Percy Jackson e os Olimpianos RPG BR
Bem vindo ao maior fórum de RPG de Percy Jackson do Brasil.

Já possui conta? Faça o LOGIN.
Não possui ainda? Registre-se e experimente a vida de meio-sangue.

.:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

.:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Will Fortune em Seg 16 Out 2017, 16:16



 

   
Double Rainbow

 
Ambientação


Localizada em uma das avenidas de Los Angeles, a nova enfermaria, do curandeiro Will Fortune, era um lugar onde semideuses machucados poderiam buscar por socorro e recuperação assim como mortais que se sentissem a vontade para entrar ali. O lugar contava com uma decoração interna em um verde característico dos filhos de Íris, um tom suave que se confundia com o azul visando um relaxamento dos pacientes que ali entrassem. Uma música suave de harpa tocava ao fundo em looping, graças a uma engenhoca mágica projetada por um filho de Hefesto e um de Apolo.

Além da decoração e da música, o local contava com equipamentos recém-adquiridos, macas/leitos confortáveis, poltronas para acompanhante e espaço para até cinco pacientes, por ser ainda um local pequeno. A mesa da curandeira, com sua bolsa, livros e armário, ficam ao fundo da enfermaria e num tablado firme mais elevado, de onde a jovem moça tem visão de todo o local e da entrada, podendo facilmente ver quem estaria precisando de ajuda e como, para rapidamente atender.

 


 
Diretrizes de Postagem

Leia com Atenção:
― Enfermarias são um lugar ONGAME. Portanto, o jogador deverá postar uma mensagem de entrada, sujeita às regras do fórum (flood, double post, etc.).

A Enfermaria é um lugar relativamente atemporal, com exceções destacadas:

1. Se o jogador estiver com atualizações pendentes, o atendimento não é possível e seu post poderá ser ignorado. Você não pode postar aqui para recuperar HP/MP que ainda não perdeu;
2. Enquanto em missão, no aguardo de avaliação ou atualização em geral -  enquadram-se aqui penalidades pela não-postagem em missões;
3.  Caso o personagem esteja fora do Acampamento, faz-se necessária uma justificativa plausível para postar na Enfermaria. Não faço exigências e não vou investigar seu histórico de postagens, mas uma frase ou um parágrafo justificando como você chegou até aqui vai me ajudar muito.
4. Situações extraordinárias definidas pela staff.

― As consultas são GRATUITAS, estando o jogador livre da necessidade de pagar de alguma forma pelos serviços prestados. Nunca rejeito presentes, mas a staff deve ser contatada nesse caso.

― Durante as postagens, Ana irá interagir com os personagens, uma vez que remédios e tratamentos levam tempo em ON para serem feitos. Dito isto, é interessante (mas não OBRIGADO) que, ao postar sua chegada, conte sobre o que fez você estar ali, seus problemas pessoais, a fofoca do momento, dentre outros. Liberdade para a criação.

― Não me incomodo muito com Mps e cobranças no chatbox para a postagem, mas, por favor, procure fazê-los somente em último caso.

― Feedback é bom e (quase) todo mundo gosta. Se você tiver gostado – ou não – do seu post de cura, sinta-se livre para entrar em contato comigo. Aprecio muito a sua opinião.
Lista de Curandeiros:

Will Fortune

 


 

©️ Creado por Theta Sigma

 
Will Fortune
avatar
Curandeiros de Asclépio
Mensagens :
339

Localização :
No cu de Judas

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Tobias Pratt em Dom 22 Out 2017, 19:02




Curazinha Marota

A sensação de entrar novamente numa enfermaria era um tanto quanto nostálgica, de modo que várias lembranças tenham invadido minha cabeça. No entanto eu apenas mantive o olhar focado e segui com meus passos apressados, ignorando todas elas.

Eu ainda lembrava um pouco dos métodos de atendimento comuns aos curandeiros, mas estava cansado demais para que pudesse cuidar de mim novamente. Antes de saber da enfermaria em Los Angeles, eu fui o alvo dos meus poderes de cura dezenas e dezenas de vezes. Era isso ou ser derrotado por algum monstro.

Alguém aí? — eu fiz esforço para falar o mais alto possível enquanto procurava por algum lugar para sentar, o que fez com que uma onda de dor alcançasse todos os ferimentos recentes. Arranhões cobriam todo meu corpo e ainda havia sangue em algumas regiões. Os mais profundos tinham sido tratados com alguns recursos técnicos, como pedaços de tecido amarrados para evitar sangramentos e outras coisas do tipo.

A dor foi suficiente para que eu precisasse usar mais uma das minhas técnicas de improvisação para aguentar até o curandeiro chegar. Tentei manter-me calmo e fechei meus olhos, fazendo uma rápida oração a Asclépio. Quando retomei a visão, vi um brilho dourado envolver minha mão direita e a usei para tocar os ferimentos mais graves.

Senti um alívio e respirei fundo. Só depois daquilo eu tive certeza de que o médico dos semideuses não iria me encontrar morto na entrada de sua pequena enfermaria.

Ah, oi — sorri e o cumprimentei assim que vi entrando em meu campo de visão um rapaz com um colar idêntico ao meu — Eu pareço mal e realmente estou. Cortes, alguns superficiais e outros um pouco mais profundos, alguns sintomas que eu ganhei com algumas pancadas e mais um pouquinho de fontes de dor. Cê consegue me ajudar?

Apesar de ter focos de dor em todos os meus membros, eu sorri. Sabia que os seguidores de Asclépio eram confiáveis e isso já era o suficiente para que eu conseguisse permanecer calmo.

Itens:
{Colar do Serpentário} / Colar (o formato e o estilo da confecção lembram uma serpente dourada; nunca pode ser perdido, vendido ou retirado a força, pois identifica os curandeiros e, portanto, não é considerado um item nas contagens para missões, eventos e tramas, embora ainda seja preciso citá-lo) (seu efeito principal é o de, quando retirado do pescoço, se transformar em um dos itens a seguir: uma réplica quase totalmente semelhante do Bordão de Asclépio (ou seja, uma espécime de bastão rústico e fino envolvido por uma serpente de escamas feitas de prata envenenada que podem ser tão afiadas quanto uma espada, possuindo o mesmo potencial de corte de uma arma laminada; ele se adapta completamente ao tamanho e porte físico do usuário). {Prata, madeira e veneno} (Nível mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento) [Presente de Curandeiro] ~ Pescoço ~

{Needdle} / Wakizashi [O item encontrado no museu de New York é de lâmina fina, mas afiada nos dois gumes. Tem 90 cm de comprimento, sendo 70 de bronze sagrado. A empunhadura é feita em madeira revestida com seda branca, dando mais conforto e firmeza no manuseio. A arma ao todo é leve e pode ser utilizada com uma mão, acompanhando uma bainha de couro preta com entalhes.] {Bronze Sagrado , Couro e Seda} (Nível mínimo: 10) {Não controla nenhum elemento} [Recompensa pela missão "Choose Your Challenge", desenvolvida por Lady Psiquê e atualizada por Odisseu.] ~ Embanhada ~
Poderes:
Ativo:

Curar ferimentos (Nível 1)
Após fazer uma pequena e rápida oração ao seu mestre Asclépio, as mãos do Curandeiro serão tomadas por uma luminosidade de fraca coloração dourada, permitindo com que o usuário recupere uma parte do HP do alvo com o toque direto. A cura será equivalente ao custo de Mp deste poder x 1/2 do nível do curandeiro, arredondado para baixo (mínimo de cura = 4). Pode ser utilizado sobre si mesmo. Uso livre na enfermaria, mas limitado a 1 uso por aliado a cada combate enfrentado. Custo base a ser multiplicado pelo nível = 4 de MP.


Thanks for @Lovatic, on Cupcake Graphics


Tobias Pratt
avatar
Morto
Mensagens :
76

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Piotr Abramovich em Dom 29 Out 2017, 21:01

outch
Piotr adentrou a enfermaria de Will com certa pressa, embora o cansaço limitasse suas ações. Com a respiração ofegante e o constante suor escorrendo pelas bochechas, ele se prontificou diante do curandeiro, exibindo um misto de calma e euforia.

Coisas estranhas aconteceram recentemente com o filho de Héstia, então ainda havia muito a se processar. Talvez o tempo que ficasse por ali seria suficiente para absorver desde a morte cruel de Morgana até o convite de Circe.

Assentindo positivamente para qualquer coisa que o curandeiro dissesse, ele explicou que o principal motivo da sua fraqueza era a exaustão. De fato, estava há muito tempo em Los Angeles, distante do mundo semidivino.

habilidade passiva:
Repouso tranquilo [13] - Deusa do lar, Héstia remete ao conforto e aconchego que apenas um lugar familiar pode oferecer, bem como todos seus outros benefícios. A partir desse nível tal sentimento acompanha o próprio semideus e cura advinda de repouso e comida são ampliados em 20%. Não afeta cura mágica ou uso de itens/ poções.
Piotr Abramovich
avatar
Feiticeiros  de  Circe
Mensagens :
1393

Localização :
Nômade

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Brooklyn S. Palmer em Seg 30 Out 2017, 17:04

It's almost like slow motion suicide
Como eu vim parar nessa merda?

Era apenas isso que a filha de Apolo conseguia pensar à medida em que caminhava pelas ruas de Los Angeles. Talvez não ter ido com Ayla fora uma péssima ideia, porém não podia atrapalhá-la. Não queria fazer coisa do tipo. Mas pelo menos deveria ter esperado o efeito do porre que tomaram juntas passar para poder finalmente fazer uma despedida.

Estava tonta, sentia todos os ferimentos em seu corpo doerem mesmo que estivessem devidamente cicatrizados. Também estava cansada e mal alimentada, mas parava para vomitar em cada esquina que passava. Apenas a bile saía, nada mais.

Abraçou um poste no meio da rua, deslizando a testa pelo cimento e olhando em volta. Nunca havia saído de New York e, provavelmente, não saberia onde estava se não tivesse perguntado para um local. Avistou algo que lhe chamou atenção, que porra era aquela? Apenas os deuses sabiam, porém Brooklyn entrou após uma leve hesitação.

Se deu conta que era uma enfermaria e um suspiro de alívio lhe alcançou. Aquilo era coincidência demais. Por mais que nada apresentasse em seu rosto além de pura austera, estava mais eufórica do que desejava. Bateu na porta sem muita força, apoiando-se em alguma parte da decoração que não fazia ideia do que era.

Será que podem, sei lá, me colocar no Sol por um tempo? — Massageou as têmporas, apresentando leve irritação. — Puta merda, que ressaca filha da puta. — Xingou. — É, se quiserem me ajudar com isso pode também. Obrigada.

Sentou no primeiro lugar que encontrou, soltando um gemido de dor. Nunca mais iria beber novamente, nunca mesmo.

Considerações finais:
É pra me botar no Sol pra poder usar esse passivão de Apolo (Obg, paizão. Pau no cu do caralho)

Spoiler:
Nível 15
Foto-regeneração I: Enquanto diretamente sobre a luz solar potente (entre as 11 e as 16h de um dia ensolarado) e sem realizar qualquer tipo de ação, o filho de Apolo  começa a recuperar 2% HP por turno, após 3 turnos nas condições expostas. Ao realizar qualquer ação, o efeito é interrompido, necessitando de outros 3 turnos parado para que volte a se recuperar. Em termos de OPs, a cada meia hora sob o sol nas condições adequadas descritas, o personagem recupera 10% de HP, com intervalos de 5min entre o início da ativação e a cada interrupção. Falar é considerado ação livre, mas se mover, andar ou usar qualquer poder interrompe o efeito. Recuperação máxima de 20%. [Modificado, antigo "Cura solar"]
— what the fuck are perfect places, anyway?
vitu.
Brooklyn S. Palmer
avatar
Filhos de Apolo
Mensagens :
331

Localização :
casa do caralho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Will Fortune em Ter 31 Out 2017, 16:18



 

   
Double Rainbow

 
Tobias Pratt

Will caminhou até a entrada do local e então notou um rapaz de cabelos rosados, com um colar bastante parecido com o dele. Ele sorriu para o garoto o ajudando a levantar.

— Bom, vamos por aqui, irei te ajudar a se recuperar.

O levou até uma das macas que existiam por ali e o sentou. Logo o ajudou a retirar a camisa. Começou a passar sua mão levemente pelos cortes do rapaz os cicatrizando com certa rapidez. Assim que todos eles estavam fechados o filho de Íris sorriu.

Olhou para trás e percebeu mais dois semideuses lá. Uma deles pediu para ser exposta ao sol. Will pediu para que ela entrasse na segunda porta do corredor que dava no quintal do estabelecimento, lá era onde o sol batia praticamente o dia todo.

Voltou para o rosinha na maca e o fez se deitar. Fez uma rápida oração para seu patrono e suas mãos receberam um brilho dourado. Ele tocou nos pontos chackras do garoto para que sua vitalidade pudesse subir. Refez a oração e em vez de dourado suas mãos ficaram prateadas e retocou Tobias nos mesmo pontos.

Pediu para que ele esperasse um pouco e foi até o balcão atrás das macas. Retirou todos os itens necessários para fazer duas poções de dentro da sua bolsa. As misturou e deu uma poção vitalícia média e uma energética média. Deu para o garoto beber e o liberou para ir embora assim que ele se sentisse melhor. 


 
Piotr Abramovich

Willian deixou o rosinha descansar e foi em direção aos outros dois pacientes. No caso um deles, já que a possível filha de Apolo tinha ido tomar um sol. O rapaz de cabelos grandes parecia quente. Não quente no intuito sexual mas sim quente de ser 'aconchegante'.

Dirigiu-o até a maca ao lado de Tobias e fez o mesmo. Retirou a camisa do rapaz e passou a mão por todos os cortes que ele possuía fazendo eles se fecharem. Em seguida fez uma prece para Asclépio e suas mãos ficaram douradas. Willian tocou em todos os pontos chackras do semideus. Refez a oração para seu patrono e suas mãos novamente ficaram prateadas. Ele retocou os pontos do garoto.

Assim como fez com Tobias daria para ele duas poções. As fez rapidamente e entregou para ele. Mandou que ele esperasse por que voltaria para continuar

 


 
Brooklyn S.
Palmer

Willian pegou dois comprimidos e um copo d'água e se dirigiu até a filha de Apolo.

— Tome isto. Sua ressaca vai passar em alguns minutos. Venha comigo, vou te curar.

Levou ela até a maca onde Tobias estava, visando que ele já tinha saído. Ele passou as mãos por onde a garota possuía cortes os fazendo se curar ainda mais. Refez, pela terceira vez naquele dia, uma oração para o seu patrono. Suas mãos ficaram douradas e ele encostou nela nos pontos chackras. Fez o mesmo com as mãos prateadas depois de uma rápida oração.

Foi até a sua mesa fazendo quatro poções médias. Duas vitalícias e duas energéticas. Entregou duas delas para a filha de Apolo e as outras duas para o filho de Héstia. Liberou ela assim que terminou de tomar as poções. Já o Piotr teria que esperar um pouco mais.

 


 
Diretrizes de Postagem

Poderes:
PASSIVOS:
Conhecimento médico (Nível 1)
Os aprendizes de Asclépio são especialistas em artes da medicina (inclusive suas ramificações e especialidades), possuindo um conhecimento equivalente ao de um estudante de medicina em faculdade de ensino relevante. Assim, eles são os únicos que podem abrir enfermarias no Acampamento Meio-Sangue, passar prescrições médicas, interpretar receitas de efeito curativo e diagnosticar algum problema de saúde, além de ministrar primeiros socorros básicos, em ferimentos leves e superficiais. É necessário ressaltar que, como um estudante, ele apenas possui o conhecimento básico, então ainda necessita de prática e poderá errar inicialmente. Adicionalmente, podem lidar com equipamentos médicos, desde um estetoscópio até um bisturi: qualquer que seja o instrumento médico, o aprendiz de Asclépio saberá utilizá-lo com perfeição, intuindo sua serventia. Não identifica substâncias, apenas itens. A utilização dos instrumentos deve ser interpretada e, se for usada de forma errônea, ignorada. No caso de bisturis e itens que podem ser utilizados em combate, a perícia engloba apenas o uso cirúrgico-medicinal.[Modificado, englobando Perícia com Equipamentos médicos]

Conforto Restaurador (Nível 2)
Ao realizar um exame prévio e acomodar um paciente em sua enfermaria, recepcionando-o e tratando com cuidado, no ambiente adequado e modificado com as condições especiais para isso, o paciente fica mais predisposto ao tratamento e assim as habilidades do curandeiro tornam-se mais efetivas, ampliando o valor restaurado em 20% (arredondado para baixo, mínimo de 1 ponto). Por ser necessário certo preparo anterior, somente funciona na enfermaria ou em situações de conforto. Não afeta a si próprio, obviamente. Não serve para cicatrizar ou quaisquer outros efeitos, apenas a recuperação de vida; para obter tais efeitos, deve-se, ao menos por enquanto, utilizar de métodos convencionais. [Modificado de ativo para passivo, antigo "Boas vindas curadoras"]

Vocabulário Esclarecido (Nível 3)
Tal como doenças são descobertas pelo mundo inteiro, estas recebem nomes e mais nomes diversificados, muitas vezes em línguas estranhas e com abreviações e termos científicos. Um aprendiz conseguirá tanto enuncia-los com perfeição quanto entende-los corretamente. Na prática, sabem os sistemas de nomenclatura científico e são fluentes em latim.

Conhecimento Herbológico (Nível 4)
Muitas plantas são utilizadas na fabricação de remédios, pomadas e outros tipos de meios que buscam a proteção; além disto, não são poucas as vezes que o curandeiro necessitará de um conhecimento prévio sobre algum tipo específico de erva para fabricar determinada poção. Portanto, todos os seguidores de Asclépio serão peritos em identificar plantas e ervas medicinais naturais. {Inspirado em “Conhecimento Avançado sobre Ervas”}

Alquimista (Nível 6)
Quando um seguidor do deus da medicina estuda a alquimia, ficará pronto para preparar poções, venenos, pomadas e outros tipos desses objetos. As “bebidas” criadas pelos alquimistas só poderão ser usadas na situação atual; ou seja, não poderão ficar com as doses extras após a missão, evento, treino ou trama (isto é, caso prepare uma poção e não utilize todas as suas doses, ele as perderá – a exceção é a enfermaria, pois se um curandeiro formular uma poção, esta poderá ser utilizada por ele em outro paciente num outro post; não ocorrerá de ser adicionada ao seu arsenal).

Conhecimento anatômico (Humanóides)(Nível 9)
Qualquer curandeiro tem grande conhecimento sobre a anatomia do corpo humano e por isso, eles sabem com perfeição qual é o melhor local para inserir uma injeção ou medicamento para que haja mais efeito no mesmo, como também sabe os locais exatos para acertar durante um golpe para causar mais dano. Isso faz com que seus golpes tenham um dano adicional de 10% em um ataque planejado - um contra-golpe instintivo não se beneficiaria pois não teria a intenção de atingir um ponto específico. Válido para humanos e seres com anatomia semelhante. [Modificado]

Olhar Clínico (Nível 13)
Há uma espécie de lenda urbana que diz “grandes médicos sabem o que o paciente sente apenas de olho”. Pois bem, isso se aplica aos aprendizes, mas de uma forma diferente: ao avistar alguém, consegue “ver” as informações de saúde deste indivíduo (por exemplo, possíveis fraturas, doenças, batimentos cardíacos, oxigenação, vida, energia e situações psicológicas e sociais naturais). Estas informações aparecem em forma de dados e gráficos para o aprendiz, como na tela de um monitor de hospital. Algumas informações, como situações psicológicas e sociais só se aplicam a pessoas que deixarem o curandeiro ter esse conhecimento, o que resume a, normalmente, aliados. Isso faz com que seus diagnósticos agora sejam mais precisos, mas podem ser enganados por meios mágicos e poderes que alterem sua percepção.

Saúde perfeita I (Nível 14)
Como qualquer médico dedicado, os Curandeiros tomam conta de seu corpo de forma impecável e quase nunca ficam doentes, por isso, seu organismo está perfeitamente adequado a isso, fazendo com que o semideus ganhe grande resistência quando for pego por doenças simples. Considera que sejam 50% mais resistentes a doenças comuns.

Aprendiz Formado (Nível 16)
O primeiro passo para tornar-se um médico relevante é concluir o ensino superior desta área. Interpreta-se que, ao não desistir, o indivíduo em questão está realmente interessado em sua função desenvolvida. Estima-se, também, que o conhecimento deste já será bem mais completo do que aquele que entrou há tempos atrás e contarão inclusive com uma maior prática. Sendo assim, os equívocos iniciais já se tornarão mais raros. Este dom inclui o conhecimento sobre a aplicação de remédios no momento oportuno e de talas quando necessário, sabendo tratar agora ferimentos mais profundos e fraturas. Operações complexas exigem mais vivência e ainda não podem ser alcançadas.

Tranquilidade (Nível 19)
Médicos necessitam, constantemente, de tranquilidade e calma para realizar uma operação. Afinal, o que menos poderiam querer seria cometer um erro por nervosismo. Lógico que isto passa a ser uma das habilidades dos curandeiros, podendo resistir a efeitos de medo, pânico e paranóia. A resistência é fraca, contudo, e só retira metade do efeito; e os arredondamentos são feitos para baixo. Só afeta poderes que venham de uma fonte de nível igual ou menor do que o Curandeiro.{Idealizado por Sadie Bronwen.}

ATIVOS:
Curar ferimentos (Nível 1)
Após fazer uma pequena e rápida oração ao seu mestre Asclépio, as mãos do Curandeiro serão tomadas por uma luminosidade de fraca coloração dourada, permitindo com que o usuário recupere uma parte do HP do alvo com o toque direto. A cura será equivalente ao custo de Mp deste poder x 1/2 do nível do curandeiro, arredondado para baixo (mínimo de cura = 4). Pode ser utilizado sobre si mesmo. Uso livre na enfermaria, mas limitado a 1 uso por aliado a cada combate enfrentado. Custo base a ser multiplicado pelo nível = 4 de MP.[Modificado]

Toque Energético (Nível 3)
Após fazer uma pequena e rápida oração ao seu mestre Asclépio, as mãos do Curandeiro serão tomadas por uma luminosidade de fraca coloração prateada, permitindo com que o usuário recupere uma parte do MP do alvo com o toque direto. A restauração será equivalente ao custo de MP deste poder x 1/2 do nível do curandeiro, arredondado para baixo (mínimo 1). Não pode ser utilizado sobre si mesmo. Para fins de gasto de MP e cálculo de recuperação, é considerado um poder nível 1. Uso livre na enfermaria, mas limitado a 1 uso por aliado a cada combate enfrentado. Custo base a ser multiplicado pelo nível = 4 de MP.[Modificado]

Descanso (Nível 6)
O cansaço é um inimigo muitas vezes pior que armas. Ao utilizar este poder, com contato direto entre curandeiro e paciente – que não poderá ser si mesmo –, este último ficará isento de qualquer tipo de canseira. Os efeitos serão como se o doente tivesse acabado de dormir por oito horas (que é o recomendado para um homem adulto), eliminando penalidades provocadas por fadiga, seja natural ou induzida - não recupera HP ou MP, apenas retira as consequências da condição.


Anestesia (Nível 11)
A dor causada por machucados pode, agora, ser aliviada pelos curandeiros de forma mística. Tocando os músculos feridos, consegue retirar quaisquer dores do paciente, o que pode ajudar até mesmo na concentração e na calma deste. Não afeta o HP, apenas dores que podem ser debilitantes. Pode ser usado em si mesmo. O alivio dura por 3 rodadas.

Higienização (Nível 12)
Asclépio era progenitor de Higeia, a deusa da higiene, e seus aprendizes adquirem alguns dons que o mesmo passou a sua filha. A partir deste nível, o Curandeiro será capaz de purificar locais, alimentos ou águas apenas com um simples toque de sua mão, deixando-as completamente limpas e puras, tornando o alimento ou a água pura para consumo e locais completamente limpos. Nesse nível, apenas quantidades ou espaços pequenos: 1kg de alimento, 1 l de água ou 1m de área por utilização. A quantia dobra a cada 10 níveis. Não se aplica a envenenamento, removendo sujeiras mas não toxinas, nem afeta o ar ou remove doenças - apesar de poder limpar um ferimento, por exemplo.

Cicatrização II (Nível 15)
Agora o dom de cicatrizar cortes e ferimentos já está mais forte nos seguidores de Asclépio. Ao tocar as feridas abertas, estas se fecharão em uma rodada, impedindo hemorragias e sangramentos, anulando tais penalidades em casos de efeitos de nível igual ou menor que o curandeiro, ou reduzindo-as a apenas 25% se maior. Adicionalmente, recupera 5% da HP e MP do alvo, quando em outra pessoa, ou 5% da HP quando em si mesmo (sempre arredondando para baixo). A cicatriz ficará no local, mas será discreta, independente do tipo de ferimento. Este poder só pode ser usado em si mesmo se conseguir tocar o ferimento. 1 utilização por batalha. [Novo]

Purificar (Nível 21)
Basicamente, uma evolução de "Higienizar". Este poder remove toxinas e substâncias venenosas de um único alimento ou objeto. Não afeta organismos vivos que já tenham sido intoxicados (ou seja, não cura envenenamento). No caso de armas que tenham sido embebidas em veneno, o efeito da substância é anulada, requerendo uma nova aplicação. Em casos de armas em que a habilidade "envenenamento" provém de encantamentos ou similares, sendo de efeito sobrenatural ou contínuo, tal propriedade é anulada por 3 turnos, desde que o item seja de nível menor que o curandeiro. Necessita tocar diretamente o alvo para fazer efeito. [Novo]
HP/MP:
Brooklyn: FULL HP 296 MP
Piotr Full HP 794 MP
Tobias 315 HP 345 MP
 


 

©️ Creado por Theta Sigma
 

Atualizado
Will Fortune
avatar
Curandeiros de Asclépio
Mensagens :
339

Localização :
No cu de Judas

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Ayla Lennox em Ter 12 Dez 2017, 19:37

Way down we go


Oh, father, tell me
Do we get what we deserve?

Los Angeles, CA
4:57 a.m;

Nada fazia muito sentido para Ayla.

Existiam contornos indistintos e borrões aquarelados em tons de nascer de sol – cores quentes que muito mais pareciam uma tentativa falha de disfarçar o frio cortante daquela quase manhã. Até mesmo o firmamento parecia incerto e inconstante, como se não soubesse ainda se deveria se permitir chorar pelo deplorável estado da garota largada naquela calçada suja e tão surrada quanto ela se sentia.

Finalmente, uma garoa fina surgiu. Não era um lamento dos domínios de Zeus, tampouco uma demonstração de sua fúria, mas era diferente do que a lupina estava acostumada; o chão molhado não trazia memórias do céu, não trazia nada – não que merecesse qualquer coisa naquele instante.

Piscou algumas vezes só para afastar dos olhos que ainda teimavam em se abrir algumas gotículas. Percebeu então que a promessa de chuva era apenas uma maneira de deixá-la consciente do próprio estado e, acima disso, que fizesse algo para mudá-lo.

Doía. Tudo doía. Deitada quase de bruços com a blusa ainda rasgada, as lembranças das chagas e flagelos de Alcatraz marcavam sua pele nas costas em carne viva. Era difícil mover-se sem protestos do próprio corpo, respirar sem ser interrompida por pontadas álgicas, sustentar o peso da própria existência sem que cogitasse lamentar o fato de ainda existir.

Hematomas adornavam seu abdome e os pulsos e tornozelos haviam sido maltratados como todo o resto. Estava cansada. Reuniu mais forças do que julgava ter e ergueu-se o bastante para tatear os bolsos até encontrar uma dracma. Fitou a luz que atravessava os chuviscos à sua frente perto de uma poça e ali lançou a moeda.

— Jhonn Stark, Acampamento meio-sangue. — A voz saiu rouca, porém firme.

Não demorou até que a imagem começasse a se formar. O rapaz bebericava de uma xícara de café enquanto folheava alguns prontuários na enfermaria e parecia estar tão bem quanto a vida semidivina lhe permitia, especialmente dentro do acampamento. Ayla, apesar da sua situação, sorriu quando sua presença foi notada.

— Estou com problemas, Jhonn. — Falou enquanto evitava uma careta. — Sei que talvez seja mais do que posso pedir, mas preciso de ajuda. Estou em Los Angeles e consigo sentir a aura de um curandeiro em algum lugar aqui perto, mas... Confio em você. — Fitou o amigo, suspirando em seguida. — Por favor.

Dito isso, a mensagem de Íris se desfez. Ficou de pé e praticamente arrastou-se apoiando nas paredes mais próximas até encontrar a enfermaria nas redondezas, fruto também de rumores de outros semideuses fora das fronteiras. Viu um vulto assim que entrou e sussurrou algo – se um pedido, um aviso ou apenas seu nome, era difícil lembrar – antes de ser engolida pela escuridão e abraçada pelo chão mais uma vez.
Observações:
- O post se dá após a DIY "Chagas e Flagelos", então a situação e gravidade dos ferimentos é coerente às sequelas desse evento por mais que não pareça se adequar aos status de HP e MP;
- Chamei o Jhonn pra ajudar na cura e fiz o contato no on pra ter coerência e tal;
Considerar o seguinte passivo:

Nível 20: Fase da Lua III - Lua Cheia
Representando a fase da plenitude. Agora, filhos de Selene recebem pontos de vida adicionais quando uma magia ou efeito de cura de terceiros age sobre eles. Nesse nível, poções, néctar, ambrósia,comida ou poderes de cura além do valor normal têm uma bonificação de 25%. Só afeta o que é usado sobre ele, mas não é válido para seus poderes próprios. [Novo]


Os status atuais são: 860/1500 HP e 434/1500 MP
Ayla Lennox
avatar
Arautos da Discórdia
Mensagens :
1091

Localização :
EUA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Will Fortune em Sab 16 Dez 2017, 14:01



 

   
Double Rainbow

 
Ayla Lennox

Ouviu alguns passos vindo da porta e seus olhos foram em direção ao som foi então que notou uma semideusa extremamente poderosa entrar por ela. Will foi em sua direção na tentativa de ser receptivo com ela porém ela simplesmente apagou e foi em direção ao chão.

Por ela ser mais baixa e mais magra do que ele o curandeiro conseguiu com facilidade a levar até uma das macas. Sorriu de canto, não por ela estar totalmente ferida ou por algo além disso, apenas pelo fato de ser uma das lendárias filhas de Selene que tanto falavam no acampamento, e também Silvia vivia falando dela.

Não tinha tempo parar admirar aquele fato. Rasgou um pouco mais a blusa da garota até a altura do seu busto, o deixando coberto, para que pudesse fazer o procedimento naquelas feridas que estavam em carne viva. A virou de barriga para baixo e começou a passar suas mãos ali de forma delicada, conforme seus dedos iam tocando os ferimentos expostos eles começavam a se fechar lentamente.. Não fecharam por completo, então iria repetir o processo logo depois de terminar todo o resto.

Seu polegar foi em direção a nuca da semideusa para que ele pudesse sentir seus níveis vitais e energéticos. Apesar de altos para uma pessoa de tamanho poder como o dela estavam baixos. Fortune fez uma prece para seu patrono e suas mãos brilharam em um tom dourado. O curandeiro começou a tocar nos pontos chackras da garota fazendo com que seus níveis vitais aumentassem um pouco. Fez outra oração para Asclépio e dessa vez o brilho foi prateado porém os toques foram nos mesmos lugares.

Voltou para a parte dos ferimentos das costas e dessa vez conseguiu cicatrizar todos eles. As dores musculares dela iriam continuar por pouco tempo a mais, mas já estava melhor do que toda a dor das feridas. O rapaz foi em direção da bancada logo ao lado da maca e preparou duas poções médias para a semideusa. A virou de barriga para cima e com todo o cuidado do mundo fez com os líquidos fossem ingeridos por ela mesmo estando desacordada.

— Espero que um mero semideus como eu tenha feito algum efeito em alguém como você.

Willian se sentou no banquinho ao lado dela esperando que acordasse.



 
Diretrizes de Postagem

Poderes:
PASSIVOS:
Conhecimento médico (Nível 1)
Os aprendizes de Asclépio são especialistas em artes da medicina (inclusive suas ramificações e especialidades), possuindo um conhecimento equivalente ao de um estudante de medicina em faculdade de ensino relevante. Assim, eles são os únicos que podem abrir enfermarias no Acampamento Meio-Sangue, passar prescrições médicas, interpretar receitas de efeito curativo e diagnosticar algum problema de saúde, além de ministrar primeiros socorros básicos, em ferimentos leves e superficiais. É necessário ressaltar que, como um estudante, ele apenas possui o conhecimento básico, então ainda necessita de prática e poderá errar inicialmente. Adicionalmente, podem lidar com equipamentos médicos, desde um estetoscópio até um bisturi: qualquer que seja o instrumento médico, o aprendiz de Asclépio saberá utilizá-lo com perfeição, intuindo sua serventia. Não identifica substâncias, apenas itens. A utilização dos instrumentos deve ser interpretada e, se for usada de forma errônea, ignorada. No caso de bisturis e itens que podem ser utilizados em combate, a perícia engloba apenas o uso cirúrgico-medicinal.[Modificado, englobando Perícia com Equipamentos médicos]

Conforto Restaurador (Nível 2)
Ao realizar um exame prévio e acomodar um paciente em sua enfermaria, recepcionando-o e tratando com cuidado, no ambiente adequado e modificado com as condições especiais para isso, o paciente fica mais predisposto ao tratamento e assim as habilidades do curandeiro tornam-se mais efetivas, ampliando o valor restaurado em 20% (arredondado para baixo, mínimo de 1 ponto). Por ser necessário certo preparo anterior, somente funciona na enfermaria ou em situações de conforto. Não afeta a si próprio, obviamente. Não serve para cicatrizar ou quaisquer outros efeitos, apenas a recuperação de vida; para obter tais efeitos, deve-se, ao menos por enquanto, utilizar de métodos convencionais. [Modificado de ativo para passivo, antigo "Boas vindas curadoras"]

Vocabulário Esclarecido (Nível 3)
Tal como doenças são descobertas pelo mundo inteiro, estas recebem nomes e mais nomes diversificados, muitas vezes em línguas estranhas e com abreviações e termos científicos. Um aprendiz conseguirá tanto enuncia-los com perfeição quanto entende-los corretamente. Na prática, sabem os sistemas de nomenclatura científico e são fluentes em latim.

Conhecimento Herbológico (Nível 4)
Muitas plantas são utilizadas na fabricação de remédios, pomadas e outros tipos de meios que buscam a proteção; além disto, não são poucas as vezes que o curandeiro necessitará de um conhecimento prévio sobre algum tipo específico de erva para fabricar determinada poção. Portanto, todos os seguidores de Asclépio serão peritos em identificar plantas e ervas medicinais naturais. {Inspirado em “Conhecimento Avançado sobre Ervas”}

Alquimista (Nível 6)
Quando um seguidor do deus da medicina estuda a alquimia, ficará pronto para preparar poções, venenos, pomadas e outros tipos desses objetos. As “bebidas” criadas pelos alquimistas só poderão ser usadas na situação atual; ou seja, não poderão ficar com as doses extras após a missão, evento, treino ou trama (isto é, caso prepare uma poção e não utilize todas as suas doses, ele as perderá – a exceção é a enfermaria, pois se um curandeiro formular uma poção, esta poderá ser utilizada por ele em outro paciente num outro post; não ocorrerá de ser adicionada ao seu arsenal).

Conhecimento anatômico (Humanóides)(Nível 9)
Qualquer curandeiro tem grande conhecimento sobre a anatomia do corpo humano e por isso, eles sabem com perfeição qual é o melhor local para inserir uma injeção ou medicamento para que haja mais efeito no mesmo, como também sabe os locais exatos para acertar durante um golpe para causar mais dano. Isso faz com que seus golpes tenham um dano adicional de 10% em um ataque planejado - um contra-golpe instintivo não se beneficiaria pois não teria a intenção de atingir um ponto específico. Válido para humanos e seres com anatomia semelhante. [Modificado]

Olhar Clínico (Nível 13)
Há uma espécie de lenda urbana que diz “grandes médicos sabem o que o paciente sente apenas de olho”. Pois bem, isso se aplica aos aprendizes, mas de uma forma diferente: ao avistar alguém, consegue “ver” as informações de saúde deste indivíduo (por exemplo, possíveis fraturas, doenças, batimentos cardíacos, oxigenação, vida, energia e situações psicológicas e sociais naturais). Estas informações aparecem em forma de dados e gráficos para o aprendiz, como na tela de um monitor de hospital. Algumas informações, como situações psicológicas e sociais só se aplicam a pessoas que deixarem o curandeiro ter esse conhecimento, o que resume a, normalmente, aliados. Isso faz com que seus diagnósticos agora sejam mais precisos, mas podem ser enganados por meios mágicos e poderes que alterem sua percepção.

Saúde perfeita I (Nível 14)
Como qualquer médico dedicado, os Curandeiros tomam conta de seu corpo de forma impecável e quase nunca ficam doentes, por isso, seu organismo está perfeitamente adequado a isso, fazendo com que o semideus ganhe grande resistência quando for pego por doenças simples. Considera que sejam 50% mais resistentes a doenças comuns.

Aprendiz Formado (Nível 16)
O primeiro passo para tornar-se um médico relevante é concluir o ensino superior desta área. Interpreta-se que, ao não desistir, o indivíduo em questão está realmente interessado em sua função desenvolvida. Estima-se, também, que o conhecimento deste já será bem mais completo do que aquele que entrou há tempos atrás e contarão inclusive com uma maior prática. Sendo assim, os equívocos iniciais já se tornarão mais raros. Este dom inclui o conhecimento sobre a aplicação de remédios no momento oportuno e de talas quando necessário, sabendo tratar agora ferimentos mais profundos e fraturas. Operações complexas exigem mais vivência e ainda não podem ser alcançadas.

Tranquilidade (Nível 19)
Médicos necessitam, constantemente, de tranquilidade e calma para realizar uma operação. Afinal, o que menos poderiam querer seria cometer um erro por nervosismo. Lógico que isto passa a ser uma das habilidades dos curandeiros, podendo resistir a efeitos de medo, pânico e paranóia. A resistência é fraca, contudo, e só retira metade do efeito; e os arredondamentos são feitos para baixo. Só afeta poderes que venham de uma fonte de nível igual ou menor do que o Curandeiro.{Idealizado por Sadie Bronwen.}

ATIVOS:
Curar ferimentos (Nível 1)
Após fazer uma pequena e rápida oração ao seu mestre Asclépio, as mãos do Curandeiro serão tomadas por uma luminosidade de fraca coloração dourada, permitindo com que o usuário recupere uma parte do HP do alvo com o toque direto. A cura será equivalente ao custo de Mp deste poder x 1/2 do nível do curandeiro, arredondado para baixo (mínimo de cura = 4). Pode ser utilizado sobre si mesmo. Uso livre na enfermaria, mas limitado a 1 uso por aliado a cada combate enfrentado. Custo base a ser multiplicado pelo nível = 4 de MP.[Modificado]

Toque Energético (Nível 3)
Após fazer uma pequena e rápida oração ao seu mestre Asclépio, as mãos do Curandeiro serão tomadas por uma luminosidade de fraca coloração prateada, permitindo com que o usuário recupere uma parte do MP do alvo com o toque direto. A restauração será equivalente ao custo de MP deste poder x 1/2 do nível do curandeiro, arredondado para baixo (mínimo 1). Não pode ser utilizado sobre si mesmo. Para fins de gasto de MP e cálculo de recuperação, é considerado um poder nível 1. Uso livre na enfermaria, mas limitado a 1 uso por aliado a cada combate enfrentado. Custo base a ser multiplicado pelo nível = 4 de MP.[Modificado]

Descanso (Nível 6)
O cansaço é um inimigo muitas vezes pior que armas. Ao utilizar este poder, com contato direto entre curandeiro e paciente – que não poderá ser si mesmo –, este último ficará isento de qualquer tipo de canseira. Os efeitos serão como se o doente tivesse acabado de dormir por oito horas (que é o recomendado para um homem adulto), eliminando penalidades provocadas por fadiga, seja natural ou induzida - não recupera HP ou MP, apenas retira as consequências da condição.


Anestesia (Nível 11)
A dor causada por machucados pode, agora, ser aliviada pelos curandeiros de forma mística. Tocando os músculos feridos, consegue retirar quaisquer dores do paciente, o que pode ajudar até mesmo na concentração e na calma deste. Não afeta o HP, apenas dores que podem ser debilitantes. Pode ser usado em si mesmo. O alivio dura por 3 rodadas.

Higienização (Nível 12)
Asclépio era progenitor de Higeia, a deusa da higiene, e seus aprendizes adquirem alguns dons que o mesmo passou a sua filha. A partir deste nível, o Curandeiro será capaz de purificar locais, alimentos ou águas apenas com um simples toque de sua mão, deixando-as completamente limpas e puras, tornando o alimento ou a água pura para consumo e locais completamente limpos. Nesse nível, apenas quantidades ou espaços pequenos: 1kg de alimento, 1 l de água ou 1m de área por utilização. A quantia dobra a cada 10 níveis. Não se aplica a envenenamento, removendo sujeiras mas não toxinas, nem afeta o ar ou remove doenças - apesar de poder limpar um ferimento, por exemplo.

Cicatrização II (Nível 15)
Agora o dom de cicatrizar cortes e ferimentos já está mais forte nos seguidores de Asclépio. Ao tocar as feridas abertas, estas se fecharão em uma rodada, impedindo hemorragias e sangramentos, anulando tais penalidades em casos de efeitos de nível igual ou menor que o curandeiro, ou reduzindo-as a apenas 25% se maior. Adicionalmente, recupera 5% da HP e MP do alvo, quando em outra pessoa, ou 5% da HP quando em si mesmo (sempre arredondando para baixo). A cicatriz ficará no local, mas será discreta, independente do tipo de ferimento. Este poder só pode ser usado em si mesmo se conseguir tocar o ferimento. 1 utilização por batalha. [Novo]

Purificar (Nível 21)
Basicamente, uma evolução de "Higienizar". Este poder remove toxinas e substâncias venenosas de um único alimento ou objeto. Não afeta organismos vivos que já tenham sido intoxicados (ou seja, não cura envenenamento). No caso de armas que tenham sido embebidas em veneno, o efeito da substância é anulada, requerendo uma nova aplicação. Em casos de armas em que a habilidade "envenenamento" provém de encantamentos ou similares, sendo de efeito sobrenatural ou contínuo, tal propriedade é anulada por 3 turnos, desde que o item seja de nível menor que o curandeiro. Necessita tocar diretamente o alvo para fazer efeito. [Novo]
HP/MP:
Ayla: 1022/1500 HP e 596/1500 MP
 


 

©️ Creado por Theta Sigma
 

Atualizado
Will Fortune
avatar
Curandeiros de Asclépio
Mensagens :
339

Localização :
No cu de Judas

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Ayla Lennox em Sab 16 Dez 2017, 22:38

Way down we go


Oh, father, tell me
Do we get what we deserve?

Los Angeles, CA
4:57 a.m;

Por mais que não estivesse totalmente desperta, os acontecimentos chegavam à lupina como se fossem lembranças, ecos dissonantes e crescentes do que realmente se passava dentro da enfermaria. O deslocamento do próprio corpo parecia vago e o toque da pele contra o colchão da maca, leve e distante do desabar bruto pela exaustão.

A consciência retornava à semideusa de maneira hesitante, como se carregassem um receio do que a semideusa poderia voltar a sentir assim que estivesse a mercê e disposição das aflições tão conhecidas do mundo. Havia fundamento na hesitação, tanto que a primeira coisa que foi capaz de sentir foi náusea.

O sabor dos elixires era familiar e doce. Doce demais. Talvez fosse a primeira coisa que preenchia o seu estômago em dias, por isso se forçou a mantê-lo ali enquanto sentia uma onda de calor aos poucos lavar e levar embora as mazelas de seu corpo.

Piscou algumas vezes, mas a voz do curandeiro chegou aos seus ouvidos antes da sua imagem. Se mostrava acalentadora e serena como esperava dos seguidores de Asclépio, mas parecia volátil e um tanto quanto difusa em tons, prismática.

— Espero que um mero semideus como eu tenha feito algum efeito em alguém como você. — Falou o rapaz.

Ayla movia-se como uma marionete rabugenta e resmungona, pela primeira vez submissa às limitações da própria carne, enquanto tentava sentar-se. Alcançando seu objetivo através da teimosia, finalmente encarou o semideus e esboçou um sorriso com o canto dos lábios rapidamente.

— Alguém como eu? — Questionou, arqueando uma das sobrancelhas. — Não sei quem acha que sou, mas entre essas quatro paredes, peço que me veja como uma mera semideusa também. — Pediu.

Era uma sensação que, de certa forma, sentia falta. Ser conhecida entre os imortais era uma espada de dois gumes apontada para o próprio peito e seu último encontro com Nêmesis era prova disso.

— Me chamo Ayla. — Ergueu uma das mãos para cumprimentar o rapaz, finalmente se apresentando. — Sei que tem um voto com os deuses, mas ainda sim seria sensato e até compreensível se recusar a fazer o que está fazendo por mim. Sou grata por isso.

Estava de volta a si, era verdade, mas entre dores, pontadas e o peso constante nos ombros de um ladrão de suas forças sentia-se ainda incompleta de uma forma reparável e reversível. Ainda no limiar amargo entre o divino e humano, fitou o curandeiro de soslaio e limitou-se a aguardar pelo que lhe faltava.
Observações:
- O post se dá após a DIY "Chagas e Flagelos", então a situação e gravidade dos ferimentos é coerente às sequelas desse evento por mais que não pareça se adequar aos status de HP e MP;
- Chamei o Jhonn pra ajudar na cura e fiz o contato no on pra ter coerência e tal;
Considerar o seguinte passivo:

Nível 20: Fase da Lua III - Lua Cheia
Representando a fase da plenitude. Agora, filhos de Selene recebem pontos de vida adicionais quando uma magia ou efeito de cura de terceiros age sobre eles. Nesse nível, poções, néctar, ambrósia,comida ou poderes de cura além do valor normal têm uma bonificação de 25%. Só afeta o que é usado sobre ele, mas não é válido para seus poderes próprios. [Novo]
Ayla Lennox
avatar
Arautos da Discórdia
Mensagens :
1091

Localização :
EUA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Jhonn Stark em Ter 19 Dez 2017, 19:57


Enfermaria Healing Hills

Não, pera. Lugar errado.



Tomou mais um gole de café, sentindo-o esquentar seu corpo e deixar um sorriso em seu rosto. Não ouvia nenhum barulho na recepção da enfermaria. Estava em paz. Finalmente, havia encontrado para si um momento pessoal de realização, tranquilidade e segurança. Ele era a calmaria. Ele era centrado. Era tudo aquilo que os DVDs de autoajuda pregavam e muito mais.

E então, a mensagem de Íris fodeu tudo.

Viu a chuva. A garota pálida. Seu sensor de problemas apitou severamente para o que quer que aquilo fosse. Ayla estava em perigo. Mais uma vez. Talvez por algo muito mais grave do que qualquer outra vez. A xícara de café caiu de sua mão, partindo-se em vários pedaços.

Um brilho azul tomou seu corpo, e ele se desfez em dois.

— O que vamos fazer, Yang??? — Yin gritava de forma escandalosa pelo consultório. — Ela vai morrer. Ah,
ela vai morrer, não vamos chegar a tempo e ela...


Sua lamentação foi cortada por um tapa na cara.

— Você quer parar com isso? — Disse Yang, com os dentes cerrados. — Sem. Alarde. Não podemos sair por aí desesperados, ou vai ser o nosso fim. Vamos nos controlar. Daí encontramos ela, a ajudamos, procuramos o torturador, o capturamos, — Seu tom ficou sombrio. Seu olhar, distante. — fazemos com que deseje a morte e...

Percebeu que Yin o fitava em repúdio. E você fala que eu me perco.

— Tudo bem, tudo bem! — O filho de Héstia rosnou, enraivecido. — O primeiro passo é: como chegar em Los Angeles o mais rápido possível?

O interfone tocou.

"Stark, é uma paciente de retorno." Dizia Alana, a voluntária da recepção. "É uma cadela infernal, para a liberação definitiva."

Os garotos olharam um para o outro, com a centelha de uma ideia brilhando nos olhos.

— Ok, Alana. — Disse Yang. — Pode mandar o dono vir junto? Eu queria fazer um pedido.

* * *

As sombras oscilaram embaixo de uma das mesas da Double Rainbow. De tais sombras, Biscuit, a cadela infernal, saltou. Sua parada no salão foi perfeita, exceto por arremessar seu passageiro na parede, causando um estrondo alto.

O filho de Héstia, de cabeça para baixo, segurava um derramamento torrencial de palavrões em sua boca. Ouviu uma série de passos, e então viu que do corredor havia alguém o encarando. Alguém bem específico.

Ele conhecia a aura, e conhecia a pessoa que a emitia, mesmo que não com muita intimidade. Jhonn era filho de Héstia e curandeiro, não havia ninguém que não conhecesse ao menos vagamente.

— Entããão… — Tentou quebrar o momento estranho ali, se endireitando. Caminhou até o garoto e estendeu a mão. — Will, né? Jhonn. Foi mal a invasão, precisei tomar medidas drásticas pra chegar aqui rápido. É um longo caminho do camp pra cá.

Ele respirou profundamente, inquieto. — Bem, acho que você sabe o motivo de eu estar aqui. Posso assumir o caso?

* * *


Ela estava um pouco melhor do que a mensagem de Íris indicava.

Seus ferimentos estavam estabilizados, embora não completamente resolvidos. Alguns danos ali eram muito além do que algum curandeiro iniciante veria durante sua carreira, mas Will conseguiu fazer um bom trabalho ali. Pelo menos, Ayla havia sido estabilizada.

— Você se saiu muito bem, ok? — Disse Jhonn, sorrindo. — Se não fosse você, eu não sei como encontraria ela aqui. Pode fazer mais um favor para mim e preparar algumas poções enquanto eu cuido disso?

Então, após a resposta de Will, virou-se com uma cara bem mais fechada para Lennox.

— O que você tem dentro dessa sua cabeça?? — Ele gritou, de forma bem audível. — Qual o seu problema, garota? Eu juro, só não te mato por causa do meu código de ética.

Estendeu uma prece contínua, ativando o anel que usava. Suas mãos foram tomadas por uma intensa radiância dourada, que seguiu seu fluxo conforme foi tocando no corpo da garota. A energia era encaminhada para os pontos mais debilitados, reconstruindo tudo por onde passava.

Mas infelizmente, só conseguia curar corpos. O que quer que causou aquilo, havia causado muito mais estrago.

— Você não deu notícias. — Ele falou, em um sussurro triste. — Já faz um bom tempo que eu aguardo, sabe? Que eu pergunto de algum sinal. E novamente, cá estamos nós, encarcerados em uma sala de atendimento. Voltando à estaca zero.

Passou as mãos por seus pulsos, onde haviam marcas roxas. Percebeu que estavam mais fragilizados: ela havia perdido peso. Ainda estava trêmula, e as dores ali ainda eram fortes. Concentrou-se outra vez no brilho dourado para que as marcas sumissem, e a expressão de alívio dela o deu um aperto no coração.

— Você se meteu em uma encrenca brava, hein? — Ele disse. — Se quiser dizer o que foi, eu aceito. Se não… tudo bem, eu acho. O que importa é que você está bem.

Não queria fazê-la se sentir culpada. Mas queria. Yin e Yang brigavam em sua cabeça: um queria abraçá-la, outro queria só gritar e fazer com que ela entendesse que estava tomando decisões ruins.

Ele concentrou-se outra vez. Um brilho prateado envolveu suas mãos. Estas foram pousadas nos ombros da semideusa. A energia fluía e se distribuía conforme ia se acomodando. Quando chegou ao seu limite, ele parou.

Ele outra vez respirou. Retomou o sorriso em seu rosto. — De qualquer forma… eu fico aliviado por você estar bem.

Will finalmente trouxe as poções. Ele virou na própria garganta e agradeceu. A cara de Will e de Ayla parecia indicar que eles acreditavam que era pra ela. Enfim.

Olhou para Ayla e para o garoto. A energia ali era… intensa. Complexa. Mas bastante pesada e exaustiva. Se pudesse olhar para si mesmo, tinha certeza que passava a mesma sensação. Foi então que uma ideia lhe ocorreu.

— Então, acho que estamos todos um pouco cansados, né? Turnos da madrugada sempre me cansam. — Caminhou até a maca do lado e concentrou sua energia em suas melhores memórias. No local mais profundo de sua alma.

E com um estalar de dedos, uma onda de calor — não um calor agressivo, mas um calor reconfortante — tomou a enfermaria. E com ele, um banquete imenso surgiu.

Panquecas com várias caldas disponíveis. Sanduíches de pasta de amendoim e geleia. Uma imensidão de cookies, brownies, frutas, sucos e garrafas de café. O garoto ficou um pouco tonto, mas ficou feliz por concretizar o truque uma vez na vida.

— Eu sempre quis fazer isso! — Riu, contente. Bateu algumas palmas para si mesmo. Serviu-se com uma xícara de café e um prato de panquecas. — E aí, quem vai primeiro? Sintam-se em casa. Sem medo de desperdício, o resto a gente guarda pra mais tarde.

— Ah... — Disse para Will. — E se você estiver disposto a me atender depois também... eu aceito uma melhora. Sério.

Atualizações, item e poderes:
Atualizações:
Ayla Lennox: Full nessa bagaça.
Jhonn Stark: Full HP. 493 MP.
Will não precisa de status, mas se precisasse… a refeição curava.
Item (yay):
{Help} / Anel [Um anel de prata, com um pequeno pedaço de rubi preso nele. Abençoado por Asclépio, este anel permite ao curandeiro, aumentar seu limite de cura nas técnicas curativas em 20%, ou seja, se uma técnica permite o curandeiro recuperar 100 HP ou MP, usando este anel ele conseguirá curar 120 de HP ou MP, sem qualquer gasto extra. No caso de um número não exato, o valor é arredondado para baixo. Não tem influência sobre técnicas de ressuscitação. Dura dois turnos, uma vez por ocasião.] {Titânio e Rubi} (Nível Minímo: 45) {Controle sobre Cura} [Recebimento: Missão "O guerreiro da cura", avaliada por Macária e atualizada por Asclépio.]
Poderes:
Passivos:

Conforto Restaurador (Nível 2)
Ao realizar um exame prévio e acomodar um paciente em sua enfermaria, recepcionando-o e tratando com cuidado, no ambiente adequado e modificado com as condições especiais para isso, o paciente fica mais predisposto ao tratamento e assim as habilidades do curandeiro tornam-se mais efetivas, ampliando o valor restaurado em 20% (arredondado para baixo, mínimo de 1 ponto). Por ser necessário certo preparo anterior, somente funciona na enfermaria ou em situações de conforto. Não afeta a si próprio, obviamente. Não serve para cicatrizar ou quaisquer outros efeitos, apenas a recuperação de vida; para obter tais efeitos, deve-se, ao menos por enquanto, utilizar de métodos convencionais. [Modificado de ativo para passivo, antigo "Boas vindas curadoras"]

Olhar Clínico (Nível 13)
Há uma espécie de lenda urbana que diz “grandes médicos sabem o que o paciente sente apenas de olho”. Pois bem, isso se aplica aos aprendizes, mas de uma forma diferente: ao avistar alguém, consegue “ver” as informações de saúde deste indivíduo (por exemplo, possíveis fraturas, doenças, batimentos cardíacos, oxigenação, vida, energia e situações psicológicas e sociais naturais). Estas informações aparecem em forma de dados e gráficos para o aprendiz, como na tela de um monitor de hospital. Algumas informações, como situações psicológicas e sociais só se aplicam a pessoas que deixarem o curandeiro ter esse conhecimento, o que resume a, normalmente, aliados. Isso faz com que seus diagnósticos agora sejam mais precisos, mas podem ser enganados por meios mágicos e poderes que alterem sua percepção.

Aura de restauração (Nível 43)
A presença do curandeiro emite uma aura que afeta seus aliados próximos, ampliando fatores de cura/ regeneração e ampliação próprios enquanto em uma área a até 25m de raio de distância do servo de Asclépio. Isso faz com que as restaurações sejam 50% maiores (mínimo de 1 ponto) mas não altera as condições das mesmas. Adicionalmente, seus próprios fatores naturais (regenerações passivas, não poderes ativos) são ampliados, desde que, obviamente, ele esteja dentro da situação especificada. [Novo]

Ativos

Curar ferimentos (Nível 1)
Após fazer uma pequena e rápida oração ao seu mestre Asclépio, as mãos do Curandeiro serão tomadas por uma luminosidade de fraca coloração dourada, permitindo com que o usuário recupere uma parte do HP do alvo com o toque direto. A cura será equivalente ao custo de Mp deste poder x 1/2 do nível do curandeiro, arredondado para baixo (mínimo de cura = 4). Pode ser utilizado sobre si mesmo. Uso livre na enfermaria, mas limitado a 1 uso por aliado a cada combate enfrentado. Custo base a ser multiplicado pelo nível = 4 de MP.[Modificado]

Toque Energético (Nível 3)
Após fazer uma pequena e rápida oração ao seu mestre Asclépio, as mãos do Curandeiro serão tomadas por uma luminosidade de fraca coloração prateada, permitindo com que o usuário recupere uma parte do MP do alvo com o toque direto. A restauração será equivalente ao custo de MP deste poder x 1/2 do nível do curandeiro, arredondado para baixo (mínimo 1). Não pode ser utilizado sobre si mesmo. Para fins de gasto de MP e cálculo de recuperação, é considerado um poder nível 1. Uso livre na enfermaria, mas limitado a 1 uso por aliado a cada combate enfrentado. Custo base a ser multiplicado pelo nível = 4 de MP.[Modificado]

Nível 39

Banquete de Héstia - Concentrando-se, o filho de Héstia invoca a parcela mais acolhedora do poder de sua mãe. Assim, gera alimento e bebida suficientes para até três pessoas. O festim repõe até 10% da HP e MP dos comensais, mas deve ser degustada com calma e só tem poder se for ingerida imediatamente após a invocação. A recuperação aumenta para 20% no nível 80. No nível 55, a geração de alimento sobe para cinco pessoas; e no nível 75, para até dez pessoas. Só pode ser utilizado uma vez por missão. [Novo]


Poções:

Nível 12
Poção Vitalícia Média: Se criada corretamente, a poção irá adquirir uma coloração semelhante à Poção Vitalícia Simples, porém desta vez será um pouco mais brilhante do que a anterior e será um pouco mais escura. O gosto da poção, a princípio, é azedo, contudo vai se tornando refrescante conforme é ingerida. Este tipo de poção só poderá ser criados por Alquimistas, uma vez que ela é mais avançada que a sua antecedente. Por questões de segurança, só uma dose pode ser ingerida uma vez por turno.

Nível 15
Poção Energética Média: Ao ser produzida da forma apropriada, a poção adquirirá uma tonalidade arroxeada, levemente brilhante e um gosto frutífero de refrescante e adocicado; também como a poção vitalícia média, esta só pode ser criada por aqueles curandeiros que decidiram tornar-se Alquimistas. Por questões de segurança, ela só pode ser ingerida uma vez por turno.

(As poções pequenas também, é que eu não tô muito afim de procurar. Mas todo mundo sabe que curam 30 né?)
Full pra tu, full pra tua família, full pra tua vaca:


*Feat Will as: Gri-Li*
Jhonn Stark
avatar
Curandeiros de Asclépio
Mensagens :
711

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Ayla Lennox em Qua 20 Dez 2017, 11:12

Way down we go


Oh, father, tell me
Do we get what we deserve?

Los Angeles, CA
5:22 a.m;

O baque quase ensurdecedor e seco do corpo de Jhonn contra uma das paredes da enfermaria pareceu esmaecer junto com qualquer importância ou surpresa que outrora havia carregado assim que a sua aura alcançou a lupina. Não importava onde estivesse, encontrar-se com Stark a fazia sentir-se em casa – pouco importavam os mil significados que a palavra poderia ter, a cria de Héstia conseguia ser todos em um abraço tenro e cálido.

Assim que Will deixou a sala, a semideusa pôde ouvir lampejos da conversa entre ele e o campista e não demorou até que os dois estivessem de volta a seu campo de visão. Demorou menos ainda para que estivesse ali sozinha com um Jhonn pouco satisfeito com as circunstâncias daquele encontro.

— O que você tem dentro dessa sua cabeça?? — Esbravejou de cenho franzido, linhas claras de preocupação entre as quais a raiva genuína não tinha espaço. — Qual o seu problema, garota? Eu juro, só não te mato por causa do meu código de ética.

Ficou calada como um animal amuado. Não porque não possuía resposta às perguntas que lhe eram feitas, mas por duvidar que qualquer uma delas – a despeita de todos os eufemismos que poderia usar – faria algo diferente de ferir mais ainda os dois.

Sentiu o pesar dos olhos do curandeiro sobre si enquanto realizava o atendimento ali. Suas palavras saíam em tom baixo e morno, uma mistura de cautela e tristeza, uma caminhada hesitante sob a luz da lua, temendo o que encontraria ou não ao fazê-lo.

— Sinto muito, Jhonn. — Finalmente respondeu, suspirando. — Eu queria te ver e poder dar notícias boas, sinais de que a vida tem sido gentil comigo... enquanto não tinha nada disso para entregar, não parecia boa ideia falar com você. — Deixou as palavras pairarem no ar e ali mesmo morrerem antes de prosseguir. — Não somos mais os campistas que éramos dois anos atrás, não é mesmo?

Ouvindo a resposta, Stark acabou por fitar seus pulsos ainda feridos. As mãos que emitiam um brilho dourado passaram ali e a dor, junto à vermelhidão, nada mais eram além de lembranças vagas. Sorriu. Ficando de pé, abraçou o filho de Héstia e sentiu as mãos do garoto irem até seus ombros, misturando o abraço com mais uma etapa da sua recuperação.

— Você se meteu em uma encrenca brava, hein? — Indagou. — Se quiser dizer o que foi, eu aceito. Se não… tudo bem, eu acho. O que importa é que você está bem.

Não se viu capaz de mentir ou esconder nada, portanto afastou-se e o encarou nos olhos antes de dizer qualquer coisa.

— As consequências das minhas escolhas finalmente me alcançaram. — Disse. — Nêmesis. — Lhe pareceu uma explicação suficientemente boa.

Will retornou à sala, trazendo duas poções que rapidamente desceram pela garganta do curandeiro. Ayla arqueou uma das sobrancelhas, bem como o dono da enfermaria, mas a cria da lareira pareceu ignorar ambos gestos antes de ir até uma das macas e em um piscar de olhos fazer um banquete surgir.

A incredulidade era um termo quase extinto do vocabulário de Lennox que, ao ouvir os protestos do próprio estômago, não questionou, apenas comeu enquanto fitava o amigo como se questionasse "suas surpresas nunca acabam, não é?". Serviu-se como não lembrava fazer há muito.

Satisfeita, levantou-se e pediu uma camiseta limpa para trocar pelo trapo ensanguentado que trajava. Agradeceu, pediu perdão por qualquer inconveniência e partiu após oferecer um aperto de mão aos dois curandeiros, sendo o de Jhonn um pouco mais demorado.

Deixava nas mãos do filho de Héstia uma polaroid que costumava carregar no bolso da calça. Eram eles. Não pareciam, mas eram – haviam sido. Sorridentes, mais novos, menos conscientes da realidade e deslumbrados com as possibilidades da vida semidivina. Menos machucados pelo tempo. Encontravam-se com camisetas alaranjadas e abraçados junto a outros monitores à frente da Casa Grande.

Era a prova de que ela lembrava e sempre lembraria. Boa parte dela iria embora, mas sempre haveriam porções de sua lealdade ao lado dos que importavam.
Observações:
Tô postando só pra interagir e sair da enfermaria mesmo, eh isto
Ayla Lennox
avatar
Arautos da Discórdia
Mensagens :
1091

Localização :
EUA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Hécate em Qui 21 Dez 2017, 10:50



Teje coisado!







Hécate

.:: deusa da magia e das encruzilhadas :: mestra da névoa :: adm do pejotinha :: uma deosa, uma loka, uma macumbeiraaa ::.

Hécate
avatar
Administradores
Mensagens :
533

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Raphael Jauregui em Sab 06 Jan 2018, 14:53


enfermaria


A musculatura do filho de Zeus parecia queimar. Não havia feito muitos esforços, então não sabia de onde surgira, mas precisava ir para a enfermaria antes que piorasse, ou que sua presença fosse requisitada.

Naquele sábado, Raphael levantou cedo, colocou as roupas mais ajeitadas - lê-se que não estava manchada com sangue, - que possuía e deixou o acampamento, ignorando tudo, incluindo as facilidades de se curar no acampamento, para ir atrás de Will Fortune, o filho de Íris gostoso.

Não fora uma viagem longa, o desconforto crescente de estar em sua pele no entanto reforçava o óbvio: deveria ter ido na enfermaria mais próxima. Mas não fazia diferença, vê-lo era mais importante. Colírio, brincou, lembrando-se de quem era filho.

Depois do táxi, chegou ao local, o tom de verde levemente azulado fazendo-o pensar nos olhos de Fortune. Caminhou pelo local e encontrou o semideus de costas, logo esvaindo sua coragem de flertar.

— Will? Preciso de ajuda — Sentou-se em uma das macas. — Tudo dói.

E não era mentira.

Raphael Jauregui
avatar
Filhos de Zeus
Mensagens :
440

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Baltazar Glendower em Ter 17 Abr 2018, 20:42


♡doublerainbow♡

Baltazar passou pelo arco de entrada da enfermaria com passadas largas e rápidas, traçando o caminho direto até o local onde Will — o dono do local — estava. Normalmente o feiticeiro pedia para que o curandeiro fosse até sua casa, mas dessa vez não tinha como esperar.

''Will, preciso dos seus favores. De novo.'' O rosto de Baltazar era uma mistura de dor e irritação. ''Não sei o que houve, mas estou com fortes dores e algumas manchas roxas apareceram no meu corpo de repente.'' O filho de Hécate puxou a barra da camisa de algodão e a levantou para exibir os hematomas pela região da costela e espinha dorsal.

''Dê um jeito nisso, docinho.'' Deixou a camisa cair novamente e esperou pelos cuidados do curandeiro.
Baltazar Glendower
avatar
Filhos de Hécate
Mensagens :
164

Localização :
Los Angeles

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Will Fortune em Ter 17 Abr 2018, 22:35



 

   
Double Rainbow

 
Raphael Jauregui

Ouviu alguns passos vindo da porta e seus olhos foram em direção ao som foi então que notou um semideus entrar por ela. Will foi em sua direção na tentativa de ser receptivo com ele e logo sorriu ao notar sem Raphael.

Depois do semideus explicar o que ocorrera com ele, o curandeiro começou o processo de cura. Retirou a camisa do rapaz e começou o tratamento. Fez uma oração para seu patrono e sua mão recebeu um brilho dourado. Passou por todo o peitoral do filho de Zeus restaurando um pouco da sua vitalidade.

Logo em seguida refez a oração e sua mão ganhou um brilho prateado dessa vez, refez todo o procedimento. Após terminar preparou duas poções médias, uma vitalicia e outra energética e entregou para ele. Assim que terminasse de tomá-las iria estar liberado.



 
RBaltazar Glendower

Assim que Raphael se retirou outra paciente entrou. Era Baltazar e pelo que aparentava estava péssimo. William nunca sabia como os semideuses conseguiam ficar tão ruins em pouco tempo. Apenas sorriu e pediu para que ele se sentasse em uma maca.

Retirou a camisa dele e fez o mesmo procedimento ao qual acabara de fazer em Raphael. A primeira oração fez com que a mão dele brilhasse em dourado e tocando cada hematoma do rapaz os fazia desaparecer. Sorriu de canto quando viu que aquilo já não seria um problema grande. Já a segunda oração com o brilho prateado era apenas para poder recuperar as energias do rapaz.

Assim que terminou fez as mesmas duas poções de antes e as entregou para ele. O feiticeiro já estava acostumado com elas, então o sabor não seria tão ruim assim.




 
Diretrizes de Postagem

Poderes:
PASSIVOS:
Conhecimento médico (Nível 1)
Os aprendizes de Asclépio são especialistas em artes da medicina (inclusive suas ramificações e especialidades), possuindo um conhecimento equivalente ao de um estudante de medicina em faculdade de ensino relevante. Assim, eles são os únicos que podem abrir enfermarias no Acampamento Meio-Sangue, passar prescrições médicas, interpretar receitas de efeito curativo e diagnosticar algum problema de saúde, além de ministrar primeiros socorros básicos, em ferimentos leves e superficiais. É necessário ressaltar que, como um estudante, ele apenas possui o conhecimento básico, então ainda necessita de prática e poderá errar inicialmente. Adicionalmente, podem lidar com equipamentos médicos, desde um estetoscópio até um bisturi: qualquer que seja o instrumento médico, o aprendiz de Asclépio saberá utilizá-lo com perfeição, intuindo sua serventia. Não identifica substâncias, apenas itens. A utilização dos instrumentos deve ser interpretada e, se for usada de forma errônea, ignorada. No caso de bisturis e itens que podem ser utilizados em combate, a perícia engloba apenas o uso cirúrgico-medicinal.[Modificado, englobando Perícia com Equipamentos médicos]

Conforto Restaurador (Nível 2)
Ao realizar um exame prévio e acomodar um paciente em sua enfermaria, recepcionando-o e tratando com cuidado, no ambiente adequado e modificado com as condições especiais para isso, o paciente fica mais predisposto ao tratamento e assim as habilidades do curandeiro tornam-se mais efetivas, ampliando o valor restaurado em 20% (arredondado para baixo, mínimo de 1 ponto). Por ser necessário certo preparo anterior, somente funciona na enfermaria ou em situações de conforto. Não afeta a si próprio, obviamente. Não serve para cicatrizar ou quaisquer outros efeitos, apenas a recuperação de vida; para obter tais efeitos, deve-se, ao menos por enquanto, utilizar de métodos convencionais. [Modificado de ativo para passivo, antigo "Boas vindas curadoras"]

Vocabulário Esclarecido (Nível 3)
Tal como doenças são descobertas pelo mundo inteiro, estas recebem nomes e mais nomes diversificados, muitas vezes em línguas estranhas e com abreviações e termos científicos. Um aprendiz conseguirá tanto enuncia-los com perfeição quanto entende-los corretamente. Na prática, sabem os sistemas de nomenclatura científico e são fluentes em latim.

Conhecimento Herbológico (Nível 4)
Muitas plantas são utilizadas na fabricação de remédios, pomadas e outros tipos de meios que buscam a proteção; além disto, não são poucas as vezes que o curandeiro necessitará de um conhecimento prévio sobre algum tipo específico de erva para fabricar determinada poção. Portanto, todos os seguidores de Asclépio serão peritos em identificar plantas e ervas medicinais naturais. {Inspirado em “Conhecimento Avançado sobre Ervas”}

Alquimista (Nível 6)
Quando um seguidor do deus da medicina estuda a alquimia, ficará pronto para preparar poções, venenos, pomadas e outros tipos desses objetos. As “bebidas” criadas pelos alquimistas só poderão ser usadas na situação atual; ou seja, não poderão ficar com as doses extras após a missão, evento, treino ou trama (isto é, caso prepare uma poção e não utilize todas as suas doses, ele as perderá – a exceção é a enfermaria, pois se um curandeiro formular uma poção, esta poderá ser utilizada por ele em outro paciente num outro post; não ocorrerá de ser adicionada ao seu arsenal).

Conhecimento anatômico (Humanóides)(Nível 9)
Qualquer curandeiro tem grande conhecimento sobre a anatomia do corpo humano e por isso, eles sabem com perfeição qual é o melhor local para inserir uma injeção ou medicamento para que haja mais efeito no mesmo, como também sabe os locais exatos para acertar durante um golpe para causar mais dano. Isso faz com que seus golpes tenham um dano adicional de 10% em um ataque planejado - um contra-golpe instintivo não se beneficiaria pois não teria a intenção de atingir um ponto específico. Válido para humanos e seres com anatomia semelhante. [Modificado]

Olhar Clínico (Nível 13)
Há uma espécie de lenda urbana que diz “grandes médicos sabem o que o paciente sente apenas de olho”. Pois bem, isso se aplica aos aprendizes, mas de uma forma diferente: ao avistar alguém, consegue “ver” as informações de saúde deste indivíduo (por exemplo, possíveis fraturas, doenças, batimentos cardíacos, oxigenação, vida, energia e situações psicológicas e sociais naturais). Estas informações aparecem em forma de dados e gráficos para o aprendiz, como na tela de um monitor de hospital. Algumas informações, como situações psicológicas e sociais só se aplicam a pessoas que deixarem o curandeiro ter esse conhecimento, o que resume a, normalmente, aliados. Isso faz com que seus diagnósticos agora sejam mais precisos, mas podem ser enganados por meios mágicos e poderes que alterem sua percepção.

Saúde perfeita I (Nível 14)
Como qualquer médico dedicado, os Curandeiros tomam conta de seu corpo de forma impecável e quase nunca ficam doentes, por isso, seu organismo está perfeitamente adequado a isso, fazendo com que o semideus ganhe grande resistência quando for pego por doenças simples. Considera que sejam 50% mais resistentes a doenças comuns.

Aprendiz Formado (Nível 16)
O primeiro passo para tornar-se um médico relevante é concluir o ensino superior desta área. Interpreta-se que, ao não desistir, o indivíduo em questão está realmente interessado em sua função desenvolvida. Estima-se, também, que o conhecimento deste já será bem mais completo do que aquele que entrou há tempos atrás e contarão inclusive com uma maior prática. Sendo assim, os equívocos iniciais já se tornarão mais raros. Este dom inclui o conhecimento sobre a aplicação de remédios no momento oportuno e de talas quando necessário, sabendo tratar agora ferimentos mais profundos e fraturas. Operações complexas exigem mais vivência e ainda não podem ser alcançadas.

Tranquilidade (Nível 19)
Médicos necessitam, constantemente, de tranquilidade e calma para realizar uma operação. Afinal, o que menos poderiam querer seria cometer um erro por nervosismo. Lógico que isto passa a ser uma das habilidades dos curandeiros, podendo resistir a efeitos de medo, pânico e paranóia. A resistência é fraca, contudo, e só retira metade do efeito; e os arredondamentos são feitos para baixo. Só afeta poderes que venham de uma fonte de nível igual ou menor do que o Curandeiro.{Idealizado por Sadie Bronwen.}

ATIVOS:
Curar ferimentos (Nível 1)
Após fazer uma pequena e rápida oração ao seu mestre Asclépio, as mãos do Curandeiro serão tomadas por uma luminosidade de fraca coloração dourada, permitindo com que o usuário recupere uma parte do HP do alvo com o toque direto. A cura será equivalente ao custo de Mp deste poder x 1/2 do nível do curandeiro, arredondado para baixo (mínimo de cura = 4). Pode ser utilizado sobre si mesmo. Uso livre na enfermaria, mas limitado a 1 uso por aliado a cada combate enfrentado. Custo base a ser multiplicado pelo nível = 4 de MP.[Modificado]

Toque Energético (Nível 3)
Após fazer uma pequena e rápida oração ao seu mestre Asclépio, as mãos do Curandeiro serão tomadas por uma luminosidade de fraca coloração prateada, permitindo com que o usuário recupere uma parte do MP do alvo com o toque direto. A restauração será equivalente ao custo de MP deste poder x 1/2 do nível do curandeiro, arredondado para baixo (mínimo 1). Não pode ser utilizado sobre si mesmo. Para fins de gasto de MP e cálculo de recuperação, é considerado um poder nível 1. Uso livre na enfermaria, mas limitado a 1 uso por aliado a cada combate enfrentado. Custo base a ser multiplicado pelo nível = 4 de MP.[Modificado]

Descanso (Nível 6)
O cansaço é um inimigo muitas vezes pior que armas. Ao utilizar este poder, com contato direto entre curandeiro e paciente – que não poderá ser si mesmo –, este último ficará isento de qualquer tipo de canseira. Os efeitos serão como se o doente tivesse acabado de dormir por oito horas (que é o recomendado para um homem adulto), eliminando penalidades provocadas por fadiga, seja natural ou induzida - não recupera HP ou MP, apenas retira as consequências da condição.


Anestesia (Nível 11)
A dor causada por machucados pode, agora, ser aliviada pelos curandeiros de forma mística. Tocando os músculos feridos, consegue retirar quaisquer dores do paciente, o que pode ajudar até mesmo na concentração e na calma deste. Não afeta o HP, apenas dores que podem ser debilitantes. Pode ser usado em si mesmo. O alivio dura por 3 rodadas.

Higienização (Nível 12)
Asclépio era progenitor de Higeia, a deusa da higiene, e seus aprendizes adquirem alguns dons que o mesmo passou a sua filha. A partir deste nível, o Curandeiro será capaz de purificar locais, alimentos ou águas apenas com um simples toque de sua mão, deixando-as completamente limpas e puras, tornando o alimento ou a água pura para consumo e locais completamente limpos. Nesse nível, apenas quantidades ou espaços pequenos: 1kg de alimento, 1 l de água ou 1m de área por utilização. A quantia dobra a cada 10 níveis. Não se aplica a envenenamento, removendo sujeiras mas não toxinas, nem afeta o ar ou remove doenças - apesar de poder limpar um ferimento, por exemplo.

Cicatrização II (Nível 15)
Agora o dom de cicatrizar cortes e ferimentos já está mais forte nos seguidores de Asclépio. Ao tocar as feridas abertas, estas se fecharão em uma rodada, impedindo hemorragias e sangramentos, anulando tais penalidades em casos de efeitos de nível igual ou menor que o curandeiro, ou reduzindo-as a apenas 25% se maior. Adicionalmente, recupera 5% da HP e MP do alvo, quando em outra pessoa, ou 5% da HP quando em si mesmo (sempre arredondando para baixo). A cicatriz ficará no local, mas será discreta, independente do tipo de ferimento. Este poder só pode ser usado em si mesmo se conseguir tocar o ferimento. 1 utilização por batalha. [Novo]

Purificar (Nível 21)
Basicamente, uma evolução de "Higienizar". Este poder remove toxinas e substâncias venenosas de um único alimento ou objeto. Não afeta organismos vivos que já tenham sido intoxicados (ou seja, não cura envenenamento). No caso de armas que tenham sido embebidas em veneno, o efeito da substância é anulada, requerendo uma nova aplicação. Em casos de armas em que a habilidade "envenenamento" provém de encantamentos ou similares, sendo de efeito sobrenatural ou contínuo, tal propriedade é anulada por 3 turnos, desde que o item seja de nível menor que o curandeiro. Necessita tocar diretamente o alvo para fazer efeito. [Novo]
HP/MP:
+180 de HP e MP para os dois.
 


 

©️ Creado por Theta Sigma
 
Will Fortune
avatar
Curandeiros de Asclépio
Mensagens :
339

Localização :
No cu de Judas

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Ares em Qui 19 Abr 2018, 00:31

Atualizados.
Ares
avatar
Deuses
Mensagens :
2075

Localização :
Na guerra mais próxima de você

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Baltazar Glendower em Qui 19 Abr 2018, 01:16


♡doublerainbow♡

As macas da enfermaria eram tão desconfortáveis quanto o cheiro de suor em alguns dos presentes. Baltazar se esforçou para conseguir ignorar isso e manter o foco em se recuperar.

Fazendo uma expressão de indiferença e encolhendo-se próximo a parede, esperou ansiosamente pela volta de Will. Daria o fora de lá o quanto antes.

Após algum tempo de dor suportável, Baltazar se sentiu aliviado ao ver o curandeiro retornar até sua maca.

''Finalmente! Falta muito para que eu possa ir embora?'' Os olhos do feiticeiro era como os de uma criança pidona. Tudo que queria naquele momento era melhorar para poder ir para casa.
Baltazar Glendower
avatar
Filhos de Hécate
Mensagens :
164

Localização :
Los Angeles

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Will Fortune em Qui 19 Abr 2018, 15:13



 

   
Double Rainbow

 
RBaltazar Glendower

William sorriu para Baltazar assim que ele falou. Pediu para que ele se sentasse novamente na maca e deixou em cima dela mais duas poções.

— Não muito. Perdão ter segurado um pouco mais, você não esta completamente bem. — Bagunçou levemente os cabelos do feiticeiro. — Só mais uma checada e você vai ser liberado.

Refez a oração para o seu patrono, sua mão retomou o brilho dourado e o curandeiro começou a fazer o seu trabalho, passou as mãos pelo peitoral do rapaz novamente, sentindo sua vitalidade aumentar de forma positiva.

A segunda prece para Asclépio fez sua mão ser envolta por uma luz prateada. Refez todos os toques anteriores, garantindo que a energia dele começasse a aumentar. Sorriu de canto e entregou as duas poções para o rapaz. Esperou que ele as bebesse. Assim que terminou, William deu um beijo na bochecha de Baltazar.

— Agora você pode ir. — Sorriu de canto. — Não quero se machuque, mas volte sempre.




 
Diretrizes de Postagem

Poderes:
PASSIVOS:
Conhecimento médico (Nível 1)
Os aprendizes de Asclépio são especialistas em artes da medicina (inclusive suas ramificações e especialidades), possuindo um conhecimento equivalente ao de um estudante de medicina em faculdade de ensino relevante. Assim, eles são os únicos que podem abrir enfermarias no Acampamento Meio-Sangue, passar prescrições médicas, interpretar receitas de efeito curativo e diagnosticar algum problema de saúde, além de ministrar primeiros socorros básicos, em ferimentos leves e superficiais. É necessário ressaltar que, como um estudante, ele apenas possui o conhecimento básico, então ainda necessita de prática e poderá errar inicialmente. Adicionalmente, podem lidar com equipamentos médicos, desde um estetoscópio até um bisturi: qualquer que seja o instrumento médico, o aprendiz de Asclépio saberá utilizá-lo com perfeição, intuindo sua serventia. Não identifica substâncias, apenas itens. A utilização dos instrumentos deve ser interpretada e, se for usada de forma errônea, ignorada. No caso de bisturis e itens que podem ser utilizados em combate, a perícia engloba apenas o uso cirúrgico-medicinal.[Modificado, englobando Perícia com Equipamentos médicos]

Conforto Restaurador (Nível 2)
Ao realizar um exame prévio e acomodar um paciente em sua enfermaria, recepcionando-o e tratando com cuidado, no ambiente adequado e modificado com as condições especiais para isso, o paciente fica mais predisposto ao tratamento e assim as habilidades do curandeiro tornam-se mais efetivas, ampliando o valor restaurado em 20% (arredondado para baixo, mínimo de 1 ponto). Por ser necessário certo preparo anterior, somente funciona na enfermaria ou em situações de conforto. Não afeta a si próprio, obviamente. Não serve para cicatrizar ou quaisquer outros efeitos, apenas a recuperação de vida; para obter tais efeitos, deve-se, ao menos por enquanto, utilizar de métodos convencionais. [Modificado de ativo para passivo, antigo "Boas vindas curadoras"]

Vocabulário Esclarecido (Nível 3)
Tal como doenças são descobertas pelo mundo inteiro, estas recebem nomes e mais nomes diversificados, muitas vezes em línguas estranhas e com abreviações e termos científicos. Um aprendiz conseguirá tanto enuncia-los com perfeição quanto entende-los corretamente. Na prática, sabem os sistemas de nomenclatura científico e são fluentes em latim.

Conhecimento Herbológico (Nível 4)
Muitas plantas são utilizadas na fabricação de remédios, pomadas e outros tipos de meios que buscam a proteção; além disto, não são poucas as vezes que o curandeiro necessitará de um conhecimento prévio sobre algum tipo específico de erva para fabricar determinada poção. Portanto, todos os seguidores de Asclépio serão peritos em identificar plantas e ervas medicinais naturais. {Inspirado em “Conhecimento Avançado sobre Ervas”}

Alquimista (Nível 6)
Quando um seguidor do deus da medicina estuda a alquimia, ficará pronto para preparar poções, venenos, pomadas e outros tipos desses objetos. As “bebidas” criadas pelos alquimistas só poderão ser usadas na situação atual; ou seja, não poderão ficar com as doses extras após a missão, evento, treino ou trama (isto é, caso prepare uma poção e não utilize todas as suas doses, ele as perderá – a exceção é a enfermaria, pois se um curandeiro formular uma poção, esta poderá ser utilizada por ele em outro paciente num outro post; não ocorrerá de ser adicionada ao seu arsenal).

Conhecimento anatômico (Humanóides)(Nível 9)
Qualquer curandeiro tem grande conhecimento sobre a anatomia do corpo humano e por isso, eles sabem com perfeição qual é o melhor local para inserir uma injeção ou medicamento para que haja mais efeito no mesmo, como também sabe os locais exatos para acertar durante um golpe para causar mais dano. Isso faz com que seus golpes tenham um dano adicional de 10% em um ataque planejado - um contra-golpe instintivo não se beneficiaria pois não teria a intenção de atingir um ponto específico. Válido para humanos e seres com anatomia semelhante. [Modificado]

Olhar Clínico (Nível 13)
Há uma espécie de lenda urbana que diz “grandes médicos sabem o que o paciente sente apenas de olho”. Pois bem, isso se aplica aos aprendizes, mas de uma forma diferente: ao avistar alguém, consegue “ver” as informações de saúde deste indivíduo (por exemplo, possíveis fraturas, doenças, batimentos cardíacos, oxigenação, vida, energia e situações psicológicas e sociais naturais). Estas informações aparecem em forma de dados e gráficos para o aprendiz, como na tela de um monitor de hospital. Algumas informações, como situações psicológicas e sociais só se aplicam a pessoas que deixarem o curandeiro ter esse conhecimento, o que resume a, normalmente, aliados. Isso faz com que seus diagnósticos agora sejam mais precisos, mas podem ser enganados por meios mágicos e poderes que alterem sua percepção.

Saúde perfeita I (Nível 14)
Como qualquer médico dedicado, os Curandeiros tomam conta de seu corpo de forma impecável e quase nunca ficam doentes, por isso, seu organismo está perfeitamente adequado a isso, fazendo com que o semideus ganhe grande resistência quando for pego por doenças simples. Considera que sejam 50% mais resistentes a doenças comuns.

Aprendiz Formado (Nível 16)
O primeiro passo para tornar-se um médico relevante é concluir o ensino superior desta área. Interpreta-se que, ao não desistir, o indivíduo em questão está realmente interessado em sua função desenvolvida. Estima-se, também, que o conhecimento deste já será bem mais completo do que aquele que entrou há tempos atrás e contarão inclusive com uma maior prática. Sendo assim, os equívocos iniciais já se tornarão mais raros. Este dom inclui o conhecimento sobre a aplicação de remédios no momento oportuno e de talas quando necessário, sabendo tratar agora ferimentos mais profundos e fraturas. Operações complexas exigem mais vivência e ainda não podem ser alcançadas.

Tranquilidade (Nível 19)
Médicos necessitam, constantemente, de tranquilidade e calma para realizar uma operação. Afinal, o que menos poderiam querer seria cometer um erro por nervosismo. Lógico que isto passa a ser uma das habilidades dos curandeiros, podendo resistir a efeitos de medo, pânico e paranóia. A resistência é fraca, contudo, e só retira metade do efeito; e os arredondamentos são feitos para baixo. Só afeta poderes que venham de uma fonte de nível igual ou menor do que o Curandeiro.{Idealizado por Sadie Bronwen.}

ATIVOS:
Curar ferimentos (Nível 1)
Após fazer uma pequena e rápida oração ao seu mestre Asclépio, as mãos do Curandeiro serão tomadas por uma luminosidade de fraca coloração dourada, permitindo com que o usuário recupere uma parte do HP do alvo com o toque direto. A cura será equivalente ao custo de Mp deste poder x 1/2 do nível do curandeiro, arredondado para baixo (mínimo de cura = 4). Pode ser utilizado sobre si mesmo. Uso livre na enfermaria, mas limitado a 1 uso por aliado a cada combate enfrentado. Custo base a ser multiplicado pelo nível = 4 de MP.[Modificado]

Toque Energético (Nível 3)
Após fazer uma pequena e rápida oração ao seu mestre Asclépio, as mãos do Curandeiro serão tomadas por uma luminosidade de fraca coloração prateada, permitindo com que o usuário recupere uma parte do MP do alvo com o toque direto. A restauração será equivalente ao custo de MP deste poder x 1/2 do nível do curandeiro, arredondado para baixo (mínimo 1). Não pode ser utilizado sobre si mesmo. Para fins de gasto de MP e cálculo de recuperação, é considerado um poder nível 1. Uso livre na enfermaria, mas limitado a 1 uso por aliado a cada combate enfrentado. Custo base a ser multiplicado pelo nível = 4 de MP.[Modificado]

Descanso (Nível 6)
O cansaço é um inimigo muitas vezes pior que armas. Ao utilizar este poder, com contato direto entre curandeiro e paciente – que não poderá ser si mesmo –, este último ficará isento de qualquer tipo de canseira. Os efeitos serão como se o doente tivesse acabado de dormir por oito horas (que é o recomendado para um homem adulto), eliminando penalidades provocadas por fadiga, seja natural ou induzida - não recupera HP ou MP, apenas retira as consequências da condição.


Anestesia (Nível 11)
A dor causada por machucados pode, agora, ser aliviada pelos curandeiros de forma mística. Tocando os músculos feridos, consegue retirar quaisquer dores do paciente, o que pode ajudar até mesmo na concentração e na calma deste. Não afeta o HP, apenas dores que podem ser debilitantes. Pode ser usado em si mesmo. O alivio dura por 3 rodadas.

Higienização (Nível 12)
Asclépio era progenitor de Higeia, a deusa da higiene, e seus aprendizes adquirem alguns dons que o mesmo passou a sua filha. A partir deste nível, o Curandeiro será capaz de purificar locais, alimentos ou águas apenas com um simples toque de sua mão, deixando-as completamente limpas e puras, tornando o alimento ou a água pura para consumo e locais completamente limpos. Nesse nível, apenas quantidades ou espaços pequenos: 1kg de alimento, 1 l de água ou 1m de área por utilização. A quantia dobra a cada 10 níveis. Não se aplica a envenenamento, removendo sujeiras mas não toxinas, nem afeta o ar ou remove doenças - apesar de poder limpar um ferimento, por exemplo.

Cicatrização II (Nível 15)
Agora o dom de cicatrizar cortes e ferimentos já está mais forte nos seguidores de Asclépio. Ao tocar as feridas abertas, estas se fecharão em uma rodada, impedindo hemorragias e sangramentos, anulando tais penalidades em casos de efeitos de nível igual ou menor que o curandeiro, ou reduzindo-as a apenas 25% se maior. Adicionalmente, recupera 5% da HP e MP do alvo, quando em outra pessoa, ou 5% da HP quando em si mesmo (sempre arredondando para baixo). A cicatriz ficará no local, mas será discreta, independente do tipo de ferimento. Este poder só pode ser usado em si mesmo se conseguir tocar o ferimento. 1 utilização por batalha. [Novo]

Purificar (Nível 21)
Basicamente, uma evolução de "Higienizar". Este poder remove toxinas e substâncias venenosas de um único alimento ou objeto. Não afeta organismos vivos que já tenham sido intoxicados (ou seja, não cura envenenamento). No caso de armas que tenham sido embebidas em veneno, o efeito da substância é anulada, requerendo uma nova aplicação. Em casos de armas em que a habilidade "envenenamento" provém de encantamentos ou similares, sendo de efeito sobrenatural ou contínuo, tal propriedade é anulada por 3 turnos, desde que o item seja de nível menor que o curandeiro. Necessita tocar diretamente o alvo para fazer efeito. [Novo]
HP/MP:
+180 de HP e MP.
 


 

©️ Creado por Theta Sigma
 
Will Fortune
avatar
Curandeiros de Asclépio
Mensagens :
339

Localização :
No cu de Judas

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Zeus em Seg 23 Abr 2018, 15:06

Atualizados.
Zeus
avatar
Administradores
Mensagens :
107

Localização :
Olimpo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Joe Bullock em Sex 04 Maio 2018, 17:46

OLÁ ENFERMEIRO
Ao passar pelas portas da enfermaria e me sentar em uma das macas comecei a olhar em volta, o ambiente era calmo e a música que tocava era bem relaxante. Meu corpo estava dolorido, o cansaço estava começando a me atrapalhar e já havia passado da hora de dar um jeito nisso. Ao ver o rapaz que parecia responsável pelo local estendi a mão para cumprimenta-lo

— Muito prazer, Joe Bullock — Sorri brevemente, mas ao baixar o braço meu rosto se retorceu com a dor — Estou sentindo dores a algum tempo, mas acabei adiando a visita... pra ser sincero faz tanto tempo que não lembro nem o que gerou essa dor.

Dei um sorriso torto, envergonhado com a minha negligencia enquanto esperava o diagnostico do médico.
NOTES :VOLTANDO DEPOIS DE 3 ANOS
Thank's Lyra' @CUPCAKEGRAPHICS

Joe Bullock
avatar
Filhos de Hefesto
Mensagens :
297

Localização :
Acampamento Meio Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: .:: DOUBLE RAINBOW ::. Enfermaria externa de Will Fortune

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum