Percy Jackson e os Olimpianos RPG BR
Bem vindo ao maior fórum de RPG de Percy Jackson do Brasil.

Já possui conta? Faça o LOGIN.
Não possui ainda? Registre-se e experimente a vida de meio-sangue.

Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Kalled C. Almeida em Qui 17 Jul 2014, 02:48

Relembrando a primeira mensagem :



Music and forge

Opennning
Um lugar caloroso e bem agradável, com alguns bancos e muitas caldeiras disponíveis para forjas, algumas estantes de materiais e um balcão de recepção no seu centro um cartaz do próprio Kalled que diz:

– Faça o pedido e aguarde, logo estarei lhe atendendo.

Isso mesmo, Kalled estava de volta e de uma vez por todas.



Regras da Forja

1- A forja não é um lugar off, portanto poste sua entrada. Lembrando que deves parar sua narração quando me explicar em on o que deseja.
Irei fazer a interação com você para que diga se aceita ou não o preço estipulado. Quando postar sua segunda narração aceitando o preço ou o negando, aí sim é que farei sua arma.

2- Na primeira narração, coloque no final do post a ficha disponibilizada no final deste primeiro post, a preenchendo corretamente com o que deseja. É ela que vai me ajudar com os cálculos do preço final.

Código:
Item: Espada, adaga, armadura, lança;
Nome do item: {_____}
Materiais a serem utilizados:
Tamanho do item e demais descrições:
Detalhes à acrescentar:
Descrição sugerida:

copyright 2013 - All Rights Reserved for Larissa
Kalled C. Almeida
avatar
Líder dos Menestréis
Mensagens :
653

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Kalled C. Almeida em Sab 13 Jun 2015, 00:45



Music and forge

Ayla
  Após a afirmação do acordo comecei a confeccionar o pedido de Ayla, fui até o meu estoque e apanhei um pedaço de couro grande o suficiente para fazer a jaqueta e um pedaço de mitral grande o suficiente para banhar a jaqueta e fortalecer a mesma.
Levei o mitral até minha caldeira e a pus lá ligando o forno na temperatura adequada para derreter o metal que eu havia depositado lá. Após isso recorri até minha bancada de trabalho para trabalhar no couro, primeiramente cortei um pedaço fora, pois me serviria para fazer as mangas, e depois trabalhei no couro restante para modelar o “corpo” da jaqueta na intenção de fazer com que o tamanho e formato ficassem confortáveis ao usuário, após algumas costuras e remendos o corpo da jaqueta encontrava-se confeccionado , apanhei o resto de couro e o costurei como mangas da jaqueta, pronto a jaqueta estava pronta!
Recorri a minha caldeira e apanhei o mitral líquido, após isso o levei até a jaqueta e derramei todo o líquido dentro da jaqueta, com isso meu trabalho estava quase acabado tudo que precisava fazer era esperar que o metal se solidificasse na jaqueta e poderia terminar os últimos detalhes e entregar o pedido conforme havia sido solicitado, enquanto esperava o mitral se solidificar na jaqueta, peguei um pouco restante do metal ainda em estado líquido e o levei até uma estufa, após a pequena quantidade se encontrar um pouco mais maciça decidi entalhar uma lua crescente naquela pequena quantidade de metal.
Após alguns minutos trabalhando minunciosamente havia terminado a lua crescente e feito o enfeite, levei a jaqueta até meu esmeril elétrico para terminar o último processo visto que o mitral na jaqueta já estava sólido, agora só faltava deixar a veste mais leve. Liguei o esmeril e expus a parte do mitral à superfície do esmeril para que o mesmo tirasse todo o excesso do metal permitindo assim que as propriedades do metal se mantivessem, mas que seu peso não fosse um problema. Alguns minutos trabalhando nisso e o mitral encontrava-se leve, apanhei o entalhe de lua crescente e esquentando com minhas mãos até criar um ponto de solda o fixei um palmo e meio abaixo do ombro. Pronto o item estava pronto, entreguei-o a Ayla e recolhi meu pagamento.

Acréscimos e retiradas:
Retirar de minha conta: 1x de couro
1x de mitral
Acrescentar:
70 dracmas
Retirar da conta de Ayla Lennox:
70 dracmas
Acrescentar na conta de Fred: (Link aqui: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u7337 )

{Midnight} / Jaqueta [Aparentemente é apenas uma jaqueta comum, mas Midnight oculta suas verdadeiras propriedades de proteção — que acabam tornando-a tão boa quanto uma armadura. Do lado externo, é feita de couro negro batido — o que dá uma resistência equivalente a uma armadura de couro — e, pelo lado interno, é totalmente revestida de mitral, fornecendo grande resistência para o semideus. É bastante leve, e graças à leveza do material, não afeta a movimentação e nem a agilidade do dono. No lado esquerdo, aproximadamente um palmo e meio abaixo do ombro, há uma pequena lua crescente prateada como enfeite.] {Couro e mitral} (nível mínimo: 25) {Não controla nenhum elemento} [Recebimento: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida] [Feliz dia dos Namorados, darling ♥ - Lobinha]

copyright 2013 - All Rights Reserved for Larissa




Atualizados!


Kalled C. Almeida
avatar
Líder dos Menestréis
Mensagens :
653

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Kalled C. Almeida em Qua 22 Jul 2015, 22:24



Music and forge

Josh
Era mais um dia tipicamente normal em minha forja, as vendas andavam devagar e os campistas não pareciam necessitar de grandes reparos em suas armas, ou seja, minha forja estava jogada às moscas. Porém nem tudo é como se espera, antes que pudesse fechar a forja por aquele dia uma visita atípica em meu local de trabalho, uma águia sobrevoava o acampamento e pousou em frente a minha forja, o animal carregava consigo um pacote e quando peguei o mesmo e o abri pude ver que dentro haviam alguns itens e uma carta do semideus Josh  filho de Zeus, o meu aliado em Los Angeles, ele havia comentado comigo algo sobre um projeto particular e agora mandava a águia com os itens e um bilhete para me lembrar de tal empreendimento.

Os itens que estavam em minha posse eram poderosíssimos, teria que ralar um pouco, mas conseguiria fazer aquilo que Kimoy me pedira, peguei a sua cota de malha, armadura de drakon, armadura de pégasus e o manto de pele de cobra d’água. O objetivo era fundir tudo aquilo em uma única armadura, deduzi que seria mais sensato derreter a armadura de drakon e banhar a de pégasus com este derretimento. Apanhei a armadura feita da pele  da criatura mitológica e pus em minha fornalha em uma temperatura extrema, enquanto  a armadura derretia apanhei a cota de malha e pus em outra fornalha em uma temperatura bastante elevada, precisava dela para fortalecer a armadura final, liguei a fornalha e depositei a cota lá dentro.

A parte mais difícil talvez fosse implantar a pele de cobra, mas talvez isso se facilitasse com o uso de um projeto antigo que eu vinha estudando, uma chance pequena de implantar peles em armas ou itens de defesa, a parte mais difícil era pela elasticidade que variava de pele para pele, mas neste caso não seria um problema, o manto era grande o suficiente para cobrir uma pessoa corpulenta logo seria grande o suficiente para ser usada na armadura, após alguns minutos a cota de malha já estava derretida o suficiente para banhar a armadura de pégasus, peguei o material derretido e levei até a bancada onde estava a armadura e despejei o liquido sobre o item, ao mesmo tempo em que fazia isso derramava água por cima isso permitiria que o líquido metálico se solidificasse na armadura.

Após terminar de banhar a armadura com a cota de malha, percorri até meu estoque e peguei quatro blocos de bronze sagrado e levei-os até a minha fornalha, coloquei os quatro dentro da fornalha e liguei o equipamento para começar o trabalho de fundição do material. Enquanto o bronze sagrado derretia no grande forno eu percorri atrás do material líquido gerado pela fusão da armadura de drakon, o líquido era viscoso e cor de ébano , apanhei o manto e cobri a armadura de pégasus com ele, assim que fiz isso derramei o material da armadura de drakon sobre o manto fazendo com que ele ficasse fixado na armadura e tornasse todos os itens de defesa em um só.

Após finalizar todo o banho comecei a derramar água gelada sobre a armadura para que o metal resfriasse, após 40 minutos de resfriamento a armadura final estava “pronta”, peguei meu martelo e comecei a bater nela com a finalidade de agitar os átomos envolvidos, assim a armadura poderia se tornar indestrutível, mas não era a única coisa que podia fazer, depois de finalizar as marteladas peguei uma lixa e comecei a lixar toda a armadura com a intenção de tirar todo o resquício metálico que não teria utilidade e assim possibilitar a leveza da mesma e por fim apliquei graxa alimentícia nas juntas da armadura assim a mesma sendo leve e estando lubrificada não produziria ruídos audíveis ao ouvido humano.


Após todo esse serviço coloquei a armadura na mesa e com um martelo e uma talhadeira desenhei uma águia segurando um raio em seu peito. Só faltava uma coisa, uma prece.


–Oh pai, sei que não sou digno de sua atenção, mas peço que o senhor esteja ao meu favor neste momento de necessidade, me ajude com esta armadura por favor colabore para que esta armadura se torne uma jaqueta e uma calça jeans. – assim que orei minhas mãos brilharam e ao tocar a armadura com elas a armadura brilhou tão forte que tive que fechar os olhos. Ao abri-los vi uma jaqueta e uma calça onde antes era a armadura.


Corri para o forno e peguei o bronze sagrado derretido e levei-o até uns moldes que estavam em minha bancada. Tratavam-se de moldes curvos, ou seja, perfeitos para o corpo de Saphira, enchi os quatro moldes e comecei a resfriar todos, após quase duas horas de resfriamento tirei as partes das armaduras que se assemelhavam com celas  e comecei a martela-las e para tornar as mesmas indestrutíveis, após isso comecei a lixar para tornar as mesmas mais leves, após isso com um maçarico uni as quatro celas e assim estava pronta a armadura de Saphira, peguei algumas chaves e comecei a trabalhar nas juntas da armadura ajustando alguns mecanismos e possibilitando que toda aquela armadura virasse apenas uma cela para que ficasse mais leve, ao completar o serviço encaixotei os dois objetos e entreguei para a águia pedindo que a mesma fizesse a entrega ao seu dono. Apanhei os itens que ele me mandara e voltei para meus outros afazeres.


Para Josh:
Acrescentar:
Armor thunder: [Fusão da Armadura de Drakon, Armadura de Pégasos, Cota de Malha e Manto de Pele de Cobra d’água Gigante; esta armadura feita de ouro branco magicamente modificado  essa armadura é composta de perneiras, braçadeiras e placas peitorais, mas ainda deixa boa parte do corpo exposta. Ela fornece ao usuário uma resistência de 50% em ataques mentais de nível igual ou menor e o deixa imune a leituras mental de oponentes mais fracos, bem como propicia uma redução a ataques elementais de 20%, sendo banhada pela cota de malha e pela armadura de drakon a mesma se torna impenetrável, ela também tem a habilidade de permitir ao seu usuário a respiração subaquática já que a mesma foi “fundida” com o manto de cobra, as mesmas aplicações são feitas, sendo que no caso da respiração o usuário fica  protegido por três turnos consecutivos, sendo que ao término do tempo o usuário deve encontrar um jeito de respirar (O2) para recuperar o fôlego, o tempo de recuperação é de quatro turnos. Por ser feita agora de uma “liga de materiais” sua cor é cinza e possui em seu peito uma águia segurando um raio entalhada. Transmuta-se em uma jaqueta e um par de calça jeans.] [ouro branco, magia, pele de drakon, pele de cobra d’água, aço negro, pele de píton ] [Elemento: magia e respiração subaquática] [nível mínimo: 100]

Armadura de Saphira [ Feita de bronze sagrado a mesma foi feita para ser indestrutível a ataque comuns e leve ao mesmo tempo, é feita especialmente para Saphira. Transmuta-se em uma cela] [bronze sagrado] [sem elementos] [ nível minimo:10]
Retirar:
Para fusão:
— {Armadura de Pégasos} / Armadura [Feita de ouro branco magicamente modificado com detalhes em vermelho vinho, essa armadura é composta de perneiras, braçadeiras e placas peitorais, mas ainda deixa boa parte do corpo exposta. Ela fornece ao usuário uma resistência de 50% em ataques mentais de nível igual ou menor e o deixa imune a leituras mental de oponentes mais fracos, bem como propicia uma redução a ataques elementais de 20%] [Ouro branco, magia] [Nível mínimo: 85] [Sem elementos]

— {Phantom Snake} / Cota de malha [Feita de aço negro e reforçada com a pele da poderosa Píton, essa cota de malha consiste basicamente em diversos elos entrelaçados. Graças aos seus materiais, ela é bastante resistente e tem sua eficiência aumentada em 25% se comparada às demais armaduras comuns, para fins de proteção.] [Aço negro, pele de Píton] [Nível mínimo: 15] [Sem elementos]

Armadura Dracônica.( A armadura é completa, sendo composta de elmo (capacete comum, sem visor), couraça (que protege o tronco do cavaleiro), grebas ( que protegem a parte inferior das pernas), manoplas (vulgo, luvas), espaldar (protegem o ombo), escarpe (sapato encouraçado), e pernas e braços da armadura. Feita de placas de bronze sagrado, acaba não sendo tão resistente a impactos, uma vez que modelos semelhantes costumam ser feito de aço, mais resistente, mas ainda oferece proteção contra armas de semideuses. As placas são revestidas por baixo por couro de drakon, reduzindo as chances de ser atingido nas junções da mesma em 50%, mas, como toda armadura, ainda possui brechas em suas ligações (mesmo entre o couro, uma vez que não é uma peça única). Pelo uso da manopla o semideus não consegue realizar tarefas que exigem coordenação fina, e o peso da armadura reduz sua agilidade, impedindo que nade e reduzindo a movimentação em voo o em locais que dependam de leveza, como pantânos e terrenos amolecidos em 50% (além das penalidades normais de terreno). É necessário retirar a armadura para dormir, ou não há recuperação em sono, além de uma taxa de cansaço cumulativo por dia de uso sem descanso, que amplia o gasto de MP para tarefas comuns em 50% (mas não gasto com poderes) [Bronze sagrado e couro de drakon] (Nível: 60

Manto de pele cobra d'agua gigante(Feito da pele de uma cobra d’água especial permite ao usuário respiração em baixo d'agua enquanto você esta debaixo dela, caso por algum motivo o semideus saia de sua proteção em algum lugar submerso em água o mesmo fica sem a capacidade instantaneamente, por isso é preciso se manter atento para evitar ser afogado em casos de incidentes, o manto protege por três turnos consecutivos, sendo que ao término do tempo o usuário deve encontrar um jeito de respirar (O2) para recuperar o fôlego, o tempo de recuperação é de quatro turnos.) {pele de cobra d’água} {respiração sub aquática} {nível mínimo: 40}

Para meu pagamento:
Antídoto para Veneno
- Garrafa de Néctar [3 porções de +20HP]
- Pena invisível de Harpia
- Tirso Dourado com Videiras[O Tirso serve quem o tem]
- Taça de Dioniso
- Aliança de Ouro e Prata com Diamante[Aliança feita de um aro de Aço Damasco, coberto de uma liga de Ouro e Prata, Indestrutível com um Diamante, os usuarios do par de Alianças estão ligados mental-sentimental-geoespacialmente, o que significa que um sabe exatamente onde o outro esta, como está, o que esta fazendo, por onde passou e o que fez]
- Lança de Garra de Fúria
- Chicote de Fúria [Flamejante]

Para Kalled:
Acrescentar:
Antídoto para Veneno
- Garrafa de Néctar [3 porções de +20HP]
- Pena invisível de Harpia
- Tirso Dourado com Videiras[O Tirso serve quem o tem]
- Taça de Dioniso
- Aliança de Ouro e Prata com Diamante[Aliança feita de um aro de Aço Damasco, coberto de uma liga de Ouro e Prata, Indestrutível com um Diamante, os usuarios do par de Alianças estão ligados mental-sentimental-geoespacialmente, o que significa que um sabe exatamente onde o outro esta, como está, o que esta fazendo, por onde passou e o que fez]
- Lança de Garra de Fúria
- Chicote de Fúria [Flamejante]
Retirar:
4x de bronze sagrado

[spoiler: Leia antes por favor] Considerar este post em troca do outro, pois neste post consta a Armadura de Drakon devidamente atualizada.[/spoiler]


copyright 2013 - All Rights Reserved for Larissa
Kalled C. Almeida
avatar
Líder dos Menestréis
Mensagens :
653

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por 124-ExStaff em Qua 29 Jul 2015, 15:14

Foi atualizado há um tempinho, mas esqueci de avisar. Peço desculpas. q
124-ExStaff
avatar
Indefinido
Mensagens :
299

Localização :
Casa Grande

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Ayla Lennox em Ter 13 Out 2015, 11:13

It's a Gift.
Music and Forge - Forja


Mais uma vez a garota caminhava até o corredor de forjas do acampamento. Se bem conhecia Kalled, a cria de Hefesto dificilmente deixava o lugar, o que a dava certa tranquilidade a respeito da rapidez na entrega de seus pedidos.

Avistando a placa de "Music and Forge" logo adentrou no recinto. Viu o outro semideus e o cumprimentou com um aceno e um sorriso enquanto ele caminhava até si.

- Como vai, Almeida? - Indagou. - Dessa vez eu tenho algo um pouco mais... Ambicioso para colocar em suas mãos, o que me diz? Acha que dá conta?

E logo mostrou ao forjador um pequeno papel com a descrição do que desejava. Na verdade, mais uma vez seria um presente.
Pedido:
♦ {Illya} / Autômato [Feita de metal mas sendo coberta com uma camada superficial de pelo alaranjado, o autômato possui uma semelhança quase perfeita com uma raposa, com exceção do material que realmente é feita e também as 7 caudas que possui. A kitsune robótica possui o tamanho um pouco maior do que uma raposa comum e nela foi imbuída a essência de fogo, permitindo que - até três vezes por evento - ela possa soltar uma bola do elemento que se expande e cria uma explosão com 2,5m de raio ou um ataque direto, semelhante a um lança-chamas. Suas garras são afiadas, permitindo golpes cortantes ou perfurantes, além de investidas e afins. A autômata recebe ordens apenas de seu dono - Jhonn Stark.] {Bronze Sagrado e Essência de fogo} (Nível mínimo: 35) [Controle sobre o fogo] {Recebimento: Presente de Ayla Lennox. Forjado por Kalled C. Almeida}

OBS: Atualizar no arsenal do Stark (Link aqui: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u15791 )
 

Thanks Tess
Ayla Lennox
avatar
Filhos de Selene
Mensagens :
1065

Localização :
EUA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Joseph S. Kerkoff em Qua 14 Out 2015, 00:05

eu só tô aqui porque tenho dracmas
roupas
Fazia um bom tempo desde que pisei naquela espelunca chamada acampamento pela última vez. Não que fosse voltar em definitivo para lá e deixar o álcool e as fodas casuais diárias de lado. Na verdade, só estava ali mesmo para dois Zés Ruelas que me acompanhavam nas quebradas.

Eu não era do tipo emocional, que se apegava aos outros, mas por mais que fossem um tanto idiotas, eram meus amigos - uns dos únicos que realmente tinha. Um deles tinha acabado de fazer aniversário, enquanto o outro faria em breve. Juntei o útil ao agradável e decidi dar um brinde pela ajuda de ambos.

Até então a mais movimentada dali, entrei na tal Music and Forge, não levando muito tempo ali. Já tinha em mente o que daria a Alaric e Andrew, apenas deixaria o presente e logo meteria o pé dali. Tinha uma loirinha me esperando no lado de fora.

- E aí, rapaz. Preciso que faça isso aqui. Por quanto sairia? - Entreguei um papel para o filho de Hefesto.


a ser forjado:

◆ {Charmander} / Autômato [Réplica robótica do pokemon de mesmo nome (se assemelha a um pequeno dinossauro bípede - apesar de não possuir chamas na cauda), é feito de bronze sagrado e tem um metro de altura. Suas garras e presas (do mesmo material) são bem afiadas, tendo um potencial de corte e perfuração similar ao de uma faca. Encantado com essência, possui a habilidade de cuspir fogo numa direção (abrangendo uma área de até três metros quadrados) e rajadas do mesmo elemento, que explodem ao colidirem com algo. Leal apenas ao seu dono, se transforma numa pokebola (pequena bola que cabe no bolso) com o comando do mesmo.][Material: Bronze Sagrado, essência de fogo][Nível mínimo: 40][Recebimento: Forjado por Kalled C. Almeida] - Para Alaric L. Carter

◆ {Banzay} / Autômato [Uma versão robótica de um carcaju adulto (semelhante a um urso), possui 1m e é feito de bronze sagrado. Tem presas e garras bem afiadas, tendo ótimo desempenho em cortes e perfurações. Ao comando do seu dono, pode dar descargas elétricas.][Material: Bronze Sagrado, essência de eletricidade][Nível mínimo: 15][Recebimento: Forjado por Kalled C. Almeida] - Para Andrew Hawke
Joseph S. Kerkoff
avatar
Filhos de Éolo
Mensagens :
440

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Kalled C. Almeida em Qua 14 Out 2015, 00:42



Music and forge

Pedidos
As atividades nas forjas nunca cessavam, e o mesmo ocorria aquela tarde, porém uma semideusa parecia se destacar e ela parecia ansiosa por seu pedido, Ayla estava me visitando mais uma vez e desta vez trazia um papel em suas mãos.

A filha de Selene me cumprimentou e entregou-me o papel, ao abrir o mesmo vi que o pedido da menina poderia ser trabalhoso, mas ao mesmo tempo sabia que a mentalista era influente entre os campistas e que talvez executar tal tarefa pudesse me tornar mais “conhecido”, olhei para sua bela face e respondi:

– Executarei o serviço pela quantia de cento e cinquenta dracmas, o que me diz?

Enquanto aguardava a resposta da menina eu fui surpreendido pela presença intrigante de um jovem que há muito eu não via, Ryan que outrora abandonara o acampamento agora parecia estar de volta e o mesmo estava trazendo um pedido consigo, o filho de Éolo se aproximou de mim e perguntou se eu podia realizar a forja de dois pedidos.

– Vou fechar os dois pedidos por 250, o que me diz?

Aguardei a resposta de ambos os semideuses.


copyright 2013 - All Rights Reserved for Larissa
Kalled C. Almeida
avatar
Líder dos Menestréis
Mensagens :
653

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Joseph S. Kerkoff em Qua 14 Out 2015, 01:00

eu só tô aqui porque tenho dracmas
roupas
Sorri assim que vi o forjador, cumprimentando-lhe. O preço que havia cobrado estava de bom tamanho, por isso logo tratei de assentir com a cabeça em resposta e tirar uns dracmas do bolso, colocando em seu balcão.

- Fechado. Agora tô indo, lá fora tem umas garotas bem gostosinhas. Você deveria ir também um dia desses. - Dei um tampinha em seu ombro. - Olha, mais tarde os donos virão aqui buscar. Alaric e Andrew. Fui.

Então virei-me após me despedir do menestrél e saí dali, já saindo também do próprio acampamento. Havia deixado um bilhete nos chalés dos dois, saberiam o que fazer quando chegasse a hora.


a ser forjado:

◆ {Charmander} / Autômato [Réplica robótica do pokemon de mesmo nome (se assemelha a um pequeno dinossauro bípede - apesar de não possuir chamas na cauda), é feito de bronze sagrado e tem um metro de altura. Suas garras e presas (do mesmo material) são bem afiadas, tendo um potencial de corte e perfuração similar ao de uma faca. Encantado com essência, possui a habilidade de cuspir fogo numa direção (abrangendo uma área de até três metros quadrados) e rajadas do mesmo elemento, que explodem ao colidirem com algo. Leal apenas ao seu dono, se transforma numa pokebola (pequena bola que cabe no bolso) com o comando do mesmo.][Material: Bronze Sagrado, essência de fogo][Nível mínimo: 40][Recebimento: Forjado por Kalled C. Almeida] - Para Alaric L. Carter

◆ {Banzay} / Autômato [Uma versão robótica de um carcaju adulto (semelhante a um urso), possui 1m e é feito de bronze sagrado. Tem presas e garras bem afiadas, tendo ótimo desempenho em cortes e perfurações. Ao comando do seu dono, pode dar descargas elétricas.][Material: Bronze Sagrado, essência de eletricidade][Nível mínimo: 15][Recebimento: Forjado por Kalled C. Almeida] - Para Andrew Hawke
Joseph S. Kerkoff
avatar
Filhos de Éolo
Mensagens :
440

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Ayla Lennox em Qua 14 Out 2015, 08:44

It's a Gift.
Music and Forge - Forja


Lennox sorriu ao ver que Kalled estava disposto a executar o serviço. Estendendo a mão em um mero gesto formal, cumprimentou o forjador de maneira animada.

- Por mim parece mais do que justo. Obrigada.

E logo em seguida, deixou a forja enquanto seguia o rumo até seu chalé mais tarde voltaria para buscar o mascote da prole de Héstia. Não se preocupou, sabia que o pedido seria feito por um forjador habilidoso.
Pedido:
♦ {Illya} / Autômato [Feita de metal mas sendo coberta com uma camada superficial de pelo alaranjado, o autômato possui uma semelhança quase perfeita com uma raposa, com exceção do material que realmente é feita e também as 7 caudas que possui. A kitsune robótica possui o tamanho um pouco maior do que uma raposa comum e nela foi imbuída a essência de fogo, permitindo que - até três vezes por evento - ela possa soltar uma bola do elemento que se expande e cria uma explosão com 2,5m de raio ou um ataque direto, semelhante a um lança-chamas. Suas garras são afiadas, permitindo golpes cortantes ou perfurantes, além de investidas e afins. A autômata recebe ordens apenas de seu dono - Jhonn Stark.] {Bronze Sagrado e Essência de fogo} (Nível mínimo: 35) [Controle sobre o fogo] {Recebimento: Presente de Ayla Lennox. Forjado por Kalled C. Almeida}

OBS: Atualizar no arsenal do Stark (Link aqui: http://percyjacksonrpgbr.forumeiros.com/u15791 )
 

Thanks Tess
Ayla Lennox
avatar
Filhos de Selene
Mensagens :
1065

Localização :
EUA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Kalled C. Almeida em Dom 01 Nov 2015, 01:25



Music and Forge

Autômatos por toda parte
Assim que ambos os pedintes aceitaram meu preço eu me dispus à execução do serviço, decidi que seria justo começa pelo pedido de Ayla, já que a mentalista fora a primeira à me fazer um pedido, o que ela havia solicitado parecia detalhista, porém possível de ser executado, recorri ao meu estoque de material e coletei 8 amostras de bronze sagrado, 2 de engrenagens, 4 de tinta, 4 de couro e uma essência de fogo. Após coletar todo o material levei-os até minha bancada de trabalho, primeiramente tratei das amostras de bronze sagrado, colocando as mesmas em um forno a 1050 graus Celsius temperatura ideal para a fusão do metal.

Enquanto o metal fundia no forno achei apropriado cuidar do revestimento do autômato, peguei todo o couro que havia coletado e com a ajuda de uma escova de aço penteei-o na intenção de eriçar qualquer pelo que ali houvesse, assim que todos os pelos contidos no couro estavam eriçados peguei os frascos de tinta laranja e espirrei o líquido nos pelos, após terminar de pintar estendi o couro em um lugar arejado para que a tinta secasse. Voltando para o forno percebi que todo o bronze sagrado estava derretido e maleável, apanhei em minha estante alguns moldes que lembravam a forma de uma raposa e depositei o liquido dentro desses moldes, porém ainda restava uma boa parte de bronze que seriam usadas para a confecção das caldas da criatura.

Levei os moldes do corpo da raposa até o compressor que daria conta de resfriar o metal, e apanhei pequenos moldes que lembravam uma cauda de animal ondulada, ao total usei sete moldes e ao terminar de despejar o bronze derretido levei os moldes para o compressor também. Aguardei meia hora para que pudesse retirar os moldes, assim que o tempo chegou ao fim coletei todos os moldes do corpo do autômato e os levei para bancada.

Com cuidado removi as partes de dentro dos moldes e as lixei com uma lixa de palha de aço, a intenção era diminuir ao máximo o peso da raposa tirando todo o excesso de material desnecessário, em seguida peguei as pernas raposa e lixei as garras para que as mesmas ficassem pontiagudas e retas e pudessem ser usadas tanto como garras perfurantes quanto garras cortantes e por fim encaixei as partes, liguei a cabeça e o tronco, depois conectei as quatro patas e por fim liguei as caudas. A raposa estava montada e tudo que me restava era “dar vida” para a mesma. Ao abrir a boca da mesma inseri as duas engrenagens, porém as encaixei para que girassem em sentidos opostos, a do canto direito giraria no sentido horário e a do esquerdo giraria no sentido anti horário e para um melhor desempenho na rotação das engrenagens dei torque em ambas, logo após isto abri a essência de fogo e depositei o fluido dentro da raposa por sua boca, assim toda vez que as engrenagens girassem em sentido opostos o fogo seria ativado e o mesmo circularia em um eixo imaginário permitindo a criação de uma bola de fogo que a própria raposa poderia cuspir causando uma explosão de cerca de 2,5 metros de raio, mas ao comando de seu dono a raposa poderia apenas ignorar isto e cuspir o fogo como um simples lança chamas.
Para finalizar o trabalhei apanhei o couro que já estava com a tinta seca e criando pequenos pontos de solda com meus dedos enxertei o couro ao longo do corpo da mascote e por fim fiz uma prece a meu pai pedindo que me ajudasse no processo final.

– Pai peço-te humildemente que me ajude a dar vida a esta criatura e assim possa demonstrar uma das criações que só teus filhos podem fazer.- de repente minhas mãos iluminaram-se e senti o corpo da criatura aquecer e ele se mexer, foi neste momento que percebi que havia concluído meu trabalho. Entreguei a raposa para Ayla e apanhei meu pagamento, assim que a semideusa saiu do recinto voltei meu foco para executar os pedidos do filho de Éolo.

Corri até minhas estantes e apanhei seis amostras de bronze sagrado que usaria para confeccionar os autômatos mirins, levei todo o material até minha caldeira e os pus dentro da mesma na temperatura adequada de 1050 graus Celsius.

Enquanto o sagrado metal fundia na caldeira preocupei-me em buscar alguns pequenos moldes que serviriam adequadamente para a montagem do corpo dos dois autômatos, pegou moldes que lembravam o corpo de um pequeno lagarto bípede e moldes que lembravam o corpo de um carcaju pequeno e os deixou em sua bancada, aguardou pacientemente até o que metal dentro do grande forno derretesse e ficasse completamente maleável, assim que tal coisa ocorreu tomei cuidado para remover todo líquido de minha caldeira e levar até os moldes. Com o auxilio de um pequeno recipiente levei a substância até os moldes e após terminar o despejo nos moldes, fechei-os e levei os mesmo até meu resfriador.

Enquanto as máquinas criavam forma dentro de seus moldes com a ajuda do resfriador eu apanhava as essências de relâmpago e fogo e levava até minha bancada aguardando o momento de utilizá-las, após meia hora tirei os moldes do resfriador e os levei até minha bancada, comecei abrindo o molde do Charmander e tirando o pequeno lagarto bípede de lá, com a ajuda de um esmeril afinei os grossos braços do tal lagarto afim de que o mesmo ficasse mais fino e parecido com um pequeno tiranossauro, em seguida peguei um esmeril elétrico e portátil e trabalhei nas garras do animal lixando suas laterais e curvando as pontas, assim as mesmas ficariam cortantes e perfurantes ao mesmo tempo. Ao final do processo peguei a essência de fogo e depositei na boca do lagarto, assim ele poderia cuspir fogo em forma de lança-chamas ou em rajadas pequenas, momentos depois da essência se impregnar na criatura fiz uma prece a meu pai.

– Pai mais uma vez te peço que me ajudes, preciso dar vida a esta criatura  e além disso preciso transformar a mesma em uma pequena esfera icônica. – minhas mãos começaram a emitir um brilho branco e toquei o pequeno robô, foi neste momento que ele emitiu sinal de vida e logo após começou a diminuir seu tamanho até assumir o tamanho de uma pokébola. Pronto trabalho feito.

Tratei de cuidar do carcaju, tirei o ser do molde e lixei todo seu corpo para tirar qualquer excesso de metal desnecessário, em seguida cuidei se suas garras lixando para que as mesmas ficassem afiadas. O carcaju não daria problemas na confecção, apanhei a essência de relâmpago e despejei a mesma no interior do animal, ao final do processo fiz a prece final.

- Pai por uma última vez eu peço que me ajudes, desta vez será a última mesmo, ajude-me a dar vida a este autômato. – mais uma vez minhas mãos brilharam e pude sentir a vida naquela criatura. Por fim entreguei os autômatos para o filho de Éolo e recolhi meu pagamento.


acréscimos e retiradas:


Ayla Lennox::

Acrescentar na conta de Jhonn Stark:
♦ {Illya} / Autômato [Feita de metal mas sendo coberta com uma camada superficial de pelo alaranjado, o autômato possui uma semelhança quase perfeita com uma raposa, com exceção do material que realmente é feita e também as 7 caudas que possui. A kitsune robótica possui o tamanho um pouco maior do que uma raposa comum e nela foi imbuída a essência de fogo, permitindo que - até três vezes por evento - ela possa soltar uma bola do elemento que se expande e cria uma explosão com 2,5m de raio ou um ataque direto, semelhante a um lança-chamas. Suas garras são afiadas, permitindo golpes cortantes ou perfurantes, além de investidas e afins. A autômata recebe ordens apenas de seu dono - Jhonn Stark.] {Bronze Sagrado e Essência de fogo} (Nível mínimo: 35) [Controle sobre o fogo] {Recebimento: Presente de Ayla Lennox. Forjado por Kalled C. Almeida}
Retirar da conta de Ayla:
150 dracmas

Ryan Lichtter:

Acrescentar na conta de Alaric L. Carter:
Charmander} / Autômato [Réplica robótica do pokemon de mesmo nome (se assemelha a um pequeno dinossauro bípede - apesar de não possuir chamas na cauda), é feito de bronze sagrado e tem um metro de altura. Suas garras e presas (do mesmo material) são bem afiadas, tendo um potencial de corte e perfuração similar ao de uma faca. Encantado com essência, possui a habilidade de cuspir fogo numa direção (abrangendo uma área de até três metros quadrados) e rajadas do mesmo elemento, que explodem ao colidirem com algo. Leal apenas ao seu dono, se transforma numa pokebola (pequena bola que cabe no bolso) com o comando do mesmo.][Material: Bronze Sagrado, essência de fogo][Nível mínimo: 40][Recebimento: Forjado por Kalled C. Almeida]

Acrescentar na conta de Andrew Hawke:
{Banzay} / Autômato [Uma versão robótica de um carcaju adulto (semelhante a um urso), possui 1m e é feito de bronze sagrado. Tem presas e garras bem afiadas, tendo ótimo desempenho em cortes e perfurações. Ao comando do seu dono, pode dar descargas elétricas.][Material: Bronze Sagrado, essência de eletricidade][Nível mínimo: 15][Recebimento: Forjado por Kalled C. Almeida]

Retirar de Ryan:
250 dracmas

Kalled C. Almeida:


Acrescentar a minha conta:
150 dracmas vindos de Ayla
250 dracmas vindos de Ryan

Retirar de minha conta:
14x de bronze sagrado
4 x de couro
4x de tinta
2x de engrenagem
1x de essência relâmpago
2x de essência de fogo
OBS: Atualizar somentes após atualização da loja de materiais




copyright 2013 - All Rights Reserved for Larissa
Kalled C. Almeida
avatar
Líder dos Menestréis
Mensagens :
653

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Edward W. Kimoy em Dom 08 Nov 2015, 12:54




"Que tal colocar uma roupa decente nesse seu avatar, mocinho(a)?"

Bailinhos do coreto:

Edward W. Kimoy
avatar
Menestréis
Mensagens :
623

Localização :
Chalé 11

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Franz H. Baudelaire em Dom 08 Nov 2015, 17:11



Forja




Tyler revirava a ametista em suas mãos, pensando no que poderia fazer com ela. Esconder a pedra no bolso era algo ruim, já que a maioria das coisas que um semideus faz exige agilidade, e uma ametista pulando para todos os lados só atrapalharia sua situação.

O semideus decidiu ir até a grande ala das forjas. Sabia, por indicação de sua mestra, de um filho de Hefesto que poderia resolver seu problema. uma construção com a placa "Music And Forge" chamou a atenção do rapaz. O semideus é menestréu de Orfeu, exatamente como Ayla me indicou.

Entrando no local, viu que algumas pessoas já saiam da forja com seus devidos pedidos. Aquilo animou Tyler, pois era mais um voto de confiança que depositava no forjador. Chegando no balcão, ele tirou a pedra do bolso e sorriu para o menestréu.

- É... oi - ele estava um pouco tímido, era sua primeira vez em um lugar como aquele. - Eu queria dar um jeito nessa pedra, sabe? Talvez transformar em um colar, para facilitar minha locomoção com ela. O que acha?

objeto antes da modificação:


{Ametista}/ [A joia foi resgatada por Tyler após aceitar o serviço imposto a ele e possui um efeito que, ao ser apontada para o inimigo, obscurece sua visão por um turno. Vale deixar claro que personagens que conseguem ver no escuro não são afetados pelo item. Mediante DIY ou pedido em forja, pode ser incrustado em forma de colar ou amuleto, facilitando assim seu uso e repouso no corpo do semideus.] {Materiais: Ametista}(Nível mínimo: 1){Elemento sombra}[Recebimento: "Caça ao mineral encantado", avaliado por Ares e atualizado por Asclépio]

objeto depois da modificação:
{Noctus}/ [Colar de bronze com uma meia-esfera de ametista como pingente. Possui um efeito que, ao ser apontada para o inimigo, obscurece sua visão por um turno. Vale deixar claro que personagens que conseguem ver no escuro não são afetados pelo item.] {Materiais: Ametista e bronze}(Nível mínimo: 5){Elemento sombra}[Recebimento: "Caça ao mineral encantado", avaliado por Ares, atualizado por Asclépio e adaptado por Kalled C. Almeida]


Onde: CHB Com quem? Lembranças Post: 001 Vestindo: Isso


Thanks @ Lilah CG
Franz H. Baudelaire
avatar
Curandeiros de Asclépio
Mensagens :
112

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Bianca H. Somerhalder em Seg 09 Nov 2015, 19:15

forja
we just wanna make the world dance

POST I

A
filha de Selene entrou na forja observando tudo ao redor, com um pouco de receio. Nunca havia ido a uma dessas antes, então não sabia o que fazer. Carregava apenas um papel com as descrições das coisas que queria; achava que, provavelmente, não ia ficar muito barato.

Se apoiando no balcão, se dirigiu ao garoto que estava parado à sua frente.

— E aí, cara? — Estendendo o papel para ele, levantou as sobrancelhas. — Dá pra fazer isso aqui pra mim? É um presente.

Sorriu de forma irônica e deu de ombros, tentando dizer que sim, estava gastando dinheiro com outra pessoa. Certamente ele não ligava, só queria receber mesmo.

Observando um outro garoto que estava ali, Hale esperou.


hello:

☼ {Lightning} / Besta [Feita de aço negro, a besta é uma arma com a aparência de uma espingarda, porém possui um arco — de flechas — conectado ao lado oposto da coronha, que quando acionada por um gatilho atira virotes (dardos parecidos com flechas, porém menores) entre 180 e 200 metros. O portador, quando vai usá-la, normalmente a apoia sobre o ombro, para que tenha uma melhor visão do alvo.] {Aço negro} (Nível mínimo: 20) [Não controla nenhum elemento] {Recebimento: Presente de Bianca H. Somerhalder, forjado por Kalled C. Almeida}

☼ {Light} / Virotes [25 virotes feitas de bronze sagrado, combinadas com a essência de relâmpago. Quando em contato com o alvo, fazem com que a eletricidade percorra o seu corpo. Consequentemente, a vítima toma choques com uma força mediana, que tiram 5% de seu hp.] {Bronze sagrado} (Nível mínimo: 20) [Relâmpago] {Recebimento: Presente de Bianca H. Somerhalder, forjado por Kalled C. Almeida} > adicionar as duas coisas na ficha do Andrew Hawke [CLICA]

¥



Bianca H. Somerhalder
avatar
Filhos de Selene
Mensagens :
453

Localização :
Los Angeles

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Kalled C. Almeida em Qui 12 Nov 2015, 15:39



Music and forge

Clientes
Kalled estava novamente com clientes, desta vez um menino que ainda não havia sido reclamado e um filha de Selene que raramente era vista no acampamento o visitavam, Almeida escutava atentamente os pedidos e calculava o gasto mentalmente, ao terminar de pensar nisso ele disse:

– Bom, Tyler seu pedido lhe custará quarenta dracmas e o seu Bianca lhe custará duzentos, o que me dizem?

Isso mesmo, Kalled estava de volta ao trabalho mais uma vez.



copyright 2013 - All Rights Reserved for Larissa
Kalled C. Almeida
avatar
Líder dos Menestréis
Mensagens :
653

Localização :
Residindo em Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Franz H. Baudelaire em Sex 13 Nov 2015, 16:22



Forja




Antes de responder ao forjador, o indefinido reparou que uma garota também fazia um pedido. Sua postura corporal e sua atitude fizeram a memória de Tyler associar imediatamente a imagem da semideusa à de sua mestra, Ayla. Possivelmente elas eram irmãs, mas não cabia ao rapaz tirar essas conclusões sozinho.

- Acho que é um preço justo - ele tirou do bolso as dracmas e sorriu. - Gostei de você, Kalled. Esse lugar, essa essência. Tudo aqui parece tão bem organizado quanto o dono.

objeto antes da modificação:


{Ametista}/ [A joia foi resgatada por Tyler após aceitar o serviço imposto a ele e possui um efeito que, ao ser apontada para o inimigo, obscurece sua visão por um turno. Vale deixar claro que personagens que conseguem ver no escuro não são afetados pelo item. Mediante DIY ou pedido em forja, pode ser incrustado em forma de colar ou amuleto, facilitando assim seu uso e repouso no corpo do semideus.] {Materiais: Ametista}(Nível mínimo: 1){Elemento sombra}[Recebimento: "Caça ao mineral encantado", avaliado por Ares e atualizado por Asclépio]

objeto depois da modificação:
{Noctus}/ [Colar de bronze com uma meia-esfera de ametista como pingente. Possui um efeito que, ao ser apontada para o inimigo, obscurece sua visão por um turno. Vale deixar claro que personagens que conseguem ver no escuro não são afetados pelo item.] {Materiais: Ametista e bronze}(Nível mínimo: 5){Elemento sombra}[Recebimento: "Caça ao mineral encantado", avaliado por Ares, atualizado por Asclépio e adaptado por Kalled C. Almeida]


Onde: CHB Com quem? Lembranças Post: 001 Vestindo: Isso


Thanks @ Lilah CG
Franz H. Baudelaire
avatar
Curandeiros de Asclépio
Mensagens :
112

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Bianca H. Somerhalder em Sex 13 Nov 2015, 18:29

forja
we just wanna make the world dance

POST II

B
ianca já estava esperando um preço tipo aquele, então não ficou surpresa. Somente deu de ombros, sorrindo em seguida. Era um presente especial, qual o mal em gastar dracmas?

— Hm, ok — se afastou do balcão e se sentou do outro lado da forja, visando esperar. —Pode fazer.

hello:

☼ {Lightning} / Besta [Feita de aço negro, a besta é uma arma com a aparência de uma espingarda, porém possui um arco — de flechas — conectado ao lado oposto da coronha, que quando acionada por um gatilho atira virotes (dardos parecidos com flechas, porém menores) entre 180 e 200 metros. O portador, quando vai usá-la, normalmente a apoia sobre o ombro, para que tenha uma melhor visão do alvo.] {Aço negro} (Nível mínimo: 20) [Não controla nenhum elemento] {Recebimento: Presente de Bianca H. Somerhalder, forjado por Kalled C. Almeida}

☼ {Light} / Virotes [25 virotes feitas de bronze sagrado, combinadas com a essência de relâmpago. Quando em contato com o alvo, fazem com que a eletricidade percorra o seu corpo. Consequentemente, a vítima toma choques com uma força mediana, que tiram 5% de seu hp.] {Bronze sagrado} (Nível mínimo: 20) [Relâmpago] {Recebimento: Presente de Bianca H. Somerhalder, forjado por Kalled C. Almeida} > adicionar as duas coisas na ficha do Andrew Hawke [CLICA]

¥



Bianca H. Somerhalder
avatar
Filhos de Selene
Mensagens :
453

Localização :
Los Angeles

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Franz H. Baudelaire em Ter 15 Dez 2015, 21:09

Postando aqui para cancelar meu pedido. Desculpe, Kalled D:
Franz H. Baudelaire
avatar
Curandeiros de Asclépio
Mensagens :
112

Localização :
Acampamento Meio-Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Music and Forge- Forja de Kalled C. Almeida

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum