Percy Jackson e os Olimpianos RPG BR
Bem vindo ao maior fórum de RPG de Percy Jackson do Brasil.

Já possui conta? Faça o LOGIN.
Não possui ainda? Registre-se e experimente a vida de meio-sangue.

¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Página 5 de 9 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Lina Oakwood em Qui 23 Maio 2013, 04:09

Relembrando a primeira mensagem :



Dragon Dovahkiin




Apresentação


A forja se localizava entre duas outras maiores que ela. A porta pequena era feita de ferro e tinha um olho mágico para quando o dono a fechasse para dar início as suas experiências de forjador, ele ainda pudesse receber certos clientes que conhecia profundamente. No momento em que você está por perto, ela está aberta, convidando-o a entrar no recinto. Depois de passar pela porta, você se depara com algo parecido com um pub irlandês: duas mesas recostadas em um canto e o balcão, onde a diferença entre um pub e a forja é revelada, pois atrás deste fica um espaço aberto com um forno no meio. Dá para ver-se, recostadas nas paredes, armas de todos os tipos, que normalmente são usadas para exemplificar como seria a requisição do cliente.

Em cima do balcão, pregado com fita transparente, está um tipo de bilhete, dando as boas vindas ao cliente e mostrando a tabela de preços.

"Bem-vindos à Forja Dragon Dovahkiin (Ou simplesmente D.D.)! Toque a campainha para chamar o forjador mestre, ou um de seus ajudantes. Mas antes, veja nossa lista de preços fixos, para que você tenha uma ideia de qual será o custo inicial de seu pedido. (Preços baseados em armas feitas com Ferro Comum e Madeira, sem adição de qualquer atributo, adorno e etc.)

Espadas: 35 dracmas
Machados: 50 dracmas
Sabres: 35 dracmas
Foices: 65 dracmas
Martelos: 45 dracmas
Escudos: 40 dracmas
Leques: 30 dracmas
Arcos: 40 dracmas"

E assim é apresentada a forja para os clientes.

**

Regras da Forja:

1- A forja não é um lugar off, portanto poste sua entrada, mas deve parar sua narração quando me explicar em on o que deseja. Irei fazer a interação com você para que diga se aceita ou não o preço ofertado. Quando postar sua segunda narração aceitando o preço, aí sim é que irei fazer sua arma.

2- Na primeira narração, coloque no final do post a ficha disponibilizada no final deste primeiro post, a preenchendo corretamente com o que deseja. É ela que vai me ajudar com os cálculos do preço final.

3- Por favor, façam em seus posts um mínimo de cinco linhas, para que não ocasione problemas de flood.

4- Procurem sempre olhar minha ficha meio-sangue para verificar meu nível, já que não poderei fazer certas coisas que forem de níveis acima que o meu.

Ficha de requisição:

Código:
[spoiler][b]Objeto:[/b]
[b]Nome do objeto:[/b]
[b]Materiais a serem utilizados:[/b]
[b]Dimensões do objeto:[/b]
[b]Descrição simplista do objeto:[/b]
[b]Observações:[/b][/spoiler]

Ou use a descrição do fórum para os objetos:

Código:
[spoiler]♦ {Nome} / O que é [ Explicação, e uma descrição BEM CLARA de TODAS as funcionalidades, capacidades e aparência da arma, quer ela ajude em atributos ou não (aumente destreza, força, velocidade, enfim ~ não acho necessário que o fórum deixe contabilizado esses atributos, é algo que o narrador precisa considerar e aceitar)] {Materiais utilizados (materiais de forja, se é uma espada feita de aço, ouro, enfim] (Nível Mínimo) {Elemento, se controla algum} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ ][/spoiler]
Copyright © 2012 McT all rights reserved.
Lina Oakwood
Indefinido
Mensagens :
659

Localização :
Para me encontrar, você precisa trazer ouro imperial. Ai, terás de descer até o fundo do mar e procurar um gigante que me conheça. Depois, suba novamente a terra e siga as direções desse Gigante. Talvez você me encontre, talvez não.

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Tisbe em Seg 14 Out 2013, 19:09

FORJA
Jamais havia entrado no local onde ficava as forjas,lá era sempre repleta de filhos de Hefesto, e diversos outros semideuses. Era um local, pouco agradável, pois lá se fazia todo tipo de arma,mas eu sabia que era necessário, eu precisava de uma espada única e bem feita.
Caminhei alguns metros até uma grande forja, na verdade eram duas grande, mas no meio delas,havia uma outra escrito algo na porta que não consegui identificar pois não estava ligando muito, só podia ser aquele lugar,pois só ali as informações batiam com que havia me recomendando.  
A enorme porta de ferro se estendia até o teto no local e não havia nada alem dela e de um olho-nu. Fui até ela e empurrei com um pouco de força, eu não sabia bem o que esperar,mas era algo que realmente não tinha idade. O local era nem um pouco aconchegante, havia diversas armas no local,soltei um gritinho baixo e estremeci,indo em direção ao balcão,não havia ninguém lá,alem de uma campainha e um papel escrito algo de boas vindas. Apertei duas vezes a campainha e esperei alguém vir. Olhei ao redor,tentando examinar todos os tipos de armas que tinha ali e também fui moldando o que queria em minha mente. Peguei uma pena de urubu e um pouco de tinta,tirei um pedaço de pano de minha flanela e fiz um rabisco rápido do que eu estava querendo.


Spoiler:
♦ {Physis} / Espada [ Espada com lâmina curva (como uma espada cimitarra) .Uma espada de 90 centímetros,com a lamina bastante afiada e feita de prata. Seu cabo feito de bronze,com o formato detalhado de um U,bastante confortável e com alguns detalhes de flores e a palavra 'Physis' escrita nela. Fácil de ser manipulada. Batizada com uma grande quantidade de ácido que tocando-a em algum lugar,pode ser capaz de derreter. Transforma-se em um anel de caveira quando não usada.] {Materiais utilizados (Prata,Bronze)} (Nível Mínimo=1) {Não controla nenhum elemento.} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ ]
Obs:
Eu não sabia muito bem como especificar os detalhes,então está ai,uma foto c:

Hiccup || Tarde || forjas


 
 
 
clumsy @ sa!

Tisbe
avatar
Dríades
Mensagens :
294

Localização :
Floresta - Bosque - Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Christopher Mason em Ter 15 Out 2013, 22:39


Um pedido especial

Fazia tempo que Mason não adentrava o local das forjas, com motivo. A maioria delas estavam inativas, quase que abandonadas. Porém, ele soube de uma nova forja que estava fazendo sucesso e era a mais visitada pelos campistas, então, pensou em ir até a mesma.

Quando chegou no local, não olhou muita coisa, não se interessou. Apenas leu o nome e soube que estava no lugar certo. Dragon Dovahkiin, esse era o nome da forja. Não conhecia o filho de Hefesto responsável por ela, mas com certeza era experiente, de acordo com o que os outros campistas falavam, pelo menos. Ele adentrou o lugar, indo até onde haviam alguns campistas sendo atendidos. Esperou por sua vez, e quando ela chegou, fez o simples pedido.

Olá... Hiccup, não é? Eu vim fazer uma encomenda. Simples, na verdade.

Pedido:

{Pink mirror} / Espelho [Um espelho rosa normal, com detalhes de uma pomba em cada canto inferior e superior. Atrás do mesmo há a sigla "C.P" prateada no meio. Logo abaixo em letras miúdas, mas nem tanto, há a seguinte frase "Presente do Mason pra você, sua gata".] {Vidro, madeira} {Nível mínimo:1) [Presente de aniversário de Christopher Mason]

Obs:

Adicionar a conta de Cassidy J. Parker, presente de aniversário.
Obs: não olhei quanto eu tenho de dracmas, então, caso não seja muito, ajuda aí no preço e tals. herp derp
Christopher Mason
avatar
Filhos de Ares
Mensagens :
1120

Localização :
Nômade

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Faye C. Perón em Sab 19 Out 2013, 19:30



Forjas
Guns n' Roses

A ideia martelava na mente de Sweet por dias. Talvez pudesse dar certo, talvez não. A garota hesitou, planejou e até mesmo arranjou um esboço do que almejava. Faltava-lhe apenas um último passo: falar com um forjador. Então, assim que a semideusa encontrara um tempo livre em suas tarefas rotineiras do acampamento, seguiu para uma área que nunca havia explorado muito antes, as forjas. Já tinha ouvido falar que outrora houvera muitos mais filhos de Hefesto trabalhando nas forjas, mas que agora poucos se mantinham neste ramo.

A garota parou de frente para uma forja peculiar, a que mais havia gostado da aparência apesar de não ser a maior, seu nome era Dragon Dovahkiin. O lugar lembrava um ambiente mais europeu e isso de fato cativava. Sweet aproximou-se de um bilhete, olhou as recomendações e tocou o sino para chamar o forjador. Aproveitou o tempo para retirar do bolso de sua calça o papel onde havia o projeto que tinha em mente. Assim que o garoto apareceu sorriu facilmente e com simpatia.

-Oi! – o cumprimentou e depositou o desenho por sobre o balcão – Eu queria fazer um pedido, mas não sei muito bem como formulá-lo. Eu quero essa arma, apesar da aparência de arma de fogo pretendo que ela seja uma espécie de besta da repetição. O que vai incluir também dardos. Você pode me ajudar? Ah, perdão, nem me apresentei – Sweet sorriu um pouco nervosa por ter esquecido as boas maneiras antes de ir pedindo as coisas – Sou Sweet Rowell, filha de Héstia.

Spoiler:
Objeto:Imagem Representativa
Nome do objeto: Mercy and Evil
Materiais a serem utilizados: A escolha do forjador
Dimensões do objeto: Tamanho de uma pistola semiautomática
Descrição simplista do objeto: Duas pistolas que na verdade são bestas da repetição, atirando dardos ao invés de balas.
Observações: Os dardos devem ser um para matar monstros e outro para ferir humanos.
Faye C. Perón
avatar
Filhos de Héstia
Mensagens :
50

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Ted F. Hunter em Ter 22 Out 2013, 17:59

_
____________________________________________________________________________
Forja 

Ted F. Hunter

Eu percebi que precisava de um escudo, fui para as forjas Dragon Dovahkiin, era a mais recomendada de todo acampamento. Entrei no pequeno estabelecimento e esperei o filho de Hefesto, Hic, eu coloquei o projeto que desenhei no balção.
Projeto [Aceito sugestões ou modificações]:
♦ {Lunarem} / Escudo Pequeno [ Escudo de prata lunar muito bonito, no seu centro tem uma bela lua minguante que brilha durante a noite, o escudo disponibiliza que o usuário empunhe uma arma não muito grande, o escudo é uma corrente de prata lunar, quando o pequeno pigente em formato de lua é apertado libera o grande escudo] {Prata Lunar] (Nível 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ ]
Ted F. Hunter
avatar
Filhos de Selene
Mensagens :
47

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Lina Oakwood em Ter 22 Out 2013, 22:00


Dragon Dovahkiin
Everything is possible




Negociando preços.
Preço justo pela arma justa

Era estranho quando recebia mais de dois pedidos por vez. Quatro era bem mais esquisito. Parecia que a propaganda pelo acampamento estava surtindo efeito. Fui atender os novos clientes que chegaram na forja. A primeira era uma dríade bem conhecida no acampamento. Se eu não me engano, seu nome era Bonsai, e ela pedia uma espada bem específica.

- Se conseguir arranjar o ácido, que infelizmente eu não tenho aqui na forja, posso fazer por 40 dracmas.

Depois, veio um mênade, que pediu um espelho. Nunca tinha feito um na vida, mas estava confiante de que iria dar certo. Presumi que fosse presente, já que não é costume dos homens usar aquele tipo de acessório.

- 70 dracmas, sir.

Uma filha de Héstia, Sweet - primeira cliente que se apresentou para mim -, pediu duas bestas de repetição com formato de armas. Era fácil fazê-las agora que já tinha experiência nisso, então eu consegui diminuir o custo daquele processo.

- 200 dracmas, Sweet. E ah... Sou Hiccup.

E por último veio um garoto. Pela descrição do pedido, percebi que era um filho de Selene. Depois de passar algum tempo calado, virei-me para o semideus e falei:

- Faço por 40 dracmas.

Ps: Farei as coisas quando confirmarem os pedidos. Protocolo do fórum.
Lina Oakwood
Indefinido
Mensagens :
659

Localização :
Para me encontrar, você precisa trazer ouro imperial. Ai, terás de descer até o fundo do mar e procurar um gigante que me conheça. Depois, suba novamente a terra e siga as direções desse Gigante. Talvez você me encontre, talvez não.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Ted F. Hunter em Ter 22 Out 2013, 22:24


Forja


 Olhei para Hic enquanto ele atendia os outros clientes, ele me disse "- Faço por 40 dracmas", eu olhei para alguns projetos que estavam na parede, eram ótimos acho que meu escudo também seria e o preço estava perfeito, resolvi aceitar.
- Aceito, virei buscar quando estiver pronta.
thanks mseller @


Ted F. Hunter
avatar
Filhos de Selene
Mensagens :
47

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Faye C. Perón em Qui 24 Out 2013, 21:48



Forjas
Guns n' Roses


Sweet não pode evitar uma careta ao ouvir aquele preço. 200 dracmas eram um pouco menos do que toda a economia que ela tinha. Mordeu o lábio inferior um tanto hesitante, aquelas armas valeriam a pena? Mas logo ela bufou consigo mesma, levantou as mãos em um gesto de “desisto” e pegou um saquinho com moedas, retirando apenas o que seria o seu “troco”.

-Pode fazer Hicc! – ela exclamou com a convicção de uma pessoa consumistaFaça com muito amor e carinho ta? Putz, eu estou parecendo uma filha de Afrodite – ela riu divertida com a própria fala e acenou rapidamente para o garoto – Você parece que vai ficar um pouco ocupado e eu odeio a ideia de que estou atrapalhar, então eu vou e volto quando a arma estiver pronta. Bom trabalho Hicc!

Ela piscou para o garoto, deu seu melhor sorriso e saiu daquela forja com um sentimento paradoxo de ter a felicidade de que iria conseguir um bom item ao mesmo tempo em que constatava que agora era uma garota paupérrima.
Faye C. Perón
avatar
Filhos de Héstia
Mensagens :
50

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Tisbe em Sex 25 Out 2013, 14:10

FORJA
Logo depois de alguns minutos entraram outras pessoas, cumprimentei com a cabeça e então o dono da forja, Hiccup se apresentou, falou que não tinha o veneno e eu também não sabia aonde conseguir, pensei por alguns minutos e então concordei com a cabeça.

-Está otimo, muito obrigado. Faça um bom trabalho pois eu tenho certeza de que é o melhor.

Viro-me e pego uma bolsinha lateral que havia alguns dracmas e coloco encima do balcão, com um sorriso e não sabia o que fazer,se ficava ali ou saia. Respirei fundo.

- Vou dar uma olhada,eu saiu mas depois eu volto. - Caminhei ao redor das salas,observando cada detalhe de cada arma que havia ali e depois de alguns minutos,sai do local empurrando a porta que era um pouco pesada.

Hiccup || Tarde || forjas


 
 
 
clumsy @ sa!

Tisbe
avatar
Dríades
Mensagens :
294

Localização :
Floresta - Bosque - Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Christopher Mason em Seg 28 Out 2013, 02:02


Um pedido especial

Ao ouvir a oferta da cria de Hefesto, aceitara sem pensar mais de uma vez.

Tudo bem. — ele disse, retirando dos bolsos a quantia sugerida por Hiccup, deixando-os no balcão.

Pedido:

{Pink mirror} / Espelho [Um espelho rosa normal, com detalhes de uma pomba em cada canto inferior e superior. Atrás do mesmo há a sigla "C.P" prateada no meio. Logo abaixo em letras miúdas, mas nem tanto, há a seguinte frase "Presente do Mason pra você, sua gata".] {Vidro, madeira} {Nível mínimo:1) [Presente de aniversário de Christopher Mason]

Obs:

Adicionar a conta de Cassidy J. Parker, presente de aniversário.
Obs: não olhei quanto eu tenho de dracmas, então, caso não seja muito, ajuda aí no preço e tals. herp derp
Christopher Mason
avatar
Filhos de Ares
Mensagens :
1120

Localização :
Nômade

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Lina Oakwood em Sex 01 Nov 2013, 14:02

Recebendo a confirmação dos pedidos, esperei um tempo para poder fazê-los, afinal tinha de anoitecer. Coloquei meus equipamentos de proteção e me encaminhei para o interior da forja. Primeiramente, comecei com o mais fácil: o escudo. Para isso, tive de forçar uma ligação metálica entre a prata lunar e o magnésio, para fazer com que o equipamento ficasse mais rígido. Então, coloquei as duas chapas no forno e, à medida que derretiam, usei meus poderes sobre o metal para forçar a ligação acontecer. Terminando esse processo, retirei a chapa e a resfriei, firmando a liga entre os metais. Coloquei novamente a chapa na fornalha, juntamente com a de bronze sagrado, necessária para fazer a arma da dríade.

Esperei um longo tempo para que a chapa da liga estivesse pronta para a forja. Depois de esquentar na temperatura adequada pelo tempo necessário, a retirei e abri uma parte do teto da forja, justamente para poder a luz da lua naquela noite poder entrar no local. Comecei a moldar o escudo, fazendo com que ele ficasse aberto e ovalado. Comecei a fazer os adornos, utilizando de meu domínio com os metais para entortar a chapa de uma forma que formasse bordas em estilo rococó. Pegando as ferramentas de talha, fiz o desenho comum dos escudos e talhei uma lua como decoração.  

Terminando isso, moldei o "punho" do broquel e, depois de resfriá-lo, revesti-o com couro, para que fosse mais confortável segurá-lo. Comecei um lento processo de reduzi-lo a um pequeno pingente, orando a Hefesto para que isso fosse possível.

"Senhor das forjas e dos ferreiros, ouça minha prece. Dê-me o dom para poder transformar um simples escudo em um pingente de lua. Faça com que estas mãos, calejadas mãos, possam fazer algo digno de tua presença. Algo que possa te ajudar e te servir com louvor. Faça com que esse pequeno escudo possa ser transformado simultaneamente em um pingente de lua."

Repetindo diversas e diversas vezes a oração, consegui transformar o equipamento de proteção no acessório desejado. Ao testá-lo, vi que conseguira a função desejada. Lixei-o, de modo a corrigir quaisquer imperfeições que tenham ocorrido no processo e o coloquei no balcão, já pronto para que o dono viesse pegar.

Agora, passei para a espada. Para isso, coloquei uma chapa de prata comum juntamente da chapa de bronze sagrado que estava no forno. Esperei por algum tempo para que a de prata terminasse de conseguir a temperatura ideal para poder retirá-la do forno. Conseguindo isso, a retirei e a moldei na forma do punho desejado - aquele em formato de u, parecido com algumas espadas de cavaleiros medievais -, batendo nos lados para achatá-la e diminui-la e depois resfriei. Cortei os excessos com uma máquina especial e reservei.

Depois, retirei a chapa de bronze sagrado do forno e comecei a moldar a lâmina, fazendo uma leve curva nela e afiando-a o máximo que conseguia. Era um trabalho deveras lento e, por vezes, cheio de imperfeições. Pelo menos, as últimas seriam corrigidas com uma boa lixada. Terminando aquele processo, resfriei a lâmina e a soldei com o punho, unindo as duas com o velho maçarico, que me servia bem, mesmo estando meio desgastado.

"Preciso comprar outro.", pensei.

Terminado isso, talhei desenhos de flores no punho, do modo que a cliente queria e coloquei bolinhas de prata incrustadas como decoração. Seria um algo a mais para aquela espada simples que, se eu tivesse o ácido, seria mais complexa do que aquilo. Novamente, recorri ao meu pai para poder reduzir a espada a um anel de caveira, como solicitado. Aquele era meu ganha-pão e eu não me importava de ter que me humilhar várias vezes para poder conseguir meu intuito.

"Senhor meu pai, deus das forjas e dos ferreiros, venho por meio dessa prece pedir para que o senhor abençoe minhas mãos de ferreiro. Faça com que elas possam concluir o que me fora pedido pelo espírito da natureza. Perdoe-me por o incomodar mais uma vez, pedindo mais um favor, mas é que este é meu trabalho e eu preciso de tua ajuda para que seja bem feito."

Novamente, repeti a oração diversas vezes, forjando a espada em um anel de caveira. Terminado a prece e a forja, testei a arma e a lixei, já percebendo que ela conseguira funcionar perfeitamente. Para terminar, talhei o nome desejado na lâmina da arma e a coloquei no balcão, pronta para ser buscada pela dríade.

Resolvi ir dormir para fazer os outros dois pedidos de tarde.

**

Era outro dia quando cheguei na forja. Ainda tinha dois pedidos complicados e trabalhosos para fazer. Resolvi começar pelo menos complicado: o espelho. Para isso, vesti meus equipamentos de segurança, peguei a areia e aqueci-a em um equipamento especial. Enquanto ela estava no aquecimento com alguns catalisadores para poder virar vidro, me dirigi ao armazém e peguei uma chapa de prata. Cortei-a no formato e tamanho desejado do espelho e a lixei, de forma que ficasse bem brilhante. Depois, a pintei com uma tintura preta e reservei para que secasse.

Retirei a areia já transformada em vidro do equipamento especial. Moldei-o ainda quente para que ficasse do tamanho da chapa de prata já cortada e pintada e o resfriei quando isso foi feito. Peguei o resto que sobrou da chapa de prata e coloquei no forno, para fazer os adornos e o cabo do espelho de mão. Enquanto aquele material esquentava, eu coloquei o vidro logo em cima da chapa de prata pintada e o colei ali.

Retirei o resto da chapa do forno quando deu o ponto e comecei a moldar a parte de fora do espelho juntamente com o cabo deste. Caprichei nas ondulações e nos desenhos, de forma que aquele acessório ficasse o mais feminino e o mais bonito possível. Depois, resfriei essa parte e encaixei o espelho em si ali. Terminado isso, talhei atrás desse as inscrições pedidas pelo campista e lixei-o para que ficasse brilhante.

Estava terminado o espelho.

Acréscimos:
Hiccup:
150 dracmas

Ted:
♦ {Lunarem} / Broquel [Broquel de prata lunar e magnésio, decorado no centro tem uma bela lua minguante e nas bordas, ondulações no estilo rococó. Como é pequeno, permite que seu usuário empunhe uma arma não muito grande. Quando o dono desejar, ele se transforma em um colar com um pingente de prata com o formato de lua minguante. Caso o pingente seja puxado, ele se transforma novamente no escudo. Ganha 5% a mais de defesa caso seja utilizado sob a luz do luar] {Prata Lunar e Magnésio} (Nível mínimo: 1) {Nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥]

Bonsai:
♦ {Physis} / Espada [ Espada com lâmina levemente curva, como uma cimitarra, de 90 centímetros. Tem a lâmina afiada e feita de bronze sagrado. Seu cabo feito de prata tem o formato detalhado de um U. É bastante confortável. É decorada com alguns detalhes de flores no punho e a palavra 'Physis' escrita na lâmina. Fácil de ser manipulada. Transforma-se em um anel de caveira quando não usada.] {Materiais utilizados: Prata e Bronze Sagrado} (Nível Mínimo:1) {Não controla nenhum elemento.} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥]

Cassidy:
{Pink mirror} / Espelho [Um espelho rosa normal, com detalhes de uma pomba em cada canto inferior e superior e ondulações por toda a borda e pelo cabo. Atrás do mesmo há a sigla "C.P" prateada no meio. Logo abaixo em letras miúdas, mas nem tanto, há a seguinte frase "Presente do Mason pra você, sua gata".] {Vidro e Prata} {Nível mínimo:1) [Presente de aniversário de Christopher Mason]
Retiradas:
Hiccup:
-2 Prata
-1 Prata Lunar
-1 Magnésio
-1 Areia
-1 Bronze Sagrado

Christopher:
-70 dracmas

Bonsai:
-40 dracmas

Ted:
-40 dracmas

Aguardando atualização

Ps: Vai ter Double Post, porque eu resolvi separar a forja das armas da Sweet do resto das forjas, já que ficou meio grande.
Lina Oakwood
Indefinido
Mensagens :
659

Localização :
Para me encontrar, você precisa trazer ouro imperial. Ai, terás de descer até o fundo do mar e procurar um gigante que me conheça. Depois, suba novamente a terra e siga as direções desse Gigante. Talvez você me encontre, talvez não.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Lina Oakwood em Sab 02 Nov 2013, 10:12

As armas da Sweet foram um tanto complicadas de se fazer. Primeiro, coloquei duas chapas de titânio, uma de bronze sagrado, uma de prata comum e duas de ouro solar no forno. Tive de forçar uma ligação metálica entre uma das placas de ouro solar com a de bronze sagrado. Isso também foi feito com a chapa de ouro que sobrou juntamente com a de prata comum. Essas placas de liga iriam formar os dardos que seriam a munição das armas. Depois de ser formada a ligação, tive de retirar as chapas - primeiro a da ligação ouro-prata e depois a de ouro-bronze - e resfriá-las, para firmar o que foi feito. Depois, tive de colocar de novo as chapas no forno para poder ficarem maleáveis o suficiente para serem melhor cortadas como dardos, o que não demorou muito. Retirei-as do forno e coloquei na máquina de corte. Demorou um tempo, mas todos os dardos foram feitos. Organizei-os em cartuchos e reservei.

Nesse meio tempo, as chapas de titânio já estavam prontas para o corte. Retirei a primeira e cortei ao meio com uma máquina especial. Depois, dividi uma das partes cortadas ao meio de novo e coloquei as, agora, pequenas partes dentro de dois moldes de cilindro, voltando-as para o forno. Com a outra parte maior, comecei a moldar a parte de fora da arma e todas as engrenagens que serviriam para o gatilho da arma. Tive de utilizar uma pequena lupa para poder talhar as ranhuras da forma certa, sem espaços a mais ou a menos. Foi algo muito complicado de se fazer, já que era bem detalhista, mas no fim, todas as estruturas estavam perfeitamente moldadas. Resfriei-as, juntamente com os moldes, e, enquanto elas estavam dentro do líquido, retirei a segunda chapa, a cortando da forma descrita anteriormente. Desenformei os cilindros de metal para poder colocar as novas partes pequenas dentro dos moldes e voltei-os ao forno. Todo o processo de entalhamento que fiz para a primeira arma, fiz novamente para a segunda, sendo desnecessário explicar novamente.

Depois de tudo ter sido feito e devidamente resfriado, montei as duas armas e soldei as partes que eram necessárias serem soldadas. Fiz seis soquetes logo abaixo do cano para poder pôr em prática o que estava pensando em fazer. Para isso, tive de pedir ajuda ao meu pai, pedindo para que ele abençoasse minhas mãos, para que eu conseguisse fazer o que tinha em mente. Pedi perdão por estar o incomodando mais uma vez com os meus pedidos e orei diversas vezes, exaltando os feitos dele e pedindo aquela benção. Enquanto fazia isso, eu moldava os cartuchos reservados, tencionando transformá-los em bolinhas de metal. Eu encaixei as bolinhas nos soquetes para fazer o método de recarregamento que tinha em mente. Depois, repeti a oração, agora para poder transformar as armas em dois braceletes. Tive de testar tudo novamente para ver se funcionava e, ao constatar que sim, passei para a parte final da forja. Pintei as armas com as bolinhas nos soquetes de preto e, depois que a tinta secou, lixei-as para que ficassem brilhantes.

Estavam prontas as armas.

Acréscimos:
Hiccup:
200 dracmas

Sweet:
— {Mercy and Evil} / Bestas de Repetição [Duas bestas de repetição no formato das pistolas do jogo de videogame Devil May Cry. Elas são feitas de titânio, por isso têm uma resistência elevada. A coloração é preta. Embaixo dos canos têm bolinhas pretas. Os cabos contém ranhuras para melhor aderência e o design é o mesmo das pistolas do jogo citado. Se transformam em dois braceletes pretos com pingentes da mesma coloração.] {Titânio} (Nível Mínimo: 8) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Dragon Dovahkiin]

— {Dardos} / Dardos contra monstros [Dardos especiais feitos da liga de bronze sagrado com ouro solar. Recebem um bônus de 10% de precisão ao serem utilizadas nas manhãs e tardes ao ar livre. São transformados em três das seis bolinhas pretas que ficam logo embaixo do cano de cada arma e em três dos seis pingentes de cada bracelete - quando as armas viram braceletes. O recarregamento das armas é feito automaticamente e, a medida que os dardos forem gastos, as bolinhas começam a perder sua tonalidade preta, virando brancas.] {Ouro Solar e Bronze sagrado} (Nível Mínimo: 8) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Dragon Dovahkiin]

— {Dardos} / Dardos contra mortais [Dardos especiais feitos da liga de prata comum com ouro solar. Recebem um bônus de 10% de precisão ao serem utilizadas nas manhãs e tardes ao ar livre. São transformados em três das seis bolinhas pretas que ficam logo embaixo do cano de cada arma e em três dos seis pingentes de cada bracelete - quando as armas viram braceletes. O recarregamento das armas é feito automaticamente e, a medida que os dardos forem gastos, as bolinhas começam a perder sua tonalidade preta, virando brancas.] {Prata e Ouro solar} (Nível Mínimo: 8) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Dragon Dovahkiin]
Retiradas:
Hiccup:
-2 Ouro Solar
-2 Titânio (Tem na minha maleta Basic Forge)
-1 Bronze Sagrado
-1 Prata
-1 Tintura

Sweet:
-200 dracmas

Aguardando atualização.
Lina Oakwood
Indefinido
Mensagens :
659

Localização :
Para me encontrar, você precisa trazer ouro imperial. Ai, terás de descer até o fundo do mar e procurar um gigante que me conheça. Depois, suba novamente a terra e siga as direções desse Gigante. Talvez você me encontre, talvez não.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Zeus em Seg 11 Nov 2013, 10:48






Atualização
Atualizado por ♦ Zeus


Todos foram atualizados, exceto Ted que não tem a quantia necessária para realizar a compra.
Zeus
avatar
Deuses
Mensagens :
2065

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Leonard Woodcliff em Dom 24 Nov 2013, 13:41

 

Clima: quente ♦ Estado: confuso ♦ Local: "dragon dovahkiin"


UMA   NOVA   ARMA



      Imagine estar em um sonho infinito, onde você tem que fugir de um perigo diferente, seja de uma dríade enfurecida ou de um deus testando suas habilidades. Agora imagine você preso nesse sonho, que se repete todo dia. Foi basicamente isso que eu vivi nos últimos... seis meses? Sete? Mas, então, eu acordo na floresta do Acampamento cercado por ninfas e sátiros, que apontavam para mim e riam sem parar. Minhas roupas estavam um caos: a calça jeans estava rasgada até um pouco acima dos joelhos, de modo que agora  eram um shorts. A camisa laranja do Acampamento fora reduzida a trapos, parecendo uma toga grega. Meus chinelos haviam sumido, e eu estava sem arma alguma. Definitavamente um caos total. E nem me pergunte como tudo isso aconteceu, não lembro de um único detalhe do acontecido.
      Mas vamos pular alguns dias, porque se eu fosse contar tudo demoraria um pouco. Eu havia passado o dia treinando na arena e estava pronto para descansar, por isso estava voltando ao chalé. Mas, pouco antes de passar pela porta, analisei melhor o treino e percebi que minhas duas armas preferidas (meu tirso, ainda sem nome, e meu escudo, Aegis II) não haviam sido suficientes no treino, e nem seriam em um combate real. O tirso só servia para dano corpo-a-corpo, não posso arremessá-lo, e o meu escudo era pura defesa. Eu precisava de algo que pudesse ser útil a longa distância. Pensando nisso, decidi arrumá-las em minhas costas para seguir a trilha, na direção das Forjas. Eu bem que precisava de alguma arma extra.
      Ao chegar em enorme clareira, não paro para analisar cada uma das várias cabanas por ali. Por causa da minha "estadia" na floresta, praticamente todo o Acampamento parecia desconhecido para mim. Mas escolhi a que mais se destacava entre as outras, por estar entre outras duas maiores que ela, com uma porta de ferro e um olho mágico. Me apressei em entrar no local, passando a mão pelo rosto para espantar o cansaço.
      O interior era bastante grande, parecido com um bar, daqueles que você vê em filmes medievais. Caminho até o balcão, passando pelas poucas pessoas no local, e sento em um dos banquinhos ali. Várias armas podiam ser vistas atrás do balcão em algo parecido com um mural, provavelmente para termos uma base para nossas escolhas. Enquanto pensava em minha arma, notei um bilhete colado ao balcão por uma fita transparente. Bocejei, me inclinando para conseguir ver melhor.
      "Bem-vindos à Forja Dragon Dovahkiin (Ou simplesmente D.D.)!", leio mentalmente, passando a mão pela campainha sem apertá-la. "Toque a campainha para chamar o forjador mestre, ou um de seus ajudantes. Mas antes, veja nossa lista de preços fixos, para que você tenha uma ideia de qual será o custo inicial de seu pedido. (Preços baseados em armas feitas com Ferro Comum e Madeira, sem adição de qualquer atributo, adorno e etc.)"
      E logo abaixo, a tabela de preços. Passei os olhos por ela até achar o preço do arco. 40 dracmas? Perfeito, já que era um simples pedaço de material em arco (como próprio nome dizia) e uma corda. Mas aí dependia do material. Eu queria algo bem básico, mas não tão frágil, e com um efeito legal. Toquei a campainha já tendo uma ideia da arma escolhida, me levantando para conversar melhor com o atendente. Após cerca de um minuto, alguém se aproximava de trás do balcão, com um sorriso estampado no rosto.
      — Boa tarde! O meu nome é Hic, em que posso ajudar? — falou ele.
      — Hm... eu acho que vou querer um arco. — analiso as armas na parede enquanto falo, procurando um modelo para a arma escolhida — Ele pode ser feito do material mais barato que você tiver, até mesmo de madeira, desde que seja relativamente resistente. Madeira reforçada, por exemplo. Não quero um arco que vá se quebrar com uma simples pancada, entende? A cor pode ser cinza, com meu nome entalhado na base. — puxo uma caneta do bolso, escrevendo na minha própria mão o meu nome e mostrando ao atendente — E tem como as flechas terem um tipo de efeito de embriaguez? Uma simples tontura, quase como um veneno não-letal, com uma maior chance de distração por parte do alvo.
      Ele me pede para repetir alguns detalhes, e repito enquanto coço a nuca com a ponta dos dedos. Guardo a caneta, e do mesmo lugar tiro algumas moedas. Suspiro enquanto aguardo sua resposta, me sentando novamente em um dos bancos.




          Legenda

Minhas falas Minhas ações
Meus pensamentos Outros personagens #1
Outros personagens #2 Outros personagens #3




Bruno ♦ Giow ♦ Leo


Ficha da arma:
♦ {Conspectu} / Arco [Um arco simples, de coloração cinza, feito de madeira reforçada. O arco é encantado com uma aura prateada quase invisível, que faz com que as flechas disparadas, ao atingirem o alvo, apliquem um efeito de tontura e aumentem sua chance de distração. O nome de Leonard está entalhado na arma.] {Madeira reforçada} [5] {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥]
Leonard Woodcliff
avatar
Filhos de Dionísio
Mensagens :
464

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Zak Liff em Dom 24 Nov 2013, 13:52

Eu chego perto da Forja, e aperto a campainha para chamar os ferreiros. Quando eles chegam eu faço a proposta deles fazerem está arma para mim.


Spoiler:
Objeto: Espada
Nome do objeto: ???
Materiais a serem utilizados:Bronze celestial, Ouro e Couto.
Dimensões do objeto:Bronze celestial na lamina, detalhes de ouro na defesa da espada, e com punhal coberto de couro.
Observações: Eu só tenho 60 dracmas, então vamos ter que combinar a quantia, que vou pagar. E de preferencia a espada tem que ser de no minimo nível 9.
Zak Liff
avatar
Indefinido
Mensagens :
9

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Zak Liff em Dom 24 Nov 2013, 16:53

Uma Nova Arma
Eu cheguei perto da forja, e aperto a campainha para chamar algum ferreiro ou o chefe dos ferreiros. Um cara chamado Hiccup me atende e eu explico a ele sobre meu pedido.
- Eu quero uma espada diferente, um novo modelo o que você acha? Pode fazer? - Diz eu ao ferreiro.

Spoiler:
♦ {Cerradente} / O que é [ É uma espada de Bronze Celestial, com detalhes de ouro na defesa da arma, e é coberto de couro no punhal, ela é bem resistente e pode corte quase qualquer coisa. E tem meu nome escrito na lâmina.] { Bronze celestial, ouro e couro.} (Nível Mínimo: 1) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ ]


Obs.:
Zak Liff
avatar
Indefinido
Mensagens :
9

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Olivia Hävgaard-Løeg em Qua 27 Nov 2013, 21:31



Uma nova arma
viria a calhar..



Decidida á comprar uma espada resolvi ir á forja de um garoto chamado Hiccup, pois já ouvira falar das boas armas que este fez. Não sabia se era muito tarde para fazer um pedido, mas não custava tentar. Direcionei-me para a região onde encontravam-se algumas lojas das proles de Hefesto, avistei no meio de duas forjas maiores uma loja menor e na porta desta havia um olho, certificando-me de que era a que haviam me dito adentrei o local. Era um lugar um tanto "convidativo", possa assim dizer. Havia duas mesas em um canto, vários tipos de armas e logo á frente um balcão, aproximei-me deste e peguei um bilhete, nele estava escrito um tipo de boas vindas e oque parecia ser uma tabela de preços. "Bem-vindos à Forja Dragon Dovahkiin (Ou simplesmente D.D.)! Toque a campainha para chamar o forjador mestre, ou um de seus ajudantes...Espadas: 35 dracmas" após encontrar oque eu procurava resolvi tocar a campainha, assim que o fiz um garoto apareceu.
Prazer meu nome é Hiccup, oque posso fazer para te ajudar? — Disse o garoto.
Olá... bem, eu queria uma nova arma, uma espada... — Comecei á explicar-lhe sobre como queria.


Spoiler:
Objeto: Espada.
Nome do objeto: Warrior
Materiais a serem utilizados: Bronze sagrado, Ouro, Prata e Couro.
Dimensões do objeto: Escrito no sulco da lâmina "πολεμιστής" que é Guerreira em grego antigo. 
Descrição simplista do objeto: 90 cm, sendo 20cm(base) e 70(lâmina). A base é feita de prata decorada com pequenas conchinhas de ouro, esta possui leves depressões para acomodar melhor os dedos, a lâmina é de bronze sagrado. Espada fácil de se manusear. 
Observações: Quando não usada transforma-se em um anel de prata decorado com um pequeno tridente dourado, sendo que quando precisa transforma-se sozinha em espada. Adicione o couro onde achar melhor, não manjo das coisas.

[/font]
Olivia Hävgaard-Løeg
avatar
Filhos de Poseidon
Mensagens :
103

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Kurt Howlett em Qui 28 Nov 2013, 04:14




A Forja de Hiccup.

Like a Freddy Krueger!


 
 Louco para adquirir um item há muito almejado, vi-me caminhando em direção às forjas dos filhos de Hefesto. Comumente, eu passava por aquele local sem prestar muita atenção ao mesmo, já que não era de meu feitio, enquanto Feiticeiro e filho de Hécate, buscar armaduras e armas de grande poder ofensivo. E eu nem desejava tal coisa. Observando o céu nublado daquela tarde escura no Acampamento, parei às portas da maior forja do local, a Dragon Dovahkiin. Com um sorriso mudo, fitei o quadro de avisos no local, e toquei a campainha e aguardei, até que o jove de cabelos castanhos surgiu, com um sorriso simpático. Só então notei que eu próprio já estava sorrindo, realmente fascinado com o ambiente pitoresco do local. Para mim, todas aquelas peças e materiais eram eternos mistérios. Quase como minhas poções e feitiços deveriam ser aos semideuses não-usuários de magia, considerei.

- Olá, em que posso ajudá-lo? – indagou o menino, ainda sorrindo. Ele parecia realmente bondoso. Bondoso demais, diria minha irmã Circe, com seu sarcasmo habitual.

- Oi, eu sou o Kurt Howlett! Você é o Hiccup, né? Prazer em conhecê-lo! – sorri, e depois fiquei com medo de que minha alegria excessiva assustasse o garoto. – Bem, eu gostaria de fazer uma encomenda. São artefatos um pouco diferentes, mas creio que seja perfeitamente possível. É inclusive, uma arma conhecida da Era Medieval, parecidas com luvas de tortura, muito usadas pela Inquisição... – enquanto gesticulava, comecei a explicar sobre meu item, sorrindo e fazendo caretas para encontrar as palavras corretas...

Spoiler:
Objeto: Luvas com garras.
Nome do objeto: Reaper Claws.
Materiais a serem utilizados: Prata, Couro Negro.
Dimensões do objeto: Semelhantes à umas manoplas, cobrem os punhos inteiros até o pulso, com garras de prata com fio de corte afiadíssimo.
Descrição simplista do objeto: Luvas metalizadas, que protegem as mãos do semideus de ataques e ferimentos, além de proporcionar ao Feiticeiro um meio de defesa rápido caso precise ficar de mãos vazias e indefeso para realizar um ritual ou feitiço. As garras afiadas podem ser um ótimo método de ataque direto e improviso.
Observações: A luva carrega em sua superfícia, entalhes no formato de runas mágicas antigas, além de unhas de prata compridas e afiadas como navalhas em cada dedo.
Aparência:




Onde: Forja Dragon Dovahkiin. Com quem: Hiccup H. Haddock.Fazendo: Dívida.
credits @
Kurt Howlett
avatar
Filhos de Hécate
Mensagens :
355

Localização :
Acampamento Meio-Sangue.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Lina Oakwood em Sab 30 Nov 2013, 20:09


Dragon Dovahkiin
Everything is possible




Negociando preços.
Preço justo pela arma justa

Tinha voltado da recuperação da missão fazia um tempo. Aos poucos o ritmo na forja voltava ao normal, apesar de tantas coisas terem acontecido comigo nesse meio tempo. Apesar do tempo que passei fora, os pedidos não pararam de crescer, o que fazia com que me sentisse animado para trabalhar. Então, quando o primeiro cliente do dia chegou, dei um suspiro forte e me aproximei vagarosamente dele, ainda um pouco ruim por causa do processo de recuperação. Peguei o papel e observei o pedido, calculando o preço na minha mente.

- 50 dracmas, senhor. O arco será feito com uma madeira muito boa e vou cuidar para deixá-lo ao seu gosto.

Logo um novo cliente chegou e também fez seu pedido. Somente o material é que empacaria com este.

- Eu posso fazer seu pedido, mas eu preciso trocar o bronze celestial pelo sagrado, já que esse material não é possível de ser forjado por semideuses. Ficaria 50 dracmas, por causa do ouro também.

Uma garota logo entrou na forja. Ela logo explicou o que queria, o que não necessitou de escrita para que eu entendesse. Calculei o preço mentalmente e o disse para a moça:

- Faço por 60 dracmas, senhorita.

Depois um garoto entrou. Diferentemente dos dois outros semideuses, esse queria uma luva com garras, um item que já me lembrava de ter feito. Então, ao analizar seu pedido, já sabia exatamente quanto cobrar.

- Ficará na faixa de 60 dracmas. Tudo certo para você?

Com todos os preços dados, esperei a resposta dos clientes.
Lina Oakwood
Indefinido
Mensagens :
659

Localização :
Para me encontrar, você precisa trazer ouro imperial. Ai, terás de descer até o fundo do mar e procurar um gigante que me conheça. Depois, suba novamente a terra e siga as direções desse Gigante. Talvez você me encontre, talvez não.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Leonard Woodcliff em Sab 30 Nov 2013, 20:42



Uma Nova Arma

      Ele esperou cerca de alguns segundos após o meu pedido, e depois falou:
      — 50 dracmas, senhor. O arco será feito com uma madeira muito boa e vou cuidar para deixá-lo ao seu gosto.
      — Pode fazer, então. — respondi, abrindo um sorriso enquanto colocava a mão no bolso e puxava de lá mais alguns dracmas, totalizando 50. Apoiei meus braços no balcão enquanto esperava a conclusão de minha arma.
juuub's @ cp  
Leonard Woodcliff
avatar
Filhos de Dionísio
Mensagens :
464

Localização :
Acampamento

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Zak Liff em Ter 03 Dez 2013, 11:13

Eu olho pare o ferreiro e dou um sorriso.
- Esquece a espada, faça para mim um arco grande com efeito mágico, que deixe o seu adversário com tontura e alucinações.
- O que acha? Faça-o com madeira reforçada. E acho que um arco como este não sai muito caro, já que seu material é apenas madeira.


Spoiler:
♦ {ERO2} / [ É um arco grande feito de madeira reforçada e com efeito de de alucinação e tontura quando acerta um alvo. (Madeira Reforçada] (Nível Mínimo: 1) {Não controla elementos} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ ]
Zak Liff
avatar
Indefinido
Mensagens :
9

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Gabe Gustavo em Ter 03 Dez 2013, 11:38

E estro na forja e olho para o cara no balcão e pergunto:
- Você é o ferreiro chefe?
- Sim, O que quer?
- Queria um escudo especial, que é feito somente de ouro, e se você puder faça-o bem barato.

Spoiler:
♦ {Aegis} / [ É um escudo feito de ouro que tem em alto relevo o rosto da medusa feita de ouro, é uma imitação do escudo de Atena, ele provoca medo nos adversários fazendo com que eles se afastem ou fujam. O escudo é disfarçado de pulseira e com um clique ele se transforma no escudo. (Aumenta a coragem e assusta os adversários)] {Ouro} (Nível Mínimo: 1) {Não controla elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ ]
Gabe Gustavo
avatar
Indefinido
Mensagens :
25

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Olivia Hävgaard-Løeg em Qui 05 Dez 2013, 22:24



Uma nova arma
viria a calhar...



Ouço Hiccup falar quanto custaria a espada, o preço parecia ótimo, assenti para o garoto e tirei de meu bolso uma sacolinha que continha meus dracmas.
Aqui está. — falei enquanto dava-lhe o dinheiro. — Volto quando estiver pronta.

Dou meu melhor sorriso ao forjador e me apresso para sair da loja.





Olivia Hävgaard-Løeg
avatar
Filhos de Poseidon
Mensagens :
103

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Edward Woldklay em Dom 08 Dez 2013, 05:00


Armamentos
Algo de novo. 
Osol raiva exuberante sobe as colinas do CHB. Era por volta do meio dia, Edward estava a caminho da tão famosa Dragon Dovahkiin, uma forja cuja a quem comanda era Hiccpuc, prole de Hefesto sem dúvidas. O menino durante suas semanas no acampamento ouviu falar sobre como o forjador fazia armas e armaduras tão bem, e com um preço adequado.



Assim, o italiano se dirigiu a forja.  Parou na fachada da construção e a observou por um certo momento, possuía uma porta de ferro puro na qual estava um olho magico. O local estava aberto, então simplesmente entrou.  Por dentro era bem medieval, o fazia lembrar das épocas antigas que antepassados do mesmo viveram.

Foi até o balcão e acionou a campainha que estava sobre a mesma. Logo, o filho de Hefesto apareceu.

- Posso ajuda-lo ? – Perguntou enquanto limpava uma mancha do rosto.

- Sim! Venho lhe pedir algo um tanto especial. – Edward respondeu desenrolando um pedaço de papel. – Quero algo assim: Um tênis especial, que quando ativado, dependendo do terreno o calçado se apropriaria. Por exemplo, se eu estiver num deserto, gostaria de um sapato que me fizesse correr melhor lá. Resumindo, quero um tênis básico que seja rápido em qualquer terreno, seja no gelo ou no ar... Ah sim, quero que ele voe.

Woldklay retirou os tênis Maximum que usava e entregou a Hiccpuc.

- Pode usar estes como modelo.  Se possível não queria algo muito caro, acha que por volta de uns 250 dracmas da? – O menino perguntou esperando a resposta.
Edward Woldklay
avatar
Filhos de Hermes
Mensagens :
123

Localização :
Já ouviu falar em Acampamento meio sangue?

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Kurt Howlett em Dom 08 Dez 2013, 12:42




Forjas e Garras.

Pagando por minhas luvas...



Hiccup parecia o tipo de pessoa simpática por natureza. Embora eu sentisse um pouco de cansaço em seu caminhar, notei que ele se esforçava para não permitir que nada atrapalhasse o seu trabalho. Um garoto de fibra. Com um toque de travessura vindo de Circe circulando em meu corpo, fiquei tentado à oferecer uma de minhas poções para que ele se curasse. O problema, é que ele perderia os cabelos. Seria um sortilégio cômico, mas refreei meus instintos de feiticeiro. Não queria experimentar algo tão controverso em alguém responsável por forjar uma arma para mim. Além disso, eu havia gostado do rapaz. Ele parecia legal. Fiquei atento enquanto ele declarava seu preço, e sorri em seguida.

- Justo. Pedido confirmado, Hiccup. Pode preparar as luvas. Confio no seu trabalho. - sorrindo, tirei as moedas douradas do bolso, e as entreguei ao rapaz, gentilmente. - Por favor, faça o melhor que puder. Isso pode salvar minha vida, algum dia. - com uma piscadela, deixei a forja para que o rapaz pudesse trabalhar em paz. Eu voltaria depois, para buscar meu pedido. Até lá, só restava a espera...


Onde: Forjas - Acampamento Meio-Sangue. Com quem: Hiccup.Fazendo: Um pedido.
credits @

Kurt Howlett
avatar
Filhos de Hécate
Mensagens :
355

Localização :
Acampamento Meio-Sangue.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Lina Oakwood em Sex 13 Dez 2013, 09:42


Dragon Dovahkiin
Everything is possible




Forjando armas...
...E negociando.

Depois de receber a confirmação dos pedidos, fui tratar de fazê-los. Para isso, comecei pelo pedido do arco, que era um tanto simples para mim. Peguei a serra e cortei um pedaço de madeira enorme, do exato tamanho para a envergadura correta dos braços. Depois, comecei a entalhá-lo, dando-o a forma de um arco. O processo era lento e delicado, pois o material tinha uma espessura específica para se tornar flexível sem quebrar. As mãos ainda doíam por conta da minha recuperação na enfermaria e eu tentava não forçá-las excessivamente.

Terminando o entalhe, amarrei uma corda de aço grossa e flexível nas duas pontas do arco, a puxando para testar a resistência. Testei-o com várias flechas, ajustando algumas partes aqui e ali para ficar com a precisão certa. Depois, o pintei com tinta cinza. Apesar de já ter feito a parte mais da minha posse, ainda precisava que meu pai me ajudasse com a segunda parte do pedido: fazer com que um pouco de tontura fosse aplicado nas flechas que fossem lançadas daquele arco. Para isso, pensei em uma solução simples: as flechas seriam encantadas inconscientemente pelo poder do próprio cliente, que julgava ser um filho de Dionísio.

- Pai! - comecei, me ajoelhando e estendendo o arco para frente. - Estou aqui novamente, depois de uma missão árdua, para pedir um favor a ti! Sei que tu tens dons que eu não tenho, por ser um pobre mortal, por isso peço para que faça com que esse arco utilize a energia de seu dono para causar um efeito da área de poder do seu próprio progenitor. Sei que tu podes fazer isso, já que tu és o senhor das forjas, deus e protetor dos ferreiros! Então, por favor, não deixe que essa prece se torne vazia, que a humilhação que passo perante ti seja em vão.

Fiquei um tempo ajoelhado, pedindo e repetindo a prece que fazia. Levantei-me, segurando o arco com uma pequena aura prateada em volta, e o levei para a mesa de entalhe, desenhando figuras abstratas somente para decoração e entalhando o nome do semideus. Depois, o entreguei ao dono, pedindo para que testasse nos fundos da forja. Por sorte, a prece que fiz não fora em vão e a flecha saiu com um leve brilho roxo na ponta, indicando que tinha funcionado.

- Volte sempre! - disse.

Voltei para a forja, agora para fazer o pedido da espada da garota. Antes, porém, deixei uma mensagem para o indefinido, que tinha trocado o pedido:

"Infelizmente, não posso fazer o seu arco. Você não me parece ter experiência e um progenitor que permita esse tipo de efeito."

Coloquei minhas luvas nas mãos, o avental por cima da roupa e uma chapa de prata no forno juntamente com uma chapa de bronze sagrado. A de prata era para fazer a base e a de bronze sagrado, a lâmina. Esperei por um bom tempo até que uma delas estivesse pronta para ser forjada. A primeira foi a de prata, por ter um ponto menor de fusão. Quando ela estava brilhando, a retirei e comecei a moldá-la, dando-lhe a forma de uma base de espada com sulcos apropriados para melhor manejo rapidamente, já que ela resfriava mais rápido. Quando estava pronta, a resfriei no balde de óleo especial e a reservei por ora. Tirei a chapa de bronze sagrado e a achatei, para que suas bordas ficassem mais finas, facilitando o corte. O meio já teria que ser mais grosso, pois é lá que ficaria uma parte do centro de massa da lâmina.

Logo depois de terminar, resfriei a lâmina e a lixei para que ficasse mais afiada. Entalhei o nome que a garota queria no local que designou e a reservei, pois logo a soldaria com a base. Coloquei uma parte da chapa de ouro no forno para que ficasse maleável o suficiente para fazer as conchas e, quando estava pronta, a retirei e a moldei na forma dessas conchas esperando estar correta, já que fazia tempo que não visitava o mar e via essas coisas. Logo que terminei e resfriei, comecei a soldar as partes. Primeiro foi a base com sua lâmina, que era mais fácil de fazer. Depois, foram as conchas de ouro na base. Terminado aquela parte, resfriei tudo e revesti os sulcos da base com couro, para melhor acomodação dos dedos.

Terminando essa parte, me ajoelhei e comecei a recitar uma oração, enquanto transformava a espada em um pequeno anel de prata com um tridente decorado em cima. Era uma oração para pedir que a espada se transformasse naquele anel e ele, nela. E esta teria que ser transformada quando a dona necessitasse. Então, apesar da dor que sentia nos joelhos, continuei ajoelhado até que terminasse. Senti uma estranha energia se apoderar das minhas mãos e comandá-las e deixei que ela conseguisse terminar tudo.

- Pai! Estou aqui, mais uma vez, ajoelhado perante ti para um pedido. Queria que transformasse essa espada em anel e ele, nela! Sei que não sou digno de tua presença, mas estou aqui, pedindo para que tenha clemência e para que eu possa honrar a ti com meu trabalho. Para isso, preciso de tua ajuda nessa empreitada. Fique comigo e me ajude! Não deixe que essa prece seja em vão!

Consegui terminar tudo com sucesso e coloquei a arma no balcão, completamente feita. Fui fazer a luva. Para isso, coloquei uma chapa de prata no forno, esperando ela esquentar até que um brilho fosse emitido. Quando ele foi, cortei a chapa em dez pedaços, um para cada dedo. Comecei a fazer o formato de garras nos pedaços, usando diversas vezes a lixa para acertar o que fazia. Quando o formato ficou evidente, mesmo com alguns erros, resfriei as garras. Retirei as luvas e comecei a costurar o couro para formar um tipo de luva com um lugar para retrair as garras quando não fossem usadas. Foi um trabalho difícil, mas como eu tinha o projeto na cabeça, não cometi erros com relação a agulha e linha.

Logo que terminei, acoplei as garras nas duas luvas e usei um pequeno sistema de nós no tecido para fazer com que elas se retraíssem sem incomodar os dedos que estavam vestidos nas luvas. Testei duas vezes o sistema de nós, para garantir que funcionariam em uma batalha. Entalhei as runas antigas nas garras, conforme o pedido. Tive que dar uma pesquisada nelas, já que não tinha ideia da forma, para conseguir reproduzi-las com bastante exatidão. Terminado essa parte, lixei as garras para retirar as imperfeições e para afiá-las o bastante para cortar alguém que estivesse vestido com um casaco grosso. Pintei-as de preto para terminar.

Com o trabalho terminado, era hora de entregar os pedidos e atender os novos clientes. Comecei entregando os pedidos e desejando que eles fossem úteis para seus donos. Depois, tive de recusar um pedido de um indefinido dizendo:

- Não posso provocar efeitos de medo. No máximo, posso usar sua energia para provocar um efeito da área de poder do seu progenitor divino.

E falei com um filho de Hermes:

- Cara, eu posso adaptar esses seus tênis voadores para três tipos de terreno diferentes. Pode ser assim? Se for, eu faço pelos seus 250 dracmas mesmo.

Terminado tudo, esperei somente a resposta do garoto.

 
Acréscimos:
Hiccup:
170 dracmas

Leonard:
♦ {Conspectu} / Arco [Um arco simples, de coloração cinza, feito de madeira reforçada. O arco é encantado com uma aura prateada quase invisível, que faz com que as flechas disparadas, ao atingirem o alvo, apliquem um efeito de tontura por uma rodada e aumentem sua chance de distração em 10% ao custo de 5MP por flecha encantada, já que Leonard é filho de Dionísio. O nome de Leonard está entalhado na arma. As flechas lançadas por esse arco são 10% mais penetrantes.] {Madeira reforçada} [Nível mínimo: 10] {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥]

Crystal:
♦ {Warrior} / Espada [Uma espada de 90 cm, sendo 20cm(base) e 70(lâmina). A base é feita de prata decorada com pequenas conchinhas de ouro, esta possui leves depressões para acomodar melhor os dedos, a lâmina é de bronze sagrado e é 10% mais afiada que as comuns. Escrito no sulco da lâmina "πολεμιστής" que é Guerreira em grego antigo. Espada fácil de se manusear, já que possui sulcos na base que são revestidos por couro, também a tornando confortável. Quando não usada transforma-se em um anel de prata decorado com um pequeno tridente dourado, sendo que quando precisa transforma-se sozinha em espada.] {Bronze sagrado, prata, ouro e couro} [Nível mínimo: 4] {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥]

Kurt:
♦ {Reaper Clows} / Luvas [Luvas de coloração preta que cobrem as mãos até o pulso e com aspecto metalizado, protegem as mãos do semideus de ataques e ferimentos, além de proporcionar ao Feiticeiro um meio de defesa rápido caso precise ficar de mãos vazias e indefeso para realizar um ritual ou feitiço. As garras afiadas 10% a mais que o comum podem ser um ótimo método de ataque direto e improviso. A luva carrega em sua superfície, entalhes no formato de runas mágicas antigas, além das garras de prata compridas e afiadas como navalhas em cada dedo. As garras têm também um bônus de penetração de 20% em armaduras.] {Couro e Prata} [Nível mínimo: 12] {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥]

Retiradas:
Hiccup:
-2 Tintura
-1 Madeira
-2 Couro
-2 Prata
-1 Ouro (Se considerar que as conchinhas de decoração retiram)
-1 Bronze Sagrado

Leonard:
-50 dracmas

Crystal:
-60 dracmas

Kurt:
-60 dracmas

Aguardando atualização.
Atualizem ai ADMS!
Lina Oakwood
Indefinido
Mensagens :
659

Localização :
Para me encontrar, você precisa trazer ouro imperial. Ai, terás de descer até o fundo do mar e procurar um gigante que me conheça. Depois, suba novamente a terra e siga as direções desse Gigante. Talvez você me encontre, talvez não.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ - Forja de Hic Haddock

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 9 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum