Percy Jackson e os Olimpianos RPG BR
Bem vindo ao maior fórum de RPG de Percy Jackson do Brasil.

Já possui conta? Faça o LOGIN.
Não possui ainda? Registre-se e experimente a vida de meio-sangue.

Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Página 5 de 21 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6 ... 13 ... 21  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Jeff Smith em Ter 03 Dez 2013, 13:30

Relembrando a primeira mensagem :

- JESUS CRISTO!
A reação dela foi além do que eu esperava, mas ela logo começou a dar risada e se apresentou
-Oi, sou Jenna Lennon Mc'Cartney, filha de Hermes e... -ela fez uma pausa - e acho que do Cloud.
- Oi Jenna. Meu nome é Jeff Smith, sou filho de Athena. Mas como assim, vc tem dois pais??
Jeff Smith
Filhos de Athena
Mensagens :
89

Localização :
TARDIS

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Vicka L. Danniels em Dom 23 Fev 2014, 21:17


 

 


 
Patience


 
Pelo visto, outras pessoas gostam fazer expressões irônicas além de Vicka. Ela mesma imitou o gesto, levantando uma sobrancelha, quando o rapaz levantou de repente, fazendo pouco caso para a atitude do garoto. Não estava acostumada a ficar enrolando e escondendo a verdade do assunto, e era comum, para ela, ser abandonada pelos outros pelo seu jeito de ser, sua personalidade. Mas, como sempre, era teimosa, e não mudaria o que era por causa de uma ou duas pessoas.

Na verdade, mesmo que fosse um exército inteiro, ela não mudaria o que era.

— Quer ir embora? Beleza. — Ela deu de ombros, e virou de costas para o garoto. — Só saiba que você tem que ter paciência para lidar comigo.
 

 
Adicionais


Itens:
— Espada de Bronze Sagrado

— {Maximum} / All-Stars [All-Stars brancos com detalhes pretos. Ao comando de seu dono, estes materializam asas brancas nos calcanhares] {Nenhum Material} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento}  [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]

— {Quick Cut} / Adaga [Uma adaga feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento. Vem junto de um pequeno suporte (bainha) adaptável à cintura, pernas ou tornozelos] {Prata} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
Poderes:


  Thanks, Thiago Leveck.
Vicka L. Danniels
Filhos de Hermes
Mensagens :
280

Localização :
I must've follow the golden leaves road... But then, the fallen angel showed me the sin, and a sinner I became.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Avalon Carrwahäal em Dom 23 Fev 2014, 21:21


You are asking for it.
Não sabia dizer se a garota estava contrariada ou sendo sincera, mas parei no caminho. Ainda de costas para Vicka, sentei-me em uma pedra. Algo no tom de voz dela me chamou a atenção. Era.... tristeza? Não. Algo menos intenso. Desapontamento, talvez. De ver o que já aconteceu repetindo-se de novo, por nada menos que sua própria culpa.

-Eu não quero. - Respondi - Achei que quem quisesse que eu fosse, era você. Saiba que paciência, eu tenho de sobra. - Disse, rindo na última parte.


Avalon Carrwahäal
Filhos de Athena
Mensagens :
213

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Vicka L. Danniels em Dom 23 Fev 2014, 21:35


 

 


 
Vicka is strange


 
Vicka sentiu ele parar e se aproximar novamente, mas não havia nenhum olhar sobre si. Austin estava de costas para ela, evitando olhar para a garota. No fundo, a cria de Hermes apenas queria uma pessoa que escutasse seus foras, suas resposta grosseiras e mal educadas, e não fosse embora. Queria alguém com "tato", acostumada a lidar com as infelicidades da vida e soubesse, exatamente, quando respondê-la, apenas para dar mais prazer de discutir.

— Não quer ir embora? Então fique aqui, independente de mim ou de qualquer outra coisa. — Vicka falou, dando de ombros.
 

 
Adicionais


Itens:
— Espada de Bronze Sagrado

— {Maximum} / All-Stars [All-Stars brancos com detalhes pretos. Ao comando de seu dono, estes materializam asas brancas nos calcanhares] {Nenhum Material} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento}  [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]

— {Quick Cut} / Adaga [Uma adaga feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento. Vem junto de um pequeno suporte (bainha) adaptável à cintura, pernas ou tornozelos] {Prata} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
Poderes:
-----Passivos-----

Nível 5 - Sentir Aproximação {NEW}{Idealizado por Sadie Bronwen}
Assim como as serpentes pressentem a aproximação de suas presas, os filhos de Hermes também adquirem o sentido que sempre lhes deixa a par da aproximação de outras criaturas na área em que se encontra. A extensão da mesma é definida pelo seu nível, sendo que a cada nível a partir do 5, 1 metro de extensão é adicionado.


  Thanks, Thiago Leveck.
Vicka L. Danniels
Filhos de Hermes
Mensagens :
280

Localização :
I must've follow the golden leaves road... But then, the fallen angel showed me the sin, and a sinner I became.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Avalon Carrwahäal em Dom 23 Fev 2014, 21:43


*Vicka is weird
hue
Me virei para Vicka novamente, ainda sentado na pedra. Um sorriso desafiador se formou em meus lábios.

-Pois ficarei - As palavras escaparam de minha boca.
Avalon Carrwahäal
Filhos de Athena
Mensagens :
213

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Vicka L. Danniels em Dom 23 Fev 2014, 22:02


 

 


 
There's a fire inside,

of this heart

And a riot, about to

explode into flames

♫♪


 
Vicka ainda não se virou para Austin, e manteve-se de costas, com os braços cruzados. Ao se lembrar de querer alguém para aturar ela, também quis alguém que não fosse tão teimoso quanto a mesma.

Sentia uma vontade muito grande de compartilhar o que pensava ou sentia naquele momento com alguém, se já não tivesse se aberto o suficiente com Amy. Suspirou, e pela sua posição em relação ao filho de Athena, ele não veria esse seu gesto. Estava fazendo muito aquilo, suspirar. Estava cansada? Mas, cansada de quê? De viver, de existir? Talvez, fosse a Terra dizendo que não precisava mais de Vicka ali. Talvez, fosse o nascimento de alguém mais útil que a filha de Hermes. A mesma de sentia vazia, como se não tivesse mais propósito algum. Queria estar com seu medalhão de prata, mas ele se localizava há metros de distância de si, no seu chalé.

— Já está na hora de sairmos daqui e voltarmos. — Ela afirmou, e sentiu um suave vento bater no rosto. Deu um tapa de leve no rosto, retomando a habitual inexpressividade. — Tenho mais o que fazer. — E se virou, caminhando em qualquer direção, mesmo que não soubesse para onde estava indo.
 

 
Adicionais


Itens:
— Espada de Bronze Sagrado

— {Maximum} / All-Stars [All-Stars brancos com detalhes pretos. Ao comando de seu dono, estes materializam asas brancas nos calcanhares] {Nenhum Material} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento}  [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]

— {Quick Cut} / Adaga [Uma adaga feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento. Vem junto de um pequeno suporte (bainha) adaptável à cintura, pernas ou tornozelos] {Prata} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
Poderes:


  Thanks, Thiago Leveck.
Vicka L. Danniels
Filhos de Hermes
Mensagens :
280

Localização :
I must've follow the golden leaves road... But then, the fallen angel showed me the sin, and a sinner I became.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Avalon Carrwahäal em Dom 23 Fev 2014, 22:18


Quem não arrisca, não petisca
Ou não
Soltei uma risada fraca, achando graça em minha própria situação. Não sabia que podia ser tão teimoso. Ouvindo as palavras da garota, seu tom de voz, seu olhar, algo ficou óbvio. Mas, seria certo dizer? "Quem arrisca não petisca", dizia Martins, que mais tarde eu descobrira ser um sátiro. As lembranças me atingiram- Minha escola, meus professores, o tom enjoado em que Vicka, minha professora de cálculo, dava sermão nos alunos distraídos. Lembranças antes desagradáveis, pareciam tão serenas, tão simples, que davam saudades. Depois de um suspiro, tomei coragem.

-Sei que não tem - Respondi, duramente.
Avalon Carrwahäal
Filhos de Athena
Mensagens :
213

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Vicka L. Danniels em Seg 24 Fev 2014, 20:48


 

 


 
Stay Strong (?)


 
A resposta um tanto grosseira não surpreendeu a garota. Respirou fundo, parando de frente para o inicio da mata. Sentiu um calafrio na espinha ao se lembrar do karpoi e do hipocampo que precisou enfrentar, e se deu conta de que não havia pensado naquilo por muito tempo, desde que estava perdida na floresta depois da conversa com Amy.

— Para falar a verdade, eu tenho sim. Tenho mais o que fazer do que ficar numa floresta ridícula com um garoto ridículo no meio de uma discussão ridícula. — Vicka falou de uma maneira a machucar o garoto. Queria sair dali, do meio daquela conversa. A "bondade" e humanidade que emanavam de Austin incomodavam a prole de Hermes. Sentia vontade de se isolar, e manter-se longe de tudo e todos.

E, independente do que lhe falassem, Vicka estava determinada a sair daquele lugar.
 

 
Adicionais


Itens:
— Espada de Bronze Sagrado

— {Maximum} / All-Stars [All-Stars brancos com detalhes pretos. Ao comando de seu dono, estes materializam asas brancas nos calcanhares] {Nenhum Material} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento}  [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]

— {Quick Cut} / Adaga [Uma adaga feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento. Vem junto de um pequeno suporte (bainha) adaptável à cintura, pernas ou tornozelos] {Prata} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
Poderes:


  Thanks, Thiago Leveck.
Vicka L. Danniels
Filhos de Hermes
Mensagens :
280

Localização :
I must've follow the golden leaves road... But then, the fallen angel showed me the sin, and a sinner I became.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Avalon Carrwahäal em Seg 24 Fev 2014, 21:31



Calma amor não se exponha
tutz tutz
Assenti enquanto ouvia as palavras da garota, por mais que ela não pudesse me ver. Era óbvio que ela tentara carregar suas palavras com frieza, mas, a esse estágio da discussão, eu já havia me acostumado. Não sabia dizer se Vicka estava se fazendo de dura ou realmente falando a verdade, até porque não podia ver sua expressão.

- É um começo não e? - Me despedia, simpático - Bom retorno. Vou-me indo - Acrescentei, indo em direção a saída daquele lugar.
Avalon Carrwahäal
Filhos de Athena
Mensagens :
213

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Vicka L. Danniels em Seg 24 Fev 2014, 21:41


 

 


 
The End


 
Vicka olhou de relance para o rapaz que se distanciava e deu as costas para aquele ele. Fez questão de deletar a conversa que teve com aquele estranho semideus de sua memória. O problema, era que ela não queria ser deletada, e as palavras de Austin ficavam ecoando na mente da filha de Hermes, deixando-a com extrema raiva, ao ponto de cerrar os dentes. Caso não fosse tão orgulhosa, até pediria ajuda para encontrar a área dos chalés, porém, como tinha essa qualidade/defeito em excesso, manteve-se calada. Sua real vontade era de explodir e tanto ódio, já que absolutamente tudo naquele filho de Athena incomodava a garota. Queria dar meia volta e esgoelar ele até a morte, e ver a vida deixando seus olhos...

Mas, espera um momento. Esta... esta é a coisa pensando, e não Vicka.

E, então, antes de conseguir fazer uma linha de raciocínio coerente, a garota se viu fora da Floresta, e correu para seu chalé.
 

 
Adicionais


Itens:
— Espada de Bronze Sagrado

— {Maximum} / All-Stars [All-Stars brancos com detalhes pretos. Ao comando de seu dono, estes materializam asas brancas nos calcanhares] {Nenhum Material} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento}  [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]

— {Quick Cut} / Adaga [Uma adaga feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento. Vem junto de um pequeno suporte (bainha) adaptável à cintura, pernas ou tornozelos] {Prata} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
Poderes:


  Thanks, Thiago Leveck.
Vicka L. Danniels
Filhos de Hermes
Mensagens :
280

Localização :
I must've follow the golden leaves road... But then, the fallen angel showed me the sin, and a sinner I became.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Étoiles de Médici em Dom 02 Mar 2014, 18:38

Good Morning

Se você sabe o que é ter que ficar enfurnado numa Enfermaria por horas sem nenhuma alma viva aparecer, você sabe o quanto é bom ter um dia de folga. Não que eu esteja reclamando, eu apenas curto um tempinho livre.
Pus meu bloco de desenhos debaixo do braço e usei a mão livre para içar meu corpo até conseguir sentar-me sobre uma pedra. Puxei o ar pelo nariz e o soltei pela boca, sentindo toda aquela calma e preguiçosa manhã.
A cachoeira era um cenário perfeito para se desenhar, principalmente com as náiades brincando um pouco mais baixo. Se elas não viessem mexer comigo, seria ótimo, já que tenho uma sorte danada com as ninfas da água.
Retirei um lápis de meu estojo e concentrei-me totalmente em preencher a folha em branco a minha frente com a bela paisagem.
tags: -ooi- | post nº: -1- | vestindo: x | etc: -X-
att @ sa!
Étoiles de Médici
Filhos de Hermes
Mensagens :
444

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Cain Feather em Dom 02 Mar 2014, 19:31

.


☼ A Little New Friendship ☼


Exploring



Elijah soltou um longo suspiro, enquanto seus olhos dourados vagavam pela infinidade de tons de cores que criavam formas e preenchiam suas íris. Tamanho era o desejo de conhecer o acampamento e as cores que o habitavam! Explorar cada minuciosidade, cavernas, grutas, campos e monumentos... Mas mal teve tempo para tal. Seu comprometimento era necessário, sua responsabilidade requisitada. Não sabia o porquê, mas simplesmente fora escolhido para se tornar um dos conselheiros-chefe do acampamento. Talvez pelos modos e boa reputação, ou somente pelo próprio poder estranhamente evoluído. Sequer sabia de onde adquirira tal conhecimento, pois seu passado se resumia ao dia em que acordou de uma inconsciência de dias, ofegando e ansiando por ar nos pulmões dentro da enfermaria. Mas isso não é algo que eu queria lembrar, pensou, quando finalmente se sentiu desperto;

Estar ali não era uma escolha embora estivesse gostando, pois fazer rondas diárias estava inclusa nas atividades obrigatórias de todos os monitores. Sua única lamentação era o fato de naquele momento, não estar utilizando de todos os poderes que de alguma forma foram lhe concebidos para tentar resolver o quebra-cabeça de seu passado... Juntar as peças até que tudo tomasse um foco, uma imagem concreta. Encontrou poucas dificuldades em andar pela vegetação rasteira da floresta, apenas sentia-se limitado pelo equipamento que adicionava um peso extra nas costas e mãos; o arco de ouro sendo segurando firmemente entre os dedos, enquanto a aljava era amarrada por um fio fino de cobre que contornava o torso e dorso de Elijah. Como de costume, trajava a camiseta padrão do acampamento adaptada ao "estilo regata" que variava junto com o gosto de seu dono, um short jeans claro e botas masculinas de cor marrom. Havia um anel prateado em seu dedo além das roupas, que Balthazar encontrou enquanto procurava pelo equipamento no chalé.

E andando, apreciando cada detalhe que lhe era permitido explorar e observar, Elijah se guiou pelo som da água até encontrar uma cachoeira que nunca viu antes dentro do acampamento. Seu "uau" de surpresa e admiração foi, talvez, mais audível que os próprios passos bem barulhentos. Segundos depois localizou com a audição apurada, a presença de uma pequena conhecida... Realmente não esperava encontrar alguém ali, mas se sentiu grato por não precisar ter de ficar escutando os próprios pensamentos ecoarem dentro de sua cabeça sem ter alguém para compartilhá-los. Com um leve sorriso, acenou em direção à garota sentada em uma rocha, utilizando de uma caderneta para registrar a imagem vista de seu ângulo. Aquela pequena ação deixou Elijah curioso... Será que ela gostava de arte? Algo extremamente raro fora dos domínios de seu pai. — Hey! — chamou, dando passos longos em direção à garota que identificou como Kirsty, uma curandeira que já lhe prestara serviço antes. Tomou o pequeno cuidado de embainhar o arco nas costas, pois tal aproximação poderia ser vista, por maus olhos, como um ato ofensivo. — Desculpe interromper... Eu não tive a oportunidade de lhe agradecer antes, por me curar. — começou.

O olhar seguinte, direcionado ao livro que a curandeira segurava entre braços, demonstrava o mútuo interesse de Elijah na escolha da garota em retratar paisagens através de desenhos. Como quem não consegue esconder os próprios pensamentos, o filho de Apolo se sentou ao lado de Kristy sem tocá-la para evitar atrapalhar, observando com suas orbes douradas o rosto da filha de Hermes. Claro que aquilo poderia incomodá-la, mas Elijah adorava incomodar... Isso só tornaria tudo ainda mais interessante, uma forma mais rápida de tirar Balthazar de seu devaneio interno.



Equipamento:
{Divinity's Reach} / Arco [Arco feito de ouro dourado com detalhes em seu decorrer feito em ouro branco. Possibilita ao seu usuário uma melhor artilharia] {Ouro Dourado e Branco} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Apolo]

{Divinity's Drift} / Aljava [Aljava de diamantes com flechas de fogo infinitas. Estas, ao atingirem seu oponente, o coloca em combustão instantânea] {Diamantes e Fogo} (Nível Mínimo: 1) {Controle Sobre o Fogo/Ofensivo e Defensivo} [Recebimento: Presente de Reclamação de Apolo]

{Wings} / Anel [Anel masculino, sendo que o mesmo é feito de prata. Possui, ao seu longo, vários desenhos do sol em alto relevo. Do lado de dentro, está escrito "para Elijah, de Zoey".] {Prata} (Nível mínimo: 1) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: presente de natal de Zoey para Elijah]

Poderes:

Passivos

• Beleza (Nível 1): Não só Afrodite e Perséfone são dotadas de beleza, Apolo é considerado o Deus masculino mais belo. Seus filhos são lindos por natureza, com um bronzeamento natural (mesmo que jamais tenha tomado Sol) e forma física bem definida.

• Atleta Perfeito (Nível 5): Sendo filho do deus representante da perfeição e equilíbrio, você possui excelentes capacidades físicas, conferindo a você certa agilidade e destreza para se esquivar de alguns ataques.


Ativos

• Nenhum poder utilizado


# Post 001;
# Floresta - Cachoeira;
# Interagindo: Kristy Grandine;
Cain Feather
Indefinido
Mensagens :
629

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Indya D. Montenegro em Dom 02 Mar 2014, 22:59



Alone, or not?



Olivia se deitou, preguiçosamente, numa das rochas que ficavam sobre a terra, cujo recebiam cócegas da cachoeira quando a água caía do topo.  Em seguida, observou as estrelas, brincando de um pequeno jogo que fazia com Lucas.


Ligou os pontos das estrelas e começou a fazer formas, numa parecia um leão rugindo ferozmente.  No outro parecia um coração quebrado e partido.  Então, as imagens celestes se intensificaram, fazendo-a ver um corpo morto, como o de Lucas.


Ela se sentou, rapidamente.  Lágrimas caíram de seus olhos e seu coração acelerou.  Aquela sensação nunca iria embora?
Limpou as lágrimas ao escutar o som de galho sendo quebrado, havia alguém ali.


— Quem estiver aí, é melhor aparecer! — Gritou Emily, pegando o seu sabre.


Arma usada:— {Karabela} / Sabre [A karabela tem um punho aberto com o pomo no formato de uma cabeça de águia. Seu cabo anatômico permitia o manejo mais fácil de cortes circulares quando se luta a pé e e de cortes oscilantes quando montado no cavalo/pégaso. É feita de aço frio e seu punho é revestido com couro. Vem junto de uma bainha de couro.] {Aço e couro} (Nível Mínimo: 1) {Resistência à eletricidade} [Recebimento: Presente de Reclamação de Zeus]

2014 © bluee • cg

Indya D. Montenegro
Filhos de Zeus
Mensagens :
57

Localização :
qq sta com teseno

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Étoiles de Médici em Seg 03 Mar 2014, 00:21

Good Morning
hello, Elijah

Minha mãe costumava dizer que quando me concentro em algo, esqueço tudo a minha volta. Mania está que mesmo após a descoberta de que sou uma semideusa não sumiu. É claro que isso se tornou perigoso, uma vez que devo estar sempre atenta. Mas não a como mudar: uma vez empenhada em algo, só aquele algo existe para mim.
Uma exclamação, ou saudação ─ que seja ─, me fez pular e arregalar os olhos. O lápis em minha mão escapou e caiu, quicando entre as pedras antes de desaparecer na correnteza da água. Segurando um palavrão, levantei o olhar e vi o dono da voz, que acenava e sorria.
Automaticamente o reconheci. Elijah. Um semideus de Apolo que havia buscado atendimento em minha Enfermaria um tempo atrás. Sorri amigavelmente e acenei de volta.
Ah, você não interrompeu. Bom, talvez tenha feito um lápis meu se suicidar, mas... Não tem problemas. ─ dei uma risadinha, aproveitando o tempo para escolher as próximas palavras. ─ Você não precisa agradecer. Eu não estava fazendo nada além do que escolhi fazer. É algo mais como um... Trabalho voluntário. Entende? Afinal, eu escolhi por livre e espontânea vontade seguir Lorde Asclépio e abraçar a causa do esteja sempre disposta a ajudar sem em troca nada esperar.
Após um significativo olhar para o caderno em minhas mãos, ele se sentou ao meu lado, e bom, literalmente e abertamente encarou-me. Não consegui não rir. Ele definitivamente não era do tipo discreto. E eu gostava disso.
Gosta de desenhos, Elijah? ─ perguntei, retribuindo o intenso olhar, um sorriso maroto formado em meus lábios. Algo me dizia que eu gostaria daquele semideus. ─ Ou apenas é um encarador nato?
algumas coisinhas significantes que esqueci de por no post passado –q:
Considerar todos os poderes passivos de Hermes e Asclépio até o nível 42. Nenhum especificamente usado neste post. Sem poderes ativos.
 — {Maximum} / All-Stars [All-Stars brancos com detalhes pretos. Ao comando de seu dono, estes materializam asas brancas nos calcanhares] {Nenhum Material} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento}  [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
 
—{Quick Cut} / Adaga [Uma adaga feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento. Vem junto de um pequeno suporte (bainha) adaptável à cintura, pernas ou tornozelos] {Prata} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
 
{Adroit} / Adaga [Resistente adaga feita de bronze sagrado, sua lâmina mede cerca de 20 cm. Afiadíssima, perfeita para ataques ágeis e rápidos. Seu punho é feito de aço coberto com uma camada de couro, ajudando o manuseio da arma. Quando a dona não desejar, ela se transforma em um anel discreto de bronze. É semi-indestrutível.]{Bronze sagrado, couro, aço. Arma cromada}  (Nível Mínimo: 1) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ ]
 
— Bolsa de Componentes Mágicos / Bolsa (Nela são guardados desde objetos para preparo de poções até bisturis e utensílios médicos [ela possui espaço infinito para tais coisas e somente para tais coisas; também aparece e desaparece, dependendo exclusivamente da necessidade do semideus]) {Couro} (Nívem mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento)[Presente de Curandeiro]
 
— Colar do Serpentário / Colar (o formato e o estilo da confecção lembram uma serpente dourada; nunca pode ser perdido, vendido ou retirado a força, pois identifica os curandeiros e, portanto, não é considerado um item nas contagens para missões, eventos e tramas, embora ainda seja preciso citá-lo) (seu efeito principal é o de, quando retirado do pescoço, se transformar em um dos itens a seguir: uma réplica quase totalmente semelhante do Bordão de Asclépio (ou seja, uma espécime de bastão rústico e fino envolvido por uma serpente de escamas feitas de prata envenenada que podem ser tão afiadas quanto uma espada, possuindo o mesmo potencial de corte de uma arma laminada; ele se adapta completamente ao tamanho e porte físico do usuário). {Prata, madeira e veneno} (Nível mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento) [Presente de Curandeiro]
tags: -x- | post nº: -002- | vestindo: x | etc: -X-
att @ sa!
Étoiles de Médici
Filhos de Hermes
Mensagens :
444

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Cain Feather em Seg 03 Mar 2014, 16:49

.


☼ A Little New Friendship ☼


Exploring



Elijah se sentiu envergonhado. Quando se aproximou, já tinha notado com a audição o som que o lápis fazia quando colidia contra o chão. Isso o fez revirar os olhos em desaprovação, pois adoraria observar alguém, qualquer que seja, admirando uma das várias esferas de poder de Apolo; a arte. Mesmo assim, continuou à passos lentos até Kris, e sentou-se perto dela... Mantinha o sorriso disfarçado no rosto para falsificar sua verdadeira emoção de timidez. Achou graça quando a curandeira já transmitindo uma sensação de agrado, começou a brincar com a própria reação que teve ao notar Elijah indo até ele. Isso provocou um riso divertido na prole de Apolo, que relaxou os músculos e retirou a pouca tensão que sentia em estar na presença de alguém desconhecido. Ao que tudo indicava, Kris era o tipo de pessoa preferido de Balthazar, e adoraria ficar com ela nas horas vagas. — Me desculpa por isso, não foi minha intenção — diz, retorcendo os lábios segundos depois. Fechou os olhos como que para se desculpar, sendo o mais sincero possível em palavras e feições.

Tentou achar uma posição confortável ao lado de Kris nos próximos segundos. Seu olhar fixo nos olhos da curandeira, atento ao que ela dizia. Aquele sentimento, tudo o que ela parecia dizer, transmitia uma sensação familiar... Senso de responsabilidade? Sim, mas não era algo como a monitoria que ele tinha acabado de receber. Era voluntário, querer sem esperar nada em troca... Um "branco" atingiu o cérebro de Elijah quando ele tentou pensar demais no assunto, e soube que isso fazia parte de sua amnésia, a parte de sua vida que ele, até agora, nunca conseguira descobrir. — Acho que sei o que é isso... — responde, piscando os olhos fortemente.

Quando Kris fez uma outra pergunta, Elijah reprimiu um riso escandaloso. Se moveu desconfortavelmente na rocha e deixou os lábios se desenharem num sorriso, espantando os maus pensamentos de antes. — Eu sou filho de Apolo, uai! O deus das artes, das pinturas! Herdei esse amor dele... — disse, sorrindo de forma contagiosa. Não conseguiu, dessa vez, reprimir o riso quando a semideusa forçou um olhar que parecia imitar o de Elijah. — Também posso ser isso. Você gosta? — inquere, sorrindo. O olhar que o filho de Apolo dirigiu à Kris era totalmente brincalhão, e ele fazia um bico. É o jeito que ele tratava Kris... pois sabia que além de uma guerreira, ela era também uma criança. — Bem! — diz, livrando-se de sua expressão divertida. — Sei que te atrapalhei, quer que eu vá pegar o lápis?



Equipamento:
{Divinity's Reach} / Arco [Arco feito de ouro dourado com detalhes em seu decorrer feito em ouro branco. Possibilita ao seu usuário uma melhor artilharia] {Ouro Dourado e Branco} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Apolo]

{Divinity's Drift} / Aljava [Aljava de diamantes com flechas de fogo infinitas. Estas, ao atingirem seu oponente, o coloca em combustão instantânea] {Diamantes e Fogo} (Nível Mínimo: 1) {Controle Sobre o Fogo/Ofensivo e Defensivo} [Recebimento: Presente de Reclamação de Apolo]

{Wings} / Anel [Anel masculino, sendo que o mesmo é feito de prata. Possui, ao seu longo, vários desenhos do sol em alto relevo. Do lado de dentro, está escrito "para Elijah, de Zoey".] {Prata} (Nível mínimo: 1) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: presente de natal de Zoey para Elijah]

Poderes:

Passivos

• Beleza (Nível 1): Não só Afrodite e Perséfone são dotadas de beleza, Apolo é considerado o Deus masculino mais belo. Seus filhos são lindos por natureza, com um bronzeamento natural (mesmo que jamais tenha tomado Sol) e forma física bem definida.

Ativos

• Nenhum poder utilizado


# Post 002;
# Floresta - Cachoeira;
# Interagindo: Kristy Grandine;
Cain Feather
Indefinido
Mensagens :
629

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Étoiles de Médici em Seg 03 Mar 2014, 17:22

Good morning

Se fossemos fazer uma lista com os tipos de semideuses que a Kris aqui mais se sente bem, se socializa mais fácil e consegue fazer uma conversa ficar descontraída, os Filhos de Apolo definitivamente ficaria no topo. É estranho, mas eles conseguem criar raízes em mim. Thiago, Zoey... Elijah. Um número talvez não tão grande, mas eu não sou uma pessoa com uma lista de amigos e conhecidos tão grande assim. Mesmo sendo uma filha de Hermes.
Ah... Eu me esqueci de que esse é um dos ramos de seu pai. ─ comentei, mordendo o lábio inferior e reprimindo um sorriso envergonhado. Ato que se tornou inútil com o próximo comentário do semideus e sua expressão. Gargalhei, sacudindo os ombros, e me recompus rápido o suficiente para imitar o biquinho de Elijah, mas em uma versão mais infantil. ─ Não vou dizer que desgosto. Mas também não direi que gosto. Decida você, senhor encarador.
Olhei para á água. Séria impossível encontrar o lápis uma hora dessas, com a possibilidade da correnteza forte já ter feito o trabalho de levá-lo para bem longe. E eu ainda tinha outros dois reservas em meu estojo. Mas...
Eu já disse que não atrapalhou. E o lápis que é otário demais. Mas já que insiste... ─ voltei meu olhar para ele, o rosto impassível, os olhos gentis e mascarados com uma camada de sinceridade. Ele era uma boa pessoa. Mas eu era uma filha de Hermes. ─ Eu não reclamaria se você fizesse a gentileza de tentar recuperar meu lapisinho suicida. Afinal, eu tenho um desenho para terminar.
Spoiler:
Considerar todos os poderes passivos de Hermes e Asclépio até o nível 42. Nenhum especificamente usado neste post. Sem poderes ativos.
 — {Maximum} / All-Stars [All-Stars brancos com detalhes pretos. Ao comando de seu dono, estes materializam asas brancas nos calcanhares] {Nenhum Material} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento}  [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
 
—{Quick Cut} / Adaga [Uma adaga feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento. Vem junto de um pequeno suporte (bainha) adaptável à cintura, pernas ou tornozelos] {Prata} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
 
{Adroit} / Adaga [Resistente adaga feita de bronze sagrado, sua lâmina mede cerca de 20 cm. Afiadíssima, perfeita para ataques ágeis e rápidos. Seu punho é feito de aço coberto com uma camada de couro, ajudando o manuseio da arma. Quando a dona não desejar, ela se transforma em um anel discreto de bronze. É semi-indestrutível.]{Bronze sagrado, couro, aço. Arma cromada}  (Nível Mínimo: 1) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ ]
 
— Bolsa de Componentes Mágicos / Bolsa (Nela são guardados desde objetos para preparo de poções até bisturis e utensílios médicos [ela possui espaço infinito para tais coisas e somente para tais coisas; também aparece e desaparece, dependendo exclusivamente da necessidade do semideus]) {Couro} (Nívem mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento)[Presente de Curandeiro]
 
— Colar do Serpentário / Colar (o formato e o estilo da confecção lembram uma serpente dourada; nunca pode ser perdido, vendido ou retirado a força, pois identifica os curandeiros e, portanto, não é considerado um item nas contagens para missões, eventos e tramas, embora ainda seja preciso citá-lo) (seu efeito principal é o de, quando retirado do pescoço, se transformar em um dos itens a seguir: uma réplica quase totalmente semelhante do Bordão de Asclépio (ou seja, uma espécime de bastão rústico e fino envolvido por uma serpente de escamas feitas de prata envenenada que podem ser tão afiadas quanto uma espada, possuindo o mesmo potencial de corte de uma arma laminada; ele se adapta completamente ao tamanho e porte físico do usuário). {Prata, madeira e veneno} (Nível mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento) [Presente de Curandeiro]
tags: -x- | post nº: -3- | vestindo: x | etc: -X-
att @ sa!
Étoiles de Médici
Filhos de Hermes
Mensagens :
444

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Indya D. Montenegro em Ter 04 Mar 2014, 20:00



bye, luke!



A garota se sentiu aliviada e um tanto envergonhada ao perceber que quem havia a assustado não se passava de dois meios-sangues.  Voltou a se deitar, observando a lua e as estrelas, fechou os olhos por um breve momento e relaxou os músculos.  Tentou tomar coragem para sair do local, era perigoso ficar rondando pela floresta naquelas horas, por isso levantou-se pesadamente e, olhando para o céu disse:


— Adeus, Luke. — Uma lágrima fugiu de seus olhos.


Limpou-a com a testa da mão e seguiu em frente. 




Arma usada:— {Karabela} / Sabre [A karabela tem um punho aberto com o pomo no formato de uma cabeça de águia. Seu cabo anatômico permitia o manejo mais fácil de cortes circulares quando se luta a pé e e de cortes oscilantes quando montado no cavalo/pégaso. É feita de aço frio e seu punho é revestido com couro. Vem junto de uma bainha de couro.] {Aço e couro} (Nível Mínimo: 1) {Resistência à eletricidade} [Recebimento: Presente de Reclamação de Zeus]

2014 © bluee • cg

Indya D. Montenegro
Filhos de Zeus
Mensagens :
57

Localização :
qq sta com teseno

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Cain Feather em Qua 05 Mar 2014, 18:27

.


☼ A Little New Friendship ☼


Exploring



Com certeza, Kristy era adorável. Seu jeito fácil e simpático de se lidar conquistou, com facilidade, a amizade de Elijah. Não tardou muito até ambos tomarem uma postura informal, conversando como se já se conhecessem há anos. Balthazar adorava aquela maneira de se socializar... Seria demais pedir para que todo mundo fosse assim tão simples e agradável quanto Kris?

O sorriso do filho de Apolo se manteve durante toda a conversa, pois estava sendo difícil desfazê-lo. Kristy brincava demais... seu jeito era infantil, e isso deixava Elijah mais confortável. Não precisaria ter de se preocupar com outros pensamentos agora. — Não te culpo. Eu mesmo posso dizer: Apolo tem muitos patronos. É impossível lembrar de todos a não ser que seja obrigado! — resmunga. E aquilo era verdade; nem mesmo ele, que era filho do deus, tinha a capacidade de pensar em todas aquelas esferas de poder sem sofrer uma sobrecarga no cérebro.

Não demorou muito até, depois disso, os dois irromperem em gargalhadas. — É claro que gosta! Quem não? — diz, revirando os olhos. Momentos depois, observava o curso do rio de pé. Aguçou a visão para tentar encontrá-lo, mas é claro que um lápis não boiaria durante uma correnteza. — Tem razão, é impossível de se recuperar. Se fosse em outro lugar, eu até poderia... Mas o rio também lava o seu antigo cheiro, por isso não posso mandar meu cão infernal buscar. Mas que alvoroço é esse por um lápis! Você tem outro, não? — pergunta, se virando para Kristy. Ergueu uma sobrancelha em dúvida, voltando a se explicar. — Eu apenas perguntei por educação, sim? Não quero passar uma má imagem!



Equipamento:
{Divinity's Reach} / Arco [Arco feito de ouro dourado com detalhes em seu decorrer feito em ouro branco. Possibilita ao seu usuário uma melhor artilharia] {Ouro Dourado e Branco} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Apolo]

{Divinity's Drift} / Aljava [Aljava de diamantes com flechas de fogo infinitas. Estas, ao atingirem seu oponente, o coloca em combustão instantânea] {Diamantes e Fogo} (Nível Mínimo: 1) {Controle Sobre o Fogo/Ofensivo e Defensivo} [Recebimento: Presente de Reclamação de Apolo]

{Wings} / Anel [Anel masculino, sendo que o mesmo é feito de prata. Possui, ao seu longo, vários desenhos do sol em alto relevo. Do lado de dentro, está escrito "para Elijah, de Zoey".] {Prata} (Nível mínimo: 1) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: presente de natal de Zoey para Elijah]

Poderes:

Passivos

• Beleza (Nível 1): Não só Afrodite e Perséfone são dotadas de beleza, Apolo é considerado o Deus masculino mais belo. Seus filhos são lindos por natureza, com um bronzeamento natural (mesmo que jamais tenha tomado Sol) e forma física bem definida.

• [NOVO] Visão da águia (Nível 6) O alcance visual do filho de Apolo é maior do que o de outros semideuses, visto que são treinados para o uso de arco e armas à distância em geral. É sobre-humano, mas não tão absurdo – não é como se conseguisse ver toda a cidade com um olhar, apenas que engloba o alcance de seus ataques.


Ativos

• Nenhum poder utilizado


# Post 003;
# Floresta - Cachoeira;
# Interagindo: Kristy Grandine;
Cain Feather
Indefinido
Mensagens :
629

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Étoiles de Médici em Qui 06 Mar 2014, 16:58

Good Morning
the pencils do not like me

Talvez a vida de um semideus não seja assim tão ruim. É claro que você pode ter só segundos de vida, ou apenas minutos (e isso é apavorante) a partir do momento que tem consciência disso, e está constantemente sendo caçado por monstros e em missões ─ que na grande maioria das vezes tem uma pitada de perigo tão grande que pode ser a sua última. E você ainda tem que viver treinando, ficando mais forte, porque se não o fizer, o mundo vai te eliminar sem nem piscar. Mas também têm os raros momentos que fazem tudo isso vale a pena. Para mim, existem três coisas que compensam tudo isso: 1º Poder voar em um pégaso; não a sensação de liberdade mais prazerosa; 2º Ver o sorriso de agradecimento de um paciente, afinal, você está fazendo a sua parte para ajudar os sobreviventes deste mundo tão voraz; 3º Sorrir.
E é impossível não sorrir quando se está na companhia de Elijah. Ele te faz se sentir naturalmente... Sorrível. Acho que o neologismo se encaixa muito bem aqui.
Eu meio que entendo... Hermes é deus e / ou protetor do que... Um trilhão de coisas? Juro que tem ramos que eu nem se quer conheço. Mesmo sendo uma de suas crias. ─ bufei ao tocar no assunto dos milhares de filhos que tem meu pai. Eu tenho tantos irmãos da mesma idade que prefiro nem pensar muito no assunto. É tão... Estranho. ─ Quem não gosta disso? Bom, quer que eu faça a lista completa ou apenas um resumo? ─ inclinei a cabeça para o lado, fingindo uma expressão séria, enquanto usava minha mão como uma prancheta imaginária e meu indicador como uma caneta.
Quando Elijah se levantou para procurar por meu lápis, eu o acompanhei, deixando meu caderninho repousado sobre a pedra. A decepção que cobriu meu rosto ao saber que era ele nem ao menos tentaria foi cem por cento real. Não por ficar sem o lápis, mas sim por não o ver engajado em uma busca impossível. Seria divertido. Eu até tentaria ajudar...
Bom, aquele era o meu lapisinho de estimação. ─ suspirei pesadamente, dando de ombros. – Mas sim, tenho uns de reserva. ─ respondi enquanto me abaixava e pegava os dois restantes dentro de meu estojo. ─ Você não conseguiria passar uma má imagem nem se quisesse Elijah... Eu pelo menos acho, né? ─ comentei enquanto prendia meus cabelos em um coque estilo japonês, utilizando os dois lápis. ─ Eu e os irmãos do Lápis I aqui ─ indiquei os “palitinhos” em minha cabeça. ─ agradecemos o alvoroço feito pelo senhor, na tentativa de recuperar nosso querido ente perdido. Arigatou gozaimasu! ─ fiz uma reverência, o que fez minhas madeixas se soltarem juntamente com os lápis.
Um deles ficou preso nos claros fios de cabelo, mas o outro caiu na direção à água. Malditos cabelos lisos! Nada para nessa merda. Torci o nariz enquanto me endireitava. ─ E lá se foi mais um...
Spoiler:
Considerar todos os poderes passivos de Hermes e Asclépio até o nível 42. Nenhum especificamente usado neste post. Sem poderes ativos.
 — {Maximum} / All-Stars [All-Stars brancos com detalhes pretos. Ao comando de seu dono, estes materializam asas brancas nos calcanhares] {Nenhum Material} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento}  [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
 
—{Quick Cut} / Adaga [Uma adaga feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento. Vem junto de um pequeno suporte (bainha) adaptável à cintura, pernas ou tornozelos] {Prata} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
 
{Adroit} / Adaga [Resistente adaga feita de bronze sagrado, sua lâmina mede cerca de 20 cm. Afiadíssima, perfeita para ataques ágeis e rápidos. Seu punho é feito de aço coberto com uma camada de couro, ajudando o manuseio da arma. Quando a dona não desejar, ela se transforma em um anel discreto de bronze. É semi-indestrutível.]{Bronze sagrado, couro, aço. Arma cromada}  (Nível Mínimo: 1) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ ]
 
— Bolsa de Componentes Mágicos / Bolsa (Nela são guardados desde objetos para preparo de poções até bisturis e utensílios médicos [ela possui espaço infinito para tais coisas e somente para tais coisas; também aparece e desaparece, dependendo exclusivamente da necessidade do semideus]) {Couro} (Nívem mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento)[Presente de Curandeiro]
 
— Colar do Serpentário / Colar (o formato e o estilo da confecção lembram uma serpente dourada; nunca pode ser perdido, vendido ou retirado a força, pois identifica os curandeiros e, portanto, não é considerado um item nas contagens para missões, eventos e tramas, embora ainda seja preciso citá-lo) (seu efeito principal é o de, quando retirado do pescoço, se transformar em um dos itens a seguir: uma réplica quase totalmente semelhante do Bordão de Asclépio (ou seja, uma espécime de bastão rústico e fino envolvido por uma serpente de escamas feitas de prata envenenada que podem ser tão afiadas quanto uma espada, possuindo o mesmo potencial de corte de uma arma laminada; ele se adapta completamente ao tamanho e porte físico do usuário). {Prata, madeira e veneno} (Nível mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento) [Presente de Curandeiro]
tags: -x- | post nº: -4- | vestindo: x | etc: -X-
att @ sa!
Étoiles de Médici
Filhos de Hermes
Mensagens :
444

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Enzo Deanwoody em Dom 09 Mar 2014, 00:16


Cachoeira
Awaiting the fate act



Tédio. Estava ainda em meu chalé, levantando-me e encarando a rotina. Dois anos atrás começara a morar no camp, sentindo-me sempre sozinho no chalé quatro. Agora ele já estava meio cheio, mas ainda assim me sentia um pouco distante dos meus irmãos, apesar de sermos entrosados. Por isso, vira e mexe eu ia para a floresta, onde realmente me sentia eu.
Dessa vez fui para a cachoeira, ouvir o som da água correndo. De olhos fechados e deitado em uma pedra lisa, descansava de olhos fechados. Mexia levemente a minha perna direita, sendo esta uma mania minha, culpa da minha hiperatividade que não me permitia ficar quieto.
Suspirava, mordia o lábio e tornava a pensar no passado. Estava armado com Farming e Corn, preparado para o que fosse. Apesar de não serem armas tão fortes, eram as que eu estava costumado a usar.
Ah, como odiava aqueles dias monótonos. Sentia falta de sair realmente em missão, tendo feito isso apenas uma vez, quase morrendo e sendo acompanhado de um filho de Hécate. E isto foi em um dia imprevisível, assim como este. Será que algo aconteceria ali? Apenas esperei para ver que peças o destino me pregaria.

Enzo Deanwoody
Morto
Mensagens :
473

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Cain Feather em Qui 13 Mar 2014, 19:56

.


☼ A Little New Friendship ☼


Exploring



O sorriso de Elijah, em nenhum momento, se desfez. Cruzou os braços quando viu que não teria como conseguir recuperar o lápis, que por um acaso tinha decidido tomar um banho. Mas segundos depois, a prole de Apolo notou com o canto dos olhos o pequeno "coque" que Kristy fez, enrolando dois palitos de grafite para manter o penteado. Pestanejou disfarçadamente, revirando os olhos. Voltou a postura anterior quando concluiu que não teria como resgatar o instrumento, depois olhou para a curandeira. — Pode fazer uma lista completa! Para um outro dia, claro... — e mostrou a língua em resposta à careta que ela fez, tentando inutilmente forçar uma expressão séria que ficou, com certeza, engraçada.

— Isso é bom... — falou Balthazar, que conseguiu notar a insatisfação da menor. Ela queria ver ele se matando na água para ver se encontrava o lápis, não é? E quase que respondendo a esses pensamentos, quando Kris se curvou, um dos lápis que estavam presos no coque escorregou por entre os fios de seu cabelo e quicou entre as rochas em direção ao rio. Quando a curandeira, chateado ao dizer "e lá se foi mais um", Elijah revirou os olhos. — Garota, você vai ficar me devendo uma!

E a passos largos, sem se preocupar se por um acaso for acabar tropeçando nos pedregulhos, Elijah tirou a camisa e os equipamentos das costas, jogando-se na água. O lápis boiava no córrego e por isso ainda ere visível, e a corrente que se formou quando ele tocou na água contribuiu para afastar ainda mais o lápis. Mas a intenção era essa: tornar tudo ainda mais difícil. Mergulhou na água até a barriga e tentou achar o objeto. Sem sucesso, enfiou a cabeça na água e ampliou o alcance da visão para ver se discernia o objeto sendo carregado pela água, e o encontrou. Mas perdeu-o de vista quando sumiu atrás de outros rochedos. Quando submergiu, olhou para Kristy com uma sobrancelha erguida. — Exijo ajuda, foi você quem derrubou — pede, sorrindo divertidamente.



Equipamento:
{Divinity's Reach} / Arco [Arco feito de ouro dourado com detalhes em seu decorrer feito em ouro branco. Possibilita ao seu usuário uma melhor artilharia] {Ouro Dourado e Branco} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Apolo]

{Divinity's Drift} / Aljava [Aljava de diamantes com flechas de fogo infinitas. Estas, ao atingirem seu oponente, o coloca em combustão instantânea] {Diamantes e Fogo} (Nível Mínimo: 1) {Controle Sobre o Fogo/Ofensivo e Defensivo} [Recebimento: Presente de Reclamação de Apolo]

{Wings} / Anel [Anel masculino, sendo que o mesmo é feito de prata. Possui, ao seu longo, vários desenhos do sol em alto relevo. Do lado de dentro, está escrito "para Elijah, de Zoey".] {Prata} (Nível mínimo: 1) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: presente de natal de Zoey para Elijah]

Poderes:

Passivos

• Beleza (Nível 1): Não só Afrodite e Perséfone são dotadas de beleza, Apolo é considerado o Deus masculino mais belo. Seus filhos são lindos por natureza, com um bronzeamento natural (mesmo que jamais tenha tomado Sol) e forma física bem definida.

• [NOVO] Visão da águia (Nível 6) O alcance visual do filho de Apolo é maior do que o de outros semideuses, visto que são treinados para o uso de arco e armas à distância em geral. É sobre-humano, mas não tão absurdo – não é como se conseguisse ver toda a cidade com um olhar, apenas que engloba o alcance de seus ataques.


Ativos

• Nenhum poder utilizado

# Post 004;
# Floresta - Cachoeira;
# Interagindo: Kristy Grandine;

Cain Feather
Indefinido
Mensagens :
629

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Étoiles de Médici em Dom 23 Mar 2014, 09:32

good morning (?)
oh no, here I come

Talvez ainda houvesse esperança. Eu não conseguia acreditar em meus olhos, mas Elijah estava mesmo indo entrar na água. – Obrigada, Elijah. – falei com um sorriso maroto nos lábios. – Qualquer dia desses eu te pago.
Retirei o lápis que permaneceu em meu cabelo e o guardei no estojo, para que este também não sumisse. Quando voltei a me levantar, o semideus estava com a cabeça dentro d’água, procurando. Ele emergiu virando a cabeça em minha direção e, por todos os deuses do Olimpo, Elijah era um gato. Como já é esperado de um filho de Apolo sem camisa e todo molhado. Sacudi a cabeça levemente, afastando os devaneios, e mordi o lábio inferior. Tudo bem, Kris. Você não precisa entrar na água. Mantenha a calma. ­– Já que insiste. – respondi, revirando os olhos e fingindo não dar a mínima.
Existe apenas uma coisa neste mundo que eu não gosto: água em excesso. Uma longa história, mas é meio que um trauma. Acionei as asinhas de meus tênis alados murmurando “maia”, e me lancei no ar. Sobrevoei por um momento a área em cima de Elijah sem ver o lápis, então me virei para a direção em que a correnteza descia, e o encontrei. Não muito distante e ainda alcançável, estava boiando e oscilando entre dois rochedos maiores. – Ali! – gritei, apontando e me aproximando um pouco, para que ele pudesse encontra-lo. Eu ia ajudar, certamente, mas não iria me molhar. Deixaria o trabalho molhado para a prole de Apolo.
Spoiler:
Considerar todos os poderes passivos de Hermes e Asclépio até o nível 42. Mas em especial este:
Nivel 1 - Agilidade: Você como filho de Hermes terá uma agilidade maior que outros campistas inclusive voando com seus tênis alados.
 
Sem poderes ativos.
 
 — {Maximum} / All-Stars [All-Stars brancos com detalhes pretos. Ao comando de seu dono, estes materializam asas brancas nos calcanhares] {Nenhum Material} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento}  [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
 
—{Quick Cut} / Adaga [Uma adaga feita de prata comum. Ela sempre tem um líquido verde na lâmina. É o veneno de George e Martha. Quando o veneno entra em contato com o sangue de alguém, ele faz com que a pessoa perca uma quantidade média de HP por turno e fique mais lento. Vem junto de um pequeno suporte (bainha) adaptável à cintura, pernas ou tornozelos] {Prata} (Nível Mínimo: 1) {Não Controla Nenhum Elemento} [Recebimento: Presente de Reclamação de Hermes]
 
{Adroit} / Adaga [Resistente adaga feita de bronze sagrado, sua lâmina mede cerca de 20 cm. Afiadíssima, perfeita para ataques ágeis e rápidos. Seu punho é feito de aço coberto com uma camada de couro, ajudando o manuseio da arma. Quando a dona não desejar, ela se transforma em um anel discreto de bronze. É semi-indestrutível.]{Bronze sagrado, couro, aço. Arma cromada}  (Nível Mínimo: 1) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: ¥ Dragon Dovahkiin ¥ ]
 
— Bolsa de Componentes Mágicos / Bolsa (Nela são guardados desde objetos para preparo de poções até bisturis e utensílios médicos [ela possui espaço infinito para tais coisas e somente para tais coisas; também aparece e desaparece, dependendo exclusivamente da necessidade do semideus]) {Couro} (Nívem mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento)[Presente de Curandeiro]
 
— Colar do Serpentário / Colar (o formato e o estilo da confecção lembram uma serpente dourada; nunca pode ser perdido, vendido ou retirado a força, pois identifica os curandeiros e, portanto, não é considerado um item nas contagens para missões, eventos e tramas, embora ainda seja preciso citá-lo) (seu efeito principal é o de, quando retirado do pescoço, se transformar em um dos itens a seguir: uma réplica quase totalmente semelhante do Bordão de Asclépio (ou seja, uma espécime de bastão rústico e fino envolvido por uma serpente de escamas feitas de prata envenenada que podem ser tão afiadas quanto uma espada, possuindo o mesmo potencial de corte de uma arma laminada; ele se adapta completamente ao tamanho e porte físico do usuário). {Prata, madeira e veneno} (Nível mínimo: 1) (Controle sobre nenhum elemento) [Presente de Curandeiro]
tags: -x- | post nº: -5- | vestindo: x | etc: -X-
att @ sa!
Étoiles de Médici
Filhos de Hermes
Mensagens :
444

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Ianna D. Belikov em Sex 04 Abr 2014, 00:22

Anastasia, you can't save me, i'm fading
But I’m only human And I bleed when I fall down

[i]A noite assomava-se, envolvendo o Acampamento na mais pura escuridão. No chalé X, nossa protagonista dormia como um pequeno anjo, encolhida e envolvida por seus lençóis brancos. No entanto, se você olhasse bem de perto, veria que as feições da filha de Afrodite não eram tão tranquilas quanto deveriam ser. Sua testa encontrava-se franzida e o lábio inferior tremia. Estava tomada por pesadelos. Não demorou muito para que sua pele se encontrasse porejada de suor e o peito subisse e descesse de forma descompassada, ansiando por ar. Seus olhos abriram-se em um ímpeto, liberando lágrimas acumuladas. Era óbvio que ela havia sonhado com uma pessoa encapuzada que tentava lhe matar. Ultimamente, era só o que lhe vinha à mente. Levou a própria mão ao pescoço, apalpando a pele pálida, atrás de alguma desordem. Nada. Tudo era fruto de sua imaginação fértil. Suspirou e respirou fundo, sentando-se e limpando as lágrimas das bochechas ruborizadas. Precisava de um pouco de espaço, e quem sabe o ar noturno não lhe faria bem? Não se preocupou em pegar o roupão, apenas deixou o chalé estando descalça, descabelada e com uma camisola simples e fina, que provavelmente a faria se arrepender mais tarde por conta do frio.

Caminhou até que suas pernas cedessem, a mente flutuando nas oscilações do pesadelo. Caiu em uma espécie de clareira, onde podia ver a água que caía com voracidade, juntando-se ao rio. No entanto, não ouvia o ambiente ao seu redor, tal era o barulho que os pensamentos faziam ao se encaixar. Aproveitou a deixa e deitou-se ali mesmo, de barriga para cima, a fitar o céu. Deixou que o corpo se desligasse, enquanto os olhos heterocromáticos perdiam-se, perdiam-se. Logo, estavam longe, e sua atenção apenas seria despertada por alguma perturbação grande.

Informações Adicionais


♦ Observação:
Spoiler:
Interação Fechada;
Noite Escura, Madrugada, Frio;
A personagem está no seu próprio mundo interior no momento.

♦ Poderes Utilizados:
Spoiler:
- Passivos:
-x-

- Ativos:
-x-



Can you only see me?
Ianna D. Belikov
Mênades
Mensagens :
747

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Emma Charlotte Fabray em Sex 04 Abr 2014, 10:05

Oxe

A noite já ia avançada e dentro do chalé V, todos dormiam tranqüilos. Emma não era diferente, estava enrolada em seus cobertores, apertando o travesseiro contra si, mas sua respiração levemente descompassada indicava que ela acordaria em breve. Em assim foi, depois de alguns minutos ela se sentou, piscando freneticamente para adaptar sua visão à escuridão da noite. Mas ao invés de demonstrar irritação por ter acordado tão cedo, seus olhos brilhavam numa animação desconhecida.
Jogou a coberta para o lado e se levantou. Tomando cuidado para não acordar nenhum irmão, abriu a gaveta e pegou uma blusa de frio e uma calça, ambos de moletom, para enfrentar o frio da noite. Logo em seguida foi até uma mochila que estava parada ao lado da cama e puxou caderno e lápis. Assim que teve chance, escapou do chalé e foi se aventurar na noite do acampamento.

Seus olhos estavam voltados para o céu, o lápis riscava furiosamente contra o papel. A língua pausada contra os lábios e o venho franzindo indicavam concentração no que fazia, mesmo que estivesse caminhando. Quando ouviu o farfalhar familiar da água contra as pedras sorriu involuntariamente. Ali seria o local perfeito para acabar o que fazia.
Depois de alguns passos algum obstáculo entrou em seu caminho, a fazendo tropeçar. E na tentativa de impedir o caderno de cair na terra, tanto o material quanto a possuidora caíram no chão.
-MINHA NOSSA SENHORA DO PUDIM! Exclamou a garota ao se levantar, buscando seu caderno e lápis pelo local. Quando encontrou o caderno, fez uma cara de desgosto ao ver a folha que estava utilizando amassada.
-Droga. Droga. Mas que droga. Resmungou, se virando par encarar o que a tinha feito cair. Sua sobrancelha de ergueu num arco perfeito ao notar que não era uma pedra ou uma falh no terreno o culpado e sim uma pessoa.
REVENGE. Thanks, Rufo and Maay at TPO.
Emma Charlotte Fabray
Filhos de Ares
Mensagens :
249

Localização :
Chalé 5

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Ianna D. Belikov em Sex 04 Abr 2014, 21:31

Anastasia, you can't save me, i'm fading
But I’m only human And I bleed when I fall down

A afrodisíaca não perceberia o movimento silencioso e concentrado até que... Opa! O pé da garota batera contra o braço de Chlöe, fazendo-a arregalar os olhos e levar uma das mãos ao local que agora doía. A exclamação da agressora chegou aos ouvidos da loira ao mesmo tempo que a aura repulsiva a atingiu. Sabia que aquele sentimento de ira, mesmo fraco, era característica peculiar dos filhos de Ares, como já havia sentido em seu ex-liderado e amigo Christopher Mason. Sentou-se, arrumando os cabelos em um coque esquisito, e ajeitou a camisola, tentando cobrir as pernas que havia acabado de cruzar. Fitou os olhos da guerreira, sabendo agora que lhe eram familiares. Os lábios rosados emitiram um sorriso contido, ignorando qualquer sensação adversa. O caderno de desenho não passou despercebido aos seus olhos e logo arqueou uma de suas sobrancelhas. Esperou que Emma se ajeitasse para poder falar.

▬ Posso perguntar o que levaria uma filha de Ares a desenhar nessa madrugada fria? ▬ Como se estivesse respondendo à sua pergunta, o vento soprou com mais intensidade, fazendo com que a loira sentisse arrepios lhe percorrendo. Grande idiotice a dela, sair por aí usando roupas tão íntimas. Fez menção de pegar o caderno, mas sua mão pálida repousou no espaço entre as duas, esperando que a morena desse permissão.

Informações Adicionais


♦ Observação:
Spoiler:
Interação Fechada;
Noite Escura, Madrugada, Frio;
A personagem está no seu próprio mundo interior no momento.

♦ Poderes Utilizados:
Spoiler:
- Passivos:
-x-

- Ativos:
-x-


Can you only see me?
Ianna D. Belikov
Mênades
Mensagens :
747

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Emma Charlotte Fabray em Sab 05 Abr 2014, 05:44

Oxe

Emma bateu a terra de sua roupa e depois cruzou os braços. A mao esquerda segurando o caderno de modo protetor, sua postura indicava irritação, mas o pequeno sorriso em seus lábios indicavam o contrário enquanto ela olhava para a filha de Afrodite.
-Isso... Pode rir da desgraça alheia, é divertido eu sei. Falou ela revirando os olhos se fingindo de brava.
Inclinou a cabeça para o lado e a encarou. Notou sua postura, assim como seu cabelo e suas roupas estranhas tanto para o lugar quanto para a temperatura.
-Pode. Mas antes vai ter que me responder o que a senhorita está fazendo andando a essas horas pelo acampamento. Nessas roupas. Falou de maneira suave; e descruzando os braços, prendeu o caderno entre as pernas enquanto puxava o moletom por cima da cabeça. Estendeu a peça de roupa mais quente a outra com um sorriso e passou a mão pelo cabelo para ajeitar a bagunça que a blusa tinha feito ali antes de voltar a pegar o caderno.
Quando a mão de Chloe tentou alcançar seu caderno sua primeira reação foi esconde-lo atrás das costas e ficar tensa. Mas se repreendeu mentalmente após a atitude, voltando a uma postura relaxada, lançando um olhar de desculpas a ela.
Abriu a boca para falar algo mas nenhum som saiu; ela não sabia o que falar, então apenas estendeu a mão e entregou o caderno a garota. Não era como se ela fosse sair correndo com ele. Depois colocou as mãos nos bolsos da calça e esperou. Seu lábio inferior preso entre os dentes era uma demonstração óbvia de ansiedade enquanto o seu olhar indicava um pequeno receio com o que a garota poderia achar ali.

REVENGE. Thanks, Rufo and Maay at TPO.
Emma Charlotte Fabray
Filhos de Ares
Mensagens :
249

Localização :
Chalé 5

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cachoeira ♠ Local Público Oficial ♠

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 05:44

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 21 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6 ... 13 ... 21  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum