Percy Jackson e os Olimpianos RPG BR
Bem vindo ao maior fórum de RPG de Percy Jackson do Brasil.

Já possui conta? Faça o LOGIN.
Não possui ainda? Registre-se e experimente a vida de meio-sangue.

Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Kalled C. Almeida em Dom 11 Mar 2018, 11:44



Rotten Apple

Missão Mediana Interna Narrada para Feila Adéle Rousseau


Uma das maiores crises do mundo mitológico se instaurara no Acampamento; Éris agora tinha controle do antigo lar dos meio-sangues. Tudo isso graças aos aliados da deusa da discórdia.

Feila, uma filha de Perséfone, era uma dessas aliadas. A loira fora programada para servir incondicionalmente a patrona dos semideuses mais caóticos do mundo.  Com o fim do primeiro conflito, a menina tinha conquistado um lugar entres os seguidores da deusa. A pergunta que não calava era: até onde sua fidelidade iria?

Éris era calculista e gostava de testar seus “cães de caça”. Com Rousseau não seria diferente.

Diretrizes e informações


— Faça uma introdução inerente ao fato proposto logo acima. Inclua reações, pensamentos e opiniões da sua personagem. Proponho que narre como você foi parar em New York e as consequências do conflito no acampamento para Feila.

— Você estará andando pelas ruas da cidade quando recebe uma mensagem de Éris. Neste caso, fique a vontade para decidir como ela lhe contatou. Ex: se foi por MI, um mensageiro, conexão mental ou presencial.

— Seja como for, você receberá uma missão da deusa. A missão é para que você encontre um semideus na cidade que pode saber a localização de outros meio-sangues capazes de frustrar os planos de Éris.

— Finalize o turno decidindo se aceita ou não tal missão.





— Local: Nova York
— Horário inicial: 10:00 am.
— Condições climáticas: frio, 16º.

— Itens, pets e poderes relevantes (ativos ou passivos) devem ser devidamente colocados no fim do texto (preferencialmente em spoiler).
— Não coloque "considerar poderes até tal nível", pois se isso ocorrer, as habilidades em questão não serão consideradas.
— Evite utilizar templates muito estreitos ou com barrinha; além de cores muito cegantes ou qualquer coisa que possa dificultar a leitura.
— Você possui um prazo de 3 dias. Tal prazo se extingue dia 14/03 às 11:50
— Quando postar ou caso haja alguma dúvida, entre em contato por MP.
— Boa sorte.

Template roubado/emprestado do Mason

Kalled C. Almeida
avatar
Menestréis
Mensagens :
773

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Feila A. Rousseau em Dom 11 Mar 2018, 14:36


"it's sacrilege, it's sacrilege!", you say.
missão narrada interna mediana
Feila era pequena e franzina, o que não necessariamente refletia a aparência da maioria dos seguidores de Éris. De qualquer jeito, a deusa garantia que seus arautos não fossem facilmente reconhecidos, o que auxiliava ainda mais as ações da prole de Perséfone. Dessa forma, fora fácil para ela adentrar a enfermaria de uma semideusa para que se curasse após o conflito no Acampamento, do qual havia sido retirada literalmente carregada. De sua pequena batalha, uma cicatriz havia restado, orgulhosamente localizada em sua barriga, onde havia sido perfurada por uma estalagmite. Mesmo que a semideusa tivesse quase encarado sua morte, não havia nenhum sinal de arrependimento em si. Faria tudo aquilo de novo se necessário fosse, uma consequência pesada de sua lealdade às diretrizes de sua nova patrona.

Atrás de um lugar para chamar de seu, visto que o Acampamento, embora fosse o novo refúgio dos arautos, não mais servia à Rousseau, andava pelas ruas de Nova York, os itens cuidadosamente posicionados para que não fosse pega de surpresa. Não era exatamente forte, uma besta treinada para matar, mas queria aprender. Era a semideusa mais vulnerável dentre o grupo de Éris, até onde tinha conhecimento, então sabia que podia ser dispensada a qualquer momento. Entre mantê-la ou manter um semideus como o que liderara o ataque ao refúgio de Quíron, a deusa faria uma escolha óbvia.

— A loirinha encontra-se perdida? — Os olhos claros da menina preguiçosamente rolaram nas órbitas, encontrando o semblante divertido do rapaz. Tinha estatura mediana e cabelos ondulados castanhos. Feila cruzou os braços enquanto suspirava, sendo impedida de seguir seu caminho pelo desconhecido. Este, por outro lado, ergueu a mão e segurou o queixo dela de forma gentil, erguendo o rosto delicado como se a avaliasse. — Você não tem muito senso de humor, não é? — O moreno a soltou e deu de ombros. — De qualquer forma, tenho uma mensagem para você. Éris diz que, embora você não seja forte, não quer dizer que não seja uma adição interessante ao time. — Ele ficou em silêncio por algum tempo, os olhos avaliando a garota. A prole de Perséfone se sentiu obrigada a responder, claramente irritada.

— Você vai continuar no seu discurso ou vai permitir que eu continue minha caminhada? — O mensageiro riu, aparentemente extasiado por ter conseguido uma resposta. Explicou, então, que Feila deveria ir atrás de um semideus que tinha informações acerca de empecilhos claros ao plano que sua senhora mantinha. Não parecia ser uma missão suicida até aquele momento e, mesmo que fosse, ainda assim a acataria, motivo que levou a loira a assentir calmamente. — É óbvio que você poderia ter sido um pouco mais objetivo, mas agradeço pelo recado, rapaz. Aproveite e devolva o favor, dizendo que ficarei honrada em cumprir tal tarefa. — Sorriu para ele. Era hora de fazer o que fora programada para fazer. Obedeceria.

coisinhas:
observações:
∆ Nada a declarar por enquanto.
itens:
♦️ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

— {Flowerblade} / Espada [Uma espada que mede cerca de 70 cm, sendo que sua lâmina é em torno de 60 cm. Sua lâmina é de bronze sagrado e fica em um tom diferente conforme a estação do ano, e o pomo tem a forma de uma rosa desabrochando. Seu guarda-mão tem um formato de quatro pétalas laterais divididas igualmente, e no centro há um brasão em forma de flor, adaptável ao gosto do meio-sangue. Ao matar alguém, toda a sua estrutura torna-se negra e gélida, relembrando ao filho de Perséfone o sofrimento que uma morte pode causar. ] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

— {Flowershield} / Escudo [Um escudo pequeno e circular (cerca de 30 cm de altura e largura); é feito de aço e é bastante resistente. Em seu centro há entalhado um brasão de flor adaptável ao gosto do semideus. No nível 20, torna-se uma fitinha dessas que são amarradas nos pulsos ou nos tornozelos.] {Aço} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

❖ {Hellstone} / Anel [Uma pequena pedra vermelha em forma de prisma, mede aproximadamente cinco centímetros e foi colocada em um fino anel. Duas vezes por evento ou missão, uma ação de ataque física pode ser bonificada com 10% de efetividade. Caso o ataque seja provocado por magia (ou envolvendo magia), apenas 5%. Não funciona para bonificar defesa ou outros movimentos.] {Pedra desconhecida} (Nível mínimo: 10) {Não controla nenhum elemento} [Recompensa pela missão "Sweather Weather", avaliada e atualizada por Psiquê.]

∆ {Backstab} Adaga [Adaga de bronze sagrado. Diferente do comum, a daga possui uma empunhadura com meia guarda, que protege a mão do portador parcialmente, sem contudo interferir em seus movimentos.]

∆ {Perfidious} Anel [Anel dourado em forma de garra, se encaixa no dedo indicador do arauto. É afiado, mas seu dano seria semelhante a de uma ponta de flecha se usado em ataque corporal, devido ao tamanho diminuto. Ainda assim, possui a capacidade de inocular veneno ao toque, seja diretamente, seja transmitindo o poder para a arma segurada. O veneno é debilitante, sendo considerado um veneno sobrenatural do nível do personagem, para fins de resistências - mas RM não se aplica - e causa a perda de 5% do HP do alvo por 3 turnos seguidos. 1 vez por missão. Adicionalmente, o anel detecta a presença de venenos em um raio de 5m do semideus, esquentando levemente como sinal, ainda que o semideus deve procurar para achar o local exato da presença da substância - a temperatura do anel indica a proximidade. Ambos os poderes só funcionam se o anel estiver sendo utilizado - apenas carregá-lo não permite nenhuma das duas coisas]

∆ {Temptation} Colar [Colar com pingente de uma maçã com uma serpente enrodilhada. Emite um cheiro levemente adocicado. Portá-lo aumenta os poderes de charme, persuação e lábia do Arauto em 10% sempre que em uso (efetividade e chance de acerto, mas não efeitos ou duração). Uma vez por missão pode ser ativado de forma a recuperar 20% de seu HP e MP]
poderes passivos:
{Nível 1} - Aura oculta - O arauto não tem qualquer marca ou indicação de sua filiação. Sua aura de Arauto é invisível para quaisquer outros personagens, exceto se tiverem, além dos meios para descobrir isso, uma margem de poder  grande (10 níveis ou mais) ou forem deuses. Qualquer outra condição só mostrará a origem familiar do semideus, mas não sua entrada no grupo. {Éris}
poderes ativos:
∆ Nothing here.
Feila A. Rousseau
avatar
Arautos da Discórdia
Mensagens :
88

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Kalled C. Almeida em Dom 11 Mar 2018, 16:21



Rotten Apple

Missão Mediana Interna Narrada para Feila Adéle Rousseau


Um dos motivos para que Adéle estivesse em Nova York era para revigorar sua saúde. Apesar de ter caído nas graças da deusa Éris, a menina havia pago um preço muito alto.

Agora tinha que garantir para a deusa que era leal. Após receber a visita inconveniente de um rapaz desconhecido, Feila descobria que tinha mais uma missão para cumprir. Assim que aceitou a tarefa, recebeu um pedaço de papel. Abriu e se deparou com um endereço.

Quinta Avenida
Número 194

A avenida mais famosa de Nova York era seu destino inicial.

Status da player:

Feila A. Rousseau
HP: 244/310
MP:310/310



Diretrizes e informações


— Relate como foi sua reação ao saber que iria para a avenida mais movimentada da cidade.

— Em seguida narre como foi sua ida até o local endereçado. Quero pelo menos uma dificuldade, no entanto você pode narrar a certeza de tê-la ultrapassado. Seja coerente.

— Chegando ao local você encontra uma mansão. Conte sobre as suas impressões e possíveis teorias sobre que tipo de semideus poderia estar ali.

— Finalize o turno decidindo se entra ou não na mansão. Caso entre, detalhe o melhor que puder o local.





— Local: Nova York
— Horário inicial: 10:00 am.
— Condições climáticas: frio, 16º.

— Itens, pets e poderes relevantes (ativos ou passivos) devem ser devidamente colocados no fim do texto (preferencialmente em spoiler).
— Não coloque "considerar poderes até tal nível", pois se isso ocorrer, as habilidades em questão não serão consideradas.
— Evite utilizar templates muito estreitos ou com barrinha; além de cores muito cegantes ou qualquer coisa que possa dificultar a leitura.
— Você possui um prazo de 3 dias. Tal prazo se extingue dia 14/03 às 15:22
— Quando postar ou caso haja alguma dúvida, entre em contato por MP.
— Boa sorte.

Template roubado/emprestado do Mason

Kalled C. Almeida
avatar
Menestréis
Mensagens :
773

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Feila A. Rousseau em Qua 14 Mar 2018, 12:30


"it's sacrilege, it's sacrilege!", you say.
missão narrada interna mediana
O rapaz pareceu um pouco aborrecido pela óbvia constatação feita pela loira, a de que era um garoto de recados, o que deu à semideusa uma pequena satisfação seguida de um brilho no olhar. De má vontade, ele lhe deu um pequeno bilhete dobrado, que foi aberto e revelou um endereço, algo sobre a Quinta Avenida. Franzindo o cenho, Feila ergueu a cabeça para questionar, mas o desconhecido já tinha sumido, deixando-a sem orientação quanto à locomoção até tal lugar. Guardando o papel amassado, a prole de Perséfone voltou a caminhar, assobiando. Não devia ser tão difícil achar alguma rua em Nova York, era uma cidade relativamente popular.

[Feila passara uma boa parte de sua vida pré-Acampamento confinada em um hospital psiquiátrico, não tinha conhecimento algum sobre nomes de vias públicas naquele pedaço de terra.]

Rousseau estava dolorosamente errada. Virava esquina após esquina, passava por beco após beco, mas nunca parecia alcançar o que parecia ser seu destino - e mesmo que alcançasse, como saberia? -. Sua testa começava a porejar com o suor, que não era intenso devido ao clima frio, além das maçãs do rosto, que avermelhavam-se cada vez mais. Em um determinado beco, de localidade ignorada, seus ouvidos captaram passos rápidos que se aproximavam, sua mão puxando a faca do cós de sua calça em um movimento delicado e quase imperceptível. Não seria pega de surpresa.

Quando os braços desconhecidos a envolveram na altura de seu peito, a faca atingiu a perna de seu agressor quase que instintivamente, fazendo com que a voz masculina soasse em forma de grito próximo à sua orelha, e o aperto ao seu redor foi aliviado,  facilitando que ela se soltasse e se virasse para encará-lo. Era uma cabeça mais alto que Feila e encorpado, mas a semideusa somente precisava de estratégia para balancear aquele embate. O homem deu um soco de forma direta no tórax da loira, visto que seu tamanho lhe daria vantagem de escape se ele dirigisse o golpe de forma lateral contra o rosto dela, e a desestabilizou por alguns segundos, o ar sendo suprimido imediatamente, abrindo espaço para que ele novamente investisse, realizando o erro de procurar agarrá-la de novo. Por sorte, a Rousseau conseguia ser imune aos efeitos da falta de oxigênio e conseguiu recuperar-se a ponto de puxar a faca de baixo para cima, acertando um dos braços de quem lhe atacava e abrindo um talho profundo na pele, o sangue espirrando. Logo em seguida, dois passos para a frente por parte de Feila e a mão manejou a arma de forma que o golpe envolveu um corte na direção do pescoço dele, feito com sucesso em um momento de deslize do mais velho. Sua movimentação já era avantajada por conta de suas habilidades, e seu corpo pequeno a auxiliava ainda mais. Viu-o cair no chão com um baque, um sorriso plantando-se em seu rosto. Nem mesmo se sentia frustrada pela falta de sorte até aquele momento.

Andou por mais algumas ruas até atingir seu objetivo finalmente, confirmado por uma transeunte do local. A manhã não dava grandes glórias à avenida, fazendo com que ela parecesse uma rua comercial qualquer, com fachadas de lojas e propagandas por toda parte. A prole de Perséfone não vira as luzes que faziam daquela extensão de asfalto um dos pontos altos de Nova York, a massa de gente que tornava quase impossível transitar, tudo que tornava a Quinta Avenida... Bem, a tal Quinta Avenida. Dessa forma, não se demorou muito a observar, partindo em busca do número escrito no papel.

A mansão era imponente, ela estava certa disso. Pintada de um tom carmesim que se destacava, embora não fosse a construção mais atraente, visto os prédios vizinhos, as portas e as janelas eram pintadas de um tom branco impecável, sem máculas ou descamações. Quem morava ali devia ter bom gosto, além da vontade de manter a fachada sempre bonita. Quando entrou, no entanto, Feila ficou ainda mais surpresa ao ser recebida por uma sensação gostosa de um calor de muito bom tom, levando em consideração o frio que fazia do lado de fora. O hall tinha poltronas do mesmo tom de vermelho que decorava o lado de fora, enquanto as paredes eram doentiamente brancas. Quadros nas paredes retratavam momentos importantes da história conhecida por humanos, como as guerras e o holocausto, não que a loira fosse saber disso, mas seus olhos brilhavam com a arte. No centro da parede ao sul de onde ela se encontrava, uma lareira ardia com tons de laranja e uma longa mesa de madeira se estendia em meio ao cômodo, decorada com o que pareciam ser arabescos, mas que o dono ou dona sabia ser uma língua há muito esquecida pelos homens. Ela se aproximou inconscientemente, dando alguns passos para que pudesse ver a mesa de forma mais clara.

coisinhas:
observações:
∆ A Feila foi atacada por um bandido, que não oferecia tanto risco assim, visto o fato de ser humano comum, além de ter se enrolado para atingir o objetivo.

∆ O cansaço não a afeta de forma que afetaria outros semideuses, devido a um passivo de Éris.

∆ Feila não conhece Nova York ou a fama da Quinta Avenida, motivo pelo qual apresentou apatia ao local.
itens:
♦️ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

— {Flowerblade} / Espada [Uma espada que mede cerca de 70 cm, sendo que sua lâmina é em torno de 60 cm. Sua lâmina é de bronze sagrado e fica em um tom diferente conforme a estação do ano, e o pomo tem a forma de uma rosa desabrochando. Seu guarda-mão tem um formato de quatro pétalas laterais divididas igualmente, e no centro há um brasão em forma de flor, adaptável ao gosto do meio-sangue. Ao matar alguém, toda a sua estrutura torna-se negra e gélida, relembrando ao filho de Perséfone o sofrimento que uma morte pode causar. ] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

— {Flowershield} / Escudo [Um escudo pequeno e circular (cerca de 30 cm de altura e largura); é feito de aço e é bastante resistente. Em seu centro há entalhado um brasão de flor adaptável ao gosto do semideus. No nível 20, torna-se uma fitinha dessas que são amarradas nos pulsos ou nos tornozelos.] {Aço} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

❖ {Hellstone} / Anel [Uma pequena pedra vermelha em forma de prisma, mede aproximadamente cinco centímetros e foi colocada em um fino anel. Duas vezes por evento ou missão, uma ação de ataque física pode ser bonificada com 10% de efetividade. Caso o ataque seja provocado por magia (ou envolvendo magia), apenas 5%. Não funciona para bonificar defesa ou outros movimentos.] {Pedra desconhecida} (Nível mínimo: 10) {Não controla nenhum elemento} [Recompensa pela missão "Sweather Weather", avaliada e atualizada por Psiquê.]

∆ {Backstab} Adaga [Adaga de bronze sagrado. Diferente do comum, a daga possui uma empunhadura com meia guarda, que protege a mão do portador parcialmente, sem contudo interferir em seus movimentos.]

∆ {Perfidious} Anel [Anel dourado em forma de garra, se encaixa no dedo indicador do arauto. É afiado, mas seu dano seria semelhante a de uma ponta de flecha se usado em ataque corporal, devido ao tamanho diminuto. Ainda assim, possui a capacidade de inocular veneno ao toque, seja diretamente, seja transmitindo o poder para a arma segurada. O veneno é debilitante, sendo considerado um veneno sobrenatural do nível do personagem, para fins de resistências - mas RM não se aplica - e causa a perda de 5% do HP do alvo por 3 turnos seguidos. 1 vez por missão. Adicionalmente, o anel detecta a presença de venenos em um raio de 5m do semideus, esquentando levemente como sinal, ainda que o semideus deve procurar para achar o local exato da presença da substância - a temperatura do anel indica a proximidade. Ambos os poderes só funcionam se o anel estiver sendo utilizado - apenas carregá-lo não permite nenhuma das duas coisas]

∆ {Temptation} Colar [Colar com pingente de uma maçã com uma serpente enrodilhada. Emite um cheiro levemente adocicado. Portá-lo aumenta os poderes de charme, persuação e lábia do Arauto em 10% sempre que em uso (efetividade e chance de acerto, mas não efeitos ou duração). Uma vez por missão pode ser ativado de forma a recuperar 20% de seu HP e MP]
poderes passivos:
{Nível 1} - Aura oculta - O arauto não tem qualquer marca ou indicação de sua filiação. Sua aura de Arauto é invisível para quaisquer outros personagens, exceto se tiverem, além dos meios para descobrir isso, uma margem de poder  grande (10 níveis ou mais) ou forem deuses. Qualquer outra condição só mostrará a origem familiar do semideus, mas não sua entrada no grupo. {Éris}

{Nível 1} - Perícia com adagas - Arautos preferem ataques furtivos e discretos, armas fáceis de serem ocultadas mas nem por isso menos mortais nas mãos certas. Eles adquirem, por isso, uma compreensão maior sobre o uso dessas armas - adagas e punhais sempre serão mais fáceis de serem manuseadas por eles. O conhecimento não é automático, mas o aprendizado tende a ser mais fácil. A perícia é evolutiva, e depende do nível do semideus. Quanto maior, maior será sua habilidade com essas armas. Afeta adagas, facas e punhais. {Éris}

{Nível 2} - Respiração Subterrânea: O Mundo Inferior é um local fechado, onde a circulação de ar é pouca (senão nula, a depender do lugar onde estiver), e isso não é mais um problema para as proles de Perséfone, pois conseguirão oxigenar normalmente mesmo se expostos a condições difíceis. O principal efeito disto, além de respirar normalmente no Submundo, é segurar a respiração por três turnos completos, inutilizando venenos do ar, por exemplo, sem sofrerem consequências da falta de inspiração ou expiração. (MODIFICADO!) {Perséfone}

{Nível 4} - Epítetos I: Além de Koré, Perséfone era conhecida por outros nomes, sendo uma das deusas com mais alcunhas da mitologia grega. Muitos desses passarão a formar características dos filhos dela, porém serão liberados com o passar dos níveis. O primeiro epíteto é Daeira (sábia), cujo efeito é o de dar as suas proles uma sabedoria digna de um filho inexperiente de Athena (eles aprendem as coisas com mais facilidade, embora não saibam de tudo). {Perséfone}

{Nível 8} - Ouvidos atentos - Informações são importantes, ainda mais quando se planeja utilizá-las como fonte de suas tramóias. Os Arautos, por isso, tem sua acuidade auditiva dobrada se em comparação com outros semideuses - isso se refere tanto ao alcance quanto ao volume do som que são capazes de identificar.  {Éris}

{Nível 18} - Agilidade corporal - Éris é veloz, e seus seguidores também precisam ser. Sua velocidade e capacidade de movimentação tende a ser um pouco maior do que a de pessoas comuns - cerca de 10%. Não permite que faça mais de um ataque por turno, mas aumenta suas chances de acerto em caso de ataque corporal, e suas reações de reflexo/ defesa no caso de ataques físicos. {Éris}

{Nível 21} - Controle dos Males VI: Ponos - Éris é mãe de Ponos, a fadiga. Seus seguidores, por sua vez, mantém uma relação distinta com esse fator - eles não são tão afetados pela fadiga natural, conseguindo suportar esforços físicos maiores. Seu gasto de Mp para atividades naturais será sempre de 50% comparado a semideuses comuns. Isso não afeta o uso de poderes, seja da parte deles, sejam efeitos de poderes nocivos - nesse ponto, o gasto é normal. {Éris}
poderes ativos:
∆ Nothing here.
Feila A. Rousseau
avatar
Arautos da Discórdia
Mensagens :
88

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Kalled C. Almeida em Qui 15 Mar 2018, 22:32



Rotten Apple

Missão Mediana Interna Narrada para Feila Adéle Rousseau


Feila tinha tido sua cota de dificuldades para encontrar o local endereçado. Ainda que para um semideus enfrentar um bandido mortal não fosse tarefa árdua. No entanto, o maior empecilho foi localizar de forma correta o destino de sua procura. Afinal Adéle passara boa parte de sua vida confinada, o que impossibilitava conhecimentos amplos sobre o mundo exterior.

Depois de algumas desventuras a loira finalmente havia chegado ao local designado. Tamanha foi sua surpresa ao se deparar com uma mansão. Sem esperar por convite algum adentrou a construção em busca de maiores informações. Ao adentar o imóvel percebeu que sua decoração e arquitetura eram muito mais impressionantes. No entanto, o que mais lhe chamava atenção eram os quadros e as imagens retratadas neles. Imagens de guerra. Imagens de dor. Imagens de sofrimento. Imagens de pura destruição.

No centro do cômodo havia uma lareira na qual chamas laranjas crepitavam, e à frente dessa lareira localizava-se uma mesa. Rousseau aproximou-se curiosa para ver a mesa de forma mais clara e o que viu a deixou alerta. Sentada à mesa estava uma mulher. Seus cabelos eram negros e estavam presos em uma única trança. Trajava uma armadura de batalha completa sobre vestes femininas gregas. Seus olhos eram ríspidos e sua boca não exibia sequer um sinal de simpatia. Acima da lareira um quadro retratava a mulher exatamente com aquele mesmo visual. Abaixo um nome em grego antigo: Ênio.

– As coisas começaram a ficar interessantes. Dois semideuses no mesmo dia, será que você eu poderei matar?
Status da player:

Feila A. Rousseau
HP: 244/310
MP:310/310



Diretrizes e informações


— Narre sua impressão ao perceber que a mulher à sua frente era Ênio, a deusa da guerra destrutiva.

— Você deverá dialogar com a deusa. Primeiro a convença a não lhe matar, mas não dê certeza, deixe essa opção em aberto. A deusa deixará que você se explique, conte sobre sua missão.

— A deusa diz que o menino que você procura realmente buscou auxílio dela. Ao mesmo tempo ela explica que se viu obrigada a ajuda-lo por ordens de Ares.

— Finalize o turno tentando convencer Ênio a lhe ajudar. Apenas tente convencê-la. Eu narrarei se você obteve sucesso e qual foi o tipo de ajuda recebida. Caso não consiga, a deusa estará propensa a lhe atacar. Portanto, seja coerente.





— Local: Nova York
— Horário inicial: 10:30 am.
— Condições climáticas: frio, 16º.

— Itens, pets e poderes relevantes (ativos ou passivos) devem ser devidamente colocados no fim do texto (preferencialmente em spoiler).
— Não coloque "considerar poderes até tal nível", pois se isso ocorrer, as habilidades em questão não serão consideradas.
— Evite utilizar templates muito estreitos ou com barrinha; além de cores muito cegantes ou qualquer coisa que possa dificultar a leitura.
— Você possui um prazo de 3 dias. Tal prazo se extingue dia 18/03 às 22:31
— Quando postar ou caso haja alguma dúvida, entre em contato por MP.
— Boa sorte.

Template roubado/emprestado do Mason

Kalled C. Almeida
avatar
Menestréis
Mensagens :
773

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Feila A. Rousseau em Sab 17 Mar 2018, 11:50


"it's sacrilege, it's sacrilege!", you say.
missão narrada interna mediana
Os olhos da loira captaram a presença imponente que surgira de repente, fazendo-a dar um pequeno passo inconsciente para trás. A mulher era morena e, embora a característica mais marcante fosse sua pesada armadura completa, era possível ver a delicadeza dos tecidos que a adornavam por baixo do metal. Feila não havia ligado a imagem feminina ao conteúdo óbvio dos quadros, mas ao observar novamente a lareira, notou a moldura acima dele, que trazia a mesma desconhecida pintada com generosos detalhes, o nome dela escrito em grego logo abaixo.

[A questão era... Como ela não havia percebido?]

A expressão de Ênio poderia causar medo em Rousseau, mas tinha o efeito contrário. Ela se sentia quase familiarizada com os olhos severos e a falta de simpatia desenhada em seus lábios. Era quase como se sentir em casa. A voz da deusa não era doce, era acompanhada por uma rouquidão mansa e convidativa, como se esperasse para dar o bote. Sua pergunta não abalou a semideusa, que sorriu para ela e ergueu as mãos. Era inabalável e já tinha passado por muitos problemas piores em sua vida, não era uma ameaça de morte que a derrubaria. Os olhos fixaram-se no rosto da morena, a expressão tão serena quanto poderia.

— Pelo que diz, foste impedida de matar o outro. Podes fazer o que bem entender comigo, contanto que seja de tua própria vontade. É isso que trago a ti hoje. - Tentaria se aproximar com calma, até que pudesse conversar de igual para igual com a deusa. — Busco por informações acerca de potenciais inimigos para os planos que minha senhora possui. A outra pessoa que esteve aqui é quem as guarda, por isso preciso saber como encontrá-lo. - A deusa assentiria, expondo a presença do rapaz por ali mais cedo, além de explicar o motivo de não matá-lo, ordens vindas diretamente de Ares. — Vês... - Feila começaria, sem nem mesmo precisar mentir. Sua programação a fazia acreditar firmemente no que dizia, não seria possível que deslizasse naquilo. — Aqui nos encontramos. Ambas recebemos ordens, embora também tenhamos livre-arbítrio. Mas tu, deusa, és ainda mais oprimida do que eu jamais seria. Possuis status divino e, ainda assim, és privada de tuas verdadeiras vontades. Ares não deveria poder te dar ordens. Ninguém deveria. - A voz da semideusa diminuiria o tom, deixando que suas palavras se gravassem no coração da divindade. — És esquecida, quase não sobrevives nas ideias dos semideuses atuais, nem mesmo possuis grande reconhecimento, embora tenhas grande poder. Ofereço-te uma troca. Peço-te a tua benção para que eu vá e, em agradecimento, dedicarei a ti a morte de cada meio-sangue que passar por minhas mãos. Obterás a tua força novamente e não terás mais que baixar tua divina cabeça a nenhum dos olimpianos. A guerra que vem por aí... É necessário que saibas escolher o lado certo, ou deverás alimentar os dois lados para que a destruição seja ainda maior. Sei como isso te agradaria, sendo tua esfera de poder. - Terminaria, deixando que ela própria formulasse suas ideias. Queria poder saber se a tinha convencido a fornecer as informações.

coisinhas:
observações:
∆ Então, Feila ofereceu uma troca à deusa e deverá ser obrigada a cumprir se for aceita. Por não ser uma deusa muito conhecida, é compreensível que tenha que se sujeitar a outros deuses para que permaneça por aí, então Feila tentou convencê-la a dar as informações mencionando a grande destruição que viria da guerra, que alimentaria a esfera de poderes dela.
itens:
♦️ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

— {Flowerblade} / Espada [Uma espada que mede cerca de 70 cm, sendo que sua lâmina é em torno de 60 cm. Sua lâmina é de bronze sagrado e fica em um tom diferente conforme a estação do ano, e o pomo tem a forma de uma rosa desabrochando. Seu guarda-mão tem um formato de quatro pétalas laterais divididas igualmente, e no centro há um brasão em forma de flor, adaptável ao gosto do meio-sangue. Ao matar alguém, toda a sua estrutura torna-se negra e gélida, relembrando ao filho de Perséfone o sofrimento que uma morte pode causar. ] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

— {Flowershield} / Escudo [Um escudo pequeno e circular (cerca de 30 cm de altura e largura); é feito de aço e é bastante resistente. Em seu centro há entalhado um brasão de flor adaptável ao gosto do semideus. No nível 20, torna-se uma fitinha dessas que são amarradas nos pulsos ou nos tornozelos.] {Aço} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

❖ {Hellstone} / Anel [Uma pequena pedra vermelha em forma de prisma, mede aproximadamente cinco centímetros e foi colocada em um fino anel. Duas vezes por evento ou missão, uma ação de ataque física pode ser bonificada com 10% de efetividade. Caso o ataque seja provocado por magia (ou envolvendo magia), apenas 5%. Não funciona para bonificar defesa ou outros movimentos.] {Pedra desconhecida} (Nível mínimo: 10) {Não controla nenhum elemento} [Recompensa pela missão "Sweather Weather", avaliada e atualizada por Psiquê.]

∆ {Backstab} Adaga [Adaga de bronze sagrado. Diferente do comum, a daga possui uma empunhadura com meia guarda, que protege a mão do portador parcialmente, sem contudo interferir em seus movimentos.]

∆ {Perfidious} Anel [Anel dourado em forma de garra, se encaixa no dedo indicador do arauto. É afiado, mas seu dano seria semelhante a de uma ponta de flecha se usado em ataque corporal, devido ao tamanho diminuto. Ainda assim, possui a capacidade de inocular veneno ao toque, seja diretamente, seja transmitindo o poder para a arma segurada. O veneno é debilitante, sendo considerado um veneno sobrenatural do nível do personagem, para fins de resistências - mas RM não se aplica - e causa a perda de 5% do HP do alvo por 3 turnos seguidos. 1 vez por missão. Adicionalmente, o anel detecta a presença de venenos em um raio de 5m do semideus, esquentando levemente como sinal, ainda que o semideus deve procurar para achar o local exato da presença da substância - a temperatura do anel indica a proximidade. Ambos os poderes só funcionam se o anel estiver sendo utilizado - apenas carregá-lo não permite nenhuma das duas coisas]

∆ {Temptation} Colar [Colar com pingente de uma maçã com uma serpente enrodilhada. Emite um cheiro levemente adocicado. Portá-lo aumenta os poderes de charme, persuação e lábia do Arauto em 10% sempre que em uso (efetividade e chance de acerto, mas não efeitos ou duração). Uma vez por missão pode ser ativado de forma a recuperar 20% de seu HP e MP]
poderes passivos:
{Nível 1} - Aura oculta - O arauto não tem qualquer marca ou indicação de sua filiação. Sua aura de Arauto é invisível para quaisquer outros personagens, exceto se tiverem, além dos meios para descobrir isso, uma margem de poder  grande (10 níveis ou mais) ou forem deuses. Qualquer outra condição só mostrará a origem familiar do semideus, mas não sua entrada no grupo. {Éris}

{Nível 2} - As you wish - Arautos adquirem uma compreensão melhor das motivações das criaturas - o que procuram, suas paixões, o que os desestabiliza. Esse é um poder passivo, que permite ao semideus saber os anseios dos seus adversários e - consequentemente - qual a melhor forma de tentá-los, desviando-os do seu caminho. No caso, o desejo do personagem - não um desejo sexual, mas suas ambições e motivações mais fortes, sejam materiais ou sentimentais. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes tem essa visão bloqueada, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 4} - Epítetos I: Além de Koré, Perséfone era conhecida por outros nomes, sendo uma das deusas com mais alcunhas da mitologia grega. Muitos desses passarão a formar características dos filhos dela, porém serão liberados com o passar dos níveis. O primeiro epíteto é Daeira (sábia), cujo efeito é o de dar as suas proles uma sabedoria digna de um filho inexperiente de Athena (eles aprendem as coisas com mais facilidade, embora não saibam de tudo). {Perséfone}

{Nível 7} - Controle dos Males II: Anfilogias (Ambiguidades e dúvidas) - Recebendo os poderes de uma dos filhos de sua patrona, Arautos neste nível passam a visualizar as dúvidas dos alvos, podendo utilizar este conhecimento combinado com outros poderes para desviar a atenção do alvo ou fazê-lo mudar de opinião com base em seus próprios sentimentos. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes conseguem bloquear isso, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 17} - Controle de Males V: Disnomia - Às vezes traduzida como desrespeito, outras como desordem - aspecto adotado com certa frequência e aqui representada. A partir desse nível Arautos detectam a concentração de emoções hostis e caos - seja um palanque político de debates, um ringue de luta livre ou uma guerra. O raio de sentido abrange 100m, aumentando mais 100m a cada 15 níveis após adquirir o poder. {Éris}

{Nível 18} - Aura da Sorte: Narciso, flor designada como seu símbolo, além da renovação, também significa boa sorte, e seus filhos são cercados por esta aura. A partir desse nível, qualquer atividade do filho de Perséfone tem uma chance aumentada em 10% de ser bem sucedida (em jogos de azar, essa chance sobe para 50%). {Perséfone}
poderes ativos:
∆ Nothing here.
Feila A. Rousseau
avatar
Arautos da Discórdia
Mensagens :
88

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Kalled C. Almeida em Dom 18 Mar 2018, 15:45



Rotten Apple

Missão Mediana Interna Narrada para Feila Adéle Rousseau


Feila era inteligente e sabia como usar as palavras ao seu favor. A menina ainda não sabia, mas suas palavras começavam a ganhar espaço na mente da deusa. E se Ênio pudesse se beneficiar de uma guerra na qual não precisasse protagonizar, ela o faria.

— Ainda não decidi se você é corajosa ou ingênua demais para me propor tamanho acordo. No entanto, seria tolice de minha parte não aceitar tal proposta. Não porque quero que mates e dediques tais morte à mim, e sim porque toda a destruição que há de vir desta guerra vindoura me alimentará. — A deusa pausou para respirar e dar uma boa observada em Ádele. A divindade parecia examinar se a seguidora de Éris lhe seria útil mesmo.

— Ninguém no Olimpo pode saber que estou lhe ajudando. Se o que me dizes ocorrer, tornarei-me forte o suficiente para me rebelar contra Zeus e Ares. Serei senhora de mim mesma. — Um sorriso se esboçara no rosto antes carrancudo da deusa. Algo que expressava satisfação.

— A sua caça esteve aqui, eu o mandei para o Porto do Brooklyn. Ele se encontrará com outros semideuses lá, semideuses que podem ajudá-lo a escapar do país. Cais 19. É lá que os encontrará. — Rousseau assentiu com um olhar que transmitia gratidão. Não uma gratidão verdadeira e despretenciosa. Era uma gratidão ambiciosa que demonstrava que uma troca seria feita e a mesma valeria a pena.

Status da player:

Feila A. Rousseau
HP: 244/310
MP:310/310



Diretrizes e informações


— Vá para o Porto imediatamente. Relate o percurso mas não se prenda muito

— Chegando lá procure pelo Cais 19 e ao encontrar se depare com três semideuses. O semideus que você procura estará lá juntamente com outros dois que farão o serviço pra ele. Descreva-os.

— Os semideuses percebem sua presença e lhe perguntam o que faz ali. Seja sincera ou não, a escolha é sua. No entanto, você deve responder.

— Finalize o turno dando sua resposta. Eu narrarei as consequências de sua ação.





— Local: Nova York
— Horário inicial: 10:45 am.
— Condições climáticas: frio, 16º.

— Itens, pets e poderes relevantes (ativos ou passivos) devem ser devidamente colocados no fim do texto (preferencialmente em spoiler).
— Não coloque "considerar poderes até tal nível", pois se isso ocorrer, as habilidades em questão não serão consideradas.
— Evite utilizar templates muito estreitos ou com barrinha; além de cores muito cegantes ou qualquer coisa que possa dificultar a leitura.
— Você possui um prazo de 3 dias. Tal prazo se extingue dia 21/03 às 15:46
— Quando postar ou caso haja alguma dúvida, entre em contato por MP.
— Boa sorte.

Template roubado/emprestado do Mason

Kalled C. Almeida
avatar
Menestréis
Mensagens :
773

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Feila A. Rousseau em Qua 21 Mar 2018, 01:30


"it's sacrilege, it's sacrilege!", you say.
missão narrada interna mediana
Um sorriso ambicioso tomou conta dos lábios de Feila enquanto a deusa parecia ponderar sobre o que havia oferecido. Não se preocupava em ser chamada de ingênua, contanto que alcançasse seu objetivo final, o que parecia atrativo para Ênio também. Ali estava a divindade, submetendo-se ao sacrilégio em prol de sua própria sobrevivência, não muito distante do que a própria semideusa faria, se necessário fosse. A expressão de satisfação assumida por ela alimentou a confiança de Rousseau, que soubera jogar com as palavras perfeitamente, expondo o pior lado da discórdia velada. O exército de Éris não sobreviveria somente de caos explícito, e aquela habilidade de fala poderia vir a calhar novamente em um futuro próximo. Assim sendo, os olhos da prole de Perséfone encararam Ênio novamente, para que pedisse mais um pequeno favor.

— Tu não terias alguns dólares para me emprestar, não é?

Um pequeno spoiler: Ênio tinha dinheiro mortal.

- ∆ -

O percurso de táxi não fora, nem de longe, tão problemático quanto a caminhada até a Quinta Avenida, o que agradou à serva de Éris. As paisagens cinzentas de Nova York se deslocavam do lado de fora, registradas com frieza por parte da loira, que não tendia a observar as belezas da cidade. Tudo que queria era justamente alcançar seu objetivo.

Agradecendo ao motorista com um sorriso delicado e uma gorda gorjeta, Feila sentiu o cheiro de maresia, que não foi bem recebido por ela. Seu estômago embrulhou por alguns segundos, desacostumado da sensação de ter o mar tão perto de si. Respirou por algum tempo, tentando se adaptar, para então começar a procurar pelo cais que Ênio havia mencionado, o de número 19, o que também não se caracterizou como empecilho, levando em consideração o número de pessoas por ali.

Ali, três pessoas conversavam com um tom urgente em seus movimentos, o que Feila classificou como estranho, no mínimo. Um deles, o que parecia ser o principal e, portanto, o semideus que precisava alcançar, tinha cabelos loiros e ondulados, além de um físico esguio com altura avantajada. Aparentemente, dava algumas ordens rápidas, enquanto os outros dois - um parecia um guarda-costas, com tronco e ombros visivelmente largos, além de braços musculosos, com a pele bronzeada, e o outro usava uma camisa azul com um ditado qualquer, além de possuir um sorriso fácil e parecer completamente alheio ao que acontecia, com os olhos verdes cheios de um brilho infantil -, assentiam. A Rousseau pigarreou, chamando a atenção dos três, enquanto exibia um sorriso largo e brilhante, animada com as possibilidades do que viria pela frente.

— O que está fazendo aqui? - O guarda-costas a encarava com severidade, esperando que a semideusa se explicasse.

— O porto é um local público, camaradas, mas eu tenho um objetivo. Sou uma mera consequência aqui e, a depender das ações de vocês, posso ser boa ou ruim. - Seus olhos passariam da expressão de um para o outro, avaliando-as, memorizando-as. Sorriria ainda mais, para então tirar a jaqueta que a protegia do frio. — Tenho algumas perguntas a fazer, mas não precisamos ser completos estranhos! Apresentem-se e eu farei o mesmo. - Feila passaria a língua pelos lábios, na intenção de umidecê-los, mas já estaria com seus dons passivos trabalhando a todo vapor. — Na verdade, eu posso começar. Sou Feila, o prazer deve ser todo de vocês. - O olhar brilharia naquele momento, como se existisse algo a querer sair. A semideusa não gostava de táticas de sedução e não era exatamente auxiliada pela aparência que tinha, mas arriscaria ali, a levar em consideração a quantidade de prováveis oponentes. — Prometo que, se não conseguirmos nos resolver, posso tentar um acordo. - Os lábios se fechariam, a loira a esperar o resultado de suas palavras, o coração a palpitar forte.

coisinhas:
observações:
∆ Então, para efeitos de cálculo na probabilidade da Feila conseguir enrolar os caras com a persuasão/sedução, mesmo sendo poder ativo, considerar os passivos com nome em negrito, bem como o colar Temptation.

∆ Peço que, se possível, exponha o que os poderes passivos As You Wish e Controle dos Males I e II mencionam, como os sinais de linguagem corporal, as motivações dos oponentes e as dúvidas e incertezas deles. Também peço que indique se as emoções dos oponentes são hostis ou não, a levar em consideração Controle dos Males V.
itens:
♦️ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

— {Flowerblade} / Espada [Uma espada que mede cerca de 70 cm, sendo que sua lâmina é em torno de 60 cm. Sua lâmina é de bronze sagrado e fica em um tom diferente conforme a estação do ano, e o pomo tem a forma de uma rosa desabrochando. Seu guarda-mão tem um formato de quatro pétalas laterais divididas igualmente, e no centro há um brasão em forma de flor, adaptável ao gosto do meio-sangue. Ao matar alguém, toda a sua estrutura torna-se negra e gélida, relembrando ao filho de Perséfone o sofrimento que uma morte pode causar. ] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

— {Flowershield} / Escudo [Um escudo pequeno e circular (cerca de 30 cm de altura e largura); é feito de aço e é bastante resistente. Em seu centro há entalhado um brasão de flor adaptável ao gosto do semideus. No nível 20, torna-se uma fitinha dessas que são amarradas nos pulsos ou nos tornozelos.] {Aço} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

❖ {Hellstone} / Anel [Uma pequena pedra vermelha em forma de prisma, mede aproximadamente cinco centímetros e foi colocada em um fino anel. Duas vezes por evento ou missão, uma ação de ataque física pode ser bonificada com 10% de efetividade. Caso o ataque seja provocado por magia (ou envolvendo magia), apenas 5%. Não funciona para bonificar defesa ou outros movimentos.] {Pedra desconhecida} (Nível mínimo: 10) {Não controla nenhum elemento} [Recompensa pela missão "Sweather Weather", avaliada e atualizada por Psiquê.]

∆ {Backstab} Adaga [Adaga de bronze sagrado. Diferente do comum, a daga possui uma empunhadura com meia guarda, que protege a mão do portador parcialmente, sem contudo interferir em seus movimentos.]

∆ {Perfidious} Anel [Anel dourado em forma de garra, se encaixa no dedo indicador do arauto. É afiado, mas seu dano seria semelhante a de uma ponta de flecha se usado em ataque corporal, devido ao tamanho diminuto. Ainda assim, possui a capacidade de inocular veneno ao toque, seja diretamente, seja transmitindo o poder para a arma segurada. O veneno é debilitante, sendo considerado um veneno sobrenatural do nível do personagem, para fins de resistências - mas RM não se aplica - e causa a perda de 5% do HP do alvo por 3 turnos seguidos. 1 vez por missão. Adicionalmente, o anel detecta a presença de venenos em um raio de 5m do semideus, esquentando levemente como sinal, ainda que o semideus deve procurar para achar o local exato da presença da substância - a temperatura do anel indica a proximidade. Ambos os poderes só funcionam se o anel estiver sendo utilizado - apenas carregá-lo não permite nenhuma das duas coisas]

∆ {Temptation} Colar [Colar com pingente de uma maçã com uma serpente enrodilhada. Emite um cheiro levemente adocicado. Portá-lo aumenta os poderes de charme, persuação e lábia do Arauto em 10% sempre que em uso (efetividade e chance de acerto, mas não efeitos ou duração). Uma vez por missão pode ser ativado de forma a recuperar 20% de seu HP e MP]
poderes passivos:
{Nível 1} - Beleza Inata: Perséfone é uma antiga rival de Afrodite, por conta de ambas serem dotadas que especial beleza. Assim, tanto quanto os filhos da deusa do amor, os meio-sangues de Perséfone são comumente descritos como lindos, embora isso ainda não tenha uma grande serventia em batalha. {Perséfone}

{Nível 1} - Aura oculta - O arauto não tem qualquer marca ou indicação de sua filiação. Sua aura de Arauto é invisível para quaisquer outros personagens, exceto se tiverem, além dos meios para descobrir isso, uma margem de poder  grande (10 níveis ou mais) ou forem deuses. Qualquer outra condição só mostrará a origem familiar do semideus, mas não sua entrada no grupo. {Éris}

{Nível 2} - As you wish - Arautos adquirem uma compreensão melhor das motivações das criaturas - o que procuram, suas paixões, o que os desestabiliza. Esse é um poder passivo, que permite ao semideus saber os anseios dos seus adversários e - consequentemente - qual a melhor forma de tentá-los, desviando-os do seu caminho. No caso, o desejo do personagem - não um desejo sexual, mas suas ambições e motivações mais fortes, sejam materiais ou sentimentais. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes tem essa visão bloqueada, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 3} - Controle dos Males I: Pseudologos - Arautos recebem poderes relativos aos filhos de Éris e seus companheiros inseparáveis. Neste nível, Pseudologos os influencia: eles se tornam peritos em analisar pessoas através da linguagem corporal. Isso faz com que esconder seus reais sentimentos ou mentir para um deles seja muito mais difícil. Nível não interfere tanto aqui, uma vez que os sinais corporais independem deles, exceto para casos de semideuses específicos, que possuam poderes relativo à ocultação sentimental - nesse caso, se forem de nível igual ou maior suas reações podem ficar ocultas. Adicionalmente, a leitura corporal de um Arauto sempre vai ser dificultada, uma vez que eles sabem quais reações são esperadas e como controlá-las. Mentiras comuns são mais difíceis de serem descobertas, e poderes de manipulação igualmente - personagens de nível igual ou menor terão sempre 50% de chance a menos de notar tais coisas, não sabendo se o poder fez efeito sobre eles ou não caso sejam de nível igual ou menor, e igualmente tendo uma percepção menor quando o filho de Éris for sutil ao utilizar estes recursos. Claro que, se exagerar ou deixar brechas propositais, eles serão descobertos. Não significa que sejam imunes/resistentes aos poderes, apenas não demonstram suas reações a tal. {Éris}

{Nível 4} - Gosto pelo perigo - Arautos são rodeados por uma aura que instiga seus alvos. Isso faz com que eles próprios possam se tornar uma tentação em si, como se rodeados por uma aura sobrenatural - não mudará a aparência, mas mesmo que seja feio, o arauto ainda será considerado "instigante", "carismático", "exótico" ou similar - o famoso "ele não é bonito, mas tem um certo "que" que não dá pra explicar". Seus poderes de charme são ampliados em 5% a partir deste nível, aumentando para 10% no nível 14, e mais 5% a cada 10 níveis subsequentes, chegando ao máximo de 25% no nível 44. {Éris}

{Nível 4} - Epítetos I: Além de Koré, Perséfone era conhecida por outros nomes, sendo uma das deusas com mais alcunhas da mitologia grega. Muitos desses passarão a formar características dos filhos dela, porém serão liberados com o passar dos níveis. O primeiro epíteto é Daeira (sábia), cujo efeito é o de dar as suas proles uma sabedoria digna de um filho inexperiente de Athena (eles aprendem as coisas com mais facilidade, embora não saibam de tudo). {Perséfone}

{Nível 7} - Controle dos Males II: Anfilogias (Ambiguidades e dúvidas) - Recebendo os poderes de uma dos filhos de sua patrona, Arautos neste nível passam a visualizar as dúvidas dos alvos, podendo utilizar este conhecimento combinado com outros poderes para desviar a atenção do alvo ou fazê-lo mudar de opinião com base em seus próprios sentimentos. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes conseguem bloquear isso, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 13} - Persuasão: Perséfone era famosa por intervir nos julgamentos, convencendo Hades a amenizar suas penas. Seus filhos herdam tal habilidade. Isso faz com que argumentem bem, prendendo a atenção dos interlocutores, que considerarão seus argumentos com mais facilidade. Poderes que visam a sedução também são ampliados em 20%. Aliado à beleza das crias de Perséfone, é um componente fatal para a sedução. {Perséfone}

{Nível 17} - Controle de Males V: Disnomia - Às vezes traduzida como desrespeito, outras como desordem - aspecto adotado com certa frequência e aqui representada. A partir desse nível Arautos detectam a concentração de emoções hostis e caos - seja um palanque político de debates, um ringue de luta livre ou uma guerra. O raio de sentido abrange 100m, aumentando mais 100m a cada 15 níveis após adquirir o poder. {Éris}

{Nível 18} - Aura da Sorte: Narciso, flor designada como seu símbolo, além da renovação, também significa boa sorte, e seus filhos são cercados por esta aura. A partir desse nível, qualquer atividade do filho de Perséfone tem uma chance aumentada em 10% de ser bem sucedida (em jogos de azar, essa chance sobe para 50%). {Perséfone}
poderes ativos:
{Nível 1} - Sedução I: O filho de Perséfone conseguirá seduzir o inimigo, sendo necessária desenvoltura de postagem para tal. Com isto, por duas rodadas (uma vez por missão), o adversário ficará predisposto a obedecer ao semideus, embora não realize vontades estúpidas (como se matar, dar a volta no mundo, etc.), ou seja, o bom senso deve ser usado. Usando este poder, ele pode – por exemplo – evitar um combate, mas não mandar seu combatente pulverizar-se. O encanto se quebra se sua atitude e/ou de aliados não forem condizentes ao falado. {Perséfone}
Feila A. Rousseau
avatar
Arautos da Discórdia
Mensagens :
88

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Kalled C. Almeida em Dom 25 Mar 2018, 12:08



Rotten Apple

Missão Mediana Interna Narrada para Feila Adéle Rousseau


A garota havia conseguido mais um favor de Ênio, e com a ajuda do dinheiro concedido conseguiu chegar até o porto.

Andou pelo porto até encontrar o Cais. Acabou encontrando o local e no mesmo avistou três rapazes conversando como se formulassem um plano. Rousseau pigarreou para atrair a atenção dos garotos.

Um dos garotos indagou sobre o que a loira fazia ali e a menina respondeu sem revelar muito. Um dos garotos passou à frente e se apresentou, era o loiro.

— Meu nome é Nate e esses são Mick e Ray. — Disse enquanto apontava para aqueles que Feila deduzira ser o segurança e o menino “distraído”, respectivamente. — Você falou muito sem nada revelar, o que você realmente quer? Qual o seu acordo?

A semideusa estava em desvantagem numérica, seus próximos passos poderiam evitar uma luta desnecessária.

Status da player:

Feila A. Rousseau
HP: 244/310
MP:306/310



Diretrizes e informações


Objetivo Principal:Levar o informante do Clube da Luta para Éris.

Objetivo do turno: Dialogue e convença os rapazes que você não é uma ameaça. Sem certezas ou consequências serão aplicadas.





— Local: Nova York
— Horário inicial: 10:45 am.
— Condições climáticas: frio, 16º.

— Itens, pets e poderes relevantes (ativos ou passivos) devem ser devidamente colocados no fim do texto (preferencialmente em spoiler).
— Não coloque "considerar poderes até tal nível", pois se isso ocorrer, as habilidades em questão não serão consideradas.
— Evite utilizar templates muito estreitos ou com barrinha; além de cores muito cegantes ou qualquer coisa que possa dificultar a leitura.
— Você possui um prazo de 3 dias. Tal prazo se extingue dia 28/03 às 12:10
— Quando postar ou caso haja alguma dúvida, entre em contato por MP.
— Boa sorte.

[/b]
Template roubado/emprestado do Mason


Kalled C. Almeida
avatar
Menestréis
Mensagens :
773

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Feila A. Rousseau em Dom 25 Mar 2018, 16:20


"it's sacrilege, it's sacrilege!", you say.
missão narrada interna mediana
Feila sorriu para os rapazes ao ouvir o aparente líder mencionar os nomes, deliciando-se com a cautela proveniente dele. Era óbvio que não poderia haver confiança imediata em tempos como aqueles, ainda mais quando ela não demonstrava exatamente a que estava disposta. Se conseguisse, Feila arriscaria um passo para mais perto, além da tentativa de baixar seu tom de voz, visto que ainda estavam em um local com movimentação humana.

— Sou filha de Perséfone, sabe? Fui mandada até aqui pela divindade para que me veja como aliada, eu acho. Vê, também perdi coisas na guerra... - Uma de suas mãos tentaria levantar a barra da blusa, demonstrando a cicatriz em sua barriga pálida. — Gostaria muito de provar meu valor, então é por isso que esse era meu objetivo de hoje. Por isso, estou aqui. - Não seria uma mentira. Realmente havia sido enviada por uma divindade, embora não ousasse nomeá-la, apesar de sua construção de sentença poder dar a entender que fora a própria Perséfone. A intenção de Éris realmente poderia ser que ela se infiltrasse como aparente aliada, por isso a incerteza na fala da Rousseau, e ela necessitava mostrar seu valor. Teria sido honesta em toda a sua tentativa de conversa, afinal. — O acordo que proponho é simples. Aceitem minha tentativa de auxílio e, em troca, darei o que quer que desejem, contanto que seja possível. - Finalizaria, se conseguisse. Não planejava levar aquela situação em direção a acúmulos hostis, embora ainda tentasse prever a mudança de comportamento nos semideuses à sua frente.

coisinhas:
observações:
∆ Então, para efeitos de cálculo na probabilidade da Feila conseguir enrolar os caras com a persuasão/sedução, mesmo sendo poder ativo, considerar os passivos com nome em negrito, bem como o colar Temptation.

∆ Peço que, se possível, exponha o que os poderes passivos As You Wish e Controle dos Males I e II mencionam, como os sinais de linguagem corporal, as motivações dos oponentes e as dúvidas e incertezas deles. Também peço que indique se as emoções dos oponentes são hostis ou não, a levar em consideração Controle dos Males V.

∆ O poder ativo continua em uso, mas sem desconto, uma vez que possui desconto único, acredito.
itens:
♦️ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

— {Flowerblade} / Espada [Uma espada que mede cerca de 70 cm, sendo que sua lâmina é em torno de 60 cm. Sua lâmina é de bronze sagrado e fica em um tom diferente conforme a estação do ano, e o pomo tem a forma de uma rosa desabrochando. Seu guarda-mão tem um formato de quatro pétalas laterais divididas igualmente, e no centro há um brasão em forma de flor, adaptável ao gosto do meio-sangue. Ao matar alguém, toda a sua estrutura torna-se negra e gélida, relembrando ao filho de Perséfone o sofrimento que uma morte pode causar. ] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

— {Flowershield} / Escudo [Um escudo pequeno e circular (cerca de 30 cm de altura e largura); é feito de aço e é bastante resistente. Em seu centro há entalhado um brasão de flor adaptável ao gosto do semideus. No nível 20, torna-se uma fitinha dessas que são amarradas nos pulsos ou nos tornozelos.] {Aço} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

❖ {Hellstone} / Anel [Uma pequena pedra vermelha em forma de prisma, mede aproximadamente cinco centímetros e foi colocada em um fino anel. Duas vezes por evento ou missão, uma ação de ataque física pode ser bonificada com 10% de efetividade. Caso o ataque seja provocado por magia (ou envolvendo magia), apenas 5%. Não funciona para bonificar defesa ou outros movimentos.] {Pedra desconhecida} (Nível mínimo: 10) {Não controla nenhum elemento} [Recompensa pela missão "Sweather Weather", avaliada e atualizada por Psiquê.]

∆ {Backstab} Adaga [Adaga de bronze sagrado. Diferente do comum, a daga possui uma empunhadura com meia guarda, que protege a mão do portador parcialmente, sem contudo interferir em seus movimentos.]

