[rp fechada] star-bugging

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[rp fechada] star-bugging

Mensagem por Zoë Ophelia Greengrass em Seg 01 Jul 2019, 00:41


Tal interação acontece num dia quente de primavera em São Francisco, na Califórnia. Ambienta-se no estabelecimento da rede de cafeterias Starbucks na rua Powell, número 462 e encontra-se fechada para quaisquer jogadores que não Zoë Ophelia Greengrass e Katherine J. Villeneuve

s.: A primeira decide tomar um chá gelado depois de um dia de compras na cidade e distraidamente decide telefonar para seu pai, ignorante ao fato de que seu celular seria um possível ímã de monstros. Katherine, ao reconhecê-la como uma novata do acampamento, intervém para alertá-la sobre os perigos trazidos por um telemóvel.

Zoë Ophelia Greengrass
Zoë Ophelia Greengrass
Filhos de AfroditeAcampamento Meio-Sangue

Mensagens :
28

Localização :
Manhattan

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [rp fechada] star-bugging

Mensagem por Katherine J. Villeneuve em Seg 01 Jul 2019, 01:13


take me down
    to the paradise city
Não houve nem mesmo um momento para que as garotas conversassem antes que Katherine embarcasse na viagem de sua vida carregando meia dúzia das roupas que pertenciam à Elizabeth, metade de suas armas e Hellsing. De costa à costa, parou em cada estado que não conhecia, cada cidade que tinha curiosidade de conhecer e cada fim de mundo que Hellsing precisava parar para comer algo – ou alguém.

— Miss Villeneuve, is such a pleasure to have you back in San Francisco!

— Economize o discurso, Marvin. A presidencial está disponível?

— Para a senhorita? Sempre!

Carregando a cachorra por uma coleira metálica, usou o elevador para chegar na cobertura e sorriu quando viu que estava tudo em ordem. Foi com um rosnado magoado que Katherine levantou do colchão macio, colocando um par de saltos indiscretos e um vestido muito justo de seu alter-ego, abandonou o quarto com sua monstrinha na coleira.

As ruas de São Francisco estavam muito cheias para passear com o que parecia ser um pastor alemão mau humorado. Foi assim que sairam do Marriot e atravessaram a rua interessadas na sua cafeteria favorita.

— Um expresso grande sem açúcar e uma dúzia de egg-bacon pra comer aqui por favor.

Hellsing pateou impaciente e lutava para andar em direção à uma garotinha vaidosa. Com algumas notas de vinte dólares arremessadas no balcão, seguiu a cachorra até parar do lado da garota e arrancar o celular de sua mão, entregando-o para Hellsing que o estraçalharia sem dó.

— Que porra você está fazendo, garotinha? Nada de celulares para monstrinhos como nós. Vai acabar atraindo monstros para cá.

Where the grass is green
    and girls are pretty

armas:
× {Fear} / Adaga [Uma adaga elegante com a lâmina de um vermelho tão escuro que parece ser preto. Possui dois gumes e a ponta extremamente afiada, possuindo uma guarda de mão por esse motivo. Uma vez por batalha, durante dois turnos, aumenta em 10% a efetividade dos poderes relacionados à medo.] {Bronze Sagrado. Madeira. Couro. Magia.} (Nível Mínimo: 30) [Recebimento: If You Seek Ana, avaliado e atualizado por Eos] presa na jaqueta

{Anima Bracelet} / Bracelete [Um bracelete de contas brancas com pequeno pingente de borboleta azul. Esse bracelete pode ser ativado com o desejo mental do usuário e transforma-se em uma corrente que pode medir 10m. Essa corrente é feita de prata e ouro sagrado, bastante resiste a tal ponto de ser semi-indestrutível.  (Nível Mínimo: 1) {Sem controle de elementos} [Recebido ao ingressar no grupo dos Mentalistas de Psiquê] pulso esquerdo

{Yin Yang} / Espada [Uma espada de punho prateado e com um desenho bem talhado de uma borboleta em azul. Sua lâmina é de uma beleza diferenciada, pela divisão do cume central, metade dela possui um material negro e a outra metade é feito de prata sagrada. Seu corte é duplo e sua ponta afinada, uma espada bastante resistente. Essa arma vem em uma bainha preta com entalhes azuis em borboletas, ela se adapta ao corpo do mentalista podendo ser usada do modo que este desejar carregar a espada.] [Materiais: Prata Sagrada e Material Negro] (Nível Mínimo: 1) {Elemento: Psíquico} [Recebimento: Presente por ser mentalista] costas


× {Shock}/ Arma de choque [A arma, em uma primeira vista, parece com uma de balas, por ser totalmente preta, porém, na verdade se trata de uma mini besta vertical, que possui um gatilho. Ao ser acionado, um quadriculado vermelho amarrado por uma linha de prata, se solta e libera choques que possuem a propriedade básica de paralisar o membro acertado em 75% de seu movimento, além de causar baixo dano por sua descarga. Após ser utilizado o disparo, o proprietário da arma necessita recolocar o quadriculado de volta ao seu lugar, e necessita aguardar um turno após o fazer, para que o projétil reative sua carga.] {Aço e prata} (Nível mínimo: 20) {Eletricidade} [Recebimento: Missão "A sede por sangue", avaliada por Selene e att por Ares] cinta
poderes:
passivos:

ativos:
observações finais:
Katherine J. Villeneuve
Katherine J. Villeneuve
Mentalistas de Psiquê

Mensagens :
489

Localização :
nova iorque

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [rp fechada] star-bugging

Mensagem por Zoë Ophelia Greengrass em Seg 01 Jul 2019, 12:24

star-bugging
you're busy now, why else would you ignore me?
Zoë suspirou, enquanto resmungava consigo mesma. Isso, é claro, dentro de sua própria cabeça. Tentava não cair ali mesmo depois de caminhar mais de duas horas em sapatos emprestados: eram o que lhe pareciam verdadeiras botas de combate, porém três vezes mais finas do que o habitual, sapatos emprestados por sua meia-irmã. E isso lhe lembrava o ocorrido naquela manhã, a razão principal para estar no meio de São Francisco como um lobo perdido de sua alcateia.

A semideusa tentou deslizar suas calças jeans favoritas, porém constatou que elas não passavam das coxas e estavam um pouco mais curtas do que o habitual. Zoë piscou duas vezes e adiantou-se para a frente do espelho, encarando o próprio reflexo com a testa franzida, ainda numa tentativa falha de comprimir o abdômen e abotoar a vestimenta. Sua expressão rapidamente passou para uma de espanto quando a porta bateu com um baque e uma de suas meias-irmãs, Calysta, invadiu o banheiro com um nécessaire em mãos. — Oi, Zoë! Não queria interromper, parece que está se acostumando a demorar para se arrumar como nós todos, não? — Cumprimentou a recém-chegada, seguindo com um risinho e encarar a situação em que se encontrava a loura. Ela crispou os lábios. — Ah... Uns quilinhos a mais, mas sem problema nenhum. Com sua altura, vai ser fácil disfarçar. Pode pegar uma roupa minha emprestada. — Ofereceu Calysta, e Zoë inclinou a cabeça com incredulidade. Somente alguns dias ali e já tinha conseguido ganhar peso! Bem, era um fato iminente e difícil de ser evitado – o churrasco servido no acampamento era muito mais saboroso do que as refeições proporcionadas no batalhão, que nunca a fizeram repetir uma porção.

E foi assim que acabara girando e girando num shopping center, lugar completamente fora de sua realidade. Ela espantou-se com tantas cores chamativas e o movimento de pessoas. Seguindo o pequeno mapa que seus irmãos desenharam para ajudá-la a encontrar as melhores roupas para servi-la, acabou desistindo dos conselhos por não encontrar nenhuma opção que fizesse jus ao seu bolso e encontrou por conta própria uma loja de artigos esportivos, onde encerrou seu pequeno passeio com duas sacolas contendo calças e tops simples, porém essenciais para seu treino. Seria suficiente pelo tempo para recuperar seu antigo peso e as roupas antigas, pelo menos.

Antes de se dirigir ao Acampamento Meio-Sangue, onde teria um descanso merecido, principalmente daquelas roupas incômodas (nas quais se sentia como uma atração de circo), passou numa cafeteria para refrescar-se da quentura que assolava Manhattan naquela manhã. Enquanto estava sentada tomando sua bebida – um chá gelado de limão, nada mau para uma primeira vez experimentando -, perguntou-se se seu pai estaria muito ocupado naquele dia. Fazia tempo que não falava com ele. Desde sua partida, era como se estivessem brigados, evento raro em sua relação. O sentimento provocou em Zoë uma pontada de culpa e a levou a discar o número do tenente-coronel Greengrass no celular. As duas primeiras chamadas não foram atendidas e a terceira, bem... a terceira vez foi interrompida.

Assim que Zoë sentiu o pertence ser puxado de suas mãos, agilmente levou a mão à adaga que carregava em seu bolso traseiro, por pouco não rasgando as mangas rendadas da roupa emprestada. O que encarava era uma cena deveras incomum: um cão que obviamente não era de raça e, sim, um cão infernal como os dos mitos contados pelo pai, que devorava seu antigo telefone como um pedaço de carne. Ela arqueou as sobrancelhas e levantou o olhar para encarar com o que estava lidando e, para sua surpresa, tratava-se de uma jovem, aparentando ser pouco mais velha do que si – Zoë, porém, não estava totalmente segura: tinha sido alertada que monstros poderiam assumir uma forma diferente em seus ataques.

A prole de Afrodite respirou fundo e tentou manter a calma diante da situação, principalmente para não chamar atenção para as duas e preocupar os civis em seus arredores. — Monstrrinhos como nós, você diz? Por favor, elucide-me. — Dirigiu-se Ophelia à desconhecida, serenamente, como se seu celular não tivesse sido destruído naquele momento. — Pavrrece que já atrraí um, na verrdavde. — Observou ela em seguida, referindo-se ao cão infernal segurado pela coleira e apontando com a cabeça. — Quem é você e o que a travz aqui mesmo?

Armas:
• {Half Blood} / Adaga Comum [Adaga simples feita de bronze sagrado, curta e de duplo corte. A lâmina possui 8cm de largura, afinando-se ligeiramente até o comprimento, que chega a 20cm. Não possui guarda de mão e o cabo é de madeira revestido com couro, para uma empunhadura mais confortável; acompanha bainha de couro simples.] {Madeira, couro e bronze sagrado} (Nível mínimo: 1) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: Item de Reclamação]

• {Gátessune} / Gato de Nove Caudas [Como o nome propriamente diz, esse chicote tem nove tira de couros individuais, todas presas ao cabo, com espinhos de bronze apenas na ponta, mas longas como presas afiadas, provocando um dano perfurante. Para usar essa arma requer um pouco de habilidade e cuidado para que seu dono não se machuque, as tiras são menores do que as de um chicote comum, com cerca de apenas 1m a 1,5m cada] {Bronze sagrado e couro} (Nível mínimo: 1 para filhos de Afrodite; 3 para os demais.) {Não controla nenhum elemento}

san francisco # no. 2 # with katherine villeneuve


Zoë Ophelia Greengrass
Zoë Ophelia Greengrass
Filhos de AfroditeAcampamento Meio-Sangue

Mensagens :
28

Localização :
Manhattan

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [rp fechada] star-bugging

Mensagem por Katherine J. Villeneuve em Qua 03 Jul 2019, 17:06


take me down
    to the paradise city
Katherine então sentou-se junto a outra conforme ela encarava com incredulidade a cena à sua frente. Piscou sutilmente para a atendente que trouxe seu pedido e sorriu conforme retirava o pequeno garfinho fincado do primeiro sanduíche.

— Hellsing? Não faria mal a uma mosca, se quer saber. Sit. — Com o comando, a cachorrinha sentou-se e deu uma das patas para Katherine, que lhe entregou o primeiro lanche. — Bem, pelo menos não quando está alimentada. Mas... Eu já sei o que você é. Por que não está no acampamento e, além disso, por que está usando celular? É meio que um imã pra monstros.

Conforme desembalava mais um dos lanches, sorriu, estendendo o prato para a garota à sua frente. Hellsing comeu mais um e, agora que não estava desesperada por comida, deitou-se embaixo da mesa, cochilando enquanto não fosse chamada.

Where the grass is green
    and girls are pretty

armas:
× {Fear} / Adaga [Uma adaga elegante com a lâmina de um vermelho tão escuro que parece ser preto. Possui dois gumes e a ponta extremamente afiada, possuindo uma guarda de mão por esse motivo. Uma vez por batalha, durante dois turnos, aumenta em 10% a efetividade dos poderes relacionados à medo.] {Bronze Sagrado. Madeira. Couro. Magia.} (Nível Mínimo: 30) [Recebimento: If You Seek Ana, avaliado e atualizado por Eos] presa na jaqueta

{Anima Bracelet} / Bracelete [Um bracelete de contas brancas com pequeno pingente de borboleta azul. Esse bracelete pode ser ativado com o desejo mental do usuário e transforma-se em uma corrente que pode medir 10m. Essa corrente é feita de prata e ouro sagrado, bastante resiste a tal ponto de ser semi-indestrutível.  (Nível Mínimo: 1) {Sem controle de elementos} [Recebido ao ingressar no grupo dos Mentalistas de Psiquê] pulso esquerdo

{Yin Yang} / Espada [Uma espada de punho prateado e com um desenho bem talhado de uma borboleta em azul. Sua lâmina é de uma beleza diferenciada, pela divisão do cume central, metade dela possui um material negro e a outra metade é feito de prata sagrada. Seu corte é duplo e sua ponta afinada, uma espada bastante resistente. Essa arma vem em uma bainha preta com entalhes azuis em borboletas, ela se adapta ao corpo do mentalista podendo ser usada do modo que este desejar carregar a espada.] [Materiais: Prata Sagrada e Material Negro] (Nível Mínimo: 1) {Elemento: Psíquico} [Recebimento: Presente por ser mentalista] costas


× {Shock}/ Arma de choque [A arma, em uma primeira vista, parece com uma de balas, por ser totalmente preta, porém, na verdade se trata de uma mini besta vertical, que possui um gatilho. Ao ser acionado, um quadriculado vermelho amarrado por uma linha de prata, se solta e libera choques que possuem a propriedade básica de paralisar o membro acertado em 75% de seu movimento, além de causar baixo dano por sua descarga. Após ser utilizado o disparo, o proprietário da arma necessita recolocar o quadriculado de volta ao seu lugar, e necessita aguardar um turno após o fazer, para que o projétil reative sua carga.] {Aço e prata} (Nível mínimo: 20) {Eletricidade} [Recebimento: Missão "A sede por sangue", avaliada por Selene e att por Ares] cinta
poderes:
passivos:

ativos:
observações finais:
Katherine J. Villeneuve
Katherine J. Villeneuve
Mentalistas de Psiquê

Mensagens :
489

Localização :
nova iorque

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [rp fechada] star-bugging

Mensagem por Zoë Ophelia Greengrass em Qua 03 Jul 2019, 23:29

star-bugging
there's no way to rewind the story that has my name
Zoë manteve as sobrancelhas arqueadas enquanto a outra garota acomodou-se de frente para ela, e a loura afastou as sacolas com compras para dar-lhe espaço. Seja lá o que fosse, não queria deixá-la impaciente e ela não lhe dava indícios de que iria atacar, pelo menos não de imediato.

A garçonete apareceu, com aparentemente cerca de dez pequenos sanduíches enrolados com o que parecia para Zoë ovo e uma salsicha preparada de modo diferente. Não perguntou do que se tratava e também negou a comida oferecida por sua companhia.

— Hellsing? — Repetiu ela, emitindo um pequeno som de compreensão quando entendeu de quem se tratava. Era o nome dado ao cão infernal de porte semelhante a de um cachorro comum. E que também se portava como um cachorro comum, a julgar pela obediência ao comando da ruiva. — Ah... um polemiká skyliá, então? —  A julgar pela expressão e pela demora a responder da garota, Zoë provavelmente dissera algo errado. Já estava acostumada.  — Querro dizer... É um cão de guerra? — Reformulou o questionamento, cruzando ambas as mãos frente a si, a adaga agora posta no cinto, ainda pronta para ser puxada a qualquer momento. Mal tinha se recuperado do espanto e a jovem já falava como se nada de incomum tivesse acontecido – como se fosse algo típico para ela sair por aí alimentando seu companheiro de estimação com telefones móveis alheios. Zoë ignorou as perguntas feitas por ela, como se nem as tivesse ouvido.

— Você também é uma semideusa? —  Perguntou Zoë com cautela, mantendo os olhos fixos ao par de íris castanhas claras enquanto aguardava por — esperançosamente – uma resposta positiva, embora a mentira fosse sempre uma alternativa para monstros. Teria que pelo menos dar uma olhada em alguma prova concreta para confiar suficientemente nela.

Armas:
• {Half Blood} / Adaga Comum [Adaga simples feita de bronze sagrado, curta e de duplo corte. A lâmina possui 8cm de largura, afinando-se ligeiramente até o comprimento, que chega a 20cm. Não possui guarda de mão e o cabo é de madeira revestido com couro, para uma empunhadura mais confortável; acompanha bainha de couro simples.] {Madeira, couro e bronze sagrado} (Nível mínimo: 1) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: Item de Reclamação]

• {Gátessune} / Gato de Nove Caudas [Como o nome propriamente diz, esse chicote tem nove tira de couros individuais, todas presas ao cabo, com espinhos de bronze apenas na ponta, mas longas como presas afiadas, provocando um dano perfurante. Para usar essa arma requer um pouco de habilidade e cuidado para que seu dono não se machuque, as tiras são menores do que as de um chicote comum, com cerca de apenas 1m a 1,5m cada] {Bronze sagrado e couro} (Nível mínimo: 1 para filhos de Afrodite; 3 para os demais.) {Não controla nenhum elemento}

san francisco # no. 4 # with katherine villeneuve


Zoë Ophelia Greengrass
Zoë Ophelia Greengrass
Filhos de AfroditeAcampamento Meio-Sangue

Mensagens :
28

Localização :
Manhattan

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [rp fechada] star-bugging

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum
:: Topsites Zonkos - [Zks] ::