Percy Jackson e os Olimpianos RPG BR
Bem vindo ao maior fórum de RPG de Percy Jackson do Brasil.

Já possui conta? Faça o LOGIN.
Não possui ainda? Registre-se e experimente a vida de meio-sangue.

The Flame of Olympus

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

The Flame of Olympus

Mensagem por Harry S. Sieghart em Ter 27 Nov 2012, 11:24

Relembrando a primeira mensagem :

A forja não é nem tão grande e nem tão pequena, porém é realmente abafado nela. Os moldes para as armas ficam espalhados atrás do "balcão" onde Isabella fica. Há cadeiras espalhadas pela forja, para a espera dos semideuses. A forja está quase sempre aberta, exceto quando Isabella sai para alguma missão. As paredes da forja estão cobertas de prateleiras com todos os materiais disponíveis para as forjas, no teto está desenhado um martelo, e não muito longe do balcão, fica a fornalha central, a maior de todas. Há mais duas fornalhas, porém apagadas, já que não eram muito usadas.Há também uma espécie de "refrigerador" para os itens forjados.

Peço que ao pedirem sua arma, levem em consideração o meu nível, eu não posso fazer muitas coisas devido ao meu nível, porém farei tudo que estiver ao meu alcance para agradar.Não esqueçam de descrever bem os detalhes da arma.

Código:
Nome da arma:
Materiais:
Detalhes da arma:
Harry S. Sieghart
avatar
Filhos de Hefesto
Mensagens :
261

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Louis Snicktele em Sex 11 Jan 2013, 15:19

Nome da arma: Katastroféas
Materiais: Bronze sagrado
Detalhes da arma: Uma espada longa de 90 cm, feita de bronze sagrado, tem uma bainha feita de couro negro, tem pequenos detalhes de ouro em seu cabo, pode ser utilizada somente por Louis quando tenta ser utilizada por outro ela se torna muito pesada e sua lamina não fere nem corta nada.
Louis Snicktele
avatar
Filhos de Éolo
Mensagens :
14

Localização :
Sentado em frente á mesa de meu pc

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Tyer Henn Ferräz em Sex 11 Jan 2013, 16:10

-Olá, gostaria de saber se você poderia fazer um escudo 100 % plano, ou seja, sem curvas. Pois desejo poder lançar este escudo como disco e que tenha espinhos de bronze sagrado, este aparece sempre que o campista necessita dele em forma de bracelete. Obrigado-

Nome da arma: Escudo de Bronze Ouro com Espinhos de Bronze Sagrado
Materiais: Bronze Sagrado e Ouro
Detalhes da arma: Um escudo 100% plano de ouro que pode ser lançado como disco, tem espinhos na ponta e este aparece em forma de bracelete de ouro quando o campista precisa dele.
Tyer Henn Ferräz
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
72

Localização :
Dentro do seu ♥

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por George Lerman em Sex 11 Jan 2013, 19:15

Nome da arma: Plobnorguss
Materiais: Ouro
Detalhes da arma: Um caduceu no punho

George Lerman
avatar
Filhos de Hermes
Mensagens :
20

Localização :
Phoenix, Arizona

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Yuki Schiffer em Qui 17 Jan 2013, 21:53

Eu estava passeando pelo acampamento, assim que ouvi o martelar dos filhos de Hefesto nas forjas me lembrei que tinha que fazer a minha espada ficar mais forte assim como eu, afinal aquela foi a minha primeira arma de todas. Eu estava próximo a uma forja e foi nessa mesma que eu logo entrei ela não era grande e nem pequena mas era bastante abafado, o suficiente para me deixar beirando a linha do mal humor, havia uma garota que estava arrumando os moldes ajudando o filho de Hefesto que já estava terminando seu trabalho, enquanto o mesmo não prestava atenção em mim peguei um pedaço de papel e uma caneta no bolço da minha calça e escrevi o meu pedido para evirar de falar muito e tomar a atenção do Filho de Hefesto.

eu desembainhei a minha espada e chamei o filho de Hefesto que por sorte estava guardando sua ultima criação.

-Olá Harry - disse - poderia fazer a minha espada ficar exatamente igual ao pedido? - disse entregando ao mesmo a folha contendo o pedido e aguardando sua resposta.



Código:
Nome da arma: Excalibur
Materiais:Bronze sagrado (espada Basket) + Prata

Detalhes da arma: Excalibur: Uma espada cuja lâmina é feita de bronze sagrado e tem cerca de um metro de comprimento, bastante afiada, de ambos os lados, e igualmente leve. O guarda de mão é feito, também, de bronze sagrado, porém tem alguns detalhes em prata em formato de asas caindo em direção ao pomo da espada de modo que possa proteger a mão do seu usuário. A empunhadura é feita de prata e tem mais ou menos vinte centímetros, podendo assim ser segurada com uma ou duas mãos, ficando agosto de quem a utiliza, além disso tem o símbolo do Yin Yang cravado na mesma, além disso ela é feita especificamente para o seu dono, sendo assim apenas as mãos do seu dono se encaixam perfeitamente na empunhadura. Vira um anel com o simbolo de Yin Yang  quando não esta em uso.
Yuki Schiffer
avatar
Filhos de Despina
Mensagens :
69

Localização :
404 erro Not found '-'

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Theodore E. Bradley em Qui 17 Jan 2013, 23:33





Descrição: 2x Máscara do terror [dispositivo usado para esconder identidade do usuário, é constituída de magnésio encantado (não queima), servindo como uma armadura convencional. A máscara possui uma função telescópica, permitindo seu usuário ver objetos distantes e inimigos a longa distância, possui um corvo entalhado no canto esquerdo.]

Como o preço já foi estabelecido no chatbox, eu pago 40 dracmas por duas máscaras. A outra máscara, ao invés ter um corvo entalhado no canto esquerdo, terá uma águia. (A máscara com a águia é para Pedro'Z de presente e a com o corvo é minha.)

Theodore E. Bradley
avatar
Filhos de Tânatos
Mensagens :
131

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Harry S. Sieghart em Sex 18 Jan 2013, 00:42








Forjando Novamente


Naquele dia comecei a ouvir as vozes, que me falavam coisas sobre meu destino, do dia em que eu me tornaria de um sujeito ordinário, a um sistemático assassino...






Haviam mais pessoas ainda na minha forja. Eu estava realmente feliz por poder ajudar as pessoas a terem as suas armas. O primeiro a chegar foi um rapaz loiro, ele me fez o pedido de uma espada, eu iria precisar de bronze sagrado, também precisaria de ouro, e de couro para o cabo. Não era um pedido muito complicado, não me daria muito trabalho.

- Vou deixar por trinta dracmas para você, aceita? – Falei para o filho de Éolo.

E então, eu esperei que o ciente se decidisse, e segui para o próximo. Um escudo, totalmente plano, outro que não daria muito trabalho, exceto pelo fato de que eu teria de transformá-lo em um bracelete. Por esse motivo, decidi fazer por um preço um pouco mais elevado que o preço da espada.

- Quarenta dracmas, o que acha? – Foi o que eu disse para a cria de Afrodite.

Depois foi a vez do meu próximo cliente, ele me pedia uma espada. Ele havia sido bastante detalhado quanto ao seu pedido, de modo que eu teria certo trabalho para deixar exatamente igual ao que ele havia me pedido. Mas ele oferecera a sua espada como material para minha forja, então decidi não deixar o preço muito elevado, já que eu só usaria a prata.

- Vou te fazer por vinte e cinco dracmas, mas apenas porque oferece sua espada como parte do material. Aceita?

Depois, um cara entrou em minha forja. Ele era misterioso, sua aparência era intimidante. Um braço mecânico que ele portava o deixava com um ar perigoso. Um pingente no pescoço em forma de foice me fez ver que ele era um filho de Thanatos. Isso explicava parte do mistério daquele semideus, mas eu ainda me sentia receoso quanto a sua presença.

Ele me pedia uma máscara que colocaria medo em quem a olhasse, devido a total estranheza da mesma. O modelo que ele havia me pedido era bizarro, mas eu não negava nunca o pedido de um cliente. Analisei bem a máscara que ele havia me pedido, eu precisaria apenas de magnésio, e do item certo para dar a função telescópica.

- Eu faço as duas por quarenta dracmas.

Sim, era um preço meio baixo para o pedido que ele havia feito, mas como ele havia pedido dois itens iguais, exceto por um pequeno detalhe, eu decidi não cobrar muito. Depois que o filho da morte aceitou o preço proposto por mim, e enquanto os outros clientes não aceitavam, eu decidi forjar a arma do semideus misterioso antes.

Fui até a minha estante, e peguei um molde de máscara. Claro, aquilo só faria metade do trabalho, dar a forma assustadora que o semideus queria ia ser mais complicado. Deixei o molde sobre a minha bancada de trabalho.

Voltei para a minha prateleira, e peguei o metal prateado. Coloquei-o para derreter, e enquanto eu esperava, olhava aquele cara com o braço mecânico. Ele não parecia ser normal, mesmo que para um filho de Thanatos.

Depois de um tempo, o metal havia derretido, e estava no ponto para ser moldado. Peguei um recipiente especializado para o trabalho, e coloquei o metal derretido no mesmo. Depois despejei um pouco sobre a primeira fôrma, e mais um pouco sobre a segunda.

Levei as duas para o refrigerador, enquanto eu pegava uma pinça, e meu martelo da forja. Depois de um tempo, os metais haviam secado. Comecei a recitar um antigo cântico grego, e então eu encantei o magnésio, tornando-o sagrado.

Depois, eu peguei o meu martelo, e comecei a bater de leve em vários pontos, tornando a máscara bizarra. Moldei uma pequena águia nessa máscara, e ela estava quase pronta. Peguei a segunda máscara, repetindo o processo, mas entalhando um corvo na mesma.

Depois disso, eu peguei lentes especiais, que podiam aumentar o campo de visão, atingindo até mesmo quatrocentos metros de visão. Uma lente foi colocada no olho direito da máscara com o entalhe de águia, e a outra foi colocada no olho esquerdo da máscara com entalhe de corvo. Estava perfeito.

Levei as minhas criações bizarras até o semideus, peguei os dracmas, e então observei o semideus sair com as suas máscaras.


Acréscimos e Retiradas:
Acrescentar:

Harry Morgenst: 40 dracmas

Jason W. Hatfield: Máscara do terror [Dispositivo usado para esconder identidade do usuário, é constituída de magnésio sagrado (não queima), servindo como uma armadura convencional. A máscara possui uma função telescópica, devido a uma lente que fica no olho esquerdo da mesma, permitindo seu usuário ver objetos distantes, e inimigos a longa distância. A lente alcança até quatrocentos metros. Possui um corvo entalhado no canto esquerdo.]

Pedro'Z H. W. Kimoy: Máscara do terror [Dispositivo usado para esconder identidade do usuário, é constituída de magnésio sagrado (não queima), servindo como uma armadura convencional. A máscara possui uma função telescópica, devido a uma lente que fica no olho direito da mesma, permitindo seu usuário ver objetos distantes, e inimigos a longa distância. A lente alcança até quatrocentos metros. Possui uma águia entalhada no canto direito.]

Retirar:

Harry Morgenst: 2x Magnésio

Jason W. Hatfield: 40 dracmas





JESS
Harry S. Sieghart
avatar
Filhos de Hefesto
Mensagens :
261

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por 057-ExStaff em Sex 18 Jan 2013, 00:50

☠ Atualizado ☠
057-ExStaff
Indefinido
Mensagens :
152

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Louis Snicktele em Sex 18 Jan 2013, 14:35

O filho de Hefesto iria atender meu pedido de uma espada por trinta dracmas achei um preço razoavel, portanto falei:
-- Por mim tudo bem, é um preço bem razoável.
Louis Snicktele
avatar
Filhos de Éolo
Mensagens :
14

Localização :
Sentado em frente á mesa de meu pc

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Yuki Schiffer em Sex 18 Jan 2013, 17:42

Como o Harry somente utilizaria a prata então eu abri um sorriso, e disse:
- esse preço esta muito bom Harry.
Yuki Schiffer
avatar
Filhos de Despina
Mensagens :
69

Localização :
404 erro Not found '-'

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por George Lerman em Sex 18 Jan 2013, 22:43

O garoto se dirigiu a mim e falou que o escudo sairia por 20 dracmas. Eu respondi:

- Feito!
George Lerman
avatar
Filhos de Hermes
Mensagens :
20

Localização :
Phoenix, Arizona

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Aquarious em Dom 20 Jan 2013, 12:04


Pedido


-Excalibur [No modelo original de uma das mais famosas laminas da idade celta. Foi forjada com outros materiais. Mas mantendo sempre os mesmos detalhes. Seu cabo é feito em um tipo de bronze envelhecido para dar um luxo. O Pombo é entalhado em forma de coroa. A Lamina é produzida em prata pura. A alguns detalhes nela mantendo os matérias do cabo. Como espécies de tranças. É Leve e bem afiada. Pode ser manuseada perfeitamente pela ninfa. E também confere a dona poder estender seus poderes através da lamina]{Transmutação: Pingente de Cristal em forma de Elmo Celta}
Uso excluisovo de Aquarious

Aquarious
avatar
Espíritos da Água
Mensagens :
104

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Anthony Romanov em Seg 21 Jan 2013, 01:49








The Tools Of Death


His blood runs through my hand while your life slips away. His last memory is my smile, and then the death seeks you.







Cheguei apressado na forja do filho de Hefesto cujo nome nome era Harry. Eu queria uma espécie de evolução em meu elmo, que esconderia a minha identidade, possibilitando que eu me tornasse um assassino sem face. Mas não era só por isso. Nightwing havia dito que assim eu poderia zelar a mim mesmo, sem deixar que soubessem quem eu era. E disse que isso evitaria perguntas chatas posteriormente. E eu também precisava de uma espécie de Upgrade em minha armadura.

- Oi, eu queria saber quanto ficaria se você adaptasse esse meu elmo, o deixando na forma desse projeto. Ah, e também queria que fizesse essa armadura se transformar em uma capa negra e desbotada, com um capuz, como a capa da morte.

De: Elmo do Pânico.[Um elmo de ferro estígio, há um desenho de caveira nele, a mandíbula fica na parte em que é possível levantar para mostrar o rosto, como se estivesse rindo. Quando o usuário desejar, o elmo emite pânico no oponente por 2 rodadas, mas depende de seu nível(semideus) ou força(monstro).]

Para: Máscara do Pânico. [Um elmo de ferro estígio, há um desenho de caveira nele. A mandíbula fica na parte em que é possível levantar para mostrar rosto, porém, nessa parte, está uma máscara aterrorizante feita de magnésio sagrado(não queima) na mesma tonalidade do elmo, assim, parece que a caveira está rindo. Quando o usuário desejar, o elmo emite pânico no oponente por duas rodadas, mas depende de seu nível(semideus) ou força(monstro). A máscara possui função telescópica, devido a uma lente que fica no olho esquerdo da mesma, permitindo seu usuário ver objetos distantes, e inimigos a longa distância. A lente alcança até quatrocentos metros.

De: - Armadura grega sem peitoral[ contém um elmo espartano sem a crina, com o desenho de uma naja pronto para dar o bote na testa, o símbolo do lanterna verde na lateral direita e o símbolo dos lanternas azuis na lateral esquerda, juntamente com dois antebraços com duas lâminas estendidas após o cotovelo e soco inglês no suporte das mãos e duas grevas que contém lâminas que se estendem 5 cm após o joelho]

Para: - Armadura grega sem peitoral[ contém um elmo espartano sem a crina, com o desenho de uma naja pronto para dar o bote na testa, o símbolo do lanterna verde na lateral direita e o símbolo dos lanternas azuis na lateral esquerda, juntamente com dois antebraços com duas lâminas estendidas após o cotovelo e soco inglês no suporte das mãos e duas grevas que contém lâminas que se estendem 5 cm após o joelho. Em repouso, vira uma capa negra e desbotada, com um capuz dessa mesma forma.






Armas e Poderes Usados

Observações




Anthony Romanov
avatar
Feiticeiros  de  Circe
Mensagens :
232

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Rosalie R. Penedo em Seg 21 Jan 2013, 13:53


Pedido
UMA NOVA ARMA

@ Carvalho Negro [Um colar de prata puro. Entalhado com um pingente em forma de rosa vermelha. Quando pressionado permite a dona ter uma nova arma. Denominada Carvalho Negro. É Forjada em prata tradicional com pintura de um verde musgo na parte da lamina. O Cabo é também neste material. Pode ser acoplada junto ao punho. O cabo então é moldado em uma cor negra. Que imita o tronco de um carvalho negro. É afiada alem de leve]



Template by thepiscina from TdN. editado por Hurricane

Rosalie R. Penedo
avatar
Filhos de Deméter
Mensagens :
49

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Harry S. Sieghart em Seg 21 Jan 2013, 21:48








De volta à forja


Naquele dia comecei a ouvir as vozes, que me falavam coisas sobre meu destino, do dia em que eu me tornaria de um sujeito ordinário, a um sistemático assassino...






Recebi a confirmação que eu esperava para forjar a lâmina do garoto. Era o que eu precisava para continuar forjando. Andei rapidamente até a minha estante de materiais, que por sinal precisava de alguns metais novos, e então eu peguei bronze sagrado.

Também peguei um recipiente feito de uma liga de metais resistentes, permitindo depositar os metais derretidos dentro do mesmo, uma pinça grande e resistente, que seria usada para dar mais detalhes à minha forja, uma fôrma de espada preparada para o pedido do semideus, e o meu martelo. Depositei o recipiente, a pinça e o martelo na minha área de trabalho, ficando só com o bronze sagrado em mãos.

Levei-o até minha fornalha e o coloquei para derreter. O ponto de fusão foi atingido rapidamente, derretendo o metal sagrado. Voltei para a minha área de trabalho, pegando o recipiente que eu havia deixado lá, e derramei o metal no mesmo.

Andei até a minha área de trabalho, com o recipiente em mãos. Quando eu cheguei, derramei o metal derretido dentro da fôrma de espada que eu iria usar para dar a forma da espada que o semideus havia me pedido. Observei o bronze se espalhar pela fôrma, até que o metal derretido havia se espalhado completamente.

Era hora de levar ao refrigerador, e foi justamente o que eu fiz. Peguei a fôrma com o bronze derretido, fui até o meu refrigerador, e a encaixei lá. Comecei a esperar que o metal endurecesse na forma de espada, dada pela fôrma. Depois de um tempo, eu retirei a fôrma de dentro do refrigerador, e peguei a espada, que aparentemente estava pronta.

Levei a espada até minha área de trabalho, e então peguei o meu martelo. As batidas ritmadas na lâmina aumentavam seu fio e a sua resistência, assim como completavam a forma certa e atribuíam os detalhes da lâmina.

O cabo de couro polido foi adicionado à espada, e então a mesma estava completamente pronta para uso. Segurei-a, simulando alguns golpes com ela só para testá-la, então eu a levei até o balcão, onde a entreguei para o semideus. Então eu peguei os dracmas que o mesmo me entregou. 1x Bronze Sagrado

Fui até o segundo cliente, que também confirmou o preço de seu pedido. Ele parecia meio desconfortável em minha forja, então procurei cumprir o seu pedido o mais rápido possível. Peguei a sua espada de bronze, que eu usaria como material para minha forja, e então fui até a minha estante e peguei prata e uma fôrma que seria usada para a espada. Depositei a fôrma na minha área de trabalho, e segui com a espada e a prata.

Coloquei a prata e a lâmina da espada para derreterem, dessa vez demorou um pouco mais para que o ponto de fusão dos metais fossem atingidos, mas, o metal derreteu depois de um tempo. Novamente eu peguei o meu recipiente, em que eu colocava os metais, e coloquei o bronze sagrado.

Levei-o até a minha bancada de trabalho, onde eu o despejei sobre a fôrma. O bronze sagrado se espalhou rapidamente, enquanto a prata continuava em minha fornalha.

Então eu peguei a fôrma e a levei para o refrigerador, deixando-a lá enquanto voltava a atenção para a prata. Peguei meu recipiente de metal, retirando a prata que seria usada para os detalhes da arma. Quando a espada já havia endurecido, eu a levei para minha bancada de trabalho, junto da prata.

Peguei a minha pinça, e com a mesma eu comecei a adicionar as asas. Depois, a empunhadura da espada, lembrando de colocar no tamanho que me fora pedido. Com o restante da prata, eu criei um pequeno anel com o símbolo do Yin Yang.

Coloquei a espada e o anel lado a lado, depois, fiz uma pequena prece a meu pai. Comecei a recitar um cântico grego, que eu não entendia direito como conhecia, mas o efeito não foi diferente do esperado. Logo, a espada e o anel foram encantados, se tornando um só.

Então eu peguei o meu martelo e comecei a bater rapidamente na lâmina da espada, a deixando com uma maior leveza e a afiando. Depois, terminei de modelar a mesma com as batidas do martelo, e ela estava pronta. Transformei-a em um anel novamente.

Levei o anel com o símbolo do Yin Yang até o semideus, que ainda estava meio desconfortável. Entreguei o anel à ele e peguei os dracmas depositados no balcão, depois, observei por um tempo até que o mesmo saiu da forja. 1x Prata

Agora eu teria que forjar um escudo, cuja confirmação eu recebi depois de bastante tempo. Eu usaria bronze comum na forja, tanto para o escudo quanto para os detalhes do mesmo. Então, eu fui até a minha estante, e peguei o bronze, assim como peguei minha fôrma de escudo. Deixei a fôrma na minha bancada de trabalho

Então, eu levei o bronze até a minha fornalha, e a deixei lá para derreter. O ponto de fusão foi atingido em tempo bem menor dessa vez, o que foi um alívio para mim, eu já estava começando a ficar meio cansado.

Peguei o recipiente de metal na minha bancada de trabalho, então fui novamente até a fornalha e peguei o bronze. Fui para a minha área de trabalho mais uma vez, e despejei o bronze na fôrma recém-preparada. Depois que o metal havia se espalhado, e que ainda havia sobrado um pouco no recipiente, era hora de colocar no refrigerador.

Então eu levei a fôrma até o refrigerador, arrumando um bom espaço, porque a fôrma era maior que as outras. Depois de um tempo, em que eu cantarolava uma canção qualquer, o metal havia endurecido e o escudo estava aparentemente pronto.

Peguei o mesmo e o levei até a minha área de trabalho. Depois, comecei a bater no escudo usando o martelo, deixando ele mais resistente e leve, e dando a forma perfeita, ou pelo menos, quase perfeita. Depois, comecei a adicionar o restante do bronze, moldando as serpentes e o “cajado” do caduceu.

O escudo estava pronto, então eu o levei até o filho de Hermes que havia feito o pedido em minha forja, pegando os dracmas que havia sido depositados no balcão. Depois, observei o semideus sair da forja. 1x Prata

Eu finalmente iria descansar um pouco das forjas quando eu ouço o barulho de minhas portas abrindo novamente. Uma semideusa enteou em minha forja, com o pedido de uma espada. Ela pedia uma espada que usaria prata e bronze, não muito complicada.

- Trinta dracmas, pode ser?

Então, um semideus entrou em minha forja. Ele não era assustador, ou algo do tipo, apenas misterioso, sinistro.

Ele havia me pedido uma máscara de magnésio sagrado, assim como o filho de Thanatos havia feito. Já era a terceira que eu teria que forjar naquele dia. Pela máscara, eu ofereci o mesmo preço que ofereci para as outras, vinte dracmas.

Depois, ele me pediu também para que encantasse a sua armadura, de modo que a mesma se transformasse em uma capa, como a que a morte usava em livros e filmes. Já que eu não iria forjar nada nesse último pedido, decidi cobrar dez dracmas, totalizando trinta dracmas.

Após o semideus confirmar o seu pedido em minha forja, eu peguei sua armadura e seu elmo, e os deixei em minha área de trabalho. Fui até a minha estante e peguei meu magnésio, deixando-o também na área de trabalho. Depois, peguei a capa que seria usada no encantamento e o deixei, também, em minha área de trabalho.

Então, eu toquei o magnésio, e comecei a recitar um cântico grego. “Pai, abençoe esse metal”, foi o que eu pensei. Eu sabia que havia dado certo, sabia que o magnésio agora era sagrado, então eu o levei para a fornalha, o deixando lá para derreter.

Enquanto eu aguardava que o metal derretesse, fui até a minha área de trabalho, deixando a capa ao lado da armadura. Mais uma vez, eu recitei um cântico grego, porém, um diferente do anterior. Logo, só a capa estava no lugar, depois de ter absorvido a armadura.

Então, eu levei a capa até o semideus, que abriu u sorriso meio sinistro, e a segurou. Depois, eu fui até a minha estante, e peguei a fôrma que eu havia utilizado para fazer as máscaras anteriores. Então, o metal havia atingido seu ponto de fusão e derretido.

Fui até a minha fornalha com o recipiente de metal, deixando o magnésio lá. Então, eu o levei até a minha área de trabalho, e despejei o magnésio na fôrma. Esperei que ele se espalhasse, observando seu brilho incomum, mesmo no estado líquido.

Depois que o magnésio estava completamente espalhado, eu levei-o até o refrigerador, aguardando que o metal endurecesse. Logo que o refrigerador havia terminado de exercer a sua função, e o metal havia endurecido, eu levei a máscara até a minha área de trabalho.

Depois, eu comecei a bater na máscara com o meu martelo, deformando-a e deixando-a o mais assustadora possível. Depois de tê-la tornado totalmente bizarra, o meu trabalho estava quase acabando, só faltando os últimos detalhes.


Peguei uma lente, assim como as outras que eu havia pego, e adicionei na máscara, no olho esquerdo. Assim, a lente atingiria quatrocentos metros, assim como as outras. Por fim, eu conectei a máscara e o elmo do garoto, o que a tornou mais bizarra ainda.

O trabalho estava terminado, então, eu entreguei para o garoto, que sorriu novamente de forma estranha e depois saiu da minha forja. Eu podia jurar que ele falava com alguém invisível, o que foi mais estranho ainda.

Logo, outra garota entra em minha forja. Ela me trazia um pedido novo, em que eu teria de usar mais prata. Não era algo muito complicado de se forjar, então, eu dei o preço que seria cobrado para forjar a arma.


- Eu forjo por vinte dracmas.

Acréscimos e Retiradas:
Acréscimos:

Harry Morgenst: 105 Dracmas

Louis Snicktele: Katastroféas [Uma espada longa de noventa centímetros, feita de bronze sagrado. Tem uma bainha feita de couro negro, com pequenos detalhes de ouro em seu cabo. Foi feita especialmente para Louis, de modo que é adaptada especialmente para ele. Quando algum outro semideus a usa, ela não se adapta ao corpo do mesmo, se tornando mais pesada, e sem ferir o oponente.]

Train Fortune: Excalibur [Uma espada cuja lâmina é feita de bronze sagrado, e tem cerca de um metro de cumprimento. É bastante afiada, em ambos os lados, e igualmente leve. A guarda de mão é feita, também, de bronze sagrado. Tem alguns detalhes em prata no formato de asas caindo em direção ao pomo da espada, de modo que possa proteger a mão do seu usuário. A empunhadura é feita de prata, com mais ou menos vinte centímetros. Assim, a mesma pode ser segurada com uma ou duas mãos, ficando a gosto de quem a utiliza. Tem um símbolo de Yin Yang cravado nela. Foi feita especificamente para seu dono, assim, apenas as mãos do mesmo se encaixam perfeitamente na empunhadura. Vira um anel com o símbolo de Yin Yang, quando em repouso]

George Lerman: Escudo de Bronze [Um escudo feito puramente de bronze. Possui cravado no centro um caduceu, marca de Hermes]

Ralph M. C. Wizard: Máscara do Pânico. [Um elmo de ferro estígio, há um desenho de caveira nele. A mandíbula fica na parte em que é possível levantar para mostrar rosto, porém, nessa parte, está uma máscara aterrorizante feita de magnésio sagrado(não queima) na mesma tonalidade do elmo, assim, parece que a caveira está rindo. Quando o usuário desejar, o elmo emite pânico no oponente por duas rodadas, mas depende de seu nível(semideus) ou força(monstro). A máscara possui função telescópica, devido a uma lente que fica no olho esquerdo da mesma, permitindo seu usuário ver objetos distantes, e inimigos a longa distância. A lente alcança até quatrocentos metros.]
- Armadura grega sem peitoral[ contém um elmo espartano sem a crina, com o desenho de uma naja pronto para dar o bote na testa, o símbolo do lanterna verde na lateral direita e o símbolo dos lanternas azuis na lateral esquerda, juntamente com dois antebraços com duas lâminas estendidas após o cotovelo e soco inglês no suporte das mãos e duas grevas que contém lâminas que se estendem 5 cm após o joelho. Em repouso, vira uma capa negra e desbotada, com um capuz dessa mesma forma.]

Retiradas:

Harry Morgenst: 1x Prata, 1x Bronze, 1x Bronze Sagrado e 1x Magnésio

Louis Snicktele: 30 Dracmas

Train Fortune: 25 Dracmas e Basket (Espada de Bronze Sagrado)*

George Lerman: 20 Dracmas

Ralph M. C. Wizard: 30 Dracmas, Elmo do Pânico.[Um elmo de ferro estígio, há um desenho de caveira nele, a mandíbula fica na parte em que é possível levantar para mostrar o rosto, como se estivesse rindo. Quando o usuário desejar, o elmo emite pânico no oponente por 2 rodadas, mas depende de seu nível(semideus) ou força(monstro).]**

Armadura grega sem peitoral[ contém um elmo espartano sem a crina, com o desenho de uma naja pronto para dar o bote na testa, o símbolo do lanterna verde na lateral direita e o símbolo dos lanternas azuis na lateral esquerda, juntamente com dois antebraços com duas lâminas estendidas após o cotovelo e soco inglês no suporte das mãos e duas grevas que contém lâminas que se estendem 5 cm após o joelho]**

* - Item “Basket” usado como material para forja
** - Itens de Ralph foram melhorados






JESS
Harry S. Sieghart
avatar
Filhos de Hefesto
Mensagens :
261

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Rosalie R. Penedo em Seg 21 Jan 2013, 22:55


Pedido
PREÇO ACEITO




Template by thepiscina from TdN. editado por Hurricane

Rosalie R. Penedo
avatar
Filhos de Deméter
Mensagens :
49

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Aquarious em Seg 21 Jan 2013, 22:56


Preço Aceito



Uso excluisovo de Aquarious

Aquarious
avatar
Espíritos da Água
Mensagens :
104

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por 057-ExStaff em Ter 22 Jan 2013, 00:36

☠ Atualizado ☠
057-ExStaff
Indefinido
Mensagens :
152

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Fuyuki em Sab 26 Jan 2013, 11:22


Comprando uma cobra
Fuyuki estava andando pela floresta calmamente quando um pensamento sobre uma nova arma cruza sua mente. Ela, no mesmo momento, confere se está com alguns dracmas e vai apressada para a área de forjas do acampamento. Nunca foi um lugar que ela visitasse com frequência, então apenas escolheu uma porta aleatoriamente e entrou. O lugar não era um exemplo de arrumação ou frescor, mas a dríade considerou ser um ambiente normal em uma forja. Ela vai até o balcão, falando com o filho de Hefesto que ali trabalhava:

- Bom dia... Você teria um papel e uma caneta, por favor? – O ar de timidez que cercava a ninfa era quase palpável, e ela corara um pouco, também.

Assim que consegue o que pedira, começa a anotar algumas informações sobre a arma que queria, como o nome da arma, os materiais e uma descrição detalhada da mesma.
Passe o mouse pelo gif.
Arma:
Nome da arma: Hebi

Materiais: Bronze sagrado e tintura

Detalhes da arma: Hebi [Um chicote que imita uma cobra coral-verdadeira, com seu corpo pintado e algumas escamas de bronze sagrado também pintadas que podem arranhar o oponente. A ponta do chicote assume o formato de uma cabeça de cobra, que também é feita de bronze sagrado. O cabo do chicote, apesar de ficar cada vez mais fino, é feito de modo que não escorregue da mão do usuário, e não tem escamas.] {Transformação: Pulseira em formato de cobra}


Ps.: Se possível, fazer por no máximo 100 dracmas, que é tudo o que eu tenho. Se não for, fale comigo para que eu modifique a arma até dar o preço. Obrigada :3
Fuyuki
Dríades
Mensagens :
5

Localização :
Floresta >-<

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Jonas W. Harris em Qua 30 Jan 2013, 17:12

Nome da Arma: Justice
Materiais: Bronze Sagrado, Tintura, Madeira, e Olho de Ciclope (meu arsenal este último)
Descrições: Justice [Adaga de bronze sagrado. Sua lâmina possuí uma coloração branca, pálida como a neve. Em seu punho possuí um olho de ciclope, que está ligado ao seu dono, permirtindo assim que seu dono enxergue, se quiser, o que há na mesma direção em que o olho está. Seu cabo feito em Madeira, possuí escrito: Justice, em letras cursivas bem desenhadas.]
Jonas W. Harris
avatar
Filhos de Ares
Mensagens :
566

Localização :
Into the Badlands

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Victor Renzo em Dom 10 Fev 2013, 20:34


Eu vou comprarum escudo



______Eu saí de meu chalé para dar uma volta no acampamento e então passo em frente as forjas, começo a pensar se quero uma nova arma ou não, a resposta foi que sim, eu precisava de uma arma.

Então eu passei pelas forjas, e entrei na The Flame of Olympus, mas pobre é assim, passa na loja só para dar uma olhadinha, se o preço for bom compra, se não for sai.

Cheguei lá e perguntei ao balconista e dono da forja, o Harry.

- Eu quero um bracelete que vira escudo, os detalhes estão abaixo, se puder fazer eu agradeceria, só quero saber o preço também.

E então depois dessa conversa eu tenho que mostrar a minha ficha:

Nome da arma: Protector Mortis
Tipo de arma: Bracelete que vira escudo
Materiais à serem usados: Magnésio
Descrição desejada: Protector Mortis (Protetor da Morte, bracelete que vira escudo, leve e resistente)
Detalhes: Símbolo da morte esculpido no bracelete e no escudo.

Aqui está o meu pedido, espero que você possa faze-lo.


Fim! Quero meu escudo =D



Victor Renzo
avatar
Filhos de Tânatos
Mensagens :
84

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Rosalie R. Penedo em Seg 11 Fev 2013, 14:04


Pedido Cancelado
Motivo: Demora no forjamento; Visto que poderia estar com outras armas




Template by thepiscina from TdN. editado por Hurricane

Rosalie R. Penedo
avatar
Filhos de Deméter
Mensagens :
49

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Elizabeth Chase em Seg 11 Fev 2013, 15:55

Eu queria muito uma arma há um tempo, mas eu não tinha muito dinheiro, pois estava juntando para outra cisa especial, e essa arma poderia ser um pouco cara...
Entrei numa forja que me parecia "amigável" eu esperava que não fosse muito cara também...
A forja não é nem tão grande e nem tão pequena, porém é realmente abafado nela. Os moldes para as armas ficam espalhados atrás do "balcão"... Haviam cadeiras espalhadas para os semideuses e as paredes da forja eram cobertas de prateleiras com todos os materiais disponíveis para as forjas, no teto está desenhado um martelo, e não muito longe do balcão, fica a fornalha central, a maior de todas. Achei o espaço muito interessante, mesmo que abafado, eu adoro lugares com esse estilo medieval...
Nome da arma:κυνηγός
Materiais: Sinceramente não sei o material da Crossbow, mas as flechas podem ser de prata, fibra, ou bronze se for mais barato...
Detalhes da arma: Aqui tem uma imagem...

Uma Cross-bow preta, da qual a frente é dupla (Como se fosse uma em cima da outra) sendo que com um mecanismo se eu aperto um botão ela se abre e se divide duas (uma para cada lado), e assim posso atirar uma flecha para cada lado ao mesmo tempo :D (Se já assistiu “João e Maria Caçadores de Bruxas” sabe do que eu falo...)
E com umas 15 flechas é claro...
- Quanto vai ficar? – Perguntei temendo a resposta.
Elizabeth Chase
avatar
Indefinido
Mensagens :
158

Localização :
Siga a Trilha de folhas de carvalho , e entre na parte mais fechada da floresta, de lá a coruja preta o guiará.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Oliver H. Greyback em Ter 12 Fev 2013, 16:59





Oliver Holmes Greyback


______________________________________________________________________
______________________________________________________________________

Entro na área das forjas, um lugar irremediavelmente quente e desconfortável para mim, que prefiro muito mais os ambientes frios. Vou andando até encontrar uma que me parecia melhor. Entro na forja, ela não é grande nem pequena, porém é realmente abafado nela. Havia alguns moldes para armas espalhados atrás do "balcão". Era possível ver várias cadeiras espalhadas pela forja, presumi eu que eram usadas para que os clientes esperassem. As paredes da forja estavam cobertas de prateleiras com todos os materiais disponíveis para as forjas, no teto está desenhado um martelo, e não muito longe do balcão, ficava uma fornalha central, a maior de todas. Havia mais duas fornalhas, porém apagadas. Num canto do estabelecimento encontrava-se também uma espécie de "refrigerador" para os itens forjados. Tiro do bolso da calça um papel dobrado e olho para o rascunho. É, o desenho não havia ficado tão ruim. Me apoio no balcão e, me dirijo à garota do outro lado do mesmo:
- Com licença.
- O que deseja?
- Eu gostaria que fizesse um escudo para mim. Tenho aqui um desenho, para ficar menos complicado. - Entrego o desenho à filha de Hefesto que havia me atendido, e começo a especificar como quero o escudo: - Bom, na verdade é um relógio, que vira um escudo ao meu desejo. Feito de titânio, . Bem simples, sem nenhum detalhe em especial. Será que daria pra fazer por umas 80 dracmas?

Nome da arma: Ámyna
Tipo de arma: Relógio que vira escudo
Materiais à ser usado: Titânio
Descrição desejada: Ámyna [Relógio que vira um escudo de formato suíço, feito inteiramente de titânio, exceto as tiras de couro que o prendem ao braço do usuário, leve e bastante resistente]


______________________________________________________________________
______________________________________________________________________


Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics
Oliver H. Greyback
avatar
Filhos de Despina
Mensagens :
723

Localização :
Purgatório

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Fernanda Cristina em Qua 13 Fev 2013, 13:46

Eu tinha acabado de sair da enfermaria .Parecia que os efeitos da poção estava acontecendo pouco a pouco ,mas mesmo esgotada me dirigi a uma forja.A forja não era grande nem pequena ,mas realmente era abafada.Atrás de um balcão estava cheio de moldes.No balcão também encontrei um ficha que prenchi.

Nome da arma: Luare
Materiais:Prata sagrado.
Detalhes da arma:Seria um escudo redondo e bem grosso.Nele iria estar desenhado uma paisagem,uma lua cheia num céu estrelado e abaixo uma linda praia deserta,cada estrela seria um pequeno espinho .Vira pulseira de prata com pingentes de lua
Fernanda Cristina
avatar
Filhos de Selene
Mensagens :
106

Localização :
Chalé 18 ( selene )

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Fernanda Cristina em Qua 13 Fev 2013, 13:59

podem mudar para normal ok ?
Fernanda Cristina
avatar
Filhos de Selene
Mensagens :
106

Localização :
Chalé 18 ( selene )

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Flame of Olympus

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum