metade do efeito, por enquanto; arredondam-se valores “quebrados” para baixo.

{Olhar Clínico}
— Descrição: Há uma espécie de lenda urbana que diz “grandes médicos sabem o que o paciente sente apenas de olho”. Pois bem, isso se aplica aos aprendizes, mas de uma forma diferente: ao avistar alguém, consegue “ver” as informações de saúde deste indivíduo (por exemplo, possíveis fraturas, doenças, batimentos cardíacos, oxigenação, vida, energia e situações psicológicas e sociais). Estas informações aparecem em forma de dados e gráficos para o aprendiz, como na tela de um monitor de hospital.
— Restrições: Situações psicológicas e sociais só se aplicam a pessoas que deixarem o curandeiro ter esse conhecimento, o que resume a, normalmente, aliados.
— Informações Extras: Não há.

Voar em Bando – Agora como pássaros, você pode fazer seus aliados voarem. Sua energia gasta é um pouco alta.

Ativos

Chuva – Agora você pode fazer as nuvens ficarem pesadas e controlar as mesmas para criar chuva. O terreno ficará escorregadio e você pode distrair seu inimigo por alguns minutos. Nível 6

Armas e itens

— {Twister} / Chackran [Chackran de bronze sagrado, de formato circular e vazado no centro. A empunhadura é apenas levemente abaulada, não afetando a aerodinâmica, e exigindo atenção na hora do uso para quem não está acostumado. Decorado com arabescos, faz o leve som do vento ao ser lançado no ar. Transforma-se em um pequeno chaveiro com guizos no nível 20.]{Bronze sagrado} (Nível mínimo: 1)[Recebimento: Presente de Reclamação de Éolo] Transformado em guizos, no cinto

— {Breeze} / Broquel [Broquel pequeno e circular, de bronze sagrado mas em tons prateados. Leve, não interfere no uso das armas] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) [Recebimento: Presente de Reclamação de Éolo] Nuvem particular

— Amuleto de coruja [Um colar com uma pequena coruja prata; seus olhos são dourados. Ao contato do campista, transforma-se em uma miniatura do animal (cerca de 20 cm), com a qual o usuário pode comunicar-se mentalmente. Pode participar de batalhas. [Vida: 60/60]{Prata e ouro} (Nível mínimo: 5){Não controla elemento algum}[Presente by.: Tia Ath/Khris] Bolso

{Panic} / Espada [Mede cerca de 80 cm e sua lâmina 60 cm. Sua lâmina é feita em bronze sagrado. O cabo da arma é feito em um tipo de ouro negro, inexistente. Gera uma pequena quantia de pânico no inimigo. Vem junto de uma bainha de couro escuro. Caso o presente de reclamação das proles de Deimos sofram modificações, este item não sofrerá, visto que não pertence mais a um filho do deus do pânico.] {Ouro Negro e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Controle comportamental: pânico} [Recebimento: Comprado de Mirelle Fay] Na bainha

Colar do Serpentário / Colar (o formato e o estilo da confecção lembram uma serpente dourada; nunca pode ser perdido, vendido ou retirado a força, pois identifica os curandeiros e, portanto, não é considerado um item nas contagens para missões, eventos e tramas, embora ainda seja preciso citá-lo) (seu efeito principal é o de, quando retirado do pescoço, se transformar em um dos itens a seguir: uma réplica quase totalmente semelhante do Bordão de Asclépio (ou seja, uma espécime de bastão rústico e fino envolvido por uma serpente de escamas feitas de prata envenenada que podem ser tão afiadas quanto uma espada, possuindo o mesmo potencial de corte de uma arma laminada; ele se adapta completamente ao tamanho e porte físico do usuário). {Prata, madeira e veneno} (Nível mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento) [Presente de Curandeiro] Pescoço

— Bolsa de Componentes Mágicos / Bolsa (Nela são guardados desde objetos para preparo de poções até bisturis e utensílios médicos [ela possui espaço infinito para tais coisas e somente para tais coisas; também aparece e desaparece, dependendo exclusivamente da necessidade do semideus]) {Couro} (Nívem mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento)[Presente de Curandeiro] Aparece se necessária

{Boom} / Anel [Anel abençoado enfeitiçado, capaz de fazer armazenar energia do seus usuário em qualquer momento que ele queira, conseguindo ser recarregado com 25 MP por turno. Assim que estiver cheio (30% da MP total do usuário), poderá liberar todo o poder armazenado de uma vez. Triplicando a eficiência do primeiro poder ativo usado após a ativação. Só pode ser usado uma vez por missão/evento, sendo que também consome normalmente energia equivalente ao golpe ativo que for dado em combinação com o item.] {Prata e Ruby} (Nível Mínimo: 25) {Controle sobre Energia} [Recebimento: Recompensa da missão Mardy Bum por Ícaro Newerland Att por: Ares] Dedo mínimo direito.

Poção criada

Poção Energética Média: Ao ser produzida da forma apropriada, a poção adquirirá uma tonalidade arroxeada, levemente brilhante e um gosto frutífero de refrescante e adocicado; também como a poção vitalícia média, esta só pode ser criada por aqueles curandeiros que decidiram tornar-se Alquimistas. Por questões de segurança, ela só pode ser ingerida uma vez por turno.
Kaine Rembrandt
Kaine Rembrandt
Filhos de ÉoloAcampamento Meio-Sangue

Mensagens :
418

Localização :
Onde eu quiser

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Cain Feather em Sex 02 Jan 2015, 18:44

Happy New Year
not that happy because it looks like a hurricane passed here

Elijah viu quando uma pequena caixa de metal caiu de onde o semideus estava. Ele rapidamente concluiu: Esse é o sabotador. Ele tinha atacado Balthazar, e parecia estar fugindo agora. O que mais poderia ser? Um idiota qualquer? Improvável.

Mas não era capaz de provar, ainda. Iria descobrir o que tinha naquilo: Mas, antes disso, deu um comando simples à Fäe, ainda intacto, para que se teletransportasse em frente ao semideus paralisado e o acuasse, trincando as presas. Ele não iria fugir até que o arcano obtivesse respostas, e ele mesmo estava ocupado demais para se preocupar em ir atrás dele. O cão infernal teria esse trabalho: E o clone ao seu lado protegeria Fäe, se algo desse errado.

Então, o filho de Apolo movimentou a mão e fez com que a caixinha flutuasse até longe dele e dos feridos. Se fosse uma bomba, não arriscaria ativá-la ali. Então, com um gesto, abriu-a. De longe, deveria ser impossível ver o que havia dentro. Mas, se estivesse certo, explodiria em alguns segundos.

Então, o Clone III, onde estava os curandeiros e Will, utilizou a telecinese para fazer com que mais semideuses fossem salvos, levitando-os poucos metros acima do chão para que não fossem pegos nas minas terrestres. Ele não era forte o suficiente para fazer muito mais do que aquilo, mas contava com outros semideuses para ajudá-lo. O Clone II aguardou o foguete, que na verdade fora redirecionado e acabara por atingir a floresta, sem poder exercer qualquer defesa no acampamento. Pousou então ao lado de um garoto (Leonard), vendo o incêndio se alastrar. Com um suspiro, ele moveu as mãos, e fez com que pouco da água das margens invadissem aquela parte da praia, tentando ao menos evitar queimaduras e mais feridos. — Uδρόβια!


Love ya':
Equipamento:
☼ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum] ~Na bainha da cintura~

— Relíquia Mágica [Colar simples e básico, podendo ser levado e escondido em qualquer lugar. Sua corrente é de prata negra, e cintila à noite. Seu pingente é em forma de pentagrama, feito de diamante. Duas vezes por missão e durante 2 rodadas, tendo no mínimo uma rodada de intervalo cria uma barreira mágica de cor roxa, esta cobre todo o feiticeiro. Protege contra ataques mágicos – principalmente - e ataques a longa distancia – lanças, bumerangues, correntes, flechas etc.; ataques diretos não são repelidos][Prata Negra; Diamante;] (Item de Feiticeiro) {Controle Mágico} [Presente de Reclamação por Circe] ~ No pescoço~
Poderes Utilizados:
Filho de Apolo e Feiticeiro de Circe

Ativos

Telecinese I (Nível 1) - Como seu corpo está infestado interiormente com magia, o seu personagem consegue levitar objetos mais leves e pequenos, podendo atirá-los sem muita destreza contra quem você quiser.

Telecinese III (Nível 28) -  Nesse nível você pode erguer objetos e pessoas de enorme volume e peso sem grandes dificuldades, porém, não podes exagerar erguendo algo muito excedente. A velocidade é muito mais ligeira e certeira. (Clone II)

Voar (Nível 5) - Ao correr um pouco sob céus pés irá aparecer um círculo mágico, este quando completo deverá dar um pequeno impulso e do círculo uma força irá fazer com que você levite por um curto período de tempo. (Clone II)

Magia da Água (Nível 15) - Se tiver água por perto, você pode exercer um pequeno controle sobre ela conjurando-a em grego: υδρόβια. Nada comparado com um filho de Poseidon. (Clone III)

Passivos

Visão de Delfos (Nível 35) - Você não terá uma visão, e sim um pressentimento (como instinto) de ataques que estão por vir. Você terá facilidade em desviar de golpes e dificilmente será surpreendido por um golpe quando alcançar esse nível – mas dificilmente não significa sempre, o pressentimento nem sempre é tão claro.

Benção de Circe (Nível 1) -  Ao adentrar o grupo dos feiticeiros de Circe, seus olhos se tornam púrpuros por consequência de que a própria deusa lhe concede a capacidade de realizar magias. No entanto, seus olhos só serão de tal cor se for da sua vontade, ou caso haja uma presença mágica no local onde você se encontrar.

Maestria com a magia (Nível 1) - Por serem feiticeiros de Circe, vocês sofreram menos perda de MP do que o normal ao usarem algum poder. [New]

Auxílio sombrio (Nível 2) - Na presença mínima de escuridão, você é capaz de receber ajuda dela, tendo um aumento considerável em sua força e em sua MP. Se a lua se fizer presente, sua precisão aumentará ainda mais, e seus ataques serão ainda mais poderosos, e acima de tudo certeiros, podendo ser barrados apenas por meio mágicos de proteção. [New]
Poder Especial:
Cicatriz de urso [Por ter sido atingido no rosto por uma patada feroz de um gurahl, o filho de Apolo recebeu uma cicatriz em seu olho direito. Sendo essa muito profunda, não pode ser removida através de cirurgias ou poderes de curandeiros, sendo que apenas um poder maior divino pode ser forte o suficiente para curá-lo. A ferida não prejudica a visão do garoto, mas por ser uma "deficiência visual", poderes de atração ou encantamento que possam ser originados pelo garoto possuem 25% menor eficácia. Apesar disso, a marca remete aos demais monstros que um semideus recebeu uma ferida tão profunda como aquela e sobreviveu, o que faz com que eles se amedrontem um pouco, de modo que monstro que possuam o nível igual ou menor que o semideus terão sua força reduzida em 15%, e caso sejam monstros humanoides, esse valor aumenta para 25%. Monstros mais fortes que o semideus não se amedrontam, pois sabem que o mesmo foi ferido por um monstro mais fraco que eles, e por sua vez acreditam que então conseguem matá-lo. [By Ares pela missão "O preço de uma ajudinha" att por Ares]
Cain Feather
Cain Feather
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
596

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por 129-ExStaff em Sex 02 Jan 2015, 19:56


Burn, baby, burn!
BOOM!
Grupo 1: Socorristas


Leonard havia feito um bom trabalho ajudando as vítimas, ainda que muitas delas gemessem ao ter suas queimaduras em contato com a água do mar. Enquanto Leo corria, um dos seus chinelos havia ficado preso na areia, e sua pressa era tamanha para pegá-los de volta. Precisava arrumar algum recipiente grande, que pudesse armazenar uma quantidade de água considerável, e só então voltar. Contudo, parou ao ver alguns corpos próximos de si, campistas mortos. Não estavam tão próximos, mas Leonard começou a andar para perto, avaliar o estrago. Fechou os olhos de um garoto que havia tido a perna arrancada quando notou algo esquisito acontecendo. O corpo do garoto começou "borbulhar", como se os músculos se mexessem e... BOOM! O corpo havia explodido, sangue e mais órgãos voando para todo canto, desta vez sem estarem queimados. Não só a camisa mas todo o rosto e shorts do filho de Dionísio haviam manchado-se com os fluídos corporais da granada humana. Mas não havia acabado ali. Quando olhou ao redor, a prole do deus do vinho conseguiu ver vários cadáveres explodindo por onde estavam, um atrás do outro, sem parar.

Os ventos de William teriam de fato levantado Leonard se ele já não estivesse longe do foco do incêndio. Ao invés disso, a força do vento havia sido o suficiente para abaixar um pouco do fogo, logo após o filho de Éolo medicar o clone de Elijah. Quando o Curandeiro voou para o centro da praia, uma visão o fez franzir o cenho: mais explosões? Espera... Explosões vermelhas? Ah, não. Eram corpos. William voou mais baixo para ver a situação melhor, mas só pessoas que ele havia identificado como mortas estavam sofrendo aquele... efeito. Diabos, como assim bombas semidivinas e carne estavam sendo plantadas bem diante de seus olhos?

Os clones de Elijah haviam tido alguma serventia até ali, mas o que voara até Leonard não resistiu a explosão de um outro corpo, ainda que sua telecinesia tivesse sido o suficiente para acabar com os incêndios principais. Voltando a situação do Elijah principal, ele andou até o estranho que tentara atacá-lo e. memso que ele estivesse sendo ameaçado por um cão infernal, um sorriso cínico se fazia presente no rosto do semideus, um tique no olho esquerdo que o fazia piscar toda hora. Ele começou a rir loucamente quando Elijah desmontou o dispositivo que carregava. O filho de Apolo não conseguia ver, mas eram fios embolados e placas verdes o conteúdo da "caixa". E sem que ninguém esperasse... O semideus explodiu, no mesmo efeito que alguns corpos dispostos pela praia estavam fazendo.

Objetivos

Leonard: Se reúna com Elijah e William em algum ponto da praia, sinalizando para eles de alguma forma. Vocês discutirão e trocarão informações, especulando sobre o que aconteceu;
William: Idem ao Leonard, exceto a parte em que você tentará continuar a tirar alguns campistas do meio das minas, conversando de maneira rápida;
Elijah: Troque informações com William e Leonard de alguma forma, enquanto os corpos continuam a explodir.

Status dos Players
Leonard: HP: 132/260 — MP: 96/260;
William: HP: 405/420 — MP: 388/420;
Elijah: HP: 540/540 — MP: 378/540.

Regras e Observações

— Essa postagem é o início do turno de amanhã. Qualquer post antes das 16h do dia 03/01/15 será invalidado e o player responsável por ele será penalizado.
— Itens e poderes em spoiler, code, área reservada, etc., no final no post. No caso dos poderes, preferencialmente organizados por nível e tipo.
— Templates ou cores que dificultem a leitura são proibidos.
— A regras do evento podem ser conferidas aqui.
— Evento atemporal. -v-
— "May the odds be ever in your favor."

um evento primtástico




129-ExStaff
avatar
Ex StaffPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
146

Localização :
Mundo Inferior

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Kaine Rembrandt em Sab 03 Jan 2015, 15:19


Firework
So let's set the world on fire

Não fosse a distância que William se encontrava do rapaz, seu poder de levitação teria dado certo, mas a única coisa que ele conseguiu fazer foi apaziguar uma parte das chamas. De repente, explosões vermelhas tomaram conta de todo o lugar, e o curandeiro voou por cima da praia apenas para confirmar o que já passava pela sua mente: os mortos se desfaziam em diversos pedaços, jogando carne e sangue para todas as direções e borrando as areias com uma cor carmesim.

Notou alguns semideuses ainda caídos por todo o lugar, mas sabia que a maioria ainda estava viva - já que os defuntos explodiam de todos os lados. William planou até os campistas com vida. - Digam, algum de vocês viu algo estranho? - perguntou, esperando que ao menos um dos meio-sangues tivesse informações úteis. - Muito bem, agora saíam daqui, mas só pisem onde vocês virem que há algum tipo de pegada. Cuidado com as minas. - Orientou-os em seguida, esperando que eles entendessem as instruções.

Boom recolhia ainda mais energia do curandeiro, enquanto Véroz voava para uma parte mais próxima do mar. Gritou para um semideus no mar, o mesmo que tentara ajudar antes, esperando que ele o ouvisse. Em seguida pegou seu colar do bolso, e viu ele se transformando em uma coruja. Muito bem, Greel, quero que vá atrás de uma pessoa., comunicou-se telepaticamente com o animal, e passou as características físicas do clone que viera atrás de si. Contudo, William queria que a coruja fosse atrás do original, pois sabia que ele poderia ter alguma informação que viesse a ser útil.

Armas, poderes e afins:

Passivos

Respiração – Sua respiração é perfeita por ser filho de Éolo, seu olfato é super avançado, podendo assim sentir odor e reconhecê-lo. Também consegue sentir o cheiro de longe, como por exemplo, você está em um determinado local da floresta e seu inimigo está do outro, você pode sentir o odor dele.

Voar – Agora você pode voar perfeitamente no ar, como se você tivesse nascido voando. Pode fazer acrobacias, voar rápido e sua agilidade ficam maiores quando está voando.

― Tranquilidade: Médicos necessitam, constantemente, de tranquilidade e calma para realizar uma operação; afinal, o que menos poderiam querer seria cometerem um erro por nervosismo. Lógico que isto passa a ser uma das habilidades dos curandeiros, podendo resistir a efeitos de medo, pânico e paranoia – a resistência é fraca, contudo, e só retira metade do efeito, por enquanto; arredondam-se valores “quebrados” para baixo.

{Olhar Clínico}
— Descrição: Há uma espécie de lenda urbana que diz “grandes médicos sabem o que o paciente sente apenas de olho”. Pois bem, isso se aplica aos aprendizes, mas de uma forma diferente: ao avistar alguém, consegue “ver” as informações de saúde deste indivíduo (por exemplo, possíveis fraturas, doenças, batimentos cardíacos, oxigenação, vida, energia e situações psicológicas e sociais). Estas informações aparecem em forma de dados e gráficos para o aprendiz, como na tela de um monitor de hospital.
— Restrições: Situações psicológicas e sociais só se aplicam a pessoas que deixarem o curandeiro ter esse conhecimento, o que resume a, normalmente, aliados.
— Informações Extras: Não há.

Ativos

Nenhum

Armas e itens

— {Twister} / Chackran [Chackran de bronze sagrado, de formato circular e vazado no centro. A empunhadura é apenas levemente abaulada, não afetando a aerodinâmica, e exigindo atenção na hora do uso para quem não está acostumado. Decorado com arabescos, faz o leve som do vento ao ser lançado no ar. Transforma-se em um pequeno chaveiro com guizos no nível 20.]{Bronze sagrado} (Nível mínimo: 1)[Recebimento: Presente de Reclamação de Éolo] Transformado em guizos, no cinto

— {Breeze} / Broquel [Broquel pequeno e circular, de bronze sagrado mas em tons prateados. Leve, não interfere no uso das armas] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) [Recebimento: Presente de Reclamação de Éolo] Nuvem particular

— Amuleto de coruja [Um colar com uma pequena coruja prata; seus olhos são dourados. Ao contato do campista, transforma-se em uma miniatura do animal (cerca de 20 cm), com a qual o usuário pode comunicar-se mentalmente. Pode participar de batalhas. [Vida: 60/60]{Prata e ouro} (Nível mínimo: 5){Não controla elemento algum}[Presente by.: Tia Ath/Khris] Transformada em coruja.

{Panic} / Espada [Mede cerca de 80 cm e sua lâmina 60 cm. Sua lâmina é feita em bronze sagrado. O cabo da arma é feito em um tipo de ouro negro, inexistente. Gera uma pequena quantia de pânico no inimigo. Vem junto de uma bainha de couro escuro. Caso o presente de reclamação das proles de Deimos sofram modificações, este item não sofrerá, visto que não pertence mais a um filho do deus do pânico.] {Ouro Negro e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Controle comportamental: pânico} [Recebimento: Comprado de Mirelle Fay] Na bainha

Colar do Serpentário / Colar (o formato e o estilo da confecção lembram uma serpente dourada; nunca pode ser perdido, vendido ou retirado a força, pois identifica os curandeiros e, portanto, não é considerado um item nas contagens para missões, eventos e tramas, embora ainda seja preciso citá-lo) (seu efeito principal é o de, quando retirado do pescoço, se transformar em um dos itens a seguir: uma réplica quase totalmente semelhante do Bordão de Asclépio (ou seja, uma espécime de bastão rústico e fino envolvido por uma serpente de escamas feitas de prata envenenada que podem ser tão afiadas quanto uma espada, possuindo o mesmo potencial de corte de uma arma laminada; ele se adapta completamente ao tamanho e porte físico do usuário). {Prata, madeira e veneno} (Nível mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento) [Presente de Curandeiro] Pescoço

— Bolsa de Componentes Mágicos / Bolsa (Nela são guardados desde objetos para preparo de poções até bisturis e utensílios médicos [ela possui espaço infinito para tais coisas e somente para tais coisas; também aparece e desaparece, dependendo exclusivamente da necessidade do semideus]) {Couro} (Nívem mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento)[Presente de Curandeiro] Aparece se necessária

{Boom} / Anel [Anel abençoado enfeitiçado, capaz de fazer armazenar energia do seus usuário em qualquer momento que ele queira, conseguindo ser recarregado com 25 MP por turno. Assim que estiver cheio (30% da MP total do usuário), poderá liberar todo o poder armazenado de uma vez. Triplicando a eficiência do primeiro poder ativo usado após a ativação. Só pode ser usado uma vez por missão/evento, sendo que também consome normalmente energia equivalente ao golpe ativo que for dado em combinação com o item.] {Prata e Ruby} (Nível Mínimo: 25) {Controle sobre Energia} [Recebimento: Recompensa da missão Mardy Bum por Ícaro Newerland Att por: Ares] Dedo mínimo direito.
Kaine Rembrandt
Kaine Rembrandt
Filhos de ÉoloAcampamento Meio-Sangue

Mensagens :
418

Localização :
Onde eu quiser

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Cain Feather em Sab 03 Jan 2015, 15:22

Happy New Year
not that happy because it looks like a hurricane passed here

Elijah fez com que a caixa voltasse para sua mão, após ver o homem explodir em frente ao Fäe. Ele ficou perplexo, mas não teve muito tempo para pensar no que tinha ocorrido; estava preocupado demais tentando salvar as outras pessoas, e após descobrir que aquela caixa não era uma bomba, ia tentar ver o que aquilo significa. Afinal, tinha sido impressão ou Elijah explodira o semideus ao abrir o trinco?

Então, ele olhou para o clone I ao seu lado. Ele imediatamente respondeu ao seu comando mental, e abriu um portal lumocinético para Elijah bem à sua frente. Ele atravessou e chegou até o Will verdadeiro, onde o clone III ainda estava vivo. Tinha percebido que o outro havia sumido de algum jeito, embora não soubesse direito o como. Provavelmente atingido por algum outro tipo de destroço, mas não pensou muito nisso. Ao redor, mortos explodiam como se os órgãos rejeitassem seus corpos. A verdade é que a visão causou um flashback de sua vida anterior à perca memorial, e não sabia dizer qual era a semelhança. Será que, no passado, tinha visto tantos corpos assim?

Ele então pegou da mão do clone o recipiente que o curandeiro o entregara. Bebeu o energético, conhecendo muito bem a mistura, e depois dispensou o restante dos clones, fazendo com que eles se desmaterializassem. Estava ficando cansado, e não poderia fazer muito mais pelos meios-sangues ao redor da praia sem sofrer as consequências no músculo e na mente. O que tinha acontecido? O que diabos tinha dentro daquela caixa? Por que alguém algum dia seria capaz de sabotar uma festa anual?

Foi então que lhe ocorreu que não se importava. Balthazar era um feiticeiro, não mais um campista. Não sabia porque estava ali, aliás! Por que diabos tinha ido para a festa? Não importava. Tudo aconteceu muito rápido, e seus instintos o guiaram até ali. E... bem. Uma perna voou por sua cabeça, e alguns estilhaços o atingiram. Para receber, em troca, nada mais do que um banho de sangue. A visão era quase surreal.

— Eu encontrei essa caixa em um homem, que explodiu logo após. Acredito que isto pertence ao sabotador, porque há fios muito bem ordenados aqui dentro. Quando eu abri, não explodiu, portanto não creio ser uma bomba: A não ser que, talvez, seja ativada por celular ou cronometragem — revelou, ao mesmo tempo em que aguçou sua visão de Delfos. Se fosse uma bomba, não deixaria que ela explodisse perto de tanta gente: A preveria e a afastaria bem antes.


Love ya':
Equipamento:
☼ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum] ~Na bainha da cintura~

— Relíquia Mágica [Colar simples e básico, podendo ser levado e escondido em qualquer lugar. Sua corrente é de prata negra, e cintila à noite. Seu pingente é em forma de pentagrama, feito de diamante. Duas vezes por missão e durante 2 rodadas, tendo no mínimo uma rodada de intervalo cria uma barreira mágica de cor roxa, esta cobre todo o feiticeiro. Protege contra ataques mágicos – principalmente - e ataques a longa distancia – lanças, bumerangues, correntes, flechas etc.; ataques diretos não são repelidos][Prata Negra; Diamante;] (Item de Feiticeiro) {Controle Mágico} [Presente de Reclamação por Circe] ~ No pescoço~
Poderes Utilizados:
Filho de Apolo e Feiticeiro de Circe

Ativos

Telecinese I (Nível 1) - Como seu corpo está infestado interiormente com magia, o seu personagem consegue levitar objetos mais leves e pequenos, podendo atirá-los sem muita destreza contra quem você quiser.

Teletransporte Solar II (Nível 30) - Continua sendo, basicamente, o mesmo que o poder antigo, só que agora mais aperfeiçoado, não gastando tanta energia assim. (Clone I)

Passivos

Visão de Delfos (Nível 35) - Você não terá uma visão, e sim um pressentimento (como instinto) de ataques que estão por vir. Você terá facilidade em desviar de golpes e dificilmente será surpreendido por um golpe quando alcançar esse nível – mas dificilmente não significa sempre, o pressentimento nem sempre é tão claro.

Benção de Circe (Nível 1) - Ao adentrar o grupo dos feiticeiros de Circe, seus olhos se tornam púrpuros por consequência de que a própria deusa lhe concede a capacidade de realizar magias. No entanto, seus olhos só serão de tal cor se for da sua vontade, ou caso haja uma presença mágica no local onde você se encontrar.

Maestria com a magia (Nível 1) - Por serem feiticeiros de Circe, vocês sofreram menos perda de MP do que o normal ao usarem algum poder. [New]

Auxílio sombrio (Nível 2) - Na presença mínima de escuridão, você é capaz de receber ajuda dela, tendo um aumento considerável em sua força e em sua MP. Se a lua se fizer presente, sua precisão aumentará ainda mais, e seus ataques serão ainda mais poderosos, e acima de tudo certeiros, podendo ser barrados apenas por meio mágicos de proteção. [New]

Avançado (Nível 21) - O conhecimento avançado em poções e medicamentos. O filho de Apolo neste nível já consegue captar o que deve ser ingerido ou não, em se tratando de substâncias não mágicas. Ao estar preso em uma floresta, ele tem conhecimento do que pode lhe fazer mal, caso encontre pelo caminho frutas venenosas. Ao mesmo tempo que tem consciência do que serve ou não para criação de algum remédio. Isso lhe dá certas vantagens.
Poder Especial:
Cicatriz de urso [Por ter sido atingido no rosto por uma patada feroz de um gurahl, o filho de Apolo recebeu uma cicatriz em seu olho direito. Sendo essa muito profunda, não pode ser removida através de cirurgias ou poderes de curandeiros, sendo que apenas um poder maior divino pode ser forte o suficiente para curá-lo. A ferida não prejudica a visão do garoto, mas por ser uma "deficiência visual", poderes de atração ou encantamento que possam ser originados pelo garoto possuem 25% menor eficácia. Apesar disso, a marca remete aos demais monstros que um semideus recebeu uma ferida tão profunda como aquela e sobreviveu, o que faz com que eles se amedrontem um pouco, de modo que monstro que possuam o nível igual ou menor que o semideus terão sua força reduzida em 15%, e caso sejam monstros humanoides, esse valor aumenta para 25%. Monstros mais fortes que o semideus não se amedrontam, pois sabem que o mesmo foi ferido por um monstro mais fraco que eles, e por sua vez acreditam que então conseguem matá-lo. [By Ares pela missão "O preço de uma ajudinha" att por Ares]
Cain Feather
Cain Feather
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
596

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Leonard Woodcliff em Sab 03 Jan 2015, 15:30


Os corpos e o feiticeiro

Quando olhei para trás, já a vários metros de distância do foco de incêndio, soltei um longo suspiro de alívio. O fogo aparentemente não se aproximar mais dos campistas feridos, talvez por causa da areia molhada, o que me alegrou um pouco. É bom ver que você fez diferença na vida de outra pessoa.

Meu chinelo esquerdo havia simplesmente sumido. Eu não havia reparado na minha corrida, então consequentemente não percebi que estava calçando apenas o pé direito. Deve ter ficado preso na areia ou coisa do tipo — fosse qual fosse a explicação, eu não dava a mínima. Eu simplesmente amo chinelos, e com certeza tinha muitos outros guardados no chalé. Mas, focando no incêndio, eu precisava dar um jeito de apagá-lo. Um balde seria uma boa ideia, é claro, mas eu não tinha um no momento e era improvável que eu encontrasse algum pela região.

No meio do caminho meu pé esbarrou em algum objeto duro. Quase tropecei, mas pude esticar os braços e me equilibrar segundos antes de cair. Quando me virei para ver no que tinha tropeçado, meu coração deu um pulo: um cadáver, sem uma das pernas e com o corpo inteiro avermelhado de queimaduras, estava deitado no exato lugar onde momentos antes um foguete havia explodido. Resisti à vontade de vomitar e soltei um longo suspiro, acalmando o meu humor e me agachando ao lado dele. O cheiro não era tão ruim, ele havia morrido há pouco tempo, mas pude sentir um leve odor de carne queimada.

Levei a mão até os olhos do garoto e os fechei, como se fosse ajudar em algo. Eu não tinha ideia de como proceder em rituais fúnebres, mas esperava que fechar o olho do morto estivesse entre os passos necessários. Um movimento no canto do olho atraiu minha atenção para seu único pé. De início pensei que podia ser algum tipo de ilusão de ótica ou uma miragem, mas depois percebi que aquilo realmente estava acontecendo: o pé do garoto estava borbulhando.

Quando percebi que eu havia me metido numa furada, me levantei e tentei correr. Mal pude dar um passo sem ouvir um grande estouro atrás de mim, indicando que o corpo explodira — mas, se aquilo havia acontecido, onde estavam o calor, a luz e a energia? Senti de imediato alguma coisa pegajosa qualquer ensopar meu pé, bem como outros objetos me atingindo nas costas. E então, apenas então, notei o que estava acontecendo.

Me virei outra vez, dando de cara com nada mais que uma poça de sangue com restos de vísceras humanas. Meu pé estava inteiramente vermelho em um tom pegajoso, e quando passei a mão em minhas costas pude notar a mesma coloração. Foi aí que eu perdi o controle. Inclinei o corpo, vomitando o meu jantar e as bebidas da festa em cima do cadáver. Agora eu estava completamente vazio. Nada mais podia sair de meu corpo.

Limpei a boca com a manga da camisa e segui pela praia. Mais corpos começaram a borbulhar e estourar conforme eu ia andando por entre eles, mas eu não podia mais ser atingido por isso. Olhei ao redor, para os feridos ainda vivos ou moribundos, e finalmente encontrei o mago a alguns metros. Segui em sua direção, soltando um longo suspiro enjoado no meio do caminho, até finalmente estar do seu lado.

— Estou fazendo o máximo que posso, mas não é o bastante. — falei — Olha quanta gente morta, cara. Não é possível que isso esteja acontecendo.





Arsenal

— Faca inicial (no bolso).
Poderes

— Treinamento Cênico I [nível 2, passivo]: Tendo um talento intuitivo com a arte da encenação, você sabe dissimular os sinais de suas emoções, não expressando o que está sentindo ou conseguindo se controlar melhor. Você ainda é afetado normalmente pelos poderes, mas consegue dissimular, o que pode lhe dar certa vantagem, dependendo do contexto (a critério do avaliador). Contudo, personagens treinados em captar mentiras ainda podem descobrí-lo se forem de nível igual ou maior, ou se tiverem outros métodos (ver a aura, por exemplo). Adicionalmente, você sabe assumir a postura adequada para a situação - entonação de voz, posição corporal - para passar determinada mensagem, sentimento ou emoção, tornando as pessoas mais influenciáveis. O efeito tende a ser melhor em pessoas comuns, e semideuses ainda contam com seus poderes e se baseiam na interpretação e na avaliação para determinar até que ponto vai a influência - quanto melhor a descrição, maiores as chances de ser bem suscedido.





Observações:
Nope. 'u'


Feito por Ninha Fabbris

Leonard Woodcliff
Leonard Woodcliff
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
443

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Grupo 1: Socorristas} — Evento "Burn, baby, burn!" (das 16h às 20h)

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum
:: Topsites Zonkos - [Zks] ::