Percy Jackson e os Olimpianos RPG BR
Bem vindo ao maior fórum de RPG de Percy Jackson do Brasil.

Já possui conta? Faça o LOGIN.
Não possui ainda? Registre-se e experimente a vida de meio-sangue.

♛ Stranger [MNEF para Astrid F. Sorg]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

♛ Stranger [MNEF para Astrid F. Sorg]

Mensagem por Eros em Qua 07 Dez 2016, 00:17

stranger
things

Um semideus vive inúmeras aventuras inesperadas, isto é fato. Porém, quase todas são dentro de sua área de “conhecimento”, por assim dizer. O que poderia acontecer caso algum semideus se envolvesse em algo maior que isso? Algo além? Algo fisicamente incompreensível? Ou até mesmo, algo novo para este mundo de mitologias e mistérios? Astrid nos dirá.

A filha de Perséfone foi a selecionada, dentro tantos outros no acampamento, para resgatar um semideus jovem na cidade de Montauk, bem próximo do acampamento. Ela só não contava com a intervenção inesperada em seu dever de seres completamente desconhecidos.

♛:
– Astrid Fältskong Sorg – 100/110 HP | 100/110 MP


about the mission
required and additional points

pontos obrigatórios

♛ Neste post inicial eu quero que você descreva o dia inicial da missão, o que fez/fazia. Adicione que foi convocada a Casa Grande através de seu irmão Logan, o monitor do chalé, ele lhe avisou que Quíron desejava vê-la;
♛ Após arrumar sua cama e se trocar, dirija-se até o local, onde o velho centauro lhe receberá na varanda. Após as formalidades, Quíron introduzirá o contexto de uma nova missão, onde um semideus de aproximadamente 12 anos, criado pela mãe, que precisa vir para o acampamento;
♛ Aceite a missão e vá diretamente para seu chalé pegar suas armas. A criança está em Montauk, o que não é muito longe do acampamento, portanto um Pégaso será disponibilizado para você, segundo Quíron;
♛ Encerre o post chegando nos estábulos;
♛ Acréscimo de sentimentos, detalhes, tramas, ou qualquer outra coisa que enriqueça a narração são sempre bem-vindos. Sejam criativos.
pontos adicionais

♛ Missão Narrada Externa Fácil para Astrid Fältskong Sorg
♛ Montauk, NY;
♛ Clima úmido, 24 °C / 09:00 a.m.;
♛ Coloque as armas levadas em code ou spoiler ao final do texto. O mesmo deverá ser feito com os poderes, separando-os em ativos e passivos;
♛ Evite usar templates com barrinhas ou muito estreito (não são aceitos menores de 400px), e muito menos cores cegantes;
♛ Prazo de postagem até 23h59, segundo o horário de Brasília, do dia 14/12/2016;
♛ O critério de avaliação final usado será o baseado neste sistema Clique;
♛ Caso não poste e nem justifique, perderá 25% do status de HP e MP total;
♛ A premiação máxima consiste em: 500 XP, 100 dracmas e uma recompensa;
♛ Ao final, caso atinja 75% da premiação total, ganhará um item mediano;
♛ A não postagem durante um turno de batalha será punida diretamente com morte do personagem;
♛ Agradeço se me enviar uma mensagem privada assim que postar;
♛ Boa sorte, e surpreenda-me.


❤ Eros | Cupido | Winged | Married ❤

Eros
Deuses
Mensagens :
36

Localização :

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♛ Stranger [MNEF para Astrid F. Sorg]

Mensagem por Astrid Fältskog Sorg em Sex 09 Dez 2016, 01:07

stranger
mornings are for coffee and contemplation


— Pontos esbranquiçados no céu escuro que formam desenhos aleatórios chamados de constelação, para que pessoas observem-nas e tentem achar as composições; uma completa perda de tempo, para falar a verdade.

A garota encarou o homem em sua frente. O jogo não tinha um nome certo, mas fora inventado quando Astrid completou seus dez anos de idade — fizera cartas de papelão com o nome de alguma coisa relacionada à natureza neles. A ilustração das cartas tinha um traçado infantil e era a mesma há cinco anos, e a semideusa não tinha paciência de refazê-las. Era simples: tiravam uma carta qualquer do monte e descreviam o que estava escrito ali.

— Fácil. Estrelas — Joshua sorriu e pegou um dos salgadinhos que estavam na tigela. — Mas por que você acha que ver estrelas é uma falta de tempo?

Um suspiro escapou dos lábios da mais nova.

— Porque aquelas estrelas estão mortas.



— Ei. Acorde. Quíron quer falar com você.

A luz da manhã adentrava o chalé pelas janelas e ter escolhido a cama ao lado das cortinas fora o pior erro que já havia feito — ultrapassava o dia em que escolheu uma novidade vegetariana em vez de pizza no refeitório do colégio. Abriu os olhos e ergueu o tronco, uma tontura horrenda atingindo-a de imediato, fazendo com que a garota levasse as mãos à cabeça numa tentativa de melhorar a dor.

Conhecia a voz que ouviu. Pertencia a Logan, meio-irmão de Astrid e monitor do chalé. Agora tentava processar a mensagem que havia sido proferida pelo mesmo; Quíron queria falar com ela. Ou algo acontecera com algum familiar dela ou o centauro gostaria de falar sobre alguma coisa que Fältskog não sabia, e nenhuma das opções parecia muito boa. Logan já não se encontrava mais no recinto e a semideusa queria deitar novamente no colchão, levantar os braços e pedir para que o Deus com D maiúsculo tirasse ela dali.

Logicamente, Astrid não fez isso.

Em vez disso, levantou-se e ajeitou a cama, tentando esticar o maldito lençol que sempre amanhecia embolado nos pés de Astrid. Tomou um banho e vestiu-se como sempre, saindo do chalé e fazendo seu caminho até a Casa Grande. Não era um percurso muito longo mas também não muito curto, o suficiente para fazer alguém pensar sobre os acontecimentos da vida. Como a adolescente vivia presa num lugar patético e entediante, não havia nada no que pensar — bem, ela precisava treinar e estava com fome. Com a mente cheia de pensamentos aleatórios, não percebeu os degraus e tropeçou, não caindo por pura sorte. Levantou o olhar e encontrou o rosto envelhecido do centauro.

— Bom dia. — Quíron cumprimentou-a e ofereceu o lugar em um dos sofás que estavam ali na varanda. Astrid negou; não gostava de ficar ainda mais baixa que o centauro. — Provavelmente, você está pensando no porquê do meu pedido para que viesse até aqui.

— O senhor está certo. Nada aconteceu com meu pai, certo?

— Não — a palavra soou vazia, mas causou um alívio na semideusa. — Gostaria de enviá-la numa missão.

Se houvesse algum líquido na boca de Astrid, o mesmo teria sido cuspido naquela hora.

— Me desculpe, senhor, mas estou surpresa. Eu, dentre tantos outros? — na hora que fez a pergunta, o arrependimento inundou seu ser. Tinha medo da resposta. E se havia sido escolhida apenas porque todos os outros já estavam ocupados, ou seja, como última opção? Ah, odiava aquele sentimento. — Na verdade, eu… Pode me contar mais sobre?

O centauro pareceu satisfeito e pôs-se a falar sobre a tal missão. Aparentemente, havia um garoto de doze anos, criado pela mãe, em Montauk que precisava vir para o acampamento. Astrid ficara meio confusa. Aquela era a tarefa dos sátiros, não? Decidira, no entanto, não perguntar nada. Um pégaso seria oferecido para a semideusa. Por que não um carro? Minha direção não é das melhores, mas eu sei dirigir!

Fältskog aceitara a missão e foi para o chalé pegar suas armas, uma espada e um escudo. Aproveitou, também, para pegar uma jaqueta, afinal, nunca se sabe se o tempo mudará ou não. Tinha certeza que não falaria com ninguém vestida daquele jeito — uma camisa com a inscrição ‘antissocial’ não era a melhor forma de fazer amigos. Caminhou até os estábulos, conforme Quíron mandara, e passou os minutos seguintes pensando em possíveis slogans para uma locadora de pégasos.

(✿ ♥‿♥):
armas:

♦ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

✿ {Flowerblade} / Espada [Uma espada que mede cerca de 70 cm, sendo que sua lâmina é em torno de 60 cm. Sua lâmina é de bronze sagrado e fica em um tom diferente conforme a estação do ano, e o pomo tem a forma de uma rosa desabrochando. Seu guarda-mão tem um formato de quatro pétalas laterais divididas igualmente, e no centro há um brasão em forma de flor, adaptável ao gosto do meio-sangue. Ao matar alguém, toda a sua estrutura torna-se negra e gélida, relembrando ao filho de Perséfone o sofrimento que uma morte pode causar. ] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

✿ {Flowershield} / Escudo [Um escudo pequeno e circular (cerca de 30 cm de altura e largura); é feito de aço e é bastante resistente. Em seu centro há entalhado um brasão de flor adaptável ao gosto do semideus. No nível 20, torna-se uma fitinha dessas que são amarradas nos pulsos ou nos tornozelos.] {Aço} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]
poderes:
Nada aqui. ♥


surrounded •• by •• you ••
Astrid Fältskog Sorg
Filhos de Perséfone
Mensagens :
32

Localização :
in the lonely hearts

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♛ Stranger [MNEF para Astrid F. Sorg]

Mensagem por Eros em Seg 19 Dez 2016, 22:52

stranger
things

Astrid escolheu um Pégaso simples, castanho, com a crina na mesma coloração. Montou o lombo do animal e, com um pouco de dificuldade, conseguiu levantar voo. Passado cerca de uma hora, a filha de Perséfone já avistava a cidade que era seu atual destino, a cidade de Montauk. Não era muito grande, não comparada a Nova York, ou até mesmo a Manhattan, mas parecia uma cidade bem cuidada e cheia de vida.

A semideusa pousou com o animal em meio a uma belíssima praça, agradecendo aos deuses pela névoa que impedia os mortais de verem o que realmente acontecia. Provavelmente viam a garota descendo em um balão, ou uma asa-delta, sabe-se lá. Astrid agora tinha que cumprir a primeira parte da missão: encontrar o semideus perdido em Montauk.

♛:
– Astrid Fältskong Sorg – 100/110 HP | 100/110 MP


about the mission
required and additional points

pontos obrigatórios

♛ Narre com detalhes o momento em que subiu no animal, e principalmente o voo, como sendo algo “novo” para a garota. Quero emoção, sensações, tudo que puder colocar;
♛ Nessa hora que levará para chegar à cidade, acrescente algo que você fez (dormiu, pensou em formas de achar o semideus, comeu algo que levou na mochila, refletiu sobre como o Professor Xavier entra na mente do Wolverine e não na do Magneto, enfim, inove);
♛ Ao chegar em Montauk quero que imediatamente você identifique uma nuvem de tempestade sobre a parte norte da cidade. Aquilo irá lhe atrair a atenção, e dirija-se até o ponto, encontrando um casebre de madeira um pouco afastado da cidade;
♛ Encerre o post batendo a porta da casa. As descrições ficam por sua conta;
♛ Acréscimo de sentimentos, detalhes, tramas, ou qualquer outra coisa que enriqueça a narração são sempre bem-vindos. Sejam criativos.
pontos adicionais

♛ Missão Narrada Externa Fácil para Astrid Fältskong Sorg
♛ Montauk, NY;
♛ Clima úmido, 24 °C / 10:00 a.m.;
♛ Coloque as armas levadas em code ou spoiler ao final do texto. O mesmo deverá ser feito com os poderes, separando-os em ativos e passivos;
♛ Evite usar templates com barrinhas ou muito estreito (não são aceitos menores de 400px), e muito menos cores cegantes;
♛ Prazo de postagem até 23h59, segundo o horário de Brasília, do dia 26/12/2016;
♛ O critério de avaliação final usado será o baseado neste sistema Clique;
♛ Caso não poste e nem justifique, perderá 25% do status de HP e MP total;
♛ A premiação máxima consiste em: 500 XP, 100 dracmas e uma recompensa;
♛ Ao final, caso atinja 75% da premiação total, ganhará um item mediano;
♛ A não postagem durante um turno de batalha será punida diretamente com morte do personagem;
♛ Agradeço se me enviar uma mensagem privada assim que postar;
♛ Boa sorte, e surpreenda-me.


❤ Eros | Cupido | Winged | Married ❤

Eros
Deuses
Mensagens :
36

Localização :

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♛ Stranger [MNEF para Astrid F. Sorg]

Mensagem por Astrid Fältskog Sorg em Sex 30 Dez 2016, 00:05

stranger
mornings are for coffee and contemplation

Era isso? Podia escolher qualquer um? Qualquer um?

Quíron chegara no local de modo silencioso, ou pelo menos o mais silencioso que um centauro pode ser, e ofereceu a escolha do animal. Astrid correu os olhos pelo estábulo. Cada um tinha um par de asas que brilhavam mesmo nas sombras e não sabia qual escolher; não tinha muita experiência com os animais. No fim, encontrou-se acariciando um pégaso de cor castanha e que parecia bem entretido com a carícia da semideusa. Um sorriso apareceu e ela montou no animal, temendo cair. Quiíron desejou-a sorte e Astrid agarrou-se ao pescoço do cavalo alado quando o mesmo começou a correr para ganhar velocidade e seus olhos se fecharam quando sentiu o vento bater em seu rosto.


A primeira coisa que viu quando as pálpebras finalmente se abriram foi o azul. Uma imensidão azul com pontos brancos salpicados, e foi então que percebeu que estava voando. Não literalmente, é claro, porque ainda tinha um pégaso sob seu corpo, mas era aquilo que dominava seus pensamentos no momento. Não soube dizer quando começou a gargalhar em completa felicidade, porém, dois segundos depois de soltar-se do pescoço do animal, o pânico a consumiu.

— Eu vou cair. Eu não vou cair. — Repetia as palavras como se fossem um mantra, como se o efeito da frase fosse como um escudo que a protegeria. No fundo, bem no fundo, sabia que não era verdade, mas se forçava a acreditar. Tinha que acreditar.

Os olhos pesavam, indicando que não havia dormido o suficiente na noite anterior, e aquilo era verdade, mas não iria dormir ali, não podia. E se caísse? Era um risco que não valia a pena então deixou os olhos abertos o máximo que conseguia, o vento frio entrando em cada poro sem pedir permissão. A jaqueta não fazia muito efeito.

Descobriu que gostava da sensação.

E ali ficou, encarando a cidade abaixo de si em completo êxtase, enquanto deixava a corrente de ar passar por seu corpo.


Com um solavanco, acordou, e imediatamente começou a se xingar pois havia caído no sono. Burra, estúpida, anta, tapada, idiota, idiota, idiota. Poderia ter morrido. Pelo menos, tirou um belo de um cochilo — estava começando a ver o lado bom na ação ruim. A praça não estava tão cheia. Uma senhora estava sentada num banco, um jornal sobre suas coxas. Astrid desviou o olhar pois pensara em sua vó e não gostava de pensar nela, e olhou para o céu, o mesmo local onde estava minutos antes.

O dia estava ensolarado e a semideusa visualizou uma nuvem de chuva, escurecendo a parte norte da cidade. Tentou pensar que aquilo era normal mas não conseguiu se convencer disto, montando no pégaso e indo na direção norte.

Quando aterrissaram, a Fältskog pôde ver um casebre de madeira. Parecia inabitado; a pintura estava extremamente descascada e algumas aranhas circulavam ao redor da construção. Astrid enrugou o nariz. Ia dar meia-volta quando um barulho chamou sua atenção. Não identificou se era humano ou animal, e quando menos percebeu já estava dando três batidas na porta com a mão esquerda, a direita sobre a espada que havia embainhado.

Só tinha que esperar.

(✿ ♥‿♥):
armas:

♦ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

✿ {Flowerblade} / Espada [Uma espada que mede cerca de 70 cm, sendo que sua lâmina é em torno de 60 cm. Sua lâmina é de bronze sagrado e fica em um tom diferente conforme a estação do ano, e o pomo tem a forma de uma rosa desabrochando. Seu guarda-mão tem um formato de quatro pétalas laterais divididas igualmente, e no centro há um brasão em forma de flor, adaptável ao gosto do meio-sangue. Ao matar alguém, toda a sua estrutura torna-se negra e gélida, relembrando ao filho de Perséfone o sofrimento que uma morte pode causar. ] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

✿ {Flowershield} / Escudo [Um escudo pequeno e circular (cerca de 30 cm de altura e largura); é feito de aço e é bastante resistente. Em seu centro há entalhado um brasão de flor adaptável ao gosto do semideus. No nível 20, torna-se uma fitinha dessas que são amarradas nos pulsos ou nos tornozelos.] {Aço} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]
poderes:
Nada aqui. ♥


surrounded •• by •• you ••

Astrid Fältskog Sorg
Filhos de Perséfone
Mensagens :
32

Localização :
in the lonely hearts

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♛ Stranger [MNEF para Astrid F. Sorg]

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 14:12

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum