Percy Jackson e os Olimpianos RPG BR
Bem vindo ao maior fórum de RPG de Percy Jackson do Brasil.

Já possui conta? Faça o LOGIN.
Não possui ainda? Registre-se e experimente a vida de meio-sangue.

O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Página 1 de 10 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por 046-ExStaff em Dom 01 Abr 2012, 21:15


O Mar
Local Público Oficial
O Oceano Atlântico faz fronteira com Nova York. Como no Acampamento Meio-Sangue existe uma praia, ela é ligada ao Mar. Normalmente Náiades vão para o Mar Aberto brincar, sem serem proibidas por algumas restrições do Acampamento. Pode ser um local perigoso para campistas, dependendo de como eles tratarem as ninfas da água.
046-ExStaff
Indefinido
Mensagens :
1609

Localização :
Perséfone's heart ♥

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Ewan D. Pallas em Seg 07 Out 2013, 00:06




 A garota estranha  




Quíron rangeu outra vez os dentes.
 
— Ewan, Sadie. Isto pode ser muito sério. Um grupo de criaturas como essas pode ter várias finalidades, e nenhuma parece ser boa. O que vocês disseram a mim? Os monstros só são mortos com o calor? — Pallas assentiu. — Então sabemos como derrotar pelo menos alguns destes, mas não sabemos se todos são iguais ou se morrem da mesma forma. Não sabemos nada. Podemos estar diante de algo que necessitaria de ambos vocês, não só disso, mas ambos os seguidores... Mentalistas e Feiticeiros. Tenho de pensar nisso, obrigado pelas informações, mesmo. E provavelmente serão contatados em breve.
 

Os passos dos dois semideuses batendo na madeira do chão eram as únicas coisas que davam som ao local. O acampamento era uma visão bonita, mas nem mesmo isso afastava os pensamentos de Ewan. Nem dormir ele havia conseguido nos últimos dias, sempre que fechava os olhos, sentia as mãos da criatura tentando enforca-lo, e também a menina... Sadie. Ele não confiava nela, mesmo que a própria tenha salvado sua vida e vice-versa, mas mesmo assim a garota o assustava. No entanto, Quíron houvera dito que os dois estavam entrelaçados de certa forma, e Ewan teria de confiar. Ou confio, ou morro, se relembrou.  
 

— Nós... precisamos conversar. Aqui não, há muitas pessoas, e não seria bom revelar o que vimos, não por agora. — Ele tentou esboçar um sorriso, mas não pareceu se sair tão bem. — Venha, eu conheço um lugar. — Ele realmente conhecia, a praia era um lugar movimentado e cheio de campistas, mas apenas na parte que envolvia o acampamento, se você andasse um pouco mais, iria encontrar um lugar solitário em meio a Nova York. Sadie pareceu se reter a ideia, mas foi mesmo assim. Não era longe e não demoraram a chegar. Além de tudo, era um lugar bastante belo, principalmente no horário, em que a lua iluminava as águas do oceano. Líder dos Mentalistas e líder dos Feiticeiros, juntos. Era uma ideia até divertida, já que houveram casos de rivalidade entre ambos os grupos, mas Pallas talvez gostasse da garota, no entanto, duvidava.


Obs::

Bem, como Ewan apenas voltou da missão, foi a Casa Grande e depois ao mar, ainda teria as armas que levara ao Alaska, que seriam:

✣ Cartas Mágicas / Baralho. [Um conjunto de 3 cartas mágicas que ao ser lançado no inimigo causa algum tipo de efeito se tocá-lo em alguma parte do corpo. O Ás de Espadas causa uma dormência no local onde a carta toca. A Dama de Copas causa queimaduras de segundo ou terceiro grau, dependendo de quanto tempo manter o contato. O Rei de Paus causa uma alergia muito forte e bastante incomoda na parte do corpo onde está tocando. Os efeitos duram por duas rodadas e depois de usadas as cartas voltam ao seu dono] [Material: Plástico] [Nível Mínimo: 5] [Elemento: Mágico] [Recebimento: Missão - A Cartomante passada por Psiquê]

✣ Yin Yang. [Uma espada de punho prateado e com um desenho bem talhado de uma borboleta em azul. Sua lâmina é de uma beleza diferenciada, pela divisão do cume central, metade dela possui um material negro e a outra metade é feito de prata sagrada. Seu corte é duplo e sua ponta afinada, uma espada bastante resistente. Ela possui uma habilidade de ativar um segundo modo em que a espada original se divide em duas, uma de lâmina totalmente preta e outra de prata sagrada. Nesse segundo formato a sua resistência diminui um pouco, porém seu corte fica extremo, podendo cortar metais pesados e causar efeitos sobre armas sagradas. Essa espada vem em uma bainha preta com entalhes azuis em borboletas, ela se adapta ao corpo do mentalista podendo ser usada do modo que este desejar carregar a espada.] [Materiais: Prata Sagrada e Material Negro] (Nível Mínimo: 1) {Elemento: Psíquico} [Recebimento: Presente por ser mentalista]

Ewan D. Pallas
Filhos de Íris
Mensagens :
78

Localização :
Procure. u_u

Voltar ao Topo Ir em baixo

Travando conhecimento

Mensagem por Sadie Bronwen em Seg 07 Out 2013, 00:24





- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - Oferta de Paz




Revelar apenas parte do que viram não foi exatamente premeditado, mas em seu íntimo sabia que só causaria mais alarde caso o fizesse do que se simplesmente mantivesse o silêncio. Aparentemente, o garoto havia pensado o mesmo, e não foi necessária uma combinação prévia. No fim, a semideusa resgatada ficaria bem, apesar de Quíron ter questões mais preocupantes no momento. Quando foram liberados, ela ainda pensava no que fazer. Não abandonaria a descoberta recente - achava que ainda havia magia naquilo tudo, além de não conseguir identificar o que enfrentara. Queria saber o que era aquilo... E por quê!

O rapaz agia com ela da mesma forma que todos os outros - com cautela - mas era algo recíproco. Agora, sabia o que ele era - um Mentalista - e ainda que os grupos tivessem suas rusgas no passado, parecia que teriam que deixar isso de lado se quisessem resolver aquele problema - um problema em comum. Ainda assim, não conseguiu evitar medi-lo de alto a baixo quando ele sugeriu que saíssem dali, analisando-o. Confiar não era seu forte, mas talvez, como uma habilidade, confiança fosse algo a ser treinado.

Suspirou, acenando em concordância. Era óbvia por sua expressão que Ewan também não estava à vontade, mas precisavam começar de algum ponto. Seguiu-o em silêncio, com Ripper nos seus calcanhares - o que talvez não colaborasse para amenizar o clima - até que chegaram à praia. Estava de noite, e o céu limpo permitia que a lua fosse refletida na água. Algumas silhuetas se destacavam ao longe, mas ninguém que aparentasse próximo o suficiente para ouvir, ou interessado nisso. Depois de tudo, ao menos se sentia melhor em estar ali, de volta aonde seria segura - ou tão segura quanto poderia.

- Não começamos muito bem, filho de Íris... - Ela poderia dizer o quanto era inábil nisso, ou repetir as informações que Quíron já havia passado - que ela era uma feiticeira, filha de Melinoe, treinada no Acampamento antes de ir para a Ilha de Circe e acabar responsável pelo grupo, mas era inútil. Apenas respirou fundo, entendendo a mão como forma de cumprimento. - Mas vamos ter que superar isso...

Era uma oferta de paz - ou a melhor que poderia fazer. Dependeria dele aceitar ou não, dependeria dele responder se poderiam trabalhar juntos. Ela o encarava, esforçando-se para manter os olhos na tonalidade normal, para não invadir o espaço com seu poder. Poderia se esforçar para sorrir, mas o resultado não seria dos melhores. Apenas manteve a expressão serena e a mão no ar, aguardando.


Equipamentos:
— {Agony} / Corrente [Corrente feita de bronze sagrado (muito porém tenha uma coloração esbranquiçada, o que sugere uma segunda camada de prata) com cerca de 2,5 m; o punho é feito de aço frio. Essa arma é abençoada pela deusa dos fantasmas e possui certos atributos, os quais são um controle de invisibilidade e intangibilidade. Ambos só podem ser utilizados uma vez por missão, e há gasto de energia de, mais ou menos, 80%. Sendo assim, você pode atacar um inimigo utilizando seu controle de visibilidade para que ele não veja seu ataque, e utilizar o controle de intangibilidade para desobstruir qualquer defesa física, como escudos.A corrente tem cravos de bronze sagrado, e nas extremidades pontas afiadas,como pequenas adagas.Na lateral de cada extremidade, há ganchos, que podem ser usados para enlaçar o inimigo, ou para auxiliar em uma escalada. [Presente de Melinoe][Melhorado por Pio]{Θ} {Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 5) {Controle de Espaço/Matéria} [Recebimento: Presente de Reclamação de Melinoe]

— {Legion} / Colar [Um colar feito de topázio com um pingente em uma forma abstrata, algo como um "borrão" ou uma "mancha". Uma vez por missão e, unicamente em batalha, esse colar pode ser usado para recuperar 20MP, consumindo 20 HP do ,seu oponente. Todos os corpos que são destruídos pelo filho (a) de Melinoe (ou seja, a cada morte que este provoca), tem sua alma capturada e armazenada neste colar. Há cada essência de alma absorvida por essa corrente tornará mais forte o ataque do filho de Melinoe.] {Topázio} (Nível Mínimo: 1) {Controle de almas - Almas Coletadas: 12} [Recebimento: Presente de Reclamação de Melinoe]

• Lentes do Auspício [parencem lentes de contato comuns, incolores, mas quando colocadas permitem ao usuário identificar as auras daqueles dentro do seu campo de visão. Com isso, pode-de identificar pessoas comuns de monstros ou semi-deuses, tendo também o sentido do seu nível de poder, de acordo com a intensidade da aura, mesmo sem definir suas habilidades, apenas o conhecimento do seu nível de força. No caso de semi-deuses, identifica o pai/ mãe e o patrono do grupo, nos casos em que se aplicam. Não necessitam de ativação, mas após cada uso precisa de um período de 6h de descanso, como se fossem lentes normais]

• Calçados alados [Calçados alados que podem virar o calçado que Sadie quiser. Sempre tem um par de asas, inquebráveis, na parte dos calcanhares. Impossíveis de serem roubados ou perdidos, a filha de Melinoe pode voar com eles mesmo sem experiência, pos eles ajudam-na]

• Elo de Ares [Esse anel foi feito a partir de uma peça da lança do deus da guerra. Seu uso possibilita ao semi-deus transformar qualquer arma que esteja segurando em outra arma qualquer, além de lhe oferecer as perícias mínimas para seu manuseio. Armas de longa distância terão a munição criada magicamente. Não adiciona atributos a nenhuma arma, considerando apenas os atributos já presentes na arma original, e se aplica somente a uma arma por vez. Não pode ser roubado ou perdido, sempre retornando de alguma forma à Sadie]

• Hollow[Escudo de bronze sagrado, com ganchos para uma corrente, de forma a prendê-la de duas maneiras diferentes.Pelo centro, com a corrente saindo por um lado do escudo,ficando uma única extremidade solta, ou pela lateral, deixando uma ponta livre de cada lado para o ataque. Os ganchos tem travas de segurança internas, de modo que a corrente possa ser presa ou solta de acordo com a vontade do usuário, mas não se soltasse com o tranco ou puxão de um oponente; o escudo também teria uma fivela para prendê-lo ao braço do usuário, dando um suporte maior, não escapando facilmente da mão a menos que a braçadeira do mesmo seja danificada de alguma forma.Tem uma cabeça de dragão esculpida na frente, e escamas nas laterais.]{Θ}

— Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

• Amuleto do espectro [Amuleto que permite acessar o poder especial "Forma etérea"]

pet:
Cão infernal - Ripper

   Dados de um cão infernal, retirados do bestiário:
   Cão Infernal.
   Nível de Periculosidade: XXX
   Cães Infernais são grandes cachorros do submundo. Possui pelos negros, olhos vermelho-sangue. Também é reconhecido por possuir uma tamanha força, velocidade e uma habilidade extraordinária de desaparecer e reaparecer pelas sombras. Uma outra habilidade que caracteriza o Cão Infernal, é o seu poder de viajar pelas sombras, podendo levar consigo um acompanhante. Essa habilidade faz com que o cão fique muito cansado, dependendo da distância percorrida pelo teletransporte pelas sombras.

Poderes:
Considerar todos os passivos de Melinoe e Feiticeiras até o nível 54, + Os poderes especiais Voyd's eyes e Forma etérea




Narração- Fala •  "Pensamentos


SHINJI @ OPS!
Sadie Bronwen
Feiticeiros  de  Circe
Mensagens :
316

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Rafaella Crockford Gauth em Seg 07 Out 2013, 00:45

Encontro planejado

Quando você descobre que é um semideus e vai para o AMS, sua vida muda para sempre. A vida de Rafaella havia mudado muito desde que a semideusa chegara naquele local. Várias mudanças ocorreram, mas a pior delas era aceitar o fato de que as pessoas não permaneciam em sua vida. Muitos amigos da semideusa haviam sumido há algum tempo. Alguns decidiram sair do acampamento para se aventurar, outros foram buscar respostas sobre suas vidas, mas a realidade era que poucos mandavam notícias.

Susana, por exemplo, havia sumido há algum tempo. Rafaella e Christopher fizeram de tudo para encontrar a filha de Afrodite, mas não obtiveram resultados. Só Zeus para saber o que havia acontecido com aquela garota. Outra pessoa que deixava saudades em Rafaella era Sophia, outra filha de Afrodite que também não aparecia há muito tempo... Entre muitos outros amigos, Rafaella sentia uma grande falta de sua irmã Khristie. Quando chegou ao acampamento, Khristie praticamente a acolheu como se já a conhecesse. Teve a paciência de explicar a semideusa como funcionava tudo ali dentro, foi uma verdadeira irmã. O porém dessa história toda é que Khristie resolveu sair do acampamento. O motivo? Rafaella não sabia, mas naquele dia algo lhe deu uma certa esperança...

Ao acordar, Rafaella recebeu uma mensagem em seu iPhone - presente de aniversário de Khristie -, dizendo que Khristie a encontraria em uma praia que ambas já conheciam. Essa praia, na verdade, era uma continuação da praia do acampamento, mas poucos semideuses sabiam disso. Esperançosa, Rafaella decidiu que iria a esse encontro. Sim, lógico que a semideusa sabia dos perigos que poderia enfrentar, mas para matar a saudades que tinha de sua irmã, correr o risco valia a pena.




O dia estava entardecendo quando Rafaella estava chegando no local onde sua irmã supostamente deveria estar. A garota voava em seus tênis alados e brincava com Pio, que estava entrelaçada em seu braço esquerdo. Ao chegar na praia, Rafaella percebeu a presença de duas pessoas conversando baixo. O sol estava se pondo e a garota resolveu se aproximar.

- Hum, olá. - disse, parando atrás das duas pessoas.



Observações

• Usando: Usando ISSO (Clica)
• Rafaella levou:
☤ Pulseira da Natureza: Quando o campista estiver correndo risco de morte e estiver muito ferido, a natureza ao seu redor, seja ela de qual especie, dará sua energia para curar a dona da pulseira deixando-a com energia e saúde recuperada em 50% , em compensação a natureza ao seu redor morrerá. [Dois usos por missão][Indestrutível][ By Deméter] {Pulso direito}
☤ Calçados de Espiã Alados [Um par de calçados de qualquer forma, porém negro, ou seja, da mesma cor que o Traje de Espiã. Tem asas negras, em vez de brancas, nos calcanhares. Voos realizados com esses calçados são mais rápidos que os comuns, além de proporcionar para a semideusa, estando voando ou não, mais velocidade naturalmente. Outro diferencial é que os calçados, não importando o formato, não machucam, não deixam cansar (ou seja, pode andar quanto quiser que nunca vai cansar, se estiver usando eles) e não fazem nenhum barulho, sendo completamente silencioso. Os calçados são indestrutíveis. Quem tocar os calçados sem a autorização de Rafaella tomará um choque que o fará ficar desmaiado por 3 turnos][By: Hermes] {Pés}
☤ Cantil Mágico [Cantil atribuído com a benção de Dionísio; contém vinho inacabável e recupera 10HP/EN por missão] [Presente de Dionísio] {Pendurado na cintura}
☤ Marilene [Um anel em formato de uva, que quando sugado, libera uma grande dose de vinho que fica a critério de Rafaella. Só ela pode usufruir desse anel.][By.: Katherine B. Angelline] {Polegar esquerdo}
☤ Espada dos ventos [Esta, quando não está nas mãos da filha de Hermes, transforma-se em vento e só pode ser usada pela garota, sendo convocada quando ela quiser. Tem uma lâmina de 90 cm feita de bronze sagrado, e é semi-indestrutível. A única possibilidade de ela não ser mais de Rafaella é a dona ser morta pelo novo dono][Contagem de Almas: 0] {Pode ser convocada}
☤ Adaga Envenenada [Uma adaga indestrutível, feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento][By: Hermes] {Na cintura}
☤ IPhone Explosivo [Pode ser utilizado como um celular comum por Rafaella; o mesmo possui uma frequência especial de comunicação, sendo praticamente impossível que um monstro a encontre - a menos que ele esteja muito perto. Um dos aplicativos instalados nele é o da explosão: a campista programa-o como quiser, e, dentro do tempo desejado, ele explodirá (o aparelho é indestrutível, apesar de tudo).]{Opções de explosão: gás lacrimejante, granada comum, granada de fogo, granada de luz, bomba de gás, bomba de gás de sono, bomba de gás do riso}{Presente de Níver atrasadinho da tia Athena que a ama muito, em parceria com Khris, sua Mana preferida}{Bolso direito do shorts} 
Rafaella Crockford Gauth
Filhos de Hermes
Mensagens :
436

Localização :
Onde você menos espera!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Khristie Lian em Seg 07 Out 2013, 01:44


Tuntz tuntz na praia ~



Andava de avião desde a noite anterior, e já estava toda dolorida pela posição ruim na qual dormia. Viajava em direção à Nova York, pois a cidade ficava próxima à divisa com o Canadá, e ficaria mais fácil alugar um carro e ir para Toronto. Minha ‘casa’. Desci pelo saguão de desembarque e nem esperei na esteira por minha bagagem – afinal, tudo o que trazia comigo cabia em uma mochila pequena. Olhei para meu celular, mal passavam das seis da manhã. A foto de fundo de tela era uma minha e de minha irmã Rafaella do ano passado. Guardei o celular no bolso e logo tornei a pegá-lo. Digitei uma mensagem rápida para garota, pedindo que me encontrasse naquela noite na praia próxima ao camp. Melhor pra mim, mais perto pra ela. Impulsivo, eu sei, mas se eu pensasse demais, não a chamaria para conversar. Estava com saudades e devia explicações pelo fato de eu ter dado um chá de sumiço e fugido do Acampamento e, também, precisava visitar uma certa pessoinha lá dentro de qualquer maneira. Não é como se eu fosse ser proibida de entrar no local, acho que somente Quíron sabia onde eu havia ido. Fiz planos para a noite enquanto passeava pela Times Square, sentindo saudades do local e visitando as lojas, não sem antes jogar meu celular antigo no lixo do aeroporto e fugir. Não queria ninguém no meu encalço, e se misturar em um local onde mais de mil pessoas ‘normais’ estavam é uma ótima maneira de se esconder das criaturas do submundo.



Só percebi que eram seis horas da tarde porque meu relógio apitou, lembrando-me de um compromisso já velho demais para ser lembrado. Eu só não sabia resetar aquela porcaria. Ele sempre apitava no mesmo horário, nem lembrava mais o porquê. Levantei-me da mesa do café onde estava, chamei um táxi e pedi que me levasse à Long Island, onde havia uma fazenda próxima ao Camp. Paguei adiantado – poxa, eu gosto de pagar pelos serviços que uso, roubar cansa às vezes – e quase dormi no banco traseiro. Quando chegamos, já era noite e o céu estrelado que não via há mais de um mês me fez ter vontade de abandonar tudo e voltar correndo para minha antiga casa. Agradeci pela viagem e esperei que o motorista já estivesse longe para poder dar um impulso com meus pés e planar a alguns metros do chão. Não queria atravessar a floresta à noite, e precisaria fazê-lo caso quisesse chegar à praia. De jeito ou maneira entro em um lugar escuro essas horas da noite.  Senti vontade de conversar com Julieta, mas lembrei-me que ela estava em Toronto. Sentia falta da minha bichinha, ela era praticamente uma irmã minha já. Uma irmã ofídica, bem legal e sarcástica. Um amor de pessoa – digo, cobra.

Assim que aterrissei na areia, ouvi vozes. Saquei minha adaga e quase perguntei quem eram, se não os reconhecesse do Acampamento. Uma menina, um rapaz, e Rafa. Sorri ao vê-la e corri para abraçá-la.

- Manaaaaa, que saudades! – disse, soltando-a. Acenei para os outros dois, dando um boa-noite educadamente.

- Não sei se me conhecem, mas sou Khristie. Chalé 11. Bom, era, agora estou fora do Acampamento.

Olhei para os garotos e só então a ficha caiu. Era um menino e uma menina. Rafa com certeza era de fora, não parecia ter vindo ali com os outros dois. E se eu estivesse atrapalhando algo? Olhei apreensiva para minha irmã mas, como ela não esboçou reação, deixei pra lá. Já tinha estragado o encontro dos dois de qualquer maneira, não é como se eu pudesse fazer algo pior.

- E aí, que conta de novidades, mana? Algo legal tem acontecido por aqui? – perguntei, largando a bolsa no chão e deixando comigo apenas as adagas.


Observações;

Armas


 {Quick Cut} / Adaga ▬ [Uma adaga feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento. Vem junto de um pequeno suporte (bainha) adaptável à cintura, pernas ou tornozelos] {Prata} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]

 {Titanium} / Adaga  [Feita em titânio sagrado. Sua lâmina é cromada e super afiada. Ela é levemente  encurvada, lembrando o formato de uma parte de um arco. É super-resistente, sendo difícil quebrá-la. Sua lâmina é encantada com uma chama amarelo-esbranquiçada; onde ela encostar, resultará em queimaduras leves à moderadas. O cabo é feito com tiras de couro negras trançadas.) {Titânio sagrado, couro}(Nível mínimo: 10) {Elemento: fogo} [Recebimento: Compra em forja "{§}"] 

 Armadura Completa Alada de Prata Celestial / Tênis Alado ▬ [Armadura completamente indestrutível, protege todos os pontos do corpo de Khristie, sem deixar quase nenhuma brecha. Para penetrar a Prata, é necessário o uso de golpes muito fortes. O peso da armadura não se faz sentir por magia, sendo a mesma coisa de que estar nua (em relação à liberdade de movimentos). Possui asas pequenas indestrutíveis nos calcanhares. Quando não está ativa, são Tênis Alados Nike, também indestrutíveis, mais comuns. Neles estão gravados, em tinta dourada e belo desenho, todos os momentos bons e de batalha pelos quais Khristie passou. Qualquer um que tente roubá-lo da semideusa virará pó, morrendo na mesma hora]{Armadura: prata}(Nível Mínimo: 20) {Não controla elementos}[Recebimento: missão "Shut up and pass the money!"]

 Pulseira de ouro / Escudo  ▬ [O bracelete é de ouro, Suas argolas são finas, delicadas, porém resistentes. Ligados à alguns destes aros há pequenos corações, também dourados. Há um maior, porém: nele pode-se ver um pequeno rubi encrustado. Ao puxar tal pingente, a pulseira transforma-se em um escudo de ouro. Sua parte externa é decorada com pequenos corações em alto-relevo. Na parte interna lê-se: "Esteja onde estiver, sempre vou te proteger".]{Ouro, rubi}(Nível mínimo: 12) {Não controla elementos} [Presente de aniversário de Dynan Folk (2011)]

 Colar de Cristal da Luz ▬ [Um colar de prata simples, com uma pedra semelhante ao diamante como pingente. O cristal possui cerca de 5cm de diâmetro; a menor ordem do usuário, este pode brilhar intensamente, como um arco-íris. Seu brilho é hipnotizante, fazendo com que o oponente perca o foco]{Prata, Cristal de Luz}(Nível mínimo: 10){Controla MI}[Recebimento: Missão "O Rapto"]

 Par de Brincos de Esmeralda ▬ [Brincos feitos de titânio, com uma esmeralda pendendo em um pequeno elo de prata. Leves e indestrutíveis, diminuem o cansaço do usuário em 10%, além de possibilitar a utilização de algum poder dos filhos de Apolo de acordo com o nível do usuário, com 70% de poder reduzido. A esmeralda muda de cor de acordo com o humor de seu usuário, mas a maioria das vezes é de um verde magnífico. Pode ser invocado uma vez por missão se sua dona chamá-lo.] {Esmeralda, prata} (Nível Mínimo:20) {Controla, em menor escala, os poderes dos filhos de Apollo} [Recebimento: Presente de Dammyen H. pelo aniversário (2012)]


Poderes Passivos



Sentir Aproximação ▬ Assim como as serpentes pressentem a aproximação de suas presas, os filhos de Hermes também adquirem o sentido que sempre lhes deixa a par da aproximação de outras criaturas na área em que se encontra. A extensão da mesma é definida pelo seu nível, sendo que a cada nível a partir do 5, 1 metro de extensão é adicionado. 

Neutralidade ▬ O filho de Hermes não é afetado por magias que alterem seu estado de espírito (alegre, feliz, triste, raivoso, etc.) do seu nível ou inferior.



Khristie Lian
Filhos de Hermes
Mensagens :
188

Localização :
EUA/NY ~~~ Canada/Toronto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Kaan Martinez em Seg 07 Out 2013, 02:18


Esbarrando em NY.
Oi. Sou Hiccup!

Estava pensativo. Desde a manhã, eu fazia meus afazeres avoado, sem prestar atenção direito no que exatamente acontecia ao meu redor. Ao perder uma forja por desatenção, decidi que não iria trabalhar mais naquele dia. Fechei a forja e rumei para nenhum canto em específico, não ligando para onde minhas pernas me levariam dessa vez. Existiam muitos motivos de estar daquela forma. A monitoria - que ganhei no dia anterior -, o pedido de Dionísio - já que o solstício já estava chegando - e o fato de minha mãe estar desaparecida eram alguns exemplos.

μαντείο, meu filhote de raposa albina, veio comigo. Ele gostava de ficar fora da forja, por causa do calor excessivo que fazia dentro, e quando viu que eu sairia do local, resolveu me seguir. Ao ver que ele estava logo atrás de mim, sorri e diminui meu ritmo, para poder ficar lado a lado com a raposinha. Andando dessa forma, logo cheguei a praia. Sorri ao notar que ainda não tinha andado pela praia toda.

- μαντείο, vamos apostar uma corrida? Quem chegar primeiro até o fim da praia ganha!

Não sabia se a raposa tinha entendido o que eu disse, mas, ao começar a me distanciar, o filhote resolveu correr também.

**

Exausto, tinha chegado a uma parte urbanizada. "New York", presumi. Notei quatro indivíduos reunidos em um grupo, meio que conversando. Pensei em dar meia volta e voltar para o acampamento, mas μαντείο estragou meus planos de pensamento, correndo até o grupo de pessoas. Revirei os olhos, choramingando, e corri atrás da raposa, gritando seu nome. O filhote entrou no meio do grupo e começou a olhar para todos os indivíduos com seus olhos de pidão.

- Desculpem. É que ele é meio agitado. - disse.

Reconheci uma das pessoas do grupo: Rafaella, a garota que tinha me pedido uma maleta.

- Ahn... Sou Hiccup, para quem não me conhece. - disse, pegando μαντείο nos braços. - Acho que devo me retirar, certo?

Armas e Pet:
Armas:
— {Constructio} / Martelo [Martelo de ferreiro feito em titânio resistente ao fogo] {Titânio} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hefesto] (Amarrado na cintura de Hic)
- {Pyro} / espada [espada feita em prata sagrada com o cabo de bronze tingido em vermelho. Quando seu usuário entra em extrema ira, a lamina desta arma inflama em fogo, deixando-a mais forte.] {Prata Sagrada e Bronze} (Nível Mínimo: 10) {Controle sobre o fogo/ofensivo , empatia/pessoal} [Recebimento em missão com Ares](Bainha também amarrada na cintura de Hic)
Colar protetor [O item parece comum, mas ativado transforma-se em um escudo de bronze sagrado de tamanho mediano e formato circular. As bordas e acabamento são meio tortos - amadores - mas ainda assim cumpre com suas funções.][Bronze sagrado, sem elemento, nível mínimo 1][Recompensa de Missão: Aprendiz? - por Eos](Transformado em colar, no pescoço de Hic)

**
Pet:
{μαντείο} Filhote de raposa albina [100/100]
Kaan Martinez
Filhos de Hefesto
Mensagens :
657

Localização :
Para me encontrar, você precisa trazer ouro imperial. Ai, terás de descer até o fundo do mar e procurar um gigante que me conheça. Depois, suba novamente a terra e siga as direções desse Gigante. Talvez você me encontre, talvez não.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Anthony Romanov em Seg 07 Out 2013, 09:16




Again...


Chaos parou a sua viagem em uma praia que até então era desconhecida para mim. Ao menos, eu sabia que estava em Nova Iorque, porém, precisava me localizar antes. A praia estava totalmente vazia, tirando cinco pessoas que interagiam entre si. As auras dessas cinco eram poderosas. Por ironia do destino, eu havia encontrado um grupo de cinco semideuses poderosos pela segunda vez naquele dia.

Porém, dessa vez eu conhecia ao menos uma pessoa do grupo. Rafaella havia roubado um carro para mim nos meus primeiros dias de acampamento. Não sabia direito se era seguro me aproximar do jeito que eu estava, então retirei a minha máscara e a guardei na mochila que vinha em minhas costas. Ainda receoso, dei alguns passos na direção do grupo, mais precisamente na direção de Rafaella. Chaos fez uma outra viagem nas sombras para longe de mim, para evitar problemas.

Totalmente desarmado, embora eu estivesse com todas as armas que possuía, eu cheguei ao grupo. Reconheci então outra garota e me senti mais confortável: Sadie, a líder dos feiticeiros de Circe estava naquele local. Eu não a conhecia, realmente, mas sabia quem era ela. Olhei em volta, havia também outros dois garotos e uma garota, todos com auras mais fortes que a minha.

- Olá, Rafa, se lembra de mim? - Perguntei, pois não sabia exatamente como iniciar um diálogo com todos aqueles semideuses juntos.

Armas levadas:
O garoto está com todo o arsenal, pois está viajando para um novo local:

- Faca de Bronze [Inicial]

— {Graveolentiam} / Lança [Amplia o poder mágico. Quanto ativada, assume a forma de uma lança de ouro envolta em uma aura de magia, a extremidade de baixo é tão afiada quanto uma lança comum, mas a de cima é ornamentada com pedras e runas mágicas, exalando poder. Desativada, assume a forma de uma caneta, sempre guardada em conjunto com o grimório] {Ouro} (Nível Mínimo: 1) {Controle sobre a Magia; defensivo e ofensivo} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hécate]

— {Athar} / Grimório [Necessário para realizar magias, é um livro encadernado em couro e metal, com páginas infinitas - a cada nova habilidade aprendida, o encantamento aparece automaticamente escrito nele. Indestrutível. Assume o formato de uma agenda com espaço para guardar uma caneta - a lança em sua forma simples e ambos sempre retornam ao bolso do filho de Hécate] {Metal e Couro} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hécate]

— {Aeneum} / Bolsa [Bolsa de componentes mágicos necessários para herbologia, venenefício e alquimia. É um saquinho de veludo negro com cordões, com um fecho em forma de caldeirão. A sacolinha contém os componentes para a nova habilidade de Herbologia, inclusive os frascos, e o caldeirão do fecho se transforma em um de tamanho real, com uma concha de metal para uso do filho de Hécate. Tem a mesma propriedade de indestrutibilidade dos outros itens, além de sempre retornar ao filho de Hécate, mas no caso ao seu chalé — perdê-lo em missão impede seu uso até retornar ao acampamento] {Veludo} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hécate]

-Lâminas do Caos [Duas Hidden blades feitas de prata, que saem de um bracelete também de prata com o entalhe de uma fênix e as iniciais dos nomes Irene e Ralph. Uma vez por missão, libera um veneno que paralisa o membro tocado.]

- Fênix [Espada de bronze sagrado no estilo paladino. A guarda tem forma de asas e no pomo um rubi. O rubi tem aprisionado dele a alma de uma fênix que encanta a arma para que cure o dono com 5% do dano causado e cause queimando 5% de bônus de dano causado a cada 3 rodadas.]

- Wabizuke[Espada feita de prata, com a ponta curava, de modo que fica quase impossível cortar usando ela. Sua habilidade consiste em dobrar o peso de qualquer coisa atingida por ela, seja objeto ou ser vivo. Ou seja, uma pessoa de sessenta e quatro quilos, tocada por essa espada pela primeira vez, ficaria com cento e vinte oito. Ao segundo toque, ficaria com duzentos e cinquenta e seis, assim por diante. Seu efeito dura por até 3 rodadas após o toque]

- Máscara do Pânico. [Um elmo de ferro estígio, há um desenho de caveira nele. A mandíbula fica na parte em que é possível levantar para mostrar rosto, porém, nessa parte, está uma máscara aterrorizante feita de magnésio sagrado(não queima) na mesma tonalidade do elmo, assim, parece que a caveira está rindo. Quando o usuário desejar, o elmo emite pânico no oponente por duas rodadas, mas depende de seu nível(semideus) ou força(monstro). A máscara possui função telescópica, devido a uma lente que fica no olho esquerdo da mesma, permitindo seu usuário ver objetos distantes, e inimigos a longa distância. A lente alcança até quatrocentos metros.]

- Armadura grega sem peitoral[ contém um elmo espartano sem a crina, com o desenho de uma naja pronto para dar o bote na testa, o símbolo do lanterna verde na lateral direita e o símbolo dos lanternas azuis na lateral esquerda, juntamente com dois antebraços com duas lâminas estendidas após o cotovelo e soco inglês no suporte das mãos e duas grevas que contém lâminas que se estendem 5 cm após o joelho. Em repouso, vira uma capa negra e desbotada, com um capuz dessa mesma forma.]

— Cajado Mágico [Feito em madeira reforçada com ouro negro, contém como gema mágica um rubi no alto do item, circulada por duas lâminas, como garras que mantém a pedra topo. É leve e resistente à magia, capaz de guardar e soltar de uma vez só rajadas de energia mágica (dependentes de feitiços, obviamente). Executa habilidades mágicas com maestria, recebendo assim a benção de Circe, a deusa da magia, ou seja, qualquer poder executado a partir deste item resulta em uma diminuição na taxa de MP — -4% na conta/-3 à 8] [Madeira; Ouro Negro; Rubi;] (Item de Feiticeiro) {Controle Mágico} [Presente de Reclamação por Circe]

— Relíquia Mágica [Colar simples e básico, podendo ser levado e escondido em qualquer lugar. Sua corrente é de prata negra, e cintila à noite. Seu pingente é em forma de pentagrama, feito de diamante. Duas vezes por missão e durante 2 rodadas, tendo no mínimo uma rodada de intervalo cria uma barreira mágica de cor roxa, esta cobre todo o feiticeiro. Protege contra ataques mágicos – principalmente - e ataques a longa distancia – lanças, bumerangues, correntes, flechas etc.; ataques diretos não são repelidos][Prata Negra; Diamante;] (Item de Feiticeiro) {Controle Mágico} [Presente de Reclamação por Circe]

☤ Dois pares de asas de Empousa [Quando encostar essas em suas costas, irão se conectar a sua pele e poderás voar como uma delas]

♦ Piège [Uma corrente de 2,5 metros, desses 0,5 são prata e o restante bronze Sagrado, a corrente contem farpas ao seu decorrer, as mesmas são feitas de prata, a mesma se transforma em um bracelete-cobra que ao ser acionado a corrente desliza até a mão do usuário.]

♦ {Hell Hound} / Espada [Uma espada medieval que possui um metro e trinta e cinco de comprimento, sendo que destes, noventa e cinco são de lâmina. É bastante afiada, feita de aço temperado e em seu punho, madeira. A guarda possui trinta centímetros de ponta a ponta, e no seu centro existe a figura de um corvo, um símbolo de Hécate. O seu pomo, feito de aço, é composto por duas faces de cães infernais juntas, representando Chaos e Nightwing. A espada foi feita para ser leve e de fácil manuseio, embora também seja forte. A espada também foi criada para aguentar os elementos sobrepostos a ela. Quando em repouso, se transforma em um anel com a cabeça de um cão infernal.] {Aço} (10) {Não controla nenhum elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

Poderes:
Considerar os passivos que possam ter relevância dos filhos de Hécate e feiticeiros de Circe até o nível 19. Considerar o poder especial Melinoe's Curse.


Anthony Romanov
Feiticeiros  de  Circe
Mensagens :
234

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Alexia Sinclair em Seg 07 Out 2013, 11:26


We can be heros, just for one day
Final de tarde · NY · Vestindo (Aqui) · Post 1 · ---


Depois de retornar de minha última missão eu tinha optado por permanecer no Acampamento Meio-Sangue. Respirar o ar grego parecia uma boa ideia para tentar esquecer a perseguição nórdica. Além de que, para surpresa e choque de muitos, eu era a monitora do chalé de Hécate. Uma nova babá para os filhos da magia, ao menos era assim que meus pensamentos irônicos gostavam de colocar a situação.

Naquela final de tarde eu havia decidido tomar um pouco de tempo para mim. Vesti a minha blusa do Batman, gostava dele pelo ar sombrio que Bruce Wayne sempre carrega, um short qualquer e havaianas. Minha pretensão era apenas de fazer uma caminhada pelo acampamento, para tanto peguei meu iPod para poder distrair a mente sabendo que iria escutar murmúrios e receber olhares estranhos e desconfiados. Não os culpava, mas não incomodava menos. Assim que sai do chalé, levei dois dedos aos lábios e produzi um assovio alto o suficiente para chamar um pouco de atenção dos campistas que passava. De uma sombra ao lado do chalé saltou um mini cão infernal. Sim, mini, pois seu tamanho era reduzido ao de um rottweiler um pouco maior que o normal mesmo Heartless sendo um cão infernal adulto. O animal em todo seu porte de caçador aproximou-se de mim e sentou a minha frente como se esperasse por uma ordem.

-Vamos dar um passeio – falei para ele enquanto aplicava um carinho embaixo de sua orelha – Você está ficando obeso sabia?

O cão grunhiu baixinho e eu sorri de sua resposta preguiçosa. Prendi meu iPod no short, ajeitei os fios do fone por dentro da blusa e os coloquei no ouvido. Bastou eu pensar em uma sequência de músicas e o som era reproduzido. De maneira despreocupada me espreguicei e comecei a andar em direção à praia, sendo escoltada por um cachorro negro e de olhos vermelhos.

(...)


Quase quarenta minutos depois do inicio de minha caminhada eu já me encontrava em um ponto afastado da praia do acampamento. Sabia que logo cruzaria a fronteira entre o mundo humano e o lugar protegido pela barreira do acampamento. Heartless ia correndo a frente, brincando com as ondas do mar. Como era inicio de noite já não havia ninguém ali e isso era reconfortante. Ao menos era pelo que eu estava esperando.

O cão infernal parou e começou a rosnar baixo, olhando para algum ponto um pouco mais a frente. Franzi meu cenho e encarei o horizonte a minha frente até perceber alguns vultos, um grupo de pessoas que deveriam ter entre cinco a sete pessoas. Assoviei para chamar Heartless para perto de mim e logo o cão obedeceu. Parei por alguns segundos cogitando a ideia de me afastar, afinal minha presença parecia causar certo impacto... Mas desde quando eu me importo com isso? Dei de ombros e continuei a caminhar de maneira despreocupada até me aproximar do grupo o suficiente para reconhecer alguns membros dele.

-Estão fazendo uma festa? – falei alto o suficiente para chamar a atenção, meu tom era definitivamente irônico, assim como o sorriso que surgiu em meus lábios era debochado – Porque está faltando a música, as bebidas e definitivamente a diversão.

Aquelas pessoas eram poderosas, qualquer um poderia sentir. Porém mais que isso, eu sabia que eram experientes. Khristine ou Khristie, já não me recordava bem do nome dela, mas seu rosto me veio com a lembrança da época da guerra. Sadie, a conhecia da Ilha de Circe e segundo as informações de lá, ela deveria ser a nova líder e brinquedinho favorito da minha meio-irmã. E havia o garoto, o tinha encontrado antes em um encontro incomum como o que acontecia ali, além de ser meu meio-irmão.

Aquele encontro seria no mínimo inusitado. Já estava sorrindo em extrema curiosidade do que iria acontecer, já que estava – provavelmente – interrompendo algo.



Informações:
Itens levados
• iPod Shuffle em forma de Caduceu [Tem a música que o dono quiser, indo diretamente para ela. Impermeável e Indestrutível][Presente de Natal de Lord Hermes]

Mascote
Mini-Cão Infernal(Heartless)[200/200] (Presente de Hécate]

Poderes
-x-


P. Flintstones.
Alexia Sinclair
Filhos de Hécate
Mensagens :
488

Localização :
Se me encontrar posso ser a última coisa que veja

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Nerezza D. S. Etternavn em Seg 07 Out 2013, 12:19


I will carry your world
we're about to explode

Enterrado na areia, na beira do mar, existiam milhares de conchas distintas. Mas naquela noite, Nerezza havia recebido o pequeno desafio de encontrar uma específica para um fantasma. Ele fora um antigo marinheiro do exército, e por esse fato não pode recusar o seu pedido. Infortunadamente, era relacionado com o seu pai, o único fantasmas que não conseguia e jamais poderia ver. Ele era do exército norueguês, e morreu em serviço.

Por esse desafio imposto, ela estava fora do chalé, passando entre os troncos altos da floresta do Acampamento. Enquanto andava, suas orbes estavam viradas para o céu noturno, fixados nas estrelas. Será que existia algum tipo de padrão entre elas? Nerezza se indagou, mas deixou a questão para trás, balançando a cabeça e seguindo em frente. Haviam perguntas que simplesmente permaneciam sem resposta, e de nada influenciavam na vida das pessoas. Como aquela, por exemplo.

Nerezza tinha uma de suas espadas em mão, a Espada Etérea. Sua experiência no Acampamento lhe dizia que andar desarmada era perigoso. Ela era de cristal, e a pedra brilhava baixa o luar. De vez em quando, chutava a parte de baixo dela, que quase chegava a roçar no chão. Enquanto a mão direita a segurava, a esquerda foi até o pescoço, onde sentiu dois colares, ambos dados pela sua mãe. Eles lhe lembravam do fardo – ou talvez, quem sabe, no fundo sorte? – que havia recebido ao nascer sendo sua filha.

Mas nada havia o que fazer sobre o seu destino semideus, apenas segui-lo cegamente por um caminho cheio escuro de vidro.

Quando Nerezza atingiu o fim da trilha, ouviu o som do mar e o de vozes. O segundo barulho fez com que seus passos diminuíssem o ritmo, que seus ombro se erguessem um pouco, mas que no fundo uma parte de seu interior se retesasse. Ela perdeu a bainha da espada, se preparando para caso algo ocorresse. Viu Isaac, o espectro amarrado ao seu colar, com os olhos azuis brilhantes baixo o céu noturno, assentindo para que ela avançasse independente da presença de estranhos.

Nerezza atingiu a praia, se deparando com um grupo grande de semideuses. Ela observou os seus rostos e suas mãos com rapidez, registrando quem eram e se carregavam alguma arma. Entretanto, sua análise foi interrompida quando localizou Rafella Gauth, a monitora do chalé de Hermes e, felizmente, uma amiga sua.

Cautelosamente, começou a andar até ela, enquanto olhava o seu redor, observando os indivíduos presente mais uma vez. Percebeu que não conhecia muito nenhum deles, embora tivesse visto parte deles pelo Acampamento. Entres o mar de estranhos, reconheceu Alexia Sinclair, uma poderosa feiticeira e atualmente líder do chalé de Hécate, e Sadie Bronwen, uma de suas irmãs. Percebeu, com um ímpeto de culpa repentino, que nunca havia se relacionado muito bem com seus meio-irmãos.

Rafaella falava com uma garota, que também aparentava ser prole de Hermes pelos objetos que carregava, e um garoto, que lhe era desconhecido. Ela engoliu em seco, tentando formar palavras para se apresentar. Se deu conta, então, com era ruim naquilo.

— Olá. — disse, surpreendendo a si mesma. — Eu sou, hmn, Nerezza, filha de Melinoe.

Então seu olhar se voltou para Rafaella, buscando por conforto. Subitamente, também se deu conta de que não havia visto nenhuma aranhas àquela noite. Vou de longe Isaac no fim da praia, observando os acontecimentos de longe. O pequeno desafio imposto se dissipou de sua mente por um momento, acabara de decidir o realizar depois. E se indagou se, talvez todos aqueles fatos, conectados, pudessem lhe significar um bom presságio?

Observações:

Armas Levadas:
▬ Espada Etérea [Uma arma aparentemente feita de um cristal extremamente resistente, maleável e mortífero que se ajusta perfeitamente a Diamond, assumindo a forma etérea sempre que necessário].
▬ Colar de Topázio [Com o auxílio desse colar o filho de Melinoe poderá invocar um fantasma para lutar ao seu lado; ele tem duração de quatro posts e só pode ser usado uma vez por missão. Os poderes utilizados por este são os mesmos dos filhos de Melinoe, mas se limitam até o nível 15, além de possuir o poder forma etérea e ter uma resistência um pouco maior em relação aos demais fantasmas] [Presente de Melinoe]
▬ Amuleto do Espectro (Esse amuleto possui a propriedade única de fazer com que um filho de Melinoe fique em sua forma etérea.) [Presente de Melinoe]

Poderes Utilizados:
Mediunidade [Nível 1]
Mediunidade é a habilidade de ver e se comunicar com fantasmas. Sim, você pode se comunicar com fantasmas mesmo sem estar no mundo inferior.
Visão Noturna [Nível 2]
A escuridão e a noite não serão problemas para você. Seus olhos são adaptados com a escuridão e poderá enxergar até melhor que no claro. Poderás também enxergar através da névoa (Da normal e dá mágica).


Template by thepiscina from TdN. editado por Hurricane

Nerezza D. S. Etternavn
Filhos de Melinoe
Mensagens :
440

Localização :
Langt fra deg, kjære.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Ewan D. Pallas em Seg 07 Out 2013, 14:27




 Who are they?  





Havia mais pessoas ali do que Ewan gostaria.

Uma oferta de paz, refletiu, não era o que queria, mas era necessário. Apertou suas mãos e estava pronto para terminar a conversa, pena que não conseguiu. Em pouco tempo, se viu em meio a oito semideuses. E destes, conhecia apenas dois: Rafaella e Sadie. De resto, viu três garotas e mais dois garotos, e todos possuíam aspectos fortes, alguns até acompanhados de mascotes. São poderosos, percebeu logo, somos um grupo de oito semideuses poderosos. Raramente isso traria boas consequências, porém, o clima presente ali era bom, e nenhum deles parecia ter algum anseio de mudar isto, mas nem mesmo o bom ambiente tirava o desconforto presente em Pallas.

Cravou o olhar em um dos cães infernais presentes ali e teve uma leve lembrança de Summer, não o levara para o Norte, e sentia falta de seu animal. Um assobio ligeiramente alto era suficiente para trazer o cão a seu lado, deu-lhe um afago e observou o grupo. Eram um bando estranho, oito pessoas totalmente diferentes, envoltos por mascotes em volta, alguns estavam desconfortáveis como Ewan; Outros, sorriam e pareciam mais felizes. Seus olhos verdes correram mais uma vez pela praia, observou a lua, o sorriso dos que estavam alegres, e por um curto tempo, decidiu esquecer tudo o que houvera passado nos últimos dias. É disso de que preciso, pensou, preciso de um pouco de diversão, mesmo que seja com eles.

Uma pequena coincidência, diria eu. — Proferia aos outros — Mas enfim, não conheço boa parte de vocês, e talvez devêssemos conversar um pouco, nem sei ao menos o nome de vocês! — Um sorriso brotou em seus lábios, desta vez, um sorriso mais natural — Sou Ewan, filho de Íris. — Disse, deixando uma parte de sua identidade de fora. Sua voz soara mais animada do que ele realmente estava, mas era o que queria. Possuía uma enorme vontade de penetrar na mente de cada um deles, descobrir quem e o que eram, mas ficou receoso, provavelmente traria mais problemas do que vantagens... E após Sadie, não tinha certeza se conseguiria ver o que pensam. Quem sabe eu não acabo gostando deles?

Observações:

Bem, como Ewan apenas voltou da missão, foi a Casa Grande e depois ao mar, ainda teria as armas que levara ao Alaska, que seriam:

✣ Cartas Mágicas / Baralho. [Um conjunto de 3 cartas mágicas que ao ser lançado no inimigo causa algum tipo de efeito se tocá-lo em alguma parte do corpo. O Ás de Espadas causa uma dormência no local onde a carta toca. A Dama de Copas causa queimaduras de segundo ou terceiro grau, dependendo de quanto tempo manter o contato. O Rei de Paus causa uma alergia muito forte e bastante incomoda na parte do corpo onde está tocando. Os efeitos duram por duas rodadas e depois de usadas as cartas voltam ao seu dono] [Material: Plástico] [Nível Mínimo: 5] [Elemento: Mágico] [Recebimento: Missão - A Cartomante passada por Psiquê]

✣ Yin Yang. [Uma espada de punho prateado e com um desenho bem talhado de uma borboleta em azul. Sua lâmina é de uma beleza diferenciada, pela divisão do cume central, metade dela possui um material negro e a outra metade é feito de prata sagrada. Seu corte é duplo e sua ponta afinada, uma espada bastante resistente. Ela possui uma habilidade de ativar um segundo modo em que a espada original se divide em duas, uma de lâmina totalmente preta e outra de prata sagrada. Nesse segundo formato a sua resistência diminui um pouco, porém seu corte fica extremo, podendo cortar metais pesados e causar efeitos sobre armas sagradas. Essa espada vem em uma bainha preta com entalhes azuis em borboletas, ela se adapta ao corpo do mentalista podendo ser usada do modo que este desejar carregar a espada.] [Materiais: Prata Sagrada e Material Negro] (Nível Mínimo: 1) {Elemento: Psíquico} [Recebimento: Presente por ser mentalista]

E além de tudo, seu pet:

Summer {Cão Infernal}[100/100]


Ewan D. Pallas
Filhos de Íris
Mensagens :
78

Localização :
Procure. u_u

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Sadie Bronwen em Seg 07 Out 2013, 18:48





- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - Do not disturb



O garoto - Ewan - aceitara sua oferta. Era melhor começar tentar pensar nele se não com simpatia, ao menos sem animosidade se fossem trabalhar juntos, e isso incluía começar a lhe dar uma identidade, considerá-lo se não como igual, alguém que poderia chegar a isso. Uma tarefa difícil pra quem sequer precisava de dedos para contar os amigos que tinha, já que era um número nulo.

Contudo, não teve tempo de sequer organizar as idéias em sua mente. Aparentemente, o lugar que Ewan insinuara ser bom para conversarem por ser isolado estava badalado naquela noite - algo um tanto irônico. As interrupções se deram em uma sequência quase imediata. A primeira garota parando logo atrás deles. Se não fosse sua habilidade de detectar essências por perto, a surpresa teria sido maior, ainda que de forma alguma fosse agradável. Instintivamente se esquivou, virando-se para a garota, os olhos púrpuras e a mão indo em direção à corrente, enquanto Ripper rosnava ao seu lado. Os outros foram aparecendo em seguida - mais seis semideuses, além de Ewan e ela.

Ele não precisaria ser mentalista para saber que a expressão em seu olhar era de pura insatisfação - parcialmente voltada à ele pela escolha do local. Contudo, não pôde deixar de ter certo interesse, apesar da apreensão. Nenhum deles esboçou reação ou intento de atacar, à primeira vista, então fez um sinal para que Ripper se calasse, que foi obedecido, ainda que ele continuasse em prontidão, enquanto ela mesma controlou suas emoções, permitindo aos seus olhos voltar ao normal, enquanto desfazia a postura - ainda que instintivamente sua mão pendesse perto da arma - e permitiu-se analisar os ali presentes por breves segundos, enquanto se apresentavam.

O nível de poder era variado, sendo significativamente maior em duas semideusas: A primeira garota que chegara - filha de Hermes, e Mênade pelas suas lentes, e Alexia, a "ovelha negra" da Ilha de Circe, por assim dizer, ainda que ela não tivesse muitas opiniões a respeito, visto que só a conhecia de vista. Ambas faziam suas pupilas pulsar.

"Interessante"

Os outros eram certamente fortes, ao menos se comparados com a média do Acampamento, mas certamente com um nível de poder inferior ao seu, ainda que não fosse tola para subestimá-los: Uma outra garota de Hermes, que se apresentou como Khris; um filho de Hefesto, Hic; mais um garoto, filho de Hécate e, surpreendentemente, Feiticeiro - o que a fez pensar que Circe estava perdendo sua autoridade afinal, já que nunca o havia visto nos treinos ou na ilha (um pensamento divertido, por sinal, mas que manteve apenas para si) e uma de suas irmãs, que havia se apresentado como Monitora do Chalé quando da sua chegada, apesar que nunca passaram das boas vindas formais e algumas palavras ríspidas - mas um começo enviesado, dentre os tantos em sua vida.

Não se apresentou - outros também não haviam feito, limitando-se a um aceno geral, quase imperceptível, apenas com a cabeça, mas respondeu à provocação de Alexia, ainda que em completa calma, encarando aqueles que haviam interrompido.

- Uma festa também requer as boas vindas de quem chega, mas parece que alguns não conhecem o protocolo...


Equipamentos:
— {Agony} / Corrente [Corrente feita de bronze sagrado (muito porém tenha uma coloração esbranquiçada, o que sugere uma segunda camada de prata) com cerca de 2,5 m; o punho é feito de aço frio. Essa arma é abençoada pela deusa dos fantasmas e possui certos atributos, os quais são um controle de invisibilidade e intangibilidade. Ambos só podem ser utilizados uma vez por missão, e há gasto de energia de, mais ou menos, 80%. Sendo assim, você pode atacar um inimigo utilizando seu controle de visibilidade para que ele não veja seu ataque, e utilizar o controle de intangibilidade para desobstruir qualquer defesa física, como escudos.A corrente tem cravos de bronze sagrado, e nas extremidades pontas afiadas,como pequenas adagas.Na lateral de cada extremidade, há ganchos, que podem ser usados para enlaçar o inimigo, ou para auxiliar em uma escalada. [Presente de Melinoe][Melhorado por Pio]{Θ} {Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 5) {Controle de Espaço/Matéria} [Recebimento: Presente de Reclamação de Melinoe]

— {Legion} / Colar [Um colar feito de topázio com um pingente em uma forma abstrata, algo como um "borrão" ou uma "mancha". Uma vez por missão e, unicamente em batalha, esse colar pode ser usado para recuperar 20MP, consumindo 20 HP do ,seu oponente. Todos os corpos que são destruídos pelo filho (a) de Melinoe (ou seja, a cada morte que este provoca), tem sua alma capturada e armazenada neste colar. Há cada essência de alma absorvida por essa corrente tornará mais forte o ataque do filho de Melinoe.] {Topázio} (Nível Mínimo: 1) {Controle de almas - Almas Coletadas: 12} [Recebimento: Presente de Reclamação de Melinoe]

• Lentes do Auspício [parencem lentes de contato comuns, incolores, mas quando colocadas permitem ao usuário identificar as auras daqueles dentro do seu campo de visão. Com isso, pode-de identificar pessoas comuns de monstros ou semi-deuses, tendo também o sentido do seu nível de poder, de acordo com a intensidade da aura, mesmo sem definir suas habilidades, apenas o conhecimento do seu nível de força. No caso de semi-deuses, identifica o pai/ mãe e o patrono do grupo, nos casos em que se aplicam. Não necessitam de ativação, mas após cada uso precisa de um período de 6h de descanso, como se fossem lentes normais]

• Calçados alados [Calçados alados que podem virar o calçado que Sadie quiser. Sempre tem um par de asas, inquebráveis, na parte dos calcanhares. Impossíveis de serem roubados ou perdidos, a filha de Melinoe pode voar com eles mesmo sem experiência, pois eles ajudam-na]

• Elo de Ares [Esse anel foi feito a partir de uma peça da lança do deus da guerra. Seu uso possibilita ao semi-deus transformar qualquer arma que esteja segurando em outra arma qualquer, além de lhe oferecer as perícias mínimas para seu manuseio. Armas de longa distância terão a munição criada magicamente. Não adiciona atributos a nenhuma arma, considerando apenas os atributos já presentes na arma original, e se aplica somente a uma arma por vez. Não pode ser roubado ou perdido, sempre retornando de alguma forma à Sadie]

• Hollow[Escudo de bronze sagrado, com ganchos para uma corrente, de forma a prendê-la de duas maneiras diferentes.Pelo centro, com a corrente saindo por um lado do escudo,ficando uma única extremidade solta, ou pela lateral, deixando uma ponta livre de cada lado para o ataque. Os ganchos tem travas de segurança internas, de modo que a corrente possa ser presa ou solta de acordo com a vontade do usuário, mas não se soltasse com o tranco ou puxão de um oponente; o escudo também teria uma fivela para prendê-lo ao braço do usuário, dando um suporte maior, não escapando facilmente da mão a menos que a braçadeira do mesmo seja danificada de alguma forma.Tem uma cabeça de dragão esculpida na frente, e escamas nas laterais.]{Θ}

— Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

• Amuleto do espectro [Amuleto que permite acessar o poder especial "Forma etérea"]

pet:
Cão infernal - Ripper

   Dados de um cão infernal, retirados do bestiário:
   Cão Infernal.
   Nível de Periculosidade: XXX
   Cães Infernais são grandes cachorros do submundo. Possui pelos negros, olhos vermelho-sangue. Também é reconhecido por possuir uma tamanha força, velocidade e uma habilidade extraordinária de desaparecer e reaparecer pelas sombras. Uma outra habilidade que caracteriza o Cão Infernal, é o seu poder de viajar pelas sombras, podendo levar consigo um acompanhante. Essa habilidade faz com que o cão fique muito cansado, dependendo da distância percorrida pelo teletransporte pelas sombras.

Poderes:
Considerar todos os passivos de Melinoe e Feiticeiras até o nível 54, + Os poderes especiais Voyd's eyes e Forma etérea.

Passivos diretamente citados:

Essência Fantasmagórica [Nível 5]
Poderá saber, através da essência fantasmagórica de um ser, onde está qualquer ser que queria saber. Lembrando que nos níveis mais baixo, poderá sentir somente as essências por perto.

Olhos Púrpuros [7]
Adentrando os feiticeiros, e adquirindo a Benção de Circe seus olhos adquirem uma pigmentação púrpura chamativa quando você assim quer – que causa receio a qualquer mortal e/ou monstro que lhe encare diretamente.[ Modificado]




Narração- Fala •  "Pensamentos


SHINJI @ OPS!
Sadie Bronwen
Feiticeiros  de  Circe
Mensagens :
316

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por John St. Christ em Seg 07 Out 2013, 21:39




 Ele queria sair para ver o mar, e as coisas que ele via na televisão 





Thiago novamente errou a ordem de por os ingredientes nos frascos e por consequencia, o líquido não ficou na sua coloração certa, oque significava mais um erro. Ele fechou os olhos e suspirou, não conseguia se concentrar muito bem eu seu oficio desde que Khris partira sem dar um tchau a ele.

— Kristy, irei sair da Enfermaria por algumas horas, ok?— Pediu o Líder a uma de suas aprendizes. — Preciso esfriar minha cabeça um pouco e por mais que adore aqui, acho que não é melhor ficar aqui. - Ele suspirou, talvez pela milésima vez naquele dia e deu alguns passos em direção a saida do local. - Até mais. - Se despediu, por fim, enquanto finalmente saia do local.
 

Os passos do semideus na grama esverdeada que havia ao redor da Enfermaria era a unica coisa que podia ser ouvida naquele momento, pois o local não estava muito movimentado. Algo parecia ter acontecido com os semideuses da Colina, pois eles pouco visitavam a Enfermaria e pareciam poucos interessados em sair em novas missões. Enquanto caminhava em direção a Floresta, admirava a bela visão que o Acampamento o proporcionava, porém nem mesmo toda aquela beleza fazia com que o jovem curandeiro parasse de pensar no paradeiro da filha de Hermes, nem dormir o mesmo estava conseguindo nos ultimos dias, pois sempre que cerrava seus olhos, via a imagem da garota que amava na lista das pessoas que foram assassinadas por ele. Tudo era muito confuso para ele e a cada momento que se passava, tudo ficava pior. 
 
Depois de alguns minutos de caminhada, chegou a uma enorme clareira na Floresta, foi lá que conheceu seu Cão Infernal e era lá que o mesmo se encontrava agora. Quando sua visão encontrou a do cachorro, o animal partiu em direção ao seu dono. Thiago apenas sorriu e acariciou a cabeça dele, em seguida, subiu sobre o mesmo e cochichou no ouvido de Entei.

— Me leve para ver o mar, talvez essa visão me acalme um pouco, amigo!

Após ouvir as palavras de seu dono, o cão disparou e entrou na primeira sombra que viu. Minutos mais tarde, lá estavam os dois caídos sobre a areia da praia. Thiago simplesmente se levantou e começou a caminhar, os grãos entravam em seu pé, dando certa sensação de conforto a ele. Depois de alguns passos, viu um grupo de semideuses. Pareciam conhecidos. E ele, timidamente, decidiu se aproximar.


Obs:

As armas de Thiago andam com ele,tais como o Colar do Serpentário, o de invisibilidade, A hidden Blade e a bolsa pode ser invocada, então, ela não está com ele no momento, mas pode ser invocada a qualquer momento. 
— {Bright} / Arco [Arco feito de ouro dourado com detalhes em seu decorrer feito em ouro branco. Possibilita ao seu usuário uma melhor artilharia] {Ouro Dourado e Branco} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Apolo]

— {Perfection} / Aljava [Aljava de diamantes com flechas de fogo infinitas. Estas, ao atingirem seu oponente, o coloca em combustão instantânea] {Diamantes e Fogo} (Nível Mínimo: 1) {Controle Sobre o Fogo/Ofensivo e Defensivo} [Recebimento: Presente de Reclamação de Apolo]

— Bolsa de Componentes Mágicos / Bolsa (Nela são guardados desde objetos para preparo de poções até bisturis e utensílios médicos [ela possui espaço infinito para tais coisas e somente para tais coisas; também aparece e desaparece, dependendo exclusivamente da necessidade do semideus]) {Couro} (Nívem mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento)[Presente de Curandeiro]

— Colar do Serpentário / Colar (o formato e o estilo da confecção lembram uma serpente dourada; nunca pode ser perdido, vendido ou retirado a força, pois identifica os curandeiros e, portanto, não é considerado um item nas contagens para missões, eventos e tramas, embora ainda seja preciso citá-lo) (seu efeito principal é o de, quando retirado do pescoço, se transformar em um dos itens a seguir: uma réplica quase totalmente semelhante do Bordão de Asclépio (ou seja, uma espécime de bastão rústico e fino envolvido por uma serpente de escamas feitas de prata envenenada que podem ser tão afiadas quanto uma espada, possuindo o mesmo potencial de corte de uma arma laminada; ele se adapta completamente ao tamanho e porte físico do usuário). {Prata, madeira e veneno} (Nível mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento) [Presente de Curandeiro]

— Necklace of Invisibility / Colar [Um colar feito de prata, que tem o seu pingente feito com uma esmeralda esverdeada e levemente transparente. Este pequeno "amuleto" tem a capacidade de deixa o usuário invisível. Tendo uma barra de energia própria que diminue naturalmente enquanto o item é usado pelo usado pelo usuário. O quanto de energia gasta é critério do narrador. A barra é recarregada apenas após a Missão/PvP/Treino. Sem energia, o Amuleto é inútil. Energia: 100/100]{Prata e Esmeralda}  (Nível mínimo: 20) (Controle sobre nenhum elemento) [Comprado de: Alexia Sinclair]

— Hidden Blade {Consiste em uma lâmina de prata sagrada retráctil de  42 cm, em conjunto com um bracer [luva longa meio dedo de couro que chega até 4 dedos abaixo do cotovelo]. A lâmina pode ser discretamente estendida ou retraída, tornando-se uma ferramenta valiosa para assassinatos. Diferente da Hidden Blade original, a lâmina não está localizada na parte de baixo do antebraço, mas sim na parte superior Possuí um mecanismo que se ativa com a pressão do soco. Ou seja, assim que o punho bate no oponente, a lâmina oculta "salta" do compartimento, fincando-se no oponente e sendo recolocada manualmente pelo usuário -  por meio de um gatilho que a puxa de volta -, porém de um modo em que ela não possa ser perdida. A ponta da lâmina é coberta com ouro} {Ouro, prata sagrada} [Nível mínimo: 20] (Não controla elementos)[Vendido por Alexia Sinclair; 21/03/13]
 
John St. Christ
Filhos de Apolo
Mensagens :
384

Localização :
Chalé do Apolo ou na Enfermaria mais próxima de você

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Rafaella Crockford Gauth em Seg 07 Out 2013, 22:37

Encontro planejado

Antes de os semideuses responderem Rafaella, Khristie aterrizou no local e sorriu para Rafa, abraçando-a com força e carinho. Rafa retribuiu o abraço e ouviu Pio saudando Khristie educadamente. Khris dei um olá animado para a irmã e logo a desprendeu do abraço, cumprimentando os outros dois garotos que estavam ali. Rafaella parou para encarar os dois e percebeu que conhecia ambos. Ewan era um conhecido do acampamento, líder do chalé de Íris, de acordo com o que ela lembrava, e a outra garota era uma filha de Melinoe ou de Quione, Rafaella não se lembrava muito bem, mas já havia visto seu rosto em uma listagem com alguns semideuses poderosos que ficava na Casa Grande.

- As coisas estão meio paradas, Khris, mas o que você tem feito? Anda muito sumida...

Rafaella tentou não demonstrar sua amargura na voz, o que deu certo. Ela sentia falta da irmã e não gostava muito de sua saída sem avisar. Ok, Khristie ia responder, mas de repente surgiram mais alguns semideuses ali. Para a sorte de Rafaella - ou não - ela conhecia os três. O primeiro a surgir após Khristie foi Hiccup, um talentoso filho de Hefesto que havia forjado um item para Rafaella há alguns dias. Sem dúvida o garoto era uma revelação no chalé 9. Em seguida surgiu Ralph Wizard, o irmão gêmeo do melhor amigo da monitora.

- Como esquecer, Ralph?! - disse a semideusa, dando ao garoto um aperto de mão e sorrindo educadamente.

A outra pessoa que chegou naquele momento foi Alexia Sinclair. Hum, essa boa, pensou Rafa, rindo da ambiguidade de sua conclusão. A semideusa trajava roupas despojadas e parecia bastante tranquila. Rafaella resolveu cumprimentar Alexia, pois lembrou-se de quando e como conheceu a garota. Antes que ela o fizesse, Nerezza, uma filha de Melinoe e amiga de Rafa também apareceu por ali. Isso tá ficando bom, pensou.

- Nerezza. - cumprimentou Rafaella, aproximando-se da garota e dando um carinhoso beijo em sua testa. - Srta. Sinclair. - reverenciou, sorrindo e dando um beijo de saudação próximo aos lábios da garota.

Pela fama de Alexia isso poderia resultar em morte, mas depois que as garotas se encontraram, Rafaella concluiu que famas nem sempre retratavam o que a pessoa realmente era. Ewan sugeriu que os semideuses conversassem e se apresentou educadamente. A garota que o acompanhava resmungou algo sobre as pessoas darem as boas vindas, algo assim.

- Apenas seguindo o protocolo, hum, sou Rafaella Gauth, filha e monitora de Hermes, mas quase todos já me conhecem.

A semideusa deu um sorriso gentil e percebeu que mais uma pessoa se aproximava. Mais um conhecido, pensou. Thiago Leveck aproximava-se do grupo e parecia que não dormia há dias. Os olhos dele estavam vermelhos, o que indicava a falta de sono. Se Rafaella não o conhecesse, diria que Thiago havia usado drogas, mas isso ia contra a conduta do garoto.

Observações

• Usando: Usando ISSO (Clica)
• Rafaella levou:
☤ Pulseira da Natureza: Quando o campista estiver correndo risco de morte e estiver muito ferido, a natureza ao seu redor, seja ela de qual especie, dará sua energia para curar a dona da pulseira deixando-a com energia e saúde recuperada em 50% , em compensação a natureza ao seu redor morrerá. [Dois usos por missão][Indestrutível][ By Deméter] {Pulso direito}
☤ Calçados de Espiã Alados [Um par de calçados de qualquer forma, porém negro, ou seja, da mesma cor que o Traje de Espiã. Tem asas negras, em vez de brancas, nos calcanhares. Voos realizados com esses calçados são mais rápidos que os comuns, além de proporcionar para a semideusa, estando voando ou não, mais velocidade naturalmente. Outro diferencial é que os calçados, não importando o formato, não machucam, não deixam cansar (ou seja, pode andar quanto quiser que nunca vai cansar, se estiver usando eles) e não fazem nenhum barulho, sendo completamente silencioso. Os calçados são indestrutíveis. Quem tocar os calçados sem a autorização de Rafaella tomará um choque que o fará ficar desmaiado por 3 turnos][By: Hermes] {Pés}
☤ Cantil Mágico [Cantil atribuído com a benção de Dionísio; contém vinho inacabável e recupera 10HP/EN por missão] [Presente de Dionísio] {Pendurado na cintura}
☤ Marilene [Um anel em formato de uva, que quando sugado, libera uma grande dose de vinho que fica a critério de Rafaella. Só ela pode usufruir desse anel.][By.: Katherine B. Angelline] {Polegar esquerdo}
☤ Espada dos ventos [Esta, quando não está nas mãos da filha de Hermes, transforma-se em vento e só pode ser usada pela garota, sendo convocada quando ela quiser. Tem uma lâmina de 90 cm feita de bronze sagrado, e é semi-indestrutível. A única possibilidade de ela não ser mais de Rafaella é a dona ser morta pelo novo dono][Contagem de Almas: 0] {Pode ser convocada}
☤ Adaga Envenenada [Uma adaga indestrutível, feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento][By: Hermes] {Na cintura}
☤ IPhone Explosivo [Pode ser utilizado como um celular comum por Rafaella; o mesmo possui uma frequência especial de comunicação, sendo praticamente impossível que um monstro a encontre - a menos que ele esteja muito perto. Um dos aplicativos instalados nele é o da explosão: a campista programa-o como quiser, e, dentro do tempo desejado, ele explodirá (o aparelho é indestrutível, apesar de tudo).]{Opções de explosão: gás lacrimejante, granada comum, granada de fogo, granada de luz, bomba de gás, bomba de gás de sono, bomba de gás do riso}{Presente de Níver atrasadinho da tia Athena que a ama muito, em parceria com Khris, sua Mana preferida}{Bolso direito do shorts} 
Rafaella Crockford Gauth
Filhos de Hermes
Mensagens :
436

Localização :
Onde você menos espera!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Khristie Lian em Seg 07 Out 2013, 23:50


Tuntz tuntz na praia ~



Antes que pudesse responder à Rafaella, senti alguma coisa passando por minha panturrilha. Olhei para baixo e vi o pequeno bichinho, uma raposinha branca. Tive vontade de abraçá-lo e não soltar mais, mas a voz de seu dono parou-me no ato. Vai que é ciumento? Porque eu sei que sou ciumenta com a Julie, ela é a minha bebê. Um bebê chato, pidão e irritante, mas ainda é meu bebê.

- Muito fofa a raposinha, Hiccup. Eu sou Khristie, prazer em te conhecer. E não precisa sair não, fica aqui e conversa com a gente!

E de repente a reuniãozinha começou a lotar. Chegaram mais três pessoas, duas das quais não me lembrava de ter visto. A terceira, Alexia, trazia-me lembranças da Guerra no Central Park. Odiei aquela época. Tive que forçar a memória para poder lembrar se ela estava no lado do Camp ou era do Princesa Andrômeda, mas não conseguia. Memória ruim, eu sei. Eu tomava remédio para ajudar, mas comecei a esquecer a tomar as pílulas e é isso aí que deu. Decidi que, se ela chegou falando de festa, pessoa ruim não era. Era irônica, parecia querer tirar sarro do grupinho recém formado, mas tinha cara de ser gente boa. Os outros dois, apesar de seus gestos acanhados e de defesa, não pareciam querer começar uma briga ali. Até se apresentaram e puxaram papo. Sorri para os dois tentando lembrar de seus rostos, mas só consegui que eu os conhecia do Acampamento. Senti uma pequena tensão no ar. Talvez apreensão de todos? Sei lá. Éramos muitos de nossa 'espécie' juntos, isso sempre foi um mal presságio. Mas sei lá.

- Cara, você está muito mais do que certa! Somos em –  comecei a contar as pessoas ao meu redor – sete pessoas, precisamos de uma animação aqui. Eu voto por uma fogueira e marshmallows, todos a favor?

Comecei a votação, mas não esperei a resposta. Quem em sã consciência era contra marshmallows derretidos?! Eles eram quase tão bons quanto ambrósia. Ambrósia é ambrósia, não dá para comparar. Mas marshmallows faziam uma disputa acirrada. Apresentei-me novamente para os recém chegados e me virei para Rafa. Devia explicações à minha irmã. Abri um sorriso e desatei a falar.

- Mana, eu estou morando no Canadá! Toronto, pra ser mais exata. O lugar é lindo, parece aquelas cidades cinematográficas. Eu... –  pensei por um momento em como dizer aquilo. Eu sabia dos atritos de Dammyen com o Acampamento, mas não tinha certeza de como minha irmã reagiria à notícia. – Eu estou treinando com um ex-campista experiente aí. Ele me deu um lugar pra morar por um tempo, só até acabar o treinamento. Desculpa sair sem avisar, foi tudo tão repentino, sabe, nem tive tempo pra pensar, quem dirá para despedidas.

Fiz cara de cachorrinho abandonado, mas duvido que tenha surtido efeito.

De repente, senti um frio descer pela minha espinha. Eu sempre sentia isso quando tinha alguém se aproximando. Virei-me e pude ver quem chegava. Thiago.

Ai meu bom Zeus. Justamente a pessoa que mais me fazia pensar sobre voltar ao Acampamento logo ali na minha frente. Tentei sorrir, mas tenho quase certeza que fiz cara de choro. Minha perna bambeou, e eu lembrei porque sentia que estava faltando algo na mansão de Dammyen. Acenei para ele, chamando sua atenção enquanto cobria a pequena distância entre nós dois para alcançá-lo.  

- Oi –  disse já perto dele com um sorriso enorme. E agora? O que eu falava? O gato comeu minha língua? É isso mesmo produção?

- Senti saudades suas, Thi. Demais demais. –  abaixei o tom de voz para que os outros não ficassem escutando. Fiz menção de esticar o braço para tocar em seu rosto, mas não completei a ação. Estava atordoada demais para fazer qualquer coisa que tivesse algum sentido.

- Ahn... tem um pessoal ali em cima apontei para onde o grupo estava. – Eles parecem ser bem legais. Quer ir lá?

Olhei para seu rosto com cautela, tomando consciência das olheiras e da cara de abatido que ele tinha. Como se tivesse passado uma semana em claro pesquisando venenos. Tive vontade de abraçá-lo e niná-lo, mas me contive e me contentei com apenas estar ao seu lado ali, naquele momento. Não tive coragem para me explicar ali, e me mantive quieta quanto à isso. Claro, isso contando que tivesse a sorte do garoto não ter me ouvido falando com Rafa.

Observações;

Armas


 {Quick Cut} / Adaga ▬ [Uma adaga feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento. Vem junto de um pequeno suporte (bainha) adaptável à cintura, pernas ou tornozelos] {Prata} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]

 {Titanium} / Adaga  [Feita em titânio sagrado. Sua lâmina é cromada e super afiada. Ela é levemente  encurvada, lembrando o formato de uma parte de um arco. É super-resistente, sendo difícil quebrá-la. Sua lâmina é encantada com uma chama amarelo-esbranquiçada; onde ela encostar, resultará em queimaduras leves à moderadas. O cabo é feito com tiras de couro negras trançadas.) {Titânio sagrado, couro}(Nível mínimo: 10) {Elemento: fogo} [Recebimento: Compra em forja "{§}"] 

 Armadura Completa Alada de Prata Celestial / Tênis Alado ▬ [Armadura completamente indestrutível, protege todos os pontos do corpo de Khristie, sem deixar quase nenhuma brecha. Para penetrar a Prata, é necessário o uso de golpes muito fortes. O peso da armadura não se faz sentir por magia, sendo a mesma coisa de que estar nua (em relação à liberdade de movimentos). Possui asas pequenas indestrutíveis nos calcanhares. Quando não está ativa, são Tênis Alados Nike, também indestrutíveis, mais comuns. Neles estão gravados, em tinta dourada e belo desenho, todos os momentos bons e de batalha pelos quais Khristie passou. Qualquer um que tente roubá-lo da semideusa virará pó, morrendo na mesma hora]{Armadura: prata}(Nível Mínimo: 20) {Não controla elementos}[Recebimento: missão "Shut up and pass the money!"]

 Pulseira de ouro / Escudo  ▬ [O bracelete é de ouro, Suas argolas são finas, delicadas, porém resistentes. Ligados à alguns destes aros há pequenos corações, também dourados. Há um maior, porém: nele pode-se ver um pequeno rubi encrustado. Ao puxar tal pingente, a pulseira transforma-se em um escudo de ouro. Sua parte externa é decorada com pequenos corações em alto-relevo. Na parte interna lê-se: "Esteja onde estiver, sempre vou te proteger".]{Ouro, rubi}(Nível mínimo: 12) {Não controla elementos} [Presente de aniversário de Dynan Folk (2011)]

 Colar de Cristal da Luz ▬ [Um colar de prata simples, com uma pedra semelhante ao diamante como pingente. O cristal possui cerca de 5cm de diâmetro; a menor ordem do usuário, este pode brilhar intensamente, como um arco-íris. Seu brilho é hipnotizante, fazendo com que o oponente perca o foco]{Prata, Cristal de Luz}(Nível mínimo: 10){Controla MI}[Recebimento: Missão "O Rapto"]

 Par de Brincos de Esmeralda ▬ [Brincos feitos de titânio, com uma esmeralda pendendo em um pequeno elo de prata. Leves e indestrutíveis, diminuem o cansaço do usuário em 10%, além de possibilitar a utilização de algum poder dos filhos de Apolo de acordo com o nível do usuário, com 70% de poder reduzido. A esmeralda muda de cor de acordo com o humor de seu usuário, mas a maioria das vezes é de um verde magnífico. Pode ser invocado uma vez por missão se sua dona chamá-lo.] {Esmeralda, prata} (Nível Mínimo:20) {Controla, em menor escala, os poderes dos filhos de Apollo} [Recebimento: Presente de Dammyen H. pelo aniversário (2012)]


Poderes Passivos



Sentir Aproximação ▬ Assim como as serpentes pressentem a aproximação de suas presas, os filhos de Hermes também adquirem o sentido que sempre lhes deixa a par da aproximação de outras criaturas na área em que se encontra. A extensão da mesma é definida pelo seu nível, sendo que a cada nível a partir do 5, 1 metro de extensão é adicionado. 

Neutralidade ▬ O filho de Hermes não é afetado por magias que alterem seu estado de espírito (alegre, feliz, triste, raivoso, etc.) do seu nível ou inferior.



Khristie Lian
Filhos de Hermes
Mensagens :
188

Localização :
EUA/NY ~~~ Canada/Toronto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Kaan Martinez em Ter 08 Out 2013, 00:18


Esbarrando em NY.
Oi. Sou Hiccup!

- Ok, Khristie. - disse, ainda receoso.

Antes que eu pudesse pensar em falar mais coisas, começou a chegar mais gente. Comecei a desconfiar de que, talvez, aquilo tudo fosse uma espécie de pegadinha de algum programa de tevê. E, mesmo que pensasse que iria aparecer algum cara gritando "Pegadinha!", minha teoria parecia cair por terra ao perceber a atitude dos campistas. Eram como se já tinham mais experiência do que tive durante todo aquele tempo de acampamento.

Deixei o filhote correr pelo grupo, olhando ocasionalmente para os cães infernais que podiam ameaçá-lo. Enquanto eu ouvia a conversa, pude perceber que alguns ali eram conhecidos de outros. Suspirei, já sabendo que seria o mais desconhecido dali. Era normal, afinal ainda não tinha um nome tão influente naquele local. E nem pretendia ter se isso fosse ruim para os negócios. Além do mais, estava me sentindo completamente desconfortável por ali. Quer dizer, não é tão legal quando todas as pessoas se conhecem - mesmo que seja só de nome - e só você fica de fora.

- Bem... Festas e bebidas? Alguém trouxe alguma? - perguntei, timidamente.

Percebi logo o primeiro grupo de conversa paralela: Khristie e Rafaella. Irmãs. E notei o garoto que vinha ao fundo. Ele parecia realmente cansado, o que me lembrava das forjas e do quanto demorava para completar certo trabalho, o que me deixava com poucas horas de sono. Identificava-me com a situação daquele que vinha, mas não ousei me aproximar, até porque Khristie já o fazia.

- Então... Um luau seria uma má ideia? Posso ver se consigo algo para tocar música...

Eu era a sétima vela do grupo. Dava para perceber isso.

Ou pelo menos era assim que me sentia.

Armas e Pet:
Armas:
— {Constructio} / Martelo [Martelo de ferreiro feito em titânio resistente ao fogo] {Titânio} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hefesto] (Amarrado na cintura de Hic)
- {Pyro} / espada [espada feita em prata sagrada com o cabo de bronze tingido em vermelho. Quando seu usuário entra em extrema ira, a lamina desta arma inflama em fogo, deixando-a mais forte.] {Prata Sagrada e Bronze} (Nível Mínimo: 10) {Controle sobre o fogo/ofensivo , empatia/pessoal} [Recebimento em missão com Ares](Bainha também amarrada na cintura de Hic)
Colar protetor [O item parece comum, mas ativado transforma-se em um escudo de bronze sagrado de tamanho mediano e formato circular. As bordas e acabamento são meio tortos - amadores - mas ainda assim cumpre com suas funções.][Bronze sagrado, sem elemento, nível mínimo 1][Recompensa de Missão: Aprendiz? - por Eos](Transformado em colar, no pescoço de Hic)

**
Pet:
{μαντείο} Filhote de raposa albina [100/100]
Kaan Martinez
Filhos de Hefesto
Mensagens :
657

Localização :
Para me encontrar, você precisa trazer ouro imperial. Ai, terás de descer até o fundo do mar e procurar um gigante que me conheça. Depois, suba novamente a terra e siga as direções desse Gigante. Talvez você me encontre, talvez não.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Alexia Sinclair em Ter 08 Out 2013, 01:06


We can be heros, just for one day
Final de tarde · NY · Vestindo (Aqui) · Post 2 · ---


Curioso e interessante. Eram os dois adjetivos que eu poderia empregar para aquele momento. Tudo parecia acontecer ao mesmo tempo e de forma paralela. Um garoto também se aproximou do grupo que ficava cada vez maior, talvez eu devesse me preocupar com a possibilidade de um ataque de monstros, mas sinceramente achava que isso deixaria as coisas mais divertidas ainda. Sadie comentou a minha ironia sobre festa, mas apenas me deu motivos para soltar um pequeno riso.

-Para isso inventaram algo chamado de penetras, os irritantes e que fazem a festa ficar animada – disse sem me abalar com aquele jeito mais retraído da garota.

Rafaella, filha de Hermes, veio me cumprimentar. Ela foi a primeira pessoa com quem consegui falar direito desde que havia retornado ao acampamento. Não pude deixar de notar a provocação dela ao aplicar um singelo beijo próximo a minha boca. Dei um rápido sorriso, segurei na blusa dela e a puxei para que eu pudesse dar meu próprio beijo no canto dos lábios dela, rápido e despreocupado, sem pudores ou esconder o sorriso de lado. Mas logo a monitora de Hermes estava próxima a sua irmã novamente. Que por acaso deu uma ideia genial.

-Finalmente alguém que consegue pensar em algo para tirar nossa monotonia – comentei e me afastei um pouco do grupo.

Não estava indo embora, pelo contrário, procurava apenas um espaço propício para o que iria realizar depois. Como uma verdadeira semideusa da magia, era fácil controlar e até mesmo criar as coisas. Bastou concentrar-me e apontar minha mão em direção ao chão arenoso, a fim de canalizar minha energia, para que um amontoado de madeira aparecesse formando uma fogueira. Aproximei de minha pequena invocação e realizei mais uma proeza, bastou um pensamento almejando fogo e minha pirotecnia estava pondo em ação a minha vontade.

-Pronto, fogueira arranjada. Só falta o resto – falei mais animada, sem o meu tom costumeiro de ironia já que eu realmente queria apenas relaxar em grupo – Alias – voltei meu corpo para o grupo – Quem não me conhece, sou Alexia, monitora de Hécate.

Retirei minhas havaianas apenas para sentar sobre elas. Heartless logo se aproximou de mim e deitou ao meu lado, não tardei em começar a lhe fazer um carinho no dorso. Olhei para cada um deles e abre um sorriso que pairava entre desafiador e soberbo.

-Será que as crianças não vão querer se divertir e vão ficar em pé sem fazer nada? Até mesmo as caçadoras tem mais senso de diversão! – tive de abafar um riso ao me lembrar de como a tenente daquelas virgens quase havia me matado a pouco tempo – Sabiam que eu fazia parte da caçada antes de sair do acampamento?

Ou seja, antes de me aliar a Cronos. Qual deles iria ligar os pontos? Ou iriam ficar apenas surpresos com aquele detalhe? Desviei meu olhar para a fogueira que eu havia montado, não era uma pessoa de me abalar tão facilmente, mas a dúvida parecia ser minha companheira desde que aquele rosário pesava em meu pescoço.


Informação:


Poderes
Benção de Hécate: Uma benção especial concedida pela própria Hécate para Alexia Sinclair. A benção tem como efeito a redução dos gastos de energia ao realizar os poderes ativos em 50% e permite que a meio-sangue utilize os poderes do livro de magia sem necessitar ter o mesmo em mãos.

• Mystiokinesis ou manipulação da névoa é a habilidade de controlar uma forma natural de energia, também conhecido como magia. Por exemplo: a criação de neve, mudando o clima, transformando as pessoas em outros animais, etc. Assim, dando-lhe controle sobre quase tudo. A magia é uma força muito complexa e perigosa, uma vez que dá o controle das energias naturais, a fim de produzir uma mudança positiva, mas também poderia ser usado para fins malignos. Sendo assim, adquire o controle da névoa podendo deixar seres humanos, semideuses e os próprios monstros enuviados com efeitos que muitos conhecem por magia. Esse poder te dá uma ampla capacidade de criar magias para determinadas necessidades, algumas já são específicas nos poderes ativos, estas não. Você é quem cria a magia, desde que ela seja coerente com o nível em que se encontra.

Lvl 43 - Pirotecnia: O filho de Hécate é capaz de criar um pequena quantia de fogo, que aumenta a cada 10 níveis, nesta ordem: chama de vela/ isqueiro, tocha, fogueira, coluna, incêndio. Lembrando que ele cria, mas não é capaz de controlar. NEW

P. Flintstones.
Alexia Sinclair
Filhos de Hécate
Mensagens :
488

Localização :
Se me encontrar posso ser a última coisa que veja

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Nerezza D. S. Etternavn em Ter 08 Out 2013, 01:52


We're about to explode
some saw the sun, some saw the smoke

Nerezza se surpreendeu com a aparição súbita de cada vez mais indivíduos, contando também com a presença de outras criaturas sem serem semideuses. Estava ligeiramente impressionada pela concentração de pessoas que, reconheceu serem poderosas. Sua maior preocupação no momento era em relação a um ataque, mas percebeu que ninguém no lugar estava disposto para uma briga, incluindo a si mesma. Seus ombros relaxaram um pouco, mas sua postura permanecia ereta. Nunca se sabe o que pode acontecer, afinal o mundo é uma roleta russa sem controle, jogada à mercê da causa e efeito aleatórias no universo.

O cumprimento de Rafaella lhe foi bem recebido, embora a prole de Melinoe estivesse ligeiramente desacostumada com contatos tão direto. Um sorriso leve e cauteloso se desenhou em seus lábios, sustentado pela animação de outra filha de Hermes, Khristie Lian. Ela também descobriu aos poucos a identidade dos presentes, antes meros desconhecidos.

A cada um que se apresentava, Nerezza os cumprimentava silenciosamente com um aceno de cabeça e um sorriso de lado. Conheceu Ewan, uma prole de Íris, Hiccup, prole de Hefesto, e apenas viu de longe um garoto recém chegado.

Antes que percebesse, aquilo havia se tornado uma espécie de festa, ou algo próximo do evento. Incrivelmente, viu uma fogueira surgindo pela mágica de Alexia. Nerezza se aproximou alguns centímetros do fogo, sentindo o seu calor suave. O crepitar do fogo ecoava em seus ouvidos com leveza, o som se misturando com as vozes dos semideuses presentes. Ela desejou ter algo para ajudar com o suposto evento, entretanto suas mãos e bolsos estavam vazias.

Nerezza se conformou com o fato, se afastando da fogueira e indo até a beira do mar. As ondas escorregavam com leveza pela areia, fazendo com que fios de água molhassem as solas dos tênis da garota. Ela absorveu o espaço ao redor, permitindo que o leve roçar do vento fosse sentindo em seus calcanhares e que a paisagem penetrasse sua visão.

Surpreendendo a si mesma, Nerezza começou a tirar os tênis, deixando que os pés descalços fossem em encontro com a areia molhada e pequenas ondas do mar. Conseguiu visualizar algumas conchas enterradas na areia, de diversos tamanhos e cores. Com os dedos do pé, chutou algumas delas e desenterrou e virou outras para cima, apenas por diversão.

A garota ouviu atrás de si um chamado de Alexia para o grupo em geral, convocando-os para ir até a fogueira. Nerezza se virou de volta para eles, carregando os calçados e dando passos lentos em direção ao grupo. Hesitou por alguns momentos se deveria sentar ou não, permanecendo em pé. Transferiu o peso ora para a perna esquerda, ora para a direita, enquanto se deixava abalar pela dúvida.

Por fim, deixou-se levar e se sentou, abraçando os joelhos e pousando os tênis ao seu lado. Seus olhos se cravaram nas labaredas de fogo, seu olhar seguiu a fumaça até o céu, se encontrando com a lua e estrelas. Voltou com a cabeça para baixo novamente, se focando nos semideuses presentes mais uma vez. Questões sobre o encontro surgiam na sua cabeça com o passar dos segundos, mas a maior pergunta era: Seria aquilo um ato amigável do destino ou apenas mais outra enganação, sem resquícios de compaixão?

Observações:

Armas Levadas:
▬ Espada Etérea [Uma arma aparentemente feita de um cristal extremamente resistente, maleável e mortífero que se ajusta perfeitamente a Diamond, assumindo a forma etérea sempre que necessário].
▬ Colar de Topázio [Com o auxílio desse colar o filho de Melinoe poderá invocar um fantasma para lutar ao seu lado; ele tem duração de quatro posts e só pode ser usado uma vez por missão. Os poderes utilizados por este são os mesmos dos filhos de Melinoe, mas se limitam até o nível 15, além de possuir o poder forma etérea e ter uma resistência um pouco maior em relação aos demais fantasmas] [Presente de Melinoe]
▬ Amuleto do Espectro (Esse amuleto possui a propriedade única de fazer com que um filho de Melinoe fique em sua forma etérea.) [Presente de Melinoe]

Poderes Utilizados:
Mediunidade [Nível 1]
Mediunidade é a habilidade de ver e se comunicar com fantasmas. Sim, você pode se comunicar com fantasmas mesmo sem estar no mundo inferior.
Visão Noturna [Nível 2]
A escuridão e a noite não serão problemas para você. Seus olhos são adaptados com a escuridão e poderá enxergar até melhor que no claro. Poderás também enxergar através da névoa (Da normal e dá mágica).


Template by thepiscina from TdN. editado por Hurricane

Nerezza D. S. Etternavn
Filhos de Melinoe
Mensagens :
440

Localização :
Langt fra deg, kjære.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Anthony Romanov em Ter 08 Out 2013, 09:22




Again...


A filha de Hermes me cumprimentou, sorrindo, e eu retribuí o gesto. A garota ao lado dela - Khristie -, me parecia estranhamente familiar, como se eu já houvesse a encontrado, mas eu não me lembrava de nada a respeito disso. Eu não conhecia Hiccup, e nem os outros dois semideuses que estavam lá quando eu cheguei.

Mais pessoas começaram a chegar, como se tudo aquilo fosse combinado, mas parecia que - tirando Rafaella, que parecia conhecer a todos - quase ninguém se conhecia lá. A minha meia-irmã que eu havia encontrado antes também se juntou a nós. Se apresentou como Alexia. Thiago, um curandeiro que havia curado minhas feridas antes de eu sair do acampamento, também se uniu ao grupo, aumentando o número de pessoas que eu conhecia para duas.

Porém, eu não o cumprimentei, preferi "seguir o protocolo" e me apresentar. - Sou Ralph, filho de Hécate - meus olhos foram de Alexia para a líder dos feiticeiros, hesitei antes de continuar - e feiticeiro de Circe. - Não haviam conflitos naquele local, todos estavam tentando ser o mais sociável possível. Alexia criou uma fogueira e a acendeu, e eu simplesmente sentei ao redor desta, numa tentativa de também ser sociável.

- Bem, agora faltam marshmallows. E histórias de terror. - Comentei, porém, baixo o bastante para que não fosse ouvido por todos.

Armas levadas:
O garoto está com todo o arsenal, pois está viajando para um novo local:

- Faca de Bronze [Inicial]

— {Graveolentiam} / Lança [Amplia o poder mágico. Quanto ativada, assume a forma de uma lança de ouro envolta em uma aura de magia, a extremidade de baixo é tão afiada quanto uma lança comum, mas a de cima é ornamentada com pedras e runas mágicas, exalando poder. Desativada, assume a forma de uma caneta, sempre guardada em conjunto com o grimório] {Ouro} (Nível Mínimo: 1) {Controle sobre a Magia; defensivo e ofensivo} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hécate]

— {Athar} / Grimório [Necessário para realizar magias, é um livro encadernado em couro e metal, com páginas infinitas - a cada nova habilidade aprendida, o encantamento aparece automaticamente escrito nele. Indestrutível. Assume o formato de uma agenda com espaço para guardar uma caneta - a lança em sua forma simples e ambos sempre retornam ao bolso do filho de Hécate] {Metal e Couro} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hécate]

— {Aeneum} / Bolsa [Bolsa de componentes mágicos necessários para herbologia, venenefício e alquimia. É um saquinho de veludo negro com cordões, com um fecho em forma de caldeirão. A sacolinha contém os componentes para a nova habilidade de Herbologia, inclusive os frascos, e o caldeirão do fecho se transforma em um de tamanho real, com uma concha de metal para uso do filho de Hécate. Tem a mesma propriedade de indestrutibilidade dos outros itens, além de sempre retornar ao filho de Hécate, mas no caso ao seu chalé — perdê-lo em missão impede seu uso até retornar ao acampamento] {Veludo} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hécate]

-Lâminas do Caos [Duas Hidden blades feitas de prata, que saem de um bracelete também de prata com o entalhe de uma fênix e as iniciais dos nomes Irene e Ralph. Uma vez por missão, libera um veneno que paralisa o membro tocado.]

- Fênix [Espada de bronze sagrado no estilo paladino. A guarda tem forma de asas e no pomo um rubi. O rubi tem aprisionado dele a alma de uma fênix que encanta a arma para que cure o dono com 5% do dano causado e cause queimando 5% de bônus de dano causado a cada 3 rodadas.]

- Wabizuke[Espada feita de prata, com a ponta curava, de modo que fica quase impossível cortar usando ela. Sua habilidade consiste em dobrar o peso de qualquer coisa atingida por ela, seja objeto ou ser vivo. Ou seja, uma pessoa de sessenta e quatro quilos, tocada por essa espada pela primeira vez, ficaria com cento e vinte oito. Ao segundo toque, ficaria com duzentos e cinquenta e seis, assim por diante. Seu efeito dura por até 3 rodadas após o toque]

- Máscara do Pânico. [Um elmo de ferro estígio, há um desenho de caveira nele. A mandíbula fica na parte em que é possível levantar para mostrar rosto, porém, nessa parte, está uma máscara aterrorizante feita de magnésio sagrado(não queima) na mesma tonalidade do elmo, assim, parece que a caveira está rindo. Quando o usuário desejar, o elmo emite pânico no oponente por duas rodadas, mas depende de seu nível(semideus) ou força(monstro). A máscara possui função telescópica, devido a uma lente que fica no olho esquerdo da mesma, permitindo seu usuário ver objetos distantes, e inimigos a longa distância. A lente alcança até quatrocentos metros.]

- Armadura grega sem peitoral[ contém um elmo espartano sem a crina, com o desenho de uma naja pronto para dar o bote na testa, o símbolo do lanterna verde na lateral direita e o símbolo dos lanternas azuis na lateral esquerda, juntamente com dois antebraços com duas lâminas estendidas após o cotovelo e soco inglês no suporte das mãos e duas grevas que contém lâminas que se estendem 5 cm após o joelho. Em repouso, vira uma capa negra e desbotada, com um capuz dessa mesma forma.]

— Cajado Mágico [Feito em madeira reforçada com ouro negro, contém como gema mágica um rubi no alto do item, circulada por duas lâminas, como garras que mantém a pedra topo. É leve e resistente à magia, capaz de guardar e soltar de uma vez só rajadas de energia mágica (dependentes de feitiços, obviamente). Executa habilidades mágicas com maestria, recebendo assim a benção de Circe, a deusa da magia, ou seja, qualquer poder executado a partir deste item resulta em uma diminuição na taxa de MP — -4% na conta/-3 à 8] [Madeira; Ouro Negro; Rubi;] (Item de Feiticeiro) {Controle Mágico} [Presente de Reclamação por Circe]

— Relíquia Mágica [Colar simples e básico, podendo ser levado e escondido em qualquer lugar. Sua corrente é de prata negra, e cintila à noite. Seu pingente é em forma de pentagrama, feito de diamante. Duas vezes por missão e durante 2 rodadas, tendo no mínimo uma rodada de intervalo cria uma barreira mágica de cor roxa, esta cobre todo o feiticeiro. Protege contra ataques mágicos – principalmente - e ataques a longa distancia – lanças, bumerangues, correntes, flechas etc.; ataques diretos não são repelidos][Prata Negra; Diamante;] (Item de Feiticeiro) {Controle Mágico} [Presente de Reclamação por Circe]

☤ Dois pares de asas de Empousa [Quando encostar essas em suas costas, irão se conectar a sua pele e poderás voar como uma delas]

♦ Piège [Uma corrente de 2,5 metros, desses 0,5 são prata e o restante bronze Sagrado, a corrente contem farpas ao seu decorrer, as mesmas são feitas de prata, a mesma se transforma em um bracelete-cobra que ao ser acionado a corrente desliza até a mão do usuário.]

♦ {Hell Hound} / Espada [Uma espada medieval que possui um metro e trinta e cinco de comprimento, sendo que destes, noventa e cinco são de lâmina. É bastante afiada, feita de aço temperado e em seu punho, madeira. A guarda possui trinta centímetros de ponta a ponta, e no seu centro existe a figura de um corvo, um símbolo de Hécate. O seu pomo, feito de aço, é composto por duas faces de cães infernais juntas, representando Chaos e Nightwing. A espada foi feita para ser leve e de fácil manuseio, embora também seja forte. A espada também foi criada para aguentar os elementos sobrepostos a ela. Quando em repouso, se transforma em um anel com a cabeça de um cão infernal.] {Aço} (10) {Não controla nenhum elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

Poderes:
Considerar os passivos que possam ter relevância dos filhos de Hécate e feiticeiros de Circe até o nível 19. Considerar o poder especial Melinoe's Curse.


Anthony Romanov
Feiticeiros  de  Circe
Mensagens :
234

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Ewan D. Pallas em Ter 08 Out 2013, 21:08




. . . Hello? 





Não importava o que, era difícil se enturmar.

Um novo integrante se aproximou, Ewan pensou em se aproximar e lhe dar um oi, mas Khristie já tinha tomado a iniciativa. Uma fogueira se acendeu, graças a uma espécie de magia que proveio de uma das garotas, Pallas franziu a testa ao ouvir suas palavras seguintes. Uma ex caçadora? Era estranho pensar dessa forma, já ouvira falar do grupo, mas nunca o encontrara ou pesquisara mais a respeito, e a magia usada pela garota lembrou o mentalista dos feitiços usados por Sadie no Alaska... Sossegue, Ewan, repetiu a si mesmo, estás muito tenso, saia da defensiva, converse... olhe em volta, eles não vão lhe fazer mal.  E realmente não pareciam querer fazê-lo. Observou que somente Alexia e Khristie estavam realmente animadas, os outros pareciam como ele: Cautelosos.

Pallas percebeu que se manterá no mesmo lugar desde o início, resolveu mover-se, deu dois tapinhas em Summer e começou a rondar por um lugar mais acomodado, acabou por cessar seus movimentos próximo a pequena fogueira que tinham erguido, se sentou ao lado do menino que dizia se chamar Hiccup. O calor da fogueira fez extremamente bem a seu corpo, e a luz que lançava a noite deixou o lugar mais belo ainda. E, daquele ponto de vista, o fogo fornecia aos outros semideuses uma luz vermelha e forte, mas que davam um tom interessante em seus rostos.  Tudo isso, deram um pouco mais de vontade à Ewan, olhou para o lado, e tentou dar início a um diálogo com o que se dizia filho de Hefesto:

Hm... Olá? — Tentou, nunca levara jeito para isso. Um sorriso de canto brotou aos seus lábios após ouvir a resposta do garoto, um oi igualmente tímido ao do mentalista. Se Pallas o visse antes, provavelmente já deduziria que era filho de Hefesto. O garoto possuía cabelos totalmente castanhos, e seus olhos mostravam uma firmeza da mesma cor; Seu maxilar era forte, assim como resto da estatura de seu corpo. Trabalho nas forjas, adivinhou. No geral, Hicc era forte e rígido, e suas feições eram duras, o que acabavam denunciando o seu progenitor. Acabou por se sentir mais confortável ao lado dele, o garoto parecia ser o mais próximo da personalidade da prole de Íris, mas ele queria se acomodar ainda mais.

Observações:

Bem, como Ewan apenas voltou da missão, foi a Casa Grande e depois ao mar, ainda teria as armas que levara ao Alaska, que seriam:

✣ Cartas Mágicas / Baralho. [Um conjunto de 3 cartas mágicas que ao ser lançado no inimigo causa algum tipo de efeito se tocá-lo em alguma parte do corpo. O Ás de Espadas causa uma dormência no local onde a carta toca. A Dama de Copas causa queimaduras de segundo ou terceiro grau, dependendo de quanto tempo manter o contato. O Rei de Paus causa uma alergia muito forte e bastante incomoda na parte do corpo onde está tocando. Os efeitos duram por duas rodadas e depois de usadas as cartas voltam ao seu dono] [Material: Plástico] [Nível Mínimo: 5] [Elemento: Mágico] [Recebimento: Missão - A Cartomante passada por Psiquê]

✣ Yin Yang. [Uma espada de punho prateado e com um desenho bem talhado de uma borboleta em azul. Sua lâmina é de uma beleza diferenciada, pela divisão do cume central, metade dela possui um material negro e a outra metade é feito de prata sagrada. Seu corte é duplo e sua ponta afinada, uma espada bastante resistente. Ela possui uma habilidade de ativar um segundo modo em que a espada original se divide em duas, uma de lâmina totalmente preta e outra de prata sagrada. Nesse segundo formato a sua resistência diminui um pouco, porém seu corte fica extremo, podendo cortar metais pesados e causar efeitos sobre armas sagradas. Essa espada vem em uma bainha preta com entalhes azuis em borboletas, ela se adapta ao corpo do mentalista podendo ser usada do modo que este desejar carregar a espada.] [Materiais: Prata Sagrada e Material Negro] (Nível Mínimo: 1) {Elemento: Psíquico} [Recebimento: Presente por ser mentalista]

E além de tudo, seu pet:

Summer {Cão Infernal}[100/100]


Ewan D. Pallas
Filhos de Íris
Mensagens :
78

Localização :
Procure. u_u

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Sadie Bronwen em Ter 08 Out 2013, 21:34





- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - Glad to meet you?




Mais gente chegava. Ninguém tinha mais nada a fazer a não ser ir à praia? Na sua época de Acampamento, eram raros aqueles que desrespeitavam o toque de recolher... Realmente, as coisas estavam diferentes. Mas já fazia o quê? Um ano? Sim...

Não se permitiu devanear muito, apenas ouvindo as réplicas e apresentações. Muita conversa para pouco assunto, ela diria, mas ainda fez um mínimo esforço para responder Alexia, que parecia se divertir com tudo aquilo.

- Acho que minha noção de diversão é um pouco diferente.

Ainda assim, deu de ombros, caminhando para a roda que se formava - uma estranha no meio de estranhos. Fez um sinal para Ripper, que se aproximou, deitando-se na areia, e usou o enorme cão infernal como quem usa uma poltrona, ficando um pouco afastada das chamas e do centro da conversa, as costas encostadas na pelagem negra, enquanto ele sequer reclamava. Não estava mais tão afixionada na idéia de um ataque, mas as armas estavam em uma posição livre, se precisasse utilizá-las, fosse com um deles ou com qualquer outro monstro, considerando que estavam fora da barreira - ainda que duvidava um ataque surpresa, considerando sua habilidade para sentir aproximações e os sentidos apurados, tanto os seus quanto os de Ripper, muito mais confiáveis.

Aparentemente, todos que haviam ao seu alcance já haviam se apresentado e, assim como falara do protocolo, era hora de seguí-lo.

- Sou Sadie.

Sem sobrenomes, sem cargos, sem entonação - como sempre. Metade deles já a conhecera de algum lugar, e sua cena com a chegada de Rafaella também denunciou parte de seus poderes. Apenas voltou ao seu silêncio habitual, mais observando do que falando - talvez tirasse algo de útil dali, já que não era tão velha no Acampamento e a muito estava distante, não captando boa parte das referências por esses motivos. Mas estava curiosa, apesar de não demonstrar, especificamente pelos feiticeiros e sua irmã, que ainda não havia se pronunciado.


Equipamentos:
— {Agony} / Corrente [Corrente feita de bronze sagrado (muito porém tenha uma coloração esbranquiçada, o que sugere uma segunda camada de prata) com cerca de 2,5 m; o punho é feito de aço frio. Essa arma é abençoada pela deusa dos fantasmas e possui certos atributos, os quais são um controle de invisibilidade e intangibilidade. Ambos só podem ser utilizados uma vez por missão, e há gasto de energia de, mais ou menos, 80%. Sendo assim, você pode atacar um inimigo utilizando seu controle de visibilidade para que ele não veja seu ataque, e utilizar o controle de intangibilidade para desobstruir qualquer defesa física, como escudos.A corrente tem cravos de bronze sagrado, e nas extremidades pontas afiadas,como pequenas adagas.Na lateral de cada extremidade, há ganchos, que podem ser usados para enlaçar o inimigo, ou para auxiliar em uma escalada. [Presente de Melinoe][Melhorado por Pio]{Θ} {Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 5) {Controle de Espaço/Matéria} [Recebimento: Presente de Reclamação de Melinoe]

— {Legion} / Colar [Um colar feito de topázio com um pingente em uma forma abstrata, algo como um "borrão" ou uma "mancha". Uma vez por missão e, unicamente em batalha, esse colar pode ser usado para recuperar 20MP, consumindo 20 HP do ,seu oponente. Todos os corpos que são destruídos pelo filho (a) de Melinoe (ou seja, a cada morte que este provoca), tem sua alma capturada e armazenada neste colar. Há cada essência de alma absorvida por essa corrente tornará mais forte o ataque do filho de Melinoe.] {Topázio} (Nível Mínimo: 1) {Controle de almas - Almas Coletadas: 12} [Recebimento: Presente de Reclamação de Melinoe]

• Lentes do Auspício [parencem lentes de contato comuns, incolores, mas quando colocadas permitem ao usuário identificar as auras daqueles dentro do seu campo de visão. Com isso, pode-de identificar pessoas comuns de monstros ou semi-deuses, tendo também o sentido do seu nível de poder, de acordo com a intensidade da aura, mesmo sem definir suas habilidades, apenas o conhecimento do seu nível de força. No caso de semi-deuses, identifica o pai/ mãe e o patrono do grupo, nos casos em que se aplicam. Não necessitam de ativação, mas após cada uso precisa de um período de 6h de descanso, como se fossem lentes normais]

• Calçados alados [Calçados alados que podem virar o calçado que Sadie quiser. Sempre tem um par de asas, inquebráveis, na parte dos calcanhares. Impossíveis de serem roubados ou perdidos, a filha de Melinoe pode voar com eles mesmo sem experiência, pos eles ajudam-na]

• Elo de Ares [Esse anel foi feito a partir de uma peça da lança do deus da guerra. Seu uso possibilita ao semi-deus transformar qualquer arma que esteja segurando em outra arma qualquer, além de lhe oferecer as perícias mínimas para seu manuseio. Armas de longa distância terão a munição criada magicamente. Não adiciona atributos a nenhuma arma, considerando apenas os atributos já presentes na arma original, e se aplica somente a uma arma por vez. Não pode ser roubado ou perdido, sempre retornando de alguma forma à Sadie]

• Hollow[Escudo de bronze sagrado, com ganchos para uma corrente, de forma a prendê-la de duas maneiras diferentes.Pelo centro, com a corrente saindo por um lado do escudo,ficando uma única extremidade solta, ou pela lateral, deixando uma ponta livre de cada lado para o ataque. Os ganchos tem travas de segurança internas, de modo que a corrente possa ser presa ou solta de acordo com a vontade do usuário, mas não se soltasse com o tranco ou puxão de um oponente; o escudo também teria uma fivela para prendê-lo ao braço do usuário, dando um suporte maior, não escapando facilmente da mão a menos que a braçadeira do mesmo seja danificada de alguma forma.Tem uma cabeça de dragão esculpida na frente, e escamas nas laterais.]{Θ}

— Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

• Amuleto do espectro [Amuleto que permite acessar o poder especial "Forma etérea"]

pet:
Cão infernal - Ripper

   Dados de um cão infernal, retirados do bestiário:
   Cão Infernal.
   Nível de Periculosidade: XXX
   Cães Infernais são grandes cachorros do submundo. Possui pelos negros, olhos vermelho-sangue. Também é reconhecido por possuir uma tamanha força, velocidade e uma habilidade extraordinária de desaparecer e reaparecer pelas sombras. Uma outra habilidade que caracteriza o Cão Infernal, é o seu poder de viajar pelas sombras, podendo levar consigo um acompanhante. Essa habilidade faz com que o cão fique muito cansado, dependendo da distância percorrida pelo teletransporte pelas sombras.

Poderes:
Considerar todos os passivos de Melinoe e Feiticeiras até o nível 54, + Os poderes especiais Voyd's eyes e Forma etérea




Narração- Fala •  "Pensamentos


SHINJI @ OPS!
Sadie Bronwen
Feiticeiros  de  Circe
Mensagens :
316

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Rafaella Crockford Gauth em Ter 08 Out 2013, 22:33

Encontro planejado

Khristie estava bastante animada e contou para Rafaella sobre onde estava ficando e o que estava fazendo durante aquele tempo fora. O local onde Khristie morava não agradou muito Rafaella, e saber que ela estava treinando com um ex-campista também não. Khris até tentou contar isso de uma forma que conquistasse a irmã, porém Rafa sabia que ela escondia algo.

Alexia acatou as ideias de Khristie e criou uma fogueira para animar o pessoal. Logo sentou-se e convidou os demais a fazerem o mesmo. Rafaella sentou-se ao lado da feiticeira e sorriu para ela. De todos presentes, Alexia a interessava bastante, por assim dizer. Não por ser uma semideusa poderosa ou algo do tipo, e sim porque Alexia despertava outro tipo de interesse em Rafaella.

A filha de Hermes observou cada pessoa daquele grupo. Talvez ela poderia comparar cada um ali com uma bebida. Khristie seria uma generosa dose de amarula, muito doce. Alexia um copo de uísque, entorpecedora. Hiccup, talvez, uma dose de rum, inquietante... Sadie, a garota de poucas palavras, poderia ser classificada como uma garrafa de absinto, proibida e misteriosa. Hum, chega dessas comparações.

- Você queria bebida, Alexia? Aqui. - Rafaella estendeu para a garota o dedo onde seu anel especial estava. - É só você sugar e uma generosa dose de vinho irá invadir sua boca.

Rafa olhou novamente para a garota, encarando-a e sorrindo de uma maneia convidativa. Khristie era o real motivo para que ela estivesse ali, mas naquele momento a garota estava conversando com Thiago Leveck, e pelo o que parecia, o assunto deles era bastante urgente.


Observações

• Usando: Usando ISSO (Clica)
• Rafaella levou:
☤ Pulseira da Natureza: Quando o campista estiver correndo risco de morte e estiver muito ferido, a natureza ao seu redor, seja ela de qual especie, dará sua energia para curar a dona da pulseira deixando-a com energia e saúde recuperada em 50% , em compensação a natureza ao seu redor morrerá. [Dois usos por missão][Indestrutível][ By Deméter] {Pulso direito}
☤ Calçados de Espiã Alados [Um par de calçados de qualquer forma, porém negro, ou seja, da mesma cor que o Traje de Espiã. Tem asas negras, em vez de brancas, nos calcanhares. Voos realizados com esses calçados são mais rápidos que os comuns, além de proporcionar para a semideusa, estando voando ou não, mais velocidade naturalmente. Outro diferencial é que os calçados, não importando o formato, não machucam, não deixam cansar (ou seja, pode andar quanto quiser que nunca vai cansar, se estiver usando eles) e não fazem nenhum barulho, sendo completamente silencioso. Os calçados são indestrutíveis. Quem tocar os calçados sem a autorização de Rafaella tomará um choque que o fará ficar desmaiado por 3 turnos][By: Hermes] {Pés}
☤ Cantil Mágico [Cantil atribuído com a benção de Dionísio; contém vinho inacabável e recupera 10HP/EN por missão] [Presente de Dionísio] {Pendurado na cintura}
☤ Marilene [Um anel em formato de uva, que quando sugado, libera uma grande dose de vinho que fica a critério de Rafaella. Só ela pode usufruir desse anel.][By.: Katherine B. Angelline] {Polegar esquerdo}
☤ Espada dos ventos [Esta, quando não está nas mãos da filha de Hermes, transforma-se em vento e só pode ser usada pela garota, sendo convocada quando ela quiser. Tem uma lâmina de 90 cm feita de bronze sagrado, e é semi-indestrutível. A única possibilidade de ela não ser mais de Rafaella é a dona ser morta pelo novo dono][Contagem de Almas: 0] {Pode ser convocada}
☤ Adaga Envenenada [Uma adaga indestrutível, feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento][By: Hermes] {Na cintura}
☤ IPhone Explosivo [Pode ser utilizado como um celular comum por Rafaella; o mesmo possui uma frequência especial de comunicação, sendo praticamente impossível que um monstro a encontre - a menos que ele esteja muito perto. Um dos aplicativos instalados nele é o da explosão: a campista programa-o como quiser, e, dentro do tempo desejado, ele explodirá (o aparelho é indestrutível, apesar de tudo).]{Opções de explosão: gás lacrimejante, granada comum, granada de fogo, granada de luz, bomba de gás, bomba de gás de sono, bomba de gás do riso}{Presente de Níver atrasadinho da tia Athena que a ama muito, em parceria com Khris, sua Mana preferida}{Bolso direito do shorts} 
Rafaella Crockford Gauth
Filhos de Hermes
Mensagens :
436

Localização :
Onde você menos espera!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Khristie Lian em Qua 09 Out 2013, 11:11


Tuntz tuntz na praia ~



A festa começava a tomar um rumo e isso me animava. O aumento do número de pessoas em meu encontro com Rafa foi, bem, inesperado e estranho, mas todos pareciam querer colaborar com um clima mais ameno. Não sou muito boa com expressões, mas acho que ninguém estava tão animado quanto eu ou Alexia. Será que isso significava que éramos loucas, ou que éramos as normais e os outros os descompensados?

Hmm, coisas a refletir.

Sorri para Alexia, que já tinha feito uma fogueira. E eu pensando que teria que buscar gravetos na floresta. Pff. Esperava a resposta de Thiago, mas minha mente voou para a festa por um momento.


- Tem alguma coisa na minha bolsa, acho que salgadinho e uns doces. Se der sorte, sobrou marshmallows da viagem. Pode procurar aí - disse, apontando para a mochila no chão, para quem quisesse. - Só não peçam por nada saudável, não tenho essas coisas.

Posicionei-me de modo que ficasse ao lado do filho de Apolo e de frente para a 'bagunça', sorrindo com os comentários que captava. Balancei meu corpo para frente e para trás, impaciente e um pouco nervosa. Será que ele não ia falar comigo? Já se passaram, tipo 30 segundos desde que eu fiz minha pergunta ao garoto, e isso era quase uma eternidade para mim. Olhei para as meninas, querendo comentar e me juntar à conversa, mas preferi ficar na minha por mais um tempinho. Eu já tinha saído as pressas do Camp, exigir uma resposta rápida, objetiva e positiva já era pedir demais. Se eu conseguisse uma das três já ficaria feliz da vida.


Observações;

Armas


 {Quick Cut} / Adaga ▬ [Uma adaga feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento. Vem junto de um pequeno suporte (bainha) adaptável à cintura, pernas ou tornozelos] {Prata} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]

 {Titanium} / Adaga  [Feita em titânio sagrado. Sua lâmina é cromada e super afiada. Ela é levemente  encurvada, lembrando o formato de uma parte de um arco. É super-resistente, sendo difícil quebrá-la. Sua lâmina é encantada com uma chama amarelo-esbranquiçada; onde ela encostar, resultará em queimaduras leves à moderadas. O cabo é feito com tiras de couro negras trançadas.) {Titânio sagrado, couro}(Nível mínimo: 10) {Elemento: fogo} [Recebimento: Compra em forja "{§}"] 

 Armadura Completa Alada de Prata Celestial / Tênis Alado ▬ [Armadura completamente indestrutível, protege todos os pontos do corpo de Khristie, sem deixar quase nenhuma brecha. Para penetrar a Prata, é necessário o uso de golpes muito fortes. O peso da armadura não se faz sentir por magia, sendo a mesma coisa de que estar nua (em relação à liberdade de movimentos). Possui asas pequenas indestrutíveis nos calcanhares. Quando não está ativa, são Tênis Alados Nike, também indestrutíveis, mais comuns. Neles estão gravados, em tinta dourada e belo desenho, todos os momentos bons e de batalha pelos quais Khristie passou. Qualquer um que tente roubá-lo da semideusa virará pó, morrendo na mesma hora]{Armadura: prata}(Nível Mínimo: 20) {Não controla elementos}[Recebimento: missão "Shut up and pass the money!"]

 Pulseira de ouro / Escudo  ▬ [O bracelete é de ouro, Suas argolas são finas, delicadas, porém resistentes. Ligados à alguns destes aros há pequenos corações, também dourados. Há um maior, porém: nele pode-se ver um pequeno rubi encrustado. Ao puxar tal pingente, a pulseira transforma-se em um escudo de ouro. Sua parte externa é decorada com pequenos corações em alto-relevo. Na parte interna lê-se: "Esteja onde estiver, sempre vou te proteger".]{Ouro, rubi}(Nível mínimo: 12) {Não controla elementos} [Presente de aniversário de Dynan Folk (2011)]

 Colar de Cristal da Luz ▬ [Um colar de prata simples, com uma pedra semelhante ao diamante como pingente. O cristal possui cerca de 5cm de diâmetro; a menor ordem do usuário, este pode brilhar intensamente, como um arco-íris. Seu brilho é hipnotizante, fazendo com que o oponente perca o foco]{Prata, Cristal de Luz}(Nível mínimo: 10){Controla MI}[Recebimento: Missão "O Rapto"]

 Par de Brincos de Esmeralda ▬ [Brincos feitos de titânio, com uma esmeralda pendendo em um pequeno elo de prata. Leves e indestrutíveis, diminuem o cansaço do usuário em 10%, além de possibilitar a utilização de algum poder dos filhos de Apolo de acordo com o nível do usuário, com 70% de poder reduzido. A esmeralda muda de cor de acordo com o humor de seu usuário, mas a maioria das vezes é de um verde magnífico. Pode ser invocado uma vez por missão se sua dona chamá-lo.] {Esmeralda, prata} (Nível Mínimo:20) {Controla, em menor escala, os poderes dos filhos de Apollo} [Recebimento: Presente de Dammyen H. pelo aniversário (2012)]


Poderes Passivos



Sentir Aproximação ▬ Assim como as serpentes pressentem a aproximação de suas presas, os filhos de Hermes também adquirem o sentido que sempre lhes deixa a par da aproximação de outras criaturas na área em que se encontra. A extensão da mesma é definida pelo seu nível, sendo que a cada nível a partir do 5, 1 metro de extensão é adicionado. 

Neutralidade ▬ O filho de Hermes não é afetado por magias que alterem seu estado de espírito (alegre, feliz, triste, raivoso, etc.) do seu nível ou inferior.



Khristie Lian
Filhos de Hermes
Mensagens :
188

Localização :
EUA/NY ~~~ Canada/Toronto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Kaan Martinez em Qua 09 Out 2013, 20:55


Esbarrando em NY.
Oi. Sou Hiccup!

- Oi. - disse, quase como se sussurrasse.

Era bem complicado falar com pessoas que você quase nunca viu antes. Principalmente quando elas pareciam ser bem mais fortes e mais experientes do que você. Sentindo que o clima, apesar de estar calmo, estava um tanto incomodante para mim, resolvi perguntar novamente se alguém tinha algo para que eu bebesse. Sabia que era completamente diferente quando estava alterado e não faria mal se naquele dia eu resolvesse ceder a bebida. Independente da resposta alheia, comecei a tentar conversar com o garoto que falara comigo.

- Então... Ewan. Como vai? - disse, completamente sem assunto.

Pensei em aproximar-me mais dos outros, talvez perguntando para Alexia, que parecia se sentir mais a vontade ali, se ela tinha alguma ideia de onde conseguir alguma bebida alcoólica, mas descartei a ideia. Provavelmente ela iria rir da minha cara. Sadie parecia estar muito fechada, o que me fez indagar se ela não estava tão desconfortável quanto eu e Ewan. Acenei discretamente com o braço na direção da garota, perguntando para o filho de Íris:

- Ela é assim mesmo?

Reparei também em Ralph, que sugerira histórias de terror. Nerezza voltava do mar carregando suas sandálias. Rafaella ficara perto de Alexia, parecendo conhecê-la de outros encontros. Dei de ombros, esquecendo de pensar. Os pensamentos só me faziam ficar cada vez mais confuso, o que era realmente ruim. Então, reunindo toda minha coragem, resolvi falar em um tom mais alto:

- Alguém gostaria de jogar algo? Sei lá, um jogo de verdades?

Não sabia se iria funcionar, mas, pelo menos, eu achei que tinha feito a minha parte para tentar uma união do grupo disperso. Vi o filhote de raposa se aconchegar perto do fogo, próximo às garotas, e invejei sua tranquilidade.

Armas e Pet:
Armas:
— {Constructio} / Martelo [Martelo de ferreiro feito em titânio resistente ao fogo] {Titânio} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hefesto] (Amarrado na cintura de Hic)
- {Pyro} / espada [espada feita em prata sagrada com o cabo de bronze tingido em vermelho. Quando seu usuário entra em extrema ira, a lamina desta arma inflama em fogo, deixando-a mais forte.] {Prata Sagrada e Bronze} (Nível Mínimo: 10) {Controle sobre o fogo/ofensivo , empatia/pessoal} [Recebimento em missão com Ares](Bainha também amarrada na cintura de Hic)
Colar protetor [O item parece comum, mas ativado transforma-se em um escudo de bronze sagrado de tamanho mediano e formato circular. As bordas e acabamento são meio tortos - amadores - mas ainda assim cumpre com suas funções.][Bronze sagrado, sem elemento, nível mínimo 1][Recompensa de Missão: Aprendiz? - por Eos](Transformado em colar, no pescoço de Hic)

**
Pet:
{μαντείο} Filhote de raposa albina [100/100]
Kaan Martinez
Filhos de Hefesto
Mensagens :
657

Localização :
Para me encontrar, você precisa trazer ouro imperial. Ai, terás de descer até o fundo do mar e procurar um gigante que me conheça. Depois, suba novamente a terra e siga as direções desse Gigante. Talvez você me encontre, talvez não.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por John St. Christ em Qua 09 Out 2013, 21:22




 Why?




O coração de Thiago pareceu disparar quando ele começou a distinguir todas as pessoas que estavam na praia, como já concluirá antigamente, conhecia algumas silhuetas, mas uma foi a que mais o surpreendeu. A de Khristie Lian, filha de Hermes e o que ele mais temia aconteceu, ela começou a se aproximar do mesmo lentamente. E com isso, os traços de tristeza que estava estampado em sua face há alguns poucos segundos atrás, foram trocados por um misto de surpresa, medo e felicidade. Por sorte, foi a semideusa quem proferiu as primeiras palavras e ele apenas teve o trabalho de responder.

— Olá. - Respondeu, tentando sorrir, mas logo, o mesmo foi trocado por uma expressão séria. A mesma que os médicos faziam quando tinham que dar uma má noticia ao seu paciente, naquele momento, ele se lembrou do que havia ocorrido. - Por que? - Foram as palavras seguintes que sairam de seus lábios. - Por que saiu do Acampamento sem dizer um Até mais? - Perguntou, enquanto deixava um suspiro escapar de seus lábios.

Logo no instante seguinte, terminou de ouvir as palavras da garota e concordou lentamente com a cabeça quando a mesma perguntou se ele queria ir até os outros campistas que se amontoavam nas proximidades. Mas antes de dar algum passo a frente, ele voltou a olhar para a garota, nos olhos dela e terminou de dizer:
- Também senti sua falta. - Falou, seriamente. - Como também me preocupei... - Ele voltou a abrir a boca para dizer mais alguma  coisa, porém pensou duas vezes antes de falar e decidiu ficar em silêncio.
Os passos seguintes foram tensos, Thiago queria abraçar, beijar e matar toda a sua saudade de Khristie, porém ele estava ligeiramente bravo e magoado com ela, por motivos óbvios. Enquanto andava, ele fechava a sua mão lentamente e a voltava a abir-la, fez os movimentos repentinas vezes e parou quando se aproximou das pessoas. Então, ele sorriu e tocou sua cabeça com os seus dois maiores dedos da mão esquerda, e se apresentou para os desconhecidos, que por sinal,eram maioria.
- Er... - Começou, timidamente, sabia que boa parte dos que estavam ali eram realmente poderosos. - Sou Thiago, Thiago Leveck. Filho de Apolo e Líder dos Curandeiros de Asclépio. 



Obs:

As armas de Thiago andam com ele,tais como o Colar do Serpentário, o de invisibilidade, A hidden Blade e a bolsa pode ser invocada, então, ela não está com ele no momento, mas pode ser invocada a qualquer momento. 
— {Bright} / Arco [Arco feito de ouro dourado com detalhes em seu decorrer feito em ouro branco. Possibilita ao seu usuário uma melhor artilharia] {Ouro Dourado e Branco} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Apolo]

— {Perfection} / Aljava [Aljava de diamantes com flechas de fogo infinitas. Estas, ao atingirem seu oponente, o coloca em combustão instantânea] {Diamantes e Fogo} (Nível Mínimo: 1) {Controle Sobre o Fogo/Ofensivo e Defensivo} [Recebimento: Presente de Reclamação de Apolo]

— Bolsa de Componentes Mágicos / Bolsa (Nela são guardados desde objetos para preparo de poções até bisturis e utensílios médicos [ela possui espaço infinito para tais coisas e somente para tais coisas; também aparece e desaparece, dependendo exclusivamente da necessidade do semideus]) {Couro} (Nívem mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento)[Presente de Curandeiro]

— Colar do Serpentário / Colar (o formato e o estilo da confecção lembram uma serpente dourada; nunca pode ser perdido, vendido ou retirado a força, pois identifica os curandeiros e, portanto, não é considerado um item nas contagens para missões, eventos e tramas, embora ainda seja preciso citá-lo) (seu efeito principal é o de, quando retirado do pescoço, se transformar em um dos itens a seguir: uma réplica quase totalmente semelhante do Bordão de Asclépio (ou seja, uma espécime de bastão rústico e fino envolvido por uma serpente de escamas feitas de prata envenenada que podem ser tão afiadas quanto uma espada, possuindo o mesmo potencial de corte de uma arma laminada; ele se adapta completamente ao tamanho e porte físico do usuário). {Prata, madeira e veneno} (Nível mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento) [Presente de Curandeiro]

— Necklace of Invisibility / Colar [Um colar feito de prata, que tem o seu pingente feito com uma esmeralda esverdeada e levemente transparente. Este pequeno "amuleto" tem a capacidade de deixa o usuário invisível. Tendo uma barra de energia própria que diminue naturalmente enquanto o item é usado pelo usado pelo usuário. O quanto de energia gasta é critério do narrador. A barra é recarregada apenas após a Missão/PvP/Treino. Sem energia, o Amuleto é inútil. Energia: 100/100]{Prata e Esmeralda}  (Nível mínimo: 20) (Controle sobre nenhum elemento) [Comprado de: Alexia Sinclair]

— Hidden Blade {Consiste em uma lâmina de prata sagrada retráctil de  42 cm, em conjunto com um bracer [luva longa meio dedo de couro que chega até 4 dedos abaixo do cotovelo]. A lâmina pode ser discretamente estendida ou retraída, tornando-se uma ferramenta valiosa para assassinatos. Diferente da Hidden Blade original, a lâmina não está localizada na parte de baixo do antebraço, mas sim na parte superior Possuí um mecanismo que se ativa com a pressão do soco. Ou seja, assim que o punho bate no oponente, a lâmina oculta "salta" do compartimento, fincando-se no oponente e sendo recolocada manualmente pelo usuário -  por meio de um gatilho que a puxa de volta -, porém de um modo em que ela não possa ser perdida. A ponta da lâmina é coberta com ouro} {Ouro, prata sagrada} [Nível mínimo: 20] (Não controla elementos)[Vendido por Alexia Sinclair; 21/03/13]
 
John St. Christ
Filhos de Apolo
Mensagens :
384

Localização :
Chalé do Apolo ou na Enfermaria mais próxima de você

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Nerezza D. S. Etternavn em Qui 10 Out 2013, 01:05


Watch out for this girl
she's got a gun for a tongue

À medida que o tempo escorria com lentidão pelas paredes invisíveis do espaço e realidade, o número de indivíduos em volta da fogueira aumentava. Os olhos de Nerezza escorregavam para cada um deles conforme se pronunciavam ou chamavam sua frágil atenção, por algum motivo indefinido. Mais um dos garotos, já presentes quando a semideusa havia atingindo o local, revelou sua identidade, sendo esta Ralph, prole de Hécate e feiticeiro de Circe. Parecia uma mistura poderosa, uma espécie de acesso completo à magia. Antes de revelar a qual grupo pertencia, Nerezza havia visto os olhares lançados de Alexia para Sadie. Talvez por pertencerem do mesmo grupo? Não que fosse exatamente de sua conta ou interesse.

Fora Ralph, Ewan e sua irmã também se juntaram a fogueira em suas próprias maneiras, cada um com seu próprio jeito recatado de reagir a situação. Nerezza continuou apenas observando, seu olhar trocando de tempos em tempos de alvo, registrando o que lhe fosse útil até pequenos detalhes do grupo.

Viu ao longe Khristie oferecer sua bolsa para que comida fosse encontrada. Nerezza fitou primeiramente o objeto no chão e depois o grupo, esperando que alguém se movimentasse e pegasse alguma coisa de dentro, caso alguém se sentisse tentado a tal ato. A prole de Melinoe não se incluía nestes, jamais se sentiria vontade para tocar num objeto de um estranho, ao menos que lhe fosse extremamente desnecessário. De maneira alguma abriria e exploraria os pertences de alguém estranho, mas sabia que tinham pessoas ali que o realizariam sem encarar o ato como uma impostura.

O garoto com que a prole de Hermes estivera falando finalmente se aproximou da fogueira, se apresentando como Thiago Leveck, filho de Apolo e líder dos Curandeiros. Nerezza suspeitou já ter ouvido sobre ele, seu nome e sua enfermaria eram conhecidas no Acampamento. Como resposta, o cumprimentou assentindo levemente com a cabeça, com um sorriso leve nos lábios. Sua atenção então foi atraída para Hiccup, que até o momento lhe parecera um espécime tímido.

— Alguém gostaria de jogar algo? Sei lá, um jogo de verdades? — Disse ele, num volume que indicava que a pergunta fora feita para todo o grupo.

Nerezza se sentou com a postura mais ereta, refletindo sobre o oferecido. Se indagou em relação ao que lhe parecia mais interessante: histórias de terror ou um jogo? Por um lado eram as histórias, mas o jogo de verdades lhe rendaria um bom conhecimento. Mesmo sabendo que não se sentiria a vontade para falar sobre coisas pessoais com os semideuses, decidiu optar pelo jogo pelo prol do reconhecimento alheio.

— Parece interessante. — Respondeu ela, se dirigindo para o filho de Hefesto, mas deixando igualmente claro que a mensagem era para todos. — Mas qual, especificamente?

Era conhecimento geral que existiam diversos tipos de jogos relacionados a verdade. Havia o da garrafa, o que se bebia quando a resposta era positiva e uma versão do último citado, entretanto sem bebidas.

Nerezza apoiou o cabeça com a mão direita, com o cotovelo que a sustentava apoiado na perna. Um sorriso leve surgiu em seus lábios enquanto ela aguardava a resposta. A garota se indagou se estaria prestes a ouvir algo relevante ou apenas palavras prescindíveis.

Observações:

Armas Levadas:
▬ Espada Etérea [Uma arma aparentemente feita de um cristal extremamente resistente, maleável e mortífero que se ajusta perfeitamente a Diamond, assumindo a forma etérea sempre que necessário].
▬ Colar de Topázio [Com o auxílio desse colar o filho de Melinoe poderá invocar um fantasma para lutar ao seu lado; ele tem duração de quatro posts e só pode ser usado uma vez por missão. Os poderes utilizados por este são os mesmos dos filhos de Melinoe, mas se limitam até o nível 15, além de possuir o poder forma etérea e ter uma resistência um pouco maior em relação aos demais fantasmas] [Presente de Melinoe]
▬ Amuleto do Espectro (Esse amuleto possui a propriedade única de fazer com que um filho de Melinoe fique em sua forma etérea.) [Presente de Melinoe]

Poderes Utilizados:
Visão Noturna [Nível 2]
A escuridão e a noite não serão problemas para você. Seus olhos são adaptados com a escuridão e poderá enxergar até melhor que no claro. Poderás também enxergar através da névoa (Da normal e dá mágica).


Template by thepiscina from TdN. editado por Hurricane

Nerezza D. S. Etternavn
Filhos de Melinoe
Mensagens :
440

Localização :
Langt fra deg, kjære.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Mar ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 00:20

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 10 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum