Ficha de Reclamação para Deuses Menores

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Ficha de Reclamação para Deuses Menores

Mensagem por Organização PJBR em Qua 12 Set 2018, 12:58

Relembrando a primeira mensagem :


Ficha de Reclamação


Este tópico foi criado para que o player possa ingressar na sua vida como semideus filho de um deus menor.  Avaliamos na ficha os mesmos critérios que no restante do fórum, mas fichas comuns exigem uma margem menor de qualidade, porém ainda será observada a coesão, coerência, organização, ortografia e objetividade. Abaixo, a lista de deuses menores disponíveis em ordem alfabética, com as devidas observações.





   
   
 
 
   
   
 
 
   
   
 
 
   
   
 

   
   
 
 

   
 
 
   
   


   
   


   
   


   
   


   
   


   
   


   
   


   
   



   


   
   


   
   

DeusesAvaliação
DeimosComum
DespinaRigorosa
ÉoloComum
EosComum
ÉrisRigorosa
HécateRigorosa
HéraclesComum
HipnosComum
ÍrisComum
MacáriaRigorosa
MelinoeRigorosa
NêmesisRigorosa
PhobosComum
PerséfoneRigorosa
SeleneComum
TânatosComum




Recompensa de reclamação


As fichas de reclamação valem, além da aprovação no grupo almejado, um rendimento de experiência de no máximo 100 xp para o jogador. O rendimento deve ser de acordo com a avaliação e só será bonificado caso o semideus tenha sido reclamado, portanto fichas rejeitadas não rendem nenhuma experiência.


Item de reclamação


Não existem mais itens de reclamação por progenitor, sendo o único presente a adaga a seguir:

{Half Blood} / Adaga Comum [Adaga simples feita de bronze sagrado, curta e de duplo corte. A lâmina possui 8cm de largura, afinando-se ligeiramente até o comprimento, que chega a 20cm. Não possui guarda de mão e o cabo é de madeira revestido com couro, para uma empunhadura mais confortável; acompanha bainha de couro simples.] {Madeira, couro e bronze sagrado} (Nível mínimo: 1) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: Item de Reclamação]


A ficha


A ficha é composta de algumas perguntas e o campo para o perfil físico e psicológico e a história do personagem e é a mesma seja para semideuses ou criaturas.

Plágio não será tolerado e, ao ser detectado, acarretará um ban inicial de 3 dias + aviso, e reincidência acarretará em ban permanente. Plágio acarreta banimento por IP.

Aceitamos apenas histórias originais - então, ao usar um personagem criado para outro fórum não só não será reclamado como corre o risco de ser punido por plágio, caso não comprove autoria em 24h. Mesmo com a comprovação, a ficha não será aceita.

Fichas com nomes inadequados não serão avaliadas a menos que avisem já ter realizado o pedido de mudança através de uma observação na ficha. As regras de nickname constam nas regras gerais no fórum.

A promoção da ficha acabou e a história passa a ser obrigatória a partir daqui. Boa sorte a todos.

Aviso! Acerca dos chalés dos deuses primordiais e menores, eles não existem, pois a história se passa em meados de 2008, durante a Guerra de Cronos. Apenas os chalés dos doze olimpianos estão disponíveis.


TEMPLATE PADRÃO:
Não serão aceitas fichas fora desde modelo

Código:
<center>
<a href="goo.gl/6qY3Sg"><div class="frankt1">FICHA DE RECLAMAÇÃO</div></a><div class="frank1"></div><div class="franktextim">[b]— Por qual deus deseja ser reclamado/ qual criatura deseja ser e por quê?[/b]

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Curabitur facilisis lacus eu urna varius, quis tempus neque tincidunt. Nulla ex nisl, ornare et maximus nec, auctor quis nisi. Interdum et malesuada fames ac ante ipsum primis in faucibus.

[b]— Perfil do Personagem (Características Físicas e Características Psicológicas - preferencialmente separadas):[/b]

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Curabitur facilisis lacus eu urna varius, quis tempus neque tincidunt. Nulla ex nisl, ornare et maximus nec, auctor quis nisi. Interdum et malesuada fames ac ante ipsum primis in faucibus.

[b]— História do Personagem:[/b]

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Curabitur facilisis lacus eu urna varius, quis tempus neque tincidunt. Nulla ex nisl, ornare et maximus nec, auctor quis nisi. Interdum et malesuada fames ac ante ipsum primis in faucibus. Mauris ut luctus lorem, at malesuada neque. Integer eget consectetur mi, sit amet efficitur magna. Maecenas tincidunt euismod orci non pretium. Suspendisse potenti. Donec non enim et est fringilla faucibus quis at elit.

Maecenas a augue odio. Pellentesque faucibus vehicula sollicitudin. Curabitur tincidunt purus ante, ut ultricies dui congue non. Ut volutpat convallis gravida. In interdum, mi id lacinia dignissim, mauris nulla maximus sem, fermentum luctus sapien velit sed felis. Nullam fermentum, lectus in eleifend iaculis, magna ex bibendum mi, nec dignissim felis urna tincidunt ex. Nunc vitae elementum diam. Nullam ac leo cursus, porta magna vitae, tempor purus. Nunc dictum, purus non malesuada auctor, turpis felis tristique turpis, ac volutpat dolor mi eget eros. Donec a neque a augue tincidunt hendrerit eu et sapien.

Maecenas vel est vulputate, suscipit enim a, vehicula mauris. Curabitur ac molestie dui. Sed vel venenatis lacus. Sed at purus interdum, venenatis metus viverra, sodales metus. Sed aliquet eleifend nisl, id placerat urna sagittis sit amet. Aliquam vitae scelerisque lectus. Maecenas ligula massa, luctus eget commodo sit amet, dignissim eu quam. Curabitur interdum vitae lectus ut congue.

Nulla mollis ornare magna in suscipit. Quisque pretium libero at sem condimentum, dignissim pretium turpis rhoncus. Ut mattis posuere nibh sit amet fringilla. Nulla feugiat imperdiet fermentum. Aenean in diam urna. Interdum et malesuada fames ac ante ipsum primis in faucibus. In pharetra convallis neque fringilla gravida. Donec ullamcorper, eros et pharetra facilisis, lectus turpis sollicitudin justo, vitae lobortis quam lorem quis tellus.
</div><div class="frank2"></div> <div class="frankt2">Percy Jackson RPG BR</div></center>


<style type="text/css">.frank1 {margin-left:-320px; width:300px; height:200px; padding:20px; background:transparent; border-left:1px solid #000; border-top:1px solid #000;} .frank2 {margin-right:-320px; width:300px; height:200px; padding:20px; background:transparent; border-right:1px solid #000; border-bottom:1px solid #000;margin-top:-210px;} .frankt1 {margin-left:-320px; width:300px; text-align:center; font-family:'Slabo 27px'; font-size:30px; color:#000; padding:10px;font-weight: bold; line-height:25px;letter-spacing:-1px;} .frankt2 {margin-right:-220px; width:210px; font-family: VT323; font-size:12px; text-transform:uppercase; letter-spacing:2px; text-align:center; color: #000; line-height:9px;padding:10px;} .franktextim {width:550px; padding:30px; font-family:calibri; font-size: 13px; color:black; background: #fff; display: relative; margin-top:-230px;text-align:justify;} .franktextim b {font-size:13;color:#4D4C4C; font-family:'Slabo 27px'; font-weight:700;} .franktextim i {color:#9A9999;} .franktextim f {font-weight: bold; font-size:13; color:#777;font-family:'Slabo 27px'}</style><link rel="stylesheet" href="path/to/font-awesome/css/font-awesome.min.css"><link href="https://fonts.googleapis.com/css?family=VT323" rel="stylesheet"><link href="https://fonts.googleapis.com/css?family=Slabo+27px" rel="stylesheet">




Organização PJBR
Organização PJBR
Administradores
Mensagens :
889

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Ficha de Reclamação para Deuses Menores

Mensagem por Lyanna MacMahon em Ter 27 Nov 2018, 22:52


FICHA DE RECLAMAÇÃO
— Por qual deus deseja ser reclamado/ qual criatura deseja ser e por quê?

Eu gostaria de ser reclamado por Melinoe. A deusa me atraiu principalmente pela dualidade. Na maioria das vezes retratada como uma mulher com um lado branco e outro preto, representando seus espíritos, nem boa nem má, variando conforme a situação. Pretendo cultivar os dois lados em minha personagem.

— Perfil do Personagem (Características Físicas e Características Psicológicas - preferencialmente separadas):

Físicas
A primeira coisa a se notar na semideusa são seus longos cabelos ruivos, donos de um tom castanho-avermelhado e leves ondulações. Seus olhos incrivelmente verdes e sua tez pálida contrastam perfeitamente com seus cabelos. O conjunto de suas feições: sobrancelhas finas, nariz côncavo, maçãs do rosto proeminentes e lábios cheios, dão a ela uma beleza única e um ar sexy. Suas curvas são visíveis mas nada voluptuosas, formando um efeito harmonioso. Tem cerca de 175 cm de altura, pernas longas e braços finos. Gosta de passar um ar delicado e calmo, na maioria das vezes utiliza vestidos e roupas simples. As roupas variam geralmente em tons claros.

Psicológicas
Dona de uma calma e paz surpreendente é sempre gentil e educada com todos, mas não confundam com carinho. Lyn simplesmente não vê motivos para ser ríspida ou irritadiça, pensando ser uma grande perda de energia. Isso ocasiona em um ar de indiferença e apatia em grande parte das coisas. É focada e decidida, dando atenção total as suas metas. Desde o assassinato do pai tem como principal foco reerguer seu coven, treinando  assiduamente para isto. Acredita no equilíbrio e na lei do retorno, tendo em mente que tudo que foi feito deve ter sua retribuição. Quando alguém próximo é ferido ela gasta toda sua força para obter justiça, ainda procurando o assassino do pai. Uma das poucas coisas que mexem com os sentimentos da garota é a música, sendo fã de jazz e blues.

— História do Personagem:

New Orleans, 2008
French Quarter

Mais uma vez New Orleans estava em festa. Desde que os colonizadores se assentaram desse lado do rio Mississipi a cidade é nacionalmente conhecida pelas suas celebrações e não seria diferente no halloween. Além da fama de festeira a região também carregava o estigma de assombrada, possuindo uma legião de fantasmas notoriamente conhecidos. Juntando esse fato a cultura foliã da população o dia das bruxas é uma data de alvoroço em toda parte, principalmente na morada das homenageadas.

A respeito do bairro francês sempre era comentado sobre seus bares, sua arquitetura, música, lojas de produtos exotéricos, cartomantes e as famosas bruxas de aluguel, tornando-o um forte ponto turístico. Nesta noite especial todos os itens supracitados exerciam horas extras para atrair a clientela sazonal. Cada casa e estabelecimento ostentavam seus enfeites pseudo-assustadores e entre as ruas uma grande quantidade de pessoas fantasiadas transitavam de um local a outro. Mas haviam coisas que passavam despercebidas aos olhos mundanos.

Entre os pedestres figuras translúcidas, carregadas com suas próprias motivações, flutuavam observando a ocasião. Nas portas das videntes espíritos se aglomeravam, esperando sua vez para comunicar-se com os vivos. Alguns sentiam a variação de energia e afastavam-se inconscientemente, mas esse não era o caso da encapuzada. Uma figura feminina caminhava ignorando as almas propositalmente, ela não tinha tempo para ajudá-las com seus dilemas inacabados.

Com passos calmos e decididos a mulher ganhava seu espaço. Sua pele incrivelmente pálida era encoberta por um vestido longo de seda branca. Suas pernas e botas de couro branco eram visíveis através da fenda frontal da saia esvoaçante. Com um decote em v e mangas tulipans o vestido favorecia sua forma natural. Como único acessório carregava uma bolsa branca em mãos. Presa ao ombros uma grande capa branca ondulava sob suas costas. O capuz impedia a visão de seu rosto deixando apenas suas madeixas escarlates a mostra. Em pouco tempo a ruiva atravessou as ruas e esquinas, chegando em fim ao seu destino final.

A casa a sua frente exibia os claros sinais do tempo e da destruição. Estruturalmente era como a maioria das construções da região, três andares, varandas largas com portas duplas de madeira e parapeitos de ferro, mas seu estado a diferenciava das demais. A tinta outrora vermelha agora era praticamente indetectável graças as manchas de fogo e cinzas. As janelas e portas estavam pregadas com tábuas levemente apodrecidas. As barras de proteção que antes possuíam formas elegantes estavam deformadas e enferrujadas. O portão para o pátio era a única coisa minimamente intacta do edifício.

A semideusa travou a mandíbula ao relembrar a imagem do passado, quando o local estava em toda sua glória. A residência MacMahon, a morada da Convenção Noctua. Durante as imigrações muitos povos foram trazidos para a cidade, entre eles as bruxas fugindo atrás de um refúgio. Na época das inúmeras caças um pequeno clã irlandês, caçados pela magia dúbia que praticavam, atravessou os mares em busca de proteção. Versados em necromancia e magia das trevas por muitos anos foram respeitados pelos outros sobrenaturais da cidade, ao menos até a guerra.*

Respirando fundo a garota recuperou seu controle e acelerou os passos. O portão possuía uma grossa corrente mas isso não a impediu, sem diminuir a velocidade ela simplesmente o atravessou**. O pátio assumia os mesmos sinais de abandono da fachada. Paredes sujas e rachadas, calçamento arrancado, ervas daninhas cresciam descontroladamente, os bancos e mesas queimados e em pedaços, a fonte central seca e quebrada, a escada que levava ao segundo andar sem corrimão e com degraus faltando, ou seja, tudo destruído.

Abaixando o capuz a figura revelou as feições juvenis e os olhos avermelhados pelo choro contido. Mesmo com o semblante neutro a semideusa transmitia sua dor pela lágrima solitária que escorria por sua bochecha. A lembrança de seu antigo lar, colorido e alegre, junto a imagem atual transtornava-lhe de ao ponto de quase retirar seu equilíbrio. Expirando lentamente mais uma vez ela ligou a lanterna que carregava na bolsa e continuou seu caminho aos andares superiores. A menina esforçou-se ao máximo para ignorar a situação da residência, focando apenas no caminho a sua frente.

A porta do escritório estava jogada no centro do recinto com marcas de golpes e arranhões. A mesa rachada ao meio e seus materiais espalhados pelo chão. As estantes caídas e destruídas pelo fogo junto aos livros e objetos lá guardados. As tábuas pregadas com desleixo deixavam as luzes da cidade atravessar as frestas, iluminando a poeira que flutuava no ar. Na parede esquerda um quadro repousava inalterado pela destruição, aquele era o alvo.

O soluço que escapou da garganta da filha de Melinoe foi inevitável perante as faces retratadas na pintura, imagem que ela sequer lembrava. Com lágrimas silenciosas admirou cada detalhe do homem e da menina, certamente pai e filha. Apesar da diferença de idade era impossível não notar a semelhança entre eles, no formato do rosto, das sobrancelhas e nas covinhas formadas pelo sorriso de ambos, mas principalmente nos olhos verdes profundo. Os cabelos alaranjados da garota estavam presos em uma trança lateral enquanto ela afundava o rosto nos cachos loiro-avermelhados do pai. Contendo-se ela retirou a adaga da bolsa e cortou a ponta do indicador e o deslizou sobre a base da moldura***.

Poucos segundos depois o vento silvou atrás do retrato expulsando a poeira. A tela descolou-se e caiu nas mãos da semideusa que a enrolou rapidamente. No fundo revelado apenas um diário encontrava-se escondido. Com a mão livre pegou o item e o observou atentamente. De tamanho mediano com capa de couro preto sem nenhum título aparentava ser um livro comum. Mas naquelas páginas se encontravam os nomes de todos os envolvidos com o clã, integrantes, amigos, aliados, clientes e inimigos. Com o livro a semideusa saberia como agrupar a convenção novamente e principalmente destruir os seres que tiraram tudo dela, os responsáveis pela guerra e a queda dos MacMahon. Aprumando-se novamente a menina secou as lágrimas e mirou os objetos em seu poder.

– Eu os encontrarei papai. Cada um deles, amigos e inimigos. Trarei a convenção de volta – sussurrou enquanto se retirava da sala.

Ao chegar ao pátio memorizou cada detalhe, para que sempre lembrasse o motivo de sua luta. Respirou o cheiro de mofo, cinzas e sujeira mais uma vez. Virando-se tempestuosamente ela saiu enquanto proclamava alto o suficiente para qualquer ser vivo ou morto que por acaso estivesse ali ouvisse:

– Nossos inimigos caíram um a um e no final... – lançou o último olhar para a residência – ... Todos sangraram!


Obs:

110% de sangue no zóio!!!
Brincadeiras a parte vou dar uma explicação sobre alguns pontos que podem ter gerado dúvidas.
*A guerra que eu me refiro é uma disputa territorial entre as diversas espécimes de sobrenaturais que vivem em NO. Ela ocorreu quando Lyn ainda era pequena e eu pretendo focar nesse ponto em futuras diy's
**Não sei como os poderes de Melinoe estão funcionando atualmente sem os itens de suporte, mas antigamente os filhos já possuíam a forma etéria no level 1. Espero que isto não atrapalhe na avaliação (caso o querido avaliador saiba algo sobre isso seria legal se me explicasse um pouco.
***O quadro possuía um feitiço de proteção onde apenas o sangue MacMahon abriria.
Sobre a reclamação, na trama Lyn cresceu em um lugar (surpresa, só na diy) que sabia o que ela era e sempre deixou isso claro, fora que o pai já falou de Melinoe para ela, então eu acreditei ser mais produtivo fazer uma prévia da trama.
Eu acho que é isso no caso de dúvidas pode mandar uma MP.

Percy Jackson RPG BR



Lyanna MacMahon
Lyanna MacMahon
Filhos de Melinoe
Mensagens :
12

Localização :
New Orleans, French Quarter

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ficha de Reclamação para Deuses Menores

Mensagem por Perséfone em Qui 29 Nov 2018, 11:10




Avaliação


Dolar Poggi

Hey Dolar, bom dia e bem vindo de volta!

Vamos à sua avaliação. De Hermes para Tânatos? Muitas pessoas estão trocando de progenitor nesse fórum, o que é bom pois as força sair de sua zona de conforto para tentar coisas novas. Confesso que fiquei confusa em alguns parágrafos, pois não consegui compreender quem estava falando, se era o Dolar ou o Roddy, e isso me atrapalhou um pouco em alguns pontos. Sua forma de narrar é diferente, isso é fato, mas acredito que a falta de parágrafos entre as falas - vi apenas uns dois ou três curtinhos - não seja, de fato, uma boa forma de se manter uma narração. Separar os acontecimentos e as ações em parágrafos certos faz o texto ficar muito melhor.

— Isso... isso pode voar? — eu seguia perplexo, é meu primeiro contato com criaturas místicas, essa coisa parada parecia muito com a descrição de uma Harpia. Em um rápido movimento Roddy lançou uma pedra até que grande para o porte dele em direção do inimigo em nossa frente. A pedra golpeia a perna da Harpia, o que a faz ficar irritadíssima e saltar em nossa direção.

Esse parte podia ser escrita de outra maneira, como ficaria abaixo:

— Isso... Isso pode voar? — eu seguia, perplexo. É meu primeiro contato com criaturas místicas, e essa coisa parada parecia muito com uma Harpia, segundo as descrições que Roddy me dera. Em um movimento rápido, o sátiro lançou uma pedra (grande até, a considerar o porte dele) na direção do inimigo em nossa frente, golpeando-a em sua perna. Isso a fez ficar irritada e saltar em nossa direção.

Reveja seu texto e escreva com cuidado, ok? Para qualquer dúvida ou esclarecimento, estou à disposição. Não desista ♥️

Resultado

Reprovado como filho de Tânatos;







Avaliação


Lyanna MacMahon

Olá Lyanna, bom dia!

Gostaria de iniciar sua avaliação dizendo que as fichas para Melinoe são avaliadas com rigor, ok? Seguirei nesse mesmo padrão.

Menina, que história foi essa? Me prendeu do começo ao fim, sério mesmo, e me fez desejar saber mais sobre essa guerra, sobre seu coven, sobre seu pai... Sobre tudo! Mas vamos para alguns detalhes que achei relevante falar, mas que não atrapalharam sua avaliação: primeiro de tudo, gostaria de informar que vou verificar à respeito da Forma Etérea para você, ok? Por isso, aguarde uma MP minha com essa questão. A segunda é que, no final de seu texto, mais especificadamente na frase abaixo:

"– Nossos inimigos caíram um a um e no final... – lançou o último olhar para a residência – ... Todos sangraram!"

O "sangraram" deveria ser "sangrarão", já que o verbo está no futuro.

Meus parabéns, filha de Melinoe, e bem vinda!

Resultado

Aprovada como filha de Melinoe;
100xp pela história;



Atualizado



Perséfone
Perséfone
Deuses
Mensagens :
143

Localização :
Mundo Inferior

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ficha de Reclamação para Deuses Menores

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum