Percy Jackson e os Olimpianos RPG BR
Bem vindo ao maior fórum de RPG de Percy Jackson do Brasil.

Já possui conta? Faça o LOGIN.
Não possui ainda? Registre-se e experimente a vida de meio-sangue.

♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Página 6 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por 024-ExStaff em Seg 02 Abr 2012, 00:05

Relembrando a primeira mensagem :

A Caverna



Nas profundezas da floresta, no local mais afastado e sombrio, um pequeno paraíso se escondia. Uma caverna de milhares e milhares de anos se encontrava ali. Uma mini cascata corria em seu interior e pedras preciosas iluminavam o lugar, além de belas estalactites e estalagmites espalhadas. A caverna escondia passagens secretas e talvez criaturas que ninguém jamais sonhou que existiam. Mais a fundo existe um pequeno lago de teto aberto onde o sol e a lua podem atingi-lo para aquecer e resfriar, em um ciclo sem fim. Só um aviso, não tente explorar muito a fundo ou acabara se perdendo!
024-ExStaff
Indefinido
Mensagens :
179

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Niklaus C. Schaefer em Dom 27 Jul 2014, 17:17



I'm undergroud



O vingador deveria saber que aproveitar-se da parte mais famosa do lugar seria como esperar por companhia. A voz feminina ecoou pelos tuneis da caverna, suave. Um comentário típico de quem gostaria de puxar conversa foi feito pela semideusa dos olhos arroxeados.

- Apreciar, sim. - respondeu o comentário enquanto a olhava da cabeça aos pés. - Pensar, não. Por acaso já conheceu as partes mais profundas que aqui?

E nesse momento outra pessoa ser aproximou, fazendo um barulho infernal soar pelo local. Carregando um sorriso estranho no rosto, uma das vingadoras mais sinistras que Íca já tivera o prazer (ou não) de encontrar, Amy C. Hill entrou por um dos tuneis, trazendo uma aura incomoda e lançando um olhar de desprezo ao seu líder.

Uma estranha pergunta foi feita no momento em que ela olhou para a semideusa que o acompanhava, e depois questionou o mesmo a Ícaro. O que o surpreendeu, uma vez que - até onde lembrava - ela nunca havia se dirigido a ele.

- Primeiro... - disse, não que precisasse fazê-lo, antes de expandir uma ou duas auras agradáveis pelo local, e depois balançou o braço, causando uma brisa suave e tranquilizadora.

Agora que seu ambiente estava mais "limpo" o garoto pensou um pouco sobre a pergunta da semideusa.

- Sabe o prazer que um vingador tem ao matar um assassino covarde? Digamos, que eu não sou o líder dos meninos de Nêmesis por acaso.

Poderes:
Passivos:

~[7]Aura de Confiança

Tudo pode estar dando errado, mas algo com o qual todos sempre podem contar e ter certeza é que depois de uma noite escura sempre há um lindo amanhecer. Os filhos de Eos podem inspirar confiança em qualquer pessoa próximo de si, independentemente de realmente serem confiáveis ou não, além de serem naturalmente otimistas. Poderes relativos a redução de suas habilidades através de alterações em seu ânimo são reduzidos em 25% neles e em seus aliados, desde que estejam na mesma área.

~[26]Domínio do Vento Oeste

Zéfiro, assim como Bóreas, é filho de Eos e Astreu. Zéfiro é considerado uma brisa suave, um vento agradável, sendo o mais suave dos ventos e também considerado o mensageiro da Primavera. Assim como o domínio do vento norte, essa aura torna o semideus um centro de calmaria. Todos aqueles ao seu redor ficam menos agitados e mais passíveis a diplomacia, além de sofrerem menos feitos de poderes de fúria e medo. O próprio semideus e seus aliados tornam-se 25% resistentes a este tipo de poder.

Ativos:

Nível 4 ~ Energia Positiva
Uma Vingança bem feita deixa sempre alguém satisfeito. Quando um Vingador decide que assim será, os personagens a sua escolha ficarão repentinamente de bom humor.

Yeah, i fall down
Niklaus C. Schaefer
Filhos de Eos
Mensagens :
1313

Localização :
Camarote do Safadão

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Zoey Montgomery em Dom 27 Jul 2014, 17:21



A Caverna
-q
 

   A garota sorriu à resposta do rapaz. Sim, era perfeito para se apreciar. Mas...
   - Ainda não conheço as partes mais profundas daqui. - respondeu. Então, lembrou-se de algo. - Έλα σε μένα! - pronunciou, e invocou a boneca que havia caído da casinha de bonecas que recuperara para lady Circe. - Olhe como a caverna é linda, Mortícia. - falou para a macabra boneca. 
   Então ouviu. Um som que cortou o ar da caverna, e que vez os pelos do braço da menina se arrepiarem. Era metal arrastando em pedra, criando um barulho agourento. A boneca caiu das mãos da arcana, uma vez que estas foram levadas aos ouvidos. Maldita audição sensível.
   Então a garota entrou em seu campo de visão. O olhar sanguinário e o sorriso macabro fizeram Zoey engolir em seco. A aura dela incomodava a feiticeira, mas não era só isso. O rosto da garota era familiar. Mas onde a conhecera?
   O pesado ar criado outrora pela aproximação da filha de Thanatos logo foi mandado embora pelo garoto que estava perto da prole do sol, que expandiu uma aura agradável, fazendo a arcana relaxar um pouco. 
   - Eu... Não tenho certeza... - sussurrou, em resposta à pergunta feita pela filha da morte. Sabia que havia matado muita gente em seu passado, o qual não conseguia se lembrar. Ajoelhou-se para pegar a boneca. E, de repente, tudo começou a ficar escuro. - Ah não... Agora não... - falou, antes de cair na completa escuridão.


~~~~~~~~~~~~~~~~~               

   Zoey abriu os olhos para um lugar desconhecido. A neve caía com suavidade, formando um enorme tapete branco por toda uma clareira. E, manchando a pureza do branco, havia o vermelho. Sangue.
   Olhou ao redor, vendo vários corpos mutilados. E não eram pessoas qualquer: eram semideuses. No centro da clareira havia uma pessoa em pé, e outra deitada no chão. Aproximou-se e percebeu que a caída era ela mesma. Mais um fragmento de memória!
   - Bom Zoey, você merece meus parabéns... - o que estava de pé falou. Era um garoto bonito e, julgando pelo poder que emanava, poderia ser um filho de Zeus. - Conseguiu derrotar todos os meus... Soldados. Mas infelizmente, para você, é aqui que acaba.
   A arcana do presente aproximou-se da do passado, ajoelhando ao lado dela. O rosto estava branco como cera, e o respirar era dificultoso. Havia sangue pelo corpo inteiro dela e, no abdômen, um ferimento que se não fosse estancado logo, com certeza levaria-a à morte.
   - Leve isso como uma vingança por meus irmãos. Lembra-se deles? - o menino sentou-se em cima da Zoey do passado e ergueu um punhal. - Você arrancou um braço de um deles.
   - Por favor... - a menina disse, fazendo o filho de Zeus erguer uma sobrancelha. - Se for para me matar, o faça antes de começar com o blá-blá-blá... - uma veia de irritação saltou na testa do garoto. O mesmo deu um sorriso frio e inclinou-se sobre os lábios trêmulos e brancos da garota, depositando um beijo.
   - Podíamos ter tido uma bela história, não acha?
   - Não diga asneiras, seu pedaço de lixo... - a semideusa bufou. O olhar do menino endureceu.
   - Ótimo. - ergueu a mão com a adaga. Então, abaixou-a velozmente, mas sem chegar ao coração da filha do sol. A Zoey do passado, por alguns instantes, congelou em seu lugar. O ataque fora parado por uma mão, que segurou o braço do jovem. Erguendo os olhos, pode perceber que era a garota da caverna que estava ali.
   O mesmo sorriso macabro que vira nela estava estampado no rosto, assim como a aura que ela emanava. Mesmo estando ali apenas em espírito, a menina sentia o esmagar de sua alma. 
   - Desculpe, mas não posso deixar que faça isso... - falou para o menino. Então, com um rápido movimento de uma foice que carregava, separou a cabeça do garoto do resto do corpo. - E, quanto a você...
   - Se vai me matar, ande logo... - a arcana do passado resmungou. - Não tenho paciência para ladainhas.
   A garota da foice riu.
   - Não vou te matar. Tenho outros planos para você. - falou, ajoelhando-se ao lado da Zoey do passado. - Qual o seu nome, garota? Semideusa, não é? Filha de quem?
   - Zoey... Sou Zoey Montgomery, filha de Apolo. - respondeu. - E você?
   - Me chamo Amy, e sou filha de Thanatos. - a menina apresentou-se. - Estou em busca de alguém para ensinar e poder usar... E você tem potencial. Vi isso. Lhe salvei para poder, em palavras politicamente mais corretas, lhe ensinar. 
   - Em outras palavras... Uma aprendiz... - as palavras saíram sussurradas dos lábios brancos da pequena. 
   Então, a visão começou a se desfazer.

~~~~~~~~~~~~~~~~

   Os olhos de Zoey demoraram a entrar em foco novamente. A cabeça doía muito, e aquela visão... Mas que raios fora aquilo? O estômago da arcana revirou. Vagarosamente, colocou a mão no chão, apoiando-se nela para poder sentar-se logo depois. 
   - Amy, filha de Thanatos. - falou para a garota com a foice. Uma das mãos estava apoiada ao lado do corpo, enquanto a outra apertava Mortícia, a boneca. - Sim, me lembro de você agora... Bom, mesmo que um pouco. 
   
Obs.:

Poderes
 - Feiticeiros: 
• Presença imponente (Nível 5): Sua aura mágica estará mais desenvolvida. Ela se manifestará em você impondo sua presença aos outros, isso os levará a hesitar a te atacar. Fazendo com que ganhes algum tempo. [Passivo]
• Olhos Púrpuros (Nível 7): Adentrando os feiticeiros, e adquirindo a Benção de Circe seus olhos adquirem uma pigmentação púrpura chamativa quando você assim quer – que causa receio a qualquer mortal e/ou monstro que lhe encare diretamente. [Passivo]
• Magia da Invocação I (Nível 12). Invoque um pequeno acessório do seu arsenal dizendo Έλα σε μένα. Um colar, brinco, pulseira, bracelete, anel etc. Muito útil quando não tem mais espaço para levar coisas ou esqueceu-se de algo.[Ativo]

 - Armas:
— Relíquia Mágica [Colar simples e leve, podendo ser levado e escondido em qualquer lugar. A corrente é de prata, e cintila com um brilho negro à luz da Lua. Seu pingente é em forma de pentagrama, e é feito de diamante. Duas vezes por missão e durante 2 rodadas, tendo no mínimo uma rodada de intervalo cria uma barreira mágica de cor roxa, esta cobre todo o feiticeiro. Protege contra ataques mágicos – principalmente - e ataques a longa distancia – lanças, bumerangues, correntes, flechas etc.; ataques diretos não são repelidos.][Prata; Diamante;] (Item de Feiticeira) {Controle Mágico} [Presente de Reclamação por Circe](No pescoço)
— Proud of Morgana{Anel/Escudo} [Ouro e Diamantes] [Anel mágico, encrustado com dois diamantes gêmeos em formato de sol e meia-lua. Ao seu redor, runas mágicas estão gravadas, com significados de proteção e banimento das trevas. Ao concentrar-se nele, Zoey poderá transformá-lo em um escudo de médio porte, preso ao seu pulso, e com gravuras de fadas em sua extensão. Essas figuras iluminam-se em ambientes escuros, e podem revelar a presença de magia em um ambiente, desde que esteja próxima. Sempre retorna para sua dona, e é indestrutível.] (Nível mínimo: 15) {Item Mágico: Elemento Luz} [Recebimento: Missão "Arcádia", com Afrodite](Dedo anelar esquerdo)
- Punhal de bronze sagrado [Possui a lâmina estreita e sem corte feita de bronze sagrado, tem uma ponta fina e afiada para permitir melhor perfuração. O cabo é metálico, revestido em couro para maior conforto no manuseio. Acompanha bainha simples.][Bronze sagrado e couro][Sem nível mínimo, sem elemento](Bainha presa à coxa direita)
-{Haunted Doll} [Boneca de pano em miniatura, amaldiçoada. Caiu da Casinha de Bonecas, e sem que zoey percebesse, infiltrou-se em suas coisas. Uma vez por missão, a jovem semideusa será acometida por alguma visão de seu passado, revivendo uma de suas memórias reais, até que se lembre totalmente do que se passou. O objeto só pode ser destruído na Ilha de Circe, ou caso seja devolvido ao conjunto do qual soltou-se, sendo entregue à deusa. Também pode ser oferecido à outro semideus, que passará a ser o portador da maldição.] {Pano e Estofamento} (Nível Mínimo:Um) [Elemento: Sombras] [ Recebimento:Por Hécate, após missão "A Casinha de Bonecas".]

 com: Ícaro ✖ onde: Caverna ✖ vestindo: isso ✖ post: 002

 @lilah
Zoey Montgomery
Feiticeiros  de  Circe
Mensagens :
1104

Localização :
Ilha de Circe

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Amy C. Hill em Dom 27 Jul 2014, 19:13


Caverna
Who are you?



O sorriso tornou-se ainda mais macabro quando o líder começou a acalmar o ambiente, usando de seus dons. Amy apenas revirou os olhos, e esticou seu braço na direção do garoto. Bastou-lhe um toque no ombro para que a filha de Thanatos suprimisse uma boa parte da aura da prole de Eos – não conseguiria suprimir totalmente, afinal, por mais que a vingadora nunca fosse admitir, o líder era mais forte que ela, por enquanto –, e aumentasse a sua própria, trazendo mais uma vez a presença da morte ao ambiente.

A resposta de Ícaro fez com que a semideusa risse, uma risada fria e seca. – Não seja hipócrita. Você já matou muito mais do que apenas um “assassino covarde”. – Falou, usando as palavras dele.  – O fardo que sua alma carrega é bem maior que isso. Não tente enganar uma filha da morte. – A alma de Amy estava em repúdio com a garota. O que ela estava fazendo? Por que ela simplesmente não saía dali, ou matava ao garoto? Conversar com alguém como ele era simplesmente nojento e ridículo. Não podia aceitar o que estava fazendo, mas ainda assim fazia. Ela supostamente deveria odiar qualquer um como ele, e odiava, então por quê? Por que estava sendo tão amigável?

E então, algo estranho aconteceu. A filha de Apolo abaixou-se para pegar um item no chão – uma boneca, pelo que Amy pôde ver – e então simplesmente ‘apagou’, como se estivesse em outro lugar, e não ali. Mas aonde poderia estar? Curiosa, pois sabia que conhecia a garota, Amy concentrou-se em sua mente, tentando adentrá-la. E o que viu seria perturbador para muitos, mas para a assassina era como um passeio no parque. Os corpos espalhados por todos os lugares, e o sangue se misturando com a neve, um garoto morto pela sua foice e... Zoey. A prole do sol e a da morte estavam juntas, mas não pôde ouvir o que diziam, graças à dor.

Foi colocada de joelhos – e obrigada a deixar a mente de Montgomery – quando a dor aguda tomou conta de sua cabeça. Conhecia muito bem aquilo, como se seu cérebro estivesse sendo rasgado. Se estivesse sozinha, teria gritado, mas se conteve apenas por causa das presenças. Fechou seus olhos graças à insuportável tortura, e quando os abriu, não estava mais na caverna.

...


Estava no meio de um campo de batalha. Os corpos de semideuses e monstros estavam espalhados pelo chão, mas Amy sabia que não haviam lutado entre si. Os dois grupos haviam lutado contra ela. Em sua mão, apenas uma adaga. Nunca precisara de mais que isso. Mas também sabia que não havia feito aquele estrago sozinha, pois nem ela era capaz de tamanha façanha. – Ganhamos. – A voz falou, e a vingadora virou-se, para encontrar a garota da caverna, coberta de sangue – assim como ela própria deveria estar – e sorriu ao perceber que nenhuma gota era do sangue de Zoey.

- Sim... Ganhamos. – Sorriu, colocando sua arma de volta no lugar. Sentia suas energias se esvaírem, mas manteve-se de pé. – Mas esse foi apenas o primeiro estágio. Teremos de passar por muito mais que isso. Preciso de ajuda, ainda tem com você alguma das suas poções?

...


Voltou à realidade, ainda com a cabeça doendo. – Sim, eu também me lembro vagamente de você. Zoey Montgomery, de Apolo. Mas saber seu nome não me responde a pergunta de verdade. Quem é você? – Amy parecia bem mais séria, ainda mais porque a dor a desconcentrava, e o sorriso sumiu totalmente de sua face. A vingadora já havia lutado lado a lado com a filha do sol, mas nenhuma reconhecia à outra. Por quê?

Armas:
♦ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

   — {Death} / Foice [Foice da Morte; mede cerca de 2 m. O cabo é feito de ouro negro, sua lâmina é de bronze sagrado. Ajuda no controle de almas. Ao desejo de seu dono, ela se transforma em um pingente de foice] {Ouro Negro e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Controle sobre as Almas} [Recebimento: Presente de Reclamação de Thanatos]

♦ {Eberfänger} / Adaga [Também conhecida como Adaga Presas de Javali, essa arma possui trinta e cinco centímetros, e uma lâmina sinuosa,  com uma espécie de pescoço, feita de prata. Seu cabo é em madeira, entalhado para se encaixar perfeitamente nas mãos da dona. O dano causado por essa arma é tanto de perfuração quanto de corte, por possuir uma ponta bastante afiada, assim como seus gumes. Por ser uma adaga, é leve - trezentas gramas - e fácil de ser escondida, facilitando os golpes rápidos e furtivos. Acompanha uma bainha de couro.] {Prata, Madeira e Couro} (Nível Mínimo: 01) {Não controla nenhum elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

♦ {Claw} / Adaga [Também conhecida como Adaga Garra de Basilisco, essa arma possui trinta e cinco centímetros, e uma lâmina sinuosa e totalmente ondulada, feita de uma liga de aço e bronze sagrado. Seu cabo – que possui um pequeno compartimento onde pode ser guardada uma pequena dose de veneno - é em madeira, entalhado para se encaixar perfeitamente nas mãos da dona. O dano causado por essa arma é tanto de perfuração quanto de corte, por possuir uma ponta bastante afiada, assim como seus gumes. Por ser uma adaga, é leve - trezentas gramas - e fácil de ser escondida, facilitando os golpes rápidos e furtivos. Acompanha uma bainha de couro.] {Aço e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 01) {Não controla nenhum elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

— {Revenge} Adaga [Uma adaga aparentemente normal, com aproximadamente 30cm de comprimento. Sua lâmina é feita de prata sagrada e é extremamente afiada; nunca perde o fio. Nêmesis abençoou as armas de seus Seguidores com a propriedade de sempre voltar à sua bainha, não importa quão longe ou onde ela esteja. Demora, em média, cinco minutos para a arma voltar ao seu lugar. Acompanha a bainha de couro. [Prata Sagrada] (Item de Vingador) {Sem controle de Elementos} [Presente de Nêmesis para os Vingadores]

— {Viper} / Adaga [feita de bronze sagrado, possui um fraco brilho esverdeado. Possui cerca de 30 centímetros, sendo 20 de lâmina. Quando atinge o inimigo, um veneno é liberado e consequentemente a lâmina perde seu brilho. O veneno mina 5 pontos de HP da vítima a partir do turno seguinte.] {Bronze Sagrado} (Nível mínimo: 03) {Não controla nenhum elemento}[Recebimento: Comprado de Oliver H. Greyback]

Poderes:

Passivos

Influência sobre o medo {Nível 01} - As pessoas perto de você podem entrar em pânico só por sentir sua presença, um estado de choque ao ver que você estará por perto, sendo filho da Morte. Se manterão longe e podem até hesitar um ataque em um nível maior, admitindo o poder do semideus.

Personalidade de Ceifador {Nível 01} - Essa habilidade é praticamente um indicador das características dos ceifadores. Eles são disciplinados(Cumprem ordens e não são punidos de forma injusta), frios(Não caem em chantagens emocionais, não possuem pena), secos(Podem ser grossos e provocar a inimizade dos outros com facilidade), concentrados(Não são afetados por charme ou beleza) e focados em seu dever(Abandonam todas as tarefas para o chamado da morte). Por ser algo mutável de meio-sangue para meio-sangue, o semideus poderá escolher três características, sendo que uma delas é obrigatoriamente o foco. {New}

Baldado {Nível 02} - Simplesmente ao passar por alguma pessoa, animal, plantas, a felicidade desaparecerá. As plantas murcham e o ar se torna pesado. A tristeza tomará conta de tudo e todos que estiverem ao seu caminho. Pode levar a melancolia e a depressão.

Beleza {Nível 03} - Os filhos de Thanatos herdam muitas características de seu pai. Portanto, herdam também a sua beleza. Thanatos era um deus belíssimo, e assim serão os seus filhos. Enganará pessoas com facilidade, geralmente os semideuses se sentirão atraídos pelo filho de Thanatos. {New}

Visão Sinistra {Nível 12} - O semideus adquire sentidos de morte mais apurados e passa a perceber o sobrenatural pelo prisma da Morte. Ele enxerga o fardo da morte ao redor de uma pessoa: não a probabilidade de morrer (a menos que o indivíduo tenha uma doença terminal), mas com que frequência ele se associou (consciente ou inconscientemente) aos mortos ou aos agonizantes. Aqueles que perderam muitos entes queridos ou que mataram muitas pessoas costumam carregar fardos mais pesados. Este sentido também se aplica a coisas e lugares. Usando este clássico, o semideus é capaz de perceber o pesar de uma pessoa devido a uma perda recente e manipular a vulnerabilidade emocional do indivíduo. Pode ser usado para identificar assassinos que tenham disfarçado seus crimes para que não fossem descobertos (mas o clássico não revela os pormenores do assassinato: revela apenas que o alvo tem sangue nas mãos). Esta visão não funciona com pessoas que não se lembram das perdas ou não reconhecem-nas. O poder também serve para diferenciar um morto de um não morto, ou seja, caso uma pessoa tenha se acidentado, podes ver se ela morreu ou ainda está viva. {New}

Ativos

Anjo da morte I {Nível 10} - Thanatos é muitas vezes retratado como um anjo, com asas negras ou brancas. Nesse nível, seus filhos herdarão asas espirituais, feitas a partir da energia vital do mesmo, que só servirão para proteção. Essas asas são resistentes como carvalho, e cobrirão o corpo do semideus. Porém, elas se retrairão depois de três rodadas. {New}

Nível 10 ~ Leitura de mentes II
Você agora tem certo controle, podendo não escutar mentes. Porém, você não tem a capacidade de achar o que quer na mente da pessoa e sim ver o que ela pensa no momento.

Suprimir Auras {Nível 12} - O semideus suprime sua aura pessoal ou de outra pessoa que ele toque. Com efeito, ele faz a aura adormecer, atenuando as ondulações características que ele cria na névoa e deixando-a mais difícil de detectar (ou praticamente impossibilitando a detecção), a não ser pelos sentidos mais potentes. {New}


Crédito do template a Tamy!

Amy C. Hill
Filhos de Tânatos
Mensagens :
107

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Niklaus C. Schaefer em Dom 27 Jul 2014, 20:22



Two girls



Ambas semideusas pareciam estar sofrendo um pouco com dores na cabeça, e também pareciam se conhecer de outrora. Ícaro ouviu o comentário da filha de Thanatos, que falava como se soubesse algo sobre ele ou o peso que ele carregava em sua consciência. Mal sabia ela, que a única morte pela qual se sentia culpado era uma que não havia sido executada por ele, mal sabia ela que o maior fardo que ele suportava era ele mesmo. O Íca das noites escuras de sua infância, o menino que nasceu de lugar nenhum da floresta, e a ela voltou para lutar contra o mundo e si mesmo por longos anos. Mas isso era uma realidade distante de onde ele estava agora. O camp, sua nova mestra, e seus novos amigos acabaram por mostrar ao menino que ele tinha uma razão que não podia ser ignorada para ser alguém mais que um assassino e voltar a ser como um Newerland, justo.

Amy esticou o braço na direção do filho do amanhecer, ele sabia que com certeza era um truque da vingadora, mas não recuou, simplesmente levantou a mão da mesma forma e lhe retribuiu o toque, cruzando seus dedos.

Mostre-me o tem então, filha da morte.

A surpresa de Newerland foi grande ao ver sua aura se esvaindo ao redor deles. Era um poder interessante, pensou ele. E não pode evitar um sorriso ao ver que era o exato poder que ele gostaria de ter para usar contra ela.

- É um prazer também, garotas.

Poderes:
Passivos:

~[26]Domínio do Vento Oeste

Zéfiro, assim como Bóreas, é filho de Eos e Astreu. Zéfiro é considerado uma brisa suave, um vento agradável, sendo o mais suave dos ventos e também considerado o mensageiro da Primavera. Assim como o domínio do vento norte, essa aura torna o semideus um centro de calmaria. Todos aqueles ao seu redor ficam menos agitados e mais passíveis a diplomacia, além de sofrerem menos feitos de poderes de fúria e medo. O próprio semideus e seus aliados tornam-se 25% resistentes a este tipo de poder.

Ativos:

Nível 15 ~ Ataque Vingativo
Depois de sofrer um ataque, um Vingador pode reproduzi-lo no inimigo que o fez, seja este físico ou mental. Duas vezes por missão.

Some mental problems
Niklaus C. Schaefer
Filhos de Eos
Mensagens :
1313

Localização :
Camarote do Safadão

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Zoey Montgomery em Seg 28 Jul 2014, 17:58



A Caverna
-q
 

   Zoey colocou-se de pé, indo em direção à Amy, até que ficasse bem próxima à filha de Thanatos. Encarou-a nos olhos. E, no olhar dela, viu ao fundo a sede de sangue e a loucura... Coisas que viu em seu olhar nos fragmentos de sua memória. 
   - Só o que posso lhe dizer é isso: sou Zoey Montgomery, filha de Apolo e serva de Circe. - respondeu, dando as costas para a menina. Caminhou, então, até a beira do lago, ficando ao lado do garoto. A arcana respirou fundo pelo nariz e soltou pela boca, enquanto encarava o céu pela cratera da caverna. - Eu tenho um... Probleminha de memória. - falou, ainda sem se virar. 
   Soltou um pesado suspiro. Depois, voltou-se para o garoto, com um sorriso de desculpas.
   - Sinto muito, isso é rude de minha parte. Mesmo que já o tenha dito... Sou Zoey, filha de Apolo. - disse, fazendo da maneira correta. - E você, é...?

Obs.:

Poderes
 - Feiticeiros: 
• Presença imponente (Nível 5): Sua aura mágica estará mais desenvolvida. Ela se manifestará em você impondo sua presença aos outros, isso os levará a hesitar a te atacar. Fazendo com que ganhes algum tempo. [Passivo]
• Olhos Púrpuros (Nível 7): Adentrando os feiticeiros, e adquirindo a Benção de Circe seus olhos adquirem uma pigmentação púrpura chamativa quando você assim quer – que causa receio a qualquer mortal e/ou monstro que lhe encare diretamente. [Passivo]
• Magia da Invocação I (Nível 12). Invoque um pequeno acessório do seu arsenal dizendo Έλα σε μένα. Um colar, brinco, pulseira, bracelete, anel etc. Muito útil quando não tem mais espaço para levar coisas ou esqueceu-se de algo.[Ativo]

 - Armas:
— Relíquia Mágica [Colar simples e leve, podendo ser levado e escondido em qualquer lugar. A corrente é de prata, e cintila com um brilho negro à luz da Lua. Seu pingente é em forma de pentagrama, e é feito de diamante. Duas vezes por missão e durante 2 rodadas, tendo no mínimo uma rodada de intervalo cria uma barreira mágica de cor roxa, esta cobre todo o feiticeiro. Protege contra ataques mágicos – principalmente - e ataques a longa distancia – lanças, bumerangues, correntes, flechas etc.; ataques diretos não são repelidos.][Prata; Diamante;] (Item de Feiticeira) {Controle Mágico} [Presente de Reclamação por Circe](No pescoço)
— Proud of Morgana{Anel/Escudo} [Ouro e Diamantes] [Anel mágico, encrustado com dois diamantes gêmeos em formato de sol e meia-lua. Ao seu redor, runas mágicas estão gravadas, com significados de proteção e banimento das trevas. Ao concentrar-se nele, Zoey poderá transformá-lo em um escudo de médio porte, preso ao seu pulso, e com gravuras de fadas em sua extensão. Essas figuras iluminam-se em ambientes escuros, e podem revelar a presença de magia em um ambiente, desde que esteja próxima. Sempre retorna para sua dona, e é indestrutível.] (Nível mínimo: 15) {Item Mágico: Elemento Luz} [Recebimento: Missão "Arcádia", com Afrodite](Dedo anelar esquerdo)
- Punhal de bronze sagrado [Possui a lâmina estreita e sem corte feita de bronze sagrado, tem uma ponta fina e afiada para permitir melhor perfuração. O cabo é metálico, revestido em couro para maior conforto no manuseio. Acompanha bainha simples.][Bronze sagrado e couro][Sem nível mínimo, sem elemento](Bainha presa à coxa direita)
-{Haunted Doll} [Boneca de pano em miniatura, amaldiçoada. Caiu da Casinha de Bonecas, e sem que zoey percebesse, infiltrou-se em suas coisas. Uma vez por missão, a jovem semideusa será acometida por alguma visão de seu passado, revivendo uma de suas memórias reais, até que se lembre totalmente do que se passou. O objeto só pode ser destruído na Ilha de Circe, ou caso seja devolvido ao conjunto do qual soltou-se, sendo entregue à deusa. Também pode ser oferecido à outro semideus, que passará a ser o portador da maldição.] {Pano e Estofamento} (Nível Mínimo:Um) [Elemento: Sombras] [ Recebimento:Por Hécate, após missão "A Casinha de Bonecas".]

 com: Ícaro ✖ onde: Caverna ✖ vestindo: isso ✖ post: 003

 @lilah
Zoey Montgomery
Feiticeiros  de  Circe
Mensagens :
1104

Localização :
Ilha de Circe

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Amy C. Hill em Ter 29 Jul 2014, 11:05


Caverna
Power battle



Amy não se surpreendeu ao perceber que sua aura também se esvaía, junto da do garoto, afinal, ela mesma já havia usado aquela habilidade contra seus inimigos. Vingadores e seus truques... No entanto, quando se tratava de medo, filhos de Thanatos possuíam muitas armas. Aproveitando-se do contato com o garoto, começou a concentrar-se e desejar que ele “morresse”. Seu sangue pareceria circular mais lentamente, e seu corpo esfriaria até atingir o nível de um cadáver. O sorriso psicótico brincou mais uma vez nos lábios da garota, que olhou diretamente nos olhos do rival.

E em seus olhos negros como a noite em seu mais sombrios momentos, Ícaro encontraria nada mais que as visões mais horrendas que sua mente pudesse aguentar. Isso porque a vingadora estava se contendo, de modo a não usar o poder com sua máxima força. O sorriso se tornou uma risada fria e seca. – Sua vez. – Realmente estava gostando do pequeno joguinho, e embora achasse muito errado, por algum motivo não se afastou do homem. Em sua mente, algo se agitou. Se odiava tanto os homens, por que não fazia com aquele o que havia feito com todos os outros? Ou talvez, você não odeie os homens. Descartou esse pensamento tão logo quanto o teve.

Largou a mão do filho de Eos quando a garota se aproximou. Próxima demais. E por um instante, só um desejo se passava pela mente doentia de Amy: beijá-la. Por quê? A filha da morte não era assim. Ela não se comportara nunca daquela forma, e nunca tivera desejos como aquele antes. Por que naquele momento? Não achava que era culpa de Zoey, ou do vingador. Algo mais despertava aquilo nela, mas não conseguia pensar no que era.

- Problemas de memória? – A mente da semideusa trabalhou rápido, ligando as duas garotas, e a pergunta se formou nos pensamentos da semideusa. Sem nenhuma discrição, como era típico de Amy, perguntou. – Poderia ser descrito como um bloqueio mental? Como se suas memórias estivessem lá, mas você não conseguisse acessá-las? Porque isso é o que acontece comigo.

Armas:
♦ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

   — {Death} / Foice [Foice da Morte; mede cerca de 2 m. O cabo é feito de ouro negro, sua lâmina é de bronze sagrado. Ajuda no controle de almas. Ao desejo de seu dono, ela se transforma em um pingente de foice] {Ouro Negro e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Controle sobre as Almas} [Recebimento: Presente de Reclamação de Thanatos]

♦ {Eberfänger} / Adaga [Também conhecida como Adaga Presas de Javali, essa arma possui trinta e cinco centímetros, e uma lâmina sinuosa,  com uma espécie de pescoço, feita de prata. Seu cabo é em madeira, entalhado para se encaixar perfeitamente nas mãos da dona. O dano causado por essa arma é tanto de perfuração quanto de corte, por possuir uma ponta bastante afiada, assim como seus gumes. Por ser uma adaga, é leve - trezentas gramas - e fácil de ser escondida, facilitando os golpes rápidos e furtivos. Acompanha uma bainha de couro.] {Prata, Madeira e Couro} (Nível Mínimo: 01) {Não controla nenhum elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

♦ {Claw} / Adaga [Também conhecida como Adaga Garra de Basilisco, essa arma possui trinta e cinco centímetros, e uma lâmina sinuosa e totalmente ondulada, feita de uma liga de aço e bronze sagrado. Seu cabo – que possui um pequeno compartimento onde pode ser guardada uma pequena dose de veneno - é em madeira, entalhado para se encaixar perfeitamente nas mãos da dona. O dano causado por essa arma é tanto de perfuração quanto de corte, por possuir uma ponta bastante afiada, assim como seus gumes. Por ser uma adaga, é leve - trezentas gramas - e fácil de ser escondida, facilitando os golpes rápidos e furtivos. Acompanha uma bainha de couro.] {Aço e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 01) {Não controla nenhum elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

— {Revenge} Adaga [Uma adaga aparentemente normal, com aproximadamente 30cm de comprimento. Sua lâmina é feita de prata sagrada e é extremamente afiada; nunca perde o fio. Nêmesis abençoou as armas de seus Seguidores com a propriedade de sempre voltar à sua bainha, não importa quão longe ou onde ela esteja. Demora, em média, cinco minutos para a arma voltar ao seu lugar. Acompanha a bainha de couro. [Prata Sagrada] (Item de Vingador) {Sem controle de Elementos} [Presente de Nêmesis para os Vingadores]

— {Viper} / Adaga [feita de bronze sagrado, possui um fraco brilho esverdeado. Possui cerca de 30 centímetros, sendo 20 de lâmina. Quando atinge o inimigo, um veneno é liberado e consequentemente a lâmina perde seu brilho. O veneno mina 5 pontos de HP da vítima a partir do turno seguinte.] {Bronze Sagrado} (Nível mínimo: 03) {Não controla nenhum elemento}[Recebimento: Comprado de Oliver H. Greyback]

Poderes:

Passivos

Influência sobre o medo {Nível 01} - As pessoas perto de você podem entrar em pânico só por sentir sua presença, um estado de choque ao ver que você estará por perto, sendo filho da Morte. Se manterão longe e podem até hesitar um ataque em um nível maior, admitindo o poder do semideus.

Personalidade de Ceifador {Nível 01} - Essa habilidade é praticamente um indicador das características dos ceifadores. Eles são disciplinados(Cumprem ordens e não são punidos de forma injusta), frios(Não caem em chantagens emocionais, não possuem pena), secos(Podem ser grossos e provocar a inimizade dos outros com facilidade), concentrados(Não são afetados por charme ou beleza) e focados em seu dever(Abandonam todas as tarefas para o chamado da morte). Por ser algo mutável de meio-sangue para meio-sangue, o semideus poderá escolher três características, sendo que uma delas é obrigatoriamente o foco. {New}

Baldado {Nível 02} - Simplesmente ao passar por alguma pessoa, animal, plantas, a felicidade desaparecerá. As plantas murcham e o ar se torna pesado. A tristeza tomará conta de tudo e todos que estiverem ao seu caminho. Pode levar a melancolia e a depressão.

Beleza {Nível 03} - Os filhos de Thanatos herdam muitas características de seu pai. Portanto, herdam também a sua beleza. Thanatos era um deus belíssimo, e assim serão os seus filhos. Enganará pessoas com facilidade, geralmente os semideuses se sentirão atraídos pelo filho de Thanatos. {New}

Visão Sinistra {Nível 12} - O semideus adquire sentidos de morte mais apurados e passa a perceber o sobrenatural pelo prisma da Morte. Ele enxerga o fardo da morte ao redor de uma pessoa: não a probabilidade de morrer (a menos que o indivíduo tenha uma doença terminal), mas com que frequência ele se associou (consciente ou inconscientemente) aos mortos ou aos agonizantes. Aqueles que perderam muitos entes queridos ou que mataram muitas pessoas costumam carregar fardos mais pesados. Este sentido também se aplica a coisas e lugares. Usando este clássico, o semideus é capaz de perceber o pesar de uma pessoa devido a uma perda recente e manipular a vulnerabilidade emocional do indivíduo. Pode ser usado para identificar assassinos que tenham disfarçado seus crimes para que não fossem descobertos (mas o clássico não revela os pormenores do assassinato: revela apenas que o alvo tem sangue nas mãos). Esta visão não funciona com pessoas que não se lembram das perdas ou não reconhecem-nas. O poder também serve para diferenciar um morto de um não morto, ou seja, caso uma pessoa tenha se acidentado, podes ver se ela morreu ou ainda está viva. {New}

Ativos

Algor Mortis {Nível 12} - Ao usar essa habilidade, o corpo do alvo esfriará (devido a uma diminuição imaginária da circulação sanguínea) fazendo seus movimentos e pensamentos serem mais lentos. Dura dois posts, duas vezes por missão.

Olhos negros {Nível 26} - Um tom escuro assumirá toda a dimensão dos olhos do filho de Thanatos e atrairá a atenção do inimigo para os mesmos, impedindo a visão de qualquer outro local. Imagens horrendas passarão pelos globos oculares e tais sugarão 30% da energia do inimigo. Caso esteja com falta de energia, a quantidade retirada do inimigo voltará para si.


Crédito do template a Tamy!

Amy C. Hill
Filhos de Tânatos
Mensagens :
107

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Niklaus C. Schaefer em Ter 29 Jul 2014, 14:15



Amy & Zoey



Não fosse a vingadora ser tão sinistra e claramente não gostar de Ícaro, eles até que poderiam jogar no mesmo time. Deu para ver que ela gostava de "brincar" com os poderes semideuses que tinha. O que era um dos passatempos favoritos de Newerland.

A garota soltou um sorriso sinistro - como era de costume - o que levou o vingador a crer que um novo truque estava por vir. Entretanto, ele não conseguiu sentir nenhuma reação aparente, no começo. Um blefe? Talvez sim, talvez... E então, no momento em que olhou nos olhos da semideusa, ele começou a notar um novo "ataque", este não parecia ser brincadeirinha. O esforço no rosto da semideusa era sutil, mas não invisível, Íca reconhecia bem aquele pausar na respiração. Era o tipo de coisa que acontecia quando os semideuses usavam seus poderes mais fortes, ou recém dominados.

- Não se esforce muito quando enfrentar outro vingador, Amy. - dirigiu-se a semideusa, sorrindo enquanto apertava um pouco a mão da garota, queria desconcentra-la. - Poderes fortes demais costumam falhar.

Alias, as duas semideusas pareciam ter algo muito em comum, mesmo a que tal filha de Apolo fosse bem mais simpática.

- Olá, Zoey. - o garoto abriu um largo sorriso para ela. - Sou Ícaro Newerland, filho de Eos. Estou atrapalhando algo aqui? Estava só passando para apreciar mais uma das partes desse incrível local.

Disse, voltando a encarar a água mais uma vez, a leve brisa ainda lhe escorria suavemente pelo rosto. Observou o liquido frio e incolor que cobria o fundo do lugar, era provável que ali estivesse cheio de cavernas submersas e tuneis para lugares desconhecidos. Toda aquela ideia lhe era um tanto tentadora...

Poderes:
Passivos:

Nível 3 ~ Imunidade
Apesar de ser a deusa principalmente da vingança, a Justiça também é uma esfera de controle atribuída a ela. Todos os seus aprendizes, por possuírem uma proteção justa, são imunes a qualquer maldição que fará com que eles tenham mais dificuldade em lutar

Nível 22 ~ Excesso de Poder
Nêmesis pune os que possuem poder demais. Quando um de seus aprendizes está lutando com alguém pelo menos nível 15, este perderá dois níveis temporariamente, até o combate terminar.

~[26]Domínio do Vento Oeste
Zéfiro, assim como Bóreas, é filho de Eos e Astreu. Zéfiro é considerado uma brisa suave, um vento agradável, sendo o mais suave dos ventos e também considerado o mensageiro da Primavera. Assim como o domínio do vento norte, essa aura torna o semideus um centro de calmaria. Todos aqueles ao seu redor ficam menos agitados e mais passíveis a diplomacia, além de sofrerem menos feitos de poderes de fúria e medo. O próprio semideus e seus aliados tornam-se 25% resistentes a este tipo de poder.

A fera e a fera
Niklaus C. Schaefer
Filhos de Eos
Mensagens :
1313

Localização :
Camarote do Safadão

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Zoey Montgomery em Sex 01 Ago 2014, 23:06



A Caverna
-q
 

   Zoey sorriu para o garoto de forma simpática.
   - Não, não está. - disse gentilmente. Então, caminhou até que estivesse entre o garoto e Amy. Primeiro por precaução, já que não queria que ninguém morresse. Segundo por que... Bom, queria dar uma olhada melhor na filha da morte.
   Forçou a barreira que havia em sua cabeça, tentando ultrapassá-la para poder ver mais sobre seu passado. Mas, infelizmente, o que conseguiu foi somente uma bruta dor de cabeça. 
   - Sim, seria mais ou menos isso... - sussurrou, em resposta à pergunta de Amy. - Não consigo acessar minhas lembranças... É como se houvesse um muro, e eu não consigo atravessá-lo de jeito nenhum. - um suspiro frustado saiu de seus lábios. 
   Novamente, chegou perto de Amy, deixando seu rosto próximo ao dela.
   - Amy, quero lhe agradecer por muita coisa. - disse, tão próxima à vingadora que podia sentir a respiração dela. - E, para começar, quero ajudar-lhe com seu temperamento... Quero torná-la mais forte. - continuou, sem se afastar. - Quero que se torne minha aprendiz. - finalizou, mantendo a posição perto da menina. 
Obs.:

Poderes
 - Feiticeiros: 
• Presença imponente (Nível 5): Sua aura mágica estará mais desenvolvida. Ela se manifestará em você impondo sua presença aos outros, isso os levará a hesitar a te atacar. Fazendo com que ganhes algum tempo. [Passivo]
• Olhos Púrpuros (Nível 7): Adentrando os feiticeiros, e adquirindo a Benção de Circe seus olhos adquirem uma pigmentação púrpura chamativa quando você assim quer – que causa receio a qualquer mortal e/ou monstro que lhe encare diretamente. [Passivo]

 - Armas:
— Relíquia Mágica [Colar simples e leve, podendo ser levado e escondido em qualquer lugar. A corrente é de prata, e cintila com um brilho negro à luz da Lua. Seu pingente é em forma de pentagrama, e é feito de diamante. Duas vezes por missão e durante 2 rodadas, tendo no mínimo uma rodada de intervalo cria uma barreira mágica de cor roxa, esta cobre todo o feiticeiro. Protege contra ataques mágicos – principalmente - e ataques a longa distancia – lanças, bumerangues, correntes, flechas etc.; ataques diretos não são repelidos.][Prata; Diamante;] (Item de Feiticeira) {Controle Mágico} [Presente de Reclamação por Circe](No pescoço)
— Proud of Morgana{Anel/Escudo} [Ouro e Diamantes] [Anel mágico, encrustado com dois diamantes gêmeos em formato de sol e meia-lua. Ao seu redor, runas mágicas estão gravadas, com significados de proteção e banimento das trevas. Ao concentrar-se nele, Zoey poderá transformá-lo em um escudo de médio porte, preso ao seu pulso, e com gravuras de fadas em sua extensão. Essas figuras iluminam-se em ambientes escuros, e podem revelar a presença de magia em um ambiente, desde que esteja próxima. Sempre retorna para sua dona, e é indestrutível.] (Nível mínimo: 15) {Item Mágico: Elemento Luz} [Recebimento: Missão "Arcádia", com Afrodite](Dedo anelar esquerdo)
- Punhal de bronze sagrado [Possui a lâmina estreita e sem corte feita de bronze sagrado, tem uma ponta fina e afiada para permitir melhor perfuração. O cabo é metálico, revestido em couro para maior conforto no manuseio. Acompanha bainha simples.][Bronze sagrado e couro][Sem nível mínimo, sem elemento](Bainha presa à coxa direita)

 com: Ícaro ✖ onde: Caverna ✖ vestindo: isso ✖ post: 004

 @lilah
Zoey Montgomery
Feiticeiros  de  Circe
Mensagens :
1104

Localização :
Ilha de Circe

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Amy C. Hill em Qui 07 Ago 2014, 19:48


Caverna
My Turn



O sorriso deu lugar a uma expressão seca com o comentário de Ícaro. O impulso de Amy mandava que a garota matasse o seu líder, mas a ceifadora se controlava. Seria uma boa perdedora, afinal a guerra ainda não havia acabado. A garota possuía outros truques, mesmo que estes pudessem realmente deixá-la cansada. Se concentrou em seus poderes, e quando estava prestes a lançar seu ataque no filho de Eos, Zoey se colocou entre os dois.

Surpreendeu-se com a confirmação da arcana. Talvez fossem bem mais ligadas do que a vingadora suspeitava, mas até que ponto a relação se estendia? Precisava conhecer melhor a prole do sol, e descobrir tudo o que pudesse sobre ela, talvez assim pudesse se lembrar de algo sobre o seu próprio passado. “Quero lhe agradecer por muita coisa.” Sobre o que a garota se lembrava da ceifadora? O que ela sabia? A mente se agitava enquanto Zoey se aproximava mais. E os impulsos carnais voltavam. A aproximação da semideusa fora tanta que Amy teve de pressionar o dedo contra uma de suas adagas – liberando um discreto filete de sangue – para que a dor pudesse controlá-la. O que estava sentindo era totalmente sem explicação, mas por algum motivo sentia-se fisicamente atraída pela feiticeira.

- O que há de errado com meu temperamento? – Falou, com um meio sorriso no rosto. Ao contrário de todas as vezes em que sorrira por anos, aquele era sincero, puro até. Refletia bondade, embora Amy fosse o completo oposto disso. – Eu aceito. – Falou, e então lembrou-se da companhia. Olhou friamente para Ícaro, e estendeu os braços, envolvendo neles o corpo da semideusa. Assim ela estaria protegida de sua habilidade, ao contrário do semideus para o qual Amy olhava. Sentiu o calor do corpo da menina em seu abraço, e sentiu-se feliz por isso, de uma forma que não se sentia desde... Não se lembrava. Provavelmente a última pessoa que abraçara fora sua mãe, anos atrás. Quanto tempo havia se passado desde então? Não conseguia se recordar, graças ao maldito muro que bloqueava suas memórias.

Reuniu uma parte de seu poder, colocando em mente todo o mal que já havia feito, todas as cenas horrendas que já havia visualizado, e se concentrou nelas. Olhou diretamente nos olhos de seu rival, utilizando seu poder. Não queria usá-lo, estava guardando-o para o final, mas as palavras do filho de Eos despertaram raiva na prole da morte. O sorriso em seus lábios voltou a ser frio e psicótico, assim como seu olhar sobre o garoto.

Armas:
♦ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

   — {Death} / Foice [Foice da Morte; mede cerca de 2 m. O cabo é feito de ouro negro, sua lâmina é de bronze sagrado. Ajuda no controle de almas. Ao desejo de seu dono, ela se transforma em um pingente de foice] {Ouro Negro e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Controle sobre as Almas} [Recebimento: Presente de Reclamação de Thanatos]

♦ {Eberfänger} / Adaga [Também conhecida como Adaga Presas de Javali, essa arma possui trinta e cinco centímetros, e uma lâmina sinuosa,  com uma espécie de pescoço, feita de prata. Seu cabo é em madeira, entalhado para se encaixar perfeitamente nas mãos da dona. O dano causado por essa arma é tanto de perfuração quanto de corte, por possuir uma ponta bastante afiada, assim como seus gumes. Por ser uma adaga, é leve - trezentas gramas - e fácil de ser escondida, facilitando os golpes rápidos e furtivos. Acompanha uma bainha de couro.] {Prata, Madeira e Couro} (Nível Mínimo: 01) {Não controla nenhum elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

♦ {Claw} / Adaga [Também conhecida como Adaga Garra de Basilisco, essa arma possui trinta e cinco centímetros, e uma lâmina sinuosa e totalmente ondulada, feita de uma liga de aço e bronze sagrado. Seu cabo – que possui um pequeno compartimento onde pode ser guardada uma pequena dose de veneno - é em madeira, entalhado para se encaixar perfeitamente nas mãos da dona. O dano causado por essa arma é tanto de perfuração quanto de corte, por possuir uma ponta bastante afiada, assim como seus gumes. Por ser uma adaga, é leve - trezentas gramas - e fácil de ser escondida, facilitando os golpes rápidos e furtivos. Acompanha uma bainha de couro.] {Aço e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 01) {Não controla nenhum elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

— {Revenge} Adaga [Uma adaga aparentemente normal, com aproximadamente 30cm de comprimento. Sua lâmina é feita de prata sagrada e é extremamente afiada; nunca perde o fio. Nêmesis abençoou as armas de seus Seguidores com a propriedade de sempre voltar à sua bainha, não importa quão longe ou onde ela esteja. Demora, em média, cinco minutos para a arma voltar ao seu lugar. Acompanha a bainha de couro. [Prata Sagrada] (Item de Vingador) {Sem controle de Elementos} [Presente de Nêmesis para os Vingadores]

— {Viper} / Adaga [feita de bronze sagrado, possui um fraco brilho esverdeado. Possui cerca de 30 centímetros, sendo 20 de lâmina. Quando atinge o inimigo, um veneno é liberado e consequentemente a lâmina perde seu brilho. O veneno mina 5 pontos de HP da vítima a partir do turno seguinte.] {Bronze Sagrado} (Nível mínimo: 03) {Não controla nenhum elemento}[Recebimento: Comprado de Oliver H. Greyback]

Poderes:

Passivos

Influência sobre o medo {Nível 01} - As pessoas perto de você podem entrar em pânico só por sentir sua presença, um estado de choque ao ver que você estará por perto, sendo filho da Morte. Se manterão longe e podem até hesitar um ataque em um nível maior, admitindo o poder do semideus.

Personalidade de Ceifador {Nível 01} - Essa habilidade é praticamente um indicador das características dos ceifadores. Eles são disciplinados(Cumprem ordens e não são punidos de forma injusta), frios(Não caem em chantagens emocionais, não possuem pena), secos(Podem ser grossos e provocar a inimizade dos outros com facilidade), concentrados(Não são afetados por charme ou beleza) e focados em seu dever(Abandonam todas as tarefas para o chamado da morte). Por ser algo mutável de meio-sangue para meio-sangue, o semideus poderá escolher três características, sendo que uma delas é obrigatoriamente o foco. {New}

Baldado {Nível 02} - Simplesmente ao passar por alguma pessoa, animal, plantas, a felicidade desaparecerá. As plantas murcham e o ar se torna pesado. A tristeza tomará conta de tudo e todos que estiverem ao seu caminho. Pode levar a melancolia e a depressão.

Beleza {Nível 03} - Os filhos de Thanatos herdam muitas características de seu pai. Portanto, herdam também a sua beleza. Thanatos era um deus belíssimo, e assim serão os seus filhos. Enganará pessoas com facilidade, geralmente os semideuses se sentirão atraídos pelo filho de Thanatos. {New}

Visão Sinistra {Nível 12} - O semideus adquire sentidos de morte mais apurados e passa a perceber o sobrenatural pelo prisma da Morte. Ele enxerga o fardo da morte ao redor de uma pessoa: não a probabilidade de morrer (a menos que o indivíduo tenha uma doença terminal), mas com que frequência ele se associou (consciente ou inconscientemente) aos mortos ou aos agonizantes. Aqueles que perderam muitos entes queridos ou que mataram muitas pessoas costumam carregar fardos mais pesados. Este sentido também se aplica a coisas e lugares. Usando este clássico, o semideus é capaz de perceber o pesar de uma pessoa devido a uma perda recente e manipular a vulnerabilidade emocional do indivíduo. Pode ser usado para identificar assassinos que tenham disfarçado seus crimes para que não fossem descobertos (mas o clássico não revela os pormenores do assassinato: revela apenas que o alvo tem sangue nas mãos). Esta visão não funciona com pessoas que não se lembram das perdas ou não reconhecem-nas. O poder também serve para diferenciar um morto de um não morto, ou seja, caso uma pessoa tenha se acidentado, podes ver se ela morreu ou ainda está viva. {New}

Ativos

Escuridão Mental {Nível 20} - Esse poder consiste em bloquear os sentidos do inimigo, e a única coisa que passará pela mente do mesmo serão cenas diabólicas e melancólicas. Sendo assim, ele não conseguirá se mover e ficará vulnerável a ataques, permanecendo em um curto estado vegetativo. Duração de uma rodada, e só poderá ser utilizado duas vezes. (Ao usar essa habilidade, você ficará instantaneamente mais cansado)


Crédito do template a Tamy!

Amy C. Hill
Filhos de Tânatos
Mensagens :
107

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Niklaus C. Schaefer em Qui 21 Ago 2014, 13:05



Amyzinha



O vingador sentiu o perigo se aproximar quando a garota abraçou a outra e se virou para ele, era fato que Amy não era o tipo de semideusa com quem se deve brincar. A questão era que Ícaro tinha terríveis problemas com seu senso de perigo, o filho do alvorecer encarou de volta a semideusa dos olhos azuis e abriu um sorriso desdenhoso. Fez sua brisa calmante cessar de repente e estalou os dedos para se teleportar para trás da garota, bem próximo, onde levantou-se sobre ponta do pés e debruçou-se no lado da nuca da garota, e lá selou um beijo de leve.

- Prazer, Amy e Zoey. Boa sorte com os ensinamentos, então.

E desapareceu de lá, deixando um cisne de porcelana para trás. Às vezes era legal ficar sem saber a reação das pessoas sobre seus atos.



Adendos:
Poderes:
Passivos:

Nível 3 ~ Imunidade
Apesar de ser a deusa principalmente da vingança, a Justiça também é uma esfera de controle atribuída a ela. Todos os seus aprendizes, por possuírem uma proteção justa, são imunes a qualquer maldição que fará com que eles tenham mais dificuldade em lutar. (tirar meus sentidos é me fazer ter muita dificuldade de lutar)

Nível 29 ~ Fuga
Quando Nêmesis quis fugir de Zeus, esta transformou-se em um cisne. Caso um Vingador tenha perdido as esperanças e queira fugir, ele pode se teletransportar para um lugar longe o suficiente, e no local onde antes o seguidor de Nêmesis estava, aparecerá um pequeno cisne de porcelana.
Obs:
Saindo do local. -q
A mais teimosa vingadora
Niklaus C. Schaefer
Filhos de Eos
Mensagens :
1313

Localização :
Camarote do Safadão

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Amy C. Hill em Sex 22 Ago 2014, 11:45


Caverna
Murderer



A ceifadora foi avisada pelo sexto sentido sobre a proximidade do filho de Eos, mas nem mesmo teve tempo para reagir. Os lábios do garoto tocaram sua nuca, dando-lhe ao mesmo tempo um misto de ânsia de vômito e ódio, que fez seu sangue ferver. Tentou golpeá-lo, mas Ícaro havia desaparecido. Em seu lugar havia um cisne de porcelana. Abraçou Zoey uma outra vez, e sussurrou em seu ouvido. – Desculpe-me, mas terei de encontrar você mais tarde. – Então pisou no animal deixado pelo novo inimigo e correu para a saída da caverna, com seus punhos cerrados e uma expressão psicótica no rosto.

- Nêmesis, terá de me perdoar, mas eu matarei meu líder. – Amy sentia-se enojada por ter conversado com um homem. Como pôde ela ser tão estúpida? Homens são porcos nojentos. Todos eles. Por que Ícaro seria uma exceção? Mas o garoto iria pagar pelo erro, ainda que fosse a última ação da vingadora em vida. O semideus iria morrer. Assim que saiu da caverna, longe da vista de Zoey, vomitou na grama. Nojentos, homens nojentos! Argh! A prole da morte teve vontade de se bater. O que havia dado nela? O ódio – incomum para os filhos de Thanatos, conhecidos por sua frieza – dominava cada uma das ações da garota, e um desejo sincero de matar a prole da alvorada guiava a ceifadora. Um par de asas negras surgiu em suas costas, e reunindo toda a sua raiva, a garota voou.

Armas:
♦ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

   — {Death} / Foice [Foice da Morte; mede cerca de 2 m. O cabo é feito de ouro negro, sua lâmina é de bronze sagrado. Ajuda no controle de almas. Ao desejo de seu dono, ela se transforma em um pingente de foice] {Ouro Negro e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Controle sobre as Almas} [Recebimento: Presente de Reclamação de Thanatos]

♦ {Eberfänger} / Adaga [Também conhecida como Adaga Presas de Javali, essa arma possui trinta e cinco centímetros, e uma lâmina sinuosa,  com uma espécie de pescoço, feita de prata. Seu cabo é em madeira, entalhado para se encaixar perfeitamente nas mãos da dona. O dano causado por essa arma é tanto de perfuração quanto de corte, por possuir uma ponta bastante afiada, assim como seus gumes. Por ser uma adaga, é leve - trezentas gramas - e fácil de ser escondida, facilitando os golpes rápidos e furtivos. Acompanha uma bainha de couro.] {Prata, Madeira e Couro} (Nível Mínimo: 01) {Não controla nenhum elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

♦ {Claw} / Adaga [Também conhecida como Adaga Garra de Basilisco, essa arma possui trinta e cinco centímetros, e uma lâmina sinuosa e totalmente ondulada, feita de uma liga de aço e bronze sagrado. Seu cabo – que possui um pequeno compartimento onde pode ser guardada uma pequena dose de veneno - é em madeira, entalhado para se encaixar perfeitamente nas mãos da dona. O dano causado por essa arma é tanto de perfuração quanto de corte, por possuir uma ponta bastante afiada, assim como seus gumes. Por ser uma adaga, é leve - trezentas gramas - e fácil de ser escondida, facilitando os golpes rápidos e furtivos. Acompanha uma bainha de couro.] {Aço e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 01) {Não controla nenhum elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

— {Revenge} Adaga [Uma adaga aparentemente normal, com aproximadamente 30cm de comprimento. Sua lâmina é feita de prata sagrada e é extremamente afiada; nunca perde o fio. Nêmesis abençoou as armas de seus Seguidores com a propriedade de sempre voltar à sua bainha, não importa quão longe ou onde ela esteja. Demora, em média, cinco minutos para a arma voltar ao seu lugar. Acompanha a bainha de couro. [Prata Sagrada] (Item de Vingador) {Sem controle de Elementos} [Presente de Nêmesis para os Vingadores]

— {Viper} / Adaga [feita de bronze sagrado, possui um fraco brilho esverdeado. Possui cerca de 30 centímetros, sendo 20 de lâmina. Quando atinge o inimigo, um veneno é liberado e consequentemente a lâmina perde seu brilho. O veneno mina 5 pontos de HP da vítima a partir do turno seguinte.] {Bronze Sagrado} (Nível mínimo: 03) {Não controla nenhum elemento}[Recebimento: Comprado de Oliver H. Greyback]

Poderes:

Passivos

Influência sobre o medo {Nível 01} - As pessoas perto de você podem entrar em pânico só por sentir sua presença, um estado de choque ao ver que você estará por perto, sendo filho da Morte. Se manterão longe e podem até hesitar um ataque em um nível maior, admitindo o poder do semideus.

Personalidade de Ceifador {Nível 01} - Essa habilidade é praticamente um indicador das características dos ceifadores. Eles são disciplinados(Cumprem ordens e não são punidos de forma injusta), frios(Não caem em chantagens emocionais, não possuem pena), secos(Podem ser grossos e provocar a inimizade dos outros com facilidade), concentrados(Não são afetados por charme ou beleza) e focados em seu dever(Abandonam todas as tarefas para o chamado da morte). Por ser algo mutável de meio-sangue para meio-sangue, o semideus poderá escolher três características, sendo que uma delas é obrigatoriamente o foco. {New}

Baldado {Nível 02} - Simplesmente ao passar por alguma pessoa, animal, plantas, a felicidade desaparecerá. As plantas murcham e o ar se torna pesado. A tristeza tomará conta de tudo e todos que estiverem ao seu caminho. Pode levar a melancolia e a depressão.

Beleza {Nível 03} - Os filhos de Thanatos herdam muitas características de seu pai. Portanto, herdam também a sua beleza. Thanatos era um deus belíssimo, e assim serão os seus filhos. Enganará pessoas com facilidade, geralmente os semideuses se sentirão atraídos pelo filho de Thanatos. {New}

Rastreamento Benevolente {Nível 06} - A morte é benevolente e segue seus alvos – literalmente – até o inferno. O filho de Thanatos, nesse nível, conseguirá rastrear o inimigo, desde que o mesmo esteja com um real desejo de matar esse inimigo. Assim, você pode rastrear a “proximidade” da morte desse inimigo. {New}

Visão Sinistra {Nível 12} - O semideus adquire sentidos de morte mais apurados e passa a perceber o sobrenatural pelo prisma da Morte. Ele enxerga o fardo da morte ao redor de uma pessoa: não a probabilidade de morrer (a menos que o indivíduo tenha uma doença terminal), mas com que frequência ele se associou (consciente ou inconscientemente) aos mortos ou aos agonizantes. Aqueles que perderam muitos entes queridos ou que mataram muitas pessoas costumam carregar fardos mais pesados. Este sentido também se aplica a coisas e lugares. Usando este clássico, o semideus é capaz de perceber o pesar de uma pessoa devido a uma perda recente e manipular a vulnerabilidade emocional do indivíduo. Pode ser usado para identificar assassinos que tenham disfarçado seus crimes para que não fossem descobertos (mas o clássico não revela os pormenores do assassinato: revela apenas que o alvo tem sangue nas mãos). Esta visão não funciona com pessoas que não se lembram das perdas ou não reconhecem-nas. O poder também serve para diferenciar um morto de um não morto, ou seja, caso uma pessoa tenha se acidentado, podes ver se ela morreu ou ainda está viva. {New}


Crédito do template a Tamy!

Amy C. Hill
Filhos de Tânatos
Mensagens :
107

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Cain Feather em Sab 25 Out 2014, 21:00


The A Team
We're all under the upper hand, go mad for a couple grams

It's too cold outside for angels to fly, angels to die... — cantarolava o filho de Apolo, em um ritmo melancólico e feliz ao mesmo tempo. Dava passos curtos e dançava de acordo com a melodia cantada, em um tom afinado e belo de se ouvir. Mantinha os olhos fechados e sorria como se nada naquele momento pudesse interromper sua repentina felicidade.

Quando abriu os olhos, não reconheceu o lugar. Não sabia como tinha chegado ali somente caminhando, e muito menos como não tinha tropeçado no percurso. Quando olhou pra trás, viu um caminho de rochas lisas, escorregadias pela umidade. Seu inconsciente deveria ter livrado-o dos tombos enquanto entorpecido pela música. — Uau... — exclamou, e virou-se para contemplar a beleza sutil do lugar. Como diabos algo assim existia no acampamento sem nunca ter chegado a encontrá-lo?

Estava numa caverna, cheia de pedras preciosas e estalactites projetando-se do teto. Havia uma abertura circular para a superfície, que permitia à luz do sol iluminar o lago - aparentemente fundo - e alguns cantos próximos dele. Elijah ficou curioso sobre a formação do lugar, e o porquê de as pessoas não costumarem frequentá-lo (ou de este nunca ter sido mencionado ante sua presença). Ele aproximou-se do lago, agora concentrado em não perder o equilíbrio nos pés e acabar escorregando. Agachou-se para observar a calmaria das águas, e considerou a possibilidade de voltar ao chalé para pegar um caderno e desenhar. Mas não se lembrava de ter chegado ali... burro! Estava, em um minuto, na floresta, e boom. "Olha, me perdi"

Soltou um riso divertido com o pensamento. Então sentou-se na borda do lago sem afundar o tornozelo nas águas. Não confiava totalmente no lugar, então era melhor manter distância; Mesmo tendo a capacidade de prever um ataque, era provável que uma criatura rápida demais pudesse investir sem ele sequer perceber. — Covered in white, closed eyed and hoping for a better life... — prosseguiu sua música, novamente fechando os olhos e entrando em um torpor melódico.
Cain Feather
Indefinido
Mensagens :
629

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Brooklyn Heasell em Sab 25 Out 2014, 22:09


shake it out! shake it out!
it's hard to dance with a devil on your back!!!

O ocaso brilhava no horizonte, irradiando em tons de magenta e dourado. Era inevitável negar que certa apreensão crescia no interior do filho de Afrodite, visto que sempre que podia, àquela hora do dia, tentava escapar de toda a loucura que se instalava no acampamento para fugir em direção ao seu esconderijo secreto, localizado no âmago da floresta. Um lugar tão íntimo e conhecido ao mais novo dos Moogreyd que poderia traçar o percurso de olhos vendados - não que fosse preciso.

Nos últimos meses, a situação na vida do rapaz tornara-se bastante desconfortável. Não somente por já ter se habituado tão bem à nova rotina de um meio-sangue que a achava até então tediosa, mas sim por entrar em um estado onde apenas encontrava-se silencioso, sem companhia alguma; fator que agravara em uma depressão de mínimo grau. Diga-se de passagem, Piéetro nada mais era que um jovem cujos laços e amizades haviam sido tragados pelo tempo e por medo de perder mais pessoas com as quais se importava, esta era sua sina, por opção própria; viver em solidão.

Despertando de seus devaneios, o moreno perpassou pelo arco da fachada da gruta cujo interior resguardava as mesmíssimas maravilhas que tanto o admirava desde a primeira visita àquele âmbito acalentador. Arfou profundamente, tentando recuperar o fôlego do torpor que era observar os raios solares defletidos nas águas cristalinas do córrego centralizado da caverna; a abertura no alto proporcionava uma visão parcial do céu, o que tornava a paisagem ainda mais bela. Tudo muito claro e muito confortável, como o habitual.

- Nunca irei me acostumar, para dizer a verdade. - Sussurrou, mordendo o lábio inferior e ousando aproximar-se da borda do córrego, analisando a calmaria e as pequenas marolas d'água que se formavam na margem. - Tenho sorte de ter encontrado este lugar. - Descalçou os pés das sandálias de tiras e colocava-se em prontidão para retirar a bermuda, pronto para um mergulho, como sempre fazia. Porém, Piéetro cessou os movimentos ao notar que não estaria sozinho ali, o que o deixou um tanto assustado.

Ergueu seus olhares na direção de um cântico que só então se fez audível e deparou-se com um outro jovem num canto não tão afastado de onde estaria. Mordeu o interior das bochechas, suspirando. - Opa! - Voltou a subir a bermuda, encabulado. - Desculpe-me, não esperava encontrar mais ninguém aqui. - Não sabia ao certo se o garoto desconhecido poderia escutá-lo, mas seu tom de confissão soara tristonho. Aquele era um dos únicos momento em que poderia ficar sozinho - novamente - e parecia que seus planos teriam de ser adiados.

Armas /~/ Poderes

♦ Armas: ♦
♦ {Beauté Électrique} / Chicote Elétrico [Chicote elétrico. É um chicote, todo trabalhado a mão. Ele é feito de couro, e nesse couro, pode se perceber detalhes em renda, bordada manualmente. Ele também reluz algumas pedras preciosas, que ajudam em ataques mais precisos, e podem cortar a pele do atingido]{Couro e Pedras preciosas} (Nível Mínimo: 1 ) {Não controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Afrodite] ~ atado ao cinto ~

♦ {P&P} [Colar com um pingente dourado de um sol com as letras "P&P" estampadas. O pingente emite um calor intenso que pode aquecer o filho de Afrodite em lugares altos e congelantes ou emitir uma luz em lugares escuros para iluminar o local. Em lugares em que o sol pode atingir, o pingente absorve a energia solar e usa ela para curar 10% do HP de Piéetro] {Ouro} (Nível Mínimo: 1 ) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Paul W. Listen] ~ pescoço ~

♦ Poderes: ♦
♥ Beleza Estonteante (Nível 1). Como filhos da deusa da beleza, você é naturalmente belo, sendo tal beleza notável e admirada por todos. Seus olhos têm uma coloração que não se define completamente, sendo intrigantes e como se fssem hipnotizantes; sua voz atrai, seus lábios são provocantes, seu rosto possui uma beleza harmoniosa e o corpo não fica para trás. Tudo em você chama a atenção pela beleza especial que possui, e é praticamente impossível deixar de notá-lo.

Brooklyn Heasell
Filhos de Afrodite
Mensagens :
148

Localização :
Manhattan

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Cain Feather em Sab 25 Out 2014, 22:40


The A Team
We're all under the upper hand, go mad for a couple grams

Ainda imerso em seus próprios pensamentos, sentindo o pulmão subir e descer ao passo em que respirava, a prole de Apolo ouviu sua melodia ser cantada em um volume gradativamente mais alto. Viu o mundo se dissolver ao redor da música. Em seu interior, cada problema ou pequeno incidente se tornava irrelevante; tudo o que pensava e respirava era a própria música. Estava em paz, mesmo quando não era sua intenção ter chegado àquele lugar.

Um erro, pensou. Seus reflexos de semideus, mesmo entorpecidos, conseguiram identificar o som de passos quando eles já estavam perto demais: Numa pausa do refrão, um opa envergonhado reverberou pelas paredes da caverna. Elijah abriu os olhos e virou o rosto, tão assustado ou surpreendido quanto o outro; e de relance, viu-o vestir a bermuda que trajava. Ele por acaso estava tirando-a? pensou, após assimilar a imagem com a reação dada pelo semideus.

Engolindo em seco, mas sem desfazer sua posição original, Elijah observou o campista se recompor e fazer uma afirmação. Com as várias coisas que passavam em sua cabeça, não conseguiu notar o tom de tristeza em sua fala; somente o de encabulação. Erguendo uma sobrancelha, pensou em várias coisas que poderia ter optado por dizer, mas não falou nada. Apenas analisou o filho de Afrodite - que fora reconhecido quase que instantaneamente, pois emanava uma aura familiar e semelhante à sua mãe (que ele não sabia como conhecia, mas conhecia) - e, lentamente, apoiou-se no joelho direito e se levantou.

Ainda com uma sobrancelha erguida, observou o semideus. Não parecia familiar, embora conhecesse vários filhos de Afrodite. A semelhança dele com os demais era, claro, única; todos eram simplesmente estonteantes, todos bonitos ao seu jeito. Aquele não era nada divergente; mas, diferente dos demais, Elijah logo notou a diferença "em poder" que sua aura transmitia. — Bem... oi? — tentou cumprimentar, acenando levemente com a cabeça. Não ousou se aproximar, dadas as reais circunstâncias de constrangimento do garoto; entretanto limitou-se a fitá-lo de uma maneira nada discreta, algo que costumava fazer com a maioria dos filhos daquela progenitora.
Cain Feather
Indefinido
Mensagens :
629

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Brooklyn Heasell em Dom 26 Out 2014, 02:13



shake it out! shake it out!
it's hard to dance with a devil on your back!!!

Minusciosamente, os movimentos do estranho eram analisados pelo jovem afrodisíaco, tais como suas expressões, as quais demonstravam que o loiro estaria tão surpreso quanto, afinal, quem mais poderia portar conhecimento sobre aquele pequeno pedaço indílico soterrado nas profundezas da floresta do camping? Embora não costumasse tomar decisões precipitadas, Piéetro daria a entender que ambos até então teriam algo em comum; o apreço por aquele ambiente proibido.

- Olá! - forçou um sorrisinho simpático, comprimindo os lábios em uma meia lua. A palma foi até a nuca, onde acariciou os próprios fios delgados do local. Sentia-se imensamente desconfortável e não entendia ao certo o motivo. Talvez por ter sido flagrado em seu refúgio, ou por não ter conhecimento algum sobre a identidade daquele rapaz. De fato seria um semideus, já que era aparente sua beleza semidivina. Mas quem seria seu progenitor?

- Sou Piéetro, Piéetro Moogreyd. - acenou em resposta, retrocedendo alguns passos assim que observou o rapaz levantar-se. Com a mesma rapidez, agachou-se na beirada do córrego e deslizou os pés para dentro da água, sentindo a temperatura morna contra a derme. Aquela pequenina ação pareceu agraciar-lhe com uma tranquilidade maior e, com um remexer dos ombros tensos, ele relaxou.

Outrora, o moreno permitiu que o silêncio impregnasse o interior do recinto. Óbvio, esperava que aquele garoto também se apresentasse, assim talvez poderia ter certa noção de quem seria. Dificilmente não saberia identificar o campista por seu nome, visto que provindo do chalé onde os índices de fofocas eram imensos, Moogreyd poderia de fato tê-lo ouvido em algum lugar.

Varrendo os olhares pela extremidade da gruta, voltou-se ao rosto dele, ostentando o contato visual. Podia notar a maneira intensa como ele o encarava, porém não se queixou. Eram corriqueiras as vezes em que se encontrava na mesma situação e demorou certo tempo para que acostumasse em portar o gene da deusa da beleza, algo que seria imutável em sua vida. Alargou um pouco mais o sorriso, tentando não ser tão convidativo. Aquela distância seria o suficiente. - Vem sempre aqui? - lançou a questão que tanto gostaria de saber, quebrando a linha de visão e voltando-se para o lago.

Armas /~/ Poderes

♦ Armas: ♦
♦ {Beauté Électrique} / Chicote Elétrico [Chicote elétrico. É um chicote, todo trabalhado a mão. Ele é feito de couro, e nesse couro, pode se perceber detalhes em renda, bordada manualmente. Ele também reluz algumas pedras preciosas, que ajudam em ataques mais precisos, e podem cortar a pele do atingido]{Couro e Pedras preciosas} (Nível Mínimo: 1 ) {Não controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Afrodite] ~ atado ao cinto ~

♦ {P&P} [Colar com um pingente dourado de um sol com as letras "P&P" estampadas. O pingente emite um calor intenso que pode aquecer o filho de Afrodite em lugares altos e congelantes ou emitir uma luz em lugares escuros para iluminar o local. Em lugares em que o sol pode atingir, o pingente absorve a energia solar e usa ela para curar 10% do HP de Piéetro] {Ouro} (Nível Mínimo: 1 ) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Paul W. Listen] ~ pescoço ~

♦ Poderes: ♦
♥ Beleza Estonteante (Nível 1). Como filhos da deusa da beleza, você é naturalmente belo, sendo tal beleza notável e admirada por todos. Seus olhos têm uma coloração que não se define completamente, sendo intrigantes e como se fssem hipnotizantes; sua voz atrai, seus lábios são provocantes, seu rosto possui uma beleza harmoniosa e o corpo não fica para trás. Tudo em você chama a atenção pela beleza especial que possui, e é praticamente impossível deixar de notá-lo.

Brooklyn Heasell
Filhos de Afrodite
Mensagens :
148

Localização :
Manhattan

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Cain Feather em Dom 26 Out 2014, 13:45


The A Team
We're all under the upper hand, go mad for a couple grams

Embora tenha se sentido incomodado ao ver o outro se estabelecendo ali, esperando inicialmente encontrar conforto em seus próprios devaneios, Elijah limitou-se a dizer qualquer coisa que pudesse assustar ou dar uma impressão de expulsão ao moreno maior. A gruta não era sua para ser o único a frequentá-la; na verdade, estava bem longe disso. Não fazia sequer cinco minutos que tinha descoberto por acidente a locação, como poderia se dar ao luxo de pensar que era dono dela? Mesmo assim, a sensação de desconforto assombrou seu âmago. Pelo menos até o filho de Afrodite cumprimentar Elijah e se apresentar. Assim que ouviu seu nome, relaxou. Ao menos estava disposto a "dividir" o espaço, se tivesse sido isso que sugerira achando que não tinha ninguém ali quando adentrou a caverna.

Com um suspiro baixo, o filho de Apolo acenou com a cabeça ao ouvir o nome de Piéetro. Piéetro Moogreyd. Realmente, nunca tinha ouvido falar dele, o que era de uma perspectiva "curiosa", bom. Gostaria de conhecer as pessoas pessoalmente antes de dar ouvido à boatos, para assim ter sua própria ideia do caráter de com quem estava lidando. — Elijah Balthazar, filho de Apolo — e quando falou isso, desviou o olhar. O lado direito de seu rosto tinha uma cicatriz particularmente desagradável de se ver. Um pequeno "lembrete" de uma recente missão, onde teve de lutar contra alguns homens-urso. Infelizmente, ela não poderia ser removida; não por meios comuns como cirurgia e afins. Não pretendia esconder aquela pequena característica de Piéetro, só não se sentia à vontade em exibi-la, portanto evitou encará-lo por muito mais tempo - mesmo ele, provavelmente, já tendo percebido a marca à esse ponto.

Quando viu o filho de Afrodite se sentar, revirou os olhos. Ele vai ficar, confirmou, e insistente imitou seus passos. Afundou o tornozelo nas águas após sentar-se num vão entre duas rochas irregulares em tamanho, apoiando-se na maior. Não sabia o porquê, mas um espírito competitivo invadia suas veias e ordenava que brigasse pela propriedade. Não ia ganhar nada, mas pelo menos se divertiria. — Venho, sim — mentiu, e abriu um largo sorriso ao responder a pergunta do outro. — Me sinto à vontade aqui. É bonito, silencioso e calmo... e eu consigo cantar. Em paz. Sozinho.  — e voltou a fitar Piéetro. Observou suas feições como esperando uma resposta tão passivo-agressiva quanto; mas apenas soltou um riso descarado. Se ele não conseguisse identificar sua mentira, certamente Elijah não era tão bom em avaliar talentos.

— Mas não me importo de ter uma audiência. A grande questão é se você se importa. Às vezes eu consigo ser bem irritante... Uma habilidade que herdei de meu pai. Prefiro pensar que ainda não aprimorei-a. — e, no segundo seguinte, voltou a cantar.


Poder Especial:
Cicatriz de urso [Por ter sido atingido no rosto por uma patada feroz de um gurahl, o filho de Apolo recebeu uma cicatriz em seu olho direito. Sendo essa muito profunda, não pode ser removida através de cirurgias ou poderes de curandeiros, sendo que apenas um poder maior divino pode ser forte o suficiente para curá-lo. A ferida não prejudica a visão do garoto, mas por ser uma "deficiência visual", poderes de atração ou encantamento que possam ser originados pelo garoto possuem 25% menor eficácia. Apesar disso, a marca remete aos demais monstros que um semideus recebeu uma ferida tão profunda como aquela e sobreviveu, o que faz com que eles se amedrontem um pouco, de modo que monstro que possuam o nível igual ou menor que o semideus terão sua força reduzida em 15%, e caso sejam monstros humanoides, esse valor aumenta para 25%. Monstros mais fortes que o semideus não se amedrontam, pois sabem que o mesmo foi ferido por um monstro mais fraco que eles, e por sua vez acreditam que então conseguem matá-lo. [By Ares pela missão "O preço de uma ajudinha" att por Ares]
Cain Feather
Indefinido
Mensagens :
629

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Brooklyn Heasell em Dom 26 Out 2014, 17:58



shake it out! shake it out!
it's hard to dance with a devil on your back!!!

A luz solar que adentrava a câmara refletia na água centelhas de feixes multicoloridos. Piéetro ergueu os dedos da palma direita em direção à margem, observando as cores bailarem por entre sua pele. Parecia ser uma criança diante de feitos tão simples e riu de si próprio ao analisar tal expectativa; estava longe de ser uma criança, muito menos de ser inocente.

- Prazer em conhecê-lo. - murmurou, voltando a atenção outra vez ao camarada. Por um instante, então, vislumbrou a linha rósea que curvava a face do filho de Apolo. A cicatriz que aparentemente teria sido adquirida em algum tipo de batalha. Advertiu-se imensamente, chegando até mesmo a pressionar a língua entre as prensas dentárias para não indagar como o outro havia conseguido aquela marca ínfima.

Seria muito imprudente, óbvio. Porém, Moogreyd portava apenas a curiosidade, nenhuma aversão ou algo do tipo. Há muito já não importava mais com aparências à olho nu, apenas o interior, característica esta que sempre se alegrava em possuir, o que o diferenciava de muitas das proles daquela considerada a mais bela do acerco grego.

- Ah! Sim, é um bom lugar para ficar sozinho. - fez pouco do tom selvagem impregnado na resposta que o rapaz reverberou. Talvez fosse apenas brincadeira  - e Piéetro esperava que fosse, pois não possuía vontade alguma de deixar o local. Conteve um riso divertido, maneando a cabeça. - Tudo bem, tenho experiência em aturar pessoas irritantes. Disso, pode ter certeza. - desfaleceu o olho esquerdo em uma piscadela e remexeu-se, parecendo divertir-se com a cena.

- Então você também é um dos raros campistas que preferem a solidão, hum? - intuiu puxar assunto. Como nenhum dos rapazes demonstraria fraqueza, o mínimo requerido seria manter a companhia agradável. - Porquê? Não gosta das pessoas com quem anda ou só por opção mesmo? - tentou manter certo desdém na voz, mas a verdade era que procurava um ponto pertencente àquele jovem que poderia coincidir com os seus. Enquanto esperava por respostas, dobrou a perna, apoiando o queixo rente ao joelho.

Armas /~/ Poderes

♦ Armas: ♦
♦ {Beauté Électrique} / Chicote Elétrico [Chicote elétrico. É um chicote, todo trabalhado a mão. Ele é feito de couro, e nesse couro, pode se perceber detalhes em renda, bordada manualmente. Ele também reluz algumas pedras preciosas, que ajudam em ataques mais precisos, e podem cortar a pele do atingido]{Couro e Pedras preciosas} (Nível Mínimo: 1 ) {Não controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Afrodite] ~ atado ao cinto ~

♦ {P&P} [Colar com um pingente dourado de um sol com as letras "P&P" estampadas. O pingente emite um calor intenso que pode aquecer o filho de Afrodite em lugares altos e congelantes ou emitir uma luz em lugares escuros para iluminar o local. Em lugares em que o sol pode atingir, o pingente absorve a energia solar e usa ela para curar 10% do HP de Piéetro] {Ouro} (Nível Mínimo: 1 ) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Paul W. Listen] ~ pescoço ~

♦ Poderes: ♦
♥ Beleza Estonteante (Nível 1). Como filhos da deusa da beleza, você é naturalmente belo, sendo tal beleza notável e admirada por todos. Seus olhos têm uma coloração que não se define completamente, sendo intrigantes e como se fssem hipnotizantes; sua voz atrai, seus lábios são provocantes, seu rosto possui uma beleza harmoniosa e o corpo não fica para trás. Tudo em você chama a atenção pela beleza especial que possui, e é praticamente impossível deixar de notá-lo.

Brooklyn Heasell
Filhos de Afrodite
Mensagens :
148

Localização :
Manhattan

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Cain Feather em Dom 26 Out 2014, 18:43


The A Team
We're all under the upper hand, go mad for a couple grams

W e don't wanna go outside, tonight... — Elijah cantarolou, preenchendo o ambiente com o reverberar de sua voz afinada. Não demorou sequer mais uma frase até o filho de Afrodite voltar a puxar assunto. Balthazar piscou e se interrompeu, deixando a cabeça pender ao ouvir as duas perguntas do semideus. — Seria controvérsia um filho de Apolo simplesmente escolher a solidão. Não... Eu não escolheria, não foi por opção — revelou, continuando sua música sem que perdesse o ritmo inicial. Fechou os olhos e colocou outro sorriso no rosto, um sorriso de felicidade sutil. A música era uma companhia bem agradável, com sua majestade volúvel sempre admirável. Por isso estava ali, porque nunca deixaria de apreciar a beleza dos sons instrumentais proporcionados à audição. A música era uma parte importante de sua vida, e aquele lugar era tão "próprio" para isso que o inconsciente o guiara até ele.

— A verdade é que me acham desagradável. E eu acho as pessoas desagradáveis. Não conheço muitos dos campistas do CHB, nem faço muita questão de conhecer; minha estadia aqui não vai ser muito longa, portanto prefiro deixar como está — sem querer estender mais os detalhes de seu íntimo, Elijah voltou-se para o lago e observou a água cristalina refletir as luzes de um sol perto da aurora. Deixou seu corpo deslizar pelo vão sem se conter, supondo que, por não ter sido atacado até agora, talvez fosse seguro mergulhar sem ir muito fundo na gruta. Deixou sua cabeça afundar poucos centímetros, e submergiu após alguns segundos tentando enxergar o breu além do que a luz do teto permitia. Nada.

Assim que sentiu-se livre para respirar, Elijah deslizou ambas as mãos pelo rosto e cabelo, procurando amenizar o incômodo causado pelo excesso de água em suas expressões. Balançou a cabeça de um lado para o outro para livrar a água dos cabelos, e depois olhou para Piéetro. Ele poderia interpretar como quiser; pois, pela parte de Elijah, não era nada anormal fazer um "convite silencioso" com segundas intenções. Talvez o lago quisesse ser usado. Ou talvez o destino tivesse reservado o local para o encontro. Quem sabe?

Balthazar revirou os olhos com a estupidez de seu pensamento, por isso não proferiu nenhuma palavra. Nadou um pouco mais para o centro do lago e mergulhou mais uma vez sem esperar que o outro concordasse em se banhar. Elijah sabia somente que aquele era seu intuito inicial. Se ele fosse um pouco mais convidativo, o que não impediria o outro de resolver fazer o que viera fazer? O pensamento fez Balthazar se sentir como uma pedra; odiava interromper os assuntos de outra pessoa, ser um obstáculo em seu caminho. Faça o que quiser, pensou enquanto ainda submerso, desejando que a mensagem fosse transmitida para o filho de Afrodite.


Poder Especial:
Cicatriz de urso [Por ter sido atingido no rosto por uma patada feroz de um gurahl, o filho de Apolo recebeu uma cicatriz em seu olho direito. Sendo essa muito profunda, não pode ser removida através de cirurgias ou poderes de curandeiros, sendo que apenas um poder maior divino pode ser forte o suficiente para curá-lo. A ferida não prejudica a visão do garoto, mas por ser uma "deficiência visual", poderes de atração ou encantamento que possam ser originados pelo garoto possuem 25% menor eficácia. Apesar disso, a marca remete aos demais monstros que um semideus recebeu uma ferida tão profunda como aquela e sobreviveu, o que faz com que eles se amedrontem um pouco, de modo que monstro que possuam o nível igual ou menor que o semideus terão sua força reduzida em 15%, e caso sejam monstros humanoides, esse valor aumenta para 25%. Monstros mais fortes que o semideus não se amedrontam, pois sabem que o mesmo foi ferido por um monstro mais fraco que eles, e por sua vez acreditam que então conseguem matá-lo. [By Ares pela missão "O preço de uma ajudinha" att por Ares]
Cain Feather
Indefinido
Mensagens :
629

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Brooklyn Heasell em Dom 26 Out 2014, 20:05



shake it out! shake it out!
it's hard to dance with a devil on your back!!!

- Uau! – foi a única palavra que deslizou dos lábios do moreno quanto à explicação do filho de Apolo. – Acho que pensamos do mesmo jeito, sabe? - Semicerrou os olhos, apoiando-se nos palmos ao se reclinar na própria posição. - Muitos dos jovens do acampamento são desagradáveis, realmente. Mas não me afasto por esse motivo, é que, quanto maior o nível de afinidade, pior é a superação da perda. Já perdi pessoas demais, se é que pode me entender. - franziu os lábios, abaixando a cabeça para seu própria reflexo no espelho d'água.

Aquela resposta, em sua cabeça, conjecturava a ideia de que Elijah era apenas um rapaz possuidor de muitos segredos quais não seriam agradáveis de serem revelados. Piéetro, por outro lado, sentia este ar infortuno emanar do rapaz; tudo nele gritava perigo. E para sua infelicidade, Piéetro adorava o perigo.

Deixou que seus olhares dissimulados vagueassem pela silhueta do mais velho, observando-o saltar para o lago com uma elegância louvável. Óbvio, como não teria percebido antes que aquele seria um semideus herdeiro do deus Apolo? Tudo nele lhe cativava com certa familiaridade; a cor da pele, os olhos, os traços físicos, os cabelos desgrenhados e meio queimados. Charmoso, até. Traço comum de grande parte daqueles que habitavam o chalé devoto ao sol.

Moogreyd retesou pouco a pouco o corpo quando pequenas gotículas de água respingaram em sua bermuda, mas não se importou. Gostou do fato de que não estaria servindo de empecilho para o que quer que fosse que Elijah viera fazer ali. Permaneceu sentado à margem e riu baixinho ao captar o olhar do garoto. O que o impedia de mergulhar nas águas cristalinas e aproveitar o âmbito junto ao outro que até então demonstrara ser bastante agradável?

Por fim, deu de ombros e puxou um pequeno bloco de desenhos do bolso, enquanto a mão livre tratava de subtrair o lápis engatado no feixe do utensílio artístico. Suspirou e passou a deslizar a ponta do lápis por entre a primeira página em branco que encontrara, permanecendo centrado no retrato amador que era recriado por seus dedos hábeis. – Que aconteceu com seu rosto? – perguntou por fim. Elevou os olhares de encontro a face do outro. – Mesmo que seja uma história não muito legal, gostaria de ouvir. Faz você parecer... Misterioso. – riu e voltou ao desenho, liberando um suspiro.

Armas /~/ Poderes

♦ Armas: ♦
♦ {Beauté Électrique} / Chicote Elétrico [Chicote elétrico. É um chicote, todo trabalhado a mão. Ele é feito de couro, e nesse couro, pode se perceber detalhes em renda, bordada manualmente. Ele também reluz algumas pedras preciosas, que ajudam em ataques mais precisos, e podem cortar a pele do atingido]{Couro e Pedras preciosas} (Nível Mínimo: 1 ) {Não controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Afrodite] ~ atado ao cinto ~

♦ {P&P} [Colar com um pingente dourado de um sol com as letras "P&P" estampadas. O pingente emite um calor intenso que pode aquecer o filho de Afrodite em lugares altos e congelantes ou emitir uma luz em lugares escuros para iluminar o local. Em lugares em que o sol pode atingir, o pingente absorve a energia solar e usa ela para curar 10% do HP de Piéetro] {Ouro} (Nível Mínimo: 1 ) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Paul W. Listen] ~ pescoço ~

♦ Poderes: ♦
♥ Beleza Estonteante (Nível 1). Como filhos da deusa da beleza, você é naturalmente belo, sendo tal beleza notável e admirada por todos. Seus olhos têm uma coloração que não se define completamente, sendo intrigantes e como se fssem hipnotizantes; sua voz atrai, seus lábios são provocantes, seu rosto possui uma beleza harmoniosa e o corpo não fica para trás. Tudo em você chama a atenção pela beleza especial que possui, e é praticamente impossível deixar de notá-lo.

Brooklyn Heasell
Filhos de Afrodite
Mensagens :
148

Localização :
Manhattan

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Cain Feather em Dom 26 Out 2014, 21:21


The A Team
We're all under the upper hand, go mad for a couple grams

Enquanto boiava no córrego, com nada além do que sua cabeça fora d'água, Elijah conseguiu distinguir cristais de diferentes cores e formas ao seu redor. Ficou encantado com um em especial, um quartzo de cor rosa; aquele estava pouco submerso, mas era visível devido o reflexo da luz causada nele. Aquele cristal lembrava-lhe alguma coisa... só não sabia dizer o quê. Sem pegar ou aproximar-se, Elijah virou o corpo em direção ao Piéetro, que parecia ter algo em comum com ele. O comentário do afrodisíaco deixou o filho de Apolo com clima fúnebre, como se ele sentisse a dor de perder alguém; mas não sentia. Incrivelmente, não conhecia ninguém que havia morrido: Pelo contrário, não tinha lembranças de seu passado para ter o que lamentar. Sabia somente que era parente de dois irmãos, que seu pai era um deus e que sua mãe estava desaparecida. — Sinto muito... — e esse comentário deixou ele ainda pior, porque não sentia.

Agitou a cabeça para livrar-se dos pensamentos, e aproximou-se um pouco do filho de Afrodite quando viu-o sacar uma caderneta. Óh, uau. Outra semelhança, pensou, incrivelmente impressionado com o afrodisíaco. Normalmente, associava o espírito de desenho dos filhos de Afrodite com a vontade de criar manequins com suas roupas, não ambientações. Era incrível como Piéetro quebrava todos os sistemas restritivos de sua progenitora, e saía de sua zona estereotipa. Antes mesmo de inquerir qualquer coisa, perguntas sobre o filho de Afrodite que agora rondavam curiosas por sua cabeça, o próprio resolvera questionar o como de ter recebido sua cicatriz no olho. Até agora, ela não tinha incomodado, mas o assunto sempre vinha à tona.

— Tá feio, não tá? — suspirou, e deslizou a mão pela marca. Eram três linhas finas que engrossavam conforme chegavam perto das pálpebras, e voltavam a diminuir de tamanho até perecer. Começavam na testa e acabavam na maçã do rosto, e pior: eram profundas. Isso que mais incomodava, pois a maior e mais grossa linha, se observada de muito perto, mostrava parte da carne do rosto de Elijah. — Foi em uma luta contra um gurahl, homens-ursos. Eu fui tentar ajudar o idiota do Max, o instrutor de canoagem, a transportar um grupo de monstros para a arena do acampamento. Quando uma hidra e dois gurahls fugiram das jaulas, nós fomos atrás para capturá-los. Um deles me atacou enquanto eu tentava salvar meu cão infernal, Balthier, e depois disso conseguimos o trancar de volta — revirou os olhos ao contar a história, lembrando-se da cena. Tinha sido um pseudo-herói naquela hora, mas depois fora salvo pelo cão. Eles estavam quites. — Quando Balthier me levou à enfermaria no dia seguinte, recebi a notícia de que A Marca é incurável, pelo menos por curandeiros plásticos. Só um deus menor resolveria, no mínimo.

Sorriu logo após, e voltou a sentar-se na borda do lago. Dessa vez, mais próximo de Piéetro; gostaria de vê-lo desenhar. — Não quero atrapalhar sua obra, já que é raro ver algum filho de Afrodite interessado em beleza ambiental. Prefiro ficar do lado e te julgar. Meu talento artístico é, claro, bem aprimorado — e voltou-se para a folha, respingando gotas d'água à uma distância segura, sem o intuito de molhar Piéetro ou seu desenho.


Poder Especial:
Cicatriz de urso [Por ter sido atingido no rosto por uma patada feroz de um gurahl, o filho de Apolo recebeu uma cicatriz em seu olho direito. Sendo essa muito profunda, não pode ser removida através de cirurgias ou poderes de curandeiros, sendo que apenas um poder maior divino pode ser forte o suficiente para curá-lo. A ferida não prejudica a visão do garoto, mas por ser uma "deficiência visual", poderes de atração ou encantamento que possam ser originados pelo garoto possuem 25% menor eficácia. Apesar disso, a marca remete aos demais monstros que um semideus recebeu uma ferida tão profunda como aquela e sobreviveu, o que faz com que eles se amedrontem um pouco, de modo que monstro que possuam o nível igual ou menor que o semideus terão sua força reduzida em 15%, e caso sejam monstros humanoides, esse valor aumenta para 25%. Monstros mais fortes que o semideus não se amedrontam, pois sabem que o mesmo foi ferido por um monstro mais fraco que eles, e por sua vez acreditam que então conseguem matá-lo. [By Ares pela missão "O preço de uma ajudinha" att por Ares]
Cain Feather
Indefinido
Mensagens :
629

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Brooklyn Heasell em Seg 27 Out 2014, 00:31



shake it out! shake it out!
it's hard to dance with a devil on your back!!!

Pouco centrado em seu projeto, Piéetro captava detalhes daquele cujo estaria sendo o principal personagem do seu trabalho. Obviamente não possuía a destreza de um artista de grande renome, porém, o pouco talento que possuía estaria sendo bem empregado na figura feita a lápis que pouco a pouco adquiria vida. Como um bom filho de Afrodite, perfeccionismo e delicadeza eram ferramentas primordiais usadas no papel. - Tudo bem! Já superei. – outra vez, deu de ombros.

Era o habitual do jovem afrodisíaco assumir tal postura diante de situações constrangedoras ou que exigissem auto grau emocional; fingia não mais se importar, quando na verdade tais situações o abalavam de tal maneira que poderiam deixá-lo bem deprimido. Porém, naquele momento, decidiu não abstrair para si tais sentimentos negativos.

Planou o lápis de lado ao detectar que o jovem de Apolo estaria apto a relatar os acontecimentos que originaram aquela marca permanente exposta em seu rosto. Os pés desnudos ainda agitavam-se na água, enquanto encostava a curvatura dorsal em uma rocha próxima, assumindo a pose de um bom ouvinte. – Não está tão ruim assim! Não querendo ser oferecido, ou algo do tipo, até deixa você um tanto sexy, sério. – conteve uma gargalhada marota, tombando a cabeça de lado a fim de ter uma visão melhor da face de Elijah. - Nossa! É verdade? – não conseguiu deixar de arregalar os orbes, impressionado com a história relatada pelo mais velho assim que esta se findou. – Talvez você não precise se preocupar. Se quiser mesmo se livrar da marca, tenho certeza que conseguirá, um dia. – franziu os lábios em um meio sorriso, visando animar o garoto – não que ele precisasse, claro, parecia saber muito bem conviver com o pequeno problema. – Mas, se serve de consolo, todos nós temos cicatrizes, Elijah. A diferença é que umas são mais visíveis que outras. – instintivamente, uma das mãos voou até o pescoço, onde estaria o pingente em formato de sol.

“Puxa! Que deprimente.” Mordeu o lábio inferior, bufando com a linha de raciocínio. Balançou a cabeça, tentando se livrar de tais pensamentos pesarosos e voltou ao desenho, meio grogue. Rabiscou mais uns traços e continuou a passear com a ponta do lápis pela folha. Levou certo tempo para que pudesse notar que o rapaz agora estava ao seu lado, observando-o enquanto mantinha-se ocupado.

- Ah! Na verdade, estava desenhando você, se não se importar. – franziu o nariz, voltando-se para encarar seus olhos, tentando ter noção de qualquer sinal que deixasse claro a desaprovação por parte do atrevimento do mais moço. – Sei que pode parecer estranho, mas me pego criando retratos de pessoas quais acho interessantes. Você se encaixa nesse arquétipo que criei. – acenou com o queixo, abaixando-se para a folha após o murmúrio. – Não é o tipo de obra de arte perfeita, mas está bom para um garoto que adora rabiscos, não acha?

Armas /~/ Poderes

♦ Armas: ♦
♦ {Beauté Électrique} / Chicote Elétrico [Chicote elétrico. É um chicote, todo trabalhado a mão. Ele é feito de couro, e nesse couro, pode se perceber detalhes em renda, bordada manualmente. Ele também reluz algumas pedras preciosas, que ajudam em ataques mais precisos, e podem cortar a pele do atingido]{Couro e Pedras preciosas} (Nível Mínimo: 1 ) {Não controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Afrodite] ~ atado ao cinto ~

♦ {P&P} [Colar com um pingente dourado de um sol com as letras "P&P" estampadas. O pingente emite um calor intenso que pode aquecer o filho de Afrodite em lugares altos e congelantes ou emitir uma luz em lugares escuros para iluminar o local. Em lugares em que o sol pode atingir, o pingente absorve a energia solar e usa ela para curar 10% do HP de Piéetro] {Ouro} (Nível Mínimo: 1 ) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Paul W. Listen] ~ pescoço ~

♦ Poderes: ♦
♥ Beleza Estonteante (Nível 1). Como filhos da deusa da beleza, você é naturalmente belo, sendo tal beleza notável e admirada por todos. Seus olhos têm uma coloração que não se define completamente, sendo intrigantes e como se fssem hipnotizantes; sua voz atrai, seus lábios são provocantes, seu rosto possui uma beleza harmoniosa e o corpo não fica para trás. Tudo em você chama a atenção pela beleza especial que possui, e é praticamente impossível deixar de notá-lo.

Brooklyn Heasell
Filhos de Afrodite
Mensagens :
148

Localização :
Manhattan

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Cain Feather em Qua 29 Out 2014, 15:25


The A Team
We're all under the upper hand, go mad for a couple grams

Elijah não gostou muito da reação de Piéetro à sua história. Por mais incrível que fosse, certamente que não era um dos seus mais surpreendentes feitos. Tinha sido um ingênuo, na verdade, por arriscar a vida de Max - sabendo que por sua causa as jaulas tinham sido sabotadas - e depender de Balthier como nunca antes em sua vida. Então ignorou a surpresa de Piéetro, limitando-se a deixar um sorriso fraco pairando sobre sua face de maneira discreta.

— Não pretendo me livrar dessa marca — revelou, deixando o dedo indicador e médio deslizarem pela cicatriz. A sensação era de estar tocando uma pele áspera ou desconfigurada. Ao menos não doía. — Elas me são vantajosas. De alguma maneira, conseguem ser um tipo de benção; pois, em batalha, sinto o inimigo se diminuindo diante de mim. E como não tenho muitos amigos... não vai mudar em muita coisa se eu me livrar dela. Ninguém vai sentir minha falta — falou de modo claro, como se não pensasse muito no assunto ou simplesmente não se importasse com as pessoas ao redor. Isso certamente o tornava um conselheiro-chefe horrível, por isso não conseguira se manter no cargo por muito mais do que um trimestre.

Quando o afrodisíaco falou que todos tinham cicatrizes, Elijah deixou a cabeça pender para o lado. É claro, ele também é um semideus, pensou. Todos nós estamos fadados a sofrer por nascermos especiais. E isso fez ele ficar quieto novamente, soltando um suspiro. Notou que o outro levara a mão ao pescoço, onde repousava um colar dourado com pingente de sol. Ah, putz. Sinceramente, será que não existia ninguém no acampamento que convivia em paz e em equilíbrio com o mundo mortal e divino? Era impossível imaginar que, mesmo a maioria sendo órfã, todos os campistas perderam alguém que era importante. Um futuro que os deuses reservavam para seus filhos.

Tentando se livrar dos pensamentos, Elijah voltou sua atenção para a caderneta que Piéetro segurava. A surpresa atingiu seu rosto tão rápido quanto o riso que veio a seguir, como se fosse esperado encontrar algo daquele tipo. Mesmo agindo um pouco diferente, o semideus continuava filho da deusa da beleza e do amor. CLARO que ele preferiria desenhar uma pessoa consideravelmente atraente do que o ambiente que a cercava. — Estou perplexo! — riu, e continuou observando o lápis deslizar pela superfície. Achou o desenho suficientemente bom, mesmo não sendo uma refinada obra de arte; entretanto... — Acho que você consegue fazer melhor. Não me importo se quiser olhar meu rosto mais de perto... Se aproxime o quanto quiser.

E, com um sorriso malicioso, deixou a língua passear pelo canto inferior de seu lábio. Talvez fosse divertido continuar fazendo insinuações por aí.


Poder Especial:
Cicatriz de urso [Por ter sido atingido no rosto por uma patada feroz de um gurahl, o filho de Apolo recebeu uma cicatriz em seu olho direito. Sendo essa muito profunda, não pode ser removida através de cirurgias ou poderes de curandeiros, sendo que apenas um poder maior divino pode ser forte o suficiente para curá-lo. A ferida não prejudica a visão do garoto, mas por ser uma "deficiência visual", poderes de atração ou encantamento que possam ser originados pelo garoto possuem 25% menor eficácia. Apesar disso, a marca remete aos demais monstros que um semideus recebeu uma ferida tão profunda como aquela e sobreviveu, o que faz com que eles se amedrontem um pouco, de modo que monstro que possuam o nível igual ou menor que o semideus terão sua força reduzida em 15%, e caso sejam monstros humanoides, esse valor aumenta para 25%. Monstros mais fortes que o semideus não se amedrontam, pois sabem que o mesmo foi ferido por um monstro mais fraco que eles, e por sua vez acreditam que então conseguem matá-lo. [By Ares pela missão "O preço de uma ajudinha" att por Ares]
Cain Feather
Indefinido
Mensagens :
629

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Brooklyn Heasell em Qua 29 Out 2014, 21:40



shake it out! shake it out!
it's hard to dance with a devil on your back!!!

O moreno de Afrodite franziu a cenho, meio incomodado com o que o rapaz de Apolo havia comentado em questão de que se sua falta seria sentida caso viesse a desaparecer. Ele seria tão solitário assim a ponto de não ser notado? Imaginou Piéetro, estalando a língua com certa contradição. - Eu sentiria a sua falta. - maneou a cabeça, não dando muita bola pro nível de importância que aquela frase daria ao outro, mas era a verdade.

Moogreyd não era o típico rapaz que socializava com muita rapidez, o que chegava até mesmo a ser clichê e muito controverso, devido suas origens e sendo filho de quem era. Antes de tudo, o rapaz prole da mais bela do Olimpo tendia a analisar o indivíduo em questão, e só quando ele demonstrasse certo grau de interesse para consigo, era que ele optava por conhecê-la melhor.

- Bom que gostou! - voltou a si quando a exclamação do rapaz se fez bastante audível. Relaxou os ombros e voltou ao desenho, esboçando um sorriso cordial em seus lábios, daqueles que mostrava parcialmente os dentes; um riso estonteante. - Uhum! Sei que posso fazer melhor, mas sabe de uma coisa? Prefiro guardar o melhor para as ocasiões mais... proveitosas. - ergueu uma sobrancelha, questionando a declaração do mais velho.

Ergueu uma mão e tocou a lateral da face de Balthazar, sentindo a temperatura de sua pele e afagando-o gentilmente. Era um gesto atrevido, mas, nas circunstâncias ali, transparecia que o filho de Apolo exigia esta parte do afrodisíaco; seu atrevimento. Piéetro por fim desfaleceu o olho em uma piscadela e riu um pouco mais, trazendo a mão novamente e fechando o caderno de desenhos. - Ficarei com ele. Okay?! - umedeceu os lábios, de uma maneira um tanto sensual. Era uma prole de Afrodite bem sucedida, aquele gesto poderia soar bem provocante.

Se aquele era um jogo, o moreno embarcaria com toda vontade de ganhar. E seu olhar inquisidor  e intensamente vidrado aos de Elijah pedia uma mesma resposta por parte do maior: teria ele a mesma intenção?

Armas /~/ Poderes

♦ Armas: ♦
♦ {Beauté Électrique} / Chicote Elétrico [Chicote elétrico. É um chicote, todo trabalhado a mão. Ele é feito de couro, e nesse couro, pode se perceber detalhes em renda, bordada manualmente. Ele também reluz algumas pedras preciosas, que ajudam em ataques mais precisos, e podem cortar a pele do atingido]{Couro e Pedras preciosas} (Nível Mínimo: 1 ) {Não controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Afrodite] ~ atado ao cinto ~

♦ {P&P} [Colar com um pingente dourado de um sol com as letras "P&P" estampadas. O pingente emite um calor intenso que pode aquecer o filho de Afrodite em lugares altos e congelantes ou emitir uma luz em lugares escuros para iluminar o local. Em lugares em que o sol pode atingir, o pingente absorve a energia solar e usa ela para curar 10% do HP de Piéetro] {Ouro} (Nível Mínimo: 1 ) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Paul W. Listen] ~ pescoço ~

♦ Poderes: ♦
♥ Beleza Estonteante (Nível 1). Como filhos da deusa da beleza, você é naturalmente belo, sendo tal beleza notável e admirada por todos. Seus olhos têm uma coloração que não se define completamente, sendo intrigantes e como se fssem hipnotizantes; sua voz atrai, seus lábios são provocantes, seu rosto possui uma beleza harmoniosa e o corpo não fica para trás. Tudo em você chama a atenção pela beleza especial que possui, e é praticamente impossível deixar de notá-lo.

Brooklyn Heasell
Filhos de Afrodite
Mensagens :
148

Localização :
Manhattan

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Cain Feather em Qui 30 Out 2014, 14:46


The A Team
We're all under the upper hand, go mad for a couple grams

Ainda rindo por ter descoberto o desenho, Elijah apoiou os cotovelos no chão e relaxou, com as pernas ainda submersas no córrego da gruta. Se sentiu sensibilizado após o "eu sentiria sua falta", mas resolveu não dar muita importância. Zoey, sua irmã, era a única com quem ele realmente se importava, e odiaria expandir esse sentimento nesse ponto de sua vida. Afinal, nesse caso, teria de decidir entre ir atrás dela e ficar para sempre ao seu lado ou se arriscar em um relacionamento que mal se desenvolvera. O pensamento era reforçado pelo fato de Piéetro ser filho de Afrodite: cujo lema, antigamente, era "para ser um verdadeiro membro do chalé 10, você precisará partir o coração de seu amado". Alguns ainda o seguiam.

Tentando esquecer seus planos para o futuro, Elijah voltou-se para o afrodisíaco com um sorriso no rosto. Sentou-se ereto nas rochas e observou-o fazer tudo o que Balthazar esperava que ele não fizesse. Todas suas antigas tentativas de abordar alguém foram frustradas, e por coincidência a maioria eram filhos de Afrodite. Ergueu uma sobrancelha aos gestos, como que novo na situação; nunca antes uma cantada daquele tipo tinha funcionado. Engraçado.

Quando Piéetro resolveu levar as iniciais brincadeiras para um outro patamar, Elijah enrijeceu o corpo. Um arrepio percorreu toda sua espinha ao contato com o outro semideus, deixando Balthazar ainda mais sensibilizado. Poderia Piéetro estar usando seus poderes hereditários para influenciar as decisões do filho de Apolo? Pois foi isso que ele sentiu: o coração derretendo, a libido despertando, o cérebro parando de funcionar à base da racionalidade. Elijah só voltou a si quando o moreno recolheu sua mão e falou uma outra coisa que o filho de Apolo não entendeu muito bem. — Ah! Claro... — disse, sentindo o sangue subindo-lhe às bochechas.

Mas a sensação não o abandonou. Elijah viu Piéetro umedecer os lábios como se já estivesse se preparando para algo que com certeza previra. Olhar para ele desse jeito era simplesmente... provocante. E Balthazar não resistiria. Levando as mãos ao rosto de Piéetro, o filho de Apolo se aproximou e tomou o afrodisíaco em seus lábios; primeiro esperando uma aprovação, mas depois forçando passagem ao mobilizar todo o corpo como se dependesse disso. Acariciou a maçã do rosto do moreno enquanto ainda sentia seu libido despertar, e lutou para que não começasse a fazer qualquer outra coisa ali mesmo. Elijah estava cedendo.


Poder Especial:
Cicatriz de urso [Por ter sido atingido no rosto por uma patada feroz de um gurahl, o filho de Apolo recebeu uma cicatriz em seu olho direito. Sendo essa muito profunda, não pode ser removida através de cirurgias ou poderes de curandeiros, sendo que apenas um poder maior divino pode ser forte o suficiente para curá-lo. A ferida não prejudica a visão do garoto, mas por ser uma "deficiência visual", poderes de atração ou encantamento que possam ser originados pelo garoto possuem 25% menor eficácia. Apesar disso, a marca remete aos demais monstros que um semideus recebeu uma ferida tão profunda como aquela e sobreviveu, o que faz com que eles se amedrontem um pouco, de modo que monstro que possuam o nível igual ou menor que o semideus terão sua força reduzida em 15%, e caso sejam monstros humanoides, esse valor aumenta para 25%. Monstros mais fortes que o semideus não se amedrontam, pois sabem que o mesmo foi ferido por um monstro mais fraco que eles, e por sua vez acreditam que então conseguem matá-lo. [By Ares pela missão "O preço de uma ajudinha" att por Ares]
Cain Feather
Indefinido
Mensagens :
629

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Brooklyn Heasell em Qui 30 Out 2014, 16:37



shake it out! shake it out!
it's hard to dance with a devil on your back!!!

O moreno arregalou os olhos quando seus lábios foram tomados por Elijah. Mesmo que intencionasse ser um tanto provocante em suas ações, nunca esperaria uma reação daquelas por parte do mais velho. Ficou estático, a mente em completo torpor. Largou o caderno de lado e usufruiu daquela mão para agarrar os cabelos do filho de Apolo, enquanto a livre passeava por suas costas. Não sabia ao certo que estaria fazendo, mas aquela sensação de perigo e êxtase era abrasadora, e crescia ainda mais ao passo que retribuía as carícias.

Deixou que seus lábios bailassem naturalmente, mantendo os olhos semicerrados para que a imaginação desse conta de tornar ainda melhor cada detalhe. Aquele rapaz era um estranho em sua vida, e mesmo assim estaria ali partilhando de um pouco de afeto. Não era um convite para nada sério, o que deixava tudo muito mais emocionante. Nunca se aventurara daquela maneira, não sem intenção.

Cessou o beijo em um selinho e pressionou o lábio inferior do rapaz entre a prensa dentária, puxando-a levemente. Recorreu a uma de suas mãos para empurra-lo enquanto arrastava-se para ficar por sobre seu peitoral; uma posição bem alarmante e inusitada. Içou o joelho entre suas pernas e pressionou a visível ereção do rapaz. Era uma prole proveitosa de Afrodite, portava todo o conhecimento para deixar tudo ainda mais picante. Nesse momento, recomeçou o beijo, mais feroz. Uma das mãos acionadas contra o peito de Elijah, acariciando a pele e sentindo sua temperatura. O hálito fresco lambendo-lhe o rosto.

Levou certos segundos para que pudesse assimilar aquele acontecimento com a realidade e só então percebera que não era fruto algum de sua mente. Piéetro arfou e voltou a si. - Ah! Céus... - separou-se pela falta de ar, o rosto quente e visivelmente vermelho. - Por favor, me desculpe. - ergueu-se de supetão e passou uma das mãos pelos próprios cabelos, tentando se recompor. - Sinto muito. - murmurou outra vez, a voz já normalizada. Cambaleou a passos apressados, tratando de deixar o local.

Pelos deuses, como estava se sentindo terrível. Não que o beijo não fora excitante; fora bom, muito bom. Apenas queixava-se por ser tão abusivo e, em meio a correria, acabou esquecendo seus pertences ali - o caderno com todos os seus desenhos. Entretanto, com a mente nas nuvens e o ar desleixado, seria duvidoso que ele se lembrasse desse pequeno detalhe já tão longe do palco da cena que relembraria por um bom tempo.

Armas /~/ Poderes

♦ Armas: ♦
♦ {Beauté Électrique} / Chicote Elétrico [Chicote elétrico. É um chicote, todo trabalhado a mão. Ele é feito de couro, e nesse couro, pode se perceber detalhes em renda, bordada manualmente. Ele também reluz algumas pedras preciosas, que ajudam em ataques mais precisos, e podem cortar a pele do atingido]{Couro e Pedras preciosas} (Nível Mínimo: 1 ) {Não controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Afrodite] ~ atado ao cinto ~

♦ {P&P} [Colar com um pingente dourado de um sol com as letras "P&P" estampadas. O pingente emite um calor intenso que pode aquecer o filho de Afrodite em lugares altos e congelantes ou emitir uma luz em lugares escuros para iluminar o local. Em lugares em que o sol pode atingir, o pingente absorve a energia solar e usa ela para curar 10% do HP de Piéetro] {Ouro} (Nível Mínimo: 1 ) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Paul W. Listen] ~ pescoço ~

♦ Poderes: ♦
♥ Beleza Estonteante (Nível 1). Como filhos da deusa da beleza, você é naturalmente belo, sendo tal beleza notável e admirada por todos. Seus olhos têm uma coloração que não se define completamente, sendo intrigantes e como se fssem hipnotizantes; sua voz atrai, seus lábios são provocantes, seu rosto possui uma beleza harmoniosa e o corpo não fica para trás. Tudo em você chama a atenção pela beleza especial que possui, e é praticamente impossível deixar de notá-lo.

Brooklyn Heasell
Filhos de Afrodite
Mensagens :
148

Localização :
Manhattan

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ♣ Local Público Oficial ▬ A Caverna ♣

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 15:53

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 6 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum