Percy Jackson e os Olimpianos RPG BR
Bem vindo ao maior fórum de RPG de Percy Jackson do Brasil.

Já possui conta? Faça o LOGIN.
Não possui ainda? Registre-se e experimente a vida de meio-sangue.

The Dragon’s Flame

Página 8 de 9 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

The Dragon’s Flame

Mensagem por Harry S. Sieghart em Qui 04 Abr 2013, 10:45

Relembrando a primeira mensagem :


Dragon's Flame
Forja de Harry S. Sieghart


The Dragon's Flame

A forja é uma das primeiras do longo corredor onde se localizam. Uma porta dupla feita de ferro separava o lado interior do exterior, e logo acima destas havia a cabeça de um dragão medieval, feita de ouro, como se fosse um daqueles troféus que caçadores ostentavam em suas casas. Abaixo do dragão, invisível à maioria, existe uma pequena câmera de segurança, que permite saber exatamente quem e quando saiu ou entrou na forja.

Por dentro, o ambiente é grande e espaçoso, até demais para uma forja. Os clientes que entram se deparam com algumas cadeiras confortáveis, e para aliviar o enorme calor que vinha da forja, um ar-condicionado resfriava a recepção. Um balcão separava o forjador dos clientes. A forja em si era ainda maior, e equipada com máquinas e aparelhos especializados, como a moedora de correia feita para afiar armas. A fornalha ficava logo ao fundo, e ocupava quase todo o espaço daquela área. Haviam ainda armários onde os materiais e itens de segurança eram guardados, e uma grande mesa próxima do balcão, com papéis especiais para projetos de armas e itens.

Regras da Forja


1- A forja não é um lugar off, portanto poste sua entrada, mas deve parar sua narração quando me explicar em on o que deseja. Irei fazer a interação com você para que diga se aceita ou não o preço ofertado. Quando postar sua segunda narração aceitando o preço, aí sim é que irei fazer sua arma.

2- Na primeira narração, coloque no final do post a ficha disponibilizada no final deste primeiro post, a preenchendo corretamente com o que deseja. É ela que vai me ajudar com os cálculos do preço final.

Obs: As habilidades do forjador estão disponíveis logo abaixo, e se referem às especializações e habilidades especiais que possuo, ou seja, coisas simples ou óbvias não serão colocadas na área. Procurarei sempre atualizar essa parte - mas ainda assim pode estar faltando algo -, então para ter uma ideia do que posso ou não fazer, é sempre bom olhar.

Habilidades do Forjador:
- Harry pode abençoar qualquer metal com o atributo "Sagrado", tornando- mais ofensivo à monstros e semideuses, mas inofensivo à mortais.

- Harry pode usar qualquer material ou essência disponível na loja, com exceção de Fogo Sólido, Prata do Pandemônio e Cristalium.


- Harry Possui a Especialização em Armas, que permite adicionar nos itens os seguintes efeitos:

Leveza – Essa habilidade torna o item mais leve. Escudos e armaduras são tratados, em termos de peso, como uma categoria menor, e armas de duas mãos infundidas com esta habilidade podem ser manuseadas com uma única mão. Aumenta o nível do item em 10.

Afiada – Seu gume é mais afiado que de uma arma comum, demorando muito mais para perder suas propriedades e aumentando o dano de acordo com a habilidade do forjador – 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. Obviamente, só pode ser aplicado em armas cortantes. Um arco ou besta com esta habilidade passa o bônus para suas flechas. Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Impactante – o equivalente de afiada para armas contusivas, como maças e cajados. Agora, elas possuem o dano aumentado - 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. Obviamente, só pode ser aplicado em armas contusivas. Pode ser aplicada em armas a distância, que passam o bônus para as munições, contudo, flechas e virotes só receberão o efeito se forem especialmente adaptadas para causar dano contusivo e não cortante. Balas de funda recebem o efeito normalmente. Aumenta o item do nível em 2 a cada 5%.

Defensora – Uma arma com esta habilidade é mais balanceada, tornando-a mais fácil de ser usada na defesa, agindo como um escudo, sem contudo qualquer penalidade – pelo contrário – a defesa é aumentada em  5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. Útil para armas de duas mãos. Aumenta o item do nível em 2 a cada 5%.

Penetrante – Uma arma penetrante foi criada especialmente para sobrepujar as melhores armaduras. Uma arma deste tipo tem chance maior de causar dano mesmo em usuários de armadura - 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. No caso de armaduras com fortificação, as habilidades se anulam, prevalecendo a diferença entre ambas – Uma arma penetrante a 15% contra uma armadura fortificada a 10% causaria apenas 5% a mais (a diferença entre ambas).Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Distância – Apenas para armas especificamente arremessáveis e armas à distância – esta habilidade cria armas especialmente balanceadas, dobrando seu alcance de ataque. Pode ser aplicado a redes e boleadeiras. Armas compostas só recebem este benefício quando são arremessadas com todas as suas partes (a corrente de uma foice com corrente não recebe o bônus se o usuário mantiver uma das partes seguras, já que por mais que seja balanceada, a corrente não se distende, mas atirar a arma inteira poderia fazer o bônus ser aplicado). Aumenta o nível do item em 10.

Enredante – Apenas para armas de imobilização, como chicotes e boleadeiras. Essas armas são feitas com mais primor que suas contrapartes menos trabalhadas. Armas enredantes oferecem uma bonificação de 5% a  cada 10 níveis do forjador, até o máximo de 25% para ataques de imobilização e desarme. Um oponente que seja preso por uma dessas também tem dificuldade em escapar – ataques de constrição que partam da arma tem a duração de 1 rodada adicional, e a dificuldade de escapar é aumentada na mesma proporção que o bônus de acerto. Aumenta o nível do item em 7.

Durabilidade – Estes itens ganham uma resistência geral maior, sendo mais difíceis de serem quebrados. Aumenta em 7 o nível do item.

Indestrutibilidade – Estes itens não podem ser destruídos por meios ou habilidades comuns. Apenas ataques mitológicos e métodos específicos podem fazê-lo. [Poderes de outros semideuses ainda contam, mas um golpe simples de uma espada sem habilidades contra um escudo com essa característica não provocarias danos]. Aumenta em 20 o nível do item.


- Harry Possui a Especialização em Escudos, que permite adicionar nos itens os seguintes efeitos:


Leveza – Essa habilidade torna o item mais leve. Escudos e armaduras são tratados, em termos de peso, como uma categoria menor (mas ainda impedem o manuseio de armas com a mão que os segura, ainda que fiquem mais fáceis de manejar), e armas de duas mãos infundidas com esta habilidade podem ser manuseadas com uma única mão. Aumenta o nível do item em 10.

Esmagamento – Este escudo foi forjado de forma a ser usado em ataques de carga, seu centro de peso se deslocando para isso. Ele inflige dano da mesma forma que uma arma de contusão, como maças e cajados, esmagando o oponente quando usado em um ataque deste tipo, podendo causar dano adicional quando existe uma diferença de tamanho entre o usuário e o oponente que favoreça o semideus que porta o escudo – Um semideus que enfrente um inimigo menor ganha a vantagem, mas não teria o mesmo efeito se ele enfrentasse um ciclope, por exemplo. Aumenta o nível do item em 15.

Durabilidade – Estes itens ganham uma resistência geral maior, sendo mais difíceis de serem quebrados. Aumenta o nível do item em 7.

Indestrutibilidade – Estes itens não podem ser destruídos por meios ou habilidades comuns. Apenas ataques mitológicos e métodos específicos podem fazê-lo. [Poderes de outros semideuses ainda contam, mas um golpe simples de uma espada sem habilidades contra um escudo com essa característica não provocarias danos]. Aumenta o nível do item em 20.

Arremessável - Este escudo foi feito para ser usado em ataques do tipo, favorecendo-os, mesmo não sendo uma arma em si, aumentando as chances de acerto e o dano. O nível desse aumento depende do nível do forjador (não do usuário) sendo de 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25% . Caso o usuário tenha habilidades para usar o escudo dessa forma (como o poder de Athena) o potencial ganha um bônus adicional de 10%, que não conta no aumento de nível ocasionado pela habilidade, que é de 1 a cada 5%.

Ficha de requisição:


Código:
[spoiler][b]Objeto:[/b]
[b]Nome do objeto:[/b]
[b]Materiais a serem utilizados:[/b]
[b]Dimensões do objeto:[/b]
[b]Detalhes à parte:[/b][/spoiler]

Ou use a descrição do fórum para os objetos:

Código:
[spoiler]♦ {Nome} / O que é [ Explicação, e uma descrição BEM CLARA de TODAS as funcionalidades, capacidades e aparência da arma, quer ela ajude em atributos ou não (aumente destreza, força, velocidade, enfim ~ não acho necessário que o fórum deixe contabilizado esses atributos, é algo que o narrador precisa considerar e aceitar)] {Materiais utilizados (materiais de forja, se é uma espada feita de aço, ouro, enfim] (Nível Mínimo) {Elemento, se controla algum} [Forjado por Harry S. Sieghart][/spoiler]
 
Crédito do template a Tamy!

Harry S. Sieghart
avatar
Filhos de Hefesto
Mensagens :
261

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Harry S. Sieghart em Ter 07 Jul 2015, 11:54









Back to Work



Respirar o ar poluído daquele lugar novamente foi a melhor sensação que o filho de Hefesto poderia ter tido naquele momento. Não passara tanto tempo afastado, mas ainda assim havia sido o bastante para deixá-lo com saudades daquilo tudo. Não que a forja fora dos limites do acampamento não fosse boa, mas apenas era muito parada para alguém como ele. Harry precisava de ação o tempo todo, e não havia lugar melhor para aquilo que ali, em sua forja de verdade.

Tudo estava exatamente em seu lugar, como o ferreiro havia deixado, e com um sorriso meio tímido Sieghart olhou para os projetos que havia deixado sem terminar, prometendo a si mesmo que iria pessoalmente procurar cada um dos semideuses que haviam encomendado as armas. Devia a eles um pedido de desculpas, além de um desconto nos itens caso eles ainda desejassem obtê-las. Mas aquele não era o momento, afinal a maioria do acampamento ainda dormia. Antes ele iria preparar a forja para receber novos clientes.

...


Tempos depois, o fogo já crepitava na fornalha, lançando sua luz alaranjada sobre as paredes do local. Todo o inventário havia sido feito, e cada uma das peças já estava em seus devidos lugares, prontas para atender às necessidades do acampamento. Harry abriu a porta dupla das forjas, e com um comando de voz ligou o ar-condicionado, retornando para o seu lugar quente e abafado. Não demorou muito para que um semideus adentrasse o lugar. Harry já conhecia Alaric de pedidos feitos anteriormente, então cumprimentou o rapaz, atentando-se depois ao pedido que este fazia.

Antes de tudo pegou seu canetão e a folha especial que utilizava para desenhar os projetos em seu tamanho real, começando a esboçar a espada que o garoto detalhava. Ao mesmo tempo, sua mente hiperativa trabalhava em como o processo seria realizado, a quantidade de materiais que seriam gastas e cada um dos detalhes que a arma pedia. Ao concluir o projeto, já tinha o preço pensado.Voltou ao balcão, e a curiosidade venceu. Sieghart não evitou uma pequena espiada na mente do jovem filho de Nyx, para descobrir que a aniversariante era Kristy. O garoto meio que estava em débito com ela pelas ajudas anteriores, então decidiu que também iria presenteá-la.

— Já que é um presente, vou te dar um desconto. O que acha de cinquenta dracmas? — perguntou, mesmo já sabendo a resposta.

Poderes Usados:

Passivos


◉ Nível 20. Telepatia Avançada: Controle total, podendo escolher a hora que vai escutar os pensamentos ou não e também se comunicando livremente através dos pensamentos.



Ativos

Nenhum

*Aos clientes anteriores: em breve enviarei uma MP perguntando se ainda desejam os itens pedidos. Estes custarão apenas 25% do preço original, em resposta à minha demora excessiva.
Harry S. Sieghart
avatar
Filhos de Hefesto
Mensagens :
261

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Alaric L. Morningstar em Ter 07 Jul 2015, 13:21




❝Go shawty, it's your birthday


Take it as mine and remember I'm always near





Sieghart logo aparecera, atendendo ao seu pedido. O mentalista de Psiquê fora à parte da forja onde a ação aconteceria, e então iniciou o projeto, que agradara Alaric. Em seguida ele voltou, respondendo a pergunta do monitor.

Mikaelson sentira algo estranho em sua mente, mas ignorou aquilo. Após ouvir a resposta da cria de Hefesto, o feiticeiro de Circe aceitara sua proposta. Mal podia esperar para encontrar Grandine.

arma a ser forjada:

Como é um presente de aniversário, peço ao senhor adm para atualizá-lo na conta de Kristy Grandine. 'u'

◆ {Skyfall} / Espada [Clássico modelo de espada bastarda, possui 1,20 m - sendo 20 cm de empunhadora e 1 m de lâmina. A empunhadora, feita de madeira, possui ao seu redor duas cobras esculpidas se cruzando ao redor da base, com as cabeças opostas - dando então início à lâmina. Esta última possui dois gumes: um feito de bronze sagrado e outro de prata (podendo então atingir tanto seres mitológicos quanto mortais), que se unem ao longo da arma. É bem afiada, obtendo bons resultados tanto pra corte quanto para perfuração. Devido ao fato de geralmente esse tipo de espada ser pesado (ainda mais para o tamanho de sua dona), ela foi encantada com o atributo "leveza", permitindo Kristy empunhá-la normalmente com as duas mãos (ou exigindo um esforço maior caso segure com apenas uma). Quando não está em uso, a espada se transforma em um colar cujo pingente é em formato de lua.][Materiais: Madeira, Prata e Bronze Sagrado][Não controla nenhum elemento][Nível mínimo: 20][Recebimento: Presente de aniversário, por Alaric L. Mikaelson]
Alaric L. Morningstar
avatar
Líder dos Feiticeiros
Mensagens :
1006

Localização :
Hollywood Hills, LA.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Harry S. Sieghart em Sex 10 Jul 2015, 19:10









Back to Work


— Não vai ser muito rápido, então você pode se sentar e aguardar, ou vir buscar daqui a algumas horas se preferir — falou para Alaric. Na verdade, com suas habilidades atuais, o ferreiro poderia entregar a espada sem muito esforço, mas ele ainda precisaria trabalhar no próprio presente, e criar todo um projeto que agradasse a filha de Hermes provavelmente não seria um trabalho muito fácil, portanto levaria bastante tempo até que tudo estivesse pronto. Antes que o semideus fosse embora, o filho de Hefesto espiou em sua mente uma vez mais, buscando suas lembranças. O seu passado com a garota talvez pudesse revelar algo sobre os gostos de Kristy, dando a ele uma ideia.

Mas antes de trabalhar nesta, o rapaz iria forjar a espada. Erguendo as mãos pro ar em uma espécie de alongamento, Sieghart caminhou para o interior da forja, sentindo o calor confortável vindo da fornalha. Colocou o projeto desenhado sobre uma mesa, indo buscar as ferramentas e materiais necessários para criá-lo, já abençoando todo o bronze que possuía para que ele se tornasse letal para monstros. Quando tudo estava pronto, ele finalmente pôde começar de verdade, colocando a placa de bronze sobre a mesma mesa, e desenhando todo o formato da lâmina nesta, para que pudesse cortá-la depois. Fez o mesmo com a prata, desenhando também a base para se encaixar no punho, e então começou a cortar os materiais, retirando as partes desenhadas e guardando o restante. Talvez fossem úteis futuramente.

O ferreiro então ergueu a mão, fazendo com que as duas partes da lâmina começassem a levitar, e fez um gesto na direção da fornalha. Prata e bronze foram atirados nas chamas, e a prole do fogo pegou o bloco de carvalho e suas ferramentas de entalhe. Primeiramente começou a retirar as bordas, para criar uma base, obtendo então algo que se assemelhava a um punho, porém feio e cheio de imperfeições. Logo em seguida o garoto começou a afinar ainda mais a maioria do cabo, deixando relevos que se cruzavam em serpentina, até ficarem opostos na parte de cima, formando a guarda da espada. O rapaz passou a escupir detalhadamente as serpentes, dando a elas suas escamas e criando o rosto de cada uma, e quando finalmente terminou, colocou-a sobre o desenho que havia feito antes. Perfeito.

Com outro movimento de mão, as lâminas, agora incandescentes graças ao fogo, foram colocadas sobre a fornalha. Harry vestiu a luva-machado e empunhou o seu martelo, começando a golpear o metal até que ambos estivessem unidos. Continuou com os movimentos, regulando a força de acordo com a necessidade do metal, de modo a achatar e alargar a lâmina para que ela tomasse a forma de uma bastarda. Quando finalmente acabou com essa fase, fez a arma voltar para o fogo, e enquanto aguardava que o metal voltasse a brilhar alaranjado, pegou mais uma folha de papel e um lápis e começou a desenhar o projeto, baseando-se nas memórias roubadas do cliente. Desenhou diversas armas, armaduras e autômatos, até que teve uma ideia que o agradou.

Com uma nova folha, esta bem maior que a anterior, começou a desenhar o robô, pensando em cada uma de suas peças e funções, e em como iria fazer para montá-lo. Várias páginas depois, finalmente atingiu um resultado satisfatório, praticamente ao mesmo tempo em que a lâminas ficou prontas. O filho de Hefesto levou-as mentalmente da fornalha para o resfriador, derrubando-a sobre o óleo e espalhando vapor no local. Para finalizar, lixou toda a extensão do metal, livrando-o de imperfeições, e então poliu a arma para dar a ela o brilho. Encaixou a lâmina em seu punho, e segurou a espada com uma de suas mãos sem esforço algum, graças à leveza atribuída ao item. Então concentrou-se em fazer com que a espada adquirisse um disfarce, fazendo uma pequena prece ao seu pai. Momentos depois, tinha em suas mãos um pingente de lua, que foi guardado no bolso do ferreiro para que pudesse ser entregue depois.

Harry respirou fundo antes de continuar, suspirando com o cansaço, mas mal havia começado. Ainda tinha todo um dia de trabalho pela frente, e não podia fraquejar, portanto apenas se alongou novamente e foi atrás dos materiais que utilizaria para criar o segundo projeto. Separou diversas engrenagens, com diferentes tamanhos e modelos, e quatro placas de bronze sagrado, levando tudo até sua área de trabalho. Começou, como na última vez, desenhando no metal. Cada uma das peças, circuitos e tudo mais foi marcada sobre o bronze. O ferreiro não precisava de moldes, em sua própria mente ele já trabalhava em como cada uma daquelas peças se encaixaria, dando um fim ao quebra-cabeça.

Quando havia acabado de desenhar, cortou uma por uma as partes, separando-as em grupos e classificando cada um desses mentalmente, para que soubesse por onde começaria, e quais seriam as peças finais. O que sobrou foi guardado junto com as sobras da forja anterior, afinal o filho de Hefesto já sabia o que faria com tudo aquilo. Com um movimento de mão, Sieghart fez com que a primeira das peças de metal se deformasse e começasse a se moldar, criando uma espécie de esqueleto articulado para firmar os movimentos do robô. E então ele ergueu as duas mãos, como se fosse um mago, e diversas peças - incluindo o esqueleto recém-montado - começaram a levitar, junto com as engrenagens. O ferreiro começou a juntá-las com mais movimentos de mão, criando os circuitos, adicionando as peças de movimentação e fazendo o miolo do autômato. Então segurou o projeto e começou a conectar alguns fios e movimentar as articulações para testá-lo. Tudo certo.

Feito isso, já possuía a base do autômato, e então viriam os detalhes que mais dariam trabalho. Para começar, a placa-mãe. Utilizando o seu computador, o garoto começou a programar todas as funções para o robô, criando uma cópia 2D dele e testando cada possibilidade, cada comando. Já tinha muitas coisas salvas de projetos anteriores, que só precisou importar - caso não possuísse, provavelmente passaria dias criando tudo -, mas outras eram totalmente novas, e foram necessárias horas até que todo o sistema do autômato estivesse pronto e salvo em um pequeno chip, que foi adicionado à uma placa-mãe que o próprio ferreiro já possuía, esta sendo encaixada na cabeça do robô. Então Harry conectou os fios colocados anteriormente, soldando-os à peça principal, ligando todas as funções do robô entre si.

De um computador fora de uso, Sieghart adquiriu várias outras peças que foram adicionadas e conectadas ao autômato, como os seus pentes de memória, processador e outras placas que seriam necessárias para a sua criação, além dos dispositivos de microfone, auto-falantes e câmera internos, que foram colocados nos locais onde seus olhos, boca e ouvidos ficariam, respectivamente, e conectados à placa-mãe. Também adicionou um sistema parecido com o de um taser no ponto onde se localizariam as patas dianteiras, de modo que o robô fosse capaz de liberar descargas elétricas leves sobre seus inimigos, como estava em sua programação. Por fim, mais um cartão de memória foi adicionado, e essa parte estava enfim concluída.

Para finalizar, Harry começou a moldar as peças que formariam a parte externa do robô, deformando-as e levitando-as para encaixá-las em seus lugares, parafusando e soldando as peças quando necessário. Alguns detalhes específicos, como a cauda e orelhas exóticas do 'animal', e suas garras afiadas para causar mais dano foram feitas manualmente, com o auxílio de ferramentas de entalhar metal e do martelo, e por fim adicionadas à mascote. Quando cada peça finalmente estava em seu devido lugar, era a hora de dar o acabamento. Separou seus potes de tintura para metal, pegando também um pincel especial para o trabalho, e começou a pintar todo o corpo do autômato em amarelo, com muito cuidado e uma delicadeza impressionante para mãos tão brutas. Depois disso adicionou os detalhes em vermelho e preto, e deixou a peça secar antes de passar uma segunda mão e adicionar o material dos olhos, finalmente terminando a parte física. Estava na hora da mágica de verdade.

O monstrinho foi deixado na área de trabalho do ferreiro, enquanto este vestia roupas feitas de borracha para isolar a eletricidade. Então foi calmamente até o armário e pegou o frasco contendo a essência do relâmpago com cuidado. Devagar o garoto destampou o recipiente, derrubando o seu conteúdo sobre o robô recém-criado, que começou a brilhar em azul e soltar faíscas elétricas do corpo antes de se estabilizar. O rapaz suspirou, aliviado por não ter destruído nada com aquilo, e então deixou a mascote de lado por um tempo para que pudesse trabalhar os outros detalhes do projeto.

Mais uma vez utilizando o auxílio do controle sobre os metais, Harry levitou todas as sobras de bronze sagrado até a sua frente, e fechando o punho uniu todas elas em uma única esfera, maciça e imperfeita. Após isso o semideus lixou e poliu a bola, dando a ela a forma que queria. Entalhou uma espécie de botão no meio dela, que não podia ser realmente apertado, visto que era pura estética, e pintou-a de branco e vermelho, cada cor para uma metade, fazendo uma pequena linha no meio. Colocou-a do lado do robô que havia criado e começou outra prece à Hefesto, pedindo auxílio. A mágica divina funcionou, e no momento seguinte só havia uma esfera branca e vermelha na frente da prole do fogo. Tempos depois, Alaric voltou para receber a espada.

— Aqui está — disse Sieghart, entregando o pingente de lua nas mãos do garoto, recolhendo as dracmas. Logo em seguida, tirou uma pokébola do bolso, também entregando-a ao cliente com um sorriso um tanto quanto diabólico nos lábios. — Dê isso para Kristy em meu nome. Diga para ela jogá-la no chão e ver o que acontece.

Harry S. Sieghart:

Acréscimos

50 dracmas

Retiradas
(aviso: alguns materiais ainda não estão presentes na minha ficha, mas já foram comprados)

5x Bronze
1x Carvalho
1x Engrenagens
5x Tintura
1x Prata
1x Relâmpago

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u3860rpg
Alaric L. Mikaelson:

Acréscimos

--------------

Retiradas

50 dracmas

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u16754rpg
Kristy Grandine:

Acréscimos

◆ {Skyfall} / Espada [Clássico modelo de espada bastarda, possui 1,20 m - sendo 20 cm de empunhadora e 1 m de lâmina. A empunhadora, feita de madeira, possui ao seu redor duas cobras esculpidas se cruzando ao redor da base, com as cabeças opostas - dando então início à lâmina. Esta última possui dois gumes: um feito de bronze sagrado e outro de prata (podendo então atingir tanto seres mitológicos quanto mortais), que se unem ao longo da arma. É bem afiada, obtendo bons resultados tanto pra corte quanto para perfuração. Devido ao fato de geralmente esse tipo de espada ser pesado (ainda mais para o tamanho de sua dona), ela foi encantada com o atributo "leveza", permitindo Kristy empunhá-la normalmente com as duas mãos (ou exigindo um esforço menor caso segure com apenas uma). Quando não está em uso, a espada se transforma em um colar cujo pingente é em formato de lua.][Materiais: Madeira, Prata e Bronze Sagrado][Não controla nenhum elemento][Nível mínimo: 30][Recebimento: Presente de aniversário, por Alaric L. Mikaelson]

♦ {Pikachu} / Autômato [O robô possui a forma exata de um Pikachu, feito inteiramente de bronze sagrado. Foi pintado nas cores do original, amarelo para a maioria do corpo, com detalhes em vermelho e preto (bochechas e orelhas). Possui cinquenta centímetros de altura quando de pé. Seus olhos são feitos de um material semelhante a uma pedra preciosa, negros e brilhantes. O pokémon possui diversas funções, podendo ser útil tanto em batalha quanto fora dela. Em batalha, foi programado para utilizar quatro tipos de ataques, sendo dois básicos e dois especiais. O primeiro é uma espécie de investida, onde a mascote corre na direção do oponente e o atinge, causando dano baixo por contusão. O segundo ataque é o arranhão, sendo que suas garras são afiadas para causar dano por perfuração e corte. Ambos podem ser utilizados quantas vezes a dona quiser, seguindo as regras de combate. No terceiro, as garras do pokémon começam a libertar uma descarga elétrica que paralisa parcialmente o membro cortado, tornando letárgico e pouco funcional por um período de dois turnos. Pode ser usado até cinco vezes por ocasião, e depois disso exige que as baterias sejam recarregadas ou trocadas. O quarto ataque utiliza a essência do raio. O corpo do Pikachu é totalmente coberto por eletricidade, e ele ataca com a mesma investida do ataque básico. No entanto, ao tocar no inimigo a eletricidade percorre todo o corpo deste, causando dano e proporcionando um efeito de lentidão que reduz o movimento do atingido em 50% durante dois turnos. Esse ataque só pode ser utilizado uma vez por ocasião. A mascote é capaz de escalar mesmo os terrenos mais íngremes, e alcança a sua própria altura quando salta. Possui um sistema de monitoramento por câmeras que se localizam em seus olhos, e escutas em suas orelhas, que gravam tudo o que presenciam e armazenam em um cartão de memória localizado em sua cabeça. O Pikachu possui consciência, sendo capaz de pensar e agir sem o comando de sua mestra, mas sendo completamente leal a ela, além de possuir a voz e as 'falas' do pokémon do desenho. Quando desativado, torna-se uma pokébola maciça feita do mesmo material, pintada de vermelho e branco para ser mais realista. O autômato só é reativado quando a pokébola é lançada no chão.] {Bronze Sagrado e Tintura} (Nível Mínimo: 75) {Controle sobre a Eletricidade} [Presente de Harry S. Sieghart]

Retiradas

----------

Habilidades Usadas

Leveza – Essa habilidade torna o item mais leve. Escudos e armaduras são tratados, em termos de peso, como uma categoria menor, e armas de duas mãos infundidas com esta habilidade podem ser manuseadas com uma única mão. Aumenta o nível do item em 10.

Nível 7
Abençoar metal: Além de adquirir boa habilidade em detalhes, poderão abençoar qualquer metal que consiga trabalhar. No entanto, vale ressaltar que a benção só será aceita mediante uma prece convicta ao deus das forjas. Caso aceita, se tornará ''semiletal'' a monstros e inútil contra mortais comum. Nunca, jamais, transformará em celestial. *

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u13351rpg
Poderes e Itens:

Poderes Passivos

◉ Nível 2. Memória fotográfica: Tudo o que você ver ou ler ficará gravado em sua memória por anos, serve tanto para imagens para textos.

Nível 14
Visão espacial: Filhos de Hefesto são especialista na montagem de coisas, portanto, tem a visão lógica e espacial mais desenvolvida que outros semi-deuses - sabem em que lugar colocar uma peça intuitivamente, e qual será o efeito, seja para consertar ou destruir um aparato mecânico-tecnológico. Isso também faz com que consigam consertar aparatos mecânicos mais rapidamente, gastando metade do tempo que uma pessoa comum levaria para tal.[Novo]

Poderes Ativos

Nível 26
Magnetocinese avançada: Controle total sobre os metais, podendo deformá-los a vontade e levitá-los com grande facilidade. Lembrando que qualquer que seja seu nível, a partir de seu ponto só será possível levitar o dobro de sua massa corporal

◉ Nível 25. Lembranças avançada: Procure qualquer lembrança do inimigo.

Itens

☯ {Contritio} / Machado [Machado duplo com lâmina de bronze sagrado, marcada com os símbolos de Hefesto. Possui runas em sua extensão, lembrando um machado vicking. É uma arma pesada, que exige as duas mãos para o manuseio. No nível 20 transforma-se em uma luva de couro batido, com o punho formando um bracelete de metal, que pode ser utilizada na forja como proteção durante o trabalho, facilitando o manuseio de materiais.] {Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hefesto]

☯ {Constructio} / Martelo [Martelo de ferreiro feito em titânio resistente ao fogo] {Titânio} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hefesto]


Atualizado por Edward W. Kimoy
Harry S. Sieghart
avatar
Filhos de Hefesto
Mensagens :
261

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Lavínia Cavendish em Seg 27 Jul 2015, 16:11



Did you hear the rain?
means I'm coming home again

Eu havia saído do chalé de Despina carregada com uma faca, arco e aljava. Estes dois últimos itens haviam sido uma espécie de incômodo na última jornada que eu havia realizado, já que eu levava ambos para lá e para cá na mesma forma. Era a primeira vez que eu entrava em uma forja para fazer pedidos, e também aproveitaria para dar uma melhorada de algum jeito na faca que o Acampamento havia me disponibilizado.

Enquanto aguardava no local de atendimento, percebi que as pessoas ao redor tinham papéis que detalhavam os pedidos que iriam fazer. Eu não tinha ideia que precisava disso e muito menos sabia como arrumar naquela hora. O sofá que eu estava mantinha outras duas semideusas sentadas, em uma distância de duas almofadas de mim. Quando uma delas levantou-se e disse que iria ao banheiro, a outra prontamente a seguiu, deixando para trás alguns itens e as benditas folhas; Peguei uma delas, riscando o que quer que haviam escrito em cima. Eu era dessas.

Assim que alcancei o balcão, peguei emprestada uma caneta e escrevi o que eu precisava dos meus itens, deixando-os com o filho de Hefesto. Eu não sabia se deveria esperar ali ou voltar outra hora, então tirei todas as minhas dúvidas antes da próxima pessoa chegar.

— Bem, aqui está tudo. Espero que fique bem explicado e tal, fiz na pressa.

Pedido:
♦ {Coldbreeze} / Arco longo [Arco longo feito de madeira de álamo, branca, e metal prateado, apesar de ser bronze sagrado. Possui vários entalhes e formas curvilíneas. Transforma-se em um metade de um pingente no formato de um floco de neve, fazendo par com Fast.] {Álamo e Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Despina]

♦ {Fast} / Aljava [Aljava de couro branco com entalhes prateados. Contém flechas infinitas - são comuns, de álamo e bronze sagrado, mas de acabamento fino, com penas brancas e bem equilibradas. Transforma-se em um metade de um pingente no formato de um floco de neve, fazendo par com Coldbreeze.] {Couro e bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Despina]

Na faca você pode de algum modo adicionar dano por fogo, não consegui criar a descrição agora, se tiver ruim narra que eu respondo depois 'u'

❄ Lavs
Lavínia Cavendish
avatar
Líder dos Mentalistas
Mensagens :
442

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Harry S. Sieghart em Seg 27 Jul 2015, 21:33









Back to Work


— E foi isso o que aconteceu, resumindo. — disse o ferreiro, com uma das mãos atrás da cabeça e o rosto corado demonstrando vergonha. Não era totalmente culpa dele, afinal não era como se ele tivesse escolhido ser atacado em uma de idas até a mansão, mas ainda assim havia sido irresponsável com o seu trabalho, e por isso convocara os três semideuses que haviam contratado os seus serviços para dar as devidas explicações e se retratar. — Graças a isso, seus pedidos acabaram sendo deixados de lado, mas chamei vocês aqui para pedir uma segunda chance. Darei um grande desconto, para indenizá-los pelo meu atraso excessivo, mas ainda terão os seus itens.

— Você me pediu um arco e flecha, certo? Bem, se ainda desejá-lo, irei cobrar vinte dracmas — dirigiu-se primeiro à filha de Athena, para logo depois falar com a prole de Éolo. — E você... Hidden Blade. Bem, farei por quinze dracmas. E então, o que me dizem?

A última foi a filha de Hécate. Antes do sumiço do ferreiro, o preço do arco e flecha já havia sido combinado, então Harry apenas aplicou o desconto, conseguindo assim a aprovação para retomar o trabalho. Tomaria a liberdade de modificar algumas coisinhas para a cliente, afinal o jovem hiperativo sabia como era horrível a sensação de esperar por tanto tempo, e queria se redimir. Voltando para o seu local de trabalho, o ferreiro achou os desenhos que havia feito do projeto anterior, observando-o atentamente e refazendo-o em outra folha. Dessa vez, no entanto, modificando vários detalhes. As flechas tinham um formato mais aerodinâmico, além de uma ponta modificada para causar mais dano, e mesmo o próprio arco havia sido redesenhado para aumentar o desempenho da semideusa. Quando tinha tudo pronto, colou os desenhos na parede da forja e começou a trabalhar.

Com um simples pensamento, todos os armários que continham os materiais e equipamentos se abriram, e uma tira de madeira negra como a noite começou a se erguer no ar, indo na direção do filho de Hefesto. O material já estava em um formato parecido com o de um arco longo, já que o ferreiro costumava deixar suas peças semiprontas quando podia, simplesmente porque não conseguia ficar parado e, na falta do que fazer, adiantava seu trabalho. Quando o bloco repousou na frente do semideus, outros materiais começaram a flutuar. Suas ferramentas de entalhe, equipamentos de proteção, tudo começou a ser levado para ele sem que fosse necessário mover um músculo. O trabalho havia se tornado bastante produtivo desde que o rapaz tivera a ideia de usar seus dons de mentalista para otimizar o seu tempo.

Empunhando sua lâmina, a prole do fogo começou a entalhar as pontas da tira de madeira, afinando-as para que pudesse prender a corda posteriormente. Ao finalizar o entalhe, começou a aquecer as próprias mãos, utilizando-as para dobrar o ébano no formato desenhado do arco, para que ele pudesse atender às expectativas. Depois de algum tempo, quando essa parte do trabalho foi concluída, o ferreiro mais uma vez empunhou suas ferramentas, desenhando na madeira os entalhes que a filha de Hécate havia pedido: pentagramas. Com cuidado, conseguiu fazer um trabalho aceitável, até. Finalizou prendendo a corda e então deixou o item repousando para começar a fazer as flechas.

Desde o dia em que o mentalista fizera as próprias flechas usando alumínio no lugar de madeira, o material havia se tornado bastante popular. Provavelmente era apenas uma coincidência, mas a ideia de que ele havia começado com aquilo o divertia. Com um aceno de mãos, uma grande quantidade do metal flutuou até ficar à sua frente, e então o garoto respirou fundo. Movimentando os dedos, ele fez com que as placas se dividissem diversas vezes, até que houvessem vinte partes de tamanhos iguais levitando sobre a mesa. Com uma leve dor de cabeça, o garoto parou o controle sobre os metais, fazendo com que todas as partes caíssem ao mesmo tempo, e então começou a trabalhar individualmente. Ergueu a primeira parte, moldando-a com grande facilidade e deformando-a até que obtivesse a forma da haste de uma flecha, e então fez o mesmo com todo o alumínio restante.

Começou a segunda fase trazendo a prata lunar ao seu alcance, e empunhando outra de suas lâminas. Com cuidado, o ferreiro começou a cortar diversos triângulos-retângulos feitos daquele metal, retirando também os encaixes para que pudesse montar cada ponta com perfeição. Assim que tinha todos as oitenta peças, começou a afiar uma por uma utilizando-se de uma pedra especial, e então usou a magnetocinese para juntar quatro dos triângulos, formando uma ponta que foi conectada à haste. Fez o mesmo com todas as outras, e então prendeu a pena nos vinte projéteis para completá-los. Com cuidado, o rapaz poliu cada uma das flechas e o arco, terminando o seu trabalho. Como era de costume, costurou uma aljava para que a semideusa pudesse guardar os itens e então levou a encomenda até ela.

Mal havia recebido seu pagamento, as portas da forja se abriram novamente. Uma semideusa adentrou o local, e Harry fingiu não notar o que ela havia feito com as folhas dos outros clientes. Quando ela finalmente se dirigiu a ele, o ferreiro abriu um sorriso caloroso, como era de seu costume, e observou os pedidos da garota. Arco e aljava seriam extremamente fáceis, e a faca abria tantas possibilidades que era difícil decidir o que fazer. Sieghart começou a desenhar em seus papéis, e já tinha seis projetos diferentes para a faca quando se lembrou de que ainda não havia dado o preço para a filha de Despina - invasão mental, cof.

— Quarenta dracmas por tudo, se estiver bom pra você, senhorita apressada. Ah, aliás... Tem um monte de folhas dessas ali — o ferreiro apontou para uma pilha das fichas que ele utilizava, rindo para a jovem.

Harry S. Sieghart:

Acréscimos

15 dracmas

Retiradas

1x Ébano
2x Pena
2x Prata Lunar
2x Alumínio
1x Couro

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u3860rpg
Violet Young:

Acréscimos

♦ {Nightmare} / Arco[Arco feito de ébano, possui algumas marcas em roxo com formato de pentagramas por toda a sua extensão. Ele pode disparar suas flechas sem muito esforço, requerendo menos força de seu utilizador, já que seus mecanismos mais avançados ajudam a dar impulso para a flecha,  e com rapidez. Graças aos métodos empregados pelo ferreiro, seu alcance é de 150 metros com a eficácia caindo acima disso, podendo chegar no máximo a 250 metros, mas com chances de acerto, força e estabilidade de tiro bem menores, reduzindo muito seus efeitos. Também foram aplicadas técnicas para que a arma adquirisse maior resistência, de modo que dificilmente vai ser destruída por meios normais. Qualquer flecha atirada por este arco causará um dano 15% maior em comparação a um arco normal.]  {Ébano} (Nível Mínimo: 25) {Não controla nenhum Elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

♦ {Black Arrow} / Flechas [Flechas completamente prateadas, com haste fina de alumínio, e pena de ganso para dar estabilidade. Suas pontas são prateadas, feitas de prata lunar, que potencializa efeitos ligados à noite e luz lunar em 10%. Foram criadas de maneira a aumentar o potencial do arco, conseguindo chegar ao dobro do alcance deste sem dificuldades(ou seja, se o arco tem limite de 10 metros, com essas flechas o limite passaria a ser 20). Além disso, também foram aplicadas técnicas para aumentar o dano dos projéteis em 15%, somando-se com outros possíveis bônus. Causa 10% a mais de dano em armaduras, se comparadas com flechas comuns. Quantidade: 20] {Alumínio, Prata Lunar e Pena} (Nível Mínimo: 25){Não controla nenhum Elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

♦ Aljava [Caixa feita de couro e costurada à mão, com camadas extras do tecido colocadas para reforçar o material. A base é resistente e possui encaixes para que as flechas fiquem bem posicionadas e não atrapalhem a arqueira. Correias de couro ajustáveis são utilizadas para prender o item ao usuário de forma confortável, tanto nas costas quanto na cintura. Possui espaço para no máximo trinta projéteis. Foi feita para ser semi-indestrutível, de modo que apenas ataques específicos ou mágicos podem ter alguma chance de danificar o objeto.]{Bronze Sagrado, Alumínio e Couro} (Nível Mínimo: 21) {Não Controla Nenhum Elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

Retiradas

15 dracmas

Habilidades Usadas

Afiada – Seu gume é mais afiado que de uma arma comum, demorando muito mais para perder suas propriedades e aumentando o dano de acordo com a habilidade do forjador – 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. Obviamente, só pode ser aplicado em armas cortantes. Um arco ou besta com esta habilidade passa o bônus para suas flechas. Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Penetrante – Uma arma penetrante foi criada especialmente para sobrepujar as melhores armaduras. Uma arma deste tipo tem chance maior de causar dano mesmo em usuários de armadura - 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. No caso de armaduras com fortificação, as habilidades se anulam, prevalecendo a diferença entre ambas – Uma arma penetrante a 15% contra uma armadura fortificada a 10% causaria apenas 5% a mais (a diferença entre ambas).Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Distância – Apenas para armas especificamente arremessáveis e armas à distância – esta habilidade cria armas especialmente balanceadas, dobrando seu alcance de ataque. Pode ser aplicado a redes e boleadeiras. Armas compostas só recebem este benefício quando são arremessadas com todas as suas partes (a corrente de uma foice com corrente não recebe o bônus se o usuário mantiver uma das partes seguras, já que por mais que seja balanceada, a corrente não se distende, mas atirar a arma inteira poderia fazer o bônus ser aplicado). Aumenta o nível do item em 10.

Durabilidade – Estes itens ganham uma resistência geral maior, sendo mais difíceis de serem quebrados. Aumenta em 7 o nível do item.

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u19798rpg
Poderes e Itens:

Poderes Passivos

◉ Nível 2. Memória fotográfica: Tudo o que você ver ou ler ficará gravado em sua memória por anos, serve tanto para imagens para textos.

Poderes Ativos

Nível 9
Pirocinece maior: Consegue aquecer os átomos ao seu redor, tornando o ambiente mais quente. Poderás derreter objetos simples e pequenos, desde que foque no alvo.

Nível 26
Magnetocinese avançada: Controle total sobre os metais, podendo deformá-los a vontade e levitá-los com grande facilidade. Lembrando que qualquer que seja seu nível, a partir de seu ponto só será possível levitar o dobro de sua massa corporal

◉ Nível 11. Telecinese intermediária: Consegue mover e levitar objetos mais pesados, porém não chegando a ser aqueles bem pesados e complicados, a velocidade também aumenta, sendo proporcional ao peso.

◉ Nível 25. Lembranças avançada: Procure qualquer lembrança do inimigo.

Itens

☯ {Contritio} / Machado [Machado duplo com lâmina de bronze sagrado, marcada com os símbolos de Hefesto. Possui runas em sua extensão, lembrando um machado vicking. É uma arma pesada, que exige as duas mãos para o manuseio. No nível 20 transforma-se em uma luva de couro batido, com o punho formando um bracelete de metal, que pode ser utilizada na forja como proteção durante o trabalho, facilitando o manuseio de materiais.] {Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hefesto]

☯ {Constructio} / Martelo [Martelo de ferreiro feito em titânio resistente ao fogo] {Titânio} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hefesto]

Att por Quíron. 'u'
Harry S. Sieghart
avatar
Filhos de Hefesto
Mensagens :
261

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Bryan Collins em Ter 28 Jul 2015, 14:43



New Ideas
Some problems are unesxpected
Podia ter até demorado, mas a história contada pelo filho de Hefesto justificou aquilo tudo. Realmente não fiquei incomodado, afinal, incidentes aconteciam. Principalmente em nosso "perfeito" mundo mitólogo.

Entretanto, precisei admitir que o desconto mencionado chamou sim minha atenção. Mesmo que pensasse não ser necessário, jamais o negaria. Oportunidades únicas nos deixavam naquelas horas onde o silêncio era a melhor resposta. Somente dirigindo-me à ele quando informou-me o preço.

-Claro, sem problemas, ficamos nos quinze dracmas. - Dei uma leve pausa, no mesmo momento em que tive uma certa ideia. - Mas, gostaria de fazer um pedido adicional. Se quiser, surpreenda-me com algo "a mais" na arma. Pago até mesmo um pouco mais por isso.


Thanks Panda
Bryan Collins
avatar
Filhos de Éolo
Mensagens :
53

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Catherine Blake em Ter 28 Jul 2015, 20:53



A new weapon
Dragon's Forge
Estava tão ansiosa pela minha arma que só de pensar em como ficaria, já me animava muito. Por isso, principalmente, nem liguei quando o filho de Hefesto atrasou. Aquela arma era uma das minhas maiores aspirações e pagava o preço que fosse necessário por ela. Também conseguia entender perfeitamente as justificativas, afinal, eu mesma sabia como a vida de um semideus não era fácil.

O desconto foi um bônus muito bom, não necessário; mas de toda forma, era sempre muito bom. Nunca poderia reclamar de pagar menos por uma arma. Só quando ele disse o preço foi que fiquei admirada, pois estava bem mais barato do que pensava. Um sorriso se formou em meu rosto e assenti, colocando os dracmas sobre a bancada.

- Negócio fechado. – Respondi, em um tom quase teatral. – Só peço mais uns efêmeros ajustes. Do resto, confio em seu ótimo potencial.  

PEOPLE CHANGE, BUT THE PAST, DOES NOT

Catherine Blake
avatar
Mentalistas de Psiquê
Mensagens :
79

Localização :
Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Andrew Merlyn em Ter 28 Jul 2015, 23:12

— FORJA—
DRAGON'S FLAME
♛ Andrew Merlyn ♛



Para alguém como Andrew, perfeição era tudo. Ele próprio se considerava perfeito em qualquer tarefa que fosse realizar, não importasse ser instrumentar, atirar com flechas ou mesmo batalhas corpo-a-corpo. Sendo assim, era mais do que óbvio que seus itens deveriam estar a sua altura. Seu escudo de reclamação era avesso à essa teoria, mesmo leve e fácil de ser manuseado, sua baixa durabilidade permitiam que Merlyn ficasse exposto a ataques mais potentes. Para alguém cuja a especialidade era o ataque a distância, seria necessário algo mais poderoso do que aquele item. Não restava duvidas que o jovem teria de forjar algo digno de sua arrogância.

Harry era um conhecido forjador de Hefesto, suas armas e itens, poderiam ser vistos em uso por muitos campistas ali. Sabendo disto, Andrew foi em direção ao local de seu trabalho, afim de explicar seu projeto. Vendo muitos outros semideus ali, o egocêntrico garoto procurou um assento afastado e sentou-se, como se o recinto tivesse se transformado em uma área VIP. Chegado sua hora, o arqueiro caminhou em direção ao balcão, deslizando por ele o papel com sua ideia.

- Andrew Merlyn, filho de Apolo, Menestrel de Orfeu e com certeza uma das pessoas mais dignas que conhecerá em sua vida. - Apresentou-se, na sua forma mais peculiar. - Desejo que me forjes este item. Diga seu preço, ó filho de Hefesto. - Colocou por fim, encarando a Sieghart.

Item a ser Forjado:
{Raptor} / Escudo [Escudo Circular feito de Titânio, com quarenta centímetros de raio. O objeto foi forjado para o uso de arqueiros, abençoado com a habilidade de leveza, permitindo ser usado sem atrapalhar o manuseio do arco e flecha. Para disfarce e melhor locomoção, o item pode transformar-se em um relógio de cor prata, a mesma cor predominante na sua forma de batalha.] {Titânio} (Nível Minímo: 20) {Não controla nenhum Elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]
Observações Finais:
- Se faltou alguma coisa ou algo ficou mal explicado, sinta-se a vontade para editar o item.



Thanks Tess
Andrew Merlyn
avatar
Filhos de Apolo
Mensagens :
95

Localização :
Acampamento Meio-Sangue [Long Island]

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Ayla Lennox em Qui 30 Jul 2015, 14:03



Dragon's Flame
Pegando template emprestado ♥
Já fazia um bom tempo desde que não ia até o corredor de forjas, mas mesmo assim o estabelecimento de Harry ainda me era extremamente familiar. Estava na hora de dar um up em meu arsenal.

Para minha surpresa, o lugar estava relativamente agitado, de forma que preferi esperar que Sieghart despachasse alguns pedidos antes de me aproximar de suas bancadas.

Sorri de canto para o rapaz enquanto tirava do bolso alguns esboços da arma que tinha em mente. Não era exatamente uma boa desenhista, então tive a ajuda de algumas das crias de Atena para tal feito.

Bom, digamos que eu estava pensando em algo... Badass, então decidi recorrer a você. — Arqueei uma das sobrancelhas em leve ar de desafio. — Acha que consegue resolver isso pra mim, Harry?

Item a ser Forjado:
• {Desolation} / Bestas de repetição [Tendo sido adaptadas para possuírem a aparência de duas beretta M9 prateadas, as bestas são leves graças a o material do qual são feitas e discretas, podendo ser escondidas com facilidade no cós de uma calça ou até mesmo em um coldre. As setas são feitas de prata lunar e encontram-se em um pente com 15 umidades cada. Os cartuchos se recarregam de acordo com a vontade da dona, mas caso não hajam mais projéteis, são gastos 20MP para isso. Seu alcance e dano aumentam durante a noite e tem um acréscimo maior caso a luz da lua esteja presente (10% e 20%, respectivamente para cada situação). A arma permite disparos rápidos e precisos além de possuir modificações que diminuem seu recuo e mantém sua precisão. No cabo é possível ver entalhes cuidadosos no formato de lobos e  luas.] {Titânio, prata lunar} (Nível mínimo: 20) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: Dragon's Flame - Forja de Harry S. Sieghart]
Thanks Panda
Ayla Lennox
avatar
Filhos de Selene
Mensagens :
1063

Localização :
EUA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Lavínia Cavendish em Qui 30 Jul 2015, 15:26



Did you hear the rain?
means I'm coming home again

Espreitei os olhos para o filho de Hefesto, pegando uma das folhas novas em seguida. Fiz uma bolinha com a antiga e joguei em uma pequena lixeira em um canto.

— Tá legal, vamos começar de novo. — Falei enquanto rabiscava novamente no papel, dessa vez mais organizadamente.

As ideias iam surgindo no momento em que eu tentava modificar as armas na minha cabeça. Indecisão era uma maldição que havia nascido comigo, deixando-me gastar o dobro do tempo que uma pessoa comum usa para escolher algo.

— Pode cobrar o preço que for, acabei mudando algumas coisinhas. Espero que esteja ok pra você. — E passei o papel novo para suas mãos.


Pedido:
♦ {Coldbreeze} / Arco longo [Arco longo feito de madeira de álamo branca e metal prateado, apesar de ser bronze sagrado. Possui vários entalhes e formas curvilíneas, além de ter o nome de Lavínia gravado em uma pequena parte superior. Transforma-se em uma pulseira branca do mesmo material do arco, com o mesmo entalhe do nome ao redor. Assim que é puxada do braço, toma proporções maiores e volta a ser novamente o arco longo, dependendo da vontade da dona para transmutar-se na forma de adorno.] {Álamo e Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Presente de Reclamação de Despina, modificado por Harry S. Sieghart]

♦ {Fast} / Aljava [Aljava de couro branco com entalhes prateados. Contém flechas infinitas - são comuns, de álamo e bronze sagrado, mas de acabamento fino, com penas brancas e bem equilibradas. Transforma-se em uma bolsa mediana comum, branca, para usar transversalmente aos ombros, com espaço para outros pequenos itens durante a transmutação. Volta a ser uma aljava assim que é retirada do corpo da semideusa.] {Couro e bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Presente de Reclamação de Despina, modificado por Harry S. Sieghart]

♦ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos, sendo recoberta com dularuna. A arma é eficiente tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro o recobre para que o usuário possa segurá-lo firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza). A lâmina da arma é sempre gelada e favorece encantamentos, essências e poderes de gelo, aumentando a potência daqueles que usam o item como canalizador em 10%] {Bronze, Aço, Couro e Dularuna} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Administração; item inscrição padrão do fórum. Modificado por Harry S. Sieghart]

❄ Lavs
Lavínia Cavendish
avatar
Líder dos Mentalistas
Mensagens :
442

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Étoiles de Médici em Qui 30 Jul 2015, 22:46


A forja de Harry era um dos lugares no Acampamento Meio-Sangue que eu pouco visitava, já que gastar meus preciosos dracmas me doía no peito. Mas ocasiões especiais requerem certos gastos. E o aniversário de meu papito definitivamente se enquadra nesse quesito. Eu sabia o que queria lhe dar de presente, mas não tinha nada além de vagas noções do que a arma poderia ser. Esperava que o filho de Hefesto pudesse me ajudar com isso.

Ei, Harry. — cumprimentei o forjador com um simpático sorriso, logo após entrar, sem perder tempo. — Espero que não esteja atarefado demais. Tenho um pedido. — e deixei sobre o balcão um pedaço de papel dobrado. — Por quanto ficaria isso aqui?


Pedido:
Objeto: Adaga
Nome do objeto: Silvermoon
Materiais a serem utilizados: Prata. Pode adicionar mais coisas, se achar necessário. Ligo não.
Dimensões do objeto: 20 cm de lâmina e 10 de cabo.
Detalhes à parte: - Gostaria que fosse adicionado aquele bagulho de "quando não está em uso se transmuta etc." e o item para o qual a adaga se transforma seria "um pequeno chaveiro cujo pingente de prata é uma simples meia lua"
- Adicionar os atributos: 'leveza', 'durabilidade' e 'penetrante'  
- Eu sou horrível com descrições, mas, se não for pedir muito, eu gostaria de que adicionasse a descrição do item características sofisticadas ao cabo da arma, então pode inventar a vontade os detalhes, entalhes e pá. Bem decorado mesmo.
- Por lá no negoçin de 'recebimento' desse jeitinho aqui, por favor: [Presente de aniversário (atrasado) da Kristy Grandine ♥/ Forjado por Harry S. Sieghart]


É um presente para Alaric L. Mikaelson, então peça para attzarem na ficha dele, pls. Mutíssimo obrigada. <3

The Dragon’s Flame
thanks juuub's @ cp!  

Étoiles de Médici
avatar
Filhos de Hermes
Mensagens :
437

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Josh Siege Kriskahn Kimoy em Sex 31 Jul 2015, 01:35



The Thunder
Josh Siege Kriskahn Kimoy



   
   
   
||  ||  ||


Josh tinha acabado de receber uma missão na casa grande, era o momento perfeito para fazer algumas encomendas. Foi então até as forjas, e entrou na de seu conhecido Harry. Ambos os garotos estavam nas forças que seguraram os monstros em Chinatown, aquele grupo de semideuses tinham trabalhado bem em combate.

— Fala Harry, disse que iria passar aqui um dia. — disse indo até o balcão e cumprimentando o ferreiro, enquanto tirava um papel amassado do bolso, repleto de esquemas. — Eai, consegue fazer? — entregou o papel para o filho de Hefesto.

Forjas:

{Gray Wind} / Espada [Seguindo o modelo de uma espada bastarda, possui aproximadamente um metro e meio de comprimento, sendo 27 centímetros da guarda ao pomo, e o restante compõe a lâmina grossa e achatada. Seu punho é feito de madeira e revestido com couro, e permite que a arma seja manuseada com uma ou duas mãos. A guarda é dourada e reluzente, sempre possuindo um aspecto de recém-polida, e o pomo é entalhado na forma da cabeça de um dragão ocidental. A lâmina é prateada, apresentando um brilho púrpuro em sua extensão, característica do metal usado para forjá-la: aço negro. Graças às técnicas aplicadas pelo ferreiro, a espada causa 15% a mais de dano, tanto em inimigos quanto em armaduras, em comparação a uma semelhante, além de possuir um balanceamento que permite que seja usada para defesa sem qualquer penalidade, adicionando um bônus de mesmo valor(15%) nestes casos. Não pode ser destruída por ataques comuns, de modo que apenas meios mitológicos e ataques específicos são capazes de danificá-la. Foi encantada com a essência do relâmpago, tendo sido criada especialmente para o filho de Zeus, e possui a capacidade de aumentar o dano de poderes elétricos que a usem como canalizador em 40%, bônus que é somado aos 10% do próprio metal. Desta forma, ao utilizar a espada para canalizar sua eletricidade, o dano causado será 50% maior. A espada não causa dano próprio por eletricidade, no entanto.] (Nível Mínimo: 65) {Controle Sobre a Eletricidade} [Forjado por Harry S. Sieghart]

{Silent Thunder} / Kunai [Baseada no modelo utilizado por Scorpion, a arma consiste em três peças principais. A primeira delas é uma espécie de manopla prateada, feita inteiramente de aço negro polido, que brilha levemente em um tom de púrpura. Foi criada para cobrir da palma das mãos até um ponto próximo ao cotovelo. Na área da mão, possui um pequeno buraco com alguns milímetros de diâmetro, mais ou menos o necessário para passar uma corda. Tal espaço fica disfarçado pelo restante da peça, além da própria mão do semideus. A segunda é uma corrente, com dois metros e meio de comprimento, feita do mesmo material brilhante. Quando o item está em repouso, ela fica dentro da manopla, enrolada ao redor do braço do semideus. A terceira é uma espécie de lâmina oriental – uma kunai – presa à ponta da corrente. É formada por quatro triângulos retângulos unidos para formar uma única ponta. Graças ao seu design serrilhado e formato propício, penetra músculos com facilidade, sendo capaz até mesmo de quebrar ossos humanos. O sistema da manopla é ativado com um movimento de pulso do usuário, que lança a kunai em linha reta. A lâmina só para quando atinge algo ou quando a corrente atinge o seu limite. Quando ela penetra algo sólido, principalmente algum inimigo, as quatro lâminas que formam o item se abrem, de modo a prender-se no interior do ser atacado, permitindo que o usuário puxe a corrente sem retirar a arma do corpo. Graças às técnicas aplicadas pelo ferreiro, a kunai causa 15% a mais de dano, tanto em inimigos quanto em armaduras, em comparação a uma semelhante, e não pode ser destruída por ataques comuns, de modo que apenas meios mitológicos e ataques específicos são capazes de danificá-la. Foi encantada com a essência do relâmpago, adquirindo o poder de liberar descargas elétricas potentes até três vezes por ocasião, além de bonificar o dano elétrico em 10% graças ao material. Quando em repouso, se torna uma pulseira prateada feita de correntes.] (Nível Mínimo: 65) {Controle Sobre a Eletricidade} [Forjado por Harry S. Sieghart]


--------

Copyright Little Wonka © All rights reserved
Josh Siege Kriskahn Kimoy
avatar
Mentalistas de Psiquê
Mensagens :
1751

Localização :
no ♥ da lavs

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Harry S. Sieghart em Dom 02 Ago 2015, 10:41









Back to Work

[[tO post está uma merda, fazer a mesma coisa sempre entedia


Tendo terminado os itens da filha de Hécate, estava na hora de começar os projetos de Bryan e Catherine, nomes que o ferreiro havia aprendido após vasculhar algumas memórias - e embora ele soubesse que não deveria fazer isso, era bem mais prático simplesmente invadir as memórias de alguém do que perguntar.

De qualquer forma, antes de começar a trabalhar de verdade, o mentalista fez o mesmo que havia feito com o item anterior: colocou os desenhos feitos anteriormente para os projetos dos itens sobre a mesa de trabalho e começou a refazê-los, mudando diversos detalhes no estilo de cada arma, para que pudesse otimizar suas funções. Na luva, o semideus se focou em aumentar o dano causado por qualquer forma de ataque possível, enquanto o arco recebeu modificações que visavam otimizar a distância dos disparos e durabilidade das flechas, melhorando o desempenho da arqueira.

Quando tudo estava feito, era a hora de começar a trabalhar de verdade. Ou nem tanto, já que o ferreiro praticamente não precisava mais se mover para criar os itens. Com um aceno de mão, os armários se abriram, revelando todos os materiais disponíveis, e, com mais um movimento, aço e bronze começaram a se erguer no ar, flutuando em uma velocidade considerável até a prole do fogo. Primeiramente, Harry selecionou as suas ferramentas, utilizando uma lâmina específica para cortar o material bronzeado na forma de uma lâmina, tendo mais ou menos as mesmas medidas que haviam sido representadas no desenho. A peça então foi levada para as chamas da fornalha, enquanto o filho de Hefesto trabalhava com o segundo metal.

Utilizando de outra ferramenta, começou a cortar tiras do aço, começando com peças largas, que se afinavam até completar o braço, e fez o mesmo com as mãos e dedos. Precisava fazer daquela maneira para que não prejudicasse a mobilidade do semideus. Utilizando de alguns pinos específicos para armaduras, Harry conectou todas as tiras do antebraço, para que pudesse criar o sistema da hidden blade. Não era algo complicado de se fazer depois que o garoto já havia pego a prática. Com um pouco de concentração, fez com que alguns pedaços de metal se deformassem, moldando-se de acordo com a vontade do mentalista, até que possuía todas as peças necessárias para continuar trabalhando.

Primeiro colocou um suporte metálico fixo na luva, prendendo-o para que não corresse o risco de se soltar. Este seria o envoltório da lâmina de bronze, ou seja, onde ela ficaria quando em repouso. Então colocou a parte móvel do item sobre ele, encaixando-o e testando o movimento antes de adicionar o sistema de gatilho que o impulsionaria para frente com o desejo do filho de Éolo. Quando terminou todos os detalhes daquela fase do projeto, retornou a atenção para a fornalha. Bastou um movimento de dedo para que a lâmina incandescente voasse até a bigorna, então o semideus empunhou seu martelo e, com ataques precisos sobre o bronze, começou a dar forma a ele.

Terminando isso, lixou e poliu o metal para dar a ele o aspecto de novo que deveria ter, e então começou a afiá-lo utilizando sua pedra de amolar. Passou um bom tempo nisso antes de encaixar a lâmina no suporte móvel e acionar o gatilho para testar seu desempenho com sucesso. Então passou para a fase final, de montagem da manopla. Usando um molde da mão de Bryan feito no início do projeto - antes de ser abandonado e retomado -, com as medidas que haviam sido recolhidas nessa época, o ferreiro começou a montar a luva. Começou fechando o antebraço sobre o molde, utilizando dos mesmos pinos de antes para prender o item, e então, tira por tira, o mentalista começou a fazer a mão. Para completar, prendeu as duas peças, deixando o espaço para que a lâmina fosse liberada sem problemas, e então finalizou o projeto.

Então, era a hora de trabalhar no arco e flecha de Catherine. Para começar, selecionou um cilindro de prata com mais ou menos um metro de comprimento, levando-o para a fornalha. Enquanto a peça aquecia, o ferreiro pegou várias das hastes de alumínio já prontas, feitas por ele junto das de Violet, pois já sabia que precisaria delas para as flechas da filha de Athena. Assim, com a base pronta, não foi complicado criar o restante. As pontas flechas foram feitas utilizando a base padrão do garoto, que visava aumentar o dano: quatro triângulos retângulos unidos, formando uma espécie de X. Para isso, Harry precisou de outra placa de bronze, da qual foi cortando um por um tais triângulos, e unindo-os na haste de alumínio. Para dar o toque final, o rapaz adicionou as penas de ganso, e então voltou a se concentrar no arco.

Utilizando de luvas de proteção, o mentalista fez com que o cilindro levitasse até suas mãos, onde começou a ser envergado e moldado na forma que um arco deveria ter. Aos poucos, Harry modelou toda a prata, que logo em seguida foi colocada na bigorna para que recebesse os detalhes finais. Com o martelo, o semideus adaptou as pontas da arma e finalizou a forma, de modo que para concluir o projeto bastou adicionar a corda. Como um bom arqueiro, o semideus sabia que o trabalho estava bem feito, mas ainda assim testou uma das flechas contra uma parede metálica. O item sequer envergou com o impacto, mostrando à  prole do fogo que havia obtido êxito. Concluiu o projeto colocando as flechas em uma de suas aljavas, e então entregou os dois itens aos seus donos, recebendo as dracmas.

E, de um instante para o outro, a forja lotou. Além da semideusa que já estava no local, filha de Despina - sem invasões mentais, dessa vez o garoto havia percebido graças aos itens de reclamação da jovem -, outros começaram a chegar, e o mentalista sorriu, sabendo que pela primeira vez em meses teria um desafio de verdade. Antes de ver o que os outros queriam, continuou atendendo à prole do inverno, que decidira recomeçar o seu projeto, o que o filho de Hefesto particularmente achava uma estratégia inteligente. Quando a garota terminou, Harry pegou o papel e começou a analisar os detalhes do pedido. Fácil de se fazer, ele conseguia até mesmo pensar em diversas outras adaptações possíveis, e não gastaria quase nada com aquilo.

— Bem... Se eu posso cobrar o preço que for, o que acha de mil dracmas? — perguntou à garota, com a expressão séria que logo foi trocada por um meio sorriso. — Ou eu posso cobrar cinquenta, que é o que eu normalmente faria. O que me diz?

Após isso, o semideus deixou a garota pensando e foi ao próximo cliente. Andrew Merly, filho de Apolo, menestrel de Orfeu e com certeza uma das pessoas mais dignas... De risos... que o ferreiro conheceria em sua vida. Harry ficou calado enquanto o garoto se apresentava e fazia o seu pedido, e então começou a analisar. O escudo não seria difícil de ser feito, no entanto tornar um item como aqueles leve fosse um certo desafio para o rapaz. Ainda assim, tinha certeza de que dava conta de cumprir o pedido do semideus.

— Harry Sieghart, filho de Hefesto, mentalista de Psiquê, ferreiro e vigilante nas horas livres — apresentou-se de forma semelhante à do garoto, com um leve toque de ironia. — O item que me pedes pode ser forjado por cinquenta dracmas, ó nobre filho de Apolo.

O jovem então caminhou até Ayla, reconhecendo a garota de um trabalho anterior, a jaqueta que havia dado de presente a ela no natal. O semideus pegou os desenhos feitos pela jovem, analisando-os enquanto sua mente afetada pelo TDAH viajava, pensando que o nome da semideusa deveria ter a pronúncia Eila, e não Aila. As bestas que ela queria dariam ao rapaz um grande trabalho, adaptar armas como aquelas para se tornarem pistolas não era nada fácil, mas o ferreiro sabia que conseguia fazer isso.

— Veio ao lugar certo, Ei... Quero dizer, Ayla — distraído com o nome, acabou por confundir os dois sem querer. — Posso resolver qualquer coisa que me pedir... Tratando-se de itens, claro. Essas pistolas ficariam por... Duzentas dracmas, mas elas também pediriam munição especial, já que serão adaptadas. Posso fazer pra você se quiser, por um adicional de cinquenta dracmas.

A próxima na lista era Kristy, a mini-curandeira fofinha.

— Kristy, ei! — acenou para a garota, caminhando em sua direção com um sorriso no rosto. — Feliz aniversário, bastante atrasado. Você recebeu o meu presente?

Então o ferreiro pegou o papel, analisando o item. Não era algo complexo de ser feito, embora o cabo trabalhado pudesse dar um pouco de trabalho extra ao garoto. Ainda assim, nada que não pudesse fazer, além disso, o filho de Hefesto não conseguia cobrar um preço alto da garota com toda aquela fofura.

— Fica por cinquenta dracmas — disse à garota, no momento em que um novo cliente chegava ao local. Harry conhecera o filho de Zeus na resistência de Chinatown, onde lutaram juntos contra uma horda de monstros. Não podia negar que inicialmente sentira receio em relação ao meio-sangue, afinal a fama dele não era das melhores, mas Josh até que parecia ser um cara legal.

— Opa, e aí, Josh? — cumprimentou o garoto, analisando todos os esquemas que ele trouxera logo em seguida. Os olhos do ferreiro começaram a brilhar com as possibilidade e o desafio que teria ao criar aquelas armas. Em todo o tempo de forja, aqueles seriam os itens mais difíceis para ele, o que era com certeza emocionante. — Os dois ficam por setecentos dracmas.


Harry S. Sieghart:

Acréscimos

35 dracmas

Retiradas

1x Aço
1x Penas
1x Prata
1x Alumínio
2x Bronze

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u3860rpg
Bryan Collins:

Acréscimos

♦ {Hidden Fury}/[Uma braçadeira, inteiramente de aço, tendo acoplada à si uma lâmina de bronze sagrado. Na parte interna da armadura, há uma trava que quando acionada, faz com que a lâmina saia. Além disso recobre todo o punho de seu usuário, como uma luva de combate. O sistema retrátil da lâmina só pode ser acionado pela parte interna, em total controle do portador. Todos os componentes da arma foram planejados visando otimizar o dano, de modo que golpes com a própria luva causarão 15% a mais de dano contusivo, e ataques realizados com a lâmina receberão um bônus de mesmo valor(15%) contra oponentes ou armaduras, graças ao seu fio elevado e material bem-trabalhado.]{Aço e Bronze Sagrado} {Nível mínimo: 20} {Não controla nenhum elemento} [Forjado por: Harry S. Sieghart ]

Retiradas

15 dracmas

Habilidades Usadas

Afiada – Seu gume é mais afiado que de uma arma comum, demorando muito mais para perder suas propriedades e aumentando o dano de acordo com a habilidade do forjador – 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. Obviamente, só pode ser aplicado em armas cortantes. Um arco ou besta com esta habilidade passa o bônus para suas flechas. Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Impactante – o equivalente de afiada para armas contusivas, como maças e cajados. Agora, elas possuem o dano aumentado - 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. Obviamente, só pode ser aplicado em armas contusivas. Pode ser aplicada em armas a distância, que passam o bônus para as munições, contudo, flechas e virotes só receberão o efeito se forem especialmente adaptadas para causar dano contusivo e não cortante. Balas de funda recebem o efeito normalmente. Aumenta o item do nível em 2 a cada 5%.

Penetrante – Uma arma penetrante foi criada especialmente para sobrepujar as melhores armaduras. Uma arma deste tipo tem chance maior de causar dano mesmo em usuários de armadura - 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. No caso de armaduras com fortificação, as habilidades se anulam, prevalecendo a diferença entre ambas – Uma arma penetrante a 15% contra uma armadura fortificada a 10% causaria apenas 5% a mais (a diferença entre ambas).Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u19831rpg
Catherine Blake:

Acréscimos

♦ {Mind} / Arco[Arco longo feito de prata, possui detalhes entalhados em formato de lua minguante. Ele é moderno, e de longo alcance. Graças às técnicas aplicadas pelo ferreiro, pode disparar flechas até 150 metros, com a eficácia caindo acima disso, podendo chegar no máximo a 250 metros, mas com chances de acerto, força e estabilidade de tiro bem menores, reduzindo muito seus efeitos. Foi projetada para aumentar o dano das flechas quando disparadas, dando aos projéteis um bônus de 15% tanto contra inimigos contra armaduras(soma-se com outros bônus que as flechas possam ter). Requer certa força física, por sua envergadura ser grande e consequentemente por seu alcance ser maior. {Prata} (Nível Mínimo: 24) {Não controla nenhum Elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

♦ {Star Shoot}/ Flechas[Flechas com haste fina de alumínio, e pena de ganso para dar estabilidade. Suas pontas podem enganar, apesar de um efeito prateado, são feitas de bronze sagrado. Sua durabilidade é muito maior que a de flechas comuns, de modo que é quase impossível serem quebradas no primeiro disparo, podendo ser recuperadas com facilidade pela dona após o tiro, além de serem adaptadas para causar mais dano que o comum, recebendo um bônus de 15%, tanto contra armaduras quanto contra inimigos.] {Alumínio, Pena e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 5) Quantidade: 20 {Não controla nenhum Elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

♦ Aljava [Caixa feita de couro e costurada à mão, com camadas extras do tecido colocadas para reforçar o material. A base é resistente e possui encaixes para que as flechas fiquem bem posicionadas e não atrapalhem a arqueira. Correias de couro ajustáveis são utilizadas para prender o item ao usuário de forma confortável, tanto nas costas quanto na cintura. Possui espaço para no máximo trinta projéteis. Foi feita para ser semi-indestrutível, de modo que apenas ataques específicos ou mágicos podem ter alguma chance de danificar o objeto.]{Bronze Sagrado, Alumínio e Couro} (Nível Mínimo: 21) {Não Controla Nenhum Elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

Retiradas

20 dracmas

Habilidades Usadas

Afiada – Seu gume é mais afiado que de uma arma comum, demorando muito mais para perder suas propriedades e aumentando o dano de acordo com a habilidade do forjador – 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. Obviamente, só pode ser aplicado em armas cortantes. Um arco ou besta com esta habilidade passa o bônus para suas flechas. Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Penetrante – Uma arma penetrante foi criada especialmente para sobrepujar as melhores armaduras. Uma arma deste tipo tem chance maior de causar dano mesmo em usuários de armadura - 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. No caso de armaduras com fortificação, as habilidades se anulam, prevalecendo a diferença entre ambas – Uma arma penetrante a 15% contra uma armadura fortificada a 10% causaria apenas 5% a mais (a diferença entre ambas).Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Distância – Apenas para armas especificamente arremessáveis e armas à distância – esta habilidade cria armas especialmente balanceadas, dobrando seu alcance de ataque. Pode ser aplicado a redes e boleadeiras. Armas compostas só recebem este benefício quando são arremessadas com todas as suas partes (a corrente de uma foice com corrente não recebe o bônus se o usuário mantiver uma das partes seguras, já que por mais que seja balanceada, a corrente não se distende, mas atirar a arma inteira poderia fazer o bônus ser aplicado). Aumenta o nível do item em 10.

Durabilidade – Estes itens ganham uma resistência geral maior, sendo mais difíceis de serem quebrados. Aumenta em 7 o nível do item.

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u19800rpg
Poderes e Itens:

Poderes Passivos

◉ Nível 2. Memória fotográfica: Tudo o que você ver ou ler ficará gravado em sua memória por anos, serve tanto para imagens para textos.

Poderes Ativos

Nível 7
Abençoar metal: Além de adquirir boa habilidade em detalhes, poderão abençoar qualquer metal que consiga trabalhar. No entanto, vale ressaltar que a benção só será aceita mediante uma prece convicta ao deus das forjas. Caso aceita, se tornará ''semiletal'' a monstros e inútil contra mortais comum. Nunca, jamais, transformará em celestial. *

Nível 9
Pirocinece maior: Consegue aquecer os átomos ao seu redor, tornando o ambiente mais quente. Poderás derreter objetos simples e pequenos, desde que foque no alvo.

Nível 26
Magnetocinese avançada: Controle total sobre os metais, podendo deformá-los a vontade e levitá-los com grande facilidade. Lembrando que qualquer que seja seu nível, a partir de seu ponto só será possível levitar o dobro de sua massa corporal

◉ Nível 25. Lembranças avançada: Procure qualquer lembrança do inimigo.

Itens

☯ {Contritio} / Machado [Machado duplo com lâmina de bronze sagrado, marcada com os símbolos de Hefesto. Possui runas em sua extensão, lembrando um machado vicking. É uma arma pesada, que exige as duas mãos para o manuseio. No nível 20 transforma-se em uma luva de couro batido, com o punho formando um bracelete de metal, que pode ser utilizada na forja como proteção durante o trabalho, facilitando o manuseio de materiais.] {Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hefesto]

☯ {Constructio} / Martelo [Martelo de ferreiro feito em titânio resistente ao fogo] {Titânio} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hefesto]

Harry S. Sieghart
avatar
Filhos de Hefesto
Mensagens :
261

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Edward W. Kimoy em Dom 02 Ago 2015, 10:50




"Que tal colocar uma roupa decente nesse seu avatar, mocinho(a)?"

Bailinhos do coreto:

Edward W. Kimoy
avatar
Menestréis
Mensagens :
623

Localização :
Chalé 11

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Étoiles de Médici em Dom 02 Ago 2015, 11:44


Senti as bochechas esquentarem diante da pergunta de Harry. Onde foi parar a sua educação mesmo, dona Kristy? Esqueceu de agradecer!

Obrigada, e sim, eu recebi! — tratei de logo responder, o pequeno sorriso nos  meus lábios abrindo-se para algo mais radiante. — E ele... Uau, Harry, muitíssimo obrigada. Ele é tão aí-meus-deuses! que nem sei como agradecer! Se eu não fosse tão nova lhe dava minha vida, mas ainda tenho muito a viver para ser escrava já tão cedo. — enlacei os dedos das mãos, reprimindo o impulso de pular a bancada que nos separava e abraçá-lo. Eu tinha que parar de ficar abraçando todo mundo. Esperei enquanto ele analisava meu pedido, concordando com um aceno afirmativo assim que deu o preço. — Fechado.


The Dragon’s Flame
thanks juuub's @ cp!  

Étoiles de Médici
avatar
Filhos de Hermes
Mensagens :
437

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Josh Siege Kriskahn Kimoy em Dom 02 Ago 2015, 13:24



The Thunder
Josh Siege Kriskahn Kimoy



   
   
   
||  ||  ||


Josh tirou uma enorme quantidade de dracmas em formato de bolsa, contou 700 sobre a mesa e passou para o filho de Hefesto. — Espero que o preço compense... — ele sentiu uma faça no coração e riu.

Forjas:

{Gray Wind} / Espada [Seguindo o modelo de uma espada bastarda, possui aproximadamente um metro e meio de comprimento, sendo 27 centímetros da guarda ao pomo, e o restante compõe a lâmina grossa e achatada. Seu punho é feito de madeira e revestido com couro, e permite que a arma seja manuseada com uma ou duas mãos. A guarda é dourada e reluzente, sempre possuindo um aspecto de recém-polida, e o pomo é entalhado na forma da cabeça de um dragão ocidental. A lâmina é prateada, apresentando um brilho púrpuro em sua extensão, característica do metal usado para forjá-la: aço negro. Graças às técnicas aplicadas pelo ferreiro, a espada causa 15% a mais de dano, tanto em inimigos quanto em armaduras, em comparação a uma semelhante, além de possuir um balanceamento que permite que seja usada para defesa sem qualquer penalidade, adicionando um bônus de mesmo valor(15%) nestes casos. Não pode ser destruída por ataques comuns, de modo que apenas meios mitológicos e ataques específicos são capazes de danificá-la. Foi encantada com a essência do relâmpago, tendo sido criada especialmente para o filho de Zeus, e possui a capacidade de aumentar o dano de poderes elétricos que a usem como canalizador em 40%, bônus que é somado aos 10% do próprio metal. Desta forma, ao utilizar a espada para canalizar sua eletricidade, o dano causado será 50% maior. A espada não causa dano próprio por eletricidade, no entanto.] (Nível Mínimo:  65) {Controle Sobre a Eletricidade} [Forjado por Harry S. Sieghart]

{Silent Thunder} / Kunai [Baseada no modelo utilizado por Scorpion, a arma consiste em três peças principais. A primeira delas é uma espécie de manopla prateada, feita inteiramente de aço negro polido, que brilha levemente em um tom de púrpura.  Foi criada para cobrir da palma das mãos até um ponto próximo ao cotovelo. Na área da mão, possui um pequeno buraco com alguns milímetros de diâmetro, mais ou menos o necessário para passar uma corda. Tal espaço fica disfarçado pelo restante da peça, além da própria mão do semideus. A segunda é uma corrente, com dois metros e meio de comprimento, feita do mesmo material brilhante. Quando o item está em repouso, ela fica dentro da manopla, enrolada ao redor do braço do semideus. A terceira é uma espécie de lâmina oriental – uma kunai – presa à ponta da corrente. É formada por quatro triângulos retângulos unidos para formar uma única ponta. Graças ao seu design serrilhado e formato propício, penetra músculos com facilidade, sendo capaz até mesmo de quebrar ossos humanos. O sistema da manopla é ativado com um movimento de pulso do usuário, que lança a kunai em linha reta. A lâmina só para quando atinge algo ou quando a corrente atinge o seu limite. Quando ela penetra algo sólido, principalmente algum inimigo, as quatro lâminas que formam o item se abrem, de modo a prender-se no interior do ser atacado, permitindo que o usuário puxe a corrente sem retirar a arma do corpo. Graças às técnicas aplicadas pelo ferreiro, a kunai causa 15% a mais de dano, tanto em inimigos quanto em armaduras, em comparação a uma semelhante, e não pode ser destruída por ataques comuns, de modo que apenas meios mitológicos e ataques específicos são capazes de danificá-la. Foi encantada com a essência do relâmpago, adquirindo o poder de liberar descargas elétricas potentes até três vezes por ocasião, além de bonificar o dano elétrico em 10% graças ao material. Quando em repouso, se torna uma pulseira prateada feita de correntes.] (Nível Mínimo:  65) {Controle Sobre a Eletricidade} [Forjado por Harry S. Sieghart]


--------

Copyright Little Wonka © All rights reserved
Josh Siege Kriskahn Kimoy
avatar
Mentalistas de Psiquê
Mensagens :
1751

Localização :
no ♥ da lavs

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Ayla Lennox em Dom 02 Ago 2015, 14:00



Dragon's Flame
Pegando template emprestado ♥
Ao notar a leve confusão com a pronúncia correta de meu nome vinda da parte do filho de Hefesto, revirei os olhos e ri. Ele não era o primeiro a ter essa dúvida.

Quando o rapaz mencionou os projéteis, precisei me controlar para não executar um facepalm ali mesmo. "Muito bom, Lennox. Forjar as armas e esquecer a munição."

Sorri para o forjador, deixando de lado o deslize que havia cometido.

- Confio em você. Pode fazê-los, o preço me parece justo.
Thanks Panda
Ayla Lennox
avatar
Filhos de Selene
Mensagens :
1063

Localização :
EUA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Andrew Merlyn em Dom 02 Ago 2015, 15:41

— FORJA—
DRAGON'S FLAME
♛ Andrew Merlyn ♛



Harry não demorou para atender a Merlyn. Embora tivesse ficado nítido um certo sarcasmo do ferreiro, o jovem arqueiro não o percebeu, afinal, para alguém tão egocêntrico quanto Andrew, nenhum elogio poderia ser irônico. Analisando o projeto do rapaz, Sieghart se atentou a focar nos detalhes, ao menos foi a impressão que se teve, dando por fim um preço ao item projetado: Cinquenta Dracmas.

- Faça-o. - Finalizou o filho de Apolo, após retirar de seu bolso a quantia acertada e pô-la sobre o balcão.

Observações Finais:
- Faremos aquela mudança mesmo. De 80 centímetros de diâmetro para 40.



Thanks Tess
Andrew Merlyn
avatar
Filhos de Apolo
Mensagens :
95

Localização :
Acampamento Meio-Sangue [Long Island]

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Lavínia Cavendish em Dom 02 Ago 2015, 18:30



Did you hear the rain?
means I'm coming home again

Sorri para o filho de Hefesto, acreditando por alguns instantes em sua oferta. Sua cara séria até me enganara, mas logo após eu sabia que ele estava brincando.

— Cinquenta está ótimo, confio em seu trabalho. — Falei para o forjador, deixando o papel dos itens com ele.

Eu estava animada para receber minhas armas reformuladas, sabendo que de fato agora elas seriam mais úteis do que antes. Praticidade era algo que não se dava para abrir mão, e com a ajuda de Harry, eu conseguiria utilizá-las melhor daqui em diante.

❄ Lavs
Lavínia Cavendish
avatar
Líder dos Mentalistas
Mensagens :
442

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Harry S. Sieghart em Qui 06 Ago 2015, 20:11









Challenge


— Não precisa exagerar, me agrada saber que gostou tanto. Conte como um agradecimento por ajudar o pessoal daqui — Harry respondeu à garota, com um sorriso tão radiante quanto o dela em seu rosto. Saber que havia feito alguém feliz, principalmente uma criança, fazia com que ele se sentisse especial. Ainda mais no mundo caótico em que viviam, onde era comum ser forçado a lutar pela própria vida. Após receber todas as dracmas e uma quantidade absurda de confiança vinda das semideusas, o garoto se espreguiçou, observando a noite cair do lado de fora. — Okay, gente... Vou virar a noite trabalhando, então não acho que vai ter alguém disposto a esperar os pedidos aqui. Podem ir para os seus chalés, eu devo terminar tudo por volta das seis da manhã.

Após pegar os itens da prole do inverno, o semideus esperou que os clientes deixassem o local e pegou sua lata de coca-cola encantada, tomando um gole do vinho infinito que esta continha antes de começar a trabalhar. Primeiramente, iniciou uma oração silenciosa ao seu pai, pedindo para que o encantamento que tornava as flechas de Despina infinitas fosse temporariamente interrompido, de modo que ele pudesse reprojetá-las e fazer com que elas se recriassem de acordo com o seu modelo quando estivesse pronto. Esperava que o pai atendesse o seu pedido quando retirou todos os projéteis da aljava, sorrindo ao ver que havia dado certo. Assim sendo, era hora de começar as modificações - a maioria delas feitas por conta própria, porque o rapaz gostava de dar o melhor de si em cada item.

Começou utilizando de sua pedra de amolar para afiar as pontas, trabalhando nisso até que todas haviam atingido seu fio máximo, o que foi fácil de constatar quando a mão calejada do filho de Hefesto se furou com um mero toque em um dos itens. Tendo terminado, passou para as hastes dos projéteis. Utilizando uma de suas lâminas, especializadas no trabalho com aquele tipo de material, Harry começou a entalhar as flechas, alterando a sua estrutura básica para algo mais balanceado, que permitisse que a flecha fosse disparada sem problema algum. Aquilo por si só já aumentaria o dano causado, considerando que o desempenho seria otimizado, mas ainda precisava trabalhar com o arco.

Usando a mesma ferramenta das flechas, em uma versão maior, o jovem hiperativo começou a modificar a parte interna do arco, deixando alguns detalhes mais largos e afinando outros, de modo a aumentar muito o desempenho de cada flecha. Substituiu a corda já frágil por uma nova, adicionando também um pequeno, quase imperceptível, sistema de impulsão de projéteis visando potencializar o dano. E só então ele começou a trabalhar no que foi pago para fazer, colocando as setas de volta na aljava e rezando mais uma vez para o seu pai. Segundos depois, ambos os itens estavam em suas novas formas reduzidas, permitindo ao mentalista iniciar o trabalho na faca.

Com um gesto de mão, o metal  começou a levitar na direção de Harry, causando um calafrio no rapaz no momento em que este o apanhou. O metal de gelo, conseguia manter sua temperatura mesmo se lançado nas chamas. Outro movimento bastou para que a faca começasse a levitar, e então o semideus fechou o punho, fazendo com que a Dularuna se fechasse ao redor da lâmina. Para a prole do fogo, fazer aquilo era tão fácil quanto modelar massinha, e não muito tempo depois o bronze havia sido revestido completamente. Usando a pedra de amolar, Sieghart concluiu o trabalho, bastanto polir a arma e deixá-la junta das outras para que pudesse entregá-la no dia seguinte.

Tendo concluído o primeiro projeto, o semideus começou a trabalhar no escudo do filho de Apolo, desenhando o projeto em suas folhas específicas para tal, e adicionando notas que continham detalhes que poderiam ser importantes. O típico movimento de mão retirou o titânio do armário e levou até a mesa de trabalho do jovem, fazendo ele se sentir como o Magneto. Utilizando sua lâmina, cortou três círculos com 60 centímetros de diâmetro cada, e então os empilhou, erguendo a mão para a torre tripla e fechando. Com isso as três chapas começaram a se deformar, modelando-se em um só círculo grosso de titânio, bem imperfeito se comparado ao desenho.

Deixando seus poderes de lado, estava na hora da parte manual do trabalho. Começou lixando todo o metal, de modo a deixar a superfície deste lisa e livrar-se de algum peso inútil, e então a esfera foi levada até a bigorna. Com golpes milimetricamente calculados de Constructio, o filho de Hefesto começou a dar a forma curva característica de escudos circulares, além de achatar ainda mais o metal, aumentando a sua densidade até que a próxima fase fosse iniciada. Para concluir, lixou novamente a extensão metálica, livrando-se de alguns amassados causados pelas marteladas.

Usou sua lâmina novamente, abrindo uma pequena área dentro do escudo e retirando o excesso de titânio para tornar a peça leve. Após polir o item, de modo a deixá-lo brilhando, o ferreiro revestiu a parte interna com alguns tecidos e prendeu a tira que serviria de suporte para segurar o escudo. Tudo pronto, bastou se concentrar na peça e desejar que esta assumisse a sua forma reduzida: um relógio de prata. Com o segundo item feito, o mentalista pôde relaxar um pouco, tomando mais um pouco de vinho antes de iniciar a adaga - e o verdadeiro desafio começava ali.

A adaga não permitiria que Sieghart utilizasse seus poderes na forja, cada detalhe deveria ser feito manualmente, e isso era o que a tornava especial. Primeiramente, o rapaz desenhou o modelo da arma em sua folha exatamente sete vezes, sendo obrigado a refazer a cada detalhe errado. Se quisesse seguir o que a pequena curandeira havia lhe pedido, cada detalhe teria de ser reproduzido com precisão, e para isso precisaria de um desenho bem feito. Apenas quando se deu por satisfeito selecionou uma placa de prata e um bloco de alabastro na cor do marfim, levando os dois para a sua mesa de trabalho. Utilizou suas ferramentas para cortar a forma bruta de uma lâmina, já com o suporte para o cabo, e o colocou nas brasas da fornalha, utilizando sua luva de proteção para não se queimar.

Enquanto o metal era aquecido, o ferreiro se sentou com o bloco apoiado em seu colo e suas ferramentas em mãos. Iniciou seu projeto extraindo todo o excesso da madeira branca, obtendo assim um bloco menor, mais ou menos no formato do desenho que iria fazer, e só então começou. Entalhou o alabastro, retirando parte por parte até começar a criar uma forma humanoide. Muito tempo depois, tinha algo que se assemelhava a uma mulher, mas que ainda precisaria ser bastante detalhado para agradar a cliente. Ainda assim, a estátua foi deixada de lado, e a prole do fogo utilizou uma tenaz para retirar a lâmina da fornalha, levando-a até a bigorna para começar o seu trabalho.

Com o martelo empunhado, golpeou a prata diversas vezes, cortando o excesso sempre que necessário, até obter a forma certa, e então usou sua lâmina para dar à peça a forma curvada de seu desenho, levando-a para as chamas uma vez mais enquanto voltava à trabalhar na madeira. Começou a criar os detalhes, dando à mulher um rosto e vestes egípcias, assim como seus adornos. Apesar de achar estranho um semideus grego usar representações de uma deusa egípcia, não era o trabalho de Harry contestar, então apenas finalizou o punho e começou a fazer as asas que formariam a guarda, entalhando-as na prata.

Para concluir o projeto, retirou a lâmina da fornalha e a colocou em um pequeno recipiente com óleo, temperando-a e deixando-a pronta para os toques finais. Após polir todo o metal, o mentalista começou a desenhar os hieróglifos ao longo da arma, criando a frase que a criança havia pedido - aliás, sorte a dele que os servos de Psiquê eram capazes de entender qualquer meio de escrita, ou não conseguiria reproduzir os desenhos estranhos. Finalizou o trabalho juntando e prendendo as três peças, e então suspirou, sabendo o que viria pela frente.

As pistolas seriam bastante simples, na verdade, se não fosse o impulso hiperativo do garoto de criar cada item com maestria, garantindo assim que os clientes conseguissem voltar vivos da próxima missão e comprar mais. Dois blocos de prata lunar, uma chapa do mesmo material e outra de alumínio eram o necessário para criar os itens, cada uma das peças flutuando até a mesa de trabalho do rapaz com um simples aceno de dedo, enquanto ele agradecia uma vez mais por ter o domínio sobre aquele tipo de material.

A fase seguinte foi mentalizar as pistolas. Como um mentalista, o garoto se lembrava de cada coisa que já havia visto em sua vida, e uma delas era a Beretta M9, arma de fogo na qual se basearia para criar o item de Ayla. Lembrava-se de tê-la visto em um catálogo um dia, mostrando cada peça e detalhe de sua composição, e então começou a desenhar os projetos. Precisou de várias folhas pra conseguir representar todos os detalhes, começando pelo sistema de besta até chegar às modificações de arma de fogo - aliás, o ferreiro sempre se perguntou por que não pediam uma arma de fogo de verdade. Era quase como se houvesse uma regra que dizia que eram proibidas para semideuses.

De qualquer forma, apenas quando cada desenho estava terminado, Sieghart empunhou suas lâminas, cortando os blocos de prata lunar ao meio e então deixou as ferramentas de lado para começar a usar sua magnetocinese novamente. Com alguns movimentos de mão, o material começou a se moldar, repartindo-se em diversas partes menores e modelando-se na forma das peças que havia visto no catálogo. Algumas seriam dispensadas, obviamente, mas outras eram essenciais na aparência das Berettas, e estas foram fielmente reproduzidas sem que Harry precisasse sequer tocá-las.

Tendo tudo pronto, partiu para o sistema das bestas. O primeiro passo foi moldar o suporte das armas, adicionando então os itens necessários para o sistema de impulsão - que precisavam ser bem mais potentes do que os de uma besta comum, devido ao seu tamanho e adaptações, ou não causaria tanto dano quanto necessário. Após isso, adicionou o espaço para os virotes e removeu o excesso de prata do local onde deixaria o sistema de recarga automática dos pentes. Por fim, iniciou a montagem das pistolas, colocando cada peça em seu lugar certo e fechando as partes externas. Testou o sistema completo antes de se concentrar para fazer com que ambas as partes se unissem em cada uma das Berettas, então levou-as para a sua área de trabalho.

Usando sua telecinese, o servo de Psiquê levitou dois pequenos frascos do armário até suas mãos. Respirou fundo antes de destampar o primeiro, fazendo com que as chamas da fornalha se elevassem até o telhado da forja. A essência do fogo foi derramada sobre a primeira das pistolas, que começou a pegar fogo por alguns segundos insuportáveis, nos quais o garoto imaginou se havia dado certo, até que por fim parou. O segundo frasco aberto libertou um grito agudo que teria ensurdecido a prole do fogo se esta não usasse proteções. Após repetir o mesmo projeto da anterior, o rapaz saiu da forja com as duas pistolas.

Assim que a luz da lua tocou os itens, eles começaram a brilhar, e então o garoto apontou o primeiro para cima e puxou o gatilho. Uma pequena bola de fogo voou, e então explodiu no ar, liberando uma grande quantidade do elemento. O segundo disparo liberou uma rajada sônica que fez a arma recuar a ponto de machucar o garoto, devido ao descuido. Precisaria avisar sobre isso para a companheira mentalista quando lhe entregasse os itens. O jovem correu para dentro da forja e a trancou antes que os curiosos aparecessem para ver o que ela aquilo, e deixou as pistolas de lado para fazer os virotes.

Com um aceno de mãos, uma grande quantidade de alumínio flutuou até ficar à sua frente, e então o garoto respirou fundo. Movimentando os dedos, ele fez com que as placas se dividissem diversas vezes, até que houvessem cem partes de tamanhos iguais levitando sobre a mesa. Com uma leve dor de cabeça, parou o controle sobre os metais, fazendo com que todas as partes caíssem ao mesmo tempo, e então começou a trabalhar individualmente. Ergueu a primeira parte, moldando-a com grande facilidade e deformando-a até que obtivesse a forma da haste de uma flecha. Fez o mesmo com cada uma das outras peças, deixando-as de lado para continuar o projeto.

Começou a segunda fase trazendo a prata lunar ao seu alcance, e empunhando outra de suas lâminas. Com cuidado, cortou diversos triângulos-retângulos feitos daquele metal, retirando também os encaixes para que pudesse montar cada ponta com perfeição. Assim que tinha todos as quatrocentas peças, começou a afiar uma por uma utilizando-se de uma pedra especial, e então usou a magnetocinese para juntar quatro dos triângulos, formando uma ponta que foi conectada à haste. Fez o mesmo com todas as outras, completando os projéteis e finalizando o item.

Já passavam das três da manhã quando finalmente se sentou para descansar um pouco. Só restavam os itens de Josh, e então finalmente haveria terminado o seu trabalho. Erguendo as mãos pro ar em uma espécie de alongamento, Sieghart caminhou para o interior da forja e começou a desenhar a espada bastarda do filho de Zeus, até conseguir um projeto que o agradou, e então foi buscar as ferramentas e materiais necessários para criá-lo.Colocou a placa de Aço Negro sobre a mesma mesa, desenhando todo o formato da lâmina nesta, para que pudesse cortá-la depois. Desenhou também a base para se encaixar no punho, e então começou a cortar o material, retirando a parte desenhada.

O ferreiro então ergueu a mão, fazendo com que a lâmina começasse a levitar, e fez um gesto na direção da fornalha. O aço foi atirado nas chamas, e a prole do fogo pegou o bloco de carvalho e suas ferramentas de entalhe. Primeiramente começou a retirar as bordas, para criar uma base, obtendo então algo que se assemelhava a um punho, porém feio e cheio de imperfeições. Logo em seguida o garoto começou a afinar ainda mais a maioria do cabo, então começou a esculpir o pomo na forma da cabeça de um dragão ocidental, como aquele que havia colocado na entrada da forja. Logo após isso, pintou a guarda de dourado, como o filho Zeus havia pedido. Perfeito.

Com outro movimento de mão, a lâmina, agora incandescentes graças ao fogo, foi colocada sobre a fornalha. Harry vestiu a luva-machado e empunhou o seu martelo, começando a golpear o metal até que ele começasse a tomar forma. Continuou com os movimentos, regulando a força de acordo com a necessidade do aço negro, de modo a achatar e alargar a lâmina para que ela tomasse a forma de uma bastarda. Quando finalmente acabou com essa fase, montou toda a espada, pondo fim à parte um do projeto. Hora de trabalhar com a kunai.

Com um aceno de mão, mais aço negro começou a se erguer no ar, flutuando em uma velocidade considerável até a prole do fogo. Utilizando de uma ferramenta, Harry começou a cortar tiras do aço, começando com peças largas, que se afinavam até completar o braço, e fez o mesmo com as mãos e dedos. Precisava fazer daquela maneira para que não prejudicasse a mobilidade do semideus. Utilizando de alguns pinos específicos para armaduras, Harry conectou todas as tiras do antebraço, para que pudesse criar o sistema da corrente. Com um pouco de concentração, fez com que alguns pedaços de metal se deformassem, moldando-se de acordo com a vontade do mentalista, até que possuía todas as peças necessárias para continuar trabalhando.

Primeiro colocou um suporte metálico fixo na luva, prendendo-o para que não corresse o risco de se soltar. Este seria o envoltório da corrente, ou seja, onde ela ficaria quando em repouso. Então adicionou o sistema de gatilho que a impulsionaria para frente com o desejo do filho de Zeus, adicionando cada peça em seu devido lugar antes de continuar.  Usando um molde de mão, o ferreiro começou a montar a luva, fechando o antebraço e utilizando dos mesmos pinos de antes para prender o item, e então, tira por tira, o mentalista começou a fazer a mão. Para completar, prendeu as duas peças, deixando o espaço para que a corrente fosse liberada sem problemas;

Outra chapa de aço negro foi utilizada para que o filho de Hefesto pudesse criar a corrente. Começou separando a placa em diversas peças com ajuda do controle sobre os metais, de modo a preparar os cilindros necessários, e então começou a fechá-los, um dentro do outro, de modo a criar os elos que formariam a arma. Aos poucos e consumindo grande parte da sua energia física e mental, conseguiu concluir o projeto, encaixando a corrente no sistema da manopla e acionando o dispositivo para recolhê-la. Fase dois quase concluída. Bastava fazer a peça principal e poderia iniciar a três.

Cortou novamente o aço negro, no mesmo triângulo retângulo quádruplo que usava para fazer as flechas, e então atirou as peças na fornalha. Algum tempo depois, o metal começou a brilhar em um tom de alaranjado, e o ferreiro recolheu-as, colocando-as sobre a bigorna. Usou seu martelo para dar a forma certa às lâminas, tratando de serrilhá-las logo depois para potencializar o dano causado. Por fim, uniu os quatro retângulos e colocou-os na ponta da corrente, unidos no sistema que abriria a kunai quando necessário. Para finalizar, só faltava um toque.

Levando a espada e a manopla até a mesa de trabalho, o mentalista vestiu luvas de borracha e levitou outros dois frascos até suas mãos. Abriu os dois, colocando-os sobre as duas armas. Raios começaram a percorrer o aço em ambas, dando a elas o feito elétrico que Josh havia pedido. E então... Acabou. O sol já havia nascido, e tudo o que o rapaz queria era tirar um pequeno cochilo antes de iniciar mais um dia de trabalho.

Harry S. Sieghart:

Acréscimos

1100 dracmas

Retiradas

3x Titânio
1x Prata
3x Prata Lunar
1x Alabastro
1x Carvalho
4x Aço Negro
2x Relâmpago
1x Dularuna
1x Essência do Som
1x Essência do Fogo
1x Alumínio

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u3860rpg
Lavínia Cavendish:

Acréscimos

♦ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos, sendo recoberta com dularuna. A arma é eficiente tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro o recobre para que o usuário possa segurá-lo firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza). A lâmina da arma é sempre gelada, bonificando qualquer ataque do elemento gelo que a utilize como canalizador em 10%, além de possuir modificações especiais que aumentam o seu dano em 15%, tanto contra inimigos quanto contra armaduras, além de possuir mais resistência que as facas comuns, dificilmente sendo quebrada.] {Bronze, Aço, Couro e Dularuna} (Nível mínimo: 25) {Nenhum elemento} [Administração; item inscrição padrão do fórum. Modificado por Harry S. Sieghart]

♦ {Coldbreeze} / Arco longo [Arco longo feito de madeira de álamo branca e metal prateado, apesar de ser bronze sagrado. Possui vários entalhes e formas curvilíneas, além de ter o nome de Lavínia gravado em uma pequena parte superior. Transforma-se em uma pulseira branca do mesmo material do arco, com o mesmo entalhe do nome ao redor. Possui adaptações especiais feitas pelo ferreiro com o objetivo de aumentar o dano causado, recebendo bonificação de 15% no dano contra inimigos e armaduras. O bônus é somado com o das flechas, caso exista. Assim que é puxada do braço, toma proporções maiores e volta a ser novamente o arco longo, dependendo da vontade da dona para transmutar-se na forma de adorno.] {Álamo e Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 15) {Não Controla Nenhum Elemento} [Presente de Reclamação de Despina, modificado por Harry S. Sieghart]

♦ {Fast} / Aljava [Aljava de couro branco com entalhes prateados. Contém flechas infinitas - são comuns, de álamo e bronze sagrado, mas de acabamento fino, com penas brancas e bem equilibradas. As flechas possuem adaptações especiais feitas pelo ferreiro com o objetivo de aumentar o dano causado, recebendo bonificação de 15% no dano contra inimigos e armaduras. Transforma-se em uma bolsa mediana comum, branca, para usar transversalmente aos ombros, com espaço para outros pequenos itens durante a transmutação. Volta a ser uma aljava assim que é retirada do corpo da semideusa.] {Couro e bronze sagrado} (Nível Mínimo: 15) {Não Controla Nenhum Elemento} [Presente de Reclamação de Despina, modificado por Harry S. Sieghart]

Retiradas

50 Dracmas

♦ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum]

♦ {Coldbreeze} / Arco longo [Arco longo feito de madeira de álamo, branca, e metal prateado, apesar de ser bronze sagrado. Possui vários entalhes e formas curvilíneas.] {Álamo e Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Quione]

♦ {Fast} / Aljava [Aljava de couro branco com entalhes prateados. Contém flechas infinitas - são comuns, de álamo e bronze sagrado, mas de acabamento fino, com penas brancas e bem equilibradas.] {Couro e bronze sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Quione]

Habilidades Usadas

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u19216rpg
Andrew Merlyn:

Acréscimos

— {Raptor} / Escudo [Escudo Circular feito de Titânio, com vinte centímetros de raio. O objeto foi forjado para o uso de arqueiros, bem mais leve que qualquer outro escudo com propriedades iguais, graças às técnicas aplicadas pelo ferreiro, permitindo ser usado sem atrapalhar o manuseio do arco e flecha. É forrado internamente com tecidos que permitem o seu uso sem machucar o portador, além de uma tira de couro ajustável para se prender no braço. Para disfarce e melhor locomoção, o item pode transformar-se em um relógio de cor prata, a mesma cor predominante na sua forma de batalha.] {Titânio} (Nível Minímo: 20) {Não controla nenhum Elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

Retiradas

50 dracmas

Habilidades Usadas

Leveza – Essa habilidade torna o item mais leve. Escudos e armaduras são tratados, em termos de peso, como uma categoria menor (mas ainda impedem o manuseio de armas com a mão que os segura, ainda que fiquem mais fáceis de manejar), e armas de duas mãos infundidas com esta habilidade podem ser manuseadas com uma única mão. Aumenta o nível do item em 10.

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u20316rpg
Alaric L. Mikaelson:

Acréscimos

♦ {Silvermoon} / Adaga [Com trinta centímetros de comprimento, sendo dez de cabo e o restante para a lâmina, a adaga é uma obra de arte de qualquer ponto analisado. A lâmina foi feita de prata, polida para se obter um brilho perfeito e com uma curva leve que dá ao item um tom de sofisticação. Possui fio duplo, sendo perfeitamente alinhada para qualquer tipo de ataque que o usuário possa utilizar. A curva facilita a perfuração de armaduras, dando um bônus de 15% nos ataques realizados contra tais peças. Ao longo da prata, hieróglifos foram gravados, formando a frase “A lua de prata protege seu usuário”. O cabo também é uma peça extremamente agradável aos olhos, sendo feito de alabastro, e portanto tendo a cor de marfim para combinar com a prata da lâmina. O punho foi entalhado no formato da deusa Ísis, sendo como uma miniatura desta. A guarda da arma é bem trabalhada, possuindo o desenho de asas egípcias também feitas de prata. A adaga é bem mais leve que qualquer item semelhante, quase não sendo sentida pelo usuário, mas apesar disso é muito resistente, não podendo ser destruída com facilidade.] {Prata e Alabastro} (Nível Mínimo: 24 ) {Não controla nenhum Elemento} [Presente de aniversário (atrasado) da Kristy Grandine ♥/ Forjado por Harry S. Sieghart]

Retiradas

50 dracmas

Habilidades Usadas

Leveza – Essa habilidade torna o item mais leve. Escudos e armaduras são tratados, em termos de peso, como uma categoria menor, e armas de duas mãos infundidas com esta habilidade podem ser manuseadas com uma única mão. Aumenta o nível do item em 10.

Penetrante – Uma arma penetrante foi criada especialmente para sobrepujar as melhores armaduras. Uma arma deste tipo tem chance maior de causar dano mesmo em usuários de armadura - 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. No caso de armaduras com fortificação, as habilidades se anulam, prevalecendo a diferença entre ambas – Uma arma penetrante a 15% contra uma armadura fortificada a 10% causaria apenas 5% a mais (a diferença entre ambas).Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Durabilidade – Estes itens ganham uma resistência geral maior, sendo mais difíceis de serem quebrados. Aumenta em 7 o nível do item.

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u16754rpg
Ayla Lennox:

Acréscimos

• {Desolation} / Besta de repetição [Tendo sido adaptada para possuir a aparência de uma beretta M9 prateada, a besta é leve graças ao seu tamanho, além de ser discreta - podendo ser escondida com facilidade no cós de uma calça ou até mesmo de um coldre.  No cabo é possível ver entalhes cuidadosos no formato de lobos e luas. O pente possui espaço para até 15 setas. Os cartuchos se recarregam de acordo com a vontade da dona, mas caso não hajam mas projéteis, são gastos 20 MP para isso. Seu alcance inicial é de 300 metros, sendo aumentado durante a noite - característica do metal usado na forja -, assim como o dano. O acréscimo é maior caso a lua se faça presente (10% e 20% para cada situação). A arma permite disparos rápidos e precisos, além de possuir modificações que diminuem o seu recuo e mantém sua precisão. O ferreiro adicionou detalhes quase imperceptíveis à arma, de modo a melhorar o seu desempenho. A pistola foi desenhada visando aumentar o dano, de modo que as setas atiradas por ela causam 15% a mais de dano, tanto em inimigos quanto em armaduras(o bônus se soma com outros que a munição possa ter). A arma é semi-indestrutível, de modo que apenas ataques mitológicos e métodos específicos podem danificá-la. A essência do Som foi utilizada nessa forja, dando ao item a capacidade de, até três vezes por ocasião, disparar uma rajada sônica - sem o uso de qualquer munição. O disparo é feito em um cone de nove metros, atingindo a largura máxima de cinco metros. Além do dano sonoro causado sobre os indivíduos, causa efeito de surdez durante três rodadas, reduzindo em 25% a capacidade de esquiva dos atingidos, além de o tornar incapaz de ouvir a voz de qualquer ser.] {Prata lunar} (Nível mínimo: 70) {Controle Sobre o Som} [Recebimennto: The Dragon's Flame - Forja de Harry S. Sieghart]

• {Blaze} / Besta de repetição [Tendo sido adaptada para possuir a aparência de uma beretta M9 prateada, a besta é leve graças ao seu tamanho, além de ser discreta - podendo ser escondida com facilidade no cós de uma calça ou até mesmo de um coldre.  No cabo é possível ver entalhes cuidadosos no formato de lobos e luas. O pente possui espaço para até 15 setas. Os cartuchos se recarregam de acordo com a vontade da dona, mas caso não hajam mas projéteis, são gastos 20 MP para isso. Seu alcance inicial é de 300 metros, sendo aumentado durante a noite - característica do metal usado na forja -, assim como o dano. O acréscimo é maior caso a lua se faça presente (10% e 20% para cada situação). A arma permite disparos rápidos e precisos, além de possuir modificações que diminuem o seu recuo e mantém sua precisão. O ferreiro adicionou detalhes quase imperceptíveis à arma, de modo a melhorar o seu desempenho. A pistola foi desenhada visando aumentar o dano, de modo que as setas atiradas por ela causam 15% a mais de dano, tanto em inimigos quanto em armaduras(o bônus se soma com outros que a munição possa ter). A arma é semi-indestrutível, de modo que apenas ataques mitológicos e métodos específicos podem danificá-la. A essência do Fogo foi utilizada nessa forja, dando ao item a capacidade de, até três vezes por ocasião, disparar uma esfera feita do elemento - sem o uso de qualquer munição. O disparo atinge no máximo trinta metros e então se expande em um raio de três metros, causando dano por queimaduras nos atingidos.] {Prata lunar} (Nível mínimo: 70) {Controle Sobre o Som} [Recebimennto: The Dragon's Flame - Forja de Harry S. Sieghart]

• {Beater} / Virotes [Virotes feitos com haste fina de alumínio e pontas especialmente adaptadas, formadas por quatro lâminas serrilhadas juntas - feitas de alumínio, parte sagrado e parte comum, para ferir tanto a seres mágicos quanto a mortais. são poderosas o bastante para causar dano até em ossos humanos, além de possuir adaptações especiais feitas pelo ferreiro. Os virotes causam 15% a mais de dano em inimigos e armaduras, além de ganharem bonificação de 10% de dano durante a noite, e 20% se a luz da lua se faz presente. São feitas especialmente para Desolation e Blaze, de modo que não terão seu desempenho máximo em outras armas. São praticamente indestrutíveis, de modo que a nunca serão quebrados devido ao impacto, podendo ser recuperados sempre que a dona quiser. Quantidade Restante: 100] {Alumínio e Prata Lunar} (Nível Mínimo: 33) {Não controla nenhum elemento} [Recebimennto: The Dragon's Flame - Forja de Harry S. Sieghart]

Retiradas

250 dracmas

Habilidades Usadas

Afiada – Seu gume é mais afiado que de uma arma comum, demorando muito mais para perder suas propriedades e aumentando o dano de acordo com a habilidade do forjador – 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. Obviamente, só pode ser aplicado em armas cortantes. Um arco ou besta com esta habilidade passa o bônus para suas flechas. Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Penetrante – Uma arma penetrante foi criada especialmente para sobrepujar as melhores armaduras. Uma arma deste tipo tem chance maior de causar dano mesmo em usuários de armadura - 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. No caso de armaduras com fortificação, as habilidades se anulam, prevalecendo a diferença entre ambas – Uma arma penetrante a 15% contra uma armadura fortificada a 10% causaria apenas 5% a mais (a diferença entre ambas).Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Distância – Apenas para armas especificamente arremessáveis e armas à distância – esta habilidade cria armas especialmente balanceadas, dobrando seu alcance de ataque. Pode ser aplicado a redes e boleadeiras. Armas compostas só recebem este benefício quando são arremessadas com todas as suas partes (a corrente de uma foice com corrente não recebe o bônus se o usuário mantiver uma das partes seguras, já que por mais que seja balanceada, a corrente não se distende, mas atirar a arma inteira poderia fazer o bônus ser aplicado). Aumenta o nível do item em 10.

Indestrutibilidade – Estes itens não podem ser destruídos por meios ou habilidades comuns. Apenas ataques mitológicos e métodos específicos podem fazê-lo. [Poderes de outros semideuses ainda contam, mas um golpe simples de uma espada sem habilidades contra um escudo com essa característica não provocarias danos]. Aumenta em 20 o nível do item.

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u16270rpg
Josh Siege Kriskahn Kimoy:

Acréscimos

— {Gray Wind} / Espada [Seguindo o modelo de uma espada bastarda, possui aproximadamente um metro e meio de comprimento, sendo 27 centímetros da guarda ao pomo, e o restante compõe a lâmina grossa e achatada. Seu punho é feito de madeira e revestido com couro, e permite que a arma seja manuseada com uma ou duas mãos. A guarda é dourada e reluzente, sempre possuindo um aspecto de recém-polida, e o pomo é entalhado na forma da cabeça de um dragão ocidental. A lâmina é prateada, apresentando um brilho púrpuro em sua extensão, característica do metal usado para forjá-la: aço negro. Graças às técnicas aplicadas pelo ferreiro, a espada causa 15% a mais de dano, tanto em inimigos quanto em armaduras, em comparação a uma semelhante, além de possuir um balanceamento que permite que seja usada para defesa sem qualquer penalidade, adicionando um bônus de mesmo valor(15%) nestes casos. Não pode ser destruída por ataques comuns, de modo que apenas meios mitológicos e ataques específicos são capazes de danificá-la. Foi encantada com a essência do relâmpago, tendo sido criada especialmente para o filho de Zeus, e possui a capacidade de aumentar o dano de poderes elétricos que a usem como canalizador em 40%, bônus que é somado aos 10% do próprio metal. Desta forma, ao utilizar a espada para canalizar sua eletricidade, o dano causado será 50% maior. A espada não causa dano próprio por eletricidade, no entanto.]{Aço Negro e Carvalho} (Nível Mínimo: 65) {Controle Sobre a Eletricidade} [Forjado por Harry S. Sieghart]

— {Silent Thunder} / Kunai [Baseada no modelo utilizado por Scorpion, a arma consiste em três peças principais. A primeira delas é uma espécie de manopla prateada, feita inteiramente de aço negro polido, que brilha levemente em um tom de púrpura. Foi criada para cobrir da palma das mãos até um ponto próximo ao cotovelo. Na área da mão, possui um pequeno buraco com alguns milímetros de diâmetro, mais ou menos o necessário para passar uma corda. Tal espaço fica disfarçado pelo restante da peça, além da própria mão do semideus. A segunda é uma corrente, com dois metros e meio de comprimento, feita do mesmo material brilhante. Quando o item está em repouso, ela fica dentro da manopla, enrolada ao redor do braço do semideus. A terceira é uma espécie de lâmina oriental – uma kunai – presa à ponta da corrente. É formada por quatro triângulos retângulos unidos criando uma única ponta. Graças ao seu design serrilhado e formato propício, penetra músculos com facilidade, sendo capaz até mesmo de quebrar ossos humanos. O sistema da manopla é ativado com um movimento de pulso do usuário, que lança a kunai em linha reta. A lâmina só para quando atinge algo ou quando a corrente chega ao seu limite. Quando ela penetra algo sólido, principalmente algum inimigo, as quatro lâminas que formam o item se abrem, de modo a prender-se no interior do ser atacado, permitindo que o usuário puxe a corrente sem retirar a arma do corpo. Graças às técnicas aplicadas pelo ferreiro, a kunai causa 15% a mais de dano, tanto em inimigos quanto em armaduras, em comparação a uma semelhante, e não pode ser destruída por ataques comuns, de modo que apenas meios mitológicos e ataques específicos são capazes de danificá-la. Quando a kunai já está presa no inimigo, o filho de Zeus pode utilizar do mesmo movimento de pulso que a aciona para unir as quatro pontas e recolher a corrente de volta ao seu suporte. Foi encantada com a essência do relâmpago, adquirindo o poder de liberar descargas elétricas potentes até três vezes por ocasião, além de bonificar o dano elétrico em 10% graças ao material. Quando em repouso, se torna uma pulseira prateada feita de correntes.] {Aço Negro}(Nível Mínimo: 65) {Controle Sobre a Eletricidade} [Forjado por Harry S. Sieghart]

Retiradas

700 dracmas

Habilidades Usadas

Afiada – Seu gume é mais afiado que de uma arma comum, demorando muito mais para perder suas propriedades e aumentando o dano de acordo com a habilidade do forjador – 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. Obviamente, só pode ser aplicado em armas cortantes. Um arco ou besta com esta habilidade passa o bônus para suas flechas. Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Defensora – Uma arma com esta habilidade é mais balanceada, tornando-a mais fácil de ser usada na defesa, agindo como um escudo, sem contudo qualquer penalidade – pelo contrário – a defesa é aumentada em  5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. Útil para armas de duas mãos. Aumenta o item do nível em 2 a cada 5%.

Penetrante – Uma arma penetrante foi criada especialmente para sobrepujar as melhores armaduras. Uma arma deste tipo tem chance maior de causar dano mesmo em usuários de armadura - 5% a  cada 10 níveis, até o máximo de 25%. No caso de armaduras com fortificação, as habilidades se anulam, prevalecendo a diferença entre ambas – Uma arma penetrante a 15% contra uma armadura fortificada a 10% causaria apenas 5% a mais (a diferença entre ambas).Aumenta o nível do item em 2 a cada 5%.

Indestrutibilidade – Estes itens não podem ser destruídos por meios ou habilidades comuns. Apenas ataques mitológicos e métodos específicos podem fazê-lo. [Poderes de outros semideuses ainda contam, mas um golpe simples de uma espada sem habilidades contra um escudo com essa característica não provocarias danos]. Aumenta em 20 o nível do item.

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u493rpg
Poderes e Itens:

Poderes Passivos

◉ Nível 30. Controle da probabilidade: capacidade de alterar a probabilidade, causando acontecimentos estranhos ou impedindo acontecimentos normais. Isto inclui aumentar a sorte ou azar de alguém.

Poderes Ativos

◉ Nível 6. Impressão: Capacidade de mentalmente escrever ou logomarca em superfícies como papel, paredes etc.

◉ Nível 11. Telecinese intermediária: Consegue mover e levitar objetos mais pesados, porém não chegando a ser aqueles bem pesados e complicados, a velocidade também aumenta, sendo proporcional ao peso.

Nível 7
Abençoar metal: Além de adquirir boa habilidade em detalhes, poderão abençoar qualquer metal que consiga trabalhar. No entanto, vale ressaltar que a benção só será aceita mediante uma prece convicta ao deus das forjas. Caso aceita, se tornará ''semiletal'' a monstros e inútil contra mortais comum. Nunca, jamais, transformará em celestial. *

Nível 9
Pirocinese maior: Consegue aquecer os átomos ao seu redor, tornando o ambiente mais quente. Poderás derreter objetos simples e pequenos, desde que foque no alvo.

Nível 26
Magnetocinese avançada: Controle total sobre os metais, podendo deformá-los a vontade e levitá-los com grande facilidade. Lembrando que qualquer que seja seu nível, a partir de seu ponto só será possível levitar o dobro de sua massa corporal

Itens

☯ {Contritio} / Machado [Machado duplo com lâmina de bronze sagrado, marcada com os símbolos de Hefesto. Possui runas em sua extensão, lembrando um machado vicking. É uma arma pesada, que exige as duas mãos para o manuseio. No nível 20 transforma-se em uma luva de couro batido, com o punho formando um bracelete de metal, que pode ser utilizada na forja como proteção durante o trabalho, facilitando o manuseio de materiais.] {Bronze Sagrado} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hefesto]

☯ {Constructio} / Martelo [Martelo de ferreiro feito em titânio resistente ao fogo] {Titânio} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hefesto]

☯ {Coke} / Lata [Uma lata de coca-cola sem nenhuma modificação física, e não aparenta nada de diferente. Porém, no lugar do refrigerante, a lata contém vinho inacabável.] {Alumínio} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Bob Winston Terins]

Harry S. Sieghart
avatar
Filhos de Hefesto
Mensagens :
261

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Edward W. Kimoy em Qui 06 Ago 2015, 20:23




"Que tal colocar uma roupa decente nesse seu avatar, mocinho(a)?"

Bailinhos do coreto:

Edward W. Kimoy
avatar
Menestréis
Mensagens :
623

Localização :
Chalé 11

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Ethan Miyazaki em Dom 09 Ago 2015, 22:22





Arminhas <3



 


Kyle já conhecia o Harry a um tempo, desde que fora lá pedir o seu primeiro escudo. Lembrar daquela época fazia o menino se sentir estranho, já que ali era ainda um inútil.
Ao adentrar na loja, fez um pequeno aceno para o forjador colocando algumas armas em cima do balcão. Aquelas armas era inúteis naquele momento, seriam modificadas e ficariam muito melhor, além de quê aquelas que não usava iriam passar a ser usáveis. Assim que o Harry se aproximou, o semideus começou a falar o que queria e por fim, apenas perguntou:
- O preço?

Armas a serem modificadas:
♦ Faca [Sua lâmina bronzeada mede cerca de 24 cm, e seu cabo tem o mesmo comprimento padrão. É bastante afiada e é perfeita para ataque ágeis e rápidos. O bom desta arma é sua eficiência tanto para mãos hábeis quanto para manuseios mais inexperientes, pois é uma arma curta, fácil de esconder e ao mesmo tempo fácil de manusear. Seu punho é feito de aço, mas uma camada de couro escuro cobre o aço para que o usuário possa segurá-la firmemente. Na parte inferior da lâmina, próxima ao cabo, há entalhado as siglas do Acampamento "CHB"; uma propriedade que só os meio-sangues e criaturas místicas podem ter e usar (ajuda um pouco na destreza)] {Bronze, aço e couro} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: Administração; item inscrição padrão do fórum] - Arma a ser modificada.

♦ Gládio de bronze sagrado [Semelhante a espada curta, porém esta tem a lâmina mais larga na base e maior no comprimento, medindo cerca de 80cm. Devido ao pouco peso, é empunhada com uma única mão, deixando a outra livre para utilizar escudos ou outros itens. O cabo é de madeira simples.][Bronze sagrado e madeira][Sem nível mínimo, sem elementos] - Arma a ser modificada.

♦ Faca de arremesso de bronze sagrado [leves e extremamente afiadas, são balanceadas para serem atiradas contra os oponentes, possuindo pontas com alto poder perfurante, porém com pouco corte no gume por esse motivo. São pequenas, possuindo apenas 20 centímetros, sem qualquer empunhadura, feitas apenas com metal][Kit com 10][Bronze sagrado, sem elemento, sem nível mínimo] - Arma a ser modificada


{Rock} / Broquel [Broquel circular feito de bronze e medindo trinta centímetros de diâmetro. Feito para ser fixado no antebraço e não interferir no uso de outra lâmina, permitindo a seu usuário usar até duas armas sem perder a movimentação. É mais leve que um broquel normal, para que sua função possa ser cumprida perfeitamente, porém devido a isso, também é menos resistente.] {Bronze} (Nível Mínimo: 4) {Não controla nenhum Elemento}
Armas com as modificações:
♦ Faca - A faca deve ter agora uma lâmina um pouco curva, parecendo até mesmo uma adaga. Mas a lâmina vai ter uma parte pontilhada, servida para serrar. Ainda assim, isso torna a arma mais eficaz já que agora é possível causar mais dano com a mesma.

♦ Gládio de bronze sagrado  - O gládio vai sumir, assim como o Broquel. O metal obtido desses dois itens será usado para fazer uma lança, com cerca de dois metros. A lança vai possuir vários anéis giratórios e cada um servirá para um papel, o primeiro será para fazer com que apareça a ponta da lança na extremidade da esquerda e logo abaixo desse o outro anel giratório irá fazer aparecer uma outra ponta, na extremidade direita. O terceiro anel faz com que ambas as lâminas cresçam, sendo que inicialmente teriam 15cm, quando o anel for girado irá para 30 cm.
As pantos têm veneno, que bem, eu não sei o nome, mas seria um veneno bem mortal, que cerca de 3 turnos a pessoa já esteja paralisada ou perdido mais da metade do HP. O último anel, sendo o 4 faz com que a lança se divida no meio, se tornando agora "duas" lanças, cada uma com um metro. No final, a lança se transforma em um anel com alguma joia negra no mesmo que ao ser apertada faz com que volte a ser uma lança.

♦ Faca de arremesso de bronze sagrado - As facas de arremesso ficarão mais leves, agora elas também possuirão um veneno paralisante. Além disso, seria bom que elas ficassem um pouco maior, com 40cm, mas ainda assim bem balanceadas e fácies de usar.
Linda Observação:
Eu queria pedir também mais uma arma, só que essa para você fazer. Mas como acho que essas modificações vai todo o meu dinheiro, deixo para ver se irei querer ela depois do seu post. Então ver se faz desconto, migs <3



Ethan Miyazaki
avatar
Mênades
Mensagens :
172

Localização :
Long Island

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Josh Siege Kriskahn Kimoy em Qui 20 Ago 2015, 20:53



The Thunder
Josh Siege Kriskahn Kimoy



   
   
   
||  ||  ||


Josh pouso na frente das forjas do acampamento, o filho de Zeus tinha gostado muito dos trabalhos já feitos por um dos filho de Hefesto. Ele então entrou no estabelecimento de Harry, onde viu o garoto parado na bancada.

— Eai cara, tenho uma coisa que quero que faça. — disse o garoto dando um papel para o colega, o filho de Zeus já tinha toda uma junção de afazeres para melhorar o item que iria ser forjado.

Forjas:

— {New Aegis} / Escudo [Escudo circular feito de uma liga especial entre Mitral e Adamante, conseguindo assim os atributos mágicos dos dois metais: resistência extrema e leveza - esta aumentada ainda mais pelas técnicas aplicadas pelo ferreiro, de modo que não prejudica em nada o movimento do portador. Pode ser utilizado em ataques, causando dano contusivo alto nesse caso graças aos metais citados, tendo seu centro de peso deslocado para causar dano. Possui cinquenta centímetros de diâmetro e uma curvatura levemente acentuada, tornando o item fácil de ser usado. Forrado internamente com tecidos para não machucar o usuário, o item é preso ao braço deste, de modo que não precisa ser segurado(e consequentemente não atrapalha no manuseio de outras armas). O escudo foi criado para ser quase indestrutível, não podendo ser danificado por meios ou habilidades comuns. Apenas ataques mitológicos e métodos específicos podem fazê-lo. Quando em repouso, o item se transforma em um relógio feito da mesma liga metálica, adquirindo um brilho belíssimo sob a luz do sol. Em alto relevo, possui a cabeça da medusa entalhada, em uma expressão que visa intimidar qualquer oponente que a ver, como o escudo original de Zeus. A essência do Raio foi usada em sua criação, fazendo com que o escudo libere descargas elétricas potentes em qualquer objeto ou pessoa que o tocar, externamente. Após três ataques, necessita do período de um turno para que o efeito possa ser utilizado novamente.] {Adamante e Mitral} (Nível Minímo: 70) {Controle sobre a Eletricidade} [Forjado por Harry S. Sieghart]


--------

Copyright Little Wonka © All rights reserved
Josh Siege Kriskahn Kimoy
avatar
Mentalistas de Psiquê
Mensagens :
1751

Localização :
no ♥ da lavs

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Harry S. Sieghart em Ter 25 Ago 2015, 14:21









Challenge


O filho de Hefesto girou as duas pistolas em suas mãos, visivelmente empolgado. Desde o dia em que fizera as armas da monitora de Selene desejava evoluir as suas próprias bestas, e sabia exatamente como iria fazer isso. Só lhe faltava o tempo para concluir o trabalho, e incrivelmente não havia nenhuma encomenda para aquele dia, permitindo que o jovem finalmente pudesse começar os seus projetos.Comprara Ebony e Ivory em uma loja do acampamento, já planejando fazer algo com elas, mas até aquele dia nunca havia decidido com clareza o quê.

Temendo ser interrompido, Harry fechou as portas da forja, ativando a mensagem holográfica 'Fechado para Almoço' e então adentrou a área de trabalho, colocando as armas sobre uma mesa enquanto buscava as ferramentas necessárias, e então sentou-se, iniciando o trabalho. Começou desmontando as duas pistolas completamente, visto que várias peças seriam descartadas com as modificações feitas. A primeira delas foi o tambor criado para guardar os virotes. A arma não mais necessitaria de munição para disparar, portanto um compartimento só seria peso extra. Retirou também os sistemas de recuo e compensadores, que haviam sido colocados apenas por estética, pelo que o garoto podia notar com suas habilidades em forjas. Analisando o trabalho, podia perceber a qualidade deste, um item que só poderia ter sido feito pelo seu mestre, Hiccup.

Tendo terminado de remover todas as peças inúteis, remontou a pistola e começou a modificar alguns detalhes em seu design, como os nomes na arma e os retratos, que foram refeitos de acordo com o gosto do ferreiro. Só então era a hora de começar a trabalhar de verdade. Caminhando até o seu armário, o jovem selecionou dois frascos contendo a mais pura essência da magia, adquirida com grande esforço. Respirando fundo, destampou ambos os recipientes e despejou o seu conteúdo de uma só vez nas pistolas, que começaram a brilhar em um tom de roxo mágico por alguns instantes antes de se estabilizarem novamente. Quase concluindo o projeto, o mentalista só precisaria de mais uma coisa para ter as armas definitivas: seu sangue. Já ouvira falar de ligações feitas entre armas e itens utilizando o sangue do portador como elo, então resolvera testar isso.

Utilizando de uma lâmina extremamente afiada, Harry cortou a palma da mão e deixou o líquido escarlate escorrer do seu corpo para as duas pistolas, banhando-as completamente. Imediatamente começou a se sentir mais fraco, como se toda a sua alma estivesse sendo sugada, e teve de se apoiar na mesa para não cair. Ainda assim, sentia as pernas frouxas enquanto cada gota do sangue era sugada para dentro das armas. Talvez o sinal de que houvesse dado certo, ou talvez algo ruim fosse acontecer, mas o jovem não saberia dizer.

Quase desmaiando, o semideus enfaixou a sua mão e deitou-se no chão da forja, dormindo praticamente até o outro dia.

...



Com a reabertura da forja, novos clientes chegavam para encomendar itens, inclusive Josh, o filho de Zeus mais forte que o mentalista conhecia. Era realmente bom poder trabalhar para semideuses como ele, pois dava bastante popularidade para a forja, consequentemente trazendo mais dinheiro ao garoto. Assim, tratou de pegar o projeto das mãos do rapaz, analisando-o completamente, enquanto desenhava-o em uma nova folha e anotava cada uma das suas especificações. Não seria difícil de fazer, na verdade, mas os materiais eram caros e difíceis de serem obtidos, refletindo no preço dado.

- Duzentos e vinte e cinco dracmas, Josh.

Harry S. Sieghart:

Acréscimos

☯ {Ebony] / Besta de Repetição [Baseada na arma de mesmo nome da linha Devil May Cry, a pistola foi reproduzida no modelo M1911.45. Feita de prata enegrecida manualmente, e o cabo é feito de ébano, de modo que a pistola é inteiramente negra. Sua guarda é uma espécie de gancho, apresentando o retrato de uma mulher vitoriana, e no lado direito da arma está gravado “Ebony & Ivory”. Não possui espaço para munição, visto que não atira nenhum tipo de projétil físico. A arma é leve, podendo ser facilmente escondida graças ao seu tamanho e peso. Possuindo o controle sobre o Éter, a pistola possui a habilidade de disparar rajadas de energia mágica de cor negra. Estas saem da arma e se alargam logo em seguida, ficando com dois metros de circunferência. Cada rajada chega a uma distância máxima de trinta metros, atacando tudo em seu caminho e causando dano mágico(RM se aplica) até encontrar-se com uma barreira ou algo do tipo. Cada disparo só pode ser realizado uma vez a cada dois turnos, de modo que existe o tempo de recarga de um turno entre cada tiro. Uma vez por missão, a arma possui um ataque secundário, este gastando energia do próprio usuário(50 MP). Ativado com o comando “Metralleta”, a arma faz com que a energia se divida em dez disparos menores e foquem no(s) oponente(s), seguindo-os até acertá-los ou encontrar com uma barreira. Após o ataque, a arma não pode ser utilizada por três turnos. A prata foi banhada com o sangue do próprio ferreiro, criando assim um vínculo com este. Não pode ser utilizada por ninguém a não ser Harry(ou seja, não pode ser negociada), sendo ligada à alma do dono. O elo aumenta o dano da arma na mesma proporção de seus ferimentos, ou seja, a cada 1% de HP perdido pelo filho de Hefesto, 1% de dano é acrescentado ao ataque. Curar-se reduz o dano. A arma é semi-indestrutível, só podendo ser danificada por meios específicos ou ataques mitológicos.] {Prata Sangrenta, Tintura, Ébano} (35) {Não controla nenhum elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart =]

☯ {Ivory] / Besta de Repetição [Baseada na arma de mesmo nome da linha Devil May Cry, a pistola foi reproduzida no modelo M1911.45. Feita de prata, e o cabo é feito de marfim, de modo que a pistola é inteiramente branca. Sua guarda é uma espécie de gancho, apresentando o retrato de uma mulher vitoriana, e no lado esquerdo da arma está gravado “Ebony & Ivory”. Não possui espaço para munição, visto que não atira nenhum tipo de projétil físico. A arma é leve, podendo ser facilmente escondida graças ao seu tamanho e peso. Possuindo o controle sobre o Éter, a pistola possui a capacidade de atirar rajadas de energia mágica de cor branca. Estas são pequenas, com o tamanho aproximado de uma flecha, e causam dano por perfuração aproximado de uma bala de arma de fogo. Cada disparo chega a uma distância máxima de cinquenta metros, e podem ser realizados até cinco disparos consecutivos por turno, sem tempo de recarga entre os turnos. Uma vez por missão, a arma possui um ataque secundário, este gastando a energia do próprio usuário(50 MP). Ativado com o comando “Explosion”, a arma faz com que cada disparo cause mini-explosões após penetrar o corpo do inimigo, aumentando o dano sobre órgãos internos. Após o ataque, a arma não pode ser utilizada por três turnos. A prata foi banhada com o sangue do próprio ferreiro, criando assim um vínculo com este. Não pode ser utilizada por ninguém a não ser Harry(ou seja, não pode ser negociada), sendo ligada à alma do dono. O elo aumenta o dano da arma na mesma proporção de seus ferimentos, ou seja, a cada 1% de HP perdido pelo filho de Hefesto, 1% de dano é acrescentado ao ataque. Curar-se reduz o dano. A arma é semi-indestrutível, só podendo ser danificada por meios específicos ou ataques mitológicos.] {Prata, Marfim} (35) {Não controla nenhum elemento} [Forjado por Harry S. Sieghart]

Retiradas

☯ {Ebony] / Besta de Repetição [Pistola no estilo M1911.45 ACP round, semi-automática, modificada para se tornar uma besta de repetição. Porém, suas modificações vão muito além. Ebony é feita de prata negra, e foi adaptada para disparar a uma longa distância com conforto. Usa um compartimento duplo adaptado para os virotes. Possui compensadores, apenas por estética, que tecnicamente controlam a arma durante o fogo rápido e reduzem o recuo. Os tambores se estendem através dos compensadores para portar mais virotes. Possui o “punho” de madeira, também negra como o próprio ébano, com retrato de uma mulher vitoriana. Apresenta um gancho como guarda, podendo ser usado com as duas mãos. No lado direito da arma, está gravado, em uma escrita cursiva, as palavras “Ebony & Ivory”. {Prata, Madeira} (20) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ ]

☯ {Ivory] / Besta de Repetição [Pistola no estilo M1911.45 ACP round, semi-automática, modificada para se tornar uma besta de repetição. Porém, suas modificações vão muito além. Ebony é feita de prata, e foi adaptada para disparar e sacar rapidamente. Usa um compartimento duplo adaptado para os virotes. Possui compensadores, apenas por estética, que tecnicamente controlam a arma durante o fogo rápido e reduzem o recuo. Os tambores se estendem através dos compensadores para portar mais virotes. Possui o “punho” de madeira, também branca como o próprio marfim, com retrato de uma mulher vitoriana. Apresenta uma guarda tradicional. No lado esquerdo da arma, está gravado, em uma escrita cursiva, as palavras “Ebony & Ivory”. {Prata, Madeira} (20) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ ]

2x Éter

Ficha: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u3860rpg
Poderes e Itens:

Poderes Passivos

◉ Nível 30. Controle da probabilidade: capacidade de alterar a probabilidade, causando acontecimentos estranhos ou impedindo acontecimentos normais. Isto inclui aumentar a sorte ou azar de alguém.

Poderes Ativos

Nível 26
Magnetocinese avançada: Controle total sobre os metais, podendo deformá-los a vontade e levitá-los com grande facilidade. Lembrando que qualquer que seja seu nível, a partir de seu ponto só será possível levitar o dobro de sua massa corporal.

Harry S. Sieghart
avatar
Filhos de Hefesto
Mensagens :
261

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Josh Siege Kriskahn Kimoy em Ter 25 Ago 2015, 14:26



The Thunder
Josh Siege Kriskahn Kimoy



   
   
   
||  ||  ||


Josh tirou um pequeno saco do bolso e tirou as dracmas pedidas, entregando-as ao rapaz. — Uhm, acho que vamos começar a nos encontrar mais, adotei Psiquê como seguidora também. — disse o garoto caminhando até uma poltrona, uma vez que esperaria a forja ficar pronta.



Forjas:

— {New Aegis} / Escudo [Escudo circular feito de uma liga especial entre Mitral e Adamante, conseguindo assim os atributos mágicos dos dois metais: resistência extrema e leveza - esta aumentada ainda mais pelas técnicas aplicadas pelo ferreiro, de modo que não prejudica em nada o movimento do portador. Pode ser utilizado em ataques, causando dano contusivo alto nesse caso graças aos metais citados, tendo seu centro de peso deslocado para causar dano. Possui cinquenta centímetros de diâmetro e uma curvatura levemente acentuada, tornando o item fácil de ser usado. Forrado internamente com tecidos para não machucar o usuário, o item é preso ao braço deste, de modo que não precisa ser segurado(e consequentemente não atrapalha no manuseio de outras armas). O escudo foi criado para ser quase indestrutível, não podendo ser danificado por meios ou habilidades comuns. Apenas ataques mitológicos e métodos específicos podem fazê-lo. Quando em repouso, o item se transforma em um relógio feito da mesma liga metálica, adquirindo um brilho belíssimo sob a luz do sol. Em alto relevo, possui a cabeça da medusa entalhada, em uma expressão que visa intimidar qualquer oponente que a ver, como o escudo original de Zeus. A essência do Raio foi usada em sua criação, fazendo com que o escudo libere descargas elétricas potentes em qualquer objeto ou pessoa que o tocar, externamente. Após três ataques, necessita do período de um turno para que o efeito possa ser utilizado novamente.] {Adamante e Mitral} (Nível Minímo: 70) {Controle sobre a Eletricidade} [Forjado por Harry S. Sieghart]


--------

Copyright Little Wonka © All rights reserved
Josh Siege Kriskahn Kimoy
avatar
Mentalistas de Psiquê
Mensagens :
1751

Localização :
no ♥ da lavs

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon’s Flame

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 8 de 9 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum