— Halloween Party

Página 3 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

— Halloween Party

Mensagem por Hera em Ter 27 Out 2015, 18:08

Relembrando a primeira mensagem :




halloween party
O Halloween é um evento tradicional e cultural, que ocorre principalmente em países de língua inglesa, mas com especial relevância nos Estados Unidos, Canadá, Irlanda e Reino Unido, tendo como origem as celebrações dos antigos povos Celtas. Posto que, entre o pôr-do-sol do dia 31 de outubro e 1° de novembro, ocorria a noite sagrada (hallow evening, em inglês), acredita-se que assim se deu origem ao nome atual da festa: Hallow Evening / Hallowe'en / Halloween.

Muito esperado entre os americanos, esta tradicional festa aconteceria este ano em um pequeno espaço de um dos locais mais famosos de NYC: O Central Park. Iniciando-se no final da tarde, a celebração aberta ao público contaria com um concurso de fantasias, bebida, comida e um DJ garantindo boa música no palco principal. A decoração já estava impecável, com diversas luzes alaranjadas, abóboras cortadas de diversas maneiras e fantasmas criados com um sistema de iluminação profissional.

A segurança também seria garantida: Vários guardas circulariam pelo local e inclusive nas entradas, garantindo assim que ninguém provocasse o caos naquela noite. Qualquer mínimo rumor de confusão seria resolvido, e o espertinho que a provocasse seria expulso do local.




ORIENTAÇÕES GERAIS:

  • A festa estará disponível até o dia 10/11/15;

  • Não são permitidas lutas, tumultos, aleijamentos, mortes ou qualquer coisa do gênero;

  • Não são permitidas cenas 18+, conforme as regras encontradas neste tópico;

  • Não são permitidos posts com menos de 3 linhas, conforme dito neste tópico, nem double post;

  • A festa é atemporal, portanto vocês podem postar independente do que esteja envolvido no resto do fórum;

  • Podem acrescentar mais descrições na festa, desde que não mude muito o cenário geral para todos;

  • É, prioritariamente, um tópico de interações livres, sem chance de ataque ou intervenção, então façam um favor a si mesmos e divertam-se;

  • Lembrem-se de que a festa encontra-se num ambiente frequentado tanto por mortais quando por semideuses, portanto atentem-se ao uso de poderes e não chamem a atenção para o que não for necessário;

  • O não cumprimento das regras aqui descritas poderá acarretar em punições diversas; ainda que toda regra possua uma exceção, cada exceção será analisada individualmente e não necessariamente aceita.

  • O concurso em on terá uma recompensazinha em off. Descrevam bem as suas roupas, ao final da festa abriremos uma votação para a melhor fantasia masculina e feminina. Caprichem!


Crédito das regras ao antigo Orfeu

PJBR; A Thousand Fireflies
Hera
Hera
AdministradoresPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
1258

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: — Halloween Party

Mensagem por Zoey Montgomery em Sex 30 Out 2015, 21:36



Halloween Party <3
Uma das épocas favoritas de Zoey era o Halloween. Não sabia se era por ligação com a magia ou Samhain, mas não ligava. Ela adorava e ponto. 
 
Graças à Vlad ela conseguira um cosplay novo para este ano, e estava pronta para usá-lo. O collant preto feito de couro era perfeito para sua personagem, assim como o casaquinho azul. A meia arrastão cobria as pernas delineadas da semideusa, e as botas negras subiam até seus joelhos, dificultando um pouco o caminhar. Por fim, haviam as luvas negras e as lentes de contato azuis. Afinal, Zoey já possuía as madeixas loiras de Dinah Drake, a Canário Negro. 


Sorriu para seu reflexo no espelho, e notou que lhe faltava alguma coisa para de fato ser a heroína. Ah é. Claro. O charme, a beleza, a independência. A menina balançou a cabeça.


- Está pronta Zoey? - Vladimir bateu à porta, sem adentrar o recinto. A loira sorriu.


- Estou sim. - respondeu, e a porta se abriu, revelando o amigo que estava vestido de Oliver Queen, o arqueiro verde. - Olha só, você ficou bem. - elogiou. Vlad estufou o peito.


- Eu estou sempre bem. Obrigada. - desdenhou, abrindo um sorriso de deboche. - Você também está bonita. Eu sabia que deveria investir nessa roupa para você. - completou, os olhos se demorando no delinear do seis de Zoey. Automaticamente a menina abraçou o corpo.


- V-Vamos logo... - falou, o rosto vermelho como um tomate. A passos ligeiros ela passou pelo damphyr, saindo do quarto o qual se encontrava. 




Levou certo tempo para chegarem ao destino. Ir de táxi era realmente demorado, mas não se importava. Pelo menos uma vez na vida queria ser normal. Mesmo sabendo que estava bem longe de ser.


Ao chegarem ao Central Park, o queixo da garota caiu. Abóboras, abóboras, abóboras. Enfeites, fantasmas, fantasias. É, naquele ano não houve economia em uma das mais populares festas, e Zoey gostou. Estava tudo muito bonito, de verdade. Um sorriso brotou nos lábios vermelhos da garota. 


- Zoey. - Vladimir pegou a mão da pequena e a arrastou até um canto, onde haviam bebidas. - Venha, vamos beber alguma coisa. - o damphyr sorriu de forma sedutora. A acana piscou algumas vezes.


- Sabe que não bebo, Vlad. - falou, cruzando os braços na altura do peito. O garoto riu.


- Não precisa ser alguma coisa alcoólica, sua boba. - ele bateu com o indicador no nariz da loira, e pediu dois refrigerantes. Então, após pegar as bebidas com uma das mãos, puxou a pequena com a outra até um dos cantos mais afastados da festa. Beberam em silêncio e, quando acabaram, novamente a menina foi puxada pelo rapaz, mas desta vez até o meio da pista. - Vamos dançar. Ao nosso próprio ritmo. - e, segurando a cintura da arcana, começou a valsar fora de sincronia.


Com uma gargalhada, a menina o acompanhou. Afinal, festa era festa.


Fantasia:
Canário Negro <3

Arsenal e Poderes:
Arsenal
❃ {Luz} / Unha [Unha que pode ser colocada sobre uma normal. Tal instrumento se aparenta com uma comum e não pode ser reconhecida por outros, de modo que sua cor ou ornamentos estão a escolha de sua portadora - a menos que saibam detectar auras mágicas. A desejo da mesma, tal item se torna mais afiado e consegue penetrar a pele facilmente. Se a penetração ocorrer perto do pescoço, o alvo terá pesadelos durante um turno e irá ser prejudicado em 30% suas ações ataque/defesa durante este mesmo turno. Se o oponente tiver imunidade ao medo/pânico, ele sentirá uma sensação de impotência, como uma depressão que o prejudicará do pela metade.] {Unha} (Nível Mínimo: 30) {Nenhum Elemento} [Recebimento: Missão O Quanto De Culpa?,elaborada por Harmonia, avaliada por Athena e atualizada por Odisseu]
— {Brother'sStrength} / Brincos [Um par de brincos pequenos, de metal branco e com uma pedra de topázio azul no centro de cada, que emitem uma leve luminosidade. Lhes dão uma resistência fraca contra efeitos de medo/pânico: se o adversário for cinco níveis a menos que o utilitário destes itens, o efeito que o inimigo usar não funcionará por completo (50% de resistência); do contrário, o poder ocorre normalmente. Podem ser acionados uma vez por evento/missão, com efeito de 2 turnos.] {Metal e topázio azul} (Nível Mínimo: 35) {Resistência} [Recebimento: Missão "In The Hell", avaliada por Lady Psiquê e atualizada por ~Eos.]
♦ {Shun ShunHikka} / Presilhas [São presilhas de plástico em forma de estrelas de cinco pontas da cor azul, colocadas em ambas laterais direita e esquerda do cabelo de Zoey. Estas, ao serem chamadas pelo próprio nome, irão invocar seis pequenas fadas que não terão nenhum poder ofensivo ou defensivo mas que poderão fazer companhia para a sua mestra durante o tempo em que ela quiser mantê-los naquela forma] {Materiais Utilizados: Plástico} (Nível Mínimo: 1) {Elemento: Nenhum} [Recebimento: Presente de Natal de Elijah B. Solarium]


Poderes Utilizados
 - Apolo:
Beleza. Passivo. Nível 1. Não só Afrodite e Perséfone são dotadas de beleza, Apolo é considerado o deus masculino que representa este mesmo ideal. Seus filhos são bonitos por natureza, possuindo um corpo naturalmente bronzeado e chamando a atenção se comparado com outros semideuses - não se compara à Afrodite, e é mais proeminente nos garotos, mas são acima do padrão se comparados a outros mortais e à maioria dos semideuses. Isso faz com que poderes de charme e sedução desses semideuses sejam ampliados em 10%.
Ouvido sensível. Passivo. Nível 5. Apolo é deus da música, portanto seus filhos tem ouvidos afiados, com uma sensibilidade acima da média tornando sua capacidade de distinção tanto em volume quanto em distância o dobro do que uma pessoa comum.

 - Circe
Sentidos noturnos. Passivo. Nível 19. A noite seus sentidos serão extremamente aumentados.[ New
▬Visão. Nada fugirá a sua visão, você poderá ver perfeitamente como se ainda fosse dia, e ver através de objetos sólidos. (Exceto por meios mágicos de proteção
▬Olfato. Seu olfato estará mais aguçado, e você poderá distinguir odores diversos, sem se enganar. Devido ao efeito do poder, venenos e gases diversos terão efeito reduzido em você.
▬Paladar. A noite, nenhuma erva venenosa ou qualquer veneno ingerido poderá te levar a morte, resultando no máximo em uma leve tontura até uma de grau mais sério. (Obs: Vale para qualquer coisa prejudicial, que você vier a ingerir)
▬Audição. Sua audição será perfeita. Você pode ouvir a metros ou até Km de distância, e sabe distinguir qualquer som que já tenha ouvido antes em alguma situação adversa. Possibilitando ótimos contra-ataques e diminuindo a chance de ser pega de surpresa. 
▬Tato. Um dos sentidos que mais se destaca em você a noite. Através do tato, você pode transmitir sensações para seu oponente, sendo elas desde sensações de prazer, até sensações de dor intensa. Pode seduzir um inimigo induzindo-o a fazer qualquer coisa que você desejar, ou transmitir frio ou calor para o mesmo, causando até mesmo um choque térmico. 
• Beleza lasciva II. Passivo. Nível 20. A sua beleza nesse nível já está muito maior, e somada a aura de mistério que você exala, atrai o olhares de todos por onde passa. Não são tão belos quanto os filhos de Afrodite, mas são mais atraentes que estes por uma aura mágica influir diretamente no bom senso de qualquer outrem, afim de fazê-los se interessarem de forma irrefutável por você. 


 
TAG:MUSIC@ Lotus Graphics


Zoey Montgomery
Zoey Montgomery
Feiticeiras de Circe

Mensagens :
1157

Localização :
Londres

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Kalled C. Almeida em Sex 30 Out 2015, 23:20



Halloween

The party is starting
Kalled nunca fora fã de festividades ligadas ao lado sombrio, mas ultimamente o jovem menestrel sentia que devia interagir mais com seus colegas campistas, embora duvidasse que encontraria alguém conhecido, Kalled soube que haveria uma festa de dia das bruxas no centro da Big Apple e tinha uma roupa que serviria para a ocasião, ela era um tanto quanto clichê, mas devia servir. O rapaz muniu-se de uma camisa de manga longa feita de seda e uma calça comprida do mesmo tecido, um chapéu empenado cobria-lhe a cabeça e a tira colo Almeida carregava consigo um alaúde confeccionado por si mesmo.

O jovem saiu do chalé e soltou um assobio distinto que apenas Auri entenderia feito isso o pégaso não custou a chegar e soltou um relincho de contentamento quando viu seu velho amigo semideus, Kalled subiu no dorso do alazão negro e deu-lhe as instruções adequadas.

– Auri existe uma grande festa ocorrendo no Central Park, gostaria que me levasse o mais próximo possível, porém você necessita ser cauteloso visto que no local haverá mortais e os avisos informavam para evitarmos atenção desnecessária.- o mascote acenou com a cabeça de forma positiva e alçou voo, naquele dia em especial o céu parecia estar limpo de qualquer nuvem, visto que a festa era em um local aberto esta notícia era ótima.

Ambos voaram por quarenta minutos até chegarem a Quinta Avenida, cautelosamente o cavalo alado pousou atrás de um prédio enorme e Almeida desmontou do animal mítico.

– Você pode voltar ao Acampamento se necessitar de sua ajuda eu dou um jeito de lhe contatar, sou muito grato meu amigo. – Auri levantou voo rumo ao caminho de volta e o menestrel desceu a Quinta Avenida até o Central Park.

Assim que chegou à festa o rapaz se surpreendeu, havia um DJ tocando excelentes músicas, gente fantasiada para todos os lados, uma equipe de segurança bem preparada e um cheiro aromático se espalhava pelo ar. O filho de Hefesto decidiu seguir o cheiro acreditando que fosse os bebes da festa, não falaria com ninguém até que tivesse certeza que seria relevante ou que alguém falaria com ele, aguçou sua audição na esperança de ouvir o som de alguma pessoa ou ser conhecido. Sim, ele odiava ser um “invisível”, mas infelizmente ele era assim. Continuou seguindo o cheiro e rezando baixo para que alguém ao menos o cumprimentasse.



Poderes:
Passivos:
Nível 18 - Audição Perfeita: - O menestrel, como músico, tem uma ótima audição, só que por ser mais que um musico normal, essa audição chega a ser perfeita podendo "sentir" todo o local, se transformando em uma segunda visão. E o menestrel poderá também estar um passo a frente do rival, pois ouve até os ventos.
Ativos: //

copyright 2013 - All Rights Reserved for Larissa
Kalled C. Almeida
Kalled C. Almeida
Filhos de HefestoAcampamento Meio-Sangue

Mensagens :
782

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Nina A. Mutt em Sab 31 Out 2015, 03:12

When the angels are silent and the demons sing… shit



Nina ergueu os braços no sinal universal de rendição, mas seu rosto ainda tinha aquela curva maravilhosamente cruel, mas dessa vez sem mostrar os dentes. Tudo, mesmo ao acaso, era perfeitamente calculado, a magia do improviso era uma ciência exata no teatro e a canídea era, sem dúvidas, uma deslumbrante vadia.

- É muita tensão no ar, pelos diabos é uma festa, relaxem e gozem. – meneou a cabeça, as pupilas já estavam dilatadas, os movimentos mais lentos e a voz sedutoramente mais mansa. – Porra foi um beijo, se não quisesse me dar era só ter pego o limão com os dedos.

O óbvio, a provocação. Ayla parecia menos aberta à aproximação de Nina, isso deixou-a um tanto magoada, mas não o suficiente para que seu orgulho se abalasse. Ah, isso era difícil pra caralho, a cadela de ferro era, sem dúvidas, osso duro de roer.

- Au au au. – mordeu o lábio inferior, andou um pouco e alcançou uma garrafa de água em cima da mesa, matou a sede normal e girou nos calcanhares. – Nada além da diversão senhorita Ayla, seus pecados escondidos nas trevas não dizem respeito a mim, assim como os meus latentes também não. No mais, você é gostosa mulher, eu sou um ser livre e a porra do meu patrono é senhor das orgias, tente acreditar na cantada.

Deixou a última parte vaga, estendendo um pouco do líquido normal ao rapaz, que deveria estar com um gosto péssimo na boca, sabor de arrependimento era uma bosta mesmo. Seja o que for que ele tenha sentido, ela apenas poderia avaliar por sua reação rude, afinal a mente dela estava trancada pelos próprios demônios.

- Se eu quisesse sacanear, foder pra valer, teria feito, rapaz. – sublinhou a palavra um tanto grosseira, mas ofereceu um aceno de cabeça. – No momento eu quero festa, diversão, risos, putaria, o diabo bom que seja, deixo minhas rinhas fora disso.

Estalou os dedos, respirando fundo.

- Poderíamos voltar à graça? Ainda temos muito tempo até o final da brincadeira.

Auau!:

Arma:

♦ {Amartía} / Espada [Espada de 90cm, feita de bronze sagrado. Sua lâmina mede cerca de 70 cm, e sua base é mais grossa que a ponta. A guarda-mão é em forma de um crânio que tem seus dentes pontudos virados na direção do início da lâmina, como se ela saísse de sua boca. Os olhos do crânio são feitos por dois rubis. O cabo e a espiga são revestidos por um couro escuro, o mesmo tipo usado em sua bainha. No nível 20 transforma-se em um anel de caveira] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) [Recebimento: Presente de Reclamação de Hades]
Poderes:

Hades
Passivos
Aura da Morte III [Nível 18]: A aura agora é mais forte, mais intensa. Assusta qualquer ser vivo natural e pode exercer  influência sobre semideuses de nível igual ou um pouco maior (até 10 níveis).[Modificado]

Lorde do Submundo [Nível 20] Criaturas e monstros pertencentes ao Reino de seu pai respeitam você por ser filho de Hades. Lembre-se, respeitar é diferente de obedecer, e só afeta inimigos com nível abaixo do seu. [Ou seja, hesitam em dar o primeiro ataque.]. Não é válido para criaturas sobre controle de outra pessoa, nem sobre criaturas com funções específicas (ex: um esqueleto com ordens específicas de guardar um prisioneiro não seria afetado, pois vai contra as suas funções/ ordens). [Modificado]

Imunidade à chamas negras [Nível 50]: O filho de Hades é imune às chamas negras, ou chamas do submundo.

Mênades
Passivos

Level 10 ~ Rei da Festa ~ Em uma festa a atenção de todos estará voltada para os Mênades, por sua habilidade destacável com dança e de animar os outros. Pode induzir facilmente alguém a dançar ou a ficar empolgado e excitado.

Level 12 ~ Faro Apurado ~ Conseguem distinguir a localização de substâncias que tenham álcool, ou de pessoas que estiverem alcoolizadas. A mesma coisa vale para substâncias retentoras de suco de uva ou a própria fruta.

Level 19 ~ Habilidade Teatral III ~ Todos acreditam nas palavras que proferirem de sua boca, colocando toda a fé e caindo em suas emboscadas. Consegue deixar monstros aturdidos por sua capacidade de mentir, e sua atuação é perfeita.

Level 25 ~ Agilidade Corporal ~ Ao ingerir quaisquer líquidos alcoólicos, os mênades serão atribuídos por uma agilidade privilegiada, podendo desviar de flechas e outros projéteis com facilidade, dificilmente sendo alvejados por ataques corpóreos. Durabilidade de três turnos.

Level 28 ~ Imunidade III ~ É imune a qualquer tipo de bebida alcoólica e venenos, tornando-os ineficazes ao seu organismo.

Level 35 ~ Resistência Mental ~ Por seguirem o deus da loucura, os Mênades adquirirão uma mente fechada e imune a ataques mentais, desde ilusões, invasões, alteração da realidade e ataques mexam com seu psicológico.

Nina A. Mutt
Nina A. Mutt
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
382

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Gaspard Delevigne em Sab 31 Out 2015, 08:51



Halloween




- Não quero voltar, Ayla. Ela é legal - ele chegou perto da garota e sussurrou em seu ouvido. - Lembra da cachoeira? Minhas memórias perdidas e todo o resto? O selo do esquecimento está se quebrando, a influência de Nina contribuiu. Preciso ficar perto dela. - ele olhou para a garota de roupas curtas e sorriu. - Pegar com os dedos não tem graça. Foi... um jogo interessante.

Tyler pegou um copo de suco de abóbora e olhou para a garota. Era uma semideusa, sem dúvida. A aura pesada e negativo indicava algo relacionado à morte. Não, algo mais negativo do que a morte. Segundo os estudos na biblioteca e as aulas de Quíron, Nina deveria ser filha de Hades. "Perfeito", ele pensou. "Se uma filha de Hades pode me ajudar a recuperar as memórias, talvez aquele indefinido que me atacou saiba como posso me livrar dessa sensação horrível de perder todo o passado."

obs:
Tyler está com a mesma roupa do Dr Facilier de A Princesa e o Sapo.

armas:
♦ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum] - na parte de dentro da cintura da calça, no lado esquerdo.

{Ametista}/ [A joia foi resgatada por Tyler após aceitar o serviço imposto a ele e possui um efeito que, ao ser apontada para o inimigo, obscurece sua visão por um turno. Vale deixar claro que personagens que conseguem ver no escuro não são afetados pelo item. Mediante DIY ou pedido em forja, pode ser incrustado em forma de colar ou amuleto, facilitando assim seu uso e repouso no corpo do semideus.] {Materiais: Ametista}(Nível mínimo: 1){Elemento sombra}[Recebimento: "Caça ao mineral encantado", avaliado por Ares e atualizado por Asclépio] - cobrindo a espada, no topo do cetro.

❃{Foniás} / Espada [Espada longa de fio duplo forjada pelos filhos de Hefesto do acampamento e dada para o semideus pelo próprio Quíron em agradecimento por suas ações recentes e ajuda ao acampamento. Tem um leve relevo em formas distorcidas por toda sua lâmina prata, que não influência em ataques, é apenas estético. Tem o cabo negro e longo feito de couro negro, facilitando seu manuseio, que se se estende mais que o normal pelos lados da lâmina com as pontas curvadas formando um 'C' com a lâmina saindo de seu meio. Com detalhes em ouro por todo cabo que se adapta perfeitamente a mão do usuário. Foniás, no momento em que um monstro chega a um metro de distância do semideus, adquiri um brilho de tonalidade prateado. O brilho é automático não podendo ser camuflado, assim, se o semideus desejar não chamar atenção pode embainhar sua espada, mas para que ela brilhe, a espada deve ficar completamente fora da bainha. Acompanha bainha longa de couro marrom.] {Bronze/Couro Negro/Ouro} (Nível mínimo: 4) {Luz} [Recebido da missão Detetive avaliada por Athena e atualizada por Asclépio] - escondida dentro do cetro.


Onde: CHB Com quem? Lembranças Post: 001 Vestindo: Isso


Thanks @ Lilah CG
Gaspard Delevigne
Gaspard Delevigne
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
113

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Lina Oakwood em Sab 31 Out 2015, 12:43


Vikings
Seria uma boa ideia ser um viking zumbi?

De verdade, não era tão bom em fazer prendas para as pessoas. Quero dizer, eu normalmente pago mico, mas é difícil que eu faça alguém pagar. Talvez eu seja só um trouxa mesmo. Enquanto pensava, ela mencionou uma mesa ali e foi em direção a esta com duas garrafas. Peguei quatro outras, só para ajudar, e a segui, enquanto formulava alguma ideia na cabeça.

- Olha... Eu não sei. Provavelmente o que vou dizer não será lá aquelas prendas, mas... Jess, consegue fazer alguns passos de balé no meio daquelas pessoas? - falei, logo que coloquei as garrafas na mesa.

Ao ver que ela não ouviu, estalei os dedos na frente de seu rosto, enquanto mexia uma das mãos. Assim que ela reagiu, eu pigarreei e repeti o que tinha dito antes, um tanto envergonhado por causa da bebida e por causa também da prenda sem criatividade da minha parte. Ao sentar-me, esperei sua reação a isso e cocei a cabeça, imaginando se eu não deveria ter pensado melhor sobre algo mais interessante.

- Então... Devo pensar em outra prenda?

Observação:
A fantasia é de viking zumbi. Poderes passivos: Considerar todos, em especial todas as resistências. Nenhuma arma levada.
Interação com Jess Cohle
Lina Oakwood
avatar
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
633

Localização :
Para me encontrar, você precisa trazer ouro imperial. Ai, terás de descer até o fundo do mar e procurar um gigante que me conheça. Depois, suba novamente a terra e siga as direções desse Gigante. Talvez você me encontre, talvez não.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Ayla Lennox em Sab 31 Out 2015, 18:56

This is Halloween
Deu de ombros ao ouvir a resposta de Tyler. Se ele estava confortável com aquilo, não o impediria de ficar ali, mas ainda sentia como se ele fosse um filhote brincando no meio de uma alcatéia diferente da que ele estava acostumado.

Involuntariamente, um calafrio percorreu a espinha da filha de Selene ao ouvir de Nina - de maneira bem sugestiva - "Pecados escondidos nas trevas". Cerrou os punhos e quase sentiu a tão familiar e bastarda escuridão serpentear por entre os espaços dos dedos. Torceu para que suas íris permanecessem no mesmo tom prateado de sempre.

Estava com uma pontada de raiva, mas acima disso, estava surpresa. Mutt sabia farejar bem as desgraças. Não era lá muito fã de filhos de Hades desde seu encontro com Alexander, mas abriria uma exceção naquela noite especialmente por Alcidamo portar-se mais como prole de Dionísio.

- Obrigada pelo elogio, acho. - Riu. - Então acho que como você já provou meu aprendiz... é sua vez. Não que eu ache que qualquer coisa que eu proponha chegue a ser exatamente um desafio.

Numa das mesas próximas, tomou um dos copos em mãos e rapidamente ingeriu a bebida.

Fitou Tyler e, lamentou com uma expressão facial quase convincente. Tirou o colar que estava em seu pescoço e colocou-o no aprendiz, dando um nó cuidadoso na parte de trás.

- Muito bem, Nina, você parece ser bem habilidosa com as palavras... Mas vamos ver seus bons modos Apontou para o pescoço do rapaz e logo prosseguiu. - Por gentileza, se importa de pegar meu colar de volta?

Cruzou os braços à frente do corpo e observou a mênade.

- Sem as mãos.
Adendos:
Para fins interpretativos, considerar todos os poderes passivos até o nível atual.

Em relação ao arsenal, nada relevante no momento, mas Ayla está armada.

With: Vira-lata e moço da Primavera ❤

Wearing: Fantasia (?) q

Where: Central Park

Listening: Boss - 5H
Everybody scream.
Tks, Jay
Ayla Lennox
Ayla Lennox
Filhos de SeleneAcampamento Meio-Sangue

Mensagens :
1036

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Byun Jong Dae em Sab 31 Out 2015, 19:30

Revenge is coming...

When you notice my presence ... It may be too late.




Incrivelmente, a garota estava de bom humor. Claro, era Halloween. Ela poderia fazer o que quisesse, ser quem quisesse. Mesmo exilada do acampamento, a garota sabia que poderia se divertir em outros locais, talvez até mesmo com a presença de alguns semideuses.

Dessa forma, Vivian chegou até o Central Park. No local, a decoração indicava uma estrondosa festa do Dia Das Bruxas. Várias pessoas fantasiadas riam e brincavam umas com as outras. A filha de Ares percebeu que não tinha nenhuma roupa para a ocasião e se entristeceu por alguns instantes.

Sua alegria se renovou ao ver uma garota saindo da festa aos prantos segurando o maiô da Miss Marvel nas mãos enquanto fugia de um rapaz com uma expressão de confusão e tristeza. Ah, sim. Pobres namorados. Vamos abusar um pouco da pequena tonta com essa linda fantasia.

- Me deculpe - ela ensaiou seu melhor sorriso e a garota parou de andar quando foi abordada. - Você pode me emprestar essa roupa? Meu irmã está na festa e me fez jurar que eu iria com a fantasia de sua personagem favorita dos quadrinhos.

- Claro... - ela enxugou as lágrimas e o rapaz chegou perto dela. - Fará melhor uso do que eu. SAI DAQUI, ALBERT. EU TE ODEIO.

Ela voltou a correr aos prantos enquanto o tal Albert encarava a semideusa com confusão. Vivian piscou para ele e procurou a confeitaria mais próxima, para poder se trocar.

***


Com a roupa completa, ela saiu do estabelecimento lentamente. Todos os homens do local olharam para a garota e suas roupas justas. Ela balançou os cabelos e foi direto para o parque. A faca de bronze estava na bota esquerda, para qualquer emergência.

Vivian identificou alguns semideuses do acampamento e bufou. A última coisa que queria era alguém apontando para ela e a ridicularizando na frente de todos. Ela sorriu para um rapaz que estava servindo lanches em uma mesa com doces e bebidas e pegou um bloody-shake, um milk-shake de frutas vermelhas. Esperava ardentemente uma conversa, algum rapaz que pudesse agarrar ou mesmo uma diversão que não envolvesse brigas, pois com seu humor elevado ela estava pronta para tudo.

armas:
♈ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

vestindo isso:
http://static1.squarespace.com/static/51b3dc8ee4b051b96ceb10de/54dd2167e4b04fa47c17d17d/54dd2168e4b0f9840864cdbe/1423779316553/amazonmandy-05-ljinto.jpg?format=750w

You know where you are? You're in the jungle, baby. You gonna die!

Byun Jong Dae
Byun Jong Dae
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
120

Localização :
Los Angeles

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Gaspard Delevigne em Sab 31 Out 2015, 19:38



Halloween




O desafio de Ayla fez o rapaz levantar uma sobrancelha. Sua mestra queria brincar com a tal Nina? Ele participaria, então. Tyler sorriu quando as "regras" do jogo da filha de Selene foram apresentadas. O colar era frio no contato com o tecido. Para facilitar o jogo, Tyler colocou a cartola e uma das mãos e abriu o colete com a outra, mostrando seu tronco.

- Minha mestra não costuma brincar - ele riu. - Ah, e eu mordo.

Ele simulou uma mordida com uma movimento do maxilar e esperou a garota completar a "tarefa" da cria da Lua. Até que aquilo estava ficando divertido. A lua iluminava todo o parque naquele momento, dando uma atmosfera etérea e magnífica ao cenário.

obs:
Tyler está com a mesma roupa do Dr Facilier de A Princesa e o Sapo.

armas:
♦ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum] - na parte de dentro da cintura da calça, no lado esquerdo.

{Ametista}/ [A joia foi resgatada por Tyler após aceitar o serviço imposto a ele e possui um efeito que, ao ser apontada para o inimigo, obscurece sua visão por um turno. Vale deixar claro que personagens que conseguem ver no escuro não são afetados pelo item. Mediante DIY ou pedido em forja, pode ser incrustado em forma de colar ou amuleto, facilitando assim seu uso e repouso no corpo do semideus.] {Materiais: Ametista}(Nível mínimo: 1){Elemento sombra}[Recebimento: "Caça ao mineral encantado", avaliado por Ares e atualizado por Asclépio] - cobrindo a espada, no topo do cetro.

❃{Foniás} / Espada [Espada longa de fio duplo forjada pelos filhos de Hefesto do acampamento e dada para o semideus pelo próprio Quíron em agradecimento por suas ações recentes e ajuda ao acampamento. Tem um leve relevo em formas distorcidas por toda sua lâmina prata, que não influência em ataques, é apenas estético. Tem o cabo negro e longo feito de couro negro, facilitando seu manuseio, que se se estende mais que o normal pelos lados da lâmina com as pontas curvadas formando um 'C' com a lâmina saindo de seu meio. Com detalhes em ouro por todo cabo que se adapta perfeitamente a mão do usuário. Foniás, no momento em que um monstro chega a um metro de distância do semideus, adquiri um brilho de tonalidade prateado. O brilho é automático não podendo ser camuflado, assim, se o semideus desejar não chamar atenção pode embainhar sua espada, mas para que ela brilhe, a espada deve ficar completamente fora da bainha. Acompanha bainha longa de couro marrom.] {Bronze/Couro Negro/Ouro} (Nível mínimo: 4) {Luz} [Recebido da missão Detetive avaliada por Athena e atualizada por Asclépio] - escondida dentro do cetro.


Onde: CHB Com quem? Lembranças Post: 001 Vestindo: Isso


Thanks @ Lilah CG
Gaspard Delevigne
Gaspard Delevigne
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
113

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Christian Marshell em Sab 31 Out 2015, 20:13



Halloween
Join the darkness party!

Ao que tudo indicava, Frederick gostava mais de festas do que achava. Aparentemente ainda tinha muito a conhecer sobre si mesmo e quem um dia ele foi, mas naquela noite em especial, tudo que importava era o agora. Descendo da moto, ajeitou os óculos escuros e deu alguns tapinhas em seu uniforme policial. A moto era uma Harley Davidson preta personalizada que havia conseguido com um filho de Hefesto para a ocasião. Tinha em mente uma única coisa: Não faria jus ao traje.

Não havia parado longe da grande festa que acontecia no Central Park, então chegou rapidamente ao evento, onde muitos já comemoravam das mais diversas formas que iam da pura inocência para grandes promisquidades que não fugiam do esperado para a noite. Ignorando todos no local, caminhou decidido até o ponto de bebidas mais próximo, onde a noite teria inicio de verdade.

Apoiou-se no balcão e aguardou o atendimento da bartender enquanto analisava todas as bebidas da lista, procurando por algo que pudesse satisfazê-lo. Por fim, a garota loira de olhos verdes com no máximo vinte anos fantasiada de pirata que preparava as bebidas sorriu para a prole de Nyx mordendo os lábios em seguida, debruçando-se na bancada antes de finalmente começar o atendimento.

— O que vai querer? — perguntou enquanto enrolava uma mecha de cabelo lentamente com o indicador.

Sorrindo maliciosamente, Frederick entrou no jogmalo por mais que não tivesse a intenção de continuar com aquilo. Até o momento, estava sóbrio e tinha seus princípios. Não seria nada bom aos olhos de Orfeu se o líder de seus menestréis desse esse péssimo exemplo de como proceder em festas.

— A bebida mais forte que tiver. Vezes dois. — pediu, afastando-se da garota mais uma vez. Quando esta se virou para preparar o drink, olhou para os lados observando a decoração, as fantasias e as pessoas da festa em busca de alguém conhecido.

Após alguns segundos, o copo enfeitado com a bebida foi colocado sobre a mesa e então a pirata voltou a sua posição anterior, apoiada sobre o balcão. Frederick por sua vez agarrou a bebida e sorriu para a atendente.

— Você é um policial mau...? — perguntou a garota passando o indicador livre no peitoral de Marshell.

Virando a bebida de uma só vez, colocou o copo mais uma vez sobre o balcão e sorriu maliciosamente como antes.

O pior. — concluiu antes de deixar a garota para trás por alguém que chamou muito mais a sua atenção. Nem sequer se deu o trabalho de se despedir da atendente safada antes de prosseguir para seu alvo principal, que por sua vez parecia estar se divertindo. Sacando o revolver com falsa munição, destravou a arma deixando que o barulho característico fosse lançado no ar. — Mãos para o alto, novinha. — disse em um tom quase autoritário. Bastava esperar a reação de Ayla.



Adendos:
A fantasia é de policial safado. Ele está equipado com algumas armas em seus formatos discretos (?), se for preciso eu faço a listinha aqui. Mas acho que é desnecessário. q

Interagindo com a Ayla e o resto do pessoal. q

Christian Marshell
Christian Marshell
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
363

Localização :
Who knows?

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Mikhail Bjergsen em Sab 31 Out 2015, 20:13



o homem é o lobo do homem


Eu sei do gosto ruim que a paranoia tem
Sei do desconforto de quem sente medo
Não há bebida que afogue o seu segredo


A inocência dos mortais era justificável. Afinal, eles não tinham ideia do que estava por vir. Eram pobres almas em meio ao conflito incessante dos deuses. Mas os semideuses? Era engraçado ver tanta ignorância. Se achavam que a festa de Halloween os tiraria da miserável realidade na qual se encontravam, eram mesmo idiotas.

Ah, o dia das bruxas... Com tantas fantasias, seria difícil identificar quem realmente era o bicho-papão — e algumas crianças poderiam não voltar para as suas camas.

Do alto de um prédio próximo ao Central Park, vi as luzes e ouvi o som de música. Fiquei ali por um tempo, apenas observando e balançando os pés no ar como fazia quando criança. Gostava de altura desde pequeno, acalmava-me e era bom sentir o vento no rosto. Mas já não era criança, então não demorei em pular do parapeito para um beco escuro. Havia uma festa para a qual ir.

[...]

Inspirei o cheiro característico de festas como aquela: suor, álcool e sexo. Não era novidade nenhuma para mim, já havia participado de tantas outras. Agora, porém, não estava no clima para aproveitar. Tinha prioridades maiores. Misturei-me às pessoas daquele show de horrores, caminhando calmamente e olhando ao redor com desinteresse. Não havia nenhum rosto que me era conhecido. Minhas roupas, ao contrário do que era proposto, eram simples: apenas jeans e uma camiseta branca de mangas compridas. Como dito, não tinha a intenção de festejar.

Aproximei-me de uma tenda de bebidas. Algumas garotas iam e vinham no caminho, lançando-me olhares e comentários provocativos. Em resposta, eu apenas sorria — não tinha a intenção de machucar ninguém naquela noite, mesmo sendo uma ideia interessante. Com um gesto e um comentário breve para o atendente, paguei por uma garrafa de água e molhei a boca. Decadência? Talvez. Álcool era um amigo próximo, o único, mas não podia me dar ao luxo de ficar bêbado.

Esse lugar é um prato cheio para Éris, soltei um riso baixo, de escárnio, parando para olhar para a multidão. Tão alheios ao mundo..., o pensamento quase me deu uma pontada de pena. Quase. Mas eu era desgraçado demais para sentir isso se não o faziam por eles próprios.
Mikhail Bjergsen
Mikhail Bjergsen
Filhos de NêmesisAcampamento Meio-Sangue

Mensagens :
480

Localização :
na puta que me pariu

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Lexis Skönhet em Sab 31 Out 2015, 20:50

yeah, party all night
let's all aboard
post #002at central park • with bianca e heron • listening i don't like it, i love it by flo rida ft. robin thicke and verdine white • wearing isso
Não é como se eu tivesse prestado muita atenção às palavras ditas pela garota de Hécate, fato que era justificado pelo simples fato dela ser uma completa who para mim, mesmo que Bianca parecesse conhecê-la.

Ao que este fora citado pela prole da lua, lancei ao garçom um rápido olhar, demorado o suficiente para constatar que, como dito por Somerhalder, ele não era de se jogar fora. Teria sugerido que a garota investisse nele – e tenho ótimas experiências da relação cliente-garçom para provar que não é assim tão dispensável –, mas, estando na minha companhia, o padrão de beleza dos garotos se elevaria consideravelmente.

Retribui o gesto de Bianca, lançando meu braço ao redor da sua cintura. Finalmente, deixamos a tenda, passando a vagar pela festa. Nada na pista parecia interessante o suficiente para que perdêssemos um segundo sequer de nossas vidas. Não demorou para que eu avistasse uma nova barraca de bebidas. Sorri e virei o rosto, de forma que meus lábios pudessem encontrar seu ouvido e eu fosse capaz de sussurrar – "sussurrar" – um vem comigo em resposta, já começando a puxar a filha de Selene pela mão, guiando-a até o destino.

Rindo dos comentários recebidos no caminho, chegamos ao bar. Apoiada sobre o balcão, pedi uma garrafa de vodca, recebendo um arquear de sobrancelhas e um olhar de deboche em troca. Revirei os olhos, repetindo o pedido, agora de forma mais doce. A garçonete – sim, garçonete, sem garçons gatos para serem tarados, ainda que eu nunca tive problemas em me envolver com mulheres – dessa vez atendeu ao pedido. Sorri. Obrigada por me dar a chance de ficar ainda mais bêbada e ser ainda mais puta, mãe.

Abri a garrafa, virando um gole antes de oferecer o líquido para Bianca. Analisei, por fim, o ambiente ao nosso redor, acabando com o olhar sobre um garoto que colocava-se bem ao meu lado. Fitei-o dos pés à cabeça, não preocupando-me em ser discreta ao fazê-lo. Ele não trajava fantasia alguma, o que fazia minha curiosidade sobre ele aumentar. Coloquei, por fim, o recipiente de vidro ao seu lado no bar, focando-me agora em seus olhos.

— Dizem que, com álcool, tudo fica mais divertido. E se não for com álcool, bom, que seja comigo.

Lexis Skönhet:
Armas levadas:
{Beauté} / Chicote [Em repouso, é uma pulseira revestida em couro, com um único pingente dourado no formato de coração. Este, ao ser pressionado, se transforma em um chicote, todo trabalhado a mão, com 2,5m. Ele é feito de couro, e nesse couro, pode se perceber detalhes em renda, bordada manualmente. Ele também reluz alguns fios acobreados, deixando entrever o bronze sagrado, que ajuda em ataques mais precisos, e pode cortar a pele do atingido. Ao apertá-lo com força, retorna à forma de pulseira.]{Couro e bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) [Recebimento: Presente de Reclamação de Afrodite, modificado por H³]

{Arche de l'Amour} / Arco longo [Em repouso, é uma pulseira revestida em couro, com uma plaquinha onde é possível ler a palavra "Love", além de ter pequenos brilhantes nas extremidades. Quando a plaquinha é pressionada, transmuta-se para um arco de bronze sagrado de cores dourada e prata, que possui um desenho elegante e chamativo, mas não vulgar. Para todos os efeitos, age como um arco longo comum. Ao empurrar a corda do arco, ele volta a forma de pulseira.] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) [Destreza/ Ataque/ Poder de precisão][Recebimento: Presente de Reclamação de Afrodite]

{Enchantè} / Aljava de Flechas Infinitas [Em repouso, é uma pulseira revestida em couro, com um pingente que é a palavra "Love" escrita em letra cursiva. Quando as letras são pressionadas, o item se transforma na aljava de Lexis. As flechas reluzem claramente, dado o acabamento mais elegante se comparado à armas de outra origem. Porém, são apenas flechas de bronze sagrado. O compartimento é feito de couro, decorado com filigramas metálicas.] {Couro e bronze sagrado; Madeira de freixo e bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Afrodite]

God card [Cartão de crédito coberto por ouro. Em sua frente está desenhado uma coroa de louro prateada, e abaixo o nome completo de seu portador juntamente com os dígitos do númeral PI. Uma vez por missão, o cartão pode ser utilizado em lojas de mortais para comprar suprimentos, passagens e o que mais o semideus precisar, desde que o objeto ou serviço comprado não tenha nenhuma vertente mágica. Todos os itens e armas compradas serão perdidas no final da missão, de modo que armas e suprimentos comprados com esse cartão possam ser utilizados apenas em meio a missão que tiver sido comprado {material: Ouro e plástico} [By Ares pelo evento Caça ao tesouro]
Poderes:

Afrodite e Mênades

PASSIVOS
Considerar todos até o nível 33.

ATIVOS
ERROR 404 – Not found.
Lexis Skönhet
Lexis Skönhet
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
216

Localização :
USA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Katherine B. Angelline em Sab 31 Out 2015, 21:18

Masque of Red Death

Deixe seu mouse sobre a imagem.
Acontecimentos: Chega no bar, pede sua bebida. Interage com @Heron Montecchio e, em seguida, com @Vivian Crane. Tudo ao som de You Spin Me Round (Life a Record) - Dead or Alive (clique no player);



Seu manto balançou mais uma vez, embora desta fosse devido ao vento. E de fato o vento estava ali, sussurrando-lhe coisas ao pé do ouvido, coisas que ela gostaria de saber entender.
Aproximou-se do balcão de bebidas, onde havia um sujeito vestido de Dr. Frankenstein servindo as pessoas, fazendo ligação entre a carreira científica do personagem e o fato d'ele fazer misturas com bebidas — de fato o Dr., em sua infância, era fascinado pela alquimia, embora Light achasse que o atendente não fosse fã suficiente do gênero para saber.

— E então Morte Escarlate — disse ele — o que vai querer?
Ora, parece que subestimei alguém, Light pensou consigo.
— Um smoothie de... Abacaxi, morango e laranja, por gentileza — respondeu. — E um levíssimo toque de vodca.

Feito o pedido, o bartender começou a agir, lavando os morangos, etc.

Embora ela não fosse se dar ao trabalho de retirar a máscara, visto que ela tinha uma fresta para sua voz sair, o vento fez com que seu capuz caísse, revelando as madeixas cor-de-rosa presas em um coque mal feito. Enquanto ela esperava pela bebida, deparou com um sentimento voraz vindo de sua direita. Isso, ali, exatamente naquele garoto, reparou, olhando com o canto dos olhos. Sentiu suas vibrações ruins e, ao tentar captar seus pensamentos, não conseguiu discernir palavras, embora tivesse captado o cerne daquela ideia. Ah, era caótica. Pensar nisso fez Lightning sorrir, um sorriso perolado escondido pela máscara da Morte. Esses pensamentos são tão delicados, bem formulados e arquitetados, pensou a ariana, pobres almas.
Então olhou para o seu anel, aquele brilhante e magnífico anel em seu dedo, era sua luz, literalmente. Seu caminho para o poder. Não estavam todos a procura disso?

Light estava em seus últimos dias de despedida antes de partir para o Plano do Fogo com Dasra. Teria ela de intervir?

“Ah, criança, você pode tentar”, pensou ela, transmitindo isso para o garoto.

Ainda atenta, ela recebeu sua bebida, com um canudo que encaixava-se exatamente no buraco de sua máscara. Depois de alguns segundos, sentiu outra presença, desta vez uma já levemente familiar, embora não houvesse nenhum histórico de contato direto entre ambas. Tinha ali uma de suas meia-irmãs e ela estava a procura de algum garoto para agarrar. Embora Light não fosse um garoto tampouco estivesse disposta a agarrar alguém ou ser agarrada, a chamou com um gesto, enquanto com a outra mão retirava sua máscara, uma conversa poderia melhorar seu humor.
É provável que ela fosse reconhecê-la, visto que Lightning já havia sido monitora do Chalé de Ares e, mesmo depois de sair do cargo, era reconhecida como a exímia guerreira que era. E é claro que isso significava que o garoto que exalava a essência do caos à sua esquerda também fosse reconhecê-la. Nada fora dos planos.

É claro que se ele não se comportasse bem, ela teria de matá-lo, pois esse era seu dever como uma agente da Ordem.

Observações:

(Eu deveria estar no plano do fire, mas estou aqui, interagindo com os nego caótico;
Me avisem, por gentileza, caso citem a char em seus posts/interajam com a personagem.)


A Kath sempre anda armada e tal, mas a Order está dissipada como o ar entorno dela (o anel Light tá sempre com ela, viu).



SIM, eu perdi esse post e refiz ele, com as mesmas ideias. Lamento pelo ocorrido, foi erro meu =(

Sing that song from long ago so I remember you;

made by ▲ and edited by Heit! for her own purpose.
Katherine B. Angelline
Katherine B. Angelline
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
305

Localização :
No livro da duffie!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Violette I. M. de Liz em Sab 31 Out 2015, 21:52

Spooky scary skeletons
A semideusa alisou o vestido meio rasgado enquanto se olhava no vidro do carro, como se fosse uma noiva que tinha sido abandonada pela eternidade no altar. Não era uma expert em maquiagem, mas estava satisfeita com o resultado. A pele branca estava ainda mais pálida com o pó de arroz e as órbitas estavam fundas e negras, como as de uma caveira. O vestido tomara que caia branco ia até um pouco acima do joelho era cheio de flores na parte de cima em tons de vermelho e azul (assim como a maquiagem, típica das caveiras de açúcar mexicanas) que desciam aos poucos até um pouco abaixo da cintura, como se caíssem em cascata pelo tecido. As ondas negras estavam soltas e caiam sobre os ombros nus da garota, decoradas também com uma coroa de rosas vermelhas. O rosto cadavérico tinha uma metade coberta por um pequeno véu branco de tule. Pousou o buquê de rosas em cima do capô e retocou o batom de cor escarlate.

O Halloween era uma data que sempre lhe trazia boas lembranças, e gostava ainda mais da festa mexicana. Adorava a forma como eles tratavam a morte com tanta cor e alegria, como se ela não fosse o fim, mas sim o começo de uma aventura ainda maior. Achava divertido como eles saudavam com festas uma coisa que tantos temiam e detestavam. Lembrou-se do seu pai, e agora que entendia o porquê de tudo o que ocorrera, sorriu. Tinha certeza que, onde quer que estivesse, ele não gostaria que ela remoesse o passado com melancolia.

Guardou o batom entre as flores e entrou no parque. Quase que imediatamente, sentiu alguns olhares dirigidos a ela, mais especificamente para suas pernas descobertas, mas não deu muita atenção. O lugar estava decorado com Jack o’lanters sorridentes e adornos em forma de morcegos, aranhas e bruxinhas em vassouras. Um fantasminha de luz até passou por cima da cabeça da semideusa.  A música tocava alta e todos os presentes dançavam animadamente com seus copos na mão. Não ia beber, pelo menos por enquanto. Queria aproveitar o começo da festa lúcida. “Afinal, não seria bom sair bêbada por ai procurando alguém”. Isso a lembrou que tinha que começar a procurar por Kathe. A morena prometera ir após alguns (vários) pedidos insistentes de Violette que a bombardeara com xingamentos por ser tão “velha rabugenta” e “chata”.  

A filha de Perséfone andou por todo o espaço da festa a procura da amiga, mas não encontrara nem sinal da sua sombra.

Aquele pedaço de picolé, se ela tiver me dado um bolo, vou jogar todos os seus livros na lareira. – Rosnou com raiva.

Caçou mais uma vez a morena na multidão enquanto mordia uma parte do lábio inferior e mexia com os dedos finos no relicário que trazia no pescoço – manias que tinha sempre que estava nervosa ou ansiosa. Deu um longo suspiro e finalmente resolveu ir ao bar pegar uma garrafa de tequila. Se iria se divertir sem a presença da amiga, teria que usar de outros métodos para se animar.

Adendos:
Poderes:


  • Passivos

— Beleza Inata: Perséfone é uma antiga rival de Afrodite, por conta de ambas serem dotadas que especial beleza. Assim, tanto quanto os filhos da deusa do amor, os meio-sangues de Perséfone são comumente descritos como lindos, embora isso ainda não tenha uma grande serventia em batalha.
— Aura Floral I: Crê-se que os filhos de Perséfone possuem um cheiro agradável, como se estivessem em constante contato com as flores. Na realidade, há uma aura sucinta ao redor dos corpos destes, embora esta possa ser contida para fins diversos.


  • Ativos

Nada ainda :D
Armas:
Nenhuma relevante, mas não se engane com o buquê, ele pode ter uma faca escondida dentro, nunca se sabe :V
Sobre a fantasia:
Para quem não entendeu bem, ela está meio que vestida de "noiva cadáver"
Maquiagem:
http://www.agravidez.com/wp-content/uploads/caveiras-mexicanas-1.jpg
Vestido:
http://www.aislestyle.com.br/images/uploads/br-honorable-a-line-strapless-embroidery-hand-made-flowers-sweep-brush-train-tulle-wedding-dresses-695-1.jpg
Ele é mais ou menos assim, mas como descrito no texto, as flores são vermelhas e azuis e ele é mais curto, um pouco acima do joelho. (ele também tem muito mais flores na parte do peito, mas enfim, a imagem é apenas para fins ilustrativos qq)

boo!
Spooky, scary skeletons, send shivers down your spine.
Shrieking skulls will shock your soul, seal your doom tonight.




Violette I. M. de Liz
Violette I. M. de Liz
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
26

Localização :
Pergunte as flores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Katherine Thierry em Sab 31 Out 2015, 22:34

Spooky Frosty

... will melt tonight


O calor emitido pelos corpos dos presentes não ajudavam em nada a situação de Katherine, uma vez que sua fantasia era feita de lã felpuda e lhe cobria todo o corpo, com isso, andava com dificuldade entre os seres dançantes. O fervor somado à música alta, ao jogo de luzes e ao peso da cabeça da fantasia deixavam a semideusa tonta e ela se perguntou por quanto tempo iria aguentar.
O cachecol listrado escorregava constantemente dos seus ombros, em algum momento com certeza o perderia, um dos botões já caíra em algum lugar e os pés brancos do homem de neve estavam cobertos de lama.

— Bendita ideia de comprar uma fantasia em cima da hora! — resmungou consigo mesma.

A semideusa nunca simpatizara com festas. As poucas vezes que fora à uma, permanecera sentada observando os convidados se divertirem enquanto imaginava quando seria de  bom tom se ausentar, sem parecer rude para o anfitrião. Mas depois de tanta insistência de Belle e de Jayden, a garota cedera e o resultado era um grande boneco de neve desorientado em plena Nova York. Não a leve a mal, continuava indiferente aos apelos de terceiros, mas uma vez que a festa se passaria no Central Park, imaginou que seria uma ótima ocasião para visitar o seu avô e Gwen, sua melhor amiga.

Olhava ao redor em busca da filha de Perséfone mas em meio a multidão encontrar a pequena garota não seria um trabalho fácil. Como estava completamente distraída acabou esbarrarando em alguém, por sorte não caiu ou teria de passar a festa inteira com o traseiro sujo. O rapaz nem sequer se deu ao trabalho de desculpar-se e saiu rindo enquanto olhava para o gelinho ambulante. Katherine bufou dentro da fantasia.

Já quase desistira de procurar Belle quando avistou, apoiada no bar, uma jovem que era a personificação do "día de los muertos". Caminhou ao seu encontro e roubou a garrafa de tequila que o garçom colocara a sua frente.

— Pra ser uma mexicana só lhe falta um sombreiro.

Adendos:

Poderes:

—Passivos
Nenhum

— Ativos
Nenhum


Armas:

Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum] (Presa a roupa que ela usa por baixo da fantasia)


Obs.:

O que falar da fantasia? Trata-se de um boneco de neve que você pode encontrar durante o natal pelas ruas, entregando panfletos ou chamando atenção para alguma loja.
Algo assim:
http://www.fun-world.net/media/catalog/product/cache/1/image/9df78eab33525d08d6e5fb8d27136e95/7/5/7566_1.jpg

Interação com: Violette I. M. de Liz e quem mais quiser.

thanks, ♛ and ▲


Katherine Thierry
Katherine Thierry
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
21

Localização :
Lá pelo mundo afora.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Violette I. M. de Liz em Sab 31 Out 2015, 22:55

Spooky scary skeletons
O atendente do bar se virou para a semideusa com uma garrafa tequila nas mãos. Pousou o vidro no balcão, fazendo com que o líquido amarelado balançasse dentro. Violette estendeu a mão para pegar a bebida antes que fosse interrompida.

Pra ser uma mexicana só lhe falta um sombreiro. – Disse-lhe uma voz familiar que roubara sua garrafa antes que tivesse a oportunidade de dar um gole.

Fitou o ladrão de tequila com uma mistura de raiva e confusão. “Um boneco de neve? Quem na terra usaria uma fantasia tão tos...” Achou então com os olhos violeta os profundos azuis da garota, que se encontravam por trás dos buracos da cabeça sorridente gigante. Não conseguiu segurar o riso por mais que três segundos.

Kathe? Ai, céus, desculpa, é que você está...estonteante. – Falou entre as risadas. Sua barriga doía por causa das gargalhadas.

A noiva cadáver mexicana roubou a tequila de volta após a bonequinha congelada tirar a cabeça para dar um gole e tomou um pouco da bebida, borrando levemente o batom que ficou marcado no gargalo durante o processo.

Hum – Continuou ainda com a boca na garrafa. ― Sorte sua que chegou, finalmente. Sabe o quanto eu andei por ai te procurando? Pelos deuses garota, do jeito que você é, achei que tinha me dado um bolo. Já estava bolando um plano malégno para me vingar.

Pousou a garrafa em cima do balcão e virou o banquinho de forma que ficasse de frente para a amiga.

Bem, agora que já estamos aqui, como pretende se divertir? – Perguntou com um tom desafiados e brincalhão arqueando uma sobrancelha.

Adendos:
Poderes:


  • Passivos

— Beleza Inata: Perséfone é uma antiga rival de Afrodite, por conta de ambas serem dotadas que especial beleza. Assim, tanto quanto os filhos da deusa do amor, os meio-sangues de Perséfone são comumente descritos como lindos, embora isso ainda não tenha uma grande serventia em batalha.
— Aura Floral I: Crê-se que os filhos de Perséfone possuem um cheiro agradável, como se estivessem em constante contato com as flores. Na realidade, há uma aura sucinta ao redor dos corpos destes, embora esta possa ser contida para fins diversos.


  • Ativos

Nada ainda :D
Armas:
Nenhuma relevante, mas não se engane com o buquê, ele pode ter uma faca escondida dentro, nunca se sabe :V
Sobre a fantasia:
Para quem não entendeu bem, ela está meio que vestida de "noiva cadáver"
Maquiagem:
http://www.agravidez.com/wp-content/uploads/caveiras-mexicanas-1.jpg
Vestido:
http://www.aislestyle.com.br/images/uploads/br-honorable-a-line-strapless-embroidery-hand-made-flowers-sweep-brush-train-tulle-wedding-dresses-695-1.jpg
Ele é mais ou menos assim, mas como descrito no texto, as flores são vermelhas e azuis e ele é mais curto, um pouco acima do joelho. (ele também tem muito mais flores na parte do peito, mas enfim, a imagem é apenas para fins ilustrativos qq)

Interação com a Katherine Thierry e com quem mais estiver disposto a socializar <3

boo!
Spooky, scary skeletons, send shivers down your spine.
Shrieking skulls will shock your soul, seal your doom tonight.




Violette I. M. de Liz
Violette I. M. de Liz
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
26

Localização :
Pergunte as flores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Katherine Thierry em Sab 31 Out 2015, 23:29

Spooky Frosty

... will melt tonight


A filha de Perséfone fitou Kathe por alguns instantes até que notou quem estava por trás da máscara e imediatamente se pôs a rir. A filha de Despina revirou os olhos, não para que sua amiga pudesse ver sua indignação, mas por força do hábito e em seguida retirou a cabeça da fantasia.

— Ah, nem começa, Belle. Essa foi a única fantasia que consegui.

Deu um gole na bebida. Grande erro. A tequila desceu queimando a sua garganta e esquentando seu interior e piorando ainda mais suas atual situação. A semideusa ao seu lado recuperou a garrafa e também colocou o líquido para dentro.

O suor escorria da testa de Katherine chegando até o seu maxilar e fazia seu rosto brilhar em meio ao jogo de luzes do local. O calor era tanto que por um momento sua visão ficou turva e acreditou que desmaiaria, mas logo tornou a ouvir a alta e repetitiva batida eletrônica que se fazia presente. Ao seu lado Belle reclamava do atraso e da sua personalidade como sempre.

Kathe estalou o pescoço e suspirou. Os seus ombros doíam com o peso da cabeça agora em cima do balcão, sorrindo diabolicamente para a garota. "Não vou voltar a usa-la novamente tão cedo, meu bem" pensou.

― Bem, — exclamou Belle recuperando sua atenção — agora que já estamos aqui, como pretende se divertir?

A semideusa olhou ao redor e pensou por alguns segundos. A grande maioria dos presentes exalavam um cheiro de morte e prazer, bebiam insanamente e se devoravam com os olhos de modo que poderia ser considerado imoral. Aquele não definitivamente era o ambiente para ela.

Lembrou-se então de quando era criança e saia de porta em porta com suas amigas dizendo "doces ou travessuras?" e depois de sua adolescência vendo filmes de terror em festas do pijama. Essa festa, onde estava, era mais parecida com um antro de perdição que as que vira em seu primeiro ano de faculdade.

Saindo de seus devaneios Kathe olhou para a amiga.

— Eu não sei, Belle. — disse com uma voz entediada.

Aquela não provavelmente a resposta que a filha das flores esperava, mas o que mais poderia dizer? De modo que se encontrava alí apenas para satisfazer seus caprichos?

— A ideia de vir para esse festa não foi sua? — dessa vez a sua voz não saiu brincalhona como de costume e nem sequer entediada, era seca, sem emoção, como costumava falar com as outras pessoas.


Adendos:

Poderes:

—Passivos
Nenhum

— Ativos
Nenhum


Armas:

Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum] (Presa a roupa que ela usa por baixo da fantasia)


Obs.:

O que falar da fantasia? Trata-se de um boneco de neve que você pode encontrar durante o natal pelas ruas, entregando panfletos ou chamando atenção para alguma loja.
Algo assim:
http://www.fun-world.net/media/catalog/product/cache/1/image/9df78eab33525d08d6e5fb8d27136e95/7/5/7566_1.jpg

Interação com: Violette I. M. de Liz e quem mais quiser.

thanks, ♛ and ▲


Katherine Thierry
Katherine Thierry
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
21

Localização :
Lá pelo mundo afora.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Violette I. M. de Liz em Dom 01 Nov 2015, 00:30

Spooky scary skeletons
Kathe passou um longo tempo em silencio com o olhar distante, quase que em outro planeta. Enfim balançou a cabeça como que para afastar seus devaneios.

Eu não sei, Belle. – Respondeu como se estivesse entediada. ― A ideia de vir para essa festa não foi sua? – Continuou, mas agora com a voz tão fria e sem emoção quanto o próprio gelo.

Violette entendeu o que ela queria dizer. Não estava nem um pouco feliz em estar naquele ambiente, mas como uma boa amiga, foi mesmo assim. Ela realmente não sabia como responder a pergunta, e olhou com certa tristeza para a garrafa de bebida a sua frente enquanto limpava o batom do gargalo com as pontas dos dedos.

Sim, tem razão. Eu te arrastei pra cá. E, honestamente, não sei por que estou aqui também. Não sei nem por que estou bebendo essa merda. – Respondeu segurando a garrafa e a chacoalhando, de forma que um pouco da bebida escorreu por seus dedos. ― Bem, achei que servisse de algo para ficar mais alegre e divertida, mas na real, não sinto nada. Além da minha garganta queimando, é claro. – Completou pousando a garrafa no balcão.

Não sei... No reformatório, por mais que todo o resto fosse um inferno, as festas de halloween de lá eram ótimas. Eu me sentia livre, feliz. Chad e eu, nossa, fazíamos tantas idiotices, pregando peças nos outros, jogando ovos podres roubados da cozinha, assustando as freiras com máscaras até elas gritarem “Valha-me Cristo!” e quase jogar seus rosários na nossa cara. – Riu com essas memórias. Girou no banco de forma que ficasse de costas para o balcão e apoiou os cotovelos na madeira.

Olha pra eles. – Apontou com a cabeça. ― Todos estão dançando e se divertindo, uns até estão fazendo mais do que isso. – Suspirou olhando para a cena. ― Sei lá, era legal se fantasiar, comer doces a madrugada inteira enquanto contávamos histórias de terror para no outro dia acordar com uma dor de barriga do inferno, como se um dragão estivesse tentando sair do nosso estômago... Era divertido. Mas isso... Não parece em nada com o que eu disse, né?

“Parece mais com o inferno”. Pegou o relicário dourado e o abriu. Ali estava, a foto do halloween de dois anos antes. Alisou a foto dela e de Chad fazendo caretas com um cuidado, como se apertar com muita força fizesse a memória se quebrar.

Eu só achei que seria divertido passar um tempo com minha amiga, em uma festa normal, com pessoas normais.  Dar um tempo em toda essa parada de monstros e tal. É, eu sou horrível, eu sei. – Disse um tanto triste. ― Desculpa Kathe. Se quiser, podemos ir embora. Não tenho ideia melhor mesmo, e parece que esse não é nosso lugar.


Adendos:
Poderes:


  • Passivos

— Beleza Inata: Perséfone é uma antiga rival de Afrodite, por conta de ambas serem dotadas que especial beleza. Assim, tanto quanto os filhos da deusa do amor, os meio-sangues de Perséfone são comumente descritos como lindos, embora isso ainda não tenha uma grande serventia em batalha.
— Aura Floral I: Crê-se que os filhos de Perséfone possuem um cheiro agradável, como se estivessem em constante contato com as flores. Na realidade, há uma aura sucinta ao redor dos corpos destes, embora esta possa ser contida para fins diversos.


  • Ativos

Nada ainda :D
Armas:
Nenhuma relevante, mas não se engane com o buquê, ele pode ter uma faca escondida dentro, nunca se sabe :V
Sobre a fantasia:
Para quem não entendeu bem, ela está meio que vestida de "noiva cadáver"
Maquiagem:
http://www.agravidez.com/wp-content/uploads/caveiras-mexicanas-1.jpg
Vestido:
http://www.aislestyle.com.br/images/uploads/br-honorable-a-line-strapless-embroidery-hand-made-flowers-sweep-brush-train-tulle-wedding-dresses-695-1.jpg
Ele é mais ou menos assim, mas como descrito no texto, as flores são vermelhas e azuis e ele é mais curto, um pouco acima do joelho. (ele também tem muito mais flores na parte do peito, mas enfim, a imagem é apenas para fins ilustrativos qq)

Interação com a Katherine Thierry e com quem mais estiver disposto a socializar <3 (e talvez, salvar a interação, por que olha, tá difícil)

boo!
Spooky, scary skeletons, send shivers down your spine.
Shrieking skulls will shock your soul, seal your doom tonight.




Violette I. M. de Liz
Violette I. M. de Liz
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
26

Localização :
Pergunte as flores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Katherine Thierry em Dom 01 Nov 2015, 01:04

Spooky Frosty

... will melt tonight


No momento em que Katherine proferiu aquelas palavras frias se arrependeu. A sua frente uma desanimada Violette limpou o gargalo de sua garrafa de tequila e começou a se lamentar voltando para a razão e saindo do clima de festa. Foi então que notou que pisara no calo da garota, fazendo com que se lembrasse do seu antigo amigo Chad e seu tempo no reformatório.

Depois que contou sobre como costumava passar o Halloween, Belle lançou um olhar melancólico para os corpos dançantes enquanto contava mais lamentações.

― Eu só achei que seria divertido passar um tempo com minha amiga, — voltou a olhar para a filha de Despina — em uma festa normal, com pessoas normais.  Dar um tempo em toda essa parada de monstros e tal. É, eu sou horrível, eu sei.

A tristeza era notável na sua voz e Kathe mordeu o lábio irritada consigo mesma por deixar a amiga pra baixo.

— Desculpa Kathe. Se quiser, podemos ir embora. Não tenho ideia melhor mesmo, e parece que esse não é nosso lugar.

Katherine queria gritar amém e sair correndo dali arrancando aquela roupa fora, mas olhando para a expressão desconfortável de Belle por estar se achando a pior dos Judas e sua fantasia que deve ter dado um trabalho que só Zeus sabe não teve coragem. Em seu mais animado sorriso segurou a mão da garota e fez um sinal pro Barman que depois de servir alguém vestido de pirata trouxe duas novas garrafas de tequila para as garotas.

— Ah, Belle, o que essa sua carinha não faz? — disse recobrando a animação da voz — Eu acho que a bebida não te animou porque não bebeu o suficiente.

A filha de Despina piscou maliciosamente para a amiga e a puxou para a pista de dança com as duas garrafas em mãos, o que foi um tanto difícil considerando que as luvas da fantasia só deixavam o polegar livre. A cabeça sorridente do boneco de neve ficou para trás, mas a semideusa não se preocupou, uma vez que ninguém roubaria um adereço tão tosco e ela mesma não pretendia usa-la novamente.

Adendos:

Poderes:

—Passivos
Nenhum

— Ativos
Nenhum


Armas:

Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum] (Presa a roupa que ela usa por baixo da fantasia)


Obs.:

O que falar da fantasia? Trata-se de um boneco de neve que você pode encontrar durante o natal pelas ruas, entregando panfletos ou chamando atenção para alguma loja.
Algo assim:
http://www.fun-world.net/media/catalog/product/cache/1/image/9df78eab33525d08d6e5fb8d27136e95/7/5/7566_1.jpg

Interação com: Violette I. M. de Liz e quem mais quiser.

thanks, ♛ and ▲


Katherine Thierry
Katherine Thierry
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
21

Localização :
Lá pelo mundo afora.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por James M. Hallows em Dom 01 Nov 2015, 01:21


If I'm a sinner, dear God
take my dirty soul away, I don't need any shame
— Halloween Party - Página 3 8bbZcfs

Yue olhou para trás quando ouviu algum maluco gritar alguma coisa. Mal havia começado a festa e já haviam pessoas bêbadas? Com um sorriso sarcástico, avaliou a figura que vinha em sua direção, suas sobrancelhas levantando ao reparar no traje do indivíduo: uma espécie de Joker em estilo steampunk, tanto quanto sua própria fantasia era da psiquiatra que enlouqueceu ao tratar do personagem. Harley Quinn. Aquilo seria divertido.

Muito divertido.

Como a perfeita atriz que teve que aprender a ser, trocou o sorriso sarcástico pelo mais sacana de seu arsenal. Pegou o martelo de madeira e o apoiou nos ombros, fazendo questão de exibir o máximo possível do peito — por mais que o espartilho tornasse a respiração difícil, era ótimo para fazer com que os seios parecessem pular da fantasia. Precisou segurar a risada ao imaginar que o maluco poderia estar tão dentro do personagem que não se sentisse atraído pelo corpo da semideusa. Não que fosse um problema. Poderia ser uma das filhas de Afrodite mais fracas, mas ainda tinha alguns truques na manga.

Yue queria usar essas cartas escondidas. Queria tanto que as cenas do que planejava fazer rodaram por sua mente, como num filme mudo, em preto e branco. Num Flash, e não se surpreenderia em ver algum outro nerd fantasiado de super-herói. Mas mordeu o lábio. O foco de seus pensamentos ainda eram os planos para fazer com aquele maluco que vinha a sua frente. Ele era alto, e a fantasia era boa o bastante para que fosse um protótipo de figurino oficial — e na escala Yue de fodasticidade, aquele nível era sim grande coisa.

Segurando o martelo sobre o ombro com uma mão, usou a que estava livre para passá-la pelo ombro esquerdo do Joker, deixando que ela deslizasse pelo peito do garoto até o lado direito. Deu um passo para frente, lambendo os lábios em preparação ao que diria.

— Eu posso ser seu escudo humano. — Respirou fundo, tirando a mão do corpo do rapaz e apoiando a maior parte do martelo no chão, se apoiando no cabo enquanto esticava o corpo para frente. — Mas eu também posso ser tão mais.

info:
Poderes:

— Passivos —

Beleza Estonteante (Nível 1)

Como filhos da deusa da beleza, você é naturalmente belo, sendo tal beleza notável e admirada por todos. Seus olhos têm uma coloração que não se define completamente, sendo intrigantes e como se fossem hipnotizantes; sua voz atrai, seus lábios são provocantes, seu rosto possui uma beleza harmoniosa e o corpo não fica para trás. Tudo em você chama a atenção pela beleza especial que possui, e é praticamente impossível deixar de notá-lo. Não é nenhum efeito hipnótico, contudo - apenas estético.

Luxúria (Nível 5)

O desejo pode ser despertado com pequenos gestos, mas que para o observador são sedutores e provocantes. Você pode despertar esse desejo com um simples olhar, um toque, pela aproximação, de modo que qualquer um deixa de prestar atenção em outras coisas para se focar apenas em você. Não é uma habilidade sobrenatural, indica apenas um conhecimento de como usar seu lado sensual para manipular as pessoas, mas não é charme, magia nem nada do tipo: apenas estudo de comportamento.

— Ativos —

— Error 402;
Descrição da fantasia:
Dois elásticos babados começam o visual da fantasia. Um preto e outro vermelho, feitos para manter os longos cabelos de Yue presos em duas mechas, uma de cada lado da cabeça. Há ainda, sobre os cabelos, uma pequena cartola vermelha, bem no meio dos fios presos pelos elásticos; um pouco a frente a cartola, óculos dourados, em estilo quase que se aviador: porém com lentes de vidro menores, vermelhas e mais espaçadas, além do acessório todo ser preso por uma tira que dá a volta na cabeça de Yue, um pouco acima das orelhas; em seus olhos, uma máscara preta que destaca seu olhar. Cobrindo o torso da semideusa se encontra um espartilho fortemente amarrado nas laterais; sendo metade da peça preta e metade vermelha, tendo como detalhes listras douradas contornando a peça: na parte de cima, que cobre os seios, nas laterais, contornando os mesmos e seguindo em paralelo até o final na peça. Em forma de "colete", pequenas mangas estufadas cobrem os ombros, sendo que o tecido se estende até o pescoço da meio-sangue, criando uma gola um pouco alta. Sobre os quadris, camadas de tecido se depositam formando uma espécie de "saia" aberta na parte da frente, sendo que o tecido da parte interna é completamente vermelho, enquanto o da parte externa, preto. Cobrindo as pernas, há um diminuto short preto com bordas vermelhas, além de meias sete oitavos em tecido escuro, quase que transparente. Por fim, sobre os pés, botas de cano longo, com corpo branco e botões dourados que fecham o calçado ao redor das panturrilhas de Yue, sendo a base dele similar a de um salto, completamente preta. Como acessório da fantasia, um martelo grande (aproximadamente 60cm de comprimento) pode ser carregado. Há aros de metal em suas extremidades e um desenho de coração envolvo por cabos e engrenagens no centro, em tinta desgastada.
Imagem ilustrativa da fantasia:
— Halloween Party - Página 3 Second_alternate_victorian_harley_sketch_by_noflutter-d5iiscc


give me glory, make me the best sinner
robei da duff
James M. Hallows
James M. Hallows
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
145

Localização :
Onde houver amor e desventura

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Violette I. M. de Liz em Dom 01 Nov 2015, 01:42

Spooky scary skeletons
Violette já estava começando a pensar em o que faria com a maldita fantasia. Não jogaria fora, afinal não era tão idiota assim. Tinha dado muito trabalho costurar aquelas flores na mão, e o vestido era bonito. Não era do tipo que usava vestido com frequência, não ia para festas ou algo do tipo, mas nunca se sabe. A coroa era meio Lana Del Rey demais pra sair na rua, mas poderia servir como enfeite para a cabeceira da sua cama no chalé. Foi então que uma Kathe de repente muito animadinha fez um sinal para o garçom para trazer mais bebida e deu um sorriso de orelha a orelha.

Após as novas garrafas chegarem, pegou a mão da prole de Perséfone e a arrastou até a pista de dança. Violette achou um pouco estranho no começo, pois aquilo não fazia exatamente o estilo Katheano de ser, mas então se tocou do que a morena estava fazendo. Sentiu-se grata por aquilo, não por que realmente queria continuar na festa, afinal, estava realmente desconfortável. Só parecia confiante, mas no fundo, não fazia ideia de como agir. Estava grata pelo esforço da amiga em anima-la, por mais que fosse um sacrifício. Isso a deu uma esperança de que a noite poderia realmente ser divertida, da algum modo.

A filha de Despina deu um gole na tequila e começou a dançar ao som da música, pulando, jogando a cabeça e cantando junto. Violette não conseguiu deixar de rir da cena. A semideusa não parecia ter dançado em alguma festa antes também, e a fantasia não ajudava. Parecia como se uma pamonha estivesse convulsionando dentro do tecido e tentasse se libertar. Balançou a cabeça e revirou os olhos, gargalhando. Deu um gole na bebida, que dessa vez desceu um pouco melhor, sem queimar tanto quanto antes. Começou a dançar a pular também, junto com a amiga. Não sabia se era exatamente sexy ou se dançava tão engraçado quanto a amiga, mas não importava, pois estava decidida a sorrir.

― Ooh, the way that you pop girl makes me go cray, show me whatcha got girl, you could be my new thang...

Adendos:
Poderes:


  • Passivos

— Beleza Inata: Perséfone é uma antiga rival de Afrodite, por conta de ambas serem dotadas que especial beleza. Assim, tanto quanto os filhos da deusa do amor, os meio-sangues de Perséfone são comumente descritos como lindos, embora isso ainda não tenha uma grande serventia em batalha.
— Aura Floral I: Crê-se que os filhos de Perséfone possuem um cheiro agradável, como se estivessem em constante contato com as flores. Na realidade, há uma aura sucinta ao redor dos corpos destes, embora esta possa ser contida para fins diversos.


  • Ativos

Nada ainda :D
Armas:
Nenhuma relevante, mas não se engane com o buquê, ele pode ter uma faca escondida dentro, nunca se sabe :V
Sobre a fantasia:
Para quem não entendeu bem, ela está meio que vestida de "noiva cadáver"
Maquiagem:
http://www.agravidez.com/wp-content/uploads/caveiras-mexicanas-1.jpg
Vestido:
http://www.aislestyle.com.br/images/uploads/br-honorable-a-line-strapless-embroidery-hand-made-flowers-sweep-brush-train-tulle-wedding-dresses-695-1.jpg
Ele é mais ou menos assim, mas como descrito no texto, as flores são vermelhas e azuis e ele é mais curto, um pouco acima do joelho. (ele também tem muito mais flores na parte do peito, mas enfim, a imagem é apenas para fins ilustrativos qq)

Interação com a Katherine Thierry e com quem mais estiver disposto a socializar <3 (e talvez, salvar a interação, por que olha, tá difícil)

boo!
Spooky, scary skeletons, send shivers down your spine.
Shrieking skulls will shock your soul, seal your doom tonight.




Violette I. M. de Liz
Violette I. M. de Liz
IndefinidosPercy Jackson RPG BR

Mensagens :
26

Localização :
Pergunte as flores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Halloween Party

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum
:: Topsites Zonkos - [Zks] ::