∆ {Perfidious} Anel [Anel dourado em forma de garra, se encaixa no dedo indicador do arauto. É afiado, mas seu dano seria semelhante a de uma ponta de flecha se usado em ataque corporal, devido ao tamanho diminuto. Ainda assim, possui a capacidade de inocular veneno ao toque, seja diretamente, seja transmitindo o poder para a arma segurada. O veneno é debilitante, sendo considerado um veneno sobrenatural do nível do personagem, para fins de resistências - mas RM não se aplica - e causa a perda de 5% do HP do alvo por 3 turnos seguidos. 1 vez por missão. Adicionalmente, o anel detecta a presença de venenos em um raio de 5m do semideus, esquentando levemente como sinal, ainda que o semideus deve procurar para achar o local exato da presença da substância - a temperatura do anel indica a proximidade. Ambos os poderes só funcionam se o anel estiver sendo utilizado - apenas carregá-lo não permite nenhuma das duas coisas]

∆ {Temptation} Colar [Colar com pingente de uma maçã com uma serpente enrodilhada. Emite um cheiro levemente adocicado. Portá-lo aumenta os poderes de charme, persuação e lábia do Arauto em 10% sempre que em uso (efetividade e chance de acerto, mas não efeitos ou duração). Uma vez por missão pode ser ativado de forma a recuperar 20% de seu HP e MP]
poderes passivos:
{Nível 1} - Beleza Inata: Perséfone é uma antiga rival de Afrodite, por conta de ambas serem dotadas que especial beleza. Assim, tanto quanto os filhos da deusa do amor, os meio-sangues de Perséfone são comumente descritos como lindos, embora isso ainda não tenha uma grande serventia em batalha. {Perséfone}

{Nível 1} - Aura oculta - O arauto não tem qualquer marca ou indicação de sua filiação. Sua aura de Arauto é invisível para quaisquer outros personagens, exceto se tiverem, além dos meios para descobrir isso, uma margem de poder  grande (10 níveis ou mais) ou forem deuses. Qualquer outra condição só mostrará a origem familiar do semideus, mas não sua entrada no grupo. {Éris}

{Nível 2} - As you wish - Arautos adquirem uma compreensão melhor das motivações das criaturas - o que procuram, suas paixões, o que os desestabiliza. Esse é um poder passivo, que permite ao semideus saber os anseios dos seus adversários e - consequentemente - qual a melhor forma de tentá-los, desviando-os do seu caminho. No caso, o desejo do personagem - não um desejo sexual, mas suas ambições e motivações mais fortes, sejam materiais ou sentimentais. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes tem essa visão bloqueada, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 3} - Controle dos Males I: Pseudologos - Arautos recebem poderes relativos aos filhos de Éris e seus companheiros inseparáveis. Neste nível, Pseudologos os influencia: eles se tornam peritos em analisar pessoas através da linguagem corporal. Isso faz com que esconder seus reais sentimentos ou mentir para um deles seja muito mais difícil. Nível não interfere tanto aqui, uma vez que os sinais corporais independem deles, exceto para casos de semideuses específicos, que possuam poderes relativo à ocultação sentimental - nesse caso, se forem de nível igual ou maior suas reações podem ficar ocultas. Adicionalmente, a leitura corporal de um Arauto sempre vai ser dificultada, uma vez que eles sabem quais reações são esperadas e como controlá-las. Mentiras comuns são mais difíceis de serem descobertas, e poderes de manipulação igualmente - personagens de nível igual ou menor terão sempre 50% de chance a menos de notar tais coisas, não sabendo se o poder fez efeito sobre eles ou não caso sejam de nível igual ou menor, e igualmente tendo uma percepção menor quando o filho de Éris for sutil ao utilizar estes recursos. Claro que, se exagerar ou deixar brechas propositais, eles serão descobertos. Não significa que sejam imunes/resistentes aos poderes, apenas não demonstram suas reações a tal. {Éris}

{Nível 4} - Gosto pelo perigo - Arautos são rodeados por uma aura que instiga seus alvos. Isso faz com que eles próprios possam se tornar uma tentação em si, como se rodeados por uma aura sobrenatural - não mudará a aparência, mas mesmo que seja feio, o arauto ainda será considerado "instigante", "carismático", "exótico" ou similar - o famoso "ele não é bonito, mas tem um certo "que" que não dá pra explicar". Seus poderes de charme são ampliados em 5% a partir deste nível, aumentando para 10% no nível 14, e mais 5% a cada 10 níveis subsequentes, chegando ao máximo de 25% no nível 44. {Éris}

{Nível 4} - Epítetos I: Além de Koré, Perséfone era conhecida por outros nomes, sendo uma das deusas com mais alcunhas da mitologia grega. Muitos desses passarão a formar características dos filhos dela, porém serão liberados com o passar dos níveis. O primeiro epíteto é Daeira (sábia), cujo efeito é o de dar as suas proles uma sabedoria digna de um filho inexperiente de Athena (eles aprendem as coisas com mais facilidade, embora não saibam de tudo). {Perséfone}

{Nível 7} - Controle dos Males II: Anfilogias (Ambiguidades e dúvidas) - Recebendo os poderes de uma dos filhos de sua patrona, Arautos neste nível passam a visualizar as dúvidas dos alvos, podendo utilizar este conhecimento combinado com outros poderes para desviar a atenção do alvo ou fazê-lo mudar de opinião com base em seus próprios sentimentos. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes conseguem bloquear isso, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 13} - Persuasão: Perséfone era famosa por intervir nos julgamentos, convencendo Hades a amenizar suas penas. Seus filhos herdam tal habilidade. Isso faz com que argumentem bem, prendendo a atenção dos interlocutores, que considerarão seus argumentos com mais facilidade. Poderes que visam a sedução também são ampliados em 20%. Aliado à beleza das crias de Perséfone, é um componente fatal para a sedução. {Perséfone}

{Nível 17} - Controle de Males V: Disnomia - Às vezes traduzida como desrespeito, outras como desordem - aspecto adotado com certa frequência e aqui representada. A partir desse nível Arautos detectam a concentração de emoções hostis e caos - seja um palanque político de debates, um ringue de luta livre ou uma guerra. O raio de sentido abrange 100m, aumentando mais 100m a cada 15 níveis após adquirir o poder. {Éris}

{Nível 18} - Aura da Sorte: Narciso, flor designada como seu símbolo, além da renovação, também significa boa sorte, e seus filhos são cercados por esta aura. A partir desse nível, qualquer atividade do filho de Perséfone tem uma chance aumentada em 10% de ser bem sucedida (em jogos de azar, essa chance sobe para 50%). {Perséfone}
poderes ativos:
{Nível 1} - Sedução I: O filho de Perséfone conseguirá seduzir o inimigo, sendo necessária desenvoltura de postagem para tal. Com isto, por duas rodadas (uma vez por missão), o adversário ficará predisposto a obedecer ao semideus, embora não realize vontades estúpidas (como se matar, dar a volta no mundo, etc.), ou seja, o bom senso deve ser usado. Usando este poder, ele pode – por exemplo – evitar um combate, mas não mandar seu combatente pulverizar-se. O encanto se quebra se sua atitude e/ou de aliados não forem condizentes ao falado. {Perséfone}
Feila A. Rousseau
avatar
Arautos da Discórdia
Mensagens :
88

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Kalled C. Almeida em Ter 27 Mar 2018, 18:53



Rotten Apple

Missão Mediana Interna Narrada para Feila Adéle Rousseau


Feila se aproximou sem demonstrar muita cautela, a loira acreditava ter tudo sob controle. Apresentou-se como semideusa, o que foi uma surpresa para os rapazes que também partilhavam da mesma “classe”.

A filha de Perséfone contou uma história convincente para os três rapazes, a garota não tentou esconder a verdade por trás de uma mentira cabeluda. Pelo contrário, a arauto se valeu de meias verdades para tentar conquistar a confiança dos meninos preocupados. Tal tática foi bem eficiente.

– Tudo bem,Feila. – Disse Nate, o líder do grupo. O garoto parecia tranquilo e sem intenções hostis, assim como seus colegas. Porém havia tensão no movimento de todos. – Tenho certeza que podemos encaixar você em algo, precisamos de toda ajuda possível. Afinal, ouvimos boatos que aliados de Éris estão sendo enviados atrás de mim. – Poderia ele saber sobre Feila e estar apenas enrolando?

– Estamos todos tensos, pois temos um prazo apertado. Alguns aliados nossos estão chegando essa noite ao Clube da Luta, você conhece o lugar? – Finalmente algo que interessava para a loira. A informação que desejava estava mais próxima do que nunca.

Status da player:

Feila A. Rousseau
HP: 306/310
MP:310/310



Diretrizes e informações


Objetivo Principal:Levar o informante do Clube da Luta para Éris.

Objetivo do turno: Reaja ao ocorrido.





— Local: Nova York
— Horário inicial: 10:45 am.
— Condições climáticas: frio, 16º.

— Itens, pets e poderes relevantes (ativos ou passivos) devem ser devidamente colocados no fim do texto (preferencialmente em spoiler).
— Não coloque "considerar poderes até tal nível", pois se isso ocorrer, as habilidades em questão não serão consideradas.
— Evite utilizar templates muito estreitos ou com barrinha; além de cores muito cegantes ou qualquer coisa que possa dificultar a leitura.
— Você possui um prazo de 3 dias. Tal prazo se extingue dia 28/03 às 12:10
— Quando postar ou caso haja alguma dúvida, entre em contato por MP.
— Boa sorte.

[/b]
Template roubado/emprestado do Mason


Kalled C. Almeida
avatar
Menestréis
Mensagens :
773

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Feila A. Rousseau em Qua 28 Mar 2018, 20:39


"it's sacrilege, it's sacrilege!", you say.
missão narrada interna mediana
Um interlúdio.

A vida de Feila não passava de um enorme interlúdio. Uma música tranquila e constante que parecia unir duas partes de grande importância, mas que era geralmente ignorada. Antigamente, quando interlúdios tocavam durante os filmes, as pessoas aproveitavam para ir ao banheiro e fazer outras coisas, não apreciavam o ritmo do intervalo. Mas ali, era a música da Rousseau que tocava, e os outros três sujeitos se encaixavam em seus espaços e tons da forma que ela bem quisesse. Apesar de conseguir notar a tensão presente nos rapazes, a loira representava o contraponto, tranquila como era. O caos tinha várias faces, afinal.

– Aparentemente, Éris não dorme em seu ponto. Nem mesmo me lembro como deixei o Acampamento após toda aquela destruição, lembro-me apenas de acordar em uma enfermaria, sendo cuidada por uma boa moça. - Feila tentou dizer e dar de ombros ao mesmo tempo, encarando o chão. – Se ela está atrás de você, acho que temos que nos focar em protegê-lo, porque ela virá com força total. Eu vi, em primeira mão, o que eles são capazes de fazer. - Diria, soltando um suspiro ao final de sua frase. Seus braços seriam cruzados e apertados contra o tronco, tentando demonstrar uma personalidade destruída pela guerra, uma fragilidade peculiar. – Já ouvi falar sobre, mas não tive o prazer de conhecê-lo, visto que ainda estava em tratamento. - A semideusa estaria perto demais de conseguir o que precisava, mas não estaria ela acreditando muito facilmente naquela história? E se fosse uma armadilha?

coisinhas:
observações:
∆ Peço que, se possível, exponha o que os poderes passivos As You Wish e Controle dos Males I e II mencionam, como os sinais de linguagem corporal, as motivações dos oponentes e as dúvidas e incertezas deles. Também peço que indique se as emoções dos oponentes são hostis ou não, a levar em consideração Controle dos Males V.
itens:
♦️ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

— {Flowerblade} / Espada [Uma espada que mede cerca de 70 cm, sendo que sua lâmina é em torno de 60 cm. Sua lâmina é de bronze sagrado e fica em um tom diferente conforme a estação do ano, e o pomo tem a forma de uma rosa desabrochando. Seu guarda-mão tem um formato de quatro pétalas laterais divididas igualmente, e no centro há um brasão em forma de flor, adaptável ao gosto do meio-sangue. Ao matar alguém, toda a sua estrutura torna-se negra e gélida, relembrando ao filho de Perséfone o sofrimento que uma morte pode causar. ] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

— {Flowershield} / Escudo [Um escudo pequeno e circular (cerca de 30 cm de altura e largura); é feito de aço e é bastante resistente. Em seu centro há entalhado um brasão de flor adaptável ao gosto do semideus. No nível 20, torna-se uma fitinha dessas que são amarradas nos pulsos ou nos tornozelos.] {Aço} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

❖ {Hellstone} / Anel [Uma pequena pedra vermelha em forma de prisma, mede aproximadamente cinco centímetros e foi colocada em um fino anel. Duas vezes por evento ou missão, uma ação de ataque física pode ser bonificada com 10% de efetividade. Caso o ataque seja provocado por magia (ou envolvendo magia), apenas 5%. Não funciona para bonificar defesa ou outros movimentos.] {Pedra desconhecida} (Nível mínimo: 10) {Não controla nenhum elemento} [Recompensa pela missão "Sweather Weather", avaliada e atualizada por Psiquê.]

∆ {Backstab} Adaga [Adaga de bronze sagrado. Diferente do comum, a daga possui uma empunhadura com meia guarda, que protege a mão do portador parcialmente, sem contudo interferir em seus movimentos.]

∆ {Perfidious} Anel [Anel dourado em forma de garra, se encaixa no dedo indicador do arauto. É afiado, mas seu dano seria semelhante a de uma ponta de flecha se usado em ataque corporal, devido ao tamanho diminuto. Ainda assim, possui a capacidade de inocular veneno ao toque, seja diretamente, seja transmitindo o poder para a arma segurada. O veneno é debilitante, sendo considerado um veneno sobrenatural do nível do personagem, para fins de resistências - mas RM não se aplica - e causa a perda de 5% do HP do alvo por 3 turnos seguidos. 1 vez por missão. Adicionalmente, o anel detecta a presença de venenos em um raio de 5m do semideus, esquentando levemente como sinal, ainda que o semideus deve procurar para achar o local exato da presença da substância - a temperatura do anel indica a proximidade. Ambos os poderes só funcionam se o anel estiver sendo utilizado - apenas carregá-lo não permite nenhuma das duas coisas]

∆ {Temptation} Colar [Colar com pingente de uma maçã com uma serpente enrodilhada. Emite um cheiro levemente adocicado. Portá-lo aumenta os poderes de charme, persuação e lábia do Arauto em 10% sempre que em uso (efetividade e chance de acerto, mas não efeitos ou duração). Uma vez por missão pode ser ativado de forma a recuperar 20% de seu HP e MP]
poderes passivos:
{Nível 1} - Beleza Inata: Perséfone é uma antiga rival de Afrodite, por conta de ambas serem dotadas que especial beleza. Assim, tanto quanto os filhos da deusa do amor, os meio-sangues de Perséfone são comumente descritos como lindos, embora isso ainda não tenha uma grande serventia em batalha. {Perséfone}

{Nível 1} - Aura oculta - O arauto não tem qualquer marca ou indicação de sua filiação. Sua aura de Arauto é invisível para quaisquer outros personagens, exceto se tiverem, além dos meios para descobrir isso, uma margem de poder  grande (10 níveis ou mais) ou forem deuses. Qualquer outra condição só mostrará a origem familiar do semideus, mas não sua entrada no grupo. {Éris}

{Nível 2} - As you wish - Arautos adquirem uma compreensão melhor das motivações das criaturas - o que procuram, suas paixões, o que os desestabiliza. Esse é um poder passivo, que permite ao semideus saber os anseios dos seus adversários e - consequentemente - qual a melhor forma de tentá-los, desviando-os do seu caminho. No caso, o desejo do personagem - não um desejo sexual, mas suas ambições e motivações mais fortes, sejam materiais ou sentimentais. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes tem essa visão bloqueada, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 3} - Controle dos Males I: Pseudologos - Arautos recebem poderes relativos aos filhos de Éris e seus companheiros inseparáveis. Neste nível, Pseudologos os influencia: eles se tornam peritos em analisar pessoas através da linguagem corporal. Isso faz com que esconder seus reais sentimentos ou mentir para um deles seja muito mais difícil. Nível não interfere tanto aqui, uma vez que os sinais corporais independem deles, exceto para casos de semideuses específicos, que possuam poderes relativo à ocultação sentimental - nesse caso, se forem de nível igual ou maior suas reações podem ficar ocultas. Adicionalmente, a leitura corporal de um Arauto sempre vai ser dificultada, uma vez que eles sabem quais reações são esperadas e como controlá-las. Mentiras comuns são mais difíceis de serem descobertas, e poderes de manipulação igualmente - personagens de nível igual ou menor terão sempre 50% de chance a menos de notar tais coisas, não sabendo se o poder fez efeito sobre eles ou não caso sejam de nível igual ou menor, e igualmente tendo uma percepção menor quando o filho de Éris for sutil ao utilizar estes recursos. Claro que, se exagerar ou deixar brechas propositais, eles serão descobertos. Não significa que sejam imunes/resistentes aos poderes, apenas não demonstram suas reações a tal. {Éris}

{Nível 4} - Gosto pelo perigo - Arautos são rodeados por uma aura que instiga seus alvos. Isso faz com que eles próprios possam se tornar uma tentação em si, como se rodeados por uma aura sobrenatural - não mudará a aparência, mas mesmo que seja feio, o arauto ainda será considerado "instigante", "carismático", "exótico" ou similar - o famoso "ele não é bonito, mas tem um certo "que" que não dá pra explicar". Seus poderes de charme são ampliados em 5% a partir deste nível, aumentando para 10% no nível 14, e mais 5% a cada 10 níveis subsequentes, chegando ao máximo de 25% no nível 44. {Éris}

{Nível 4} - Epítetos I: Além de Koré, Perséfone era conhecida por outros nomes, sendo uma das deusas com mais alcunhas da mitologia grega. Muitos desses passarão a formar características dos filhos dela, porém serão liberados com o passar dos níveis. O primeiro epíteto é Daeira (sábia), cujo efeito é o de dar as suas proles uma sabedoria digna de um filho inexperiente de Athena (eles aprendem as coisas com mais facilidade, embora não saibam de tudo). {Perséfone}

{Nível 7} - Controle dos Males II: Anfilogias (Ambiguidades e dúvidas) - Recebendo os poderes de uma dos filhos de sua patrona, Arautos neste nível passam a visualizar as dúvidas dos alvos, podendo utilizar este conhecimento combinado com outros poderes para desviar a atenção do alvo ou fazê-lo mudar de opinião com base em seus próprios sentimentos. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes conseguem bloquear isso, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 13} - Persuasão: Perséfone era famosa por intervir nos julgamentos, convencendo Hades a amenizar suas penas. Seus filhos herdam tal habilidade. Isso faz com que argumentem bem, prendendo a atenção dos interlocutores, que considerarão seus argumentos com mais facilidade. Poderes que visam a sedução também são ampliados em 20%. Aliado à beleza das crias de Perséfone, é um componente fatal para a sedução. {Perséfone}

{Nível 17} - Controle de Males V: Disnomia - Às vezes traduzida como desrespeito, outras como desordem - aspecto adotado com certa frequência e aqui representada. A partir desse nível Arautos detectam a concentração de emoções hostis e caos - seja um palanque político de debates, um ringue de luta livre ou uma guerra. O raio de sentido abrange 100m, aumentando mais 100m a cada 15 níveis após adquirir o poder. {Éris}

{Nível 18} - Aura da Sorte: Narciso, flor designada como seu símbolo, além da renovação, também significa boa sorte, e seus filhos são cercados por esta aura. A partir desse nível, qualquer atividade do filho de Perséfone tem uma chance aumentada em 10% de ser bem sucedida (em jogos de azar, essa chance sobe para 50%). {Perséfone}
poderes ativos:
∆ Nothing here.
Feila A. Rousseau
avatar
Arautos da Discórdia
Mensagens :
88

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Kalled C. Almeida em Ter 03 Abr 2018, 19:40



Rotten Apple

Missão Mediana Interna Narrada para Feila Adéle Rousseau


Nate foi bem aberto com Feila, mas ele parecia ser o único a realmente confiar na arauto. Atrás dele Roy parecia encarar a moça de uma forma voraz.

Quando o "líder" perguntou se Rousseau conhecia o Clube da Luta foi o momento ideal. Adéle estava próxima de finalizar sua missão, mas nem tudo eram flores. O segurança de Nate era mais desconfiado do que o chefe da operação e não deixaria uma desconhecida se entrosar tão facilmente na equipe que demandava grande confiança.

– Antes de prosseguirmos, você deve provar seu valor. Que tal um duelo? – Disse o rapaz corpulento desembainhando sua espada de bronze. Como Feila evitaria aquilo?

Status da player:

Feila A. Rousseau
HP: 306/310
MP:310/310



Diretrizes e informações


Objetivo Principal:Levar o informante do Clube da Luta para Éris.

Objetivo do turno: Reaja ao ocorrido.





— Local: Nova York
— Horário inicial: 10:45 am.
— Condições climáticas: frio, 16º.

— Itens, pets e poderes relevantes (ativos ou passivos) devem ser devidamente colocados no fim do texto (preferencialmente em spoiler).
— Não coloque "considerar poderes até tal nível", pois se isso ocorrer, as habilidades em questão não serão consideradas.
— Evite utilizar templates muito estreitos ou com barrinha; além de cores muito cegantes ou qualquer coisa que possa dificultar a leitura.
— Você possui um prazo de 3 dias. Tal prazo se extingue dia 07/04 às 19:40
— Quando postar ou caso haja alguma dúvida, entre em contato por MP.
— Boa sorte.


Template roubado/emprestado do Mason


Kalled C. Almeida
avatar
Menestréis
Mensagens :
773

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Feila A. Rousseau em Sex 06 Abr 2018, 20:05


"it's sacrilege, it's sacrilege!", you say.
missão narrada interna mediana
Feila desviou o olhar rapidamente, embora suas palavras se dirigissem ao aparente líder, de forma que pudesse também registrar as reações dos outros para que pudesse tentar se precaver. Por conta disso, notou o cenho franzido do rapaz corpulento, incapaz de ser alterado, não importando o que quer que a semideusa dissesse. Quando ela estava prestes a ter seu objetivo cumprido, o tal guarda-costas se interpôs, evitando que Rousseau integrasse a equipe antes de um duelo.

A prole de Perséfone não queria, mas riu.

Riu de forma aberta.

Riu tanto que seu rosto se tornou rubro.

Quando parou de rir, os olhos claros cheios de humor se fixaram em seu provável oponente, avaliando-o.

— Que tipo de valor você espera que eu prove por meio de duelos? Que comportamento típico de brutamontes. - Bufou, afastando uma mecha loira do rosto. — Se você me ganhar, continuará servindo à sua clara função de proteção, mas se eu ganhar, você terá perdido para uma menina franzina, então que tipo de guarda-costas seria você? Realmente espera medir a ajuda que posso dar ao grupo por meio de uma luta? Afrodite possui uma grande esfera de poder, mas você não consegue relatar uma única guerra na qual ela tenha duelado. Diria que ela não é poderosa por não lutar? - Deu de ombros. Feila sentia-se ofendida por conta daquela piada que o rapaz havia contado. Ergueu as mãos em sinal de paz e sorriu.

Mais do que tentar escapar daquela luta por meio de palavras, a loira esperava que suas conjecturas também chegassem ao líder do grupo, de forma que ele parasse seu parceiro estúpido.

coisinhas:
observações:
∆ Feila pretende implantar algum juízo na cabeça do menino com suas palavras.

∆ Peço que, se possível, exponha o que os poderes passivos As You Wish e Controle dos Males I e II mencionam, como os sinais de linguagem corporal, as motivações dos oponentes e as dúvidas e incertezas deles. Também peço que indique se as emoções dos oponentes são hostis ou não, a levar em consideração Controle dos Males V.
itens:
♦️ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

— {Flowerblade} / Espada [Uma espada que mede cerca de 70 cm, sendo que sua lâmina é em torno de 60 cm. Sua lâmina é de bronze sagrado e fica em um tom diferente conforme a estação do ano, e o pomo tem a forma de uma rosa desabrochando. Seu guarda-mão tem um formato de quatro pétalas laterais divididas igualmente, e no centro há um brasão em forma de flor, adaptável ao gosto do meio-sangue. Ao matar alguém, toda a sua estrutura torna-se negra e gélida, relembrando ao filho de Perséfone o sofrimento que uma morte pode causar. ] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

— {Flowershield} / Escudo [Um escudo pequeno e circular (cerca de 30 cm de altura e largura); é feito de aço e é bastante resistente. Em seu centro há entalhado um brasão de flor adaptável ao gosto do semideus. No nível 20, torna-se uma fitinha dessas que são amarradas nos pulsos ou nos tornozelos.] {Aço} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

❖ {Hellstone} / Anel [Uma pequena pedra vermelha em forma de prisma, mede aproximadamente cinco centímetros e foi colocada em um fino anel. Duas vezes por evento ou missão, uma ação de ataque física pode ser bonificada com 10% de efetividade. Caso o ataque seja provocado por magia (ou envolvendo magia), apenas 5%. Não funciona para bonificar defesa ou outros movimentos.] {Pedra desconhecida} (Nível mínimo: 10) {Não controla nenhum elemento} [Recompensa pela missão "Sweather Weather", avaliada e atualizada por Psiquê.]

∆ {Backstab} Adaga [Adaga de bronze sagrado. Diferente do comum, a daga possui uma empunhadura com meia guarda, que protege a mão do portador parcialmente, sem contudo interferir em seus movimentos.]

∆ {Perfidious} Anel [Anel dourado em forma de garra, se encaixa no dedo indicador do arauto. É afiado, mas seu dano seria semelhante a de uma ponta de flecha se usado em ataque corporal, devido ao tamanho diminuto. Ainda assim, possui a capacidade de inocular veneno ao toque, seja diretamente, seja transmitindo o poder para a arma segurada. O veneno é debilitante, sendo considerado um veneno sobrenatural do nível do personagem, para fins de resistências - mas RM não se aplica - e causa a perda de 5% do HP do alvo por 3 turnos seguidos. 1 vez por missão. Adicionalmente, o anel detecta a presença de venenos em um raio de 5m do semideus, esquentando levemente como sinal, ainda que o semideus deve procurar para achar o local exato da presença da substância - a temperatura do anel indica a proximidade. Ambos os poderes só funcionam se o anel estiver sendo utilizado - apenas carregá-lo não permite nenhuma das duas coisas]

∆ {Temptation} Colar [Colar com pingente de uma maçã com uma serpente enrodilhada. Emite um cheiro levemente adocicado. Portá-lo aumenta os poderes de charme, persuação e lábia do Arauto em 10% sempre que em uso (efetividade e chance de acerto, mas não efeitos ou duração). Uma vez por missão pode ser ativado de forma a recuperar 20% de seu HP e MP]
poderes passivos:
{Nível 1} - Beleza Inata: Perséfone é uma antiga rival de Afrodite, por conta de ambas serem dotadas que especial beleza. Assim, tanto quanto os filhos da deusa do amor, os meio-sangues de Perséfone são comumente descritos como lindos, embora isso ainda não tenha uma grande serventia em batalha. {Perséfone}

{Nível 1} - Aura oculta - O arauto não tem qualquer marca ou indicação de sua filiação. Sua aura de Arauto é invisível para quaisquer outros personagens, exceto se tiverem, além dos meios para descobrir isso, uma margem de poder  grande (10 níveis ou mais) ou forem deuses. Qualquer outra condição só mostrará a origem familiar do semideus, mas não sua entrada no grupo. {Éris}

{Nível 2} - As you wish - Arautos adquirem uma compreensão melhor das motivações das criaturas - o que procuram, suas paixões, o que os desestabiliza. Esse é um poder passivo, que permite ao semideus saber os anseios dos seus adversários e - consequentemente - qual a melhor forma de tentá-los, desviando-os do seu caminho. No caso, o desejo do personagem - não um desejo sexual, mas suas ambições e motivações mais fortes, sejam materiais ou sentimentais. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes tem essa visão bloqueada, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 3} - Controle dos Males I: Pseudologos - Arautos recebem poderes relativos aos filhos de Éris e seus companheiros inseparáveis. Neste nível, Pseudologos os influencia: eles se tornam peritos em analisar pessoas através da linguagem corporal. Isso faz com que esconder seus reais sentimentos ou mentir para um deles seja muito mais difícil. Nível não interfere tanto aqui, uma vez que os sinais corporais independem deles, exceto para casos de semideuses específicos, que possuam poderes relativo à ocultação sentimental - nesse caso, se forem de nível igual ou maior suas reações podem ficar ocultas. Adicionalmente, a leitura corporal de um Arauto sempre vai ser dificultada, uma vez que eles sabem quais reações são esperadas e como controlá-las. Mentiras comuns são mais difíceis de serem descobertas, e poderes de manipulação igualmente - personagens de nível igual ou menor terão sempre 50% de chance a menos de notar tais coisas, não sabendo se o poder fez efeito sobre eles ou não caso sejam de nível igual ou menor, e igualmente tendo uma percepção menor quando o filho de Éris for sutil ao utilizar estes recursos. Claro que, se exagerar ou deixar brechas propositais, eles serão descobertos. Não significa que sejam imunes/resistentes aos poderes, apenas não demonstram suas reações a tal. {Éris}

{Nível 4} - Gosto pelo perigo - Arautos são rodeados por uma aura que instiga seus alvos. Isso faz com que eles próprios possam se tornar uma tentação em si, como se rodeados por uma aura sobrenatural - não mudará a aparência, mas mesmo que seja feio, o arauto ainda será considerado "instigante", "carismático", "exótico" ou similar - o famoso "ele não é bonito, mas tem um certo "que" que não dá pra explicar". Seus poderes de charme são ampliados em 5% a partir deste nível, aumentando para 10% no nível 14, e mais 5% a cada 10 níveis subsequentes, chegando ao máximo de 25% no nível 44. {Éris}

{Nível 4} - Epítetos I: Além de Koré, Perséfone era conhecida por outros nomes, sendo uma das deusas com mais alcunhas da mitologia grega. Muitos desses passarão a formar características dos filhos dela, porém serão liberados com o passar dos níveis. O primeiro epíteto é Daeira (sábia), cujo efeito é o de dar as suas proles uma sabedoria digna de um filho inexperiente de Athena (eles aprendem as coisas com mais facilidade, embora não saibam de tudo). {Perséfone}

{Nível 7} - Controle dos Males II: Anfilogias (Ambiguidades e dúvidas) - Recebendo os poderes de uma dos filhos de sua patrona, Arautos neste nível passam a visualizar as dúvidas dos alvos, podendo utilizar este conhecimento combinado com outros poderes para desviar a atenção do alvo ou fazê-lo mudar de opinião com base em seus próprios sentimentos. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes conseguem bloquear isso, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 13} - Persuasão: Perséfone era famosa por intervir nos julgamentos, convencendo Hades a amenizar suas penas. Seus filhos herdam tal habilidade. Isso faz com que argumentem bem, prendendo a atenção dos interlocutores, que considerarão seus argumentos com mais facilidade. Poderes que visam a sedução também são ampliados em 20%. Aliado à beleza das crias de Perséfone, é um componente fatal para a sedução. {Perséfone}

{Nível 17} - Controle de Males V: Disnomia - Às vezes traduzida como desrespeito, outras como desordem - aspecto adotado com certa frequência e aqui representada. A partir desse nível Arautos detectam a concentração de emoções hostis e caos - seja um palanque político de debates, um ringue de luta livre ou uma guerra. O raio de sentido abrange 100m, aumentando mais 100m a cada 15 níveis após adquirir o poder. {Éris}

{Nível 18} - Aura da Sorte: Narciso, flor designada como seu símbolo, além da renovação, também significa boa sorte, e seus filhos são cercados por esta aura. A partir desse nível, qualquer atividade do filho de Perséfone tem uma chance aumentada em 10% de ser bem sucedida (em jogos de azar, essa chance sobe para 50%). {Perséfone}
poderes ativos:
∆ Nothing here.
Feila A. Rousseau
avatar
Arautos da Discórdia
Mensagens :
88

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Kalled C. Almeida em Ter 10 Abr 2018, 18:22



Rotten Apple

Missão Mediana Interna Narrada para Feila Adéle Rousseau


Feila tinha um ponto. Suas capacidades podiam estar além das combativas, mesmo que fosse uma boa combatente, de que adiantava? Esperar que Éris atacasse não era uma opção e atacar os arautos diretamente também não. Antes que Mick pudesse reagir ao que era dito pela semideusa, Nate interferiu.

 — Ela tem razão Mick, não carecemos de disputas tolas para decidir alianças. — O líder do grupo parecia confiar em Rousseau. Quanto tempo levaria para se arrepender?

— Acho que você e Ray devem prosseguir, quero conversar a sós com Feila. — Muito a contragosto Mick se retirou do galpão e Ray o acompanhou. Aquele momento era o ideal para a seguidora de Éris, ao perceber sua chance não se antecipou. Por sorte o menino fez o serviço.

— Então, você já esteve no Clube da Luta? — A hora de coletar informações chegara, se tivesse sorte nem precisaria levar o garoto até a base dos arautos. Teria as informações necessárias sem ter que arrastar um semimorto para o antigo refúgio dos filhos olimpianos.

Status da player:

Feila A. Rousseau
HP: 306/310
MP:310/310



Diretrizes e informações


Objetivo Principal:Levar o informante do Clube da Luta para Éris.

Objetivo do turno: Reaja ao ocorrido.





— Local: Nova York
— Horário inicial: 10:45 am.
— Condições climáticas: frio, 16º.

— Itens, pets e poderes relevantes (ativos ou passivos) devem ser devidamente colocados no fim do texto (preferencialmente em spoiler).
— Não coloque "considerar poderes até tal nível", pois se isso ocorrer, as habilidades em questão não serão consideradas.
— Evite utilizar templates muito estreitos ou com barrinha; além de cores muito cegantes ou qualquer coisa que possa dificultar a leitura.
— Você possui um prazo de 3 dias. Tal prazo se extingue dia 13/04 às 18:30
— Quando postar ou caso haja alguma dúvida, entre em contato por MP.
— Boa sorte.


Template roubado/emprestado do Mason


Kalled C. Almeida
avatar
Menestréis
Mensagens :
773

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Feila A. Rousseau em Sex 13 Abr 2018, 01:41


"it's sacrilege, it's sacrilege!", you say.
missão narrada interna mediana
Era óbvio que Feila tinha constatações perspicazes, pois avaliava a situação antes que se precipitasse. Se seguisse no caminho proposto pelo idiota, talvez tivesse revelado suas habilidades enquanto arauto, e isso teria colocado toda a missão a perder. Aquilo se provou verdadeiro quando Nate interveio a seu favor, impedindo que aquele duelo tivesse início. Além disso, ele não só poupara a prole de Perséfone como dera ordens para que seus dois amigos se afastassem, deixando-o sozinho com a loira.

Internamente, queria poder se gabar de ter conseguido aquilo, por estar tão perto de seu objetivo principal, mas sabia que os próximos momentos seriam cruciais para que arrancasse a informação que precisava. Os olhos claros acompanharam enquanto os semideuses se afastavam, sua mente trabalhando rápido em busca de uma estratégia que fizesse Nate falar. Ao ouvir a pergunta, curvou os cantos dos lábios para baixo, dando de ombros.

— Como eu disse antes, não tive essa sorte. Deixei o Acampamento estando inconsciente, vindo a acordar em uma enfermaria. - Ponderou sobre suas próximas palavras por alguns segundos antes que reiniciasse sua fala. — Espero poder chegar até lá, pretendo treinar muito... Éris terá que devolver nosso lar. - Seus punhos se fecharam, demonstrando emoções negativas quanto às lembranças da guerra, mas mal saberia ele que aquilo não passava de pura atuação.

coisinhas:
observações:
∆ Peço que, se possível, exponha o que os poderes passivos As You Wish e Controle dos Males I e II mencionam, como os sinais de linguagem corporal, as motivações dos oponentes e as dúvidas e incertezas deles. Também peço que indique se as emoções dos oponentes são hostis ou não, a levar em consideração Controle dos Males V.
itens:
♦️ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

— {Flowerblade} / Espada [Uma espada que mede cerca de 70 cm, sendo que sua lâmina é em torno de 60 cm. Sua lâmina é de bronze sagrado e fica em um tom diferente conforme a estação do ano, e o pomo tem a forma de uma rosa desabrochando. Seu guarda-mão tem um formato de quatro pétalas laterais divididas igualmente, e no centro há um brasão em forma de flor, adaptável ao gosto do meio-sangue. Ao matar alguém, toda a sua estrutura torna-se negra e gélida, relembrando ao filho de Perséfone o sofrimento que uma morte pode causar. ] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

— {Flowershield} / Escudo [Um escudo pequeno e circular (cerca de 30 cm de altura e largura); é feito de aço e é bastante resistente. Em seu centro há entalhado um brasão de flor adaptável ao gosto do semideus. No nível 20, torna-se uma fitinha dessas que são amarradas nos pulsos ou nos tornozelos.] {Aço} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

❖ {Hellstone} / Anel [Uma pequena pedra vermelha em forma de prisma, mede aproximadamente cinco centímetros e foi colocada em um fino anel. Duas vezes por evento ou missão, uma ação de ataque física pode ser bonificada com 10% de efetividade. Caso o ataque seja provocado por magia (ou envolvendo magia), apenas 5%. Não funciona para bonificar defesa ou outros movimentos.] {Pedra desconhecida} (Nível mínimo: 10) {Não controla nenhum elemento} [Recompensa pela missão "Sweather Weather", avaliada e atualizada por Psiquê.]

∆ {Backstab} Adaga [Adaga de bronze sagrado. Diferente do comum, a daga possui uma empunhadura com meia guarda, que protege a mão do portador parcialmente, sem contudo interferir em seus movimentos.]

∆ {Perfidious} Anel [Anel dourado em forma de garra, se encaixa no dedo indicador do arauto. É afiado, mas seu dano seria semelhante a de uma ponta de flecha se usado em ataque corporal, devido ao tamanho diminuto. Ainda assim, possui a capacidade de inocular veneno ao toque, seja diretamente, seja transmitindo o poder para a arma segurada. O veneno é debilitante, sendo considerado um veneno sobrenatural do nível do personagem, para fins de resistências - mas RM não se aplica - e causa a perda de 5% do HP do alvo por 3 turnos seguidos. 1 vez por missão. Adicionalmente, o anel detecta a presença de venenos em um raio de 5m do semideus, esquentando levemente como sinal, ainda que o semideus deve procurar para achar o local exato da presença da substância - a temperatura do anel indica a proximidade. Ambos os poderes só funcionam se o anel estiver sendo utilizado - apenas carregá-lo não permite nenhuma das duas coisas]

∆ {Temptation} Colar [Colar com pingente de uma maçã com uma serpente enrodilhada. Emite um cheiro levemente adocicado. Portá-lo aumenta os poderes de charme, persuação e lábia do Arauto em 10% sempre que em uso (efetividade e chance de acerto, mas não efeitos ou duração). Uma vez por missão pode ser ativado de forma a recuperar 20% de seu HP e MP]
poderes passivos:
{Nível 1} - Beleza Inata: Perséfone é uma antiga rival de Afrodite, por conta de ambas serem dotadas que especial beleza. Assim, tanto quanto os filhos da deusa do amor, os meio-sangues de Perséfone são comumente descritos como lindos, embora isso ainda não tenha uma grande serventia em batalha. {Perséfone}

{Nível 1} - Aura oculta - O arauto não tem qualquer marca ou indicação de sua filiação. Sua aura de Arauto é invisível para quaisquer outros personagens, exceto se tiverem, além dos meios para descobrir isso, uma margem de poder  grande (10 níveis ou mais) ou forem deuses. Qualquer outra condição só mostrará a origem familiar do semideus, mas não sua entrada no grupo. {Éris}

{Nível 2} - As you wish - Arautos adquirem uma compreensão melhor das motivações das criaturas - o que procuram, suas paixões, o que os desestabiliza. Esse é um poder passivo, que permite ao semideus saber os anseios dos seus adversários e - consequentemente - qual a melhor forma de tentá-los, desviando-os do seu caminho. No caso, o desejo do personagem - não um desejo sexual, mas suas ambições e motivações mais fortes, sejam materiais ou sentimentais. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes tem essa visão bloqueada, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 3} - Controle dos Males I: Pseudologos - Arautos recebem poderes relativos aos filhos de Éris e seus companheiros inseparáveis. Neste nível, Pseudologos os influencia: eles se tornam peritos em analisar pessoas através da linguagem corporal. Isso faz com que esconder seus reais sentimentos ou mentir para um deles seja muito mais difícil. Nível não interfere tanto aqui, uma vez que os sinais corporais independem deles, exceto para casos de semideuses específicos, que possuam poderes relativo à ocultação sentimental - nesse caso, se forem de nível igual ou maior suas reações podem ficar ocultas. Adicionalmente, a leitura corporal de um Arauto sempre vai ser dificultada, uma vez que eles sabem quais reações são esperadas e como controlá-las. Mentiras comuns são mais difíceis de serem descobertas, e poderes de manipulação igualmente - personagens de nível igual ou menor terão sempre 50% de chance a menos de notar tais coisas, não sabendo se o poder fez efeito sobre eles ou não caso sejam de nível igual ou menor, e igualmente tendo uma percepção menor quando o filho de Éris for sutil ao utilizar estes recursos. Claro que, se exagerar ou deixar brechas propositais, eles serão descobertos. Não significa que sejam imunes/resistentes aos poderes, apenas não demonstram suas reações a tal. {Éris}

{Nível 4} - Gosto pelo perigo - Arautos são rodeados por uma aura que instiga seus alvos. Isso faz com que eles próprios possam se tornar uma tentação em si, como se rodeados por uma aura sobrenatural - não mudará a aparência, mas mesmo que seja feio, o arauto ainda será considerado "instigante", "carismático", "exótico" ou similar - o famoso "ele não é bonito, mas tem um certo "que" que não dá pra explicar". Seus poderes de charme são ampliados em 5% a partir deste nível, aumentando para 10% no nível 14, e mais 5% a cada 10 níveis subsequentes, chegando ao máximo de 25% no nível 44. {Éris}

{Nível 4} - Epítetos I: Além de Koré, Perséfone era conhecida por outros nomes, sendo uma das deusas com mais alcunhas da mitologia grega. Muitos desses passarão a formar características dos filhos dela, porém serão liberados com o passar dos níveis. O primeiro epíteto é Daeira (sábia), cujo efeito é o de dar as suas proles uma sabedoria digna de um filho inexperiente de Athena (eles aprendem as coisas com mais facilidade, embora não saibam de tudo). {Perséfone}

{Nível 7} - Controle dos Males II: Anfilogias (Ambiguidades e dúvidas) - Recebendo os poderes de uma dos filhos de sua patrona, Arautos neste nível passam a visualizar as dúvidas dos alvos, podendo utilizar este conhecimento combinado com outros poderes para desviar a atenção do alvo ou fazê-lo mudar de opinião com base em seus próprios sentimentos. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes conseguem bloquear isso, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 13} - Persuasão: Perséfone era famosa por intervir nos julgamentos, convencendo Hades a amenizar suas penas. Seus filhos herdam tal habilidade. Isso faz com que argumentem bem, prendendo a atenção dos interlocutores, que considerarão seus argumentos com mais facilidade. Poderes que visam a sedução também são ampliados em 20%. Aliado à beleza das crias de Perséfone, é um componente fatal para a sedução. {Perséfone}

{Nível 17} - Controle de Males V: Disnomia - Às vezes traduzida como desrespeito, outras como desordem - aspecto adotado com certa frequência e aqui representada. A partir desse nível Arautos detectam a concentração de emoções hostis e caos - seja um palanque político de debates, um ringue de luta livre ou uma guerra. O raio de sentido abrange 100m, aumentando mais 100m a cada 15 níveis após adquirir o poder. {Éris}

{Nível 18} - Aura da Sorte: Narciso, flor designada como seu símbolo, além da renovação, também significa boa sorte, e seus filhos são cercados por esta aura. A partir desse nível, qualquer atividade do filho de Perséfone tem uma chance aumentada em 10% de ser bem sucedida (em jogos de azar, essa chance sobe para 50%). {Perséfone}
poderes ativos:
∆ Nothing here.
Feila A. Rousseau
avatar
Arautos da Discórdia
Mensagens :
88

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Kalled C. Almeida em Seg 16 Abr 2018, 10:46



Rotten Apple

Missão Mediana Interna Narrada para Feila Adéle Rousseau


Feila ficou satisfeita em saber que o garoto finalmente estava fazendo as perguntas certas. Com muita naturalidade respondeu a pergunta do garoto, mascarando a verdade com coisas que Nate gostaria de ouvir.

Cada palavra dita pela semideusa era recebida com um aceno de cabeça. O garoto parecia confiar na menina, quanto tempo isso se manteria?

– Concordo com você, Feila. Mas existe um último teste para que eu confie em você. – Disse enquanto tirava um pequeno orbe transparente de seu bolso. – Você poderia segurar isso por favor? – De repente Feila sentiu uma aura hostil vindo do menino, mas não havia certeza de seus próximos atos. O que Nate planejava?



Status da player:

Feila A. Rousseau
HP: 306/310
MP:310/310



Diretrizes e informações


Objetivo Principal:Levar o informante do Clube da Luta para Éris.

Objetivo do turno: Reaja ao ocorrido.





— Local: Nova York
— Horário inicial: 10:45 am.
— Condições climáticas: frio, 16º.

— Itens, pets e poderes relevantes (ativos ou passivos) devem ser devidamente colocados no fim do texto (preferencialmente em spoiler).
— Não coloque "considerar poderes até tal nível", pois se isso ocorrer, as habilidades em questão não serão consideradas.
— Evite utilizar templates muito estreitos ou com barrinha; além de cores muito cegantes ou qualquer coisa que possa dificultar a leitura.
— Você possui um prazo de 3 dias. Tal prazo se extingue dia 19/04 às 11:00
— Quando postar ou caso haja alguma dúvida, entre em contato por MP.
— Boa sorte.


Template roubado/emprestado do Mason


Kalled C. Almeida
avatar
Menestréis
Mensagens :
773

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Feila A. Rousseau em Sex 20 Abr 2018, 01:01


"it's sacrilege, it's sacrilege!", you say.
missão narrada interna mediana
Enquanto falava, a loira tentava verificar as reações de Nate ao seu discurso, procurando verificar quais seus possíveis sucessos e erros quanto ao papel que desempenhava. Aparentemente, ele aceitava tudo que Feila falava e confiava nela, mas sendo serva de Éris, a semideusa sabia que o exterior ocultava as verdadeiras intenções das pessoas. Quando ele retirou o orbe do bolso, Rousseau quase foi nocauteada figurativamente, tamanha era a força da hostilidade que passara a emanar de Nate. Ela tinha quase certeza que havia sido descoberta. Assim sendo, estendeu uma das mão para pegar o objeto, deixando a outra livre para que pudesse reagir, atenta como se aquilo fosse a única coisa que importasse em sua vida. Talvez, naquele momento, realmente fosse.

— Não entendi bem o que pretende... Achei que já confiasse em mim. - A prole de Perséfone tornou-se consciente do aroma que exalava e esperava que aquilo pudesse lhe ajudar em um futuro bem próximo, se precisasse dele. Por enquanto, continuaria sem exibir intenções de luta.

coisinhas:
observações:
∆ Atentar-se ao uso de Perfume Embriagador, no primeiro turno ainda.
∆ Peço que, se possível, exponha o que os poderes passivos As You Wish e Controle dos Males I e II mencionam, como os sinais de linguagem corporal, as motivações dos oponentes e as dúvidas e incertezas deles. Também peço que indique se as emoções dos oponentes são hostis ou não, a levar em consideração Controle dos Males V.
itens:
♦️ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

— {Flowerblade} / Espada [Uma espada que mede cerca de 70 cm, sendo que sua lâmina é em torno de 60 cm. Sua lâmina é de bronze sagrado e fica em um tom diferente conforme a estação do ano, e o pomo tem a forma de uma rosa desabrochando. Seu guarda-mão tem um formato de quatro pétalas laterais divididas igualmente, e no centro há um brasão em forma de flor, adaptável ao gosto do meio-sangue. Ao matar alguém, toda a sua estrutura torna-se negra e gélida, relembrando ao filho de Perséfone o sofrimento que uma morte pode causar. ] {Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

— {Flowershield} / Escudo [Um escudo pequeno e circular (cerca de 30 cm de altura e largura); é feito de aço e é bastante resistente. Em seu centro há entalhado um brasão de flor adaptável ao gosto do semideus. No nível 20, torna-se uma fitinha dessas que são amarradas nos pulsos ou nos tornozelos.] {Aço} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Perséfone]

❖ {Hellstone} / Anel [Uma pequena pedra vermelha em forma de prisma, mede aproximadamente cinco centímetros e foi colocada em um fino anel. Duas vezes por evento ou missão, uma ação de ataque física pode ser bonificada com 10% de efetividade. Caso o ataque seja provocado por magia (ou envolvendo magia), apenas 5%. Não funciona para bonificar defesa ou outros movimentos.] {Pedra desconhecida} (Nível mínimo: 10) {Não controla nenhum elemento} [Recompensa pela missão "Sweather Weather", avaliada e atualizada por Psiquê.]

∆ {Backstab} Adaga [Adaga de bronze sagrado. Diferente do comum, a daga possui uma empunhadura com meia guarda, que protege a mão do portador parcialmente, sem contudo interferir em seus movimentos.]

∆ {Perfidious} Anel [Anel dourado em forma de garra, se encaixa no dedo indicador do arauto. É afiado, mas seu dano seria semelhante a de uma ponta de flecha se usado em ataque corporal, devido ao tamanho diminuto. Ainda assim, possui a capacidade de inocular veneno ao toque, seja diretamente, seja transmitindo o poder para a arma segurada. O veneno é debilitante, sendo considerado um veneno sobrenatural do nível do personagem, para fins de resistências - mas RM não se aplica - e causa a perda de 5% do HP do alvo por 3 turnos seguidos. 1 vez por missão. Adicionalmente, o anel detecta a presença de venenos em um raio de 5m do semideus, esquentando levemente como sinal, ainda que o semideus deve procurar para achar o local exato da presença da substância - a temperatura do anel indica a proximidade. Ambos os poderes só funcionam se o anel estiver sendo utilizado - apenas carregá-lo não permite nenhuma das duas coisas]

∆ {Temptation} Colar [Colar com pingente de uma maçã com uma serpente enrodilhada. Emite um cheiro levemente adocicado. Portá-lo aumenta os poderes de charme, persuação e lábia do Arauto em 10% sempre que em uso (efetividade e chance de acerto, mas não efeitos ou duração). Uma vez por missão pode ser ativado de forma a recuperar 20% de seu HP e MP]
poderes passivos:
{Nível 1} - Beleza Inata: Perséfone é uma antiga rival de Afrodite, por conta de ambas serem dotadas que especial beleza. Assim, tanto quanto os filhos da deusa do amor, os meio-sangues de Perséfone são comumente descritos como lindos, embora isso ainda não tenha uma grande serventia em batalha. {Perséfone}

{Nível 1} - Aura oculta - O arauto não tem qualquer marca ou indicação de sua filiação. Sua aura de Arauto é invisível para quaisquer outros personagens, exceto se tiverem, além dos meios para descobrir isso, uma margem de poder  grande (10 níveis ou mais) ou forem deuses. Qualquer outra condição só mostrará a origem familiar do semideus, mas não sua entrada no grupo. {Éris}

{Nível 2} - As you wish - Arautos adquirem uma compreensão melhor das motivações das criaturas - o que procuram, suas paixões, o que os desestabiliza. Esse é um poder passivo, que permite ao semideus saber os anseios dos seus adversários e - consequentemente - qual a melhor forma de tentá-los, desviando-os do seu caminho. No caso, o desejo do personagem - não um desejo sexual, mas suas ambições e motivações mais fortes, sejam materiais ou sentimentais. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes tem essa visão bloqueada, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 3} - Controle dos Males I: Pseudologos - Arautos recebem poderes relativos aos filhos de Éris e seus companheiros inseparáveis. Neste nível, Pseudologos os influencia: eles se tornam peritos em analisar pessoas através da linguagem corporal. Isso faz com que esconder seus reais sentimentos ou mentir para um deles seja muito mais difícil. Nível não interfere tanto aqui, uma vez que os sinais corporais independem deles, exceto para casos de semideuses específicos, que possuam poderes relativo à ocultação sentimental - nesse caso, se forem de nível igual ou maior suas reações podem ficar ocultas. Adicionalmente, a leitura corporal de um Arauto sempre vai ser dificultada, uma vez que eles sabem quais reações são esperadas e como controlá-las. Mentiras comuns são mais difíceis de serem descobertas, e poderes de manipulação igualmente - personagens de nível igual ou menor terão sempre 50% de chance a menos de notar tais coisas, não sabendo se o poder fez efeito sobre eles ou não caso sejam de nível igual ou menor, e igualmente tendo uma percepção menor quando o filho de Éris for sutil ao utilizar estes recursos. Claro que, se exagerar ou deixar brechas propositais, eles serão descobertos. Não significa que sejam imunes/resistentes aos poderes, apenas não demonstram suas reações a tal. {Éris}

{Nível 4} - Gosto pelo perigo - Arautos são rodeados por uma aura que instiga seus alvos. Isso faz com que eles próprios possam se tornar uma tentação em si, como se rodeados por uma aura sobrenatural - não mudará a aparência, mas mesmo que seja feio, o arauto ainda será considerado "instigante", "carismático", "exótico" ou similar - o famoso "ele não é bonito, mas tem um certo "que" que não dá pra explicar". Seus poderes de charme são ampliados em 5% a partir deste nível, aumentando para 10% no nível 14, e mais 5% a cada 10 níveis subsequentes, chegando ao máximo de 25% no nível 44. {Éris}

{Nível 4} - Epítetos I: Além de Koré, Perséfone era conhecida por outros nomes, sendo uma das deusas com mais alcunhas da mitologia grega. Muitos desses passarão a formar características dos filhos dela, porém serão liberados com o passar dos níveis. O primeiro epíteto é Daeira (sábia), cujo efeito é o de dar as suas proles uma sabedoria digna de um filho inexperiente de Athena (eles aprendem as coisas com mais facilidade, embora não saibam de tudo). {Perséfone}

{Nível 7} - Controle dos Males II: Anfilogias (Ambiguidades e dúvidas) - Recebendo os poderes de uma dos filhos de sua patrona, Arautos neste nível passam a visualizar as dúvidas dos alvos, podendo utilizar este conhecimento combinado com outros poderes para desviar a atenção do alvo ou fazê-lo mudar de opinião com base em seus próprios sentimentos. Não permite a manipulação, apenas o conhecimento, e personagens mental/ sentimentalmente resistentes conseguem bloquear isso, mas apenas se forem de nível igual ou superior. {Éris}

{Nível 13} - Persuasão: Perséfone era famosa por intervir nos julgamentos, convencendo Hades a amenizar suas penas. Seus filhos herdam tal habilidade. Isso faz com que argumentem bem, prendendo a atenção dos interlocutores, que considerarão seus argumentos com mais facilidade. Poderes que visam a sedução também são ampliados em 20%. Aliado à beleza das crias de Perséfone, é um componente fatal para a sedução. {Perséfone}

{Nível 17} - Controle de Males V: Disnomia - Às vezes traduzida como desrespeito, outras como desordem - aspecto adotado com certa frequência e aqui representada. A partir desse nível Arautos detectam a concentração de emoções hostis e caos - seja um palanque político de debates, um ringue de luta livre ou uma guerra. O raio de sentido abrange 100m, aumentando mais 100m a cada 15 níveis após adquirir o poder. {Éris}

{Nível 18} - Aura da Sorte: Narciso, flor designada como seu símbolo, além da renovação, também significa boa sorte, e seus filhos são cercados por esta aura. A partir desse nível, qualquer atividade do filho de Perséfone tem uma chance aumentada em 10% de ser bem sucedida (em jogos de azar, essa chance sobe para 50%). {Perséfone}

{Nível 22} - Perfume embriagador: Filhos de Perséfone sempre exalam um perfume floral, cujo aroma será percebido pelas pessoas ao seu redor de acordo com suas preferências. Esse perfume encanta a aliados, aumentando o poder de sedução do filho de Perséfone, mas contra inimigos atrapalha nas batalhas: ele é venenoso, e – com a exposição acima de 2 rodadas – o inimigo fica atordoado, perdendo 10% de suas capacidades de batalha, como força de ataque e reflexos. {Perséfone} {TURNO 1}
poderes ativos:
∆ Nothing here.
Feila A. Rousseau
avatar
Arautos da Discórdia
Mensagens :
88

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Kalled C. Almeida Ontem à(s) 22:09



Rotten Apple

Missão Mediana Interna Narrada para Feila Adéle Rousseau


Feila sentiu o perigo, sabia que Nate não estava agindo de bom grado. Assim que pegou o orbe viu a transparência dar lugar a um aspecto negro, neste momento o semideus reagiu.

— Bem que Rory tentou me avisar, você é uma deles. Aqueles aliados da deusa, a deusa da discórdia. — Nate desembainhou uma espada de bronze e avançou na direção da arauto querendo atingi-la. Mesmo com seu perfume embriagador ela corria perigo, o que faria a pobre Rousseau?



Status da player:

Feila A. Rousseau
HP: 306/310
MP:310/310

Status do oponente:
Nate
310/310 HP
310/310 MP

poderes usados por Nate:


Passivos:
Nível 1:
Proficiência com espadas - Filhos de Héstia possuem uma ligação natural com espadas, conseguindo manejá-las com mais facilidade do que outros semideuses de nivel similar que não possuam a perícia, mesmo que não tenha experiência anterior. É algo evolutivo, e não implica em golpes indefensáveis ou aprendizado imediato.

Ativos:
None



Diretrizes e informações


Objetivo Principal:Levar o informante do Clube da Luta para Éris.

Objetivo do turno: Reaja ao ocorrido.





— Local: Nova York
— Horário inicial: 10:45 am.
— Condições climáticas: frio, 16º.

— Itens, pets e poderes relevantes (ativos ou passivos) devem ser devidamente colocados no fim do texto (preferencialmente em spoiler).
— Não coloque "considerar poderes até tal nível", pois se isso ocorrer, as habilidades em questão não serão consideradas.
— Evite utilizar templates muito estreitos ou com barrinha; além de cores muito cegantes ou qualquer coisa que possa dificultar a leitura.
— Você possui um prazo de 3 dias. Tal prazo se extingue dia 25/04 às 22:05
— Quando postar ou caso haja alguma dúvida, entre em contato por MP.
— Boa sorte.


Template roubado/emprestado do Mason


Kalled C. Almeida
avatar
Menestréis
Mensagens :
773

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rotten Apple - MNIM para Feila A. Rousseau

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum