Percy Jackson e os Olimpianos RPG BR
Bem vindo ao maior fórum de RPG de Percy Jackson do Brasil.

Já possui conta? Faça o LOGIN.
Não possui ainda? Registre-se e experimente a vida de meio-sangue.

— Festa de Halloween

Página 5 de 11 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6 ... 9, 10, 11  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

— Festa de Halloween

Mensagem por Psiquê em Qua 26 Out 2016, 13:20

Relembrando a primeira mensagem :





trick or treat?

O Halloween é um evento tradicional e cultural, que ocorre principalmente em países de língua inglesa, mas com especial relevância nos Estados Unidos, Canadá, Irlanda e Reino Unido, tendo como origem as celebrações dos antigos povos Celtas. Posto que, entre o pôr do sol do dia 31 de outubro e 1° de novembro, ocorria a noite sagrada (hallow evening, em inglês), acredita-se que assim se deu origem ao nome atual da festa: Hallow Evening / Hallowe'en / Halloween.

E destes que foram citados, nenhum lugar do mundo celebra tão bem o Halloween quanto os Estados Unidos da América. O tradicional desfile de Greenwich Village atrai milhares de pessoas de todos os lugares do país, trajando as fantasias mais malucas, criativas e assustadoras.

Além da famosa parada da sexta avenida, também acontece uma festa privada em um clube próximo, onde todos os campistas já estão com o nome na lista por conta da organização do Acampamento. Boa comida, bebida e música são a preferência de quem pretende frequentar um local mais calmo, com decoração requintada e serviços impecáveis.






ORIENTAÇÕES GERAIS:



  • O tópico estará disponível até o dia 10/11/16, mas em on-game a festa acontece das 18h do dia 31 até a madrugada;

  • Não são permitidas lutas, tumultos, aleijamentos, mortes ou qualquer coisa do gênero;

  • Não são permitidas cenas 18+, conforme as regras encontradas neste tópico;

  • Não são permitidos posts com menos de 3 linhas, conforme dito neste tópico, nem double post;

  • A festa é atemporal, portanto vocês podem postar independente do que estejam envolvidos no resto do fórum;

  • Podem acrescentar mais descrições na festa, desde que não mude muito o cenário geral para todos;

  • É, prioritariamente, um tópico de interações livres, sem chance de ataque ou intervenção, então façam um favor a si mesmos e divirtam-se;

  • Podem postar na festa do clube, no desfile ou em ambos.

  • Lembrem-se de que a festa encontra-se num ambiente frequentado tanto por mortais quando por semideuses, portanto atentem-se ao uso de poderes e não chamem a atenção para o que não for necessário;

  • O não cumprimento das regras aqui descritas poderá acarretar em punições diversas; ainda que toda regra possua uma exceção, cada exceção será analisada individualmente e não necessariamente aceita.

  • O concurso de fantasias trará recompensas para os três melhores colocados na categoria individual e para os três melhores colocados na categoria grupo (de duas a três pessoas).

  • Todos que participarem com interações completas (apenas um post não vale, estamos de olho no migué) ganharão badge ao final do evento.



Psiquê
avatar
Administradores
Mensagens :
970

Localização :
Castelo maravilhoso do Eros

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Lavínia Cavendish em Sab 29 Out 2016, 13:34




Ah, caralho. Nenhuma outra palavra que não fosse um palavrão passava por sua mente naquele instante. Claro que não estava nem perto de estar sóbria, mas tinha certeza que entendera corretamente quando um garoto brotou ao seu lado e começou a falar de família.

— Lavínia... — disse antes de processar completamente aquilo. — É, meu nome é Lavínia Cavendish.

Não sabia se estava sorrindo ou fazendo uma careta. A face do rapaz não era estranha, mas não conseguia ter certeza de onde ou quando o conhecia. Já era bizarro o suficiente uma mentalista não conseguir puxar suas próprias memórias antigas, mas o que ela havia decidido fazer a seguir também não poderia entrar para suas anotações de "querido diário" mais tarde.

Suas íris azuis foram moldando-se em uma imagem de borboleta, e a festa começou a gradativamente diminuir de ritmo. As pessoas que dançavam alegres agora moviam-se como bichos preguiça, a música tornara-se um barulho irritante e então a garota suspirou. Seu celular estava em cima da mesinha das bebidas, e em um instante já estavam em suas mãos. Tirou uma foto do rapaz que estava a sua frente, o que provavelmente o cegaria por conta do flash mais tarde. Mas isso era um problema do futuro.

"Mitchel, pelo amor de zeus, quem é esse cara", perguntou para seu irmão em uma mensagem de texto.

Demorou alguns instantes para a resposta chegar, mas foram o suficiente para ela começar a se arrepender do que tinha feito. Era errado usar a manipulação do tempo para fazer coisas desse tipo, mas quem não faz cagada quando está bêbado? Certamente Psiquê entenderia. Ou não.

"Ele é nosso primo e você é uma péssima pessoa. Espera, ele está aí?", disse o rapaz, que estava participando do halloween lá na avenida.

Não se deu ao trabalho de responder novamente, apenas jogou o celular onde estava e fez cessar o poder que utilizava. Assim que tudo voltou ao normal, torceu para que ninguém percebesse o que tinha feito. De estranha já bastava sua aparência.

— Não acredito que você está aqui! Fazem mil anos que eu não te encontrava.



Observações:
Poderes:


◉ Nível 10. Efeito borboleta: Ao ativar essa habilidade, tudo ao seu redor começa a passar em câmera lenta enquanto você fica na velocidade normal. Uma das características dessa habilidade é que quando em uso um desenho traçado de uma borboleta surge nos olhos do mentalista. Pode ser usado apenas duas vezes e tem duração de apenas um turno.
Lavínia Cavendish
avatar
Líder dos Mentalistas
Mensagens :
442

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Evelynn Anderton em Sab 29 Out 2016, 14:30



   
   
   








-


Mantive um sorriso largo no rosto a maior parte do tempo, afinal juntar hiperatividade com doces não era uma boa coisa. Pelo menos Kaisoo parecia estar se divertindo, e aquilo me deixava feliz.

— Ou as vezes o seu pai foi pra outro continente. — O encarei enquanto comia mais alguns docinhos. — Vai ver ele amava ela de mais, e resolveu ir para outro continente, desbravar o desconhecido em busca do amor da sua vida.

Me virei para pegar mais alguns docinhos, e quando me dei conta pude ouvir Kai gritando. Por algum motivo ele estava flutuando, um sorriso enorme brotou em meu rosto, enquanto eu o encarava extremamente animado com o ocorrido.

— Uau, o esquilo voador voa mesmo!

Porém ele parecia estar aflito ou incomodado com aquela situação, já que gritou por ajuda. E eu como uma boa pessoa, apesar de amar ver a vergonha alheia, resolvi ajudá-lo. Deixei os docinhos na mesa, e caminhei em direção ao Kai, e passei meus braços em volta de sua cintura, o forçando para o chão, e estranhamente, era a mesma coisa que uma raposa estava fazendo.

— Você está bem, Kai?

Fantasia:



I'm in the conner, watching you kiss him oh oh oh !
Evelynn Anderton
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
70

Localização :
Noruega

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Ezreal Fortune em Sab 29 Out 2016, 16:01



Halloween!

Sorri ao sentir a mão do rapaz deslizar pelo meu rosto logo após a rosa ser colocada em minha orelha. Ele era alguém extremamente atraente, assim como todos os seus meio irmãos.

— Sim, eu sou filho de Perséfone. — Sorri ao entender o que ele disse francês. — Pra minha sorte sou da frança.

Realmente estava interessante estar ali com o rapaz, porém precisava ficar sozinho. Afinal não era tão social

— Se não se importa, vou dar uma saída. Talvez volte mais tarde. — Dei um beijo no canto de sua boca. — Até.





Fantasia:







Template totalmente feito por Dianna Callaghan.
Ezreal Fortune
avatar
Filhos de Perséfone
Mensagens :
148

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Denn P. Garfield em Sab 29 Out 2016, 16:30




Halloween Party!  
They send me away to find them a fortune; A chest filled with diamonds and gold; The house was awake; The shadows and monsters; The hallways they echoed and groaned
___________________________________________________________________
 O terceiro Blood Mary mal havia chegado e ele havia pedido outro, provavelmente o balconista acabaria jogando o drink na cabeça do garoto; de qualquer maneira, naquela altura Denn já não ligava muito. A companhia do filho de Perséfone realmente estava agradável e seria uma pena ficar sem Thierry pelo resto da noite, literalmente.

– Ah é realmente uma pena sweetheart, pensei que chegaríamos à melhor parte juntos! – O semideus fez um biquinho e sorriu com o beijo no canto da boca que havia recebido; antes que Thierry fosse embora, Garfield puxou a rosa que havia recebido e entregou ao garoto uma carta de baralho que fazia parte de sua fantasia, com a inscrição de Joker na lateral. – Considere isso como uma lembrança, tenho certeza que vamos no ver de novo.

 Denn riu, colocando a rosa atrás de uma de suas orelhas e levantando-se; a pista estava relativamente cheia, mas ainda sim parecia convidativa – considerando que agora ele estava sozinho. O filho de Afrodite puxou seu drink e caminhou lentamente em direção ao centro do local, quem sabe não encontrava alguém?


Denn P. Garfield
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
166

Localização :
New York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Astrid Fältskog Sorg em Sab 29 Out 2016, 21:09


halloween

O garoto rapidamente respondera à sua pergunta e Astrid o olhou, um pequeno desconforto a preenchendo por não ser capaz de olhar em seus olhos por causa dos óculos escuros. Sorriu e balançou levemente a cabeça em negação e soltou uma risada fraca.

— Acredite se quiser, mas não estou.

Todos no local carregavam algum copo em mãos (com toda a certeza, cheios de bebida alcóolica) e a semideusa se sentia estranha. Não bebia; não via graça em fazer aquilo. Aparentemente, os outros achavam. Perguntou de modo delicado se o barman tinha água e recebeu um olhar torto em resposta, juntamente com um copo de vidro repleto de um líquido transparente. Deu um pequeno gole, a água dando algum alívio para os lábios ressecados.

Duas garotas apareceram. A primeira, de cabelo azul, parecia estar levemente alterada; já a outra, Astrid teve certeza de que estava bêbada — e a garrafa de vodka em sua mão confirmava isso. Tirou o boné e deu uma bagunçada no cabelo. A de cabelo azul se apresentou como Cheetarah e, a morena, Bianca, filha de Selene. Agora o garoto já tinha um nome e aquilo tudo fez o caos na cabeça da filha de Perséfone, que tentava achar uma brecha no som ensurdecedor da festa paa se apresentar.

— Astrid. Perséfone — falou num tom mais alto, consequentemente, mais agudo. Ah, como odiava a situação em que se encontrava.

adendos:
fantasia:
poderes:

PASSIVOS
{Nível 1}
— Beleza Inata: Perséfone é uma antiga rival de Afrodite, por conta de ambas serem dotadas que especial beleza. Assim, tanto quanto os filhos da deusa do amor, os meio-sangues de Perséfone são comumente descritos como lindos, embora isso ainda não tenha uma grande serventia em batalha.

{Nível 2}
— Aura Floral I: Crê-se que os filhos de Perséfone possuem um cheiro agradável, como se estivessem em constante contato com as flores. Na realidade, há uma aura sucinta ao redor dos corpos destes, embora esta possa ser contida para fins diversos.
i can’t make you stay
 
Astrid Fältskog Sorg
avatar
Filhos de Perséfone
Mensagens :
33

Localização :
in the lonely hearts

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Ayla Lennox em Sab 29 Out 2016, 21:11

F
ucking halloween
party!
Just like a circus.
Para a garota, o sabor do vinho era tão agradável quanto a companhia de Rhydian. O rapaz comentou algo sobre envolver-se com certa frequência em problemas com os deuses, mas aos olhos de Ayla ele não parecia fazer o tipo bad-boy revoltado com o Olimpo. Talvez fosse apenas um semideus que, como ela, apenas não estava com muita sorte no dia em que seu futuro estava sendo tecido pelas parcas.

Ouviu a pergunta da cria de Atena enquanto colocava a taça vazia em cima do balcão.

Ahm, sim. Fiquei sabendo da festa de última hora então... Bom, nem sabia se viria mesmo. — Riu. — Mas apesar disso sinto muitas auras familiares por aqui. Pelos deuses, realmente não somos discretos. — Revirou os olhos.

Não sabia ao certo como funcionavam os sentidos dos monstros, mas sabia que o odor semidivino impregnava cada centímetro do clube. No fim das contas, somando as presenças, seus pensamentos e emoções em turbilhão, era como ter uma grande placa luminosa sobre o local anunciando as localização de cada um ali.

E isso apenas deixava as coisas mais interessantes.

Creio que já prendi sua atenção por tempo demais, Rhydian. — Disse enquanto o fitava. — Existem muitas pessoas mais interessantes que eu aqui, acho que não seria má ideia esbarrar com algumas delas até o fim da noite.

Ficou em silêncio por alguns segundos e mordeu o lábio inferior antes de finalmente concluir sua fala na mente do mênade. "Ahn, mais tarde vai ter um desfile na rua ou algo assim. Podemos nos encontrar lá?"

Permaneceu ali apenas por tempo o bastante para receber sua resposta e despediu-se com um beijo no rosto do semideus, afastando-se do bar e indo até o que parecia ser o centro do salão. Não era conhecida por suas habilidades de dança, mas o álcool circulando em seu sangue reafirmava nos pensamentos da garota que aquele detalhe irrelevante.

Não parecia má ideia concordar com ele. Foi então que esbarrou com alguém. Ergueu o rosto para encontrar uma versão do coringa com uma flor atrás da orelha.

Não fique tão sério, foi um acidente. Desculpa, espero que não tenha derrubado sua bebida ou algo assim. — Então ergueu uma das sobrancelhas e apontou para a rosa. — Detalhe interessante.
HELLO!:
Então, no momento eu tô interagindo com o Denn (BEIJO, RAMÃO, N ME MATA PELA DEMORA), mas qualquer coisa... Sei lá, chega e dá um oi (?), juro que não mordo.
Considerar todos os passivos de Selene e Psiquê até o nível atual apenas para fins interpretativos.
Fantasia:
Ayla dominatrix domadora e Illya (emprestada por Jhonn)

♦ {Illya} / Autômato [Feita de metal mas sendo coberta com uma camada superficial de pelo alaranjado, o autômato possui uma semelhança quase perfeita com uma raposa, com exceção do material que realmente é feita e também as 7 caudas que possui. A kitsune robótica possui o tamanho um pouco maior do que uma raposa comum e nela foi imbuída a essência de fogo, permitindo que - até três vezes por evento - ela possa soltar uma bola do elemento que se expande e cria uma explosão com 2,5m de raio ou um ataque direto, semelhante a um lança-chamas. Suas garras são afiadas, permitindo golpes cortantes ou perfurantes, além de investidas e afins. A autômata recebe ordens apenas de seu dono - Jhonn Stark.] {Bronze Sagrado e Essência de fogo} (Nível mínimo: 35) [Controle sobre o fogo] {Recebimento: Presente de Ayla Lennox. Forjado por Kalled C. Almeida}

When I crack that whip,
everybody gonna trip
Just like a circus
Don't stand there watchin' me
follow me
Show me what you can do
Ayla Lennox
avatar
Filhos de Selene
Mensagens :
1063

Localização :
EUA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Eunice Jackson em Sab 29 Out 2016, 21:43


i'll show you how to float down here
and all of the ghouls come out to play


Rhydian realmente não sabia como ainda não havia ocorrido um ataque de monstros, uma vez que o clube estava repleto de semideuses. Talvez os feiticeiros houvessem realizado algum encantamento para encantar as áureas e os cheiros dos semideuses presentes.

— Ah, entendo — respondeu ele. Estava quase certo que não conhecia as outras pessoas que estavam na festa. — Não é? Espero ainda estar por aqui se houver algum ataque de monstros. Adoro uma diversão.

Ele sorriu com o canto dos lábios e fitou os olhos de Ayla. Mas seu sorriso vacilou quando ele ouviu as palavras da semideusa.

— Imagina, Ayla — respondeu ele, sentindo-se desapontado. — Duvido muito que eu encontre outras pessoas tão interessantes. Mas tudo bem, conhecer você fez a minha vinda à festa ter valido a pena.

Rhydian estava quase indo solicitar uma bebida ao bartender quando viu Ayla morder o lábio inferior e lhe enviar uma mensagem mental — a qual foi respondida primeiramente com um sorriso malicioso, seguido de uma piscadela. Achei que não fosse perguntar, respondeu ele, ainda sorrindo.

Respondeu à despedida da filha de Selene com um beijo no rosto e a observou enquanto ela se afastava na direção do centro do salão. Rhydian olhou para o bartender e pediu mais uma bebida qualquer e ingeriu todo o conteúdo do copo com um gole só. Beber pra quê? Essa caraia nem fica bebum.

Estando sozinho e sem ter mais o que fazer, Rhydian estendeu a mão e fez os balões flutuarem até ele, segurando todas as cordinhas novamente. Caminhou entre as pessoas mais uma vez, à procura de alguém interessante, e teve o cuidado de evitar as pessoas que ele sabia que estavam muito bêbadas.


Não revisei e nem revisarei. Alone and lost in paradise. q

Adendos:

— Os strikes são inteiramente off, então podem ignorar. Interações são posts mais descontraídos, então vamos que vamos.
— Qualquer coisa, só chamar. Se interagir comigo e tal, dá um toque pra eu ficar ligado.
Poderes:


— Passivos —

— Se pá, considera os poderes dos filhos de Athena e os poderes dos Mênades;


— Ativos —

— Poderzinho da telecinesia;
Itens:
๑ {Honor} Espada [Espada de bronze sagrado, que mede ao todo 90 cm, sendo 70 de lâmina e 20 de base. A base é de couro, e no final de seu cabo, está entalhada a sigla RF, as iniciais de seu dono, Rhydian. Os golpes da espada são tanto cortantes do que perfurantes, mas não se descarta esta outra utilidade da arma. Quando não utilizada, transforma-se em um anel comum, ao comando de seu dono, com a inscrição: “Guerra por guerra”. Tem a habilidade de perfurar armaduras e escudos em até 20 % de capacidade, caso de itens fortalecidos a perfuração se dará pela diferença de porcentagem.{Bronze sagrado e couro} (Nível Mínimo: 20) {Não Controla nenhum elemento}[Recebimento: The Dragon's Flame e modificado na Music and Forge] Just in case.
Fantasia:


but it's always darkest before the dawn
robei da duff / a font do título robei da cams
Eunice Jackson
avatar
Mênades
Mensagens :
456

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Denn P. Garfield em Sab 29 Out 2016, 21:44




Halloween Party!  
They send me away to find them a fortune; A chest filled with diamonds and gold; The house was awake; The shadows and monsters; The hallways they echoed and groaned
___________________________________________________________________
 Denn estava realmente com vontade de dançar, porém parecia que demoraria mais um pouco até que o semideus pudesse realizar seus desejos; antes mesmo da cria da beleza chegar ao centro do local algo, ou melhor, alguém esbarrou nele. Devido a quantidade de álcool no sangue, demorou um pouco até que Garfield notasse que sua rota havia sido desviada por uma linda morena com uma cartola.

– Heeeey! – O garoto riu erguendo a bebida antes que o conteúdo do copo ficasse vazio, ele fitou a moça com um belo de um sorriso logo depois de esvaziar o drink por completo. - Pela regra geral moças bonitas sempre tem razão, então eu acho que a culpa foi minha? Ah não importa.

 O filho de Afrodite riu mais uma vez, de forma um tanto quanto cômica; talvez fosse hora de ele dar uma pequena pausa, beber uma água, ir ao banheiro ou simplesmente continuar com aquele esquema de Blood Mary. Denn pausou sua gargalhada com um breve suspiro fechando os lábios e sorrindo para a misteriosa moça da cartola.

– Oh, você fala da rosa? Eu recebi de novo amigo, não sei se combina bem, apesar de que dizem que uma das poucas vantagens dos filhos de Afrodite é de que tudo cai bem. – Garfield ergueu as sobrancelhas antes de girar o corpo, apenas para evitar de que a tontura fosse o levar para baixo. – Mas e essa cartola? Será que você consegue tirar um coelho dela? Eu estou pagando pra ver.

 E o pior de tudo é que ele realmente estava falando sério.

Adendos =3:


Interagindo com a Ayla (Jenn Maravilha) mas Denn não é tímido então pode que ele não ignora <3

Fantasia


Denn P. Garfield
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
166

Localização :
New York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Peter Lost em Sab 29 Out 2016, 22:48



Halloween Party!



Não era normal que eu me encontrasse em um lugar como aquele, muito menos se estivesse acontecendo uma festa. Normalmente os campistas iam a loucura naquelas festas, se enchiam de álcool - ou até mesmo outras drogas - e a pegação rolava solta. Nada muito saudável para um garoto de pouco mais de 10 anos.

De qualquer forma, usando uma tiara de chifres vermelhos, uma blusa azul casual e uma calça jeans, eu me sentia um tanto deslocado naquele lugar e me perguntava frequentemente o que estava fazendo ali. Respirei fundo em meio à muvuca de pessoas e caminhei firmemente pela multidão em direção do bar, estava louco por um copo de coca-cola.

Eu conseguia andar pelo local com certa facilidade, por ser pequeno eu me esgueirava pelos estreitos espaços entre as pessoas dançando. Mesmo assim, quando estava a apenas alguns metros do meu destino, esbarrei com a perna de alguém. Por um breve momento perdi o equilíbrio, mas consegui me manter em pé.

- Me desculp… - Minha fala começou, mas ao erguer os olhos e encarar aquela assustadora fantasia de palhaço minha vontade era de correr para longe dali. Respirei fundo, tentando lembrar que tudo aquilo era uma festa e que todos estavam de fantasia. - M-Me desculpe senhor…

Fiz uma pequena reverência, esperando que ele não ficasse muito bravo.

Adendos:
Não revisei, não irei revisar :D
Postando com o Rhydian (MARKI <3)
Fantasia:
Peter Lost
avatar
Filhos de Zeus
Mensagens :
250

Localização :
Lost...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Eunice Jackson em Sab 29 Out 2016, 23:15


i'll show you how to float down here
and all of the ghouls come out to play


Rhydian estava fitando a multidão, olhando as pessoas fantasiadas e procurando alguém para conversar. Havia muita gente com diversas fantasia; um moço que parecia um jardim ambulante, um Peter Pan — o filho de Athena ficou com vontade de fazê-lo voar —, o esquilo voador, um cupido, o Joker — conversando com a Ayla — e etc. Aonde quer que olhasse, o semideus encontrava alguém conversando e se divertindo. Aparentemente, ele era o único sozinho.

Até que não era mais.

Enquanto observava as pessoas ao redor, Rhydian sentiu algo esbarrar em sua perna. Olhou para para baixo e encontrou duas íris intensamente azuis encarando-o. Ele não saberia dizer se a palidez da pele do garoto à sua frente era natural ou se ele estava daquele jeito por ter se assustado com a fantasia do palhaço. De qualquer forma, resolveu brincar um pouco.

— Ora, ora, o que temos aqui? — sua voz assumiu um timbre grave e um sorriso maligno surgiu em seus lábios. — Você está perdido, garoto?

Rhydian segurou um riso quando o garoto fez uma sutil reverência, desculpando-se por ter esbarrado nele.

—  Então o diabinho tem modos? — ele abriu mais um sorriso assustador quando se referiu à fantasia do garoto: uma pequena tiara com dois chifres vermelhos. —  A propósito, você pode mesmo estar aqui? Qual é o seu nome?


Não revisei e nem revisarei. Interagindo com o Lost Boy (Pedrinho <3). q

Adendos:

— Os strikes são inteiramente off, então podem ignorar. Interações são posts mais descontraídos, então vamos que vamos.
— Qualquer coisa, só chamar. Se interagir comigo e tal, dá um toque pra eu ficar ligado.
Poderes:


— Passivos —

— Se pá, considera os poderes dos filhos de Athena e os poderes dos Mênades;


— Ativos —

— Error 404;
Itens:
๑ {Honor} Espada [Espada de bronze sagrado, que mede ao todo 90 cm, sendo 70 de lâmina e 20 de base. A base é de couro, e no final de seu cabo, está entalhada a sigla RF, as iniciais de seu dono, Rhydian. Os golpes da espada são tanto cortantes do que perfurantes, mas não se descarta esta outra utilidade da arma. Quando não utilizada, transforma-se em um anel comum, ao comando de seu dono, com a inscrição: “Guerra por guerra”. Tem a habilidade de perfurar armaduras e escudos em até 20 % de capacidade, caso de itens fortalecidos a perfuração se dará pela diferença de porcentagem.{Bronze sagrado e couro} (Nível Mínimo: 20) {Não Controla nenhum elemento}[Recebimento: The Dragon's Flame e modificado na Music and Forge] Just in case.
Fantasia:


but it's always darkest before the dawn
robei da duff / a font do título robei da cams
Eunice Jackson
avatar
Mênades
Mensagens :
456

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Peter Lost em Sab 29 Out 2016, 23:36



Halloween Party!




O palhaço me pareceu simpático de início, mas assim que ouvi a palavra diabinho senti um pouco de vergonha, levando a mão direita até os pequenos chifres vermelhos enquanto baixava os olhos e encarava os meus próprios pés. Pisquei algumas vezes e voltei a analisar meu novo conhecido, não importava o quanto eu olhasse, a fantasia dele não deixava de ser extremamente assustadora.

Olhei para os lados, tentando encontrar alguém conhecido. Eu não era muito popular, ainda mais porque os campistas em geral eram mais velhos e não se interessavam muito com a amizade de uma criança como eu.

- É-É claro que p-posso estar aqui. - Comecei enquanto ficava com as bochechas coradas - Quíron me disse que eu poderia vir se voltasse cedo para casa. E-Eu sou Peter Lost, filho de Zeus, quem é você?

Tombei a cabeça levemente para o lado e consegui avistar o bar logo atrás do menino.

- Será que o você poderia ir até ali comigo? Queria pedir uma coca-cola. - Falei apontando para o bar.

Adendos:
Não revisei, não irei revisar :D
Postando com o Rhydian (MARKI <3)
Fantasia:
Peter Lost
avatar
Filhos de Zeus
Mensagens :
250

Localização :
Lost...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Max Horscheimer em Sab 29 Out 2016, 23:47

and since i am dead,

É seu aniversário, Maxxie, disseram-lhe. Vá se divertir, insistiram. Só não contaram com a imensa falta de ânimo para com festas ou qualquer coisa que envolvesse uma grande concentração de pessoas. É só hoje, garota, Sirena argumentara. Não precisa se preocupar mais. 'Tá entre amigos. Ela havia arrumado duas fantasias para que Maxine escolhesse. A primeira era uma versão extremamente sexualizada da Noiva Cadáver, o que arrancou uma careta de repúdio de Max. Nada contra a sensualidade, mas que ficasse longe do seu corpo magrelo. A segunda, no entanto, tratava-se da feminilização de um famoso personagem de Tim Burton, Jack Skellington, e não era tão apelativa sexualmente quanto a primeira. Aquela seria a sua opção escolhida.

Fora solta na cidade por uma Chapeuzinho Vermelho sexy e por uma Morte baixinha três horas depois. Arrume uma festa pra você, disseram-lhe Sirena e Hallow. Nós vamos pro puteiro, obviamente. Quão diferentes eram da própria Maxine, a loira constanremente ponderava. Mas não foi nenhum problema ficar sozinha. Afinal, durante um ano vagara pelas ruas à procura de abrigo e alimentos clandestinos. E inúmeras vezes encontrara boates que funcionavam a noite toda.

Por isso sua busca não durou nem meia hora, quando, por fim, foi engolida pela multidão diversificada de aberrações de Halloween, a música alta estourando seus tímpanos e o cheiro de suor ardendo em suas narinas. Pequena como era, Max esgueirou-se até o bar. Aproveite para beber, Maxxie. Voce tá fazendo dezesseis anos! Grandes merdas!

Quero um... Hum... Uma... — ela murmurou ao assentar-se na banqueta alta, que elevou sua estatura em uns dez centímetros. Os olhos extremamente azuis percorreram as inúmeras garrafas empilhadas na estante detrás do barman. — Sei lá. Algo não muito forte.


i can take off my head to recite shakespearean quotations
Max Horscheimer
avatar
Filhos de Macária
Mensagens :
10

Localização :
Everywhere.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Eunice Jackson em Dom 30 Out 2016, 00:09


i'll show you how to float down here
and all of the ghouls come out to play


Sorriu enquanto observava o garoto. Ele parecia desconfortável com a companhia do palhaço, mas quem poderia culpá-lo? Rhydian o viu olhar para os lados, talvez procurando alguma companhia melhor, então o filho de Athena resolveu parar com a brincadeirinha sem graça.

Ele piscou quando o garoto se apresentou. Conhecia o nome de quando ainda era monitor no acampamento, porém nunca havia encontrado o filho de Zeus, então estava realmente surpreso por alguém tão jovem também já ter sido — ou será que ainda era? — monitor de chalé.

— Ah, muito prazer, Lost Boy — Rhydian não conseguiu evitar o trocadilho. — Eu sou Rhydian, filho de Athena. Então, bem, tecnicamente, você é meu tio.

Rhydian seguiu o olhar de Peter até o bar e arqueou uma sobrancelha, mas sorriu ao ouvir o pedido do garoto.

— Claro, parceiro, vamos lá — respondeu ele, gentilmente, deixando para trás todo a estranheza de momentos antes.

Talvez fosse bom fazer companhia ao filho de Zeus, já que aparentemente ele era uma das poucas crianças presentes na festa. Prestar atenção nele não faria mal algum e Rhydian estava mesmo querendo conversar com alguém.

O filho de Athena caminhou na direção do bar, certificando-se de que Peter estava indo com ele.

— E então, Peter, o que tens para me contar?


Não revisei e nem revisarei. Interagindo com o Lost Boy (Pedrinho <3). q

Adendos:

— Os strikes são inteiramente off, então podem ignorar. Interações são posts mais descontraídos, então vamos que vamos.
— Qualquer coisa, só chamar. Se interagir comigo e tal, dá um toque pra eu ficar ligado.
Poderes:


— Passivos —

— Se pá, considera os poderes dos filhos de Athena e os poderes dos Mênades;


— Ativos —

— Error 404;
Itens:
๑ {Honor} Espada [Espada de bronze sagrado, que mede ao todo 90 cm, sendo 70 de lâmina e 20 de base. A base é de couro, e no final de seu cabo, está entalhada a sigla RF, as iniciais de seu dono, Rhydian. Os golpes da espada são tanto cortantes do que perfurantes, mas não se descarta esta outra utilidade da arma. Quando não utilizada, transforma-se em um anel comum, ao comando de seu dono, com a inscrição: “Guerra por guerra”. Tem a habilidade de perfurar armaduras e escudos em até 20 % de capacidade, caso de itens fortalecidos a perfuração se dará pela diferença de porcentagem.{Bronze sagrado e couro} (Nível Mínimo: 20) {Não Controla nenhum elemento}[Recebimento: The Dragon's Flame e modificado na Music and Forge] Just in case.
Fantasia:


but it's always darkest before the dawn
robei da duff / a font do título robei da cams
Eunice Jackson
avatar
Mênades
Mensagens :
456

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Jack B. Ashe em Dom 30 Out 2016, 00:18

Spocky Scary Skeletons

Jack precisava fazer amigos. Mesmo não gostando de festas ele queria sair e conhecer alguém além dos indefinidos. Ouviu que tinha que ter fantasia, então pegou uma roupa de mágico, já que gostava de magia. Se arrumou enquanto via semideuses indo para a festa com fantasias e companhia. Assim que colocou a roupa, saiu do chalé e foi em direção para a festa.

Uma arrependimento começou a se formar na cabeça do rapaz. Quando tentava chegar ao bar, pra pelo menos respirar e falar com alguém, tinha pessoas olhando para aquele projeto de mágico com atenção e isso deixava ele tímido. Isso o lembrava da sua antiga casa, no século 19, onde crianças e adultos o ridicularizaram por ser órfão e que porque morava com seu avô. Normalmente ele estaria no século 19 agora mas ele fora levado para o Cassino Lótus, onde passou 2 séculos nele, então saiu para um mundo moderno e perigoso. Não tem ninguém da família dele vivo, isso o que ele acha.

Quando menos percebeu havia chegado ao bar, onde tinha garotos dando cantadas em garotas, que ignoravam. Rapidamente pediu um chá de hortelã ao barman, já que não bebia álcool e ficara observando as pessoas, notando cada detalhe de sua roupa e da sua companhia um hobby estranho mas era o que fazia para passar o tempo.  

Adendo:
Interagindo com Elvira e minha fantasia é da magia loca.
 

Jack B. Ashe
avatar
Indefinido
Mensagens :
10

Localização :
Favela

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Peter Lost em Dom 30 Out 2016, 00:32



Halloween Party!



Lost boy”. Era a primeira vez que alguém me chamava daquela forma e, estranhamente, aquilo fez com que eu me sentisse mais relaxado. Também não consegui deixar de soltar uma risada quando ele disse que eu era o tio dele. Sempre achava engraçado essas árvores genealógicas divinas.

Fiquei ainda mais a vontade perto do filho de Atena quando ele me chamou de “Parceiro”. Já não estava tão assustado com a fantasia do garoto e, assim que ele se virou para ir até o bar, peguei em sua mão como se ele fosse uma espécie de irmão mais velho.

- O que tenho para contar? - Refiz a pergunta para mim mesmo, pensativo. - Bem, eu estou muito contente, cresci dois centímetros no mês passado. - Disse, mostrando o número dois com a mão livre.

Assim que chegamos ao bar, fiquei na ponta dos pés de forma que meu nariz ficasse acima do balcão.

- Você poderia me dar uma coca-cola, por favor? - Perguntei rapidamente para a bartender e, antes que ela pudesse me responder, voltei-me para meu novo companheiro. - Rhydian… E você, o que me conta de bom? Você me parece ser um semideus bem forte, já derrotou algum grande inimigo?


Adendos:
Não revisei, não irei revisar :D
Postando com o Rhydian (MARKI <3)
Fantasia:
Peter Lost
avatar
Filhos de Zeus
Mensagens :
250

Localização :
Lost...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Logan Montecarlo em Dom 30 Out 2016, 00:37



A festa não tinha nada de especial, por enquanto. A atração principal da noite, um DJ qualquer aí da moda, ainda não começara a tocar, então estavam tocando umas bandas temáticas. A música não era grande coisa, mas também não machucava os ouvidos - era escutável, à medida do possível.

Pessoas iam e vinham do bar. Logan, como um bom mentalista, acabava captando pensamentos soltos aleatoriamente. No entanto, ele evitava se concentrar demais em alguém, porque acabava invadindo a privacidade do indivíduo sem perceber, às vezes. Portanto, seu passatempo era o de continuar as histórias de seu próprio jeito: pegava uma traição aqui e criava milhares de situações; descobria um segredo entre famílias ali e já montava uma versão de Romeu e Julieta no século XXI; sentia uma onda mais pesada e criava um universo fantástico cheio de cenas dramáticas, como o de Tim Burton.

Tim Burton, aliás, que era o responsável pela fantasia de uma garota que sentara - sim, uma das poucas pessoas que não simplesmente vinha pro bar, pegava uma bebida e sumia na pista - a umas duas cadeiras de distância. Logan demorou certo tempo para processar qual personagem ela era, mas logo desvendou o mistério: Jack. O problema era que Jack se tornara uma garota, e com isso a demora em reconhecê-lo (ou reconhecê-la, quem sabe) foi justificada.

Sem querer, acabou ouvindo o papo da jovem com o barman. Logan sabia que a menina ia beber pouco, mas o cara se confundira nos pedidos - ou simplesmente trocara a bebida leve que a menina pedira por um copo muito mais forte. Era uma boa oportunidade para se aproximar.

— Ei, vai acabar matando a guria — disse, puxando o copo que fora deixado logo à frente dela para si, que já sentara na cadeira ao lado dela. — Traz uma Ice. — E, com isso, o barman os deixou sozinhos.

Bem, tão sozinhos quanto uma festa em uma boate quase lotada permite.

Logan analisou-a rapidamente. Meio inconscientemente, tocou a mente dela com sutileza, mas acabou se surpreendendo com a fraca resistência que encontrara. Normalmente, mortais - ainda mais bêbados - mal apresentavam resistência.

Portanto, ela deveria ser uma semideusa; mas ele não se recordava de vê-la no Acampamento. Bom, não é como se ele tivesse aparecido por lá recentemente, ainda. As pétalas caindo em sua bebida acordaram-no pro mundo real.

— Eu acho que esse drink é demais pra você — explicou, tirando parte de sua "fantasia" do líquido e tomando um gole dele. Não estava tão forte quanto achara, mas o suficiente para o álcool dar a costumeira sensação de queimação quando descia. — Toma isso — e ofereceu-lhe a Ice quando o funcionário entregou-a. — Se você não quer nada muito forte, é ideal. É como um refrigerante, só que alcoólico.

[a fantasia é quase isso, mas na verdade não: buquê de flores versão infantil]

outros:
nem eu sei do que eu me fantasiei.

tô interagindo com a Max, de Macária.

usei esse poder passivo: {Nível 7 — Aura Floral II} Flores crescem rapidamente com a presença do filho de Perséfone. O processo de germinação leva apenas alguns minutos quando está por perto, e esse dom pode ser suprimido com o desejo do meio-sangue. Basicamente, poderão criar flores em qualquer lugar, sendo estas sem propriedades.
usei também telepatia, mas não vou colocar a descrição aqui.



  
Logan Montecarlo
avatar
Monitor de Perséfone
Mensagens :
330

Localização :
viajei por aí

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Elvira Linsenbröder em Dom 30 Out 2016, 00:45

halloween
let’s party



Gostava muito de festas, principalmente daquelas onde podia usar fantasias e tentar dar uma variada no guarda-roupa de sempre, o clássico jeans com regata. Estava com o evento em mente desde que vira um panfleto sobre a tal festa de Halloween que aconteceria e, desde então, trabalhou duro para encontrar a fantasia que tanto desejava. Tivera que fazer algumas coisas não recomendáveis, mas não ligava.

Elvira tinha seu jeito de conseguir o que queria.

E lá estava ela, admirando a forma que seu corpo aderiu quando entrou em contato com o tecido da roupa no vidro sujo de uma loja qualquer. Rodou o chicote levemente, tentando se acostumar com a sensação de ter uma arma — mesmo que não fosse utilizada — em mãos. Os saltos das botas pretas faziam um eco na calçada e o som era alto o suficiente para ouvir a cem metros do local. Sorriu para si mesma.

A primeira ação que executou quando colocou os pés dentro do recinto foi ir diretamente ao bar, apreciando os olhares que recebia. Ajeitou a tiara no cabelo e debruçou-se sobre o balcão, encarando o barman que sorria para ela.

— O que você tem de mais forte? — o homem imediatamente começou a falar de receitas e nomes que não estavam causando nenhum efeito em Elvira, que levantou a mão como se pedisse para que ele parasse de falar. — Apenas me dê o copo.

Em alguns poucos minutos tinha um copo de vidro com uma substância ali dentro, e tomou metade do líquido em um gole. Fez uma pequena careta e sentou-se numa cadeira, encarando um garoto que vestia uma fantasia de mágico. Soltou uma risada fraca. Clássico.

— Então, senhor mágico, será que eu consigo adivinhar a carta nas suas mãos? — sorriu ao citar o truque, dando mais um gole na bebida.


observações:
Vestida de catwoman.
Elvira Linsenbröder
avatar
Indefinido
Mensagens :
25

Localização :
usa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Jack B. Ashe em Dom 30 Out 2016, 01:16

Spocky Scary Skeletons

Seu pensamento estava em livros de Sherlock Holmes, o qual era apaixonado já que leu durante por 2 séculos, quando uma mulher-gato falou com ele. Havia perguntado se podia fazer o truque mais básico de um mágico, truque de carta. Ele riu levemente e bebeu um pouco de seu chá enquanto a observava. Ela tinha jeito de chamar atenção e provocar com sua roupa sexy. Seu rosto ficou um pouco vermelho quando subiu seus olhos até o decote extremamente provocante e bebeu todo o chá com um gole.

Pediu mais um copo de chá e olhou para a mulher-gato. Vendo também que ela havia tomado alguma bebida com um gole, então parecia uma daquelas garotas que gostava de sair e beber. Ele sorriu fracamente e respondeu.

E eu posso também lutar com o batman, mulher-gato?— Riu um pouco e bebeu mais um pouco, achando que noite havia ficado interessante.

Adendo:
Interagindo com Elvira e minha fantasia é da magia loca.
 

Jack B. Ashe
avatar
Indefinido
Mensagens :
10

Localização :
Favela

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Eunice Jackson em Dom 30 Out 2016, 01:18


i'll show you how to float down here
and all of the ghouls come out to play


Tão logo surgiu, a tensão se dissipou. Aparentemente, Peter já se sentia à vontade na companhia do filho de Athena. Rhydian segurou a mão do garoto, já sendo tomado por um instinto fraternal, e sorriu ao ver Peter erguer dois dedos para mostrar a quantidade de centímetros que havia crescido no último mês.

— Dois centímetros em um mês? — Rhydian assoviou, impressionado. — Wow, com essa velocidade de crescimento, em poucos dias, você estará mais alto que eu.

Eles chegaram ao bar e, antes que Rhydian fizesse o pedido, Peter ficou na ponta dos pés para que seus olhos ficassem um pouco acima do balcão e então pediu uma coca-cola.

— Eu também vou querer uma, com gelo e limão, por favor — informou o filho de Athena enquanto ouvia a pergunta de Peter. — Ah, bem, na verdade eu nunca lutei contra um inimigo grandioso. Já enfrentei alguns semideuses mafiosos, achei que tivesse perdido meu irmão, fiquei mudo por vários anos, encontrei o deus do silêncio, lutei contra vários monstros que aparecerem com frequência atrás de qualquer semideus... no geral, tive algumas aventuras.

Ele deu de ombros e pegou o refrigerante que o bartender havia colocado sobre o balcão. Com um pequeno gole, ingeriu um pouco do líquido escuro, saboreando-o.

— Você já deve ter passado por situações difíceis, sim? Quero dizer... os filhos dos três grandes geralmente têm esse grande ímã para monstros.


Não revisei e nem revisarei. Interagindo com o Lost Boy (Pedrinho <3). q

Adendos:

— Os strikes são inteiramente off, então podem ignorar. Interações são posts mais descontraídos, então vamos que vamos.
— Qualquer coisa, só chamar. Se interagir comigo e tal, dá um toque pra eu ficar ligado.
Poderes:


— Passivos —

— Se pá, considera os poderes dos filhos de Athena e os poderes dos Mênades;


— Ativos —

— Error 404;
Itens:
๑ {Honor} Espada [Espada de bronze sagrado, que mede ao todo 90 cm, sendo 70 de lâmina e 20 de base. A base é de couro, e no final de seu cabo, está entalhada a sigla RF, as iniciais de seu dono, Rhydian. Os golpes da espada são tanto cortantes do que perfurantes, mas não se descarta esta outra utilidade da arma. Quando não utilizada, transforma-se em um anel comum, ao comando de seu dono, com a inscrição: “Guerra por guerra”. Tem a habilidade de perfurar armaduras e escudos em até 20 % de capacidade, caso de itens fortalecidos a perfuração se dará pela diferença de porcentagem.{Bronze sagrado e couro} (Nível Mínimo: 20) {Não Controla nenhum elemento}[Recebimento: The Dragon's Flame e modificado na Music and Forge] Just in case.
Fantasia:


but it's always darkest before the dawn
robei da duff / a font do título robei da cams
Eunice Jackson
avatar
Mênades
Mensagens :
456

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Peter Lost em Dom 30 Out 2016, 02:35



Halloween Party!



Assim que o bartender colocou o refrigerante sobre o balcão, minhas mãos se moveram velozmente e agarraram minha bebida. Tomei um largo gole enquanto escutava o filho de Atena e não consegui segurar a careta de espanto e admiração enquanto ele contava de suas aventuras.

- Nossa, você deve ser bem forte. - Exclamei pensativo. - Ficar sem poder falar deve ser horrível, me lembro de quando meu pai me castigou e tirou meu poder de voar.

Tomei mais um grande gole de coca-cola, saboreando a bebida como se aquela fosse a minha própria droga e tornei a falar.

- Grande ímã para monstros? Não sei de nada disso… - Soltei por fim, levando o indicador direito ao queixo. - Se bem que já trombei com o minotauro duas vezes, ele é bem bravo, sabia?

Varri novamente o recinto com os olhos, diversos semideuses se encontravam pela pista de dança, a pegação estava pesada de forma que até mesmo o senhor D, deus das bebidas e das festas, ficaria orgulhoso. Fitei Rhydian com meus grandes olhos azuis e, sem conseguir conter o sorriso bobo comecei:

- E você tem alguma namorada? - Eu ri enquanto dizia a última palavra - Os meninos mais velhos costumam ter namoradas, não é?

Adendos:
Não revisei, não irei revisar :D
Postando com o Rhydian (MARKI <3)
Fantasia:

Peter Lost
avatar
Filhos de Zeus
Mensagens :
250

Localização :
Lost...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Eunice Jackson em Dom 30 Out 2016, 11:15


i'll show you how to float down here
and all of the ghouls come out to play


Rhydian ficou se perguntando o que Peter teria aprontado para ser castigado por Zeus. Perguntou-se, também, por que Zeus havia punido um garoto tão jovem. Será que o deus era tão intolerante e carrasco? Por experiência própria, sabia que as divindades eram ocupadas demais para uma conversa, mas sempre encontravam tempo quando tinham que punir ou amaldiçoar alguém.

— Nossa, deve ser ruim ficar privado dos próprios poderes, hein? As habilidades se tornam uma parte fundamental de nós depois que acostumamos — sorveu mais uma pequena quantidade do refrigerante.

— Ah, sim, sim. Bem, filhos dos três grandes têm uma aura e um cheiro mais forte que as crias dos outros deuses, então os monstros são mais facilmente atraídos —  Rhydian piscou os olhos, com um sorriso divertido no rosto após ouvir o garoto falar que já havia encontrado o minotauro por duas vezes. — Wow! Eu nunca o encontrei, mas, wow, você deve ser muito forte mesmo!

Quem tão jovem saía vivo após dois encontros com o minotauro? Peter Lost, aparentemente. Rhydian ainda estava pensado no quanto o garoto à sua frente era badass quando foi atingido por um trem fora dos trilhos por uma pergunta nada a ver com o assunto anterior, deixando-o momentaneamente desconcertado. Pimentinha.

— De onde veio essa pergunta?! — sentiu o rosto ruborizar, mas, de novo, a fantasia se encarregaria de esconder seus rosto vermelho. Tomou mais um gole da coca-cola, ganhando tempo para se recompor, e então respondeu: — Na verdade, não tenho namorada. Ainda. Suponho que a maioria das pessoas da minha idade, e vale ressaltar que eu tenho 20 anos, já tenham namorado. Mas eu nunca namorei.

Ele sorriu, levemente encabulado, e deu um soquinho no ombro de Peter. Poderia repetir a pergunta para o garoto, mesmo tendo quase certeza que sabia a resposta, só para deixá-lo constrangido, mas resolveu apenas mudar de assunto.

— Você mora no acampamento, Peter? Ou tem uma casa fora de lá? — Mostrou-se curioso para saber mais a respeito do filho de Zeus. Será que ainda tinha uma família? Aonde ele vivia antes de ir para o acampamento? Como ele descobriu que era semideus? Talvez não seja o momento para bombardear o garoto com perguntas, pensou Rhydian.


Não revisei e nem revisarei. Interagindo com o Lost Boy (Pedrinho <3). q

Adendos:

— Os strikes são inteiramente off, então podem ignorar. Interações são posts mais descontraídos, então vamos que vamos.
— Qualquer coisa, só chamar. Se interagir comigo e tal, dá um toque pra eu ficar ligado.
Poderes:


— Passivos —

— Se pá, considera os poderes dos filhos de Athena e os poderes dos Mênades;


— Ativos —

— Error 404;
Itens:
๑ {Honor} Espada [Espada de bronze sagrado, que mede ao todo 90 cm, sendo 70 de lâmina e 20 de base. A base é de couro, e no final de seu cabo, está entalhada a sigla RF, as iniciais de seu dono, Rhydian. Os golpes da espada são tanto cortantes do que perfurantes, mas não se descarta esta outra utilidade da arma. Quando não utilizada, transforma-se em um anel comum, ao comando de seu dono, com a inscrição: “Guerra por guerra”. Tem a habilidade de perfurar armaduras e escudos em até 20 % de capacidade, caso de itens fortalecidos a perfuração se dará pela diferença de porcentagem.{Bronze sagrado e couro} (Nível Mínimo: 20) {Não Controla nenhum elemento}[Recebimento: The Dragon's Flame e modificado na Music and Forge] Just in case.
Fantasia:


but it's always darkest before the dawn
robei da duff / a font do título robei da cams
Eunice Jackson
avatar
Mênades
Mensagens :
456

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Max Horscheimer em Dom 30 Out 2016, 11:59

and since i am dead,

Evitava qualquer contato visual com os demais participantes da festa. Não queria aproximações nem diálogos com estranhos. Fazer novos amigos para quê? Maxxie tamborilou os dedos ansiosamente sobre o balcão, as unhas roídas sequer encostando na superfície; os pés sem apoio balançavam no ar, as pernas abertas mantendo-os nas laterais do banco.

Um copo com um líquido transparente foi deixado à sua frente. Não sabia do que se tratava, mas tinha um cheiro forte. A mão avançou, e os dedos iam se cerrando em volta do copo quando o objeto lhe foi tomado por alguém adjacente. Uma sobrancelha maquiada ergueu-se automaticamente quando a loira olhou para o lado. Um rapaz havia se aproximado, aparentemente preocupado com a bebida que lhe fora oferecida. Não fazia o menor sentido para Max.

Vestido de — o quê? — uma flor gigante, porém com pétalas bastante realísticas. Não, várias flores. Um buquê. Algo assim. Não deu muita importância para esse detalhe, pois logo lhe foi empurrado outro copo. Ice, ele dissera. Seria imprudência beber algo advindo de um estranho, mas não era o caso. Maxine pegou o copo com grosseria e levou-o até a boca, virando-o inteiro na garganta. Não podia ignorar o fato de que aquele rapaz estava lhe tratando como uma criança. Ela não era.

A bebida desceu, gelada, por sua garganta. E o gosto um tanto azedo de refrigerante de limão lhe arrancou uma careta leve. O copo vazio, após isso, foi despejado sobre o balcão.

Muito atencioso da sua parte — murmurou, a voz quase fraca demais para que pudessem ouvi-la sobre o barulho da música no recinto.


i can take off my head to recite shakespearean quotations
Max Horscheimer
avatar
Filhos de Macária
Mensagens :
10

Localização :
Everywhere.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Kyun Kai Soo em Dom 30 Out 2016, 12:53

you shall die of cuteness!!!.


Kaisoo não sabia como se comportar quando acontecia aquele tipo de coisa. Não que flutuasse do nada com muita frequência, apenas perdia o rumo depois de passar por uma situação constrangedora. Uma raposa puxava Kai para o chão mordendo-lhe a fantasia, e o animal não parecia se preocupar com o fato de que fazendo aquilo podia rasgar a fantasia dele. Não foi preciso muito esforço para trazê-lo ao chão, pois a fonte do poder deve ter parado de se concentrar em Kai depois de um tempo.

Quando sentiu sua cintura ser envolvida pelo braço de alguém, foi quando finalmente sentiu que possuía os dois pés no chão e o controle total do próprio corpo. Sua vergonha o deixou preso demais na própria cabeça; e agora queria apenas se esconder.

Ao ouvir a pergunta de Jaehoon, Kaisoo tirou as mãos do rosto e olhou para cima - era um pouco mais baixo do que o outro semideus.— Ah... — Kai não sabia o que falar. Para outras pessoas poderia ser apenas uma brincadeira, mas Kaisoo era extremamente tímido, e foi exposto em uma situação desconfortável numa fração de segundos. — Eu... Tô bem. — Mentiu. Seu rosto vermelho para lhe contrariar.

Demorou mais um pouquinho para perceber o quão próximo estava de Jaehoon. Mas não se importou naquele momento - ele quem havia lhe tirado do ar, junto com a raposa. — Me desculpe. Aish. — Reclamou, um pouco irritadiço. E como um viciado ou com compulsão em comer, tirou um alcaçuz escondido da roupa e colocou metade na boca. — Obrigado por me colocar de volta no chão.

Adendos:
Desarmado. Fantasiado de esquilo voador. Interagindo com o Jaehoon.
Kyun Kai Soo
avatar
Filhos de Íris
Mensagens :
406

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Evelynn Anderton em Dom 30 Out 2016, 13:13



   
   
   








-




O garoto de fato não parecia estar confortável com aquela situação. Aquilo, definitivamente, estava na cara dele. Sorri tentando parecer o mais amigável possível para que ele não se sentisse daquela maneira.

— Hey, Kai... Não precisa ficar assim por causa disso... É super normal fazerem esse tipo de coisas nessas festas. — O fitei. — Pense pelo lado bom, não foi um balde de sangue de porco, não?

Coloquei o óculos que estava "descansando" em minha toca. Iria pegar mais alguns doces, mas aquela situação me fez perder completamente a vontade de comer coisa com açúcar que eu tinha a alguns minutos, atrás.

— Quer ir lá fora? Pra respirar, sei lá... A gente pode voltar quando se sentir melhor. — Sorri para ele, enquanto arrumava a toca de sua fantasia. — Que tal?

Fantasia:



I'm in the conner, watching you kiss him oh oh oh !
Evelynn Anderton
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
70

Localização :
Noruega

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Kyun Kai Soo em Dom 30 Out 2016, 14:49

you shall die of cuteness!!!.


Kaisoo sentiu-se um pouco menos desconfortável ao ver o quanto Jaehoon se esforçava para tentar confortá-lo. Ainda que estivesse um pouco constrangido, se sentiu melhor ao saber que tinha alguém disposto a ajudá-lo com uma questão tão pequena. Enfim, Kai teve coragem para olhar o outro nos olhos.

— É, não foi tão ruim. — Disse, dando de ombros levemente. — E, bem... Eu sei voar, de qualquer forma. Não sei porque me afobei tanto. — Afirmou, respirando fundo, embora soubesse que o que havia deixado-o constrangido foi o fato de ter chamado tanta atenção.

Ao ouvir a sugestão de Jaehoon, ele acenou positivamente com a cabeça. — É uma boa ideia, na verdade. Eu já estava planejando sair, mesmo. — Falou. Se afastando um pouco do outro semideus, começou a seguir para fora do clube. Esperava que o outro lhe acompanhasse por um tempo. — O que aconteceu acabou tirando a gente da nossa conversa, né? Me desculpe pela má impressão.

Adendos:
Desarmado. Fantasiado de esquilo voador. Interagindo com o Jaehoon e saindo do clube privado.
Kyun Kai Soo
avatar
Filhos de Íris
Mensagens :
406

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: — Festa de Halloween

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 11 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6 ... 9, 10, 11  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